Charlie Hebdo, jornal que foi alvo de ataque de extremistas islâmicos, também satirizava Jesus e o cristianismo

30

O jornal francês “Charlie Hebdo” despertou a ira de militantes islâmicos por publicar charges do profeta Maomé e outros líderes muçulmanos e foi alvo de um ataque nesta quarta feira. Pelo menos 12 pessoas morreram e 11 ficaram feridas no ataque, realizado por homens armado. Porém, a publicação não é tão “anti-islã” quanto os militantes afirmam, e também faz sátiras de Jesus e do Cristianismo.

Segundo fontes policiais, os autores do ataque ao escritório da revista, em Paris, portavam rifles Kalashnikov e gritaram “Vingamos o Profeta!”, em referência a Maomé, alvo constante de charges publicadas pelo jornal.

A capa da última edição do “Charlie Hebdo” publicada antes do ataque traz uma caricatura do escritor francês Michel Houellebecq. Seu último livro, “Submissão”, tem como cenário uma França governada por um presidente muçulmano.

– Em 2015, eu perco meus dentes. Em 2022, eu faço o Ramadã – diz o escritor no desenho, em referência ao ato religioso realizado pelos seguidores do Islamismo.


Conhecida por sua controversa postura anti-religião e amplamente anti-establishment, a Charlie Hebdo defende o seu “direito de blasfêmia”, nas palavras (e desenhos) de Bernard Velhac, conhecido como Tignous, um dos cartunistas mortos no ataque terrorista.

Em 2011 durante a controvérsia sobre uma edição que também causou polêmica entre islâmicos, e motivou um ataque a bomba no escritório da publicação, o editor da revista comentou que o “Charlie Hebdo” havia sido processado 13 vezes por organizações católicas, mas apenas uma vez por um muçulmano.

– Nós publicamos caricaturas a cada semana, mas as pessoas só descrevê-los como declarações de guerra quando é sobre a pessoa do Profeta ou o Islã radical – afirmou o cartunista Stéphane Charbonnier, conhecido como Charb, em 2012. Charbonnier também foi morto durante o ataque.

A última charge publicada por Charbonnier no “Charlie Hebdo” foi classificada por muitos como “profética” após o ataque, e tinha como título “Ainda não houve ataques na França” e mostrava um militante islâmico dizendo: “Espere! Ainda temos até o fim de janeiro para apresentar nossos votos”, em uma alusão aos desejos de Ano Novo.

30 COMENTÁRIOS

    • REINALDO
      VOCE NÃO É AQUELE CATÓLICO QUE VIVE AQUI DEFENDENDO SUA RELIGIÃO? COMO PODES DIZER UMA COISAS DESTAS, QUER DIZER QUE O LIVRE ARBÍTRIO QUE DEUS NOS DEU É SE FAZER ALGO QUE NÃO GOSTO MATEM….

      • Não clamando…

        eu sou o Reinaldo.. Cristão que conheço e pertenço a Igreja Católica e que quando algum protestante aparece aqui com o unico intuito de atacar algo que não conhece em minha Igreja, eu explico o que realmente ela prega.

        mas a tempos passei apenas a observar o site, já que me deparei com muita desonestidade por parte de alguns internautas…

        mas o o site, ao que vejo, autoriza mais de um internauta usar o mesmo nome, já que eu já havia me deparado com esse “Reinaldo” em outras noticias.

        mais um motivo para que eu me mantenha distante desta parte do debate.

        mas estou sempre presente no debate via conta do facebook no chat acima.

        t+

        • Então está explicado, mas mesmo assim se não é católico e sendo Cristão são pesadas tua critica, se fosse ao contrário até entenderia pois os mulçumanos produzem terror em nome de ala, pois o deus deles não existe, mas o nosso é o Deus vivo e não precisa que nós o defendamos deles..
          Fique na paz.

    • Mais um fundamentalistas cristão, simpatizante do fundamentalismo do Islã, não digo que o logo logo teremos crentes bombas.
      Dá nojo de ler tua resposta Reinaldo.

      • Não é necessário, já apareceram dois idiotas com comentários imbecis… VOCÊ E O TAL DO REGIS

        Quem, sendo cristão ou mesmo sem ter alguma crença vai defender uma barbárie dessa?

      • Elder Lima, vá pagar dízimo para ver se recebe uma “bença” e monta sua própria empresa de segurança. Vá, seu incompetente que só consegue alguma coisa na vida com intercessão divina. Se fosse ateu, garanto que seria próspero. Todos os ateus que eu conheço (inclusive os profissionais mortos pelos fanáticos religiosos) tem muito talento e ótimo padrão de vida.

        .

        • Mauro

          Entre um ateu idiota(que é o seu caso), e um crente esforçado que ganha o pão do suor do trabalho, fico com a segunda opção.

          No caso das BENÇÃOS, eu já sou abençoado todos os dias, Deus me deu uma esposa linda e filhos maravilhosos, quer BENÇÃO maior que essa?

