“Não importa o seu passado”, diz ex-criminoso convertido na prisão

De ex-criminoso para um cristão convertido - Ele cometeu vários crimes por mais de 20 anos, chegando a ser preso e espancado, mas Deus transformou a sua vida quando passou a ler a Bíblia

0

Se tem uma coisa visível no comportamento de pessoas que verdadeiramente se convertem ao evangelho de Jesus Cristo é a transformação de vida que experimentam. “Não importa o seu passado”, exatamente como declarou Michael Hiser, um ex-criminoso que passou mais de 20 anos cometendo delitos e sendo preso, antes de conhecer o plano de Deus para a vida humana e decidir mudar de vida. Sua história é um testemunho de transformação baseada no poder restaurador do evangelho.

Michael Hiser viveu em um lar conturbado, com uma infância praticamente sem limites. Sua mãe, com quem vivia, trabalhava 16 horas por dia para lhe sustentar, mas já aos 8 anos de idade Michael começou a se envolver com drogas e a ser considerado “preguiçoso” por seus professores, sem tomar conhecimento de que ele também possuía um distúrbio de aprendizagem chamado “dislexia”.

Segundo informações do Gospel Coalition, após sofrer um abuso sexual aos 13 anos, Michael buscou nas drogas a forma errada de lidar com o sofrimento. Ele fez amizade com um garoto que não tinha onde morar chamado Chuck, vindo a ficar na casa de sua mãe. A partir de então, Michael e Chuck passaram a ter a companhia um do outro para usar drogas e fazer assaltos para sustentar o vício.

Passados 20 anos indo e vindo da prisão Michael acumulou uma lista de 53 crimes. Michael chegou a ser agredido por policiais ao ponto de sofrer uma fratura craniana, precisando passar por 16 horas de cirurgia. Após sua recuperação, Michael foi preso com a expectativa de passar o resto de sua vida atrás das grades.


De criminoso para um cristão convertido

Já na prisão, Michael não tinha acesso a outro livro senão a Bíblia Sagrada. Para passar o tempo até seu julgamento, ele decidiu copiar à mão o livro de Provérbios, cerca de 10 horas por dia, durante 8 meses. Começou ai, sem perceber, a transformação de Michael, que foi logo apelidado pelos companheiros de cadeia de o “pregador”.

Michael pegou 15 anos de prisão depois de fazer um acordo com a justiça, e já no primeiro dia preso foi abordado por um jovem que perguntou ao “pregador” o que poderia fazer para ser “salvo”, deixando Michael sem saber o que dizer, pois ele mesmo ainda não sabia como. Foi quando outra pessoa que trabalha evangelizando em prisões se aproximou e disse aos dois: “Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus”, citando Efésios 2: 8-9.

Nesse momento Michael entendeu a mensagem e clamou: “Deus, o que o Senhor fez por esse garoto, faça por mim. Eu não quero mais viver assim, mesmo que nunca saia”, disse ele em oração, segundo informações da matéria.

A partir de então Michael perdeu o gosto pelas coisas ruins que afetavam sua vida. Ele passou a amar a Bíblia, fazer estudos e compartilhar o evangelho com seus colegas da prisão. Passados quatro anos, ele foi para condicional e mesmo com dificuldades de conseguir emprego devido ao seu longo histórico de crimes, ele manteve a fé e continuou procurando.

Atualmente, 10 anos depois de Michael sair da prisão, ter conseguido emprego e voltado a estudar em uma escola técnica, ele testemunha como o amor de Deus é grandioso e seu perdão restaurador. Não importa o que você já tenha feito, se houver arrependimento, Jesus Cristo pode transformar a sua vida:

“Eu quero fazer a diferença e melhorar minha comunidade para que meu neto tenha um lugar decente – não tentado pelas drogas e álcool, mas cativado pelo amor e misericórdia de Deus para todas as pessoas, não importa o seu passado”, disse ele.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA