Evangélico pentecostal morre após ser mordido por cobra durante culto e recusar socorro médico

81

Um fiel morreu após ser picado por uma cobra durante um culto pentecostal e recusar atendimento médico, crendo que seria curado pelas orações. O caso foi registrado no estado de Kentucky, Estados Unidos.

John David Brock era membro da igreja Holiness Faith e trabalhava como minerador. Ele foi mordido por uma cascavel no domingo, dia 26 de julho, e morreu quatro horas depois, segundo informações de uma emissora afiliada à rede CBS.

Ele recusou o atendimento médico, mas seu quadro foi agravado por causa de outros problemas de saúde que tinha. A causa oficial da morte de Brock será divulgada após o resultado da autópsia.

A emissora de TV local que noticiou a morte do fiel pentecostal destacou que essa é a segunda morte por mordida de cobra somente em 2015 na mesma igreja que Brock frequentava.


As igrejas de manipulação de serpentes surgiram no início do século 20, e ganharam popularidade no interior dos Estados Unidos nos últimos anos, através do reality show Snake Salvation (“Salvação da Serpente”, em tradução livre).  O pastor que estrelava o programa de TV, Jamie Coots, morreu de uma mordida de cobra em fevereiro 2014, enquanto realizava rituais com as cobras.

À época, o canal National Geographic, que exibia o programa, emitiu um comunicado lamentando a morte do pastor: “Acompanhando o pastor Coots na série ‘Snake Salvation’, éramos constantemente surpreendidos por suas convicções religiosas apesar dos perigos legais e à sua saúde que ele enfrentava […] Esses riscos sempre valeram à pena para ele e seus seguidores como meio de demonstrar sua fé inabalável […] Ficamos honrados em ser autorizados a ter esse acesso único ao pastor e sua a congregação durante as gravações e de pôr em contexto seu método de trabalho. Nossos pensamentos estão com sua família nesse período difícil”.


81 COMENTÁRIOS

    • Emanuelle,

      Concordo com você.

      Aprenderam essas coisas com os cristãos/católicos lá das Filipinas, os que de quando em quando tentam se passar por Cristo se crucificando.

      Tua seita católica não ensina nada que presta.

      Imaginar que padre é induzido a colocar gelo nas entranhas pra inibir a vontade sexual. É brincadeira a tua igreja.

  1. Vemos que hoje até mesmo os pastores protestantes já começam a enxergar que o protestantismo não é uma doutrina que realmente está indo nos ensinamentos de Jesus e já existem alguns que defendam o Papa e a Igreja Católica, com frases de impacto, que realmente impressiona como realmente os olhos estão se abrindo, deixando divergências de lado e enxergando mais claramente a Igreja Católica e sua importância para o cristianismo.
    Pastor Juan Carlos Ortiz em seu livro diz:
    “Não obstante o que a Biblia ensina, também nós os protestantes temos as nossas tradições: as denominações. Jesus tem somente uma esposa,a Igreja. Ele não é polígamo. No entanto chegamos até a dizer que as denominações fazem parte da vontade de Deus. Assim nós culpamos a Deus pelas nossas divisões e falta de amor. E depois criticamos os Católicos pelas suas tradições. Pelo menos suas tradições são mais antigas que as nossas. Não devemos tentar remover o argueiro dos olhos dos católicos, enquanto não tiramos a trave que encontra-se diante dos nossos” (O discípulo, p.132,Editora Betânia)
    Sobre a “Bible League,” o dr. Booth diz:
    “Se as agressões às Escrituras continuarem, virá o tempo quando quem for fiel a Deus terá um refúgio, e será a Igreja Católica Romana“.
    O Bispo Anglicano de Londres, Eng. , dr. Ingraham, diz:
    “No momento presente, só há uma Igreja na Inglaterra que oficialmente aceita as Escrituras como a Palavra infalível de Deus, e esta Igreja é a Igreja de Roma“.
    Dr. Decosta (Protestante) disse:
    “A Igreja de Roma foi, antes do inglês ser descoberto e dos protestantes, a única defensora da Bíblia em sua integridade e totalidade”.
    A Rev. O. J. Nelson, de Bellingham, Wash. , diz:
    “No sentido exato, ninguém além dos Católicos tem uma Bíblia infalível e ninguém além dos Católicos podem ser chamados de cristãos ortodoxos. . . só há uma Igreja Cristã de realidade e autoridade consistente e é a Igreja Católica“.
    Charles Buder (Protestante), em sua “Horae Biblicae”, ” diz:
    “Pelas escritas sagradas que contêm a Palavra de Deus, e pelas tradições, nós estamos endividados, sob a Providência, pelo zelo e esforço dos padres e monges da Igreja de Roma“.
    Um editorial no New York “Sun”, diz:
    “O tempo está vindo, se, realmente, já não veio, quando estas igrejas definitivamente e decididamente têm que se perguntar se a Bíblia é de Deus ou do homem. E neste campo, o Papa é o único e exclusivo Campeão da Bíblia como a Palavra de Deus”.
    O Reverendo dr. A. S. Crapsey, escrevendo a “Free Religious Association”:
    “A maioria das denominações protestantes estão retornando, voltando para os Católicos. Eles estão perdendo sua liderança intelectual por não manter passo com os estudiosos. O protestantismo seguirá e obedecerá a lei da gravitação, desintegrará,e assim perderá todo o poder “.
    O Bispo metodista, Dr. Seliew :
    “O espírito do protestantismo está declinando na América com o Progresso do Catolicismo. Está morrendo, e logo será uma coisa do passado”.

    • Efeito Francisco: diminuição de católicos.

      Posted by G. M. Ferretti

      Papa latino não evita êxodo de católicos, diz estudo. Pesquisa americana mapeia declínio de nº de católicos na América Latina; ’em 2030, Brasil já não terá maioria católica’ diz um dos autores.

      Aprovação do papa é alta, mas católicos continuam deixando religião, diz estudo

      Camilla Costa – BBC Brasil em São Paulo, 13 novembro 2014: Pouco mais de um ano e meio após sua eleição, a aprovação do papa Francisco é alta em seu continente de origem, a América Latina. Mesmo assim, católicos continuam a deixar a religião – a maioria deles, para se tornar protestante.

      A conclusão é do estudo “Religião na América Latina – Mudanças difundidas em uma região historicamente católica”, do instituto americano de pesquisas Pew, que mapeou as práticas religiosas em 18 países da América Latina e do Caribe, exceto Cuba.

      Os resultados mostram que o número de pessoas que se declaram protestantes continua crescendo em todo o continente e que pessoas criadas no catolicismo vem deixando a religião em favor da fé propagada por igrejas evangélicas.

      “Se temos hoje o primeiro papa latino-americano é principalmente por causa da competição pentecostal na América Latina. A Igreja Católica está em uma crise de pânico. Se não conseguirem parar o avanço protestante no continente, que abriga 40% dos católicos do mundo, o futuro da instituição está seriamente ameaçado”, disse à BBC Brasil Andrew Chesnut, professor da Virginia Commonwealth University e um dos autores da pesquisa, divulgada nesta quinta-feira.
      “O Brasil ainda tem a maior população católica do planeta, mas agora só 61% se dizem católicos. Em 2030, o país já não deverá ter uma maioria católica.”

      A aprovação de Francisco entre os católicos é alta: acima dos 70% deles dizem ter uma opinião favorável ao papa em todos os países onde o estudo foi feito. O número passa de 90% em países como Brasil e Colômbia e chega a 98% na Argentina, seu país de origem.

      No entanto, o estudo afirma que é cedo para dizer se o papa conseguirá diminuir ou reverter o êxodo de católicos. “O papa Francisco ainda não impressionou a todos”, afirma o instituto. “Os ex-católicos são mais céticos a respeito do papa. Em todos os países pesquisados, exceto na Argentina e no Uruguai, pouco menos da metade têm uma opinião favorável a ele e acham que seu papado pode significar mudança na Igreja.”

      “Eu suspeito que, a longo prazo, Francisco não conseguirá parar esse processo mais longo de pluralidade religiosa. Pesquisas feitas nos Estados Unidos já mostraram que, mesmo dizendo que amam o papa, os católicos não estão indo mais à missa. Se eles não se tornarem mais ativos, (gostar do papa) não significa nada para a Igreja”, afirma Chesnut.

      No Brasil, apenas 37% dos católicos afirmam que vão à igreja ao menos uma vez por semana, contra 76% dos protestantes. Na Argentina, terra natal de Francisco, o número cai para 15% e chega a apenas 9% no Uruguai.
      O estudo indica que, além do crescimento do número de protestantes, o número de pessoas que abriram mão de qualquer filiação com uma religião organizada também aumentou na região.

      A categoria, na qual estão 8% dos entrevistados na pesquisa, inclui pessoas que se descrevem como ateus, agnósticos ou sem religião. No Brasil, a porcentagem é a mesma.

      O Instituto Pew é um dos mais respeitados órgãos de pesquisa independentes dos Estados Unidos. O levantamento se baseia em mais de 30 mil entrevistas realizadas entre outubro de 2013 e fevereiro de 2014 em espanhol, português e guarani.

    • Caro enoch., realmente o que se vê hoje em dia é uma manifestação de aberrações entre as milhares de seitinhas de esquinas autenticadas em cartório., onde se prega e se cria de tudo menos o genuíno evangelho de Cristo ., vejamos a seguir as aberrações protestantes :

      Venda e unção da vassoura da prosperidade por 1000 reais
      Dança do cai cai de fogo
      Venda do lenço suado do valdosandiablo
      Venda de livros heréticos de hereges dizendo que foi Deus que mandou escrever.,
      Campanhas de prosperidade a preço tabelado, ou seja quem da mais , recebe mais
      Uns aprovam o aborto , outros não
      Uns guardam o sábado outros não.,
      Uns datam o fim do mundo , outros não
      A grande maioria dos pastorecos metidos em políticas e corrupção
      Criam seitas , assim como se cria novelas
      Infestam a cabeça dos fiéis de heresias e doutrinas inventadas em reuniões
      Criaram o swing gospel.,
      Uns acham que podem manipular cobras , outros não
      Ungem travestis e gays para pastores e até criam igrejas
      Casam se entre já casados e o adultério rola solto nas denominações.,
      Acusam se de serem os eleitos e criticam as outras milhões de serem do mundo.,
      Melhor parar por aqui que se for falar de heresias morro e não escrevo tudo sobre as denominações protestantes heréticas que infestam a sua doutrina.,

  2. O herege do pastor desse pobre coitado esqueceu de ensiná-lo a fazer leitura do Livro Eclesiástico, 38
    1. Honra o médico por causa da necessidade, pois foi o Altíssimo quem o criou.
    2. (Toda a medicina provém de Deus), e ele recebe presentes do rei:
    3. a ciência do médico o eleva em honra; ele é admirado na presença dos grandes.
    4. O Senhor fez a terra produzir os medicamentos: o homem sensato não os despreza.
    5. Uma espécie de madeira não adoçou o amargor da água? Essa virtude chegou ao conhecimento dos homens.
    6. O Altíssimo deu-lhes a ciência da medicina para ser honrado em suas maravilhas;
    7. e dela se serve para acalmar as dores e curá-las; o farmacêutico faz misturas agradáveis, compõe ungüentos úteis à saúde, e seu trabalho não terminará,
    8. até que a paz divina se estenda sobre a face da terra.
    9. Meu filho, se estiveres doente não te descuides de ti, mas ora ao Senhor, que te curará.
    10. Afasta-te do pecado, reergue as mãos e purifica teu coração de todo o pecado.
    11. Oferece um incenso suave e uma lembrança de flor de farinha; faze a oblação de uma vítima gorda.
    12. Em seguida dá lugar ao médico, pois ele foi criado por Deus; que ele não te deixe, pois sua arte te é necessária.
    13. Virá um tempo em que cairás nas mãos deles.
    A verdade é que além da Deforma Protestante ter retirado 7 Livros da Bíblia, ainda faltam nas Bíblias protestantes, partes dos livros de Ester e Daniel ou seja, além dos 7 livros retirados, foram retirados algumas partes desses dois livros, ou seja eles consideram os livros de Ester e Daniel como parcialmente inspirados (como se isso fosse possível). É Evidente que eles escolheram na bíblia somente o que convém, retirando tudo o que contrariava as doutrinas diabólicas de Lutero, na verdade eles não obedecem a bíblia, e sim Lutero e suas interpretações errôneas, esse ex-monge herege que chegou a dizer que Jesus teve um caso com Maria Madalena. Pobre Protestantes só conhecem um lado da vida de Lutero, o outro lado desconhecem por completo, deve ser por isso que o veneram tanto. Além disso Lutero mandou matar 50 mil anabatistas em uma só semana, e depois nos julgam pela Santa inquisição.
    Bom, resumindo, além de todos esses absurdos, ainda vemos que o que “restou” da Bíblia protestante, ainda foi adulterado, isso é facilmente visto por quem busca a linguagem original que a bíblia foi escrita, lá no tempo do papiro ainda. Ou seja, principalmente o Grego, hebraico e aramaico.
    Recorremos a Linguagem original e veja o quanto a bíblia protestante é de Péssima tradução, traduzida como convém, ou seja, Traduzida no intuito de Destruir a Igreja Católica.
    O interessante é que um crítico bíblico protestante, George Campbell, diz:
    “A vulgata é, no geral, uma versão boa e fiel”.
    Obs. a Vulgata contêm os sete livros excluídos por Lutero nas bíblias protestantes. (Fonte: Lista Apologética Aplicada)
    Seria muito interessante se os protestantes levassem em consideração esse seu pensamento.

    • -TEXTOS  BÍBLICOS QUE CONDENAM O CULTO ÀS IMAGENS

      1.  Disse Deus:“Não terás outros deuses diante de mim”…, I e II  MANDAMENTOS. Êxodo cap. 20:1 a 5.

      2.  Deus é maior que todos os deuses…Êxodo 18:11.

      3.  O povo de Israel, constrói um bezerro de ouro. Êxodo 32:1 a 9.

      4.  Reação de Moisés destruindo o bezerro em pó. Êxodo 32:19 e 20.

      5.  Moisés manda matar os que
      prestaram culto ao bezerro de ouro. Ex. 32:25 a 28.

      6.  “A soberania de Deus e a vaidade das imagens…”Isaías 44:8 a 20.

      7.  A seca uma das conseqüências do culto às imagens. Jeremías 50:38.

      8.  “Fizeram votos à rainha dos céus…”. Jeremías 44:25 a 27.

      9.  “Abstenham-se das imagens (ídolos)”. Atos 15:20.

      10.                  “Os idólatras não herdarão o Reino de Deus”. I
      Coríntios 6:10 a 14.

      11.                  “Não servirás a outros deuses”. Deuteronômio 8:19 a 20.

      12.                  Artesão fabríca imagem que não pode se mover. Isaías 40:19 a 20.

      13.                  Moisés faz uma serpente de metal. Números 21:8 a 9.

      14.                  Ezequias destroe a serpente de metal. II Reis 18:4.

      15.                   O Rei Salomão também praticou culto a deusa dos Sidonios. I Reis 11:4 a 5.

      16.                  “Não falar no nome de outros deuses”. Deuteronômio 18:20.

      17.                  “Não olhar para outros deuses”. Oséias 3:1.

      18.                  “Não podemos servir outros deuses…”. Deuteronômio 7:4 a 5.

      19.                  “Não temer outros deuses…”. II Reis 17:35 a 41.

      20.                  “Não adorar nem os anjos…”. Colossenses 2:18.

      21.                  “Adorar somente a
      Deus…”. Mateus 4:9 a 10.

      22.                  “Castigo para quem não adorar ao Deus Verdadeiro”. Apocalipse 9:20.

      23.                  “Tirai os deuses estranhos que há no meio de vós…”. Gênesis 35:2.

      24.                  “Não farás para vós ídolos…”. Levítico 26:1.

      25.                  “Destruirás imagens à fogo…”. Deuteronômio 7:25 a 26.

      26.                  “Servir outros deuses, provoca a íra de Deus…”.Deuteronomio 6:13 a 15.

      27.                  “Guardai-vos e não sirvais a ídolos…”. Deuteronômio 11:16 a 17.

      28.                  O castigo para quem cultuar a outros deuses. Deuteronômio 17:01 a 07.

      29.                  Paulo denuncía a indústria de deusa Diana, dos Efésios. Atos 19:23 a 28.

      30.                  Disse Deus: Não dou minha glória nem meu louvor às imagens de escultura. Isaías 42:8 e 17.

      31.                  “Não sacrificareis
      perante imagens…”. Salmo 106:38.

      32.                  “Filhinhos, guardai-vos dos ídolos…”. I João 5:21.

      33.                  “Não construir imagens…”. Atos 7:41 e 42ª.

      34.                  “Não adorar outros deuses…”. Deuteronômio 30:17 a 19.

      35.                  “Não adorar deuses estranhos ou alheios…”. Salmo 81:9.

      36.                  “Proibido adorar os homens…”.Salmo 106:28 e 38 a 39.

      37.                  “Proibido estabelecer ídolos no coração…”. Ezequiel 14:3 a 5.

      38.                  “Os idólatras não tem herança com Deus…”. Efésios 5:5.

      39.                  “Os idólatras alteram até a imagem do Deus Verdadeiro.” Romanos 1:23.

      40.                  Provocaram a íra de Deus, com o culto a Baal e Astarote. Juízes 2:11 a 14.

      41.                  Tirar dentre vós os deuses estranhos. I Sam. 7:3 a 4.

      42.                  Deixaram a Deus e
      serviram aos Baalins e Astarotes. I Samuel 12:10.

      43.                  “As imagens são obras das  mãos dos homens…”. Salmo 115:1 a 8 (tradução Protestante) e Salmo 113:1 a 8 (tradução Católica Apostólica Romana”).

      44.                  Nada sabem os que conduzem suas imagens de escultura, em “procissão”… Isaías 45:5,6 e 20.

      • Luciano, mas o próprio Jesus é bem claro com relação ao acúmulo de riquezas na Terra, sendo que ele próprio deu o exemplo. No entanto, os neopentelhos fazem de conta que essas passagens bíblicas não existem.
        .

        • LOPEZ DEUS TEM UM RECADO PARA VC.
          Homossexualidade e doenças

          Os atos sexuais dos homossexuais masculinos envolvem práticas que são prejudiciais ao corpo e que envolvem um risco elevado de doenças infecciosas. As práticas de sexo oral-genital, genital-anal e oral-anal são responsáveis por muitos tipos de crises de saúde de grandes proporções entre os homens homossexuais. Muitas doenças comuns, e uma variedade de outros problemas, comprovam o fato de que a AIDS é só a mais noticiada e mortal das várias pragas atingindo os homossexuais.

          O Dr. Paul Cameron comenta:

          Quando um indivíduo se torna homossexual, ele passa a desenvolver hábitos anti-sociais. Quase toda criança é ensinada a evitar as fezes. Quando a mãe educa seu filho a usar o pinico, ela explicitamente o ensina a ver as fezes como sujas, nojentas e prejudiciais à saúde. No entanto, a maioria dos homossexuais acaba aprendendo a se envolver completamente com as fezes. Pesquisas passadas sugerem a seguinte progressão seqüencial típica da atividade gay. A idade média de contato sexual genital dos gays é 13 anos. Dois anos mais tarde, eles usam o ânus para ter relações sexuais… um ou dois anos depois, eles deixam que outros gays lhe lambam o ânus por “prazer sexual”. Quando chegam aos 21 anos, a maioria dos gays já aprendeu a fazer tudo. Eles aprenderam a buscar e gozar atividades que os teriam deixado com nojo quando eram crianças. Alguns buscam excitações maiores como o sadomasoquismo, enfiar o punho inteiro pelo ânus, comer fezes ou beber urina.

          Sexualidade Sem Propósito:

          Os Riscos da Atividade Homossexual

          Embora os ativistas gays tentem constantemente passar para o público a idéia de que o estilo de vida homossexual não oferece perigo algum para ninguém, suas práticas sexuais os tornam vulneráveis a uma variedade de doenças. O Dr. Thomas Schmidt explica:

          É importante entender que ainda que venham a descobrir uma cura para o HIV e a AIDS, os homens homossexuais continuariam a pagar um preço físico horrível por suas atividades, da mesma forma que eles já estavam pagando antes do começo da epidemia. Classificarei esses problemas em termos de trauma físico, infecções não-virais e infecções virais. Em alguns desses problemas de saúde, os homens homossexuais perfazem pelo menos 70 por cento do total de casos registrados. Os médicos que trabalham com homens homossexuais agora recebem treinamento para regularmente procurar em seus clientes pelo menos 15 doenças comuns, sem contar o HIV e a AIDS, e esse número poderia ser duplicado ou triplicado se levássemos em consideração problemas menos comuns.

          Antes de prosseguirmos, precisamos de uma breve e simples lição de anatomia. Não é necessário um diploma médico para compreender o risco de infecção que há quando a boca entra em contato com o pênis ou o ânus, mas poucas pessoas entendem que internamente o ânus é vulnerável a danos. A parte final do sistema digestivo, o intestino grosso, é um longo tubo de uns 15 cm que consiste principalmente do cólon. O cólon termina fazendo uma virada bem acentuada para baixo, onde fica estreito e curto, criando outra área chamada o reto. O último centímetro do tubo é o canal anal, uma área cheia de nervos, alinhada com células epiteliais cubóides estratificadas e cercada pelo músculo esfíncter anal. O reto é alinhado com uma única camada de células epiteliais, em forma de colunas, cujo propósito é absorver líqüidos.

      • Deus mandou também que se fizesse imagens (Êxodo 25,18-22/ Nm 21,8-9/ 1 Rs 6,23-29.35; 7,29.). Agora qualquer um sabe que os primeiros cristãos pintavam imagens nas catacumbas. São Lucas Evangelista era pintor, ele pintou a imagem da Virgem Maria com o menino Jesus. Será que os cristãos primitivos não conheciam a palavra de Deus? Prostrar-se não é o mesmo que adorar. Leia 1 Reis 1,23 (O Profeta Natã prostrou se ante o rei); 1 Reis 18,7 (Abdias prostrou se ante Elias); Js 7,6 (Josué prostrou se ante a arca, em cima dessa arca havia imagens). Você sabia disso? Vai dizer que estavam “idolatrando” também? Leia Êxodo 36,2; 37,9; Números 21,7-9; I Reis 7, 13-51; I Crônicas 28,6 Ezequiel 41, 17-21; Hebreus 9,5-8. Tem certeza que você está lendo a Bíblia?

        Passagens que defendem a confecção de imagens: Ex 25,17-22; 37,7-9; 41,18/ Nm 21,8-9/ 1Rs 6,23-29.32; 7,26-29.36; 8,7/ 1Cr 28,18-19/ 2Cr 3,7,10-14; 5,8/ 1Sm 4,4 e etc [1]. E lembre-se que a avareza é idolatria (Cl 3,5/ Ef 5,5) e o amor ao dinheiro é a causa de todos os males (1 Tm 6,10). Leia o Evangelho de São Mateus, capítulo 6 versículo 24. O Evangelista Billy Graham afirma que muitos evangélicos idolatram o dinheiro e o poder [2].
        ___________________

        [1] “Deus proíbe a confecção de imagens?”, Veritatis Splendor.

        [5] Gospel Mais.

        • Sobre a origem da adoração de Imagens junto aos Cristãos.

          Quando o Cristianismo foi a princípio pregado no mundo, ele foi apoiado por tal assistência milagrosa do Poder Divino, que havia necessidade de pouca ou nenhuma ajuda para sua propagação. Não apenas os apóstolos, que o pregaram primeiro, mas mesmo os crentes leigos foram suficientemente instruídos em todos os artigos da fé, e foram inspirados com o poder dos milagres operados, e o dom de falar em línguas, desconhecido deles anteriormente.

          Mas, quando o Evangelho espalhou-se e criou raízes pelo mundo; quando os reis e príncipes tornaram-se cristãos, e quando os templos foram construídos e adornados de maneira magnífica para a adoração cristã, então, o zelo de alguns bem-dispostos cristãos trouxe pinturas para dentro das Igrejas, não apenas como ornamentos, mas como instrutores do ignorante; e que foram chamados de libri laicorum – “os livros do povo”. 

          Desta forma, os muros das Igrejas foram cercados com pinturas, representando todas as transações especiais mencionadas. E aqueles que não entendiam uma letra do livro, sabiam como dar um relato muito bom do Evangelho, sendo ensinados a entenderem as passagens específicas dele, através das pinturas da igreja.

          Assim como os hieróglifos foram os primeiros meios de se propagar o conhecimento, antes que a escrita com letras e palavras fosse inventada, o povo mais ignorante foi ensinado, resumidamente, através das pinturas, o que, devido à escassez de professores, fez com que ele não tivesse a oportunidade de ser completamente instruído nele, de outra forma.

          Mas estas coisas, que eram a princípio pretendidas para o bem, transformaram-se, através das artimanhas do diabo, em uma armadilha para as almas dos cristãos. Porque quando os príncipes cristãos e o rico e poderoso competiam uns com os outros, quem enfeitava os templos com as maiores magnificências, as pinturas junto aos muros tornavam-se pomposas junto aos altares; e o povo, enganado pela aparência exterior dos sacerdotes, saudando e se ajoelhando, (diante daquelas imagens), imaginaram que aqueles gestos eram pretendidos para fazerem honra às imagens, diante das quais eram executados; (o que certamente não eram); e, assim, da admiração, o povo veio a adorá-las.

          De tal forma, que aquilo que primeiro foi designado como monumentos de edificação tornou-se instrumentos de superstição. E o que foi um equívoco fatal no clero, a princípio negligenciado ou despercebido propositadamente, aos poucos (como todos os erros que rastejam na Igreja), reuniu forças; de maneira que, da idiotice do comum ignorante, o veneno infectou aqueles de uma classe melhor, que, devido à sua influência e apoio, trouxeram alguns sacerdotes para a mesma opinião; ou, antes, aqueles sacerdotes tiveram a oportunidade de enganarem o rico e poderoso, especialmente do sexo feminino, para as finalidades não muito reputáveis ou concordantes com a integridade da profissão deles.

          Mas, o que os sacerdotes a princípio ignoraram propositadamente, eles, mais tarde, acabaram apoiando; e o que eles uma vez apoiaram, eles se viram obrigados, pela honra, a defenderem; até que, por fim, a superstição veio a ser pregada nos púlpitos e a grosseira idolatria introduziu-se junto ao povo como verdadeira devoção.

          É verdade, que existiram muitos das ordens sagradas, cujos corações honestos e mentes claras, foram muito contrários a esta inovação; os que pregavam e escreviam contra a adoração de imagens, mostrando a pecaminosidade e a tolice disto. Mas a doença espalhou-se tanto, e o veneno criou tal raiz, que a conseqüência da oposição foi o dividir a Igreja em facções e cismas, o que, por fim, culminou no sangrar e assassinar.

          N.B. Não é espantoso que o que foi tão simples no início, pudesse degenerar-se em tal idolatria, como dificilmente é encontrada no mundo pagão?

          • – “Ei, católicos, vocês adoram imagens!” “Ah tá. Fale com a minha mão.”, O Catequista.

            – “Ainda acha que católicos adoram imagens? Continue falando com a minha mão…”, O Catequista.

            – “Martinho Lutero sobre os crucifixos, imagens de santos e o Sinal da Cruz”, Paraclitus.

            – “O culto da Igreja primitiva”, O Fiel Católico.

            – “Imagem na Igreja é idolatria?”, O Fiel Católico.

            – “Imagens na Igreja, outra vez”, O Fiel Católico.

            – “Réplicas da Arca da Antiga Aliança e outras insanidades”, O Fiel Católico.

            – “Por que a Igreja permite fazer imagens?”, Montfort.

            – “IMAGENS DE ESCULTURA PROTESTANTE IMAGENS DE ESCULTURA EM TEMPLOS PROTESTANTE”, Cai a Farsa.

            – “A IGREJA PRIMITIVA x PROTESTANTISMO (IMAGENS)”, IN PRÆLIO!

          • OS PROTESTANTES FANÁTICOS SABEM QUE IMAGEM NÃO É ÍDOLO ?

            Parece que o deus dos protestantes anda meio esclerosado e esquecido mandando fazer imagens em um lugar e proibindo noutros…

            A Bíblia reza no livro de Josué: “Josué prostrou-se com o rosto em terra DIANTE DA ARCA DO SENHOR, e assim permaneceu até à tarde, imitando-o todos anciãos de Israel” (Jos 7, 6).

            Terão sido idólatras Josué e os anciãos de Israel?
            Apocalipse 5, 6-14: Os Anciãos estão PROSTRADOS e ADORANDO a IMAGEM do CORDEIRO. Afinal, será que podemos interpretar que ATÉ os ANCIÃOS na Glória Celeste são Idólatras ?
            1)- Para ser CONSIDERADO IDOLATRIA : Teríamos que achar que os três elementos: Deus o santo e a imagem são a mesma coisa.
            2)- Nunca se ouviu algum católico defendendo que o Santo era Deus, logo não existe Idolatria.

            3)- Se Considerar que a protração diante das Imagens Santas é Idolatria, então Josué e os anciãos de Israel teria, cometido Idolatria, logo qualquer relação com Idolatria está descartada.
            4)- Para se dizer que os católicos adoram os santos, eles teriam que dizer que S. Francisco, por exemplo, não é S.Francisco, mas Deus.
            5)- E, ainda mais difícil, os católicos teriam que afirmar que S. Francisco é a própria estátua.
            6)- Nisto demonstra que somos mais esclarecidos que os protestantes, pois para os protestantes a imagem eles consideram o próprio Deus,o que não se aplica aos Católicos esclarecidos.
            7)- Nenhum católico acredita que o santo seja Deus ou que ele seja a madeira da estátua (como uma divindade). Logo, não há idolatria possível, (visto que esta consiste em adorar um falso deus , portanto um ídolo).Os Santos foram apenas Imitadores perfeitos de Cristo. Nas imagens sacras e obras de arte católicas se representam os santos, que são pessoas que possuem virtudes que os tornam “imitadores” de Cristo, como aconselhou o próprio S. Paulo:
            “Sede meus imitadores, como também eu sou de Cristo” ( I Coríntios 11:1).
            8)- Parece-nos que o deus dos protestantes, ou as suas interpretações quanto à questão da imagens sacras, andam meio esclerosadas (Esquecendo-se).Pois o mesmo Deus, que no livro do Êxodo proíbe que sejam feitas imagens, manda Moisés fazer dois querubins de ouro e colocá-los por cima da Arca da Aliança (Ex 25, 18-20).

            9)- Manda-lhe, também, fazer uma serpente de bronze e colocá-la por cima duma haste, para curar os mordidos pelas serpentes venenosas (Num 21, 8-9).
            10)- Manda, ainda, a Salomão enfeitar o templo de Jerusalém com imagens de querubins, palmas, flores, bois e leões (I Reis 6, 23-35 e 7, 29).
            11)- Ora, se Deus manda fazer imagens em várias passagens das Sagradas Escrituras (Ex 25, 17-22; 1Rs 6, 23-28; 1 Rs 6, 29s; Nm 21, 4-9; 1Rs 7, 23-26; 1 Rs 7, 28s; etc) e proíbe que se façam imagens em outra, de duas uma, ou Deus é contraditório ou, está havendo uma má interpretação teológica.
            Mais clareza, só cego para não querer ver e entender, o que seria puro orgulho espiritual e falta de humildade, que são atitudes não Cristãs.
            “Pregando a Verdade e confirmando os irmãos na verdadeira fé, com a graça de Deus construo Catedrais nas almas para que nelas possam habitar o Espírito Santo de Deus” ( Pierry de Craon )

          • Adorar é o mesmo que “Venerar” conforme dizem os “estudiosos” Protestantes?

            Atos 5,34: “ Mas, levantando-se no conselho um certo fariseu, chamado Gamaliel, doutor da lei, VENERADO por todo o povo, mandou que por um pouco levassem para fora os apóstolos…”(Segundo a bíblia Protestante : João Ferreira de Almeida)

            Neste caso todo povo Judeu ADORAVA Gamaliel, se adorar for o mesmo que Venerar ? E agora Sr. Falso pastor, mentiroso e embusteiro ? Como sair desta enrascada que você mesmo se meteu ?

            E ainda, criminosamente tentando deturpar outro assunto, dizia o herege: – “Muito mais estranho é a doutrina dos jesuítas no ‘ELUCIDARIUM DE POSA’, onde descreve Maria, concorrendo como homem e mulher para produzir o corpo de Cristo”.

            PURA DETURPAÇÃO! Os Jesuítas apenas referem-se que na terra, fique claro, Maria foi mãe e pai de Jesus em sua geração carnal, visto que Jesus não teve o pai carnal na terra, apenas. Nada de anormal nisto. E encerrando esse capítulo de blasfêmias dizia o vilipendiador: – “As Igrejas protestantes não são irreverentes assim com o nome da mãe do Salvador!”
            Quanto a irreverência das “igrejas protestantes” são as piores possíveis, chamam a MÃE DO SALVADOR de: “IDOLO”, “BONECA”, “UMA COMO OUTRA QUALQUER”, “DEMÔNIO”, “DEUSA”, “DEFUNTA”, etc. E a irreverência física das “igrejas protestantes” vai além: tem uma chamada “Acalanto” só para gays, uma chamada “Sinos de Belém” para pederastas, uma chamada “Universal” que faz “descarrego”, uma chamada “Bola de Neve” só para surfista tatuado, uma chamada “Assembléia de deus” para quem grita na rua, uma chamada “Catedral Esperança” só para lésbicas e Draig Queens, outra chamada “Cuspe de Jesus”, “Cobra de Moisés” e por aí vai. Acabam assim as lorotas do “pastor”.

          • Deus proibiu terminantemente no decálogo esculpir estátuas ou imagens(protestantes)
            O que diz a Bíblia:
            “Farás um propiciatório de ouro puro, 125 cm de comprimento e 75 cm de largura. Farás dois querubins de ouro polido, nas duas extremidades do propiciatório, um de um lado do outro lado, de modo que os querubins estejam nos dois extremos do propiciatório. Os querubins com as asas estendidas por cima estarão encobrindo o propiciatório, um de frente do outro, voltados para o propiciatório. Porás o propiciatório sobre a arca, e dentro da arca o documento da aliança que te darei. Ali me encontrarei contigo, e de cima do propiciatório, no meio dos dois querubins colocados sobre a arca da aliança, eu te comunicarei o que eu ordenar aos israelitas”. (Ex 25, 10-22).
            “O Senhor respondeu-lhe: “Esculpi uma serpente venenosa e colocai-a sobre um poste. Quem for mordido por uma víbora e contemplar a serpente esculpida viverá. Moises obedeceu, fez uma serpente de bronze e a colocou sobre um poste; se alguém era mordido por uma víbora, contemplava a serpente de bronze e vivia. (Nm. 21, 8-9)
            “ Como Moisés levantou a serpente no deserto, assim é necessário que seja levantado o Filho do Homem”. (João 3, 14).

          • Se é pecado adorar imagens, então porque Deus mandou fazer os querubins da arca e a serpente te bronze no deserto?

            MANDAMENTO
            D´us claramente ordenou em Êxodo 20:4: “Não farás para ti imagem de escultura, nem semelhança alguma do que há em cima nos céus, nem embaixo na terra, nem nas águas debaixo da terra”.

            EM ÊXODO 32 O POVO FAZ UM ÍDOLO:
            4 Ele os recebeu e os fundiu, transforman­do tudo num ídolo, que modelou com uma fer­ramenta própria, dando-lhe a forma de um be­zerro. Então disseram: “Eis aí os seus deuses, ó Israel, que tiraram vocês do Egito!”

            O ETERNO REPROVA:
            7 Então o Senhor disse a Moisés: “Des­ça, porque o seu povo, que você tirou do Egito, corrompeu-se.

            ALGO MUDOU:
            Contudo, Moisés é instruído por Deus a fazer “dois querubins de ouro; de ouro batido” (Êxodo 25.18). Mais adiante ele ordenou a Moisés: “Faze uma serpente de bronze, e põe-na sobre uma haste” (Nm 21:8, R-IBB). Posteriormente, o povo adorou essa mesma imagem (2 Rs 18:4).

            D´us então ordenou que Moisés violasse aquele mandamento contra a idolatria, o qual Ele mesmo lhe dera?

            Vejamos o caso dos querubins que D´us mandou Moisés construir. Agora nós temos um caso concreto, alguém que recebeu uma ordem expressa de D´us para construir dois querubins e coloca-los sobre o lugar mais sagrado do culto hebreu: a arca da aliança (Êxodo 25.18). Vamos comparar aqueles querubins que D´us mandou construir, com os ídolos que os cristãos constroem e vejamos se são da mesma natureza, ou se podem ser assemelhados.

            O Material: os querubins deveriam ser construídos em ouro batido, não de prata, nem de outro metal, nem de pedra, ou madeira, ou plástico, ou papel (Êxodo 25.18).

            O Modelo: um ser alado, angelical. Não era a imagem de homem ou mulher (Êxodo 25.20; Deuteronômio 4.16).

            Não eram adorados: A oração e a adoração não eram dirigidas aos querubins, mas ao Senhor que aparecia entre eles, pois os anjos não recebem adoração (Êxodo 25.22; Apocalipse 22.8-9).

            Mulheres não os viam:Somente homens compunham o sacerdócio levítico, e somente sacerdotes e levitas adentravam o Tabernáculo (Êxodo 13.12-13; Números 3.12).

            Pessoas comuns não os viam: Homens que não fossem sacerdotes ou levitas, não podiam adentrar o Tabernáculo.

            Os Sacerdotes não os viam:Os sacerdotes entravam somente no Lugar Santo, onde realizavam seu ofício alimentando o Candeeiro, o Incensário, e a mesa, com os Pães da Proposição, ou, Pães da Presença (Hebreus 9.6).

            Apenas o Sumo Sacerdote via os querubins: Somente o Sumo Sacerdote entrava no Lugar Santíssimo, onde a arca ficava, e só entrava aí uma vez ao ano (Hebreus 9.7; Levítico 16.2).

            Quando a arca era transportada, tinha que ser coberta: Quando transportada, a arca recebia uma coberta de peles de texugos e sobre ela um pano azul (Números 4.5-6).

            Quando os levitas entravam para cobrir a arca, entravam de costas:Quem olhasse para a arca morreria (Números 4.20).

            A arca levou maldição aos filisteus: Deus destruiu a Dagom, ídolo de Asdode, feriu com hemorroidas aquele povo, e com ratos a sua seara (1º Samuel 5.1-12 a 6.1-12).

            Quando as pessoas olharam para dentro da arca, foram punidas: O Senhor feriu 50.070 pessoas que olharam para dentro da arca (1º Samuel 6.19).

            Quando Uzá tocou a arca, foi morto: Uzá tocou a arca e foi morto (2º Samuel 6.6-7)

            Portanto, assim como a serpente de bronze foi construída por ordem de D´us, mas não devia ser incensada; assim como o óleo da santa unção foi feito por ordem de D´us, mas não devia ser copiado; Assim, também, os querubins foram construídos por ordem de D´us, mas não podem justificar a adoção e adoração de imagens de anjos, animais, pessoas.

            Outro exemplo é o da serpente de bronze. Deus mandou que Moisés construísse uma serpente de bronze e a fixasse sobre uma haste. Por obra de D´us, toda pessoa que fosse mordida pelas serpentes ardentes e que olhasse para ela, viveria. Foi assim que muitas pessoas foram salvas da morte certa. Contudo, O rei Ezequias, um rei fiel a D´us, despedaçou aquela serpente de bronze, porque os filhos de Israel queimavam incenso a ela (Números 21.9; 2º Reis 18.3-4). 

            As Escrituras reiteradas vezes condenam a construção, a posse, a vênia, e a adoração de imagens:
            Não farás: Êxodo 20.4; 34.17;
            Não te curvarás: Êxodo 23.24; Miquéias 5.13; Salmo 81.9
            Não terás: Êxodo 20.3; Isaías 40.18-20; 44.9-20
            Não adorarás: 1ª Coríntios 10.14-21

            O mandamento contra a feitura de “imagens de escultura” foi um mandamento proibindo fazer ídolos. D´us não ordenou que Moisés fizesse um ídolo para o povo adorar, mas que fizesse um símbolo para o qual eles poderiam olhar com fé e assim serem curados. Posteriormente, o povo fez daquele símbolo um ídolo. Mas isto não faria com que o símbolo se tornasse algo mau. Afinal, até a Bíblia tem sido adorada como um ídolo. Mas isso não quer dizer que D´us pretendia que ela se tornasse um.

          • ENOCH
            Realmente venerar, não é adorar….
            Significado de Venerar

            v.t.d. Possuir excesso de consideração por; ofertar reverência a: venerar o pai.
            Sentir ou demonstrar adoração por; cultuar: venerar os santos pagãos.
            Expressar ou possuir respeito por; respeitar: venerar os filmes franceses; venerar a arquitetura estrangeira.
            (Etm. do latim: venerari)

            Sinônimos de Venerar

            Sinônimo de venerar: cultuar e idolatra
            então veneravam um homem,chamado gamaliel, esta veneração, nunca foi acompanhada de velas flores em dobrar joelhos, que significa adoração.
            Josué e o povo dobraram seus joelhos diante da arca, pois esta estava dentro dela a glória de Deus, DOBRARAM OS JOELHOS PARA A GLÓRIA E NÃO PARA A ARCA

      • Realmente: o pior cego é aquele que não quer enxergar. Como éTRISTE o VÍCIO de MENTIR. Nós, católicos, ADORAMOS somente o DEUS Vivo e Verdadeiro.

        O ÓDIO que o senhor tem contra a IGREJA CATÓLICA é que o mantém vivo… mas do JUÍZO de Deus o senhor NÃO ESCAPARÁ: “Porquanto, todos nós teremos de comparecer manifestamente perante o tribunal de Cristo, a fim de que cada um receba a retribuição do que tiver feito durante a sua vida no corpo, seja para o bem, seja para o mal” (2 Cor 5, 10).

        Por favor me mostre algum Documento da Santa Igreja Católica ordenando os católicos a ADORAREM IMAGENS.

        Vocês conseguem TOLOS para as suas SEITAS através da CALÚNIA… a religião de vocês é a LÍNGUA e a “Doutrina” é a CALÚNIA.

      • Aos protestantes – apenas uma pergunta: o amor ao dinheiro é idolatria ?
        A minha resposta: é. Vocês são idólatras!

        1)-Os fiéis protestantes não são tão inocentes assim, pois são levados a doar tudo que tem na ganância de receber o dobro, o triplo,conforme as promessas dos seus pastores e bispos…”

        2)-São Paulo classifica a avareza como idolatria:

        Mortificai, pois, os vossos membros terrenos: fornicação, impureza, paixões, desejos maus, cupidez e a avareza, que é idolatria´ (Cl 3,5). A razão do
        Apóstolo ver como idolatria o apego aos bens materiais, sobretudo ao dinheiro, é que isto faz a pessoa amá´lo como a um deus.
        3)-Ninguém pode servir a dois senhores, porque ou odiará a um e amará o outro, ou dedica´se a um e desprezará o outro. Não podeis servi a Deus e a Mamom´ (Mt 6,24).

        4)-São Paulo afirma que ´a raiz de todos os males é o amor ao dinheiro´. (1Tm 6,10) Veja que, portanto, o mal, não é o dinheiro em si, mas o ´amor´ ao dinheiro; isto é, o apego desordenado que faz a pessoa buscar o dinheiro como um fim, e não como um meio.

        5)-Ajuntai para vós tesouros no céu, onde não os consomem nem as traças nem a ferrugem, e os ladrões não furam nem roubam´. (Mt 6,19´20) Se Jesus recomenda ´não ajuntar tesouros na terra´, é porque esta riqueza e segurança são ilusórias e não podem satisfazer´nos, por mais que o mundo nos diga que sim
        6)-O nosso Catecismo diz: ´Toda prática que reduz as pessoas a não serem mais do que meros meios que têm em vista o lucro escraviza o homem, conduz à idolatria do dinheiro e contribui para difundir o ateísmo´. (CIC § 2424).

        7)-Jesus recomendou ao povo: ´Guardai´vos escrupulosamente de toda avareza, porque a vida de um homem, ainda que ele esteja na abundância, não depende de suas riquezas´ (Lc 12,15). Depois de fazer esta recomendação o Senhor contou´lhes aquela parábola do homem rico, cujos campos produziam muito, e que mandou derrubar os celeiros antigos, para construir novos e maiores; e depois disse à sua alma: ´ Minha alma, tens muitos bens em depósito para muitíssimos anos; descansa, come, bebe, e regala´te´. Mas Deus lhe disse na mesma noite: ´Nesta noite ainda exigirei de ti a tua alma. E as coisas, que ajuntaste, de quem serão ? Assim acontece ao homem que entesoura para si mesmo e não é rico para Deus´. (Lc 12,16´21)
        8)-O jovem rico rejeitou segui´lo, porque ´tinha muitos bens´ ! (Mc 10,22). Depois deste episódio Jesus disse aos discípulos: ´Filhinhos, quão difícil é entrarem no Reino de Deus os que põem a sua confiança nas riquezas´. (Mc 10,24)

        9)-A grande crise dos nossos tempos é o conflito do ´ter´ e do ´ser´. Santo Agostinho dizia: ´não andes averiguando quanto tens, mas o que tu és.

        Com relação aos protestantes adoradores de Mamom: I João 2,19: Eles saíram dentre nós, mas não eram dos nossos. Se tivessem sido dos nossos, ficariam certamente conosco. Mas isto se dá para que se conheça que nem todos são dos nossos.

        “Se enxerguei além dos outros, é por que estava no ombro de gigantes” (Isaac Newton)

      • Os protestantes maldosamente confundem que todo o tipo de imagem é um ídolo, que não deveriam ser feitas imagens do que existe em cima no céu, os evangélicos omitem que o texto se refere a imagens de falsos deuses, que negam que há um só Deus e o próprio Deus nunca foi contra imagens religiosas, Ele mesmo ordenou a fabricação de gigantescas imagens de criaturas que existem no céu: No santuário interno ele esculpiu dois querubins de madeira de oliveira, cada um com quatro metros e meio de altura. 1 Reis 6:23

        “De tanto se repetir uma mentira, ela acaba se transformando em verdade” (Joseph Goebbels). É por isso que acreditam tanto nas calunias contra a igreja católica. É a força do mal imperando! O diabo é mesmo o pai das mentiras.
        “Não farás para ti escultura alguma do que está em cima nos céus, ou abaixo sobre a terra, ou nas águas, debaixo da terra”( Ex 20,4).
        O mesmo Deus, no mesmo livro do Êxodo, manda Moisés fazer dois querubins de ouro e colocá-los por cima da Arca da Aliança ( Ex 25,18-20 ). Manda-lhe, também fazer uma serpente de bronze e colocá-la por cima duma haste, para curar os mordidos pelas serpentes venenosas ( Num 21,8-9 ). Manda, ainda, a Salomão enfeitar o templo de Jerusalém com imagens de querubins, palmas, flores, bois e leões ( I Reis 6,23-35 e 7,29 ), etc.
        Seria uma grave blasfêmia desses “crentes” considerar Deus como incoerente, já que num lugar da Bíblia manda fazer imagens, esquecido que no outro lugar o teria proibido! Ora, os primeiros cristãos martirizados aos milhares porque se recusaram a adorar imagens de deuses falsos, estudaram a Bíblia com mais atenção e respeito. Eles não tiravam esses trechos proibitivos de seu contexto e, comparando-os com outros, ficaram convencidos de que Deus proíbe apenas fazer imagens de deuses falsos, e adorá-los, como o faziam os vizinhos pagãos, mas Ele não proíbe fazer outras imagens.
        Eis o verdadeiro sentido desta proibição bíblica, no seu contexto: “Eu sou o Senhor teu Deus, que te fez sair do Egito, da casa da servidão. Não terás outros deuses diante de minha face. Não farás para ti escultura alguma do que (daqueles deuses, que na errada imaginação dos pagãos) está em cima nos céus, ou abaixo sobre a terra, ou nas águas, debaixo da terra. Não te prostrarás diante deles e não lhes prestarás culto, (à imitação dos pagãos) ( Ex 20,2-5). Esta proibição, intencionada por Deus, repete-se em vários lugares da Bíblia, como por ex. “Não adores nenhum outro deus”( Ex 34,14 ) ou “Não farás para ti deuses fundidos”( Ex 34,17).
        Por isso os primeiros cristãos pintaram nas catacumbas muitas imagens das cenas bíblicas do Antigo e Novo Testamento e legaram, para a veneração dos séculos posteriores, as imagens de Cristo-Sofredor, na toalha de verônica, e no sudário sepulcral, guardado em Turim, na Itália.
        Alguns santos dos primeiros séculos afirmavam que as imagens da Bíblia, da Via Sacra, de Jesus crucificado e dos Santos são o único “livro” que também os pobres e analfabetos entendem e aproveitam. Isso vale, ainda hoje, para milhões de pessoas.
        O culto às imagens hoje em dia é muito discutida. As igrejas protestantes dizem se tratar de idolatria.
        O livro do Êxodo proíbe aos israelitas a confecção de imagens. Por quê? Porque poderiam dar a oportunidade dos israelitas imitarem os povos pagãos. Mas essa proibição não era de tudo. Deus mesmo mandou a confecção de Imagens.
        EX 25,17-22: “Igualmente farás um propiciatório, de ouro puro; o seu comprimento será de dois côvados e meio, e a sua largura de um côvado e meio. Farás também dois querubins de ouro; de ouro batido os farás, nas duas extremidades do propiciatório. Farás um querubim numa extremidade e outro querubim na outra extremidade; de uma só peça com o propiciatório fareis os querubins nas duas extremidades dele. Os querubins estenderão as suas asas por cima do propiciatório, cobrindo-o com suas asas, tendo as faces voltadas um para o outro; as faces dos querubins estarão voltadas para o propiciatório. E porás o propiciatório em cima da arca; e dentro da arca porás o testemunho que eu te darei. E ali virei a ti, e de cima do propiciatório, do meio dos dos querubins que estão sobre a arca do testemunho, falarei contigo a respeito de tudo o que eu te ordenar no tocante aos filhos de Israel.”
        É.. Deus mandou a construção de dois querubins… Por isso a Bíblia costuma dizer que “Javé está sentado sobre os querubins” (cf 1sm 4,4; 2Sm 6,2; Rs 10,15; Sl 79,2; 98,1).
        Existem outras leituras que eu aconselho a fazer para um melhor esclarecimento. Abaixo vão as leituras e uma breve descrição:
        1 Rs 6,23-28: O texto menciona os querubins postos junto à Arca da Aliança no Templo de Salomão. 1Rs 6,29s: As paredes do Templo de Salomão foram revestidas de imagens de querubins.
        Nm 21,4-9: O Senhor Deus mandou confeccionar a serpente de bronze para curar o povo mordido por serpentes.
        1Rs 7,23-26: O mar de bronze colocado à entrada do palácio de Salomão era sustentado por 12 bois de metal.
        1Rs 7,28s: Havia entre os ornamentos do palácio de Salomão imagens de leões, touros e querubins. Os próprios judeus compreenderam que a proibição de fazer imagens era condicionada por circunstâncias transitórios, de modo que aos poucos foram introduzindo o uso de imagens nas suas sinagogas. Vide o caso, por exemplo, da famosa sinagoga de Dura-Êuropos, na Babilônia, na qual estavam representados Moisés diante da sarça ardente, o sacrifício de Abraão, a saída do Egito e a visão de Ezequiel.
        Vocês não leem a Bíblia, mas quando leem, não entendem. É que na Bíblia só contém verdades, mas parece que preferem a mentira !

        • ENOCH
          Uma imagem é um ídolo, SE FOR USADA COMO UM ÍDOLO.
          Mas o simples uso de imagens de Jesus, Maria e os santos, por si só não caracteriza idolatria.
          Aquele objeto de madeira, pedra, ouro…não é Jesus, nem Maria.
          Apenas representa os mesmos, até porque as pessoas precisam de um estímulo visual para suas preces, uma espécie de “canal de pensamento”.
          Se imagem é idolatria, não poderia haver fotografias e filmagens.
          Se eu tenho em casa uma foto do meu pai, eu posso dizer “este é o meu pai”, sendo óbvio que ali está apenas uma representação, uma imagem dele, não o próprio.
          Só não existe imagem de Deus e nem pode haver.
          Portanto sou católica e não sou idólatra.

          OMNIA LUX VERITATIS
          “A poderosa luz da verdade”

      • Protestantes alemães pedem perdão pela iconoclastia (destruição das imagens) da Reforma
        A Igreja Protestante Alemã (EKD) pediu desculpas pela destruição generalizada de imagens religiosas durante a Reforma.
        “A Igreja Protestante rejeita a destruição de imagens. As imagens há muito tempo se tornaram uma expressão da piedade protestante”, ressaltou a ‘bispa’ protestante Petra Bosse-Huber em um encontro de delegações do Patriarcado Ecumênico de Constantinopla e da EKD.
        Os clérigos se reuniram em Hamburgo para discutir a palavra “imagem” a partir dos pontos de vista ortodoxo e protestante. O Patriarca Ecumênico Bartolomeu e o presidente da EKD, o bispo Heinrich Bedford-Strohm, enviaram saudações e bênçãos ao encontro de Hamburgo.
        Destruir imagens foi mais comum no período posterior à Reforma. Na primeira metade do século XVI, as estátuas da Virgem Maria e dos santos, as janelas com vitrais, os órgãos e quaisquer outros objetos associados a milagres e ao sobrenatural foram removidos das igrejas católicas e das capelas de beira de estrada e, em muitos casos, destruídos. Particularmente a Suíça, Holanda, Inglaterra e o sul da Alemanha sofreram com isso.
        No sul da cidade alemã de Ulm, em um chamado “Götzentag” (“Dia da idolatria”) em 1531, os defensores da Reforma que estavam convencidos de que os artefatos da igreja eram uma idolatria supersticiosa removeram à força 60 altares e órgãos da catedral.
        Genebra testemunhou uma das ondas mais devastadores de quebra de imagens religiosas. Incitados por um grupo de teólogos protestantes, incluindo o próprio João Calvino, algumas das peças de arte cristã mais preciosas da cidade foram destruídos.
        Christa Pongratz-Lippitt, publicada na revista The Tablet.
        Blog. Comshalom.org/carmadelio

      • Lucianta, agora é sobre o versículo 44 de Isaías:
        PROCISSÃO:

        Qualquer pessoa que tenha lido a Bíblia deve ter-se fartado dos textos, onde o povo de Deus realizava suas procissões.

        Vamos logo aos exemplos:

        1)- “…procissões de luto diante do Senhor dos exércitos?”(Ml 3,14).

        2)- Os dois transportes da Arca da Aliança realizados por Davi, foram em grande festa, onde o próprio rei dançava diante da Arca do Senhor:”Davi, os anciãos de Israel e os chefes de mil foram para retirar da casa de Obededom a arca da aliança do Senhor, e para transportá-la no meio de regozijo.”(1Cr 15,25)

        3)- “Davi e toda a casa de Israel dançavam com todo o entusiasmo diante do Senhor, e cantavam acompanhados de harpas e de cítaras, de tamborins, de sistros e de címbalos.”(2Sm 6,5)

        4)- A bem da verdade toda a caminhada dos israelitas no deserto por 40 anos foi uma LONGA PROCISSÃO, onde a Arca da Aliança sempre ia à frente deles.

        Também o governador Neemias ao inaugurar as muralhas reconstruidas, fez solene procissão com 2 cortejos:

        “Fiz então subir à muralha os chefes de Judá, e formei dois grandes coros para o cortejo. Um ia pela direita, por cima da muralha, na direção da porta da Esterqueira.”(Ne 12,31).
        O salmista diz: Que alegria quando me disseram: Vamos à casa do Senhor.

        Realmente: O Jesus do Evangelho, não é o Jesus dos evangélicos.

        O falsário tradutor protestante, João Ferreira de Almeida, adulterou as já incompletas bíblias protestantes, colocando o termo “Imagem de Escultura”onde nos originais constam ÍDOLO, para fazer confusão. Como poderia Deus proibir “imagens de escultura”se mandou construir duas para colocar sobre a arca da aliança que guardavam as tábuas, que na verdade proíbem ÍDOLOS???? Exemplos das falsificações protestantes estão em (Isaías 44,9-10,15,17). O falsário protestante, além de enfiar “imagem de escultura” onde consta ÍDOLO, ainda enfiou criminosamente a palavra “procissão” em (Is 45,20). Mas não conseguiu adulterar os versículos a seguir, que restauram o sentido verdadeiro dos originais, com o ídolo de Micas, que não era mais um deus, transformado em “imagem” para a casa de Deus: “E os filhos de Dã levantaram para si aquela IMAGEM DE ESCULTURA, e Jônatas, filho de Gérson, o filho de Manassés, ele e seus filhos foram sacerdotes da tribo dos danitas, até ao dia do cativeiro da terra. Assim, pois, A IMAGEM DE ESCULTURA, que fizera Mica, estabeleceram para si, todos os dias que a casa de Deus esteve em Siló”(Jz 18,30-31).
        Que Deus tenha misericórdia de você, de todos os protestantes e te de inteligência!

    • Você retorna ao Antigo Testamento para contradizer as palavras do próprio Jesus? Isso é pecado. Você vai pro inferno.

      “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
      Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
      E ESTES SINAIS SEGUIRÃO AOS QUE CREREM: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas;
      Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.
      Imagino que seja um conflito muito grande para os crentes serem obrigados a conviver com essas contradições. Não é à toa que são taxados de loucos.
      .

    • Mal interpretada? estas passagens claras precisam de interpretação?

      “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura (o famoso IDE).
      Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado (todo pastor prega isso).
      E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas (Malafaia e Marco Feliciano são especialistas nesse tal falar em línguas);
      Já estas partes são esquecidas pelos espertalhões da fé, porque sabem que a picada de uma cobra peçonhenta e veneno são reais: Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão (também estas passagens são praticadas pelos charlatões da fé).
      Marcos 16:15-18″
      Ou seja, dentro do mesmo capítulo, versículos são aplicados ao pé da letra e outros carecem de interpretação. É o famoso embuste bíblico.
      .

  3. Marcos 16:18 diz —- e com as suas mãos apanharão serpentes, e, se beberem algo mortífero, absolutamente não lhes fará mal.

    Estes sinais apontam para os verdadeiros cristãos, no entanto, não vejo esses charlatões que se declaram pastores fazendo isso, apesar de ser bíblico. Afinal, poucos tem essa coragem. Será por que não se mostram tão seguros assim dessa fé insana e doente?
    .

    • O problema desses grupos fanáticos é a distorção que fazem das Escrituras. Não é a Bíblia que dá base para essas loucuras. O Livro dos Salmos fala sobre a promessa da guarda e proteção divina sobre o justo, de maneira especial sobre o Messias, porém ao ser induzido por satanás a lançar-se do pináculo do templo, Jesus responde com o texto de Deuteronômio 6.16: “Também diz a Palavra de Deus: Não tentarás o SENHOR, teu Deus, como o tentaste em Massá.”. (Mt. 4 .7; Lc 4.12).
      Isso aí é pura loucura, esquizofrenia religiosa, distorção das Escrituras, vergonha ao evangelho de Cristo!

      • Distorção das sagradas escrituras? Eu não vejo qualquer necessidade de interpretação neste texto claro como água de pote. E antes que você me venha com aquela estorinha de texto fora do contexto, vamos mais além nas palavras do próprio Jesus:

        “E disse-lhes: Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura.
        Quem crer e for batizado será salvo; mas quem não crer será condenado.
        E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demônios; falarão novas línguas (até aqui, todos seguem);
        Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão (já esta passagem é esquecida por todos os pastores que eu conheço).
        Marcos 16:15-18”
        .

        • Roque, a não ser os crentes, que idolatram a Bíblia e a consideram inerrante, qualquer crítico textual sabe que Marcos 16 do versículo 9 em diante (inclusive o ide) não consta nos manuscritos mais antigos e confiáveis, tendo sido enxertado séculos mais tarde.

          • Eu sei disso, assim como sei que a passagem da mulher adúltura não faz parte dos escritos originais. Mesmo assim, seguem à risca, pelo menos no que diz respeito às mulheres, já que as seitas evangélicas estão cheias de homens adúlteros.
            Então, vale o que está escrito. Pena que poucos se deem ao trabalho de tomar veneno e deixar-se picar por uma cobra coral. Eu chamaria isso de covardia, mas fica a critério.

            .

  4. Devemos respeitar as crendices das pessoas,oque já morreu de católicos procurando benzedeiras em vez do médico não ta no gibi.E essa prática das benzedeiras é até aceita pela cnbb.

  5. Qualquer hora, algum maluco vai ao zoológico querendo entrar na jaula do leão, por causa do episódio de Daniel na cova dos leões.
    Ele entra lá e os leões não vão atacá-lo, espera-se.
    Reze para que os bichos já tenham sido alimentados, senão…NHAC !

    • Clamando, deixa para beber seu litro de pinga depois de comentar aqui, senão ninguém entende nada desses guinchos, uivos e latidos que você escreve aí.

      • VC. NÃO ENTENDE? KKKK PORQUE SERÁ, TALVEZ PORQUE QUEM USE O CANAL DE ESGOTO PARA FAZER SEXO , SE DOENTE MENTAL?
        Homossexualidade e doenças

        Os atos sexuais dos homossexuais masculinos envolvem práticas que são prejudiciais ao corpo e que envolvem um risco elevado de doenças infecciosas. As práticas de sexo oral-genital, genital-anal e oral-anal são responsáveis por muitos tipos de crises de saúde de grandes proporções entre os homens homossexuais. Muitas doenças comuns, e uma variedade de outros problemas, comprovam o fato de que a AIDS é só a mais noticiada e mortal das várias pragas atingindo os homossexuais.

        O Dr. Paul Cameron comenta:

        Quando um indivíduo se torna homossexual, ele passa a desenvolver hábitos anti-sociais. Quase toda criança é ensinada a evitar as fezes. Quando a mãe educa seu filho a usar o pinico, ela explicitamente o ensina a ver as fezes como sujas, nojentas e prejudiciais à saúde. No entanto, a maioria dos homossexuais acaba aprendendo a se envolver completamente com as fezes. Pesquisas passadas sugerem a seguinte progressão seqüencial típica da atividade gay. A idade média de contato sexual genital dos gays é 13 anos. Dois anos mais tarde, eles usam o ânus para ter relações sexuais… um ou dois anos depois, eles deixam que outros gays lhe lambam o ânus por “prazer sexual”. Quando chegam aos 21 anos, a maioria dos gays já aprendeu a fazer tudo. Eles aprenderam a buscar e gozar atividades que os teriam deixado com nojo quando eram crianças. Alguns buscam excitações maiores como o sadomasoquismo, enfiar o punho inteiro pelo ânus, comer fezes ou beber urina.

        Sexualidade Sem Propósito:

        Os Riscos da Atividade Homossexual

        Embora os ativistas gays tentem constantemente passar para o público a idéia de que o estilo de vida homossexual não oferece perigo algum para ninguém, suas práticas sexuais os tornam vulneráveis a uma variedade de doenças. O Dr. Thomas Schmidt explica:

        É importante entender que ainda que venham a descobrir uma cura para o HIV e a AIDS, os homens homossexuais continuariam a pagar um preço físico horrível por suas atividades, da mesma forma que eles já estavam pagando antes do começo da epidemia. Classificarei esses problemas em termos de trauma físico, infecções não-virais e infecções virais. Em alguns desses problemas de saúde, os homens homossexuais perfazem pelo menos 70 por cento do total de casos registrados. Os médicos que trabalham com homens homossexuais agora recebem treinamento para regularmente procurar em seus clientes pelo menos 15 doenças comuns, sem contar o HIV e a AIDS, e esse número poderia ser duplicado ou triplicado se levássemos em consideração problemas menos comuns.

        Antes de prosseguirmos, precisamos de uma breve e simples lição de anatomia. Não é necessário um diploma médico para compreender o risco de infecção que há quando a boca entra em contato com o pênis ou o ânus, mas poucas pessoas entendem que internamente o ânus é vulnerável a danos. A parte final do sistema digestivo, o intestino grosso, é um longo tubo de uns 15 cm que consiste principalmente do cólon. O cólon termina fazendo uma virada bem acentuada para baixo, onde fica estreito e curto, criando outra área chamada o reto. O último centímetro do tubo é o canal anal, uma área cheia de nervos, alinhada com células epiteliais cubóides estratificadas e cercada pelo músculo esfíncter anal. O reto é alinhado com uma única camada de células epiteliais, em forma de colunas, cujo propósito é absorver líqüidos.

          • Tudo o que você postou aí é pseudociência produzida por crentes fanáticos. Já consultei vários médicos e todos eles disseram que sexo anal pode ser praticado sem problema bastando apenas tomar alguns cuidados simples, sendo que já dei muito e continuo, como sempre, com o rabinho perfeito, velho idiota.

  6. “E estes sinais seguirão aos que crerem: Em meu nome expulsarão os demónios; falarão novas línguas; Pegarão nas serpentes; e, se beberem alguma coisa mortífera, não lhes fará dano algum; e porão as mãos sobre os enfermos, e os curarão.” (Marcos 16:17-18)

    O evangélico confiou nas palavras falsamente atribuidas a Jesus pela Bíblia montada por católicos e endossadas por evangélicos e se deu mal. Só falta agora beberem veneno.

  7. Como é que é ??? – Evangélicos agora também usam imagens em seus templos ?

    Fazer Culto e adoração a Arca ? Onde isto na bíblia ?
    Quer dizer que agora os protestantes podem rezar diante da imagem da arca, Cristo, cruz etc, e poder dizer que não se ora ao objeto, mas a quem ele representa como sempre os Católicos entendem e tentam explicar, mas os católicos não podem é isto ?…
    E depois ficam a dizer que os idólatras são os Católicos. Quanta contradição !!!

    Veja a relação das Igrejas:
    IGREJA EVANGÉLICA BATISTA
    IGREJA EVANGÉLICA UNIVERSAL DO REINO DE DEUS
    IGREJA EVANGÉLICA PRESBITERIANA
    IGREJA EVANGÉLICA LUTERANA
    IGREJA EVANGÉLICA METODISTA
    IGREJA EVANGÉLICA QUADRANGULAR
    IGREJA EVANGÉLICA SARA NOSSA TERRA
    IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLÉIA DE DEUS

    1)- IGREJA PRESBITERIANA, TODA COMUNIDADE SE PROSTAM DIANTE DA IMAGEM DE ESCULTURA A ARCA:
    2)- SEMINÁRIO EVANGÉLICO SHEKNAH– MUITOS GRITOS, LOUVORES, TOQUES E PROSTRAÇÃO DIANTE DA ARCA:
    3)- IGREJA EVANGÉLICA ASSEMBLÉIA DE DEUS NOVA IGUAÇU— MOMENTO SOLENE NA ENTRADA DA IMAGEM DE ESCULTURA DA ARCA COM MUSICA TOCAR DO SHOFAR LUZES E GLORIFICAÇÕES COM A VÓZ:
    4)- IMAGEM DE LEÃO DE JUDA EM ESTANDART PRINCIPAL É RECEBIDA COM APLAUSOS EM ASSEMBLÉIA DE DEUS Festa realizada em 2005 na Catedral das Assembléias de Deus em Brasília, sede da Convenção de Madureira:
    5)- CDJDI IGREJA EVANGÉLICA Casa Deus Jundiaí:
    IGREJA EVANGÉLICA IEPNABE, VEJAM COMO ELES SE RETORCEM DIANTE DA IMAGEM DE ESCULTURA A ARCA:
    6)- IGREJA EVANGÉLICA ENSINANDO QUE FAZER USO DA IMAGEM DE ESCULTURA DA ARCA DENTRO DE SUA CASA SERÁ TREMENDAMENTE ABENÇOADO SEGUNDO AS ESCRITURAS.

  8. LUTERO ENSINOU O USO DE IMAGENS:
    O costume de segurar um crucifixo diante de uma pessoa que esteja morrendo tem mantido muitos na comunidade Cristã e permitiu-lhes morrer com uma Fé confiante no Cristo crucificado. (Sermão sobre João, Capítulos 1-4, 1539; LW, Vol. XXII, 147)
    Foi uma prática boa segurar um crucifixo de madeira diante dos olhos dos moribundos ou pressionar nas mãos deles. Isto trouxe o sofrimento e a morte de Cristo a mente, e confortava os moribundos. Mas para os outros, que arrogantemente se basearam em suas boas obras, entraram num céu que continha um fogo crepitante. Pois eles foram afastados de Cristo e falharam em impressionar a Paixão e morte vivificante de Jesus, em seus corações.(Sermão sobre João, Capítulo 6-8, 1532; LW, Vol. XXIII, 360)
    Quando eu escuto falar de Cristo, uma imagem de um homem pendurado numa cruz toma meu coração, assim como o reflexo de meu rosto aparece naturalmente na água quando eu olho nela. Se não é pecado, mas sim bom em ter uma imagem de Cristo em meu coração, porque deveria ser um pecado de tê-lo em meus olhos? (Contra os Profetas Celestiais, 1525; LW, Vol. 40, 99-100)
    Agora, nós não pedimos mais do que gentileza em considerar um crucifixo ou a imagem de um santo, como testemunha, para a lembrança, como um sinal, assim como foi lembrado à imagem de César. (Contra os Profetas Celestiais, 1525; LW, Vol. 40, 96)
    E eu digo desde já que de acordo com a lei de Moises, nenhuma outra imagem é proibida, do que uma imagem de Deus no qual se adora. Um crucifixo, por outro lado, ou qualquer outra imagem santa não é proibida. (Ibid., 85-86)
    Onde, porém, imagens ou estatuas são produzidas sem idolatria, então a fabricação delas não é proibida.
    Meus confinadores devem também deixar-me ter, usar, e olhar para um crucifixo ou uma Madonna… Contanto que eu não os adore, mas apenas os tenha como memoriais. (Ibid., 86,88)
    Porém, imagens para memoriais e testemunho, como crucifixos e imagens de santos, são para ser tolerados… E não são apenas para ser tolerados, mas por causa do memorial e testemunho eles são louváveis e honrados… (Ibid., 91)

    • Eu ainda não terminei.
      “PROCISSÃO”
      OU “CARREGAM OS SEUS ÍDOLOS”
      TROCARAM A PALAVRA PROCISSÃO no lugar de AQUELES QUE TRAZEM
      Exemplos das falsificações protestantes estão em (Isaías 44,9-10,15,17). O falsário protestante, além de enfiar “imagem de escultura” onde consta ÍDOLO, ainda enfiou criminosamente a palavra “procissão” em (Is 45,20).
      Isaías 45:20
      BIBLIA CATÓLICA
      45:20 Vinde, reuni-vos todos, aproximai-vos, vós que fostes salvos dentre as nações! Nada disso compreendem aqueles que trazem seu ídolo de madeira, aqueles que oram a um deus impotente para salvar.
      ==========================
      BIBLIA PROTESTANTE ADULTERADA
      45:20 Congregai-vos, e vinde; chegai-vos juntos, os que escapastes das nações; nada sabem os que conduzem em procissão as suas imagens de escultura, feitas de madeira, e rogam a um deus que não pode salvar.
      ==========================
      ORIGINAL FRANÇES:
      20. Assemblez-vous et venez, approchez ensemble, Réchappés des nations! Ils n`ont point d`intelligence, ceux qui portent leur idole de bois, Et qui invoquent un dieu incapable de sauver.
      ==========================
      FINALIDADE DA ADULTERAÇÃO:
      Forçar a falsa idéia que a procissão católica não passa de uma forma de idolatria, ou melhor caluniar os católicos de IDÓLATRAS

  9. Pergunta: “É a adoração a santos e a Maria bíblica?”

    Resposta:A Bíblia é absolutamente clara ao dizer que devemos adorar somente a Deus. As únicas ocorrências na Bíblia de alguém, além de Deus, recebendo adoração, são em relação a falsos deuses, que são Satanás e seus demônios. Todos os seguidores do Senhor Deus rejeitam adoração a eles dirigida. Pedro e os apóstolos se recusaram a ser adorados (Atos 10:25-26; 14:13-14). Os santos anjos se recusaram a ser adorados (Apocalipse 19:10; 22-9). A resposta é sempre a mesma: “Adora a Deus!”

    Os católicos romanos tentam “fazer vista grossa” a estes claros princípios escriturais dizendo que não “adoram” Maria ou santos, mas que, ao invés, somente “veneram” Maria e os santos. Usar uma palavra diferente não muda a essência do que está sendo feito. Uma definição de “venerar” é “olhar com respeito e reverência”. Em nenhum lugar da Bíblia a nós é dito para que reverenciemos qualquer um que não seja Deus, e apenas Deus. Não há nada de errado em respeitar estes cristãos cheios de fé que nos antecederam (veja Hebreus capítulo 11). Não há nada de errado em honrar Maria como a mãe
    terrena de Jesus. A Bíblia descreve Maria como “agraciada” do Senhor (Lucas 1:28). Ao mesmo tempo, não há qualquer instrução na Bíblia para que reverenciemos aqueles que já foram para o Céu. Devemos sim seguir o exemplo que deram, mas não adorá-los, reverenciá-los ou venerá-los, não isso!

    Quando forçados a admitir o que eles fazem, ou seja, adorar Maria, os católicos dizem que eles adoram a Deus através dela, louvando a maravilhosa criação que Deus fez. Maria, em suas mentes, é a mais bela e maravilhosa criação de Deus, e louvando-a, eles estão louvando seu Criador. Para os católicos, isto
    é o mesmo que elogiar um artista por meio do elogio a sua escultura ou pintura. O problema com isto é que Deus explicitamente ordena contra a adoração a Ele através das coisas criadas. Não devemos nos curvar e adorar qualquer semelhança do que há em cima nos céus nem embaixo na terra (Êxodo 20:4-5). Romanos 1:25 não poderia ser mais claro: “Pois mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviram mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente. Amém.” Sim, Deus criou coisas maravilhosas e surpreendentes. Sim, Maria era mulher piedosa, que é digna de nosso respeito. Não, absolutamente
    não devemos adorar a Deus de forma “indireta” ao louvarmos outras coisas (ou pessoas) que Ele criou. Fazê-lo é óbvia idolatria.

    A maioria dos católicos “venera” Maria e os santos orando a eles. Como demonstra o artigo seguinte, a oração a qualquer um que não seja apenas Deus é antibíblico – orar a santos e Maria. Se Maria e/ou os santos recebem orações, ou petições, isto é prática não-bíblica. A oração é um ato de adoração. Quando oramos a Deus, estamos admitindo que precisamos de Sua ajuda. Direcionar nossas orações a qualquer um que não seja Deus é roubar de Deus a glória que é
    somente Sua.

    Outra forma que os católicos têm de “venerar” Maria e os santos é criando estátuas e imagens deles. Muitos católicos usam imagens de Maria e/ou dos santos como “amuletos de boa sorte”. Qualquer leitura superficial da Bíblia irá revelar que esta prática é evidente idolatria (Êxodo 20:4-6; I Coríntios 12:2; I João 5:21). Rezar passando os dedos nas contas do rosário é idolatria. Acender velas perante uma estátua ou retrato de santos é idolatria. Enterrar uma estátua de José na esperança de vender sua casa (e outras incontáveis práticas católicas) é idolatria.

    A terminologia não é a questão. Se a prática é descrita como “adoração” ou “veneração”, ou qualquer outro termo, o problema é o mesmo. A qualquer momento que creditarmos algo que pertence a Deus a qualquer outro alguém, isto é idolatria. A Bíblia, em nenhum lugar, nos instrui para que reverenciemos, oremos, confiemos ou “idolatremos” qualquer um que não seja Deus. Devemos adorar somente a Deus. Glória, louvor e honra pertencem somente a Deus. Somente Deus é digno de “…receber glória, e honra, e poder…” (Apocalipse 4:11). Somente Deus é digno de receber nossa adoração,
    exaltação e louvor (Neemias 9:6; Apocalipse 15:4).

    • Realmente: o pior cego é aquele que não quer enxergar. Como éTRISTE o VÍCIO de MENTIR. Nós, católicos, ADORAMOS somente o DEUS Vivo e Verdadeiro.

      O ÓDIO que o senhor tem contra a IGREJA CATÓLICA é que o mantém vivo… mas do JUÍZO de Deus o senhor NÃO ESCAPARÁ: “Porquanto, todos nós teremos de comparecer manifestamente perante o tribunal de Cristo, a fim de que cada um receba a retribuição do que tiver feito durante a sua vida no corpo, seja para o bem, seja para o mal” (2 Cor 5, 10).

      Por favor me mostre algum Documento da Santa Igreja Católica ordenando os católicos a ADORAREM IMAGENS.

      Vocês conseguem TOLOS para as suas SEITAS através da CALÚNIA… a religião de vocês é a LÍNGUA e a “Doutrina” é a CALÚNIA.

    • 1537 – Lutero percebendo seu erro diz: “em breve serão tantas as seitas e tantas as religiões quantas são as cabeças.”
      “Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho;
      O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo.
      Mas, ainda que nós mesmos ou um anjo do céu vos anuncie outro evangelho além do que já vos tenho anunciado, seja anátema.
      Assim, como já vo-lo dissemos, agora de novo também vo-lo digo. Se alguém vos anunciar outro evangelho além do que já recebestes, seja anátema.” – Gálatas 1:6-9
      Sabendo que o Espírito Santo não se divide, perguntamos por que tantas igrejas protestantes com tantas doutrinas divergentes entre si, se todos contam com a assistência do mesmo Espírito Santo em suas interpretações ?

      É possível que o Espírito Santo ensine a alguns o batismo e a outros não ? É possível que o Espírito Santo sopre no ouvido de alguém que o divórcio é lícito e para outro diga o contrário ?

    • CATÓLICO BEM FORMADO
      “E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.” (João 8, 32)

      O Cristão sem Formaçao de Hoje, será o Agnóstico,Ateu ou PROTESTANTE de Amanhã

      “Estai sempre prontos a responder para vossa defesa a todo aquele
      que vos pedir a razão de vossa esperança.” (I Pedro 3,15)

      “O bom protestante torna-se católico e o mau católico torna-se protestante”

      ” O Estudioso Protestante torna-se Católico e o Ignorante e Preguiçoso Católico, se Torna Protestante”

      Católico Formado e Informado é um Católico Preparado!

      Católico que não estuda vira Protestante, Protestante que estuda realmente vira Católico

      Católicos maus instruídos viram protestantes! Protestantes bem instruídos viram Católicos! Fato!

      Tenho dito: aquele que tem compromisso com a Verdade torna-se católico ou permanece católico. Aquele que tem compromisso com o próprio ego, tenta refutar o irrefutável. Contra fatos não há argumentos. Mas contra a fé não há fatos. Ora, se num universo absoluto a Verdade é única, logo, aquele que está em comunhão com a Verdade, também está em comunhão com Cristo.

      Atacar é para os ignorantes; reconhecer, é para quem quer saber a verdade!

      O Pior Cego(Cristão) é aquele que não quer ver e o Pior ignorante(Cristão) é aquele que não quer Aprender

      Levar os Homens à verdade é o maior beneficio que se pode Prestar aos outros (Sao Tomas de Aquino)

      “Todos vocês devem seguir a liderança do bispo, como Jesus Cristo seguiu a do Pai; seguir o presbitério como seguiriam os Apóstolos; reverenciar os diáconos como reverenciariam os mandamentos de Deus. Não permitam que ninguém toque na Igreja, a não ser o bispo ou alguém enviado por ele. Onde está o bispo, é onde o povo deve estar, assim como onde Jesus Cristo está, igualmente está a Igreja Católica. Sem a autorização do bispo, não é permitido batizar ou organizar um culto; mas tudo que ele aprova é também agradável a Deus. Se agirem assim, tudo que fizerem será isento de perigo e válido. (“Santo Inácio de Antioquia, Carta aos Cristãos de Esmirna, Ano 107 A.D.)

      Não se opor ao erro é aprová-lo, e não defender a verdade é suprimi-la; e a nossa negligência em defender a verdade, quando podemos fazê-lo, é tão pecado quanto incentivar o erro. ” Papa São Félix III

      Os inimigos declarados de Deus e da Igreja devem ser difamados tanto quanto se possa, desde que não se falte à verdade, sendo obra de caridade gritar “Eis o Lobo” quando está entre o rebanho ou em qualquer lugar onde seja encontrado (São Francisco de Sales)

      Dizia Marcus Moreira Lassance Pimenta: “Ao ignorante, basta uma mentira bem contada para que a tenha como verdade. E ao sábio, não há mentira que o impeça de buscar a verdade”.

      O Verdadeiro Amor está baseado na verdade, quando se tira a verdade, isso não é amor, é Sentimentalismo (Papa Bento XVI)

      Não existe santidade sem Amor. E não pode existir Amor sem a verdade. Ora, assim como só se pode dar a saúde combatendo a doença, também só se pode defender e ensinar a verdade, condenando o erro oposto a ela. ( Papa Bento XVI)

      “Só na verdade é que o amor refulge e pode ser autenticamente vivida. A verdade é luz que dá sentido e valor ao amor. Esta luz é simultaneamente a luz da razão e a da fé, através das quais a inteligência chega à verdade natural e sobrenatural do amor: identifica o seu significado de doação, acolhimento e comunhão. Sem verdade, o amor cai no sentimentalismo. O amor torna-se um invólucro vazio, que se pode encher arbitrariamente. É o risco fatal do amor numa cultura sem verdade; acaba prisioneiro das emoções e opiniões contingentes dos indivíduos, uma palavra abusada e adulterada chegando a significar o oposto do que é realmente. A verdade liberta o amor dos estrangulamentos do emotivismo, que a despoja de conteúdos relacionais e sociais, e do fideísmo, que a priva de amplitude humana e universal. Na verdade, o amor reflete a dimensão simultaneamente pessoal e pública da fé no Deus bíblico, que é conjuntamente «Agápe» e «Lógos»: Caridade e Verdade, Amor e Palavra” (Bento XVI, Caritas in veritate, n0 3).

      Santo Agostinho concluímos: “Amai muito a inteligência e a compreensão da verdade. Pois é necessário bem compreender pra crer verdadeiramente”. (Por melhor que seja a sua intenção, se você comprar uma jóia falsa, você estará no prejuízo. E em se tratando da salvação, já pensou que prejuízo!!!)

      CONTRA FATOS HISTÓRICOS, ARQUEOLOGICOS, DOCUMENTAIS E LÓGICOS NAO É POSSIVEL EXISTIR ARGUMENTOS….E PONTO FINAL!!

      Tire suas dúvidas sobre temas de nossa fé, tais como: aborto, Sexo, homossexualismo, apostasia, heresia, imagens, alma, inferno, etc.

      www. dicionariodafe. com
      www. veritatis. com. br
      WWW. macabeus.no.comunidades. net
      www. padrepauloricardo. org
      www. caiafarsa. wordpress. com
      www. paraclitus. com. br
      www. afeexplicada. wordpress. com
      www. cleofas. com. br
      www. veniteadoremus. com
      www. catolicismoromano. com. br
      www. lepanto. com. br
      www. apologistascatolicos. com. br
      www. franciscocatolico. com. br/
      www. catolicoporque. com. br
      www. respostascatolicas. webnode. com. br/
      www. sadoutrina. wordpress. com
      www. mentiras-evanglicas-e-outras.blogspot. com. br/
      www. catecismojovem. com. br
      WWW. deusemdebate. blogspot. com. br

      LIVROS CATÓLICOS PARA BAIXAR E ESTUDAR:

      alexandriacatolica.blogspot.com.br/
      www. obrascatolicas. com/livros/
      br. dir. groups. yahoo. com/ …/eccsoldavida/ message/1139
      www. leiturascatolicas. com/
      catolicosnarede. wordpress. com/e-books/
      just-imperatriz.blogspot. com. br/…/download-de…
      tottustusmaria. com/maria/index. html
      lamentabili. blogspot. com. br/…/livros-catolicos…
      missaomaterrosarium. blogspot. com. br/…/livros…

      CATÓLICO IGNORANTE, FUTURO PROTESTANTE.
      Não é raro escutarmos ou depararmos com postagens de pessoas que se diziam católicas, que frequentavam missas, ex catequistas,ex membros de pastorais, ex coroinhas, ex padres etc que usam a velha história dizendo: “Fui católico (a) por x anos, até que um dia a “verdade” foi relevada a mim, hoje sou evangélico(a), tive um encontro pessoal com Cristo ou Quando católico(a) adorava imagens e hoje evangélico(a) eu conheço a palavra, leio a bíblia, vcs estão errados…” Bom, será mesmo que eram verdadeiramente católicos? Tomo a liberdade de colocar uma frase conhecida que diz: ” vc ficar parado em uma garagem não te faz um carro” sim, da mesma forma que vc apenas “frequentar” a Igreja Católica também não pode te fazer um católico, mas como? Oras, há muitas pessoas que assistem a missa todos os dias, participam de pastorais, comungam enfim, se dizem católicos mas nunca procuraram estudar verdadeiramente a doutrina de sua religião, nunca sequer prestou atenção verdadeiramente na homilia, nunca buscaram viver a palavra de Deus, em muitos casos a pessoa se diz católica mas, facilmente se deixam levar por conversas e ilusões do mundo protestante. Seria ótimo se cada pessoa que se diz católico buscassem ler o catecismo e conhecessem a religião ao qual está seguindo ( ou diz seguir) verás que as difamações inventadas no mundo protestante desde a época de Lutero são todas equivocadas, saberás que católicos não adoram imagens coisa nenhuma, que salmo 115, Exodo 20 e demais passagens preferidas usadas por protestantes para nos atacar em relação às imagens não têm nada a ver com a Comunhão dos Santos, saberás também que nós católicos nunca colocamos Nossa Senhora acima de Deus, jamais, como diz a frase: “Católico ignorante, futuro protestante” isso é fato, só vira protestante o católico que não conhece a religião, que nunca procurou estudar sobre ela, que nunca leu uma passagem bíblica, sim, temos que estudar o catecismo juntamente com as Sagradas Escrituras aí com certeza saberão que os Sacramentos, credos da Igreja Católica têm sim fundamentos bíblicos, não são invenções humanas. Então, eis a dica, se vc é católico, leia o catecismo, anote, pergunte se tiver dúvidas, lembre-se de que o mundo está cheio de pessoas mal intencionadas, loucos para confundir a cabeça das pessoas e as afastarem da igreja de Cristo. Pense nisso!

  10. 15 RAZÕES PORQUE DEIXEI DE SER CATÓLICO ROMANOConfissões de um Ex-padre

    “E ouvi outra voz do céu que, que dizia sai dela povo meu, para que não sejas participante dos seus pecados, e para que não incorras nas suas pragas. Apocalipse 18:4”.

    Ex Padre Josias de Souza Lima

    15 razoes porque deixei de ser católico romano:

    1- Porque Jesus disse “Examinai as Escrituras porque cuidais ter nelas a vida eterna, e são elas que de Mim testificam” (João 5:39).
    Se é pelo intermédio das Escrituras e mediante os ensinos de Jesus que “uma vez aceitando-O alcançamos a salvação” exclui-se, portanto que seja pela igreja católica.

    2 Não sou católico romano porque sendo a religião cristã fundada por Cristo, foi durante 200 anos divulgada sem modificações nem acréscimos, mas dali pra cá surgiram novas doutrinas,
    falsificações, e toda a sorte de cerimônias estranhas ao Novo Testamento, que foram discutidas em concílios e aprovadas por homens, daí nascendo a Igreja Católica Romana.
    “Mudaram a verdade de Deus em mentira, e honraram e serviam mais a criatura do que o Criador, que é bendito eternamente”(Romanos 1:25).

    3- Não sou Católico Romano, porque atendendo ao pedido de Jesus no que Ele diz examinai as Escrituras, isso tenho feito e nunca encontrei nos livros sagrados do Novo Testamento o “Ofício da
    Missa”.
    A razão porque não encontrei, é que foi composto pelo Papa Gregório I uns 600 anos depois de Cristo.

    4 Não sou Católico Romano, porque não encontrei uma passagem no novo testamento que mostre algum dos apóstolos diante do altar incensando imagens. 
    A razão porque não encontrei, é que o culto das imagens foi decretado pelo 2.º Concilio de Nicéia 787 depois de Cristo. 

    5 Não sou Católico Romano, porque não encontrei no Novo Testamento
    um só trecho que fale de ter havido na Igreja primitiva alguma procissão eucarística.
    A razão porque não encontrei, é que começou em 1360 anos depois de Cristo.

    6- Não sou Católico Romano, porque não encontrei um versículo qualquer na Bíblia que recomende o uso do rosário.
    A razão porque não encontrei, é que apareceu com o Pedro Eremita em 1090 depois de Cristo.

    7- Não sou Católico Romano, porque não encontrei na Bíblia
    Sagrada um só mandamento que proíba o casamento dos ministros da religião.
    A razão porque não encontrei, é que foi proibido pelo Papa Gregório VII em 1074 depois de Cristo.

    8 Não sou Católico Romano porque não encontrei nas Escrituras Sagradas a palavra “Purgatório”.
    A razão porque não encontrei, é que não existe e só foi promulgado pelo concílio de Trento, em 1563 depois de Cristo. Antes desta data não havia nenhuma alma no purgatório, pois não havia sido criado pelo Papa.

    9 Não sou Católico Romano porque não encontrei uma só passagem no Novo Testamento que mostre algum ministro de Deus aspergindo água benta no caixão de um morto e fazendo-lhe recomendação.
    A razão porque não encontrei, é que foi criado pela Igreja Católica, a fabricação da água benta apareceu 1000 anos depois de Cristo.

    10 Não sou Católico Romano porque não encontrei na Palavra de Deus que se deve orar e render culto aos Santos e aos Anjos.
    A razão porque encontrei, é que foi criado pela Igreja no ano 788
    depois de Cristo. E o culto das imagens foi decretado pelo 2º Concilio de Nicéia em 787 depois de Cristo.

    11 Não sou Católico Romano, porque não encontrei nas Escrituras Sagradas que entre Deus e os homens há outro mediador e intercessor fora de Jesus Cristo (I Tim 2:5)

    12 Não sou Católico Romano porque não encontrei na Bíblia Sagrada a ”confissão auricular”.
    A razão porque não encontrei, é que foi estabelecida como doutrina pelo
    4º concilio de Latrão Roma em 1215 depois de Cristo.

    13 Não sou Católico Romano porque não encontrei na Escrituras Sagradas a “Transubstanciação” doutrina da hóstia transformada no corpo de Cristo (osso, carne, nervos, unhas, cabelos, sangue, espírito e divindade).
    A razão porque não encontrei, é que esta inovação foi criada no concilio de Latão em 1215 depois de Cristo.

    14 Não sou Católico Romano porque a Bíblia diz que “se alguém ouvir as palavras deste livro vivera,
    mas se alguém lhe acrescentar mais alguma coisa. Deus lhe fará vir sobre eles as pragas escritas neste livro. E se alguém “Tirar quaisquer palavra do livro desta profecia, Deus lhe tirara a sua parte da arvore da vida e da cidade Santa.” (Apocalipse 22:18,19).

    15 Não sou Católico Romano, porque disse Jesus em Apocalipse “sai dela povo Meu para que não sejas participante dos seus pecados e não tomes partes nas suas pragas” (Apoc. 18:4).

    Ao leitor inteligente, bastam estas advertências, uma vez que provamos que Roma Papal incorre nas condenações de Deus. Ela mudou, acrescentou, e diminuiu a palavra divina em concílios e decretos, por estas razoes não sou Católico Romano.
    E no dia que encontrar qualquer Católico Romano Padre ou leigo que provar com versículos a autenticidade para tais doutrinas, deixo de ser Cristão Evangélico para ser Católico Romano.

    • O que é protestantismo

      O protestantismo é filho do Pai da mentira, e tem como sua maior arma não a verdade, mas a mentira.

      E sempre fez vasto uso dela,para denegrir a Igreja Católica vejam o que dizia Lutero o fundador do protestantismo:

      Em carta a Jerônimo Weller, Lutero escreveu:

      “Se o demônio te tentar com bebedeira, bebe, e bebe em nome de Cristo”.

      Lutero defendia a tese da santidade do pecado: quanto mais pecado se cometesse mais santo se seria. Ele insultava Cristo dizendo que Jesus era adúltero e bêbado.

      Que Lutero disse que Cristo era adúltero, está no livro de Lutero, Tischeredden: Conversas à Mesa, n* 1472, edição de Weimar, volume II, p. 107, apud Franz Funck Brentano, Martim Lutero, editora Vecchi, Rio de Janeiro, 1956, p.151.

      Quando discuto com algum protestante, recomendo que leiam os livros e discursos de Lutero, especialmente suas conversas à mesa que são escandalosíssimas.

      De fato, Roma, no tempo do Renascimento, era bem corrupta. Por isso Lutero gostou muito de lá.Lutero jamais quis reformar os vícios do clero corrupto, do qual ele era um exemplar bem típico.

      O que Lutero queria reformar era a lei de Deus, para permitir os pecados, como ele o permitiu com a sua doutrina da santidade do pecado, com o seu axioma:

      “Crê firmemente e peca muitas vezes,pois o perdão e eleição de Deus é irrevogável, portanto, crer firmemente no Senhor Jesus e podes pecar a vontade, pois uma vez salvo, salvo para sempre…”

      E PARA DEFENDER O USO DA MENTIRA DIZIA:

      “Que mal pode causar se um homem diz uma boa e grossa mentira por uma causa meritória e para o bem da Igreja (luterana) ?…” (Grisar, Hartmann, S.J., Martin Luther, His life & work, The Newman Press, 1960- pág 522).

      Sábio conselho é o de Jesus, aos difusores dessa mentira diabólica:

      “Vós tendes por pai o Diabo, e quereis satisfazer os desejos de vosso pai; ele é homicida desde o princípio, e nunca se firmou na verdade, porque nele não há verdade; quando ele profere mentira, fala do que lhe é próprio; porque é mentiroso, e pai da mentira”. (Jo 8,44).

      Lutero resumiu bem o pensamento protestante:

      “Quem não crê como eu está destinado ao inferno. O meu juízo e o juízo de DEUS são a mesma coisa.”

      Os protestantes, não raro, seguem o conselho de Voltaire: “Menti, menti, porque sempre fica alguma coisa!”

      “Existem pouquíssimas pessoas neste mundo que realmente odeiam CEGAMENTE a Igreja Católica, mas infelizmente há milhões que odeiam o que eles PENSAM ser a Igreja Católica… (Fulton J. Sheen)”
      “Para fundar Igrejas duas coisas são necessárias. A primeira é morrer na cruz e isto eu não quero. E a segunda é retornar do mundo dos mortos. E isto eu não posso.” (Napoleão Bonaparte)

    • Você sabe por que Jamais devemos ser protestantes ?
      E te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a MINHA Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela…” ( Mateus 16,18).

      A partir deste versículo retirado de Mateus 16,18, é com muita confiança que podemos ter a certeza, de que Jesus quis fundar(EDIFICAR) sim a Igreja, e entregou a Pedro a sua única Igreja para continuar sua missão D’ele no mundo: Anunciar, acolher,curar, salvar e estabelecer o Reino de Deus.

      Portanto, esta mesma e única Igreja, prefigurada no antigo testamento com a ARCA DE NOÉ, tendo apenas um único condutor : NOÉ, e quem não entrou nela PERECEU, por isto a Igreja afirma: FORA DA IGREJA (Convocação de Deus) NÃO HA SALVAÇÃO .

      Os QUATRO atributos desta Igreja fundada por Cristo, SUBSISTEM APENAS na Igreja Católica apostólica Romana. Que atributos são estes ?

      1)- UNA – Uma só doutrina proclamada no mundo inteiro, uma só fé, um só Senhor e um só batismo ( Efésios 4, 5 ) – Só encontramos isto na IGREGA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA, não encontramos isto nem nas Igrejas Ortodoxas e nem nas Comunidades Protestantes extremamente divididas entre si.

      2)- SANTA – ( No seu fundador Cristo e não homens pecadores, e confirmada em seus santos Canonizados com milagres e prodígios).

      3)-CATÓLICA – Universal, presente no mundo inteiro e aberta a todos os povos, sem distinção – Também só vemos isto na IGREJA CATÓLICA APOSTÓLICA ROMANA.

      4)- APOSTÓLICA – Descendente legítima da hierarquia apostólica , bem como fiel a doutrina dos apóstolos ao longo de mais de 2000 anos de existência, a prova disto é que é taxada e acusada de atrasada, pois a verdade não muda é a mesma de sempre.

      Para os que dizem que a verdadeira Igreja é aquela em que a pregação é acompanhada de sinais e prodígios de seus pastores, a própria palavra de Deus derruba por terra este argumento, pois está escrito:

      Mateus 7,21: “Nem todos os que me dizem: Senhor! Senhor! entrarão no reino dos céus, mesmo que tenham feito milagres e expulsado demônios em nome de Jesus, naquele dia Ele dirá: Apartai-vos de mim para o fogo eterno, não vos conheço!!!.

      Não acuso a quem nasceu no meio protestante de COVARDE, pois não tiveram culpa, mas aquele que sai da Igreja Católica para as seitas, seja por qualquer motivo SÃO COVARDES, pois se uma casa está com goteiras no telhado, a solução não é abandonar a casa, mas concertar o telhado, concorda ?

      Quem age assim covardemente, vai abandonar sua família diante das dificuldades.

      Parabenizo a todos os fieis Católicos que optaram por ficar e concertar o telhado da Santa mãe Igreja, e não ficar a atirar pedras.

      Fica aqui a advertência de Cristo aos que concientemente abandonam a ùnica e verdadeira Igreja de Cristo:

      João 4: 19 – “Eles Saíram do nosso meio, mas não eram dos nossos; pois, se tivessem sido dos nossos, teriam permanecido conosco. Mas, [saíram] para que se mostrasse que nem todos são dos nossos, nem do número dos eleitos.

    • POR QUE OS PROTESTANTES SÃO TÃO DIVIDIDOS E CONFUSOS ?

      1)- Não existe um só rebanho ,cada um segue o pastor quer e interpretam a bíblia conforme seus interesses – QUEM ESTÁ CERTO ?

      2)- Existem seitas protestantes que dizem que Jesus não é Deus,outras dizem que é … – QUEM ESTÁ CERTO ?

      3)- Para a maioria dos protestantes o casamento não é um sacramento e por isso mesmo não é indissolúvel – QUEM ESTÁ CERTO ?

      4)- Uns protestantes santificam o sábado, outros o domingo e outros ainda não santificam dia nenhum– QUEM ESTÁ CERTO ?

      5)- Alguns protestantes são a favor do aborto, outros contra– QUEM ESTÁ CERTO ?

      6)- Um grupo protestante afirma que as almas estão inconscientes, outros que estão conscientes– QUEM ESTÁ CERTO ?

      7)- Alguns dizem que o inferno foi extinto, outros dizem que ele é eterno– QUEM ESTÁ CERTO ?

      8)- Para alguns protestantes Maria é Mãe de Deus, outros negam. – QUEM ESTÁ CERTO ?

      9)- Alguns protestantes tratam a ceia ou eucaristia como um sacramento para outros é só um símbolo– QUEM ESTÁ CERTO ?

      10)- Os mórmons aprovam a poligamia, outros condenam– QUEM ESTÁ CERTO?
      11)- Uns batizam apenas em nome de Jesus outros em nome da Santíssima Trindade. No protestantismo existem pelo menos cinco entendimentos na questão do batismo. – QUEM ESTÁ CERTO ?

      12)- A grande maioria das igrejas protestantes proclama que a salvação é obtida somente pela fé sem obras, em oposição ao que diz Tiago 2,26. – QUEM ESTÁ CERTO ?

      13)- Alguns protestantes acreditam que estão salvos e não podem perder a salvação, contrariamente ao que nos diz a Bíblia: (1Cor9,27), (Gal 4,9), (I Tim 1,19-20; 4,12; 5,15) – QUEM ESTÁ CERTO ?

      14)- uns acreditam em Anjos da Guarda outros não– QUEM ESTÁ CERTO ?

      15)- Umas Igrejas as Pentecostais pregam O MILENARISMO, já as Protestantes mais antigas não – QUEM ESTÁ CERTO ?

      Destaquei apenas algumas contradições, pois a lista é grande!!!

      “Existem pouquíssimas pessoas neste mundo que realmente odeiam CEGAMENTE a Igreja Católica, mas infelizmente há milhões que odeiam o que eles PENSAM ser a Igreja Católica… (Fulton J. Sheen)”
      POR QUE O PROTESTANTISMO É TÃO CONFUSO?
      Temos a verdade nas palavras de Jesus Cristo e o poder de refletir com a lógica básica para discernir essas palavras apropriadamente.

      Simplesmente observemos a abundência de versiculos enfatizando a Unidade e a Verdade:

      1. Há um só Deus (Efésios 4,6).
      2. Há uma só verdade (João 14,6; 17,17).
      3. Há um só Espirito Santo (Efésios 4,4).
      4. Há um só rebanho (João 10,16).
      5. Há um só Pastor para este rebanho (João 10,16).
      6. Há uma só Igreja (Salmo 127,1; Mateus 16,18; 1Coríntios 3,11; Efésios 1,22; 4,5).
      7. Há uma só autoridade (Mateus 18,15-18; João 20:21-23).
      8. Há uma só Bíblia (Gálatas 1,8-9).
      9. Há uma só interpretação da Bíblia (Atos 8,30-34; 2Pedro 3,14-17).
      10. Há um só batismo (Efésios 4,5).
      11. Há um só sacerdócio (Hebreus 7,11-17).
      12. Todos nós devemos ser um (João 17,20-23).
      13. Estamos obrigados a buscar a verdade (2Tessalonicenses 2,13; Tiago 3,14; 2João 1,1-4).
      14. Graves conseqüências esperam aqueles que não revelam a verdade (Romanos 1,18).
      15. Graves conseqüências esperam aqueles que não aceitam a verdade (Romanos 2,8).
      16. Graves conseqüências esperam aqueles que não dizem a verdade (Apocalipse 21,8.27).
      17. Temos só uma vida e temos de vivê-la corretamente nesta única oportunidade (Hebreus 9,27).

      Qualquer coisa que contradiga, ainda que seja um só destes versiculos listados, não vem de Deus e sim do autor da divisão e da confusão.

      Com todos estes “UM” acima mencionado, o que motiva os protestantes a não mostrar seu poder de reflexão e análise, e ver que não cumprem com o que a Sagrada Escritura manda?

      Mais de 35.000 divisões protestantes violando cada um ou vários versículos mencionados na lista acima, como os de número 4, 5 e 6.

      Todas as seitas ensinando diferentes doutrinas, infringindo o versículo do número 2 acima.

      Nenhuma delas tem autoridade; veja o número 7.

      Certamente todas elas quebram o número 9, com seus costumes de “interpretar individualmente” a Sagrada Escritura.

      Por que é tão trabalhoso para eles refletirem que, para se ter Uma Só Verdade, deves haver Uma Só Autoridade?

      É assim tão simples, mas os protestantes não podem compreendê-lo; e suas milhares de dezenas de seitas comprovam isso.
      I João 2,19: Eles saíram dentre nós, mas não eram dos nossos. Se tivessem sido dos nossos, ficariam certamente conosco. Mas isto se dá para que se conheça que nem todos são dos nossos.
      Não é à toa que o demônio no leito de morte de Lutero agradeceu pessoalmente a Lutero pela divisão e confusão que ele causou no Cristianismo, e por isto ele pede a sua mãe que permaneça na única igreja de cristo: A Católica. ( Mateus 16,18)
      Foi Martinho Lutero quem começou com as “igrejas” protestantes, que deram origem às “igrejas evangélicas” de hoje. Mas o que ele pensava é seguido apenas em parte pelos “evangélicos” de hoje. Eles seguem somente os princípios “Só a Bíblia” e “Só a Fé”. Embora Lutero seja o fundador de todas as igrejas evangélicas que existem hoje, por que não são todos luteranos? Na verdade, isso seria bem menos pior…
      Por outro lado, se reconhecem que Lutero é um homem falível, como é possível a um “evangélico” ter tanta certeza de que os princípios que ele inventou sejam dignos de confiança absoluta? Mais do que o que ensina a única Igreja que tem 2.014 anos e foi instituída diretamente por Jesus Cristo?
      Mais: o próprio Lutero contestou o Papa e decretou que não se deve confiar num sacerdote. Mas ele mesmo era um ex-sacerdote católico. Então, se ele mesmo se descarta como pessoa confiável, quem é tolo o suficiente para dar crédito ao que ele disse ou escreveu?

    • Teste para saber se a igreja é verdadeira
      Façam este simples teste e veja se a sua igreja é verdadeiramente uma igreja bíblica!
      (1) “E de todas as nações, como oferta ao Senhor, trarão todos os vossos irmãos a cavalo, em carros e em liteiras, em mulos e dormedários, até meu Monte Santo de Jerusalém – diz o Senhor -, como os israelitas trazem a oferenda numa vasilha pura ao templo do Senhor. Dentre eles escolherá sacerdotes e levitas – diz o Senhor” (Is 66:20-21).
      O Antigo Testamento profetiza que na Nova Aliança haverá um sacerdócio ministerial.
      A sua igreja tem um sacerdócio ministerial?
      (2) “Por esse tempo apresentou-se João Batista no deserto da Judéia, proclamando: – arrependei-vos, pois está próximo o reinado de Deus” (Mt 3:1-2).
      A bíblia descreve a Igreja como um reino, uma monarquia. A sua igreja assemelha-se uma a monarquia, uma democracia ou uma anarquia?
      (3) “Do nascente ao poente, é grande minha fama nas nações, e em todo lugar me oferecem sacrifícios e ofertas puras; porque minha fama é grande entre as nações – diz o Senhor dos Exércitos” (Ml 1:11).
      O Antigo Testamento profetiza que na Nova Aliança, serão oferecidos sacrifícios e oblações puras do leste ao oeste. A sua igreja oferece sacrifícios e ofertas imaculadas quando se reune?
      (4) “E quando chegares ao fim de tua vida e descansares com teus antepassados, estabelecerei depois de ti uma descendência tua , nascida das tuas entranhas, e consolidarei teu reino. Ele edificará um templo em minha honra, e eu consolidarei seu trono real para sempre” (2 Sm 7:12-13).
      “Meu servo David será seu rei, o único pastor de todos eles. Caminharão segundo os meus decretos e cumprirão meus preceitos, pondo-os em prática” (Ez 37:24).
      “Vê: conceberás e darás à luz um filho, a quem chamarás Jesus. Ele será grande, levará o título de Filho do Altíssimo, o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai” (Lc 1:31-32).
      “Vós, ao contrário, vos aproximastes de Sião, monte e cidade do Deus vivo, da Jerusalém celeste com seus milhares de anjos, da congregação” (Hb 12:22).
      A Bíblia ensina que Jesus veio restaurar o Reino de Davi, e o elevar a um plano celestial. A sua igreja manifesta esta restauração do Reino de Davi?
      (5) “Naquele dia chamarei o meu servo Eliacim, filho de Helcias: eu o vestirei com tua túnica e o cingirei com tua faixa, lhe darei teus poderes; será um governante para os habitantes de Jerusalém e para o povo de Judá. Eu lhe porei no ombro a chave do palácio de Davi: o que ele abrir ninguém fechará, o que ele fechar ninguém abrirá” (Is 22:20-22).
      A Bíblia ensina que o Reino de Davi restaurado por Jesus inclui um Ministro Superior, que possui “a chave da casa de Davi,” a quem é dado “poder,” e é “como pai” aos cidadãos do reino. A sua igreja reconhece tal ministro superior, e a autoridade das chaves?
      (6) “Jesus lhes disse: – Eu vos asseguro que vós, que me tendes seguido, no mundo renovado, quando o Filho do Homem sentar em seu trono de glória, também vós sentareis em doze tronos para reger as doze tribos de Israel” (Mt 19:28).
      A Bíblia ensina que este Reino restaurado de Davi tem príncipes que regem o Reino. A sua igreja reconhece estes príncipes?
      (7) “Betsabéia foi ao rei Salomão para lhe falar de Adonias. O rei levantou para recebê-la, fazendo-lhe um reverência; depois sentou-se no trono, mandou pôr um trono para sua mãe, e Betsabéia sentou-se à sua direita” (1 Rs 2:19-20).
      “Roboão, filho de Salomão, subiu ao trono de Judá com quarenta e um anos. Reinou dezessete anos em Jerusalém…Sua mãe chamava-se Naama e era amonita” (1 Rs 14:21).
      “Abias subiu ao trono de Judá no ano décimo oitavo de Jeroboão, filho de Nabat. Reinou três anos em Jerusalém. Sua mãe chamava-se Maaca, filha de Absalão” (1 Rs 15:1-2).
      “Asa subiu ao trono de Judá no vigésimo ano do reinado de Jeroboão de Israel. Reinou quarenta anos em Jerusalém. Sua avó chamava-se Maaca, filha de Absalão (1 Rs 15:9-10)
      A Bíblia ensina que o Reino de Davi inclui o papel da rainha-mãe. A sua igreja reconhece o papel da mãe do Rei?
      (8) “Saibas como comportar-ter na casa de Deus, que é a Igreja do Deus vivo, coluna e base da verdade” (1Tm 3:15).
      A Bíblia ensina que a Igreja é a “coluna e base da verdade”. A sua igreja ensina esta autoridade sobre si mesma?
      (9) “Portanto, irmãos, permanecei firmes, conservai o ensinamento que aprendestes de mim, oralmente ou por carta” (2Ts 2:15).
      A Bíblia ensina que a Tradição Apostólica deve ser mantida, seja por carta ou por ensino oral. A sua igreja mantém ambas as tradições, escritas e orais?
      (10) “Maria disse…daqui para a frente me felicitarão todas as gerações” (Lc 1:46.48).
      A Bíblia ensina que todas gerações chamarão Maria de “abençoada”. A sua igreja lhe encoraja a abençoar a Mãe de Deus?
      Se a sua resposta a qualquer uma destas perguntas é NÃO, então é melhor você se tornar católico agora mesmo!
      Publicado por afeexplicada em 13/12/2013 em Apologética

    • PORQUE NÃO SOU PROTESTANTE

      “ E te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a MINHA Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela…”
      A partir deste versículo retirado de Mateus, é com muita confiança que podemos ter a certeza, de que Jesus entregou a sua única Igreja para continuar sua missão no mundo. Portanto a Igreja Católica não esta evangelizando
      e salvando almas pro Senhor a 500, 200, ou alguns anos atrás, mas sim a mais de 2000 mil anos. Alguns dos “novos” (protestantes) querem tirar muita verdade de nossa história, porém aqui vai alguns dos motivos pelo qual não sou protestante:
      1. Não sou protestante, porque: o protestantismo não existe desde o princípio do Cristianismo. Surgiu 1500 anos depois da era Apostólica. Suas igrejas são locais, regionais ou nacionais, não existindo uma Igreja Universal.

      2. Não sou protestante, porque: atribuem a si próprios o direito de “interpretar a Bíblia”. Acreditam ter uma iluminação pessoal vinda do “Espírito Santo” sem intermediários, ou seja, sem a Igreja. O mais interessante, é a diferença que o “Espírito Santo” manifesta em cada uma das centenas (talvez milhares) de ramificações do protestantismo.

      3. Não sou protestante, porque: a doutrina não tem unidade, as igrejas não são infalíveis em questões de moral e fé. Suas hierarquias não são rígidas, os preceitos são secundários. A salvação está em somente “crer em Cristo”, mas sabemos que não basta somente crer, pois, é preciso viver a fé, e vivê-la em santidade. Daí os Mandamentos. Daí a moral que a Igreja ensina. Dizer que a salvação vem somente do “crer” em Cristo, é continuar vivendo vida injusta ou dissoluta, é mentir à própria consciência.

      4. Não sou protestante, porque: apesar deles lerem a Bíblia (embora sem alguns livros e com interpretações diversas) não possuem nenhuma autoridade superior Infalível, para declarar que uma palavra tem tal sentido, e exprime tal verdade.

      5. Não sou protestante, porque: eles negam a Tradição oral. Sendo que na própria Bíblia, Paulo recomenda os ensinamentos de viva voz (Tradição) que nos foram transmitidos por Jesus e passam de geração em geração no seio da Igreja, sem estarem escritos na Bíblia. Confira em (2 Tim 1,12-14).

      6. Não sou protestante porque, há passagens da Bíblia que eles não aceitaram como tais; a Eucaristia, por exemplo… Jesus disse claramente: “Isto é o meu corpo” (Mateus 26,26) e “Isto é o meu sangue” (Mateus 26,28).

      7. Não sou protestante, porque: os “supostos intérpretes da Bíblia” não aceitam a real presença de Cristo no pão e no vinho consagrado, sendo que em (João 6,51) Jesus afirma: “O pão que eu darei, é a minha carne para a vida do mundo”. Aos judeus que zombavam, o Senhor tornou a afirmar: “Em verdade, em verdade vos digo: se não
      comerdes a carne do filho do homem e não beberdes o seu sangue, não tereis a vida em vós. Pois a minha carne é uma verdadeira comida e o meu sangue é uma verdadeira bebida”.

      8. Não sou protestante porque, os mesmos, não reconhecem o primado de Pedro, sendo que o próprio Jesus disse: “Tu és Pedro (Kepha) e sobre esta pedra (Kepha) edificarei a minha Igreja” (Mateus 16,18).

      9. Não sou protestante, porque eles não aceitam o sacramento do perdão e da reconciliação. Sendo que Jesus entregou aos Apóstolos e seus sucessores, a faculdade de perdoar ou não os pecados, e agir em nome dele. “Àqueles a quem perdoardes os pecados, ser-lhes-ão perdoados; àqueles a quem não perdoardes, não serão perdoados” (Jo 20,23).

      10. Não sou protestante porque Jesus disse que edificaria sua Igreja sobre Pedro (Mateus 16,18), e as igrejas protestantes são constituídas sobre Lutero, Calvino, Knox, Wesley, etc…Entre Cristo e estas denominações há um hiato…Somente a Igreja Católica remonta até Cristo.

      11. Não sou protestante porque, Jesus prometeu à sua Igreja que estaria com ela até o fim dos tempos (Mateus 28,20), e os mesmos se afastam da única Igreja de Cristo, para fundar novas “igrejas”, que se vão dividindo, subdividindo e esfacelando cada vez mais, empobrecendo e pulverizando a mensagem do Evangelho.

      12. Não sou protestante porque, quem lê um folheto protestante dirigido a Igreja Católica, lamenta o baixo nível das argumentações, sendo imprecisas, vagas, ou mesmo tendenciosas; afirmam gratuitamente sem provar as suas acusações; baseiam-se em premissas falsas, datas fictícias, anacronismos etc.

      13. Não sou protestante, porque: eles protestam, criticam, censuram a fé Católica para substituí-la pela negação, pela revolta contra a autoridade do Papa etc. Esse é o laço que os une, pois a essência do protestantismo é a negação da Igreja Católica.

      14. Não sou protestante porque, cada qual dá à Escritura o sentido que julga dar, e assim se vai diluindo e pervertendo cada vez mais a mensagem revelada. Lêem apenas, mas tem grandes dificuldades de estudarem a Bíblia e as antigas tradições do Cristianismo.

      15. Não sou protestante porque, a grande razão pela qual o protestantismo se torna inaceitável ao Cristão que reflete é o subjetivismo que o impregna visceralmente. A falta de referenciais seguros, garantidos pelo próprio Espírito Santo (conforme João 14,26 e João 16,13I), é o principal ponto fraco ou calcanhar de Aquiles do protestantismo.

      16. Não sou protestante, porque: esta diluição do protestantismo e a perda dos valores típicos do Cristianismo, estão na lógica do principal fundador – Martinho Lutero – que apregoava o livre exame da Bíblia ou a leitura da Bíblia sob as luzes exclusivas da inspiração subjetiva de cada protestante; cada qual tira das Escrituras “o que bem lhe convém” .

      17. Concluindo! Não sou protestante, porque, Maria Santíssima disse: “Desde agora, todas as gerações me chamarão de Bem-Aventurada” (Lucas 1,48), e nos cultos protestantes, seu nome, sequer é mencionado. Caiu no esquecimento. Quem cumpre (Lucas 1,48) é somente a Igreja Católica Apostólica Romana.

      Por isso e outras razões somos felizes por pertencermos a Igreja de Jesus.
      SOU FELIZ POR SER CATÓLICO!!!

    • POR QUE JAMAIS SEREI PROTESTANTE ?

      E te declaro: tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei a MINHA Igreja, e as portas do inferno não prevalecerão contra ela…”A partir deste versículo retirado de Mateus, é com muita confiança que podemos ter a certeza, de que Jesusentregou a sua única Igreja para continuar sua missão no mundo. Portanto a Igreja Católica não esta evangelizandoe salvando almas pro Senhor a 500, 200, ou alguns anos atrás, mas sim a mais de 2000 mil anos. Alguns dos “novos” (protestantes) querem tirar muita verdade de nossa história, porém aqui vai alguns dos motivos pelo qual não sou protestante:

      1. Não sou protestante, porque: o protestantismo não existe desde o princípio do Cristianismo. Surgiu 1500 anos depois da era Apostólica. Suas igrejas são locais, regionais ou nacionais, não existindo uma Igreja Universal.

      2. Não sou protestante, porque: atribuem a si próprios o direito de“interpretar a Bíblia”. Acreditam ter uma iluminação pessoal vinda do “Espírito Santo” sem intermediários, ou seja, sem a Igreja. O mais interessante, é a diferença que o “Espírito Santo” manifesta em cada uma das centenas (talvez milhares) de ramificações do protestantismo.

      3. Não sou protestante, porque: a doutrina não tem unidade, as igrejas não são infalíveis em questões de moral e fé. Suas hierarquias não são rígidas, os preceitos são secundários. A salvação está em somente “crer em Cristo”, mas sabemos que não basta somente crer, pois, é preciso viver a fé, e vivê-la em santidade. Daí os Mandamentos. Daí a moral que a Igreja ensina. Dizer que a salvação vem somente do “crer” em Cristo, é continuar vivendo vida injusta ou dissoluta, é mentir à própria consciência.

      4. Não sou protestante, porque: apesar deles lerem a Bíblia (embora sem alguns livros e com interpretações diversas) não possuem nenhuma autoridade superior Infalível, para declarar que uma palavra tem tal sentido, e exprime tal verdade.

      5. Não sou protestante, porque: eles negam a Tradição oral. Sendo que na própria Bíblia, Paulo recomenda os ensinamentos de viva voz (Tradição) que nos foram transmitidos por Jesus e passam de geração em geração no seio da Igreja, sem estarem escritos na Bíblia. Confira em (2 Tim 1,12-14).

      6. Não sou protestante porque Jesus disse que edificaria sua Igreja sobre Pedro (Mateus 16,18), e as igrejas protestantes são constituídas sobre Lutero, Calvino, Knox, Wesley, etc…Entre Cristo e estas denominações há um hiato…Somente a Igreja Católica remonta até Cristo.

      7. Não sou protestante porque, quem lê um folheto protestante dirigido a Igreja Católica, lamenta o baixo nível das argumentações, sendo imprecisas, vagas, ou mesmo tendenciosas; afirmam gratuitamente sem provar as suas acusações; baseiam-se em premissas falsas, datas fictícias, anacronismos etc.

      8. Não sou protestante, porque: eles protestam, criticam, censuram a fé Católica para substituí-la pela negação, pela revolta contra a autoridade do Papa etc. Esse é o laço que os une, pois a essência do protestantismo é a negação da Igreja Católica.

      Com relação aos covardes protestantes que abandonam a única e verdadeira igreja fundada por cristo e não pelo acoólatra Lutero : I João 2,19: Eles saíram dentre nós, mas não eram dos nossos. Se tivessem sido dos nossos, ficariam certamente conosco. Mas isto se dá para que se conheça que nem todos são dos nossos.

      Por isto digo: sou feliz por ser católico !!!

    • VOCÊ SABE QUEM FUNDOU A SUA IGREJA?
      DENOMINAÇÃO – FUNDADOR – DATA – LOCAL
      Católica – Jesus Cristo – 30 – Palestina – Jesus disse: “Minha Igreja” (Mt 16,18)
      “A Igreja é a Coluna e o Fundamento da Verdade.” (1Tm 3,15). “Uma só fé, um só batismo …” (Ef 4,5-6).

      Luterana – Martinho Lutero – 1517 – Alemanha
      Episcopal (Anglicana) – rei Henrique VIII – 1534 – Inglaterra
      Reformada (Calvinista) – João Calvino – 1541 – Suíça
      Menonita – Meano Simons – 1550 – Holanda
      Presbiteriana – John Knox – 1567 – Escócia
      Congregacional – Robert Browee – 1580 – Inglaterra
      Batista – John Smith – 1604 – Holanda
      Quacker – John Fox – 1649 – EUA
      Metodista – John Wesley – 1739 – Inglaterra
      Mórmon – Joseph Smith – 1830 – EUA
      Adventista – Willian Miller – 1831 – EUA
      Exército da Salvação – Willian/ Catarina Booth – 1885 – Inglaterra
      Ciência Cristã – Mary Backer – 1675 – EUA
      Pentecostais – Charles Parham e discípulos – 1900 – EUA
      Congregação Cristã – Luigi Francescon – 1910 – Brasil
      Testemunhas de Jeová – Charles Taze Russell – 1916 – EUA
      Assembléia de Deus – Daniel Awrey – 1918 – EUA
      Igreja Evangélica Quadrangular – Aimee Semple – 1918 – Canadá
      Brasil para Cristo – Manoel de Mello – 1955 – Brasil
      Deus é Amor – David Martins Miranda – 1962 – Brasil
      Universal do Reino de Deus – Edir Macedo Bezerra – 1977 – Brasil
      Casa da Benção – Doriel de Oliveira – 1964 – Brasil
      Igreja Internacional da Graça – R. R. Soares – 1980 – Brasil.
      “Noteis os que promovem dissensões (divisões) e escândalos contra a doutrina que aprendeste; desviai-vos deles. Porque os tais não servem a Nosso Senhor Jesus Cristo, mas ao seu ventre; e, com suaves palavras e lisonjas, enganam o coração dos símplices”. (Romanos 16,17-18).

    • “Aprofundar o conhecimento acerca da história é abdicar ao protestantismo” – John Henry Newman, ex-ministro protestante .

      “GALERIA DOS EX-PASTORES”, Cai a Farsa.

      “List of converts to Catholicism”, Wikipedia.

      “Toda uma comunidade evangélica se converte ao catolicismo”, O Fiel Católico.

      “150 razões por que me tornei um católico”, Veritatis Splentor.

      “20 razões pelas quais não sou protestante (refutação da refutação)”, Veritatis Splendor.

      “15 RAZÕES POR QUE DEIXEI DE SER CATÓLICO”, Mentiras Contra a Igreja Católica.

      “Respostas a um adventista”, Veritatis Splendor.

      “Desafio aos protestantes”, Montfot.

      “Pegadinhas para os Protestantes”, Pergunte e Responderemos pr.gonet.

      “Testemunho da Conversão do Rabino Chefe de Roma durante a Segunda Guerra Mundial”, Quem tem boca vai a Roma!.

      “A dificuldade de explicar “por que eu sou católico’’ é que há dez mil razões tudo no valor de uma razão: que o Catolicismo é verdadeiro.’’ – G.K. Chesterton.

      “Estudei todas as religiões do mundo e cheguei a seguinte conclusão: religião ou a Católica ou nenhuma.” – Ruy Barbosa.

  11. A humanidade guarda um grande mistério que provavelmente só será revelado quando Jesus voltar. O mistério é: POR QUE OS CATÓLICOS ROMANOS INSISTEM TANTO EM CONFECCIONAR IMAGENS DE ESCULTURAS PARA DOBRAR DIANTE DELAS SEUS JOELHOS, FAZER-LHES PEDIDOS DE ORAÇÃO, CARREGÁ-LAS, ADORNÁ-LAS, ADORÁ-LAS, VENERÁ-LAS, CULTUÁ-LAS? Embora na Bíblia – EM TODA A BÍBLIA – haja diversas proibições quanto a essa prática, a idolatria está presente no catolicismo desde o seu líder máximo – o papa – até o fiel mais leigo.

    Este é um assunto delicado, pois os fiéis católicos asseguram que: 1) Deus mandou fazer imagens (como a dos querubins sobre a arca, a serpente de bronze, os adornos do templo); 2) o católico não adora as imagens, apenas as venera em respeito àqueles que elas representam. Então, diante da crítica protestante, eles taxam os evangélicos de burros e hereges PORQUE NÃO CULTUAM AS IMAGENS E CONDENAM QUEM AS CULTUA. Então, alegro-me imensamente no Senhor de ser um herege, ao menos desse ponto de vista.

    Vamos analisar se de fato não existe idolatria:

    Os católicos se ajoelham diante das imagens de “santos”.Eles tocam nelas, choram diante delas, carregam-nas nos ombros ou em carros abertos.Eles depositam oferendas diante delas e acendem velas.Eles rezam a elas para conseguirem uma graça ou um milagre.Eles falam com elas.Elas as colocam em altares.Eles dão o nome dos mortos que elas representam a escolas, mosteiros, cidades, igrejas, etc.Eles as defendem como com todas as suas forças.Eles têm festas especiais para suas imagens e os mortos que elas representam.Eles dizem que elas operam milagres.Eles as carregam em fotos.Eles confiam nelas.Eles dão a sua vida por elas. Se tudo isso não é idolatria, o que será?

    Quais as bases bíblicas que garantem que essa é uma prática genuinamente cristã?

    Os judeus faziam o mesmo com as imagens dos querubins, da serpente e com os adornos do templo?

    Eles esperavam que os querubins fizessem milagres?

    Eles esperavam que a serpente de bronze lhes trouxesse bênçãos (além daquilo que Deus estipulara)?

    Eles carregavam os adornos do templo em procissão pelas ruas?

    SE VOCÊ É CATÓLICO, JÁ DEVE ESTAR ME CHAMANDO DE HEREGE, POIS DESDE CRIANÇA VOCÊ FOI ENSINADO A VENERAR AS IMAGENS DE SANTOS, OS ANJOS, OS MORTOS, A “VIRGEM MARIA”, AS RELÍQUIAS DOS SANTOS (PEDAÇOS DE CADÁVERES, TRAPOS DE ROUPA, ETC.) OU QUALQUER IMAGEM NUMA JANELA, NUMA NUVEM, NUMA ÁRVORE, NO CHÃO QUE LEMBRE O SEMBLANTE DE UM SANTO. E SE UMA IMAGEM DE ESCULTURA CHORAR OU SUAR, É PARA AJOELHAR E DIZER: É UM MILAGRE.

    Mas eu lhe garanto: você foi enganado, porque a Bíblia condena a idolatria! O que a Bíblia fala acerca da idolatria, como Deus a trata e a descreve, é desfavorável a adoração romanista. Embora os doutores da igreja romana tomem a prática da veneração das imagens como sendo salutar à fé de seus fiéis, ela constitui-se em algo que deve ser evitado pela igreja cristã que serve a um único Deus. Conforme lemos nas Sagradas Escrituras, a idolatria é:

    ·         Uma abominação a Deus: Deuteronômio 7:25

    ·         Odiosa a Deus: Deuteronômio 16:22; Jeremias 44:4

    ·         Vã e insensata: Salmo 115:4-8; Isaías 44:19; Jeremias 10:3

    ·         Sanguinária: Ezequiel 23:29

    ·         Abominável: 1 Pedro 4:3

    ·         Sem proveito: Juizes 10:14; Isaías 46:7

    ·         Irracional: Atos 17:29; Romanos 1:21-23

    ·         Contaminadora: Ezequiel 20:7; 36:18

    • IMAGENS – A proibição do Êx 20,4s e do Deut 4,15s às imagens cultuais. No Novo Testamento a palavra “imagem” é usada às vezes no sentido de expressão autêntica e adequada. São Paulo diz, por exemplo, que Cristo é a imagem de Deus: II Cor 4,4; Col 1,15; 3,10; outras vezes indica uma subordinação de ordem inferior e superior. Por exemplo, o cristão em relação a Cristo: Rom 8,29; a vida terrestre em relação às realidades espirituais: I Cor 15,49; II Cor 13,18. Neste sentido se diz que o homem foi criado à imagem de Deus: Gên 1,26s; 5,1; 9,6; Sab 2,23; Eclo 17,1; Sal 2,23;

      – tanto no Êx como no Deut, a proibição de imagens refere-se aos deuses estrangeiros, e não de qualquer espécie de desenho, pintura, ou escultura. Trata-se de ídolos e de figuras de deuses falsos que tomavam a formas de pessoas, animais, astros, etc. Tanto é assim que o mesmo Deus manda Moisés fazer uma serpente de bronze. Esta imagem da serpente era prefigurativa de Jesus pregado na cruz: Jo 3,14s. Além disso, Deus determinou a Moisés fazer dois querubins para cobrirem o propiciatório: Êx 25,18ss. Salomão, quando construiu o templo, mandou fazer dois querubins e outras figuras várias, entre as quais leões e bois: I Reis 17,29.

      Nem por isso o templo foi de desagravo de Deus. Com essas proibições, Deus procurava proteger o pequeno povo de Israel, cercado de tantos povos idólatras e ele mesmo propenso à idolatria, do perigo dessa mesma idolatria. Portanto, ao recriminar os católicos, os protestantes deveriam primeiramente provar que as imagens de Jesus Cristo, Maria Santíssima e dos santos são realmente imagens daqueles deuses estrangeiros. Uma coisa é imagem, outra é ídolo. O mesmo Deus que proíbe fazer imagens (de ídolos), manda fazer imagens (não de ídolos), como a serpente de bronze, os querubins.

      Fonte: Bíblia Sagrada, Edição Pastoral-Catequética, Editora Ave-Maria, IMAGENS, pag. 1595.

  12. A Reforma Protestante dividiu a história do mundo em duas partes: o Antes e Depois da Reforma! Temos agora na presente história a liberdade de Culto, a Autonomia das Religiões e Igrejas, a liberdade de expressão religiosa, antes sufocada e combatida de forma veemente. Devemos isso hoje, a homens de Deus do passado, muitos dos quais pagando com a própria vida a verdade que defendiam, ou seja, a pureza do Evangelho apresentado na Bíblia Sagrada.

    A Reforma Protestante deu origem a formação das Denominações Confessionais de variadas ênfases doutrinárias. Porém, unificadas, na doutrina da Salvação mediante a fé em Jesus Cristo, tendo a autoridade da Bíblia como sua única regra de fé e prática. A partir da Reforma o livre arbítrio se valoriza e as formas de expressão religiosa ganham força. É inegável a marca que a Reforma Protestante deixa na história do mundo!

    Poderíamos mencionar muitos Reformadores e Pré-Reformadores. Todos importantes e indispensáveis. Com a sua vida e voz marcaram o seu tempo, sendo arautos da verdade que culminou no dia 31 de Outubro de 1517, à 495 anos atrás, quando Martinho Lutero, um monge alemão, o personagem destacado da Reforma Protestante afixou na porta da Igreja de Wittemberg 95 teses em que expôs seus protestos com o objetivo de repensar e debater alguns pontos relacionados a fé, a Igreja, a doutrina, etc… Lutero apontava a necessidade de uma Reforma, ou seja, um debate com esse objetivo. No entanto sofreu severa perseguição. Mas, foi protegido pela providência de Deus que usou Príncipes da Alemanha para ajudá-lo dos constantes perigos de morte.

    Martinho Lutero aos 20 anos de idade tornou-se professor da Universidade de Wittemberg onde ensinava sobre os livros da Bíblia, recebendo o grau de Doutor em Teologia. Experimentou um encontro real e marcante com Cristo ao estudar a Bíblia o livro de Romanos, onde descobriu o ensino da justificação pela fé, sem as obras da Lei. Esse ensino marcou a sua conversão, recebendo pela fé, o Senhor Jesus, como o seu Único Salvador.

    Junto a Martinho Lutero podemos ainda destacar outros Reformadores tais como: João Hus, Balthasar Hubmaier, Erasmo de Roterdã, João Calvino, Ulrico Zwinglio, Guilherme Farel e Philip Melanchton. Inclusive Melanchton foi um grande aliado de Lutero. Esse jovem de apenas 21 anos, professor de Grego e Hebraico na Universidade de Wittemberg contribuiu em muito para o sucesso da Reforma Protestante. Podemos dizer que Melanchton foi o Teólogo da Reforma e Lutero o Proclamador, o porta-voz que Deus usou para proclamar a verdade, à séculos abafada, reprimida e relegada ao esquecimento.

    Em Abril de 1521, Lutero precisou comparecer perante a Dieta de Worms, ou seja, uma assembleia geral, para defender os pontos que margeavam a Reforma Protestante. Na Dieta de Worms, Lutero com a Bíblia na mão corajosamente respondeu: “Não posso e não quero retratar coisa alguma, porque não é seguro para o cristão falar contra a sua consciência. Aqui estou. Não posso fazer de outro modo. Deus me ajude. Amém.”

    Deus preservou a vida de Lutero e ele continuou o seu trabalho pregando a verdade registrada na Bíblia Sagrada, sendo pela mão de Deus um instrumento para o surgimento de uma Reforma que marcou a história da humanidade. Lutero à cinco séculos atrás levantou essa bandeira e hoje também nos juntamos a ele para continuar a proclamar: “Sola Scriptura” (Só a Bíblia Sagrada), “Sola Gratia” (Só a Graça de Jesus), “Soli Deo Glória” (Só a Deus Glória), Amém.

    • Perguntas aos protestantes com o critério da sola scriptura
      Para sermos totalmente justos com os protestantes, iremos utilizar os critérios que são habitualmente e insistentemente defendidos por eles.
      Aliás, trata-se de apenas um único critério.
      E qual seria este critério?
      O critério “Sola Scriptura” de Lutero que em outras palavras significa “Só a Bíblia”.
      Como se sabe, os protestantes rejeitam a tradição apostólica e o magistério da Igreja. Pois bem, vamos ver se algum protestante pode responder as questões abaixo a partir da “Sola Scriptura”:
      1) Onde está na Bíblia a permissão para Lutero promover uma reforma na Igreja Católica?
      2) Onde está na Bíblia a permissão para que qualquer um promova reformas na Igreja Católica?
      3) Onde está na Bíblia a permissão para que alguém promova reformas em qualquer igreja, seja católica ou não?
      Considerando que nós católicos “não” lemos a Bíblia, mas apenas os protestantes, iremos considerar que algum protestante não só encontrou permissão bíblica para que alguém promova reformas na Igreja Católica, mas também encontrou referências a Lutero como o escolhido e enviado por DEUS.
      Então perguntamos:
      4) Considerando que DEUS teria levantado Lutero para rever os “erros” do catolicismo, onde está na Bíblia a permissão para alguém separar-se de Lutero e do Luteranismo e fundar uma nova denominação protestante?
      Vamos considerar agora que o protestante, assíduo leitor da Bíblia e ao mesmo tempo mestre e teólogo de si mesmo, também encontrou um texto bíblico que lhe permita fundar uma nova denominação protestante se constatar que Lutero cometeu também equívocos com sua pretensa reforma.
      Assim perguntamos:
      5) Onde está na Bíblia os critérios para que se conclua com total êxito as situações em que Lutero errou ou acertou?
      6) Qual o texto bíblico que ensina ao protestante quando ele tem o direito ou não de consertar o Luteranismo?
      7) Onde está na Bíblia as situações que permitem a qualquer protestante fundar novas denominações?
      8) Onde está na Bíblia as situações que permitem a qualquer protestante mudar de denominação?
      Se fosse possível aos protestantes responderam as questões acima pela Bíblia, ainda assim perguntaríamos:
      9) Onde está na Bíblia as explicações necessárias ao protestante para que ele saiba quando e quem deve fundar denominações e quando e quem deve apenas trocar de denominações?
      E dentro desta pergunta, como se sabe que um crente deve mudar de igreja duas, três ou dez vezes?
      Qual o protestante pode mudar mais, qual protestante pode mudar menos, qual deles não pode mudar e qual deles deve fundar uma nova denominação?
      Quero texto bíblico para tudo isto.
      Mas então vem o protestante e diz em alto e bom som: “Foi Constantino que fundou a Igreja Católica.
      Temos o direito de fundar denominações também.”
      Então vamos lá.
      Lembrem-se protestantes: “Só a Bíblia”.
      10) Onde está na Bíblia que foi Constantino que fundou a Igreja Católica?
      11) Onde está na Bíblia que Lutero deveria consertar os erros da Igreja de Constantino?
      12) Onde está na Bíblia que após os consertos de Lutero, alguns protestantes deveriam permanecer com ele e outros deveriam fundar novas denominações para consertar também os erros de Constantino e do próprio Lutero?
      Aliás, Sr. Protestante, como é possível seguir um reformador de uma Igreja de Constantino?
      Sr.Protestante, o senhor rejeita a Igreja Católica, descartando que a mesma tenha sido fundada sobre Pedro por Jesus Cristo, mas tão e somente por Constantino e acaba por abraçar o seu pretenso reformador e sua pretensa reforma?
      Me dê o texto bíblico para esta aberração por favor.
      Para tentar responder a qualquer destas perguntas acima o protestante terá que sair da Bíblia necessariamente.
      Terá que dizer que leu, ouviu, pesquisou, etc…
      Mas o fato concreto é que terá que sair da Bíblia e inventar visões e revelações dos seus “ungidos”.
      Pela Bíblia o protestante não pode provar Lutero e nem o protestantismo.
      Pela Bíblia o protestante não pode provar a necessidade de qualquer da milhares de seitas que andam por aí.
      Na prática, o que estamos dizendo é que o protestantismo é contraditório em si mesmo.
      Meras doutrinas de homens. E nada além disto.
      O que impera no protestantismo ?
      Pode-se encontrar soberba ?
      Certamente.
      Pode-se encontrar orgulho ?
      Seguramente.
      Mas o que encontramos no protestantismo em 100% dos casos é o ACHISMO.
      “Eu acho que está certo.”
      “Eu acho que está errado.”
      Quem promoveu a reforma achou que a Igreja estava errada.
      Quem não ficou com Lutero achou que Lutero não estava completamente certo.
      Quem copiou de Lutero o Sola Scriptura achou que Lutero estava certo.
      Quem não ficou com Calvino achou que Calvino estava errado.
      Quem ficou com Wesley achou que ele melhor do que Lutero e Calvino.
      E também discordando da Bíblia, o protestante achou que Paulo estava errado e achou que deve desprezar as tradições.
      Achando ainda o protestante que Tiago estava errado também despreza as obras.
      Achando que Isabel estava errada, o protestante já não pode chamar Maria de mãe do meu senhor.
      Nessa situação o protestante não só discorda de Isabel como também de Lucas.
      Discordando ainda de João Batista que estremeceu no ventre de Isabel ao ouvir a vóz de Maria o protestante se enfurece ao ouvir o seu nome.
      Discordando ainda de Isabel que ficou cheia do Espírito Santo com a saudação de Maria o protestante fica cheio de raiva.
      E discordando do próprio anjo de DEUS que disse Ave Maria, o protestante diz que Maria é uma mulher como outra qualquer.
      Essa é boa.
      Quantos de nós recebemos a saudação de um anjo de DEUS???
      Pois Maria foi saudada por um anjo de DEUS.
      Mas o crente também acha que Abraão é maior.
      Abraão que ao contrário de Maria ajoelhou-se diante de um anjo.
      Como sempre a teoria do “eu acho”.
      E discordando do próprio altíssimo que fez de Maria alguém plena, repleta e cheia de Graça, o protestante diz que Maria não serve para nada.
      E finalmente, quem funda uma nova denominação é porque achou que alguém ou alguns estão errados.
      E quem troca de denominação é porque não tem certeza de nada ou apenas tem certeza de que outros estão errados e ele talvez seja o único certo.
      Nem ele sabe de si próprio.
      Quais são as únicas certezas do protestantismo, além do relativismo presente em todas as seitas e em todos os crentes?
      Todos são contra o catolicismo, o catolicismo está 100% errado e todos os protestantes estão certos, ainda que todos sejam divergentes entre si.
      Assim, curiosamente e na visão distorcida do protestante, estariam certos ao mesmo tempo o defensor do divórcio e quem lhe faz oposição.
      Estariam certos ao mesmo tempo quem batiza e quem não batiza.
      É como se DEUS tivesse vontades diversas. Ao invés de um DEUS sim ou não, o protestantismo criou um DEUS tanto faz.
      Tanto faz?
      Tanto faz não.
      Serve qualquer doutrina de qualquer seita protestante, mas não serve Igreja Católica.
      E não é só isso.
      O protestante que grita “Só a Bíblia” também não consegue responder:
      13) Onde está na Bíblia que o protestante pode chamar Maria de mãe de aluguel ou de mulher como outra qualquer ? Com que autoridade o protestante o faz?
      14) Onde está na Bíblia que ao contrário de Jesus Cristo o protestante não deve de chamar de pai o Altíssimo DEUS?
      15) Onde está na Bíblia que o protestante só deve batizar quando a pessoa tiver “entendimento”?
      16) Onde está na Bíblia que o protestante está desobrigado de recitar o PAI NOSSO?
      17) Onde está na Bíblia que o protestante pode ignorar o texto de Tiago que diz que a Fé sem obras é morta e ao contrário do que diz a Bíblia todo e qualquer protestante pode sentir-se salvo assim mesmo e com antecedência e sem julgamento?
      18) Onde está na Bíblia a autorização para que o protestante ignore a Bem Aventurança de Maria?
      19) Onde está na Bíblia que os “irmãos” de Jesus eram filhos carnais de Maria e José?
      O protestante tudo que menos faz é sustentar suas teses pela Bíblia.
      E não é só isso.
      20) Onde está na Bíblia que interpretação alguma é de caráter particular ? A Bíblia diz o contrário. Pedro afirma o contrário.
      21) Onde está na Bíblia que o protestante deve desprezar a tradição? São Paulo nos orienta a guardarmos as tradições. Com que autoridade o protestante interpreta a Bíblia e ignora a tradição?
      E antes que alguém nos faça perguntas semelhantes sobre este ou aquele tema e respectivos amparos bíblicos, é bom que se lembre que nós católicos não estamos obrigados a responder tudo pela Bíblia.
      Seguimos o magistério da Igreja, coluna e sustentáculo da verdade.
      E seguimos a tradição apostólica e conseqüente transmissão oral. Quem se obrigou ao “Só a Bíblia” foi o protestante.
      Criou um critério para cobrar dos católicos que ele mesmo não tem pretensão de seguir. E amarrou assim um pedra ao seu pescoço lançando-se mar adentro.
      E por que?
      Porque dois protestantes jamais concordam entre si em todos os temas.
      Assim, necessariamente um dos dois está errados sobre determinado tema, quando não em raras vezes ambos estão equivocados.
      E não para nisso.
      22) Onde está na Bíblia que o protestante pode dizer e considerar que Igreja não serve para nada ou não salva ninguém?
      Como não?
      A Bíblia diz que a Igreja é coluna e sustentáculo da verdade.
      O que significa tal expressão?
      Significa que sem a Igreja a verdade não se sustenta.
      E se a verdade não se sustenta sem a Igreja, como é possível ao protestante conhecer a verdade se despreza sua coluna e sustentáculo?
      E terminou?
      Não.
      23) Onde está na Bíblia de forma clara os pecados contra o Espírito Santo? A Bíblia só diz que os pecados que a blasfêmia contra o Espírito Santo não será perdoada. Mas o que seria a blasfêmia contra o Espírito Santo?
      Algum protestante pode explicar pela Bíblia?
      24) Onde está na Bíblia o motivo pelo qual as blasfêmias contra Jesus podem ser perdoadas e contra o Espírito Santo não são passíveis de perdão?
      Por que tal distinção? Acaso ambos não são pessoas do mesmo DEUS ? Sobretudo, o que o protestante não se pergunta é
      24) Por que ele confia na Bíblia?
      25) Por que ele confia em Lutero se já leu: “maldito o homem que confia em outro homem”?
      26) Como o protestante pode saber pela Bíblia, portanto sem confiar no homem, se sua Bíblia tem todos os livros corretos e inspirados pelo Espírito Santo?
      27) Como pode o protestante pela Bíblia saber se a própria Bíblia é a única fonte de revelação?
      28) Onde está na Bíblia a doutrina da trindade?
      Sr.Protestante, sabe por que a grande maioria dos protestantes confessa a trindade?
      Não é porque a Bíblia diz. É porque Lutero, Calvino e outros acatavam os concílios católicos.
      29) Onde está escrito na Bíblia que alguém para ser salvo deve “aceitar” Jesus em uma seita protestante?
      30) Onde está na Bíblia a tão falada Igreja invisível?
      Quero capítulo e versículo Sr.Teólogo protestante.
      Nós até podemos falar em Igreja invisível. Recordo que seguimos o magistério infalível da Igreja e a tradição.
      A Igreja para nós é mais do que uma construção. Temos a Igreja triunfante que está no céu.
      A Igreja padecente do purgatório. Mas o protestante vive pela Bíblia. Se para o protestante purgatório não existe porque não está na Bíblia, também não deveria existir igreja invisível.
      E estranhamente esta igreja invisível da qual não fala a Bíblia é integrada apenas por protestantes e evangélicos, independentemente de doutrina e do cristianismo que se prega ou que se segue por cada crente e por cada denominação.
      Agora, sem embromação.
      Sem aquela “Tudo posso naquele que me fortalece” ou “Conhecereis a verdade e a verdade nos libertará.”
      Textos bíblicos. Sr. Protestante, viva pelo critério que deseja impor aos demais.
      Só a Bíblia e nada além dela.
      E não se esqueçam. Se os santos e Maria não podem interceder por nós, por que os protestantes oram uns pelos outros?
      Não são vocês que dizem que só há um mediador?
      Não utilizam tal passagem para caluniarem o catolicismo?
      Leiam o texto até o final.
      A mediação ali descrita refere-se a redenção do gênero humano. Sem dúvida alguma apenas o sacrifício de Jesus Cristo é causa da nossa redenção. Não se ensina diferente no catolicismo.
      Mas se vocês que são dúbios e vacilantes podem interceder por que não os santos e Maria?
      Acaso nunca leram que muito vale a oração de um justo?
      De que justo a Bíblia está falando?
      De vós?
      Os santos e Maria estão mortos?
      Não é o que diz a Bíblia.
      Moisés e Elias estavam bem vivos na transfiguração.
      E o mesmo se deu com o ladrão da cruz.
      Respondam usando apenas a Bíblia.
      Texto com capítulo e versículo completos.

    • Lutero, fundando o protestantismo, resolveu fazer sua tradução e adulterou Romanos 1,17, onde diz que “o justo viverá pela fé”. Ele acrescentou a palavra alemã “allein” que significa “somente”, e passou a pregar que o justo “viverá SOMENTE pela fé”. Foi o modo desonesto que ele achou para justificar sua nova religião do “Sola fide”.
      Ele mesmo confirmou esta adulteração, quando cheio de ódio disse: “Se um papista lhe questionar sobre a palavra ‘somente’, diga-lhe isto: papistas e excrementos são a mesma coisa. Quem não aceitar a minha tradução, que se vá. O demônio agradecerá por esta censura sem minha permissão.” (Amic. Discussion, 1, 127,’The Facts About Luther,’ O’Hare, TAN Books, 1987, p. 201). – * (Imperial Encyclopedia and Dictionary © 1904 Vol. 4, Hanry G. Allen & Company), (Holman Bible Dictionary © 1991).
      A carta de Tiago que condena o “Somente a fé” em (2,20), (2,14-16) e (2,21-22), foi assim tratada pelo dito “reformador”: ”A carta de Tiago é uma carta de palha, pois não contém nada de evangélico.” (‘Preface to the New Testament,’ ed. Dillenberger, p. 19.).
      Hoje, discretamente retiraram o “somente” das traduções protestantes posteriores, mas a doutrina de Lutero (sola fide) é a essência do protestantismo. Continua o jeito fácil de salvar-se, “somente” tendo fé, como determinou Lutero: “Seja um pecador e peque fortemente, mas creia e se alegre em Cristo mais fortemente ainda…Se estamos aqui (neste mundo) devemos pecar…Pecado algum nos separará do Cordeiro, mesmo praticando fornicação e assassinatos milhares de vezes ao dia”. (Carta a Melanchthon, 1 de agosto de 1521 – American Edition, Luther’s Works, vol. 48, pp. 281-82, editado por H. Lehmann, Fortress, 1963).
      Senhoras e senhores, este é o pai do protestantismo!

    • O princípio solus chistus visto por um ex protestante
      No tempo em que nos importa viver, no qual os ventos do ecumenismo tornam a soprar cada vez com mais firmeza, não é nada fácil tentar dizer três ou quatro verdades sobre os nossos “irmãos separados”. Eu, que durante nove anos de minha vida fui protestante, sei como é estar dos dois lados da cerca. É uma experiência inegavelmente peculiar. Apesar de encontrarmos do lado protestante uma grande maioria que julga que o catolicismo romano não é cristão, do lado católico não observamos com abundância aqueles que colocam em dúvida a natureza cristã do protestantismo.

      Sem querer valorizar demais, posto que não vale a pena, a opinião anti-católica deste grupo de protestantes, creio ser necessário comentarmos alguns pontos chave para que os católicos em geral, ou pelo menos aqueles que mantém um contato maior com protestantes, reconheçam que deveriam ser menos otimistas quanto à existência de um elemento cristão genuíno no cristianismo protestante.

      Desde seu surgimento, na reforma, o protestantismo elaborou uma série de lemas que se tornaram verdadeiros dogmas de fé do cristianismo protestante. Analisaremos um desses lemas, e vejamos o que ocorre na prática.

      Solo Christus

      A princípio nada haveria de me opor a esta doutrina essencial da fé cristã pela qual reconhecemos que a figura e a pessoa de Jesus Cristo é, por si só, o centro de nossa vida e esperança. Indubitavelmente, sem Cristo não há cristianismo. Contudo, acontece que na Bíblia ocorre uma realidade muito clara: uma vez que Jesus Cristo se encarnou e fundou sua Igreja não podemos mais separar a realidade de Cristo com a realidade da Igreja. A Palavra de Deus é clara neste ponto: A Igreja é o Corpo de Cristo (Cl 1,18). Diz mais: A Igreja é a Sua Plenitude (Ef 1,23). Quem persegue a Igreja, persegue o Cristo (At 9,1-6) e, caso a relação não esteja suficientemente nítida, podemos perceber que a relação entre Cristo e a Igreja é um mistério ao qual São Paulo compara ao mistério da união entre o homem e a mulher (Ef 5,31-32).

      Portanto, dizemos a verdade se ensinamos que não pode crer em “Solo Christus” aquele que aceita o Cristo, mas rejeita a Igreja, indissoluvelmente unida a Ele por toda a eternidade. Por isso o Símbolo Niceno-Constantinopolitano afirma em um de seus pontos: “Creio na Santa Igreja Católica e apostólica”. Ou seja, desde a antiguidade era demonstrado que a fé ou crença na Igreja era parte da fé cristã. E se o Cristo em pessoa afirmou, sobre o matrimônio, que “o que Deus uniu o homem não separe”, mais ainda devemos crer que a união de Cristo com a Igreja está selada eternamente por vontade divina.

      Se isto está claro, cabe aqui uma pergunta: atacar a unidade da Igreja não é exatamente o mesmo que atacar o Cristo? É cristão, portanto, dividir o corpo de Cristo em milhares de fragmentos? Ou, pelo contrário, a divisão da unidade do corpo de Cristo não é a arma mais poderosa que satanás poderia se servir durante a história da Igreja?

      Quando era protestante, eu via como secundário este assunto de unidade da Igreja e, acima de tudo, sacrificável ao “deus” da pureza doutrinária. Ou seja, a verdadeira doutrina expressa “somente na Bíblia” está um tesouro de muito mais valor que a unidade visível da Igreja de Cristo. Porém não era somente isso. Assim como a imensa maioria dos protestantes, eu tinha um conceito sobre a Igreja que não se acha em lugar nenhum da Bíblia, a não ser através de interpretações torcidas e contorcidas. É o que eu chamo de conceito “docetista” da Igreja, onde se tira a noção de que possa haver uma Igreja visível, organizada e hierarquizada, para se aceitar uma Igreja desorganizada, invisível, pseudo-etérea, sem unidade orgânica real.

      Sem muita demora, vejamos o que diz a Bíblia sobre a Igreja:

      1 – Cristo deixou muito claro que a unidade dos cristãos deveria ser semelhante à sua unidade com o Pai e que por essa unidade o mundo deveria crer.

      2 – A Igreja teria uma hierarquia muito bem definida: apóstolos, entre eles Pedro, o primeiro, e logo os bispos e anciãos (presbíteros).

      3 – A Igreja adotaria um sistema de análise chamado Conciliar, tal e como se vê em Atos 15, com o particular fato de que Pedro iniciou os debates sobre os temas em pauta naquele concílio. Além disso, as disposições do Concílio eram de aceitação obrigatória por toda a Igreja.

      4 – Os apóstolos eram intolerantes com aqueles que causavam divisões. Encabeçados por Paulo, que teve que se depara com os “denominacionalismos” de Corinto (1Cor 1,10-13). Também ele deu a Tito uma ordem bem clara sobre o que ele deveria fazer com aqueles que causassem divisões. Deveria admoestá-los primeiro e depois expulsá-los da Igreja, porque haviam-se pervertido (Tt 3,10-11). Judas (Jd 19) coloca que os que causam divisão não possuem o Espírito. E, digamos alto e claro, o apóstolo João mostra em 1Jo 2,18-19 que os que saem da Igreja são anti-cristos, ainda que alguns queiram interpretar este versículo de uma forma mais suave.

      Bem, alguém deve estar se perguntando: “E o que tem a ver isto tudo com o protestantismo e ‘Solo Christus‘?”. Respondo: Tem tudo a ver! E mais: o protestante que entende esta realidade, se é honesto e inteligente, necessariamente tem de deixar de ser protestante, a menos que queira pecar gravemente contra Deus.

      É evidente que um sistema religioso que afirma aceitar inteiramente o Cristo e todo o seu ensinamento, mas que leva em sua essência o vírus mortal da divisão do corpo de Cristo, somente pode ser definida como anti-cristo. Anti-cristã. Não há justificativa alguma ao fato de que o protestantismo tem sido absolutamente incapaz de manter uma unidade eclesial interna minimamente respeitável. Quando os protestantes se insurgem em apontar, com seus tratados e comentários bíblicos, os erros doutrinários do catolicismo, não se dão conta que a simples existência de uma miríade de denominações protestantes independentes umas das outras é, nos seus olhos, uma trave de proporções apocalípticas.

      Parece forte dizer isso, mas a verdade é que o protestantismo é a negação de Cristo desde o momento em que, na prática, nega a existência de uma só Igreja de Cristo, com uma só fé, com um só batismo e um só credo. E, negando a existência dessa Igreja, que é o corpo de Cristo, está se negando o próprio Cristo, ainda que inconscientemente. Ponto final!

      Se o protestantismo tivesse a capacidade de ter se organizado em uma só denominação, poderíamos hoje contemplar a reforma de um prisma totalmente diferente. Porém, a reforma não foi o que pretendia ser, senão o maior levante de aniquilação da Igreja, com a desculpa de uma verdadeira mudança. Aproveitaram da fraqueza da Igreja da época para tentar destruí-la por completo, mas, graças a Deus, foi na fraqueza que a Igreja despertou com força para novos desafios, ainda que lhe custasse muito recuperar o que havia perdido com a corrupção interna e os desajustes doutrinais e externos.

      Para finalizar, ainda me caberia verificar muitas das ramificações desse desastre que é o protestantismo para a cristandade, mas me contentarei em assinalar pelo menos algumas poucas incoerências da agressiva dinâmica dialética que os protestantes usam contra a Igreja Católica:

      1 – Os protestantes rejeitam a Igreja Católica por não se basear somente na Bíblia. A verdade é que eles, que dizem basear-se somente na Bíblia, não conseguem chegar a um acordo sobre doutrinas como a Eucaristia, sacramentos, organização eclesial, doutrinas da graça e salvação (calvinismo e arminianismo), etc., etc., etc.

      2 – Os protestantes atacam a Igreja Católica por valorizar o papel da Tradição, mas eles mesmos são escravos de suas próprias tradições interpretativas da Palavra de Deus. E, ainda por cima, aceitam grande parte da linguagem e do conteúdo doutrinal que a eles chegou através da…Tradição da Igreja (Trindade, Cânon da Bíblia, Filioque, Pecado Original, Domingo como dia do Senhor).

      3 – Os protestantes usam a Bíblia como uma arma contra determinadas doutrinas e práticas católicas, porém nada dizem sobre o que essa mesma Bíblia fala sobre divisões na Igreja, tão presente nas suas igrejas.

      4 – Os protestantes atacam a Igreja Católica acusando-na de possuir um sistema de governo ditatorial, porém resulta que boa parte das igrejas protestantes exercem uma tirania a nível denominacional..

      Por fim, para não estender-me demais, terminarei com uma reflexão. Creio que tanto aqueles que nasceram numa família protestantes como aqueles que saíram da Igreja Católica para o protestantismo deveriam voltar com urgência para a Igreja de Cristo. É incompatível ser de Cristo e pertencer a um sistema religioso que está dividindo continuamente o corpo de Cristo, que nega o princípio da eficácia regeneradora que o Espírito Santo possui na sua condução da Igreja. Muitos protestantes nunca tinham sido defrontados com esta realidade que estou escrevendo. Outros tomaram conhecimento, mas resolveram continuar seguindo suas vidas separados da Igreja, e, portanto, apesar de se revoltarem ao ler isto, separados de Cristo.

      É nossa missão evangelizá-los e/ou resistir às suas tentativas de levar católicos da Igreja de Cristo. Sem dúvida, muitos católicos precisam de um contato maior com Cristo, porém este encontro não se dá fora do Corpo de Cristo, nas igrejas protestantes, mas um encontro na Igreja do Cristo verdadeiro.

      Traduzido para o Veritatis Splendor por Rondinelly Ribeiro Rosa.

  13. Martinho Lutero nasceu em Eisleben, Alemanha, no dia 10 de novembro de 1483. Desde a infância ouvia falar sobre Jesus onde aprendeu a amar e a temer a Deus. Aos 18 anos entrou na Universidade de Erfurt para se formar em Direito, mas terminou optando por Teologia e aos 25 anos foi convidado para ser professor na Universidade de Wittenberg onde ministrou Filosofia e Bíblia. Lutero recebeu o título de Doutor em Teologia. Como um monge católico Lutero nunca pensou fazer uma revolução. O seu maior desejo era ver a igreja católica seguido corretamente os ensinos estabelecidos por Cristo.

    As 95 Teses de Martinho Lutero

    O papa Leão X querendo concluir a Basílica de São Pedro em Roma, contraiu um empréstimo. Para pagá-lo autorizou os monges a venderem indulgências ─ papéis que, segundo o papa, garantiriam o perdão de Deus. Apesar do erro doutrinário os monges da Igreja Católica saíram por toda a Europa vendendo as indulgências. Lutero pensava diferente. Após conversar com muitos monges e professores sobre esta questão, resolveu expor a perspectiva bíblica do perdão divino ao povo. Lutero adquiriu uma nova visão teológica lendo Romanos 1.17 e Efésios 2.8,9, onde se lê claramente que somos salvos pela fé em Jesus Cristoe não mediante a prática de boas obras.

    Lutero passou a argumentar publicamente contra a venda das indulgências. Finalmente no dia 31 de outubro de 1517 fixou na porta da igreja de Wittenberg, uma lista a qual ficou conhecida como “as 95 Teses de Martinho Lutero.” Rapidamente a notícia se espalhou pela Alemanha e em pouco tempo já eram conhecidas em quase toda a Europa. Também foram traduzidas para outras línguas, e pessoas de vários lugares do mundo começaram a discutir as questões levantadas por Lutero. O papa enviou o cardeal Caetano para conversar com Lutero. Este exigiu que Lutero pedisse perdão em público pela sua ofensa à igreja. Lutero replicou dizendo que defendia apenas o que estava escrito na Bíblia. Então foi excomungado pelo papa. Em junho de 1525 casou-se com Catarina de Bora, uma ex-freira. Tiveram seis filhos e abrigaram onze órfãos. Lutero publicou cerca de 400 obras durante a sua vida, entre comentários bíblicos, catecismos, sermões e tratados e composição de hinos. Lutero ensinou aos crentes sobre o sacerdócio universal baseado em 1 Timóteo 2.5, onde Cristo é apresentado como único Mediador entre Deus e os homens e a autoridade exclusiva das Escrituras, em oposição à autoridade de papas e concílios. Uma das principais preocupações de Lutero era que todos pudessem ler a Bíblia tirassem suas próprias conclusões acerca do verdadeiro ensino Cristo, por isso traduziu a Bíblia para o alemão para que todos pudessem lê-la em sua própria língua. Várias de suas obras estão publicadas em diversas línguas modernas. Lutero faleceu em 1546, aos 63 anos em Eisleben.

    [Faríamos] “Bem em ouvir novamente a mensagem desses cristãos corajosos que desafiaram imperadores e papas, reis e câmaras municipais, porque suas consciências estavam cativas à Palavra de Deus. seu evangelho da graça livre do Deus todo-poderoso, o Senhor dos Exércitos, conforme o grande hino de Lutero o expressa, o seu destaque à centralidade e ao caráter infalível de Jesus Cristo permanecem em acentuado contraste com as teologias enfraquecidas e demasiado transcendentais que dominam o cenário atual.” (Timothy George)

    Veja algumas frases de Lutero:

    “Castelo forte é o nosso Deus. Espada e bom escudo.”
    “A paz, se possível, mas a verdade, a qualquer preço.”
    “A guerra é a maior praga que assola a humanidade; destrói a religião, destrói as nações, destrói famílias. É o pior dos males.”
    “Fé é uma firme confiança nas promessas de Deus que por elas eu morreria mil vezes.”
    “Não podemos impedir que um pássaro pouse em nossas cabeças, mas podemos impedi-lo de fazer um ninho.”
    “Mente vazia é oficina do diabo.”
    “No casamento, cada pessoa deve realizar a função que lhe compete. O homem deve ganhar dinheiro, a mulher deve economizar.”
    “Nada se esquece mais lentamente que uma ofensa e nada mais rápido que um favor.”
    “Uma mentira é como uma bola de neve; quanto mais gira, maior se torna.”
    “Os que se amam profundamente, jamais envelhecem; podem morrer de velhice, mas morrem jovens.”

  14. ÊTA POVO CEGO ; SERÁ QUE FINGEM NÃO SABER O QUE O SENHOR JESUS FALOU PARA SATANÁS : ” NÃO TENTARÁS O SENHOR TEU DEUS ” ( MATEUS 4 vers. 7 )
    MORREU NA BOCA DA COBRA, E BEM PROVÁVEL ACORDOU NO COLO DO CAPETA !

  15. Aprenderam essas coisas com os cristãos/católicos lá das Filipinas, os que de quando em quando tentam se passar por Cristo se crucificando.

    A seita católica não ensina nada que presta nesta área.

    Imaginar que padre é induzido a colocar gelo nas entranhas pra inibir a vontade sexual. É brincadeira a tua igreja.

  16. Papas pedem perdão ao mundo todo.

    Agora foi a vez dos evangélicos, pois o papa pediu sincero perdão pelo que a igreja dele fez. A igreja não soube interpretar que eles, evangélicos, agiam com fé em Cristo.

  17. Graças aos inúmeros reformadores que a igreja católica foi desbancada, desmascarada e desapiada do poder.

    Cristo não veio criar Estado Cristão ao modo do Estado Islâmico.

    Mas a igreja não apenas aceitou ser um poder estatal como ainda se viu obrigada a inserir crenças e teologias não inseridas na bíblia, muito menos por Cristo.

    Mostrem Cristo fazendo missa pra morto. Cristo fez foi ressuscitar mortos.

DEIXE UMA RESPOSTA