Imigrantes egípcios cristãos são mortos e decapitados nos Estados Unidos

18

Dois cristãos egípcios coptas foram assassinados e decapitados em Nova Jersey (foto), Estados Unidos. Os coptas são descendentes de um grupo egípcio que abandonou o islamismo e abraçou o cristianismo ainda no século I.

O principal suspeito de cometer os crimes também é egípcio, e foi preso pela polícia após uma tentativa de queimar o carro onde o homicídio teria sido cometido. Yusuf Ibrahim, 28 anos, teria iniciado a briga com uma das vítimas, e durante o desentendimento, teria atirado contra eles, e depois de mortos, arrancado suas mãos e cabeças.

Os corpos foram encontrados numa casa abandonada, e os membros amputados num local próximo: “Foram terríveis assassinatos em que o suspeito atirou nas vítimas à queima-roupa. Nós alegamos que o réu foi frio e calculista na maneira como ele conduziu os assassinatos e a tentativa de impedir a identificação das vítimas cortando suas cabeças e mãos antes de enterrar os corpos. A Polícia do Estado de em Nova Jersey conduziu uma investigação minuciosa, o que nos permitirá fazer justiça às vítimas”, afirmou o procurador responsável pelo caso, num comunicado.

As duas vítimas não possuem parentes nos Estados Unidos, e estavam em Nova Jersey a trabalho, para ajudar os parentes que ficaram no Egito. Segundo informações do Christian Post, eles frequentavam a Igreja Copta Ortodoxa de São Jorge e Shenouda.


Um dos membros da denominação concedeu entrevista à uma emissora de TV local e se mostrou atordoado com o fato: “Foi uma loucura o que aconteceu com esses dois. Será que eles mereciam? Não. Isso nunca era esperado, e é muito triste”, disse.

O pastor da igreja disse que não conhecia os dois de forma íntima, mas sempre os via durante os cultos. O funeral foi realizado pela igreja e providenciou as medidas legais para que os caixões sejam enviados ao Egito.

O suspeito foi indiciado por duplo homicídio e violação de cadáveres, e sua fiança está estipulada em US$ 3,3 milhões. A imprensa cogita que o motivo tenha sido religioso, pois a decapitação é prática comum em alguns países islâmicos.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

18 COMENTÁRIOS

  1. Será que esse caso gabará repercussão mundial? Claro que não, afinal, não eram homossexuais. Se fosse gays, seria chamado de homofobia. Mas como são pessoas comuns, é só mais um crime.

  2. Tiago Chagas apure melhor suas fontes.No SEc I não havia nenhum mulçumano.Maome so começou a pregar sua mensagem no sec VI DC.Os coptas são cristãos das primitivas comunidades e S Marcos evangelista foi o primeiro Bispo de alexandria.

  3. As informações estão equivocadas, uma vez que o Islamismo não existia no século I. O site precisa fazer uma revisão das suas notícias urgentemente. Tiago Chagas você precisa rever suas fontes históricas.

  4. Agora, apesar de eu não ter me referido diretamente a vc antes Levi, vemos que é só mais um hipocritazinho do tipo “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”

    e vemos bem aqui no site que realmente os protestantes são contra os crimes sexuais dentro de suas seitas, tanto que fazem protestos pedindo a soltura dos estupradores nas portas das cadeias, fazem videos dizendo que o estuprador é “ômi di deus”.

    kkkkk

    vc é um fanfarrão mesmo Levi.

    • levi varela disse: 5 de setembro de 2013 ás 6:02 pm

      Está na hora deste país realmente ser um estado de direito, passo seguinte o governo do Rio e o Federal cair dentro desse processo para investigar o que não foi investigado, apurar as relações que margeiam cada pessoa citada no processo, e isso de forma rápida.

      • Ora, nem na ditadura os líderes religiosos foram tratados desse modo, pois todo dia surge uma história, uma mentira não esclarecida, uma situação estranha, mas mesmo assim ninguém avoca pra si o processo?

        • Querem desmoralizar por completo o estado brasileiro? Será que esse pastor, em face de tantos disse me disse, terá que apelar a órgãos internacionais? Se não são verdades os desmentidos, o que está acontecendo pra tantas intervenções de terceiros? Agora a história é que o pastor poderia manusear dinheiro público em face das dotações para as regiões em que atua.

          • Desde quando dinheiro meu deve ser manuseado por padres, pastores, dirigentes de Afro? Cadê a promotoria do patrimônio publico do rio de janeiro para esclarecer essa suposta permissão de promiscuidade? Dinheiro público não deve ser regido apenas por servidores?

          • Bem Levi, como eu não sou igual a vc, não vou te DEIXAR NO VÁCUO, vai lá:

            ————————————————————————–

            levi varela disse: 5 de setembro de 2013 ás 6:02 pm

            Está na hora deste país realmente ser um estado de direito, passo seguinte o governo do Rio e o Federal cair dentro desse processo para investigar o que não foi investigado, apurar as relações que margeiam cada pessoa citada no processo, e isso de forma rápida.

            Ora, nem na ditadura os líderes religiosos foram tratados desse modo, pois todo dia surge uma história, uma mentira não esclarecida, uma situação estranha, mas mesmo assim ninguém avoca pra si o processo?

            Querem desmoralizar por completo o estado brasileiro? Será que esse pastor, em face de tantos disse me disse, terá que apelar a órgãos internacionais? Se não são verdades os desmentidos, o que está acontecendo pra tantas intervenções de terceiros? Agora a história é que o pastor poderia manusear dinheiro público em face das dotações para as regiões em que atua.

            Desde quando dinheiro meu deve ser manuseado por padres, pastores, dirigentes de Afro? Cadê a promotoria do patrimônio publico do rio de janeiro para esclarecer essa suposta permissão de promiscuidade? Dinheiro público não deve ser regido apenas por servidores?
            (esta postagem está na matéria com título – Em reunião sobre o pastor Marcos Pereira, deputados federais colocam delegado do caso em saia justa, diz jornalista).
            —————————————————————————————-

            Agora, apesar de eu não ter me referido diretamente a vc antes Levi, vemos que é só mais um hipocritazinho do tipo “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”

            e vemos bem aqui no site que realmente os protestantes são contra os crimes sexuais dentro de suas seitas, tanto que fazem protestos pedindo a soltura dos estupradores nas portas das cadeias, fazem videos dizendo que o estuprador é “ômi di deus”.

            kkkkk

            vc é um fanfarrão mesmo Levi.

  5. Bem Levi, como eu não sou igual a vc, não vou te DEIXAR NO VÁCUO, vai lá:

    ————————————————————————–

    levi varela disse: 5 de setembro de 2013 ás 6:02 pm

    Está na hora deste país realmente ser um estado de direito, passo seguinte o governo do Rio e o Federal cair dentro desse processo para investigar o que não foi investigado, apurar as relações que margeiam cada pessoa citada no processo, e isso de forma rápida.

    Ora, nem na ditadura os líderes religiosos foram tratados desse modo, pois todo dia surge uma história, uma mentira não esclarecida, uma situação estranha, mas mesmo assim ninguém avoca pra si o processo?

    Querem desmoralizar por completo o estado brasileiro? Será que esse pastor, em face de tantos disse me disse, terá que apelar a órgãos internacionais? Se não são verdades os desmentidos, o que está acontecendo pra tantas intervenções de terceiros? Agora a história é que o pastor poderia manusear dinheiro público em face das dotações para as regiões em que atua.

    • Bem Levi, como eu não sou igual a vc, não vou te DEIXAR NO VÁCUO, vai lá:

      ————————————————————————–

      levi varela disse: 5 de setembro de 2013 ás 6:02 pm

      Está na hora deste país realmente ser um estado de direito, passo seguinte o governo do Rio e o Federal cair dentro desse processo para investigar o que não foi investigado, apurar as relações que margeiam cada pessoa citada no processo, e isso de forma rápida.

      Ora, nem na ditadura os líderes religiosos foram tratados desse modo, pois todo dia surge uma história, uma mentira não esclarecida, uma situação estranha, mas mesmo assim ninguém avoca pra si o processo?

      Querem desmoralizar por completo o estado brasileiro? Será que esse pastor, em face de tantos disse me disse, terá que apelar a órgãos internacionais? Se não são verdades os desmentidos, o que está acontecendo pra tantas intervenções de terceiros? Agora a história é que o pastor poderia manusear dinheiro público em face das dotações para as regiões em que atua.

      Desde quando dinheiro meu deve ser manuseado por padres, pastores, dirigentes de Afro? Cadê a promotoria do patrimônio publico do rio de janeiro para esclarecer essa suposta permissão de promiscuidade? Dinheiro público não deve ser regido apenas por servidores?
      (esta postagem está na matéria com título: Em reunião sobre o pastor Marcos Pereira, deputados federais colocam delegado do caso em saia justa, diz jornalista).

      ====================

      Agora, apesar de eu não ter me referido diretamente a vc antes Levi, vemos que é só mais um hipocri tazinho do tipo “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”

      e vemos bem aqui no site que realmente os protestantes são contra os crimes sexuais dentro de suas seitas, tanto que fazem protestos pedindo a soltura dos estupradores nas portas das cadeias, fazem videos dizendo que o estuprador é “ômi di deus”.

      kkkkk

      vc é um fanfarrão mesmo Levi.

    • Desde quando dinheiro meu deve ser manuseado por padres, pastores, dirigentes de Afro? Cadê a promotoria do patrimônio publico do rio de janeiro para esclarecer essa suposta permissão de promiscuidade? Dinheiro público não deve ser regido apenas por servidores?
      (esta postagem está na matéria com título: Em reunião sobre o pastor Marcos Pereira, deputados federais colocam delegado do caso em saia justa, diz jornalista).

      ===============================

      Agora, apesar de eu não ter me referido diretamente a vc antes Levi, vemos que é só mais um hipocritazinho do tipo “faça o que eu digo, mas não faça o que eu faço”

      e vemos bem aqui no site que realmente os protestantes são contra os crimes sexuais dentro de suas seitas, tanto que fazem protestos pedindo a soltura dos estupradores nas portas das cadeias, fazem videos dizendo que o estuprador é “ômi di deus”.

      kkkkk

      vc é um fanfarrão mesmo Levi.

DEIXE UMA RESPOSTA