Com parecer contrário, deputado Pastor Eurico barra aprovação do projeto de “pensão gay”

24

Na última semana, o deputado federal pastor Eurico (PSB-PE), integrante da Bancada Evangélica na Câmara, eu parecer contrário ao projeto de lei 6297/05, chamado de “pensão gay”, do ex-deputado Maurício Rands (PT-PE), que pretendia incluir os parceiros homossexuais nos direitos previdenciários dos servidores públicos.

A proposta do projeto de Rands é alterar a Lei nº 8.213/1991, que define as regras dos Planos de Benefícios da Previdência Social, de maneira a incluir nos direitos previdenciários os parceiros homossexuais, inclusive os servidores federais com união estável. Se aprovado, o projeto faria com que o contemplado passasse a receber pensão ou ser segurado pelo Instituto Nacional do Seguro Social (INSS).

Em 2012, a votação do projeto já havia sido boicotada pelos deputados Marco Feliciano (PSC-SP) e pastor Eurico, que se ausentaram do plenário onde a Comissão de Seguridade Social realizava a votação, de forma a evitar a apreciação do projeto, por falta de quórum.

O jornalista Leandro Mazzini, colunista do UOL, comentou o caso afirmando se tratar de “mais um capítulo da guerra dos gêneros que se evidenciou com a ascensão do pastor Feliciano à presidência da Comissão de Direitos Humanos”.


Com esse parecer contrário, o projeto será arquivado.

Por Dan Martins, para o Gospel+

24 COMENTÁRIOS

  1. A palavra CASAL se refere, originalmente, a um par de um macho e uma fêmea, EXCLUINDO-SE, por conseguinte, a possibilidade de dois homens ou duas mulheres formarem um casal. Par composto de macho e fêmea (animais) ou de mulher e homem (pessoas).
    .
    Sem mais comentários!

    • Laicidade não tem qualquer relação com pensões estafurdias, onde normalmente os beneficiados são aqueles jovens que usam calça jeans agarrada e tênis all star colorido.

      Enquanto isso inúmeros TRABALHADORES, E NÃO VAGABUNDOS, brasileiros são protelados pela perícia médica do INSS com vários tipos de câncer, nunca são aposentados mas morrem sendo recondizidos ao posto de trabalho.

      Vivemos numa terra de oportunistas desgraçados ue não se cansam de sugar o sangue de quem precisa de amparo.

      VÃO TRABALHAR CAMBADA DE VAGABUNDOS !!!!

      Caros irmãos em Cristo, perdoem a minha sinceridade.

      • Vagabundo deve ser você, pois eu sou gay, sou CASADO, e TRABALHO, com certeza mais do que você, pois não tenho tempo de me preocupar com a SUA vida, mas você, como me parece tem tempo de sobra para tomar conta da minha. Quem é o vagabundo então… Agora LAVE bem sua boca antes de agredir os outros. Não sei se sabe, mas endereço IP pode ser recuperado judicialmente e suas palavras podem te levar ao banco dos réus… guarde sua opinião para você e os que vivem na sua casa. Internet é local público como outro qualquer e o que escreveu é CRIME.

        • Se conseguir pegar o meu ip parabéns, ele é público inclusive para me defender em qualquer tribunal.

          Repito, jovens que recebem benefícios pela previdencia social provindo de terceiros onde os mesmos estão em idade produtiva pra mim são VAGABUNDOS.

          • MAURO, concordo com você em gênero, grau e número!

            Em países dirigidos por esquerdopatas como o nosso, daqui a uns tempos, metade da população vai trabalhar, e a outra metade, a dos vagabundos, ficará em casa recebendo pensão.

      • Bem diferente de você sou homem, pai de três filhas e vinte anos de casado, outra coisa, bate boca pelo teclado é atitude bem característica do seu gênero. Não preciso provar nada para ninguém.

        Finalizando, a minha opinião é a mesmíssima da grande maioria do povo brasileiro.

      • Mauro, devo dizer que seu comentário é um tanto que idiota, pois insinua que os gays não trabalham, vc simplesmente deve ver pessoas na rua e.tirar conclusões através de achismos. Cada um casa com quer porque se quem trabalha e paga impostos tem os mesmos direitos de todos, indepente de orientação sexual.

    • Do “capiroto” deve ser a sua união. LAVE bem sua boca antes de agredir os outros. Não sei se sabe, mas endereço IP pode ser recuperado judicialmente e suas palavras podem te levar ao banco dos réus… guarde sua opinião para você e os que vivem na sua casa. Internet é local público como outro qualquer e o que escreveu é CRIME. Só para corrigir sua opinião que não vale de nada, já foi DECIDIDO que a constituição brasileira garante aos gays os mesmos direitos de todos os outros, logo sua afirmação é falsa.

  2. Bando de doentes… Vão pagar lindos no inferno por serem preconceituosos … vcs ferem a Jesus com tanta maldade e ainda justificam a bíblia como fonte desse satanismo

DEIXE UMA RESPOSTA