          Pode ficar com seu ateísmo idiota, e lhe desejo sorte. Acho que você vai precisar, e muito…!

          kkkkk!!!!!

  1. Fazer chacota da fé dos outros, seja ela qual for, vende jornal, mas não é correto. Mas matar pessoas porque elas fazem chacota de sua fé é INSANO e ESTÚPIDO! E mais ESTÚPIDO E INSANO ainda, é matar quem nem mexe com você, mas pensa diferente de você e você tem medo dessas pessoas por causa disso, que é o caso dos radicais islâmicos, que matam, mutilam, torturam, prendem e expulsam cristãos em países de maioria muçulmana.

  2. Na verdade o fundamentalismo brasileiro é “político é sorrateiro e claro hipócrita” , claro não vemos cristãos matando, mas mas mas…
    Não deixar a LEI DE CRIMINALIZAÇÃO DA HOMOFOBIA passar no Congresso.Em um pais campeão em assassinatos de homossexuais mortos apenas por não serem héteros.
    É sim dar o direito aos criminosos de matar e não serem punidos, então pela lógica os cristãos fundamentalistas, são sim culpados pelo sangue derramado, não de 12 mais de milhares.
    Não são autores dos crimes , mas dão carta branca para que eles aconteçam, desta forma são coautores, já vimos de muitos fundamentalistas ameaças de morte ao homossexuais, e alegria destes ao vêr a matança que acontece em nosso pais.
    Todos da bancada evangélica são sim, culpados pelas mortes visto que não querem criminalizar os assassinos, desta forma compactuam com eles.

    • “Em um pais campeão em assassinatos de homossexuais mortos apenas por não serem héteros.”

      kkkkkkkkkkkkk
      onde isso, amigão? são os namoradinhos que matam…
      sua corja de ativistas que culpam para não precisar trabalhar….

      mas, darei o beneficio da explicação: mostre aí quantas bicholas foram mortas apenas por não serem heteros (comprovado).
      Pode colocar os links abaixo (sem pontos ou http, para não ser bloqueado)

      Escolhamos o mês de dezembro, onde há bagunça e festas… mostre , no mínimo, uns 10 casos (lembre-se: COMPROVADOS)… desse país… CAMPEÃO em caçar veados nojentos

      Não queira mudar de assunto, dizendo “a morte espiritual é maior..” pq isso é viadagem pura.. até pra vcs.

      no aguardo

  3. Eu apoio e continuo apoiando os extremistas neste caso,torço até para a destruição total deste ” jornal ” para aprender a respeitar o nosso Deus o Todo Poderoso e as outras diversas religiões. E outra coisa, todo dia tem ataques terroristas pelo mundo a fora, mas agora só por causa que ocorreu na França temos que ficar puxando saco ? Nao entendem por mal irmãos, mas de Deus ninguém zomba.

  4. GENTE AS AUTORIDADES INTERNACIONAIS DEVEM MESMO COMBATER O TERRORISMO

    PRINCIPALMENTE A FORMAÇAO DE UM ESTADO ISLAMICO IMAGINEM APROPORÇAO FORAM SEGUNDO OS MEIOS DE COMUNICAÇAO MOBILIZADOS 90.000 AGENTES PARA NEUTRALIZAREM 4 TERRORISTAS IMAGINEM UMEXERCITO DESSES CARAS!!!!!

  5. QUAL FOI A ORIENTAÇÃO DE JESUS CRISTO NO QUE DIZ RESPEITO A ESSA SITUAÇÃO ? QUE AGISSEMOS À SEMELHANÇA DOS MUÇULMANOS, VISTO ATACAREM ELES TAMBÉM À PESSOA DE JESUS CRISTO ?

  6. Me desculpe, mas evangélicos não tem moral nenhuma pra falar dos muçulmanos xiitas, visto que a ação deles é semelhante, a diferença é que os irmãos do oriente tem armas e sangue nos olhos, os evangélicos tem olhos de inveja e língua de cobra.

  7. LIVRE ALBITRO . O OUE PLANTAS ,COLHES. SEJA O BEM OU O MAL. O BEM TE ENGANDESSE E O MAL REBOTA E VOLTA A TI. CRIATURA ATREVIDA. DE DEUS NAO SE ZOMBA ELE E O SENHOR DE SENHORES.. A ELE ADORACAO E GLORIA , DIANTE DELE SE DOBRAO OS JOELHOS SE POSTRAM CABECAS . SOU CATOLICA E IMPLORO MISERICORDIA DE DEUS PARA AMBAS AS PARTES. A FALTA DE DEUS OS SEGOU E SE DESTUIRAM POR SI MESMOS QUE DEUS SE APIADE DELES PORQUE NAO SABEM O QUE FAZEM. POBRES IGNORANTE.

  8. “A religião é o ópio do povo”, diz uma frase de velhos pensadores. Permanece verdadeira até hoje. Qual a diferença entre as Cruzadas, a Inquisição e o jihadismo atual? Nenhuma na essência. Tanto uns como outros usaram, e usam, a religião como justificativa para atrocidade desmedidas.

  9. Eu não sou Charlie.

    Um periódico francês chamado Charlie Hebdo é especialista em publicações sujas e de baixo nível, a título de liberdade de expressão.

    Sua especialidade é ofender a Nosso Senhor Jesus Cristo e sua Igreja, através de charges altamente imundas e ofensivas, do pior modo que a imaginação humana pode alcançar. São simplesmente impublicáveis.

    Através desses anos, rechearam suas publicações com essas ofensas contra todos os valores possíveis, mas principalmente contra a minha Igreja Católica.

    Publicaram também imundices contra a religião de modo geral, incluindo o judaísmo e o islã. No entanto, esses últimos reagiram de modo bem diferente dos cristãos, que levantaram 13 processos na justiça francesa contra o jornal, e dois radicais franco-argelinos islâmicos perpetraram um ato terrorista típico deles, matando 12 pessoas da redação do jornal, além de um policial.

    Acabaram sendo perseguidos e mortos pela polícia.

    Digamos que eu me aproveitasse de uma das bandeiras defendida pelo Charlie Hebdo e dissesse: “bem feito, todos esses terroristas, tanto islâmicos como cartunistas, devem estar agora no inferno.”

    Seria a minha liberdade de expressão que me impeliu a dizer isso.

    E é obvio que o 5º mandamento nos impede de sair por aí matando os desafetos, mesmo que esses sejam uns porcos imundos (de novo, é a minha liberdade de expressão falando).

    O fato é que não podemos apoiar atos criminosos de qualquer espécie. É imoral declarar apoio ao crime, por isso o meu “bem feito” acima só serviria para chocar. Gostar disso e fazer chacota só me tornaria igual ao terrorista da caneta.

    Qualquer cristão digno desse nome, nesse momento, só pode pedir a Deus misericórdia pelas almas desses coitados. É a atitude digna a ser tomada por qualquer ser civilizado, diametralmente oposta à atitude de defensor radical da liberdade de expressão.

    Leio nesse momento torrentes de desinformação da mídia tentando defender a comunidade islâmica, culpando o Ocidente, o cristianismo, a direita européia, a escravidão, a homofobia, os nazistas, etc., e um monte de outras besteiras tentando misturar fatos e manter uma visão “politicamente correta” da esquerda.

    O fato é que a violência é pregada no Alcorão, que diz que os infiéis devem ser mortos ou escravizados. E assim como a nossa Bíblia, se não tiver a explicação do Autor, pode se interpretar de qualquer modo, até de modo violento. O autor da Bíblia é Deus, o do Alcorão não sei.

    Por isso a Igreja sabiamente sempre deu a interpretação da Revelação escrita, conforme ordem de Nosso Senhor aos Apóstolos: Ide e ensinai.

    Existe sim uma tradição assassina islâmica na história, e por mais que não haja unidade dos muçulmanos quanto a essas violências, é uma tendência muito forte deles, quem sabe até predominante. Talvez só o comunismo ateu tenha feito mais vítimas na história do que o Islamismo.

    Recomendo a leitura do livro “Muslins Masters, Christians Slaves” de Robert C. Davis, para se ter uma leve noção da perseguição islâmica contra os cristãos. Mostra que no período de 1500 a 1800, mais de um milhão de cristãos europeus foram escravizados pelos muçulmanos do Norte da África (North Africa’s Barbary Coast).

    Não tenho dúvidas de que essas tragédias religiosas com o Islã vão continuar acontecendo, para castigo de uma Europa liberal, cujos cidadãos outrora cristãos, não querem mais ter filhos e sim cachorros.

    Os europeus dentro de cinquenta anos serão muçulmanos em sua maioria. Mesmo assim não haverá paz, pois não há paz sem Cristo.

  10. temos tantas coisas importantes aqui para resolvermos. Eu queria que os políticos ajudassem mais, fizessem pelo povo o que é de direito, não teríamos tanta desgraça, se olhar bem, todo dinheiro desviado mudaria muita coisa, pediria união entre nós, sacrifício pelo próximo.
    É engraçado mas temos tudo para sermos bem sucedidos, e não acontece, nosso atual governo falava da ditadura, chora quando fala da comissão da verdade. Por favor comecem a querer melhorar não se acomode, se nos juntarmos seremos vencedores. Quanto ao cartunista não soube aproveitar seu dom, o criador deu livre escolha, se você pensar bem vai ver que cada um faz o seu destino deus sabe o que vai acontecer, assim como podemos ver a morte certa do traficante na indonésia, é assim escolheu um caminho que não deveria, pense antes de fazer tente imaginar o resultado dessa forma já evita um pouco pegar estrada errada. FIQUEM COM DEUS

DEIXE UMA RESPOSTA