Padre sertanejo planeja construção de megatemplo com formato de chapéu de peão

26

Conhecido como “padre sertanejo”, Alessandro Campos é um sacerdote católico cantor com uma carreira na música popular de ascensão meteórica, assim como seu ministério. Como forma de simbolizar sua relação com a fé e a música sertaneja, pretende construir um megatemplo em Brasília em formato de chapéu de vaqueiro.

A história do padre Alessandro Campos é como a de muitos outros sacerdotes católicos, que nutriu o interesse pela religiosidade a partir da prática de fé de um parente próximo. No caso do “padre sertanejo”, essa inspiração veio da avó, hoje com 92 anos.

Paulistano de Guaratinguetá, cidade com forte influência da música sertaneja na cultura popular, Alessandro Campos decidiu ser padre aos sete anos de idade. Aos 13, foi para o seminário, e aos 23 foi ordenado ao sacerdócio como um dos mais jovens padres do país.

Seu começo de ministério foi como capelão de um colégio militar em Brasília: “Na primeira missa que fiz lá, tinham dois alunos, o general e a esposa. Em um mês, mil pessoas já estavam frequentando”, conta o padre.


A popularidade espalhou as peculiaridades que o padre inseriu na liturgia da missa. A fama de “padre sertanejo” veio do hábito de cantar clássicos da música interiorana durante os sermões, como forma de ilustrar a mensagem e inspirar os fiéis a aplicar os conceitos bíblicos em seu cotidiano. “Às vezes eu não tinha o que falar e cantava. Como essas músicas têm conteúdo, falam de Jesus, de paz, da família, daí nascia uma reflexão”, resume.

Agora, o padre cantor pretende erguer, na capital do país, um templo católico com formato de chapéu de vaqueiro. Uma das abas do chapéu seria uma escadaria, enquanto as outras duas laterais teriam função de arquibancadas. Na aba traseira seria feito um palco para shows, e o centro do “chapéu” seria a nave do templo.

“Esse é um sonho que está no meu coração e no de Deus. Quero fazer um templo para reunir todo sertanejo do Brasil — conta o padre Alessandro Campos, que pretende contar com o apoio de artistas sertanejos na arrecadação de fundos. “Não existe sertanejo que não seja devoto de Nossa Senhora Aparecida”, argumenta.

Hoje, detentor de recordes de venda de CDs de música “sertaneja católica”, o padre comemora a trajetória e diz que sua motivação é aproximar os fiéis de Deus: “Tudo isso começou quando eu era criança e fui num show do Zezé di Camargo e Luciano. Eu vi eles cantarem pra uma multidão e imaginei todo mundo cantando assim para Cristo. Fiquei pensando. Quando for padre, quero ser assim”.

26 COMENTÁRIOS

  1. Os católicos nunca vão adorar a jesus,é mais facil os católicos chorarem por Zé Zé e luciano do quer o propio jesus.
    se adoram imagens quanto mais cantores famosos.

    • não que eu seja simpático a seita católica, ou a qualquer seita protestante.

      mas é divertido ver a “dor de cutuvelo” no mundo protestante!!!

      #eusidivirtu!!

      kkkkkkk

        • não tenho parentes que usam vestidos Levy.

          mas é divertido ver a inveja no mundo protestante.

          engraçado ver como os protestantes se mordem de inveja da seita católica.

          kkkkk

          • Prove o estado de inveja a que você se refere. Eu tenho e muito é pena, pois o que ela fez e o que faz não deve ser copiado, pretendido, sonhado, sim escondido, silenciado.

            Não seria você que fica com inveja do avanço de Deus em tudo, convertendo os teus similares ás diversas religiões monoteístas?

    • Com relação ao assunto, na questão de por Deus em primeiro ou em segundo lugar, gostaria de opniões…

      Somos imagem e semelhança de Deus, seria um erro guardar imagem da esposa(o) que ama (imagem é desde uma estátua a uma foto, sejamos sensatos)? ou seria perigoso pelo apego, que se tornaria adoração? Com esses questionamentos penso que pela lógica que os muitos evangélicos seguem, os filhos de Deus deveriam ser mais racionais uns com os outros, porque o emocionalismo que gera apegos. Faz sentido?

      Ser respeitoso com o esposo(a), mas se apegar a ele seria pecado por colocá-lo em primeiro lugar na questão de amar? Sim, mas seria pecado por em segundo lugar? talvez, porque o homem/mulher pode muda-lo(a) de lugar, a carne é fraca, não é assim a lógica que perneia? Então, se preocupar em amar o próximo torna-se exagerado as vezes? Cristo disse pra amar e perdoar a todos, tudo bem…

      Mas não pensamos em Deus quando fazemos isso, isso deixa Ele em segundo plano?
      Por exemplo, vou fazer um bem, sem pensar nas consequencias disso. Fazer sem esperar algo. Isso é o que Cristo diz. Porém, deixamos de pensar em Deus para que esse pensamento perneie em pensamento, pois pensaríamos em recompensas (ah, vou ajudar fulano, Deus vai gostar e consequentemente, me dar bençãos e se alegrar por mim)

      Isso não é um pensamento pagão que visa resultados benéficos para mim?

      O utilitarismo, conceito filosófico em que diz o visar em fazer algo, mas querendo outra coisa em troca, por exemplo:

      Fazer o que Jesus diz, mas esperar as graças de Deus em troca.

      Isso seria ruim? Digamos que essencialmente, não bate com a essência da bondade que Deus quis no mundo, mas ao mesmo tempo, se pensa em Deus antes de fazer algo de bom com as pessoas, pondo ele em primeiro lugar como causa de alguma coisa, logo eu não sou a causa da benfeitoria senão a influencia de Deus.

      Porém, como disse, é um modo de pensar pagão.

      Mas por outro lado, se eu pensar em fazer um bem, e me esquecer de Deus para evitar o utilitarismo, não estaria eu deixando Deus em segundo plano?

      Eis a questão, porque há até Ateus podem fazer o bem sem interesse.

    • Mas luciano, eles têm imagem do Sagrado Coração de Jesus, e até o Cristo Redentor no Rio, nem por isso eles adoram a estátua, porque até raios, pombos e gringos com boneca inflável fazendo foto são um estrago e a atenção de lá, como rebater man? kkk

      Engraçado que muitos não percebem, mas o Católico se porta de maneira diferente diferente da eucaristia e das estátuas, se notarem. Se perguntar a qualquer um, ninguem nega adoração à eucaristia. Eles discernem entre estátua e o pão consagrado por eles. Alguem percebeu?
      Até Satânicos arromabam sacrários das igrejas pra roubar elas pra por na cueca e na vagina como forma de “ofender a Deus” em rituais.

      Porque não denunciar católicos e satânicos por crerem em Jesus na eucaristia?
      Sério, nunca vi um evangélico denunciar em rede social um satânico por crer em Jesus na eucaristia.
      Parece meio fora de moda falar das imagens, na minha humilde opnião, coisa do século XVI, até parece que não conhecem disso da ICAR. Mais estranho que ex-católicos têm medo de falar disso (eles ainda acreditam? não sei, eles sabem)

      Achava que a denuncia das estátuas ela por acharem que as estátuas eram vivas, mas depois descobri que é por uma simples interpretação bíblica. Nada conveniente, kkk
      Qual o evangélico que querendo mais fieis que não usaria da argumentação sobre a não criação de ídolos?

      Faltam me dizer que um protestante Luterano não é convertido ao evangelho por terem algumas catedrais na europa e EUA, com imagens de estátua de Lutero como representante da Igreja deles. Cara, não vejo adoração nisso, vejo veneração(no sentido de respeito e não de adorar hein?).
      Seguindo essa lógica (repetindo, seguindo essa lógica), nada mal faz em relembrar os nomes notáveis de cada movimento eclesial, católico, luterano, calvinista, bla bla bla, qual seja a denominação, SE (repetindo, SE) a pessoa por na mente que eles foram pessoas importantes, mas que eram criaturas dependentes de Deus, não sendo fontes de graça, mas instrumentos de graça.

      Pegue o exemplo dos apóstolos, que você consegue discernir o grau de importancia entre homens que fazia milagres pelo simples passar da sombra em pessoas e Deus (porque pela fé, instrumentos de Deus surgem a todo momento para alegrar o filho de Deus necessitado).
      Através disso, creio eu, que qualquer pessoa humilde saberia evitar adoração. Mesmo assim, isso se limita ao mundo subjetivo dela, e nós nunca viriamos o coração da pessoa, só o ato.

      Comentários?

    • É latismavél, ver tudo isso que esta acontecendo, nesse mundo podre, invés de aproveitar a televisão para falar do nome de a JESUS glórificar o nome do senhor, usam pras coisas mundanas é como esse padre que fica na mídia falando de idolatria, cantado essas musicas podres que em nada glorfica o nome do SENHOR, quando alguém fala acham ruim. esse padre acha que se ele for salvo lá no céu ele vai ficar cantado essas musica podres, do mundo , como ele gosta de cantar, telefone mundo, e outras mais.
      quem quizer entrar no reino dos céus tem que fazer o que JESUS mandou fazer,guardar as palavras dele. no reino dos céus iremos adorar ao senhor , com louvores santos não com essas musicas imundas . que esse padre canta.
      temos que ser verdadeiro adoradores mais não com essas imundicias de musicas imunda com esse tipo de lixo que cantam ….entrar no céus todo mundo quer, agora fazer a vontade de DEUS são poucos..

      • Só tomar cuidado, para não parecer um mulçumano, para eles a vida só serve para Deus, as pessoas não precisam de sentimentos por outros humanos, basta Deus.
        Só cuidado, há quem mate e destrua justamente por questões bíblicas, mas que não inteiramente refletidas. As pessoas que mais entram em depressão são religiosas, segundo pesquisas, porque são as mais reprimidas na realidade. Não por evitar o pecado, mas simplesmente porque enquanto vive, e não vÊ a Deus de maneira a chegar no ápice da existência humana, a pessoa se limita tao somente o esforço pessoal em Deus, inclusive as dores.

        Há quem se limite a dizer que se o mal é permitido por Deus, seja feita sua vontade, mas a pessoa se mantêm ignorante, não fazendo nada para ajudar o próximo (não digo o vizinho, mas pessoas nas ruas, hospitais, orfanatos) porque o comodismo é aderido quem se acha em “estado de graça”.

        A tendência é o homem se achar satisfeito em relação a Deus, mas nunca olhar pra dentro de si, e vê que não é satisfeito consigo mesmo. E não deveria, pelo caos social, pelas pessoas adoentadas e pobres ao redor do mundo. Se elas estão aí, foi por causa de pessoas da mesma essência que eu, você, todos nós.

        O mundo não se resume à conversa entre eu e Ele, em ler a Palavra, orar, louvar e dormir, mas também na interação social. Deus criou o homem, e não anjos pra povoar a terra.
        Anjos só servem e o louvam, mas não podem desenvolver ideias nem partilhar da mesma dor que gera alegria, que é a dos pequenos martírios para evocar o evangelho onde no mundo, dizem não à Deus e sim às coisas mundanas, materiais, corruptíveis.

        • Jesus que disse:não outro intermediador entre Deus e os homens.
          Não venha com essa que evangélicos pode ficar na mesma linha que muçulmanos,o evangelho de jesus coloca todos os crentes na linha.

    • É por isso que se não se conferterem, vão queimar no lago de fogo e enxofre, não sou eu quem disse é a BÍBLIA sagrada, nenhum idolatra, impuro avarento, herdarão o reino dos céus
      ou aceitam JESUS como senhor é unico salvador e esqueçam esse monte de santo que inventaram ou vão prestar conta com DEUS.
      sabe qual é o problema do católico?
      é que eles acham que todo mundo vai pro céu,podem fazer o que quizer, podem ir a missa tomar a hóstia que eles chamam de santa ceia, e depois que tomar pode beber um copo de cachaça por cima que esta tudo certo, pode continuar na farra que depois que partir dessa, é só acender umas velas e rezar que esta tudo certo, a mentalidade do católico é que a pessoa vai pro porgatório depois eles rezam e a pessoa vai pro céu.
      é ruim, não existe esse negocio de porgatório, meu caro exsite o céu é o inferno é ponto final.
      se morrer no pecado na imundicia, pode acender um milhão de velas e rezar quinhentas missas, que o lugar da pessoa que morreu no pecado é o inferno lago de fogo e enxofre junto com o diabo e seus demonios.
      JESUS mandou orar por quem esta vivo e não por quem esta morto.
      ponto final é pronto ..essa é a verdade que esta na Bíblia.
      JESUS é a verdade, e nada mais..agora, se querem dar a verdade para as imagens fiquem a vontade, saboreiam o pecado, podem saborear porque o pecado é gostoso hum que delicia, KKKKKKKKKKKKKKKKK isso idolatras saboreiam o pecado que depois vem a sobremesa, qual é a sobremesa?
      o,lago de fogo e enxofre preparado para o diabo seus demonios e seus seguidores.

      • Católicos, pelo que pesquisei, não pensam que “santos” salvam, porque até estes são dependentes de Cristo. Logo, não são autossuficientes. São da mesma natureza dos apóstolos, instrumentos de Deus. É errôneo afirmar que seja tal o pensamento de um católico, seria um julgamento.

        Engraçado que esses mesmos “santos” alertavam com passar dos séculos sobre os males se corroperiam a ICAR, além de pedirem conversão à cruz, e denunciarem males internos que uma pessoa comum não saberia, como por exemplo, a maçonaria.

        Não cogito na minha consciência um demônio agindo a favor de Deus. Deus perdoou demônios? brincadeira… creio que algo precise de maior explanação.

        ah, nunca achei em pesquisas um pedido de adoração através destes, se de fato, adorassem, seria por falta de leitura bíblica mesmo e por livre arbítirio. Qualquer homem saberia discernir entre pessoas e Deus na questão entre diferenciar respeito e adoração.

        Sobre “mortos”.Crê que o Deus de Abraão, Jacó, Isaac é o Deus dos mortos? fala como se qualquer um que morreu está “morto”. E a ressurreição de Cristo foi invalidada? Não crê na ressurreição dos mortos? É uma nota a se refletir.

        Noto que católicos falam do purgatório, mas que evangélicos falam do “desaparecer” na tribulação. Qual era o nome disso? nem está escrito na bíblia também.
        Nos dois casos, porém, se justificam na Palavra pelo método alegorético (ver sentido oculto atrás das palavras).
        Alegorias nem é do tempo da Reforma, é desde o início do Cristianismo, e se iniciou, por ironia, com um Judeu, chamado Fílon.
        Daí as contextualizações que emanam da Palavra para explicar o portar da pessoa em tempo como de hoje, com novas ideologias destrutivas, a nova onda tecnológica… Porque se resumir literalmente aos mandamentos e ao que Cristo disse, faltará explicações, mas Deus deixou implícito que para todas as épocas, a Palavra pode ser usada.

        Bom aí, sobre a sobre dizer que quem porta o nome “católico” vai ao inferno, é interpetação pessoal, se fosse Lei, todo evangélico diria. Mas nem todos o dizem, porque será? Porque o Espirito Santo não revela a todos?

        Se de fato é verdade, todos saberiam pelo Espírito, e concordariam (ainda me referindo aos evangélicos). Porque há quem não se porte da mesma maneira, mesmo se referindo a ICAR como pagã? são atitudes diferentes, mas inspirados pelo mesmo Espírito?

        Pergunto isso porque há igrejas e pessoas que se posicionam contra não só católicos, mas também evangélicos!

        Porque o Espírito Santo separaria? teria motivos de separar rebanho. Mas qual rebanho é certo em seu pensar? toda resposta seria conveniente para si, já que todos vão se julgar certos. Querendo o não, é para todos a regra. Porém o Espírito guia a todos a um caminho só, de maneira a unir À Verdade, porque não existem infinitas interpretações, mas certas interpretações.

