Carro invade igreja e motorista alega que o veículo “estava perseguindo um demônio”

2

Um homem derrubou invadiu um templo da Igreja Católica derrubando suas portas na cidade de Múrcia, na Espanha. Ele alegou que seu carro estava “perseguindo um demônio”.

De acordo com o jornal local La Opinion de Murcia, inicialmente as autoridades acreditaram que se tratava de um acidente, porém após interrogar o motorista, descobriu-se que o estrago havia sido causado propositadamente.

A invasão ocorreu por volta das 7h30 da manhã, horário em que a igreja está quase vazia. Mesmo assim, houve histeria, pois as pessoas que estavam no local sofreram ferimentos leves, como escoriações nas mãos e pernas, e achavam que tratava-se de um ataque.

Testemunhas disseram que o motorista forçou o portão com seu carro, e quando conseguiu derrubá-lo, o barulho causado foi semelhante ao de uma bomba.


Logo após o acidente, o homem foi preso pela polícia e submetido a um teste de bafômetro na delegacia, mas o resultado foi negativo. Ainda assim, teve que passar duas noites na cela para que fossem definidas as datas que deverá comparecer ao tribunal e os valores que deverão ser pagos para o conserto na igreja. A polícia suspeita que o motorista tenha problemas mentais.

Embriaguez ao volante

Em Guarulhos, SP, um carro desgovernado também invadiu um templo da Assembleia de Deus, onde pelo menos cinco pessoas ficaram feridas, de acordo com informações da Folha de S. Paulo.

A polícia afirmou que os ocupantes do carro apresentavam sintomas de embriaguez, e o motorista perdeu o controle do veículo após acelerar. Os envolvidos no acidente foram levados à delegacia e o motorista foi preso.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+


2 COMENTÁRIOS

  1. Se o Bin laden fosse vivo e se tornasse cristão protestante e passasse a perseguir o “capeta” ele ia mandar um monte de avião lá na Igreja de um determinado Bi$po Milionario e de um “Apó$tolo” vaqueiro que tem por ai… kkkk

DEIXE UMA RESPOSTA