Deputado conclama cristãos a orarem colocando “governantes ímpios” nas mãos de Deus; Assista

9

O deputado federal Benvenuto Daciolo (sem partido-RJ) fez um discurso no Plenário da Câmara dos Deputados convocando os cristãos do país a orarem entregando as autoridades nas mãos de Deus.

Sua conclamação para que os “governantes ímpios” sejam colocados nas mãos de Deus através de um clamor nacional é, expressamente, um anseio por justiça, já que o deputado menciona o sofrimento do povo em seu discurso.

“Quero convidar os nobres parlamentares, e a nação brasileira, para um grande clamor ao Senhor, no dia 30 de março, a partir das 17h00. Vamos clamar ao Senhor, colocar as autoridades, os governantes ímpios e sem discernimento na mão do Senhor. Eu estou falando da presidente Dilma, do vice-presidente Michel Temer, do [senador] Renan Calheiros, do [deputado federal] Eduardo Cunha, do [governador Luiz Fernando] Pezão, e muitos outros”, introduziu Daciolo.

Na sequência, o parlamentar – eleito em 2014 para seu primeiro mandato – referiu-se às autoridades “ímpias” como “aqueles que fazem o povo gemer, o oprimem”, e disse que os escândalos protagonizados por eles são resultado da falta de “temor ao Senhor”.


“Esqueceram que o fôlego de vida quem dá é Deus”, afirmou o deputado. “Com quem é a nossa luta? Estamos lutando com autoridades, com poderes… Nós estamos lutando contra os dominadores desse mundo de trevas, contra a força espiritual do mal, que veio pra matar, roubar e destruir. Mas eu quero dizer que o meu Deus é maior”, acrescentou.

Assista:

Assine o Canal

Ousadia

Essa não é a primeira vez que o deputado cabo Daciolo fala sobre colegas e autoridades de outros poderes. Em outubro de 2015, ele exortou o presidente da Câmara, Eduardo Cunha, integrante da bancada evangélica, a mudar de postura.

“Ao presidente [da Câmara] Eduardo Cunha: o senhor não está sozinho. O senhor não está sozinho nesta lama de corrupção do nosso país. O senhor não está sozinho como um homem que diz ser evangélico, homem de Deus, envolvido com corrupção. E dizer também a alguns membros da bancada evangélica: vigiem, porque o nosso Deus não é Deus para ficar brincando, e nada está oculto aos olhos d’Ele”, afirmou, à época.

Posteriormente, em dezembro do ano passado, ele protocolou um pedido de impeachment do vice-presidente Michel Temer, mas o argumento não foi aceito.

9 COMENTÁRIOS

  1. A questão não é “pôr nas mãos de Deus”, mas simplesmente não votar em candidatos corruptos.

    É até um insulto a Deus pôr os governantes corruptos em Suas mãos, mas, contraditóriamente, continuar votando nesses patifes. Infelizmente, não tenho dúvidas de que os evangélicos continuarão votando em muitos dos membros corruptos da tal bancada evangélica.

  2. Outra coisa que os evangélicos – e isso vai especialmente para você, Silas Malafaia – precisam ter em mente é que a Bíblia manda ORAR pelas autoridades – incluindo a presidenta -, não a conspirar contra elas.

  3. discurso bonito , eu até vi a metade , quem não te conheçe é quem te compra sr. cabo daciolo ;
    nunca pediu perdão , militou carreira no PT , mesmo se dizendo crente .
    sinceramente a luz da biblia para mim é mentiroso que diz que é crente e defende o PT .
    Partido ATEU ,comunista ,a favor do aborto ,casamento gay,drogas…
    sr. daciolo , você é um Fariseu .
    o capitulo 23 de Mateus fala bem quem é você sr. daciolo .
    quer se aparecer , e não vive o que prega !

  4. A VERDADE DO SALVADOR YAHÔSHUAH “é assim Sem ofender”
    1° – Jo. 8.44 Vós tendes por pai (?) a satan (o diabo) e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele foi homicida desde o princípio e não se firmou na “verdade”, porque não há “verdade” nele; “quando ele profere mentira”, fala do que lhe é próprio, porque é mentiroso e pai (?) da mentira.
    2° – Jo. 8.45 Mas porque vos digo a “verdade”, não me credes.
    3° – Ef. 4.25 Pelo que “deixai a mentira” e falai a “verdade” cada um com o seu próximo; “porque somos membros uns dos outros”.
    4° – Ef. 4.27 Não deis lugar a satan (o diabo).
    5° – Rm. 10.13 Porque “todo aquele que invocar” o “Nome” de “YAHÔSHUAH” será salvo.
    6° – At. 4.12 E em “nenhum outro” há salvação, porque também debaixo do céu “nenhum outro “ “Nome há”, dado “entre os homens”, pelo qual devamos ser salvos.
    7° – Jo. 3.18 “Quem crê nele” não “é condenado”; mas quem não crê “já está condenado”, porquanto não crê no “Nome” do unigênito Filho de YÁH. ALELU-YÁH.
    8° – Mt.1.21 E “ela dará à luz um filho”, e lhe “porás o “Nome” de YAHÔSHUAH, porque “Ele” salvará “o seu povo” dos seus pecados.
    9° – At.3.6 E disse Qefas: Não tenho prata nem ouro, mas o que tenho, isso te dou. “Em Nome” de YAHÔSHUAH o Mashyáh, “levanta-te e anda”. 10° – At.26.15 E disse eu: Quem és? E “Ele” respondeu: “Eu sou YAHÔSHUAH”, a quem “tu persegues”.

  5. Sinceramente……….Deus nao vai mexer uma palha nesse sentido porque isso nao é obrigação Dele.Isso é dever de cada cristao tomar vergonha na cara e começar a ter conciencia politica e começar a agir como cidadao e ter responsabilida de escolhas em quem vai por no poder deste pais.Começar a cobrar, exigir, manifestar, sair nas ruas, exigir a saida dos corruptos do poder.So que mtos nao votam,deixam em branco e anulam seus votos….ta na hora de terem conciencia e parar de jogar nas costas de Deus.

DEIXE UMA RESPOSTA