Estudo afirma que o cérebro das pessoas religiosas é menos suscetível a desenvolver doenças como a depressão

26

Um estudo realizado por pesquisadores da Universidade Columbia, nos EUA, revelou que a anatomia cerebral das pessoas religiosas as torna menos propensas a desenvolver a depressão. Segundo o estudo, pessoas que nutrem sentimentos religiosos tendem a ter um córtex cerebral mais espesso o que, segundo os cientistas, proporciona um risco menor de desenvolver depressão do que as não religiosas.

– Nossas crenças e nossos humores são refletidos no cérebro, e com novas técnicas de imagem já é possível observá-los – comentou Health Myrna Weissman, professora de psiquiatria e epidemiologia da Universidade de Columbia.

– O cérebro é um órgão fantástico. Não só nos controla, mas é controlado por nossos humores – completou a professora, segundo a Reuters.

Dados revelados por estudos anteriores já haviam mostrado a relação entre depressão e religiosidade, mostrando que entre pessoas com predisposição genética à depressão, as religiosas podem ter um risco até 90% menor de desenvolver o transtorno do que as demais.


Esses dados levaram os pesquisadores ao estudo atual, que estudou 103 pessoas de 18 a 54 anos, parte delas com predisposição genética para a depressão – ou seja, com histórico da doença na família.

Os voluntários do estudo foram acompanhados por cinco anos, durante os quais os cientistas acompanharam a importância da religião em suas vidas e a frequência com que foram a igrejas e outros templos religiosos. Além do estudo de seus aspectos religiosos, os voluntários foram também submetidos a exames de ressonância magnética, de forma a estudar sua anatomia cerebral.

Os resultados do estudo, publicado no periódico JAMA Psychiatry, mostrou então que, entre os voluntários estudados, aqueles que davam mais importância às questões religiosas e espirituais possuíam um córtex mais espesso em algumas áreas do cérebro. Essa tendência se mostrou ainda mais forte entre aqueles que tinham histórico de depressão na família.

Os cientistas observaram ainda que tal relação não foi influenciada pela frequência com que as pessoas estudadas iam a igrejas ou templos, mas sim com a importância que elas davam para o assunto em suas vidas.

Apesar da clara relação entre a religiosidade e a espessura do córtex cerebral, o trabalho dos cientistas ainda não conseguiu determinar se a importância dada à espiritualidade aumenta a espessura do córtex cerebral, ou se se a maior espessura da membrana predispõe uma pessoa a dar maior importância à religião.

Por Dan Martins, para o Gospel+

26 COMENTÁRIOS

  1. Isso não é novidade para mim há mais de vinte anos. E posso dizer mais, se os estudiosos fizerem um estudo com aqueles que têm o Espírito Santo, descobrirão que nenhum deles, jamais, terá depressão.

    • Lopes, a pesquisa não especifica qual crença pode livrar alguém da depressão. Em momento algum ela cita “cristianismo”. Portanto, pode ir tirando o cavalinho da chuva, que cristianismo, está no mesmo nível de umbanda, candomblé, vodu, futebol, etc. etc. com respeito a essa pesquisa.

      • Cristianismo no mesmo nível de umbanda, vodu, futebol…? Seja mais detalhista Pitágoras, não misture cristianismo c/ igrejianismo.
        Se vc já mencionou que em outrora foi um bom cristão, então, explica aí o significado do que é cristianismo a luz das Escrituras Sagradas.?

        • SE ELE NÃO TE EXPLICAR , EU TE EXPLICO: O CRISTIANISMO A LUZ DA BÍBLIA.. CRISTIANISMO É UM SEGUIMENTO DAQUELE QUE SEGUE A CRISTO, OBEDECE A ELE.:MAT.19:29TODO AQUELE QUE TIVER DEIXADO , CASAS, IRMÃOS OU IRMÃS OU PAI, OU MAE OU MULHER, OU FILHO, OU TERRAS,POR AMOR AO MEU NOME RECEBERÁ SEIS VEZES TANTO E HERDARÁ A VIDA ETERNA. ISSO É PARA QUEM CRER.

  2. então ´=e a mais pura verdade cria um escudo contra as setas de satanas, heheh fica vacinado cerebralmente aos seus ataques, gostaria também de comentar a postagem do fabiano rodrigues no face, a palavra religião quer dizer religar o que estava desligado e religiosos são aqueles que usam jesus para ir a Deus …então na use prejorativamente est6a palavra tão linda …RELIGIÃO……QUEM SABE FARISEU SERIA MAIS ADECUADO

  3. …As religiosas em CRISTO JESUS. Nós que cremos em DEUS que ressucitou JESUS ao 3º dia já sabiamos disso há muito tempo.Depressão é uma doença “espiritual” e homem nenhum pode curá-la,quem tem JESUS no coração verdadeiramente nunca vai sofrer de depressão! O crente que tem depressão ,esse não está na obediencia e precisa verdadeiramenete “Nascer” de nôvo,pois a carnalidade está maior do que a espiritualidade!

    • As religiões primitivas e o xamanismo pensam assim. O protestantismo de hoje tem um pensamento que há 30 anos atrás, quando não era a religião da moda, era chamado de superstição. A pessoa diz que se converteu mas ela segue é um modismo de época. Hoje ser religioso é como ser torcedor de time de futebol. Sinto vergonha de me idenficar como protestante.

  4. E pq será que os pastores se suicidam???As estatísticas não são nada animadoras. De acordo com o Instituto Schaeffer, 70% dos pastores lutam constantemente com a depressão, e 71% se dizem esgotados. Além disso, 80% acredita que o ministério pastoral afeta negativamente as suas famílias, e 70% dizem não ter um “amigo próximo”. Talvez estes dados nos forneçam um retrato da condição emocional da maioria daqueles que ocupam nossos púlpitos

  5. Puxa vida, eles não citaram qual deus ou religião a pessoa deve acreditar ou seguir. Portanto crentes, não fiquem tão assanhados que o negócio não é especialmente para vcs. Até torcer para o Vasco, pode ajudar.

        • mais que cara burro esse Daniel, cristianismo minoria, a maior religião do mundo. esse daniel não deve ter nem 8 anos de idade.

          cristianismo é a maior religião do mundo, com mais de 2 bilhões de adeptos (mais que toda a população da China). depois vem o islamismo, com 1,6 bilhões de adeptos. e só em terceiro vem o hinduísmo, com mais de 900 milhões. a religião tradicional da China não chega a 600 milhões de adeptos. a China tem muita gente, e tem muitas religiões diferentes, como confucionismo, taoísmo, budismo, islamismo, e outras religiões menores.

      • Só a China e India, ultrapassam o número de cristãos do mundo. Viva as religiões da Ásia. A pesquisa reflete muito pouco o cristianismo, que é minoria.

        • Daniel, vai pesquisar antes de falar bobagem.

          cristianismo é a maior religião do mundo, com mais de 2 bilhões de adeptos (mais que toda a população da China). depois vem o islamismo, com 1,6 bilhões de adeptos. e só em terceiro vem o hinduísmo, com mais de 900 milhões. a religião tradicional da China não chega a 600 milhões de adeptos. a China tem muita gente, e tem muitas religiões diferentes, como confucionismo, taoísmo, budismo, islamismo, e outras religiões menores.

DEIXE UMA RESPOSTA