        • mim mostra na bíblia aonde esta fala que aonde JESUS A disse que primeiro a pessoa vai para o purgatório? quanto a o arrebatamento JESUS disse estarão dois no campo um será levado o outro deixado pra trás, estarão dois moendo em um moinho um será levado o outro deixado pra trás, ai das que estiverem gravidas, porque JESUS disse isso? porque as crianças serão arrancadas do ventre da mãe ido diretos para o reino dos senhor.
          portanto meu caro, é só lê a bíblia que nela esta a resposta pra tudo que precisamos.
          a mesma coisas são as imagens inventadas pelo homem, mim mostra na bíblia aonde esta santo fulano e santo sicrano cade o nome desses santos.
          não vamos encontrar esse monte de santos inventados porque quem morreu não pode fazer nada por ninguém o único que morreu e ressucitou e esta vivo é o senhor JESUS, JESUS sim, pode fazer algo porque o invoca e busca sua santa presença. na bíblia você não vai encontrar esses santos inventados mais vai encontrar a loucura da idolatria.
          outra coisa e ESPÍRITO SANTO DE DEUS não separa, ele esta pronta pra fazer morada no corpo daqueles que o busca é o invoca, mais pra isso acontecer é preciso que a pessoa esteja linda purificada longe do pecado das imundicias desse mundo podre,( FUGI DA IMPUREZA QUALQUER OUTRO PECADO QUE UMA PESSOA COMETE É FORA DO CORPO MAIS AQUELE QUE PRATICA A IMORALIDADE PECA CONTRA O PRÓPRIO CORPO, NÃO SABEIS QUE O VOSSO CORPO É SANTUARIO DO ESPIRITO SANTO DE DEUS?)
          portanto meu caro JESUS foi bem claro, quem não tem o Espirito Santo de DEUS esse não será dele, o próprio senhor JESUS deve que ser batizado nas águas do jordão para receber o Espírito SANTO, se JESUS teve que recebe o Espírito Santo para vencer as tentações desse mundo, quanto mais eu e você que somos pecadores miseravél cego e nú.
          e para receber o Espirito Santo de DEUS, tem que abondonar o pecado crer que JESUS é o filho do DEUS vivo é que derramou seu precioso sangue na cruz do calvário pela humanidade. depois se batizar e andar em santidade.
          outra coisa meu caro´não é católico que vai para o inferno, é quem não faz a vontade de JESUS porque JESUS disse, quem mim ama guarda as minhas palavra, mais invés de guarda as palavra de JESUS, estão guardado as imagens de esculturas.
          quanto aos mortos JESUS disse, deixe os mortos sepultar seus proprios mortos, porque quem baixou a sepultar meu caro ja era, se andou com JESUS nesse mundo podre verá a glória do SENHOR, mais se não fez a vontade de DEUS, o que o espera é o inferno de fogo, não purgatório

          • ZEZE, tem varias, mas referindo sua pergunta sobre o purgatorio(limpeza, purificação), segue algumas conclusoes..
            4 – Na passagem de Mc 3,29, também há uma imagem nítida do Purgatório:”Mas, se o tal administrador imaginar consigo: ‘Meu senhor tardará a vir’. E começar a espancar os servos e as servas, a comer, a beber e a embriagar-se, o senhor daquele servo virá no dia em que não o esperar (…) e o mandará ao destino dos infiéis. O servo que, apesar de conhecer a vontade de seu senhor, nada preparou e lhe desobedeceu será açoitado com numerosos golpes. Mas aquele que, ignorando a vontade de seu senhor, fizer coisas repreensíveis será açoitado com poucos golpes.” (Lc 12,45-48). É uma referência clara ao que a Igreja chama de Purgatório. Após a morte, portanto, há um “estado” onde os “pouco fiéis” haverão de ser purificados.

            5 – Outra passagem bíblica que dá margem a pensar no Purgatório é a de (Lc 12,58-59): “Ora, quando fores com o teu adversário ao magistrado, faze o possível para entrar em acordo com ele pelo caminho, a fim de que ele não te arraste ao juiz, e o juiz te entregue ao executor, e o executor te ponha na prisão. Digo-te: não sairás dali, até pagares o último centavo.”

            O Senhor Jesus ensina que devemos sempre entrar “em acordo” com o próximo, pois caso contrário, ao fim da vida seremos entregues ao juiz (Deus), nos colocará na “prisão” (Purgatório); dali não sairemos até termos pago à justiça divina toda nossa dívida, “até o último centavo”. Mas um dia haveremos de sair. A condenação neste caso não é eterna. A mesma parábola está´ em Mt 5, 22-26: “Assume logo uma atitude reconciliadora com o teu adversário, enquanto estás a caminho, para não acontecer que o adversário te entregue ao juiz e o juiz ao oficial de justiça e, assim, sejas lançado na prisão. Em verdade te digo: dali não sairás, enquanto não pagares o último centavo” . A chave deste ensinamento se encontra na conclusão deste discurso de Jesus: “serás lançado na prisão”, e dali não se sai “enquanto não pagar o último centavo”.

            6 – A Passagem de São Pedro 1Pe 3,18-19; 4,6, indica-nos também a realidade do Purgatório:”Pois também Cristo morreu uma vez pelos nossos pecados (…) padeceu a morte em sua carne, mas foi vivificado quanto ao espírito. É neste mesmo espírito que ele foi pregar aos espíritos que eram detidos na prisão, aqueles que outrora, nos dias de Noé, tinham sido rebeldes (…).” Nesta “prisão” ou “limbo” dos antepassados, onde os espíritos dos antigos estavam presos, e onde Jesus Cristo foi pregar durante o Sábado Santo, a Igreja viu uma figura do Purgatório. O texto indica que Cristo foi pregar “àqueles que outrora, nos dias de Noé, tinham sido rebeldes”. Temos, portanto, um “estado” onde as almas dos antepassados aguardavam a salvação. Não é um lugar de tormento eterno, mas também não é um lugar de alegria eterna na presença de Deus, não é o céu. È um “lugar” onde os espíritos aguardavam a salvação e purificação comunicada pelo próprio Cristo.

  2. Temos as nossas mazelas e é necessário combatê-las.

    Desde quando chapéu com abas virou paramento litúrgico? Parece um detalhe bobo, mas não é: o sacerdote está ali para representar Jesus Cristo, e não para dar entretenimento às suas fãs. Não é ele quem escolhe o que vestir, é a Igreja que determina, conforme o tempo litúrgico ou a celebração. A falta de apreço aos seus símbolos religiosos, em especial os paramentos e objetos da missa, é a uma dos sinais da decadência espiritual de uma comunidade.

    E se o padre é no fundo um músico frustrado, que invista na sua carreira artística durante as festas de quermesse, as reuniões de grupos jovens e atividades afins. Mas pegar o violão e bancar o Sérgio Reis no meio da santa missa é um tanto demais, não?

    Não há, ó gente, ó não… padres como esses sem noção! Não há, não há…!!

  3. Eu detesto música sertaneja, eu odeio rodeios(esse lixo maltrata os animais), e acho ridículo esses vaqueiros imbecis com pinta de “cowboy” norte americano!

      • Luciano, esse padre não é convertido, porque não aceitou JESUS como senhor é único salvador, o DEUS dele é aquele boneco de será chamada aparecida que ele vive idolatrando. DEUS não divide a glória dele com ninguém, mais esses padres querem dividir a glória de DEUS com esses bonecos feito de será quente, só mim faltava essa . kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk esa é de rir kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. sabe qual é o nome do demônio que atual nessas pessoas que gostam de festas de rodeio chapeu grande, o nome é iinxú boiadeiro, esse demonio esta por trás disso tudo…

  5. ao zeze..segue abaixo, ao que se refere sua primeira pergunta sobre purgatorio.

    1- Na passagem de Mc 3,29, também há uma imagem nítida do Purgatório:”Mas, se o tal administrador imaginar consigo: ‘Meu senhor tardará a vir’. E começar a espancar os servos e as servas, a comer, a beber e a embriagar-se, o senhor daquele servo virá no dia em que não o esperar (…) e o mandará ao destino dos infiéis. O servo que, apesar de conhecer a vontade de seu senhor, nada preparou e lhe desobedeceu será açoitado com numerosos golpes. Mas aquele que, ignorando a vontade de seu senhor, fizer coisas repreensíveis será açoitado com poucos golpes.” (Lc 12,45-48). É uma referência clara ao que a Igreja chama de Purgatório. Após a morte, portanto, há um “estado” onde os “pouco fiéis” haverão de ser purificados.

    2- Outra passagem bíblica que dá margem a pensar no Purgatório é a de (Lc 12,58-59): “Ora, quando fores com o teu adversário ao magistrado, faze o possível para entrar em acordo com ele pelo caminho, a fim de que ele não te arraste ao juiz, e o juiz te entregue ao executor, e o executor te ponha na prisão. Digo-te: não sairás dali, até pagares o último centavo.”

    O Senhor Jesus ensina que devemos sempre entrar “em acordo” com o próximo, pois caso contrário, ao