Brasil

Mãe encontra suspeito de assassinar seu filho, o perdoa e ora por ele: “Você vai servir o Deus que eu sirvo”; Assista

Comments (8)
  1. Rany disse:

    amém!

    Isso é ser Cristão!

  2. WLADEMIR disse:

    Como cristão não é fácil tomar esta atitude é preciso esta ligado nos ceus de onde desce todo dom perfeito, o amor verdadeiro que quer sempre nos mostra o perfeito caminho o perdão pois Deus nos perdoa todos os dias.

  3. Bereano Radical disse:

    WLADEMIR, você disse tudo: “é preciso estar ligado nos Céus, de onde desce todo dom perfeito”.

    Tour, lembra que certa vez você questionou, dizendo que quem não defende medidas extremas contra bandidos, é porque nunca passou por uma situação de violência, nunca teve um parente assassinado?

    Houve também um caso, de um casal que perdeu um filho (ou uma filha, não me lembro) no incêndio da boate Kiss, que adotou uma criança, criaram uma ONG, e passaram a fazer trabalhos para ajudar crianças, necessitados etc.,

    Também teve aquela mulher que foi assaltada, seguiu o ladrão, não chamou a polícia, o abordou e o perdoou, e ainda pagou as compras dele, pois ele estava passando por necessidade.

    A porta realmente é estreita, difícil, mas é de onde desce todo o dom perfeito.

  4. Bereano Radical disse:

    WLADEMIR, você disse tudo: “é preciso estar ligado nos Céus, de onde desce todo dom perfeito”.

  5. clamando disse:

    SÓ ESPERO QUE DEUS PERDOE O PECADOR MAS PARA JUSTIÇA NÃO TIRE O PESO DA CULPA OU SEJA QUE CUMPRA PENA NA CADEIA ATÉ ELA ACABAR

  6. lino disse:

    Já, já os satanistas vão aparecer p/ criticar dizer que é hipocrisia, que a mulher é burra e outras baboseiras. mas a verdade é que ela conhece Jesus, e entendeu a sua palavra. ela é de Deus. as pessoas têm dificuldades para entender as atitudes de um verdadeiro cristão. Só quem é dEle e o conhece sabe que sentimentos como ódio e mágoas além de não ajudar, atrapalham e muito a continuar a vida. ela poderia ter “morrido” com o filho dela e sua vida hoje estaria parada, mas o perdão a libertou e deu condições de ajudar esse infeliz a se livrar do poço em que ele está embora pareça não querer sair. Ela está livre, nada melhor que isso depois de tanta dor… belo exemplo, minha irmã!

    1. Pitagoras disse:

      Vc. devia ver o comentário do Phedro, acerca do menino assassinado na Índia. Cristão !

  7. Calos Fomim disse:

    Anton Mendel, Seus comentários são repletos de ódio e desprezo. Nem a dor de uma mãe você respeita e por isso se torna desprezível.

  8. Vendoso Alexandre disse:

    Existe ouvir falar de jesus e existe cunhecer jesus. Quem conhece de verdade o pai essa mulher esta certa,ela conhece nao ouvi falar.

  9. claudio disse:

    Anton Mendel, pego carona no comentário de Carlos Fomim e te digo: Seus comentários são repletos de ódio e desprezo. Seu preconceito é tamanho que Nem a dor de uma mãe você respeita e por isso se torna desprezível, talvez, espiritualmente, mais desprezível que o assassino do filho dessa pobre mulher, que pelo menos se calou diante da dor dela. Vc nem disso é capaz!

    1. lliallua disse:

      Verdade, Claudio, Em todo lugar sempre tem ratos covardes, que vivem no lixo, e quando veem uma atitude de coragem extrema como essa, não sabem como reagir. Apenas tentam corroer os fatos narrando suas verdades com idéias baixas, deturpadoras dos fatos, são narrações dignas de quem vive no esgoto. Não reconhecem Perdão, e a Paz, que só Cristo é capaz de nos ofertar.

  10. Bereano Radical disse:

    “Como cristão não é fácil tomar esta atitude é preciso esta ligado nos Céus de onde desce todo dom perfeito” – Perfeito o comentário. Não basta ser cristão, tem que estar ligado aos Céus.

  11. Celso disse:

    Parabéns a esta mulher corajosa!

    A arrogância está no dedo que puxou o gatilho, não nas palavras de perdão desta mãe!

    Jesus Cristo seja Louvado!

  12. Valéria disse:

    Ame o teu próximo como a ti mesmo. diz a palavra de Deus. Esta mulher esta certa e ligada em Deus.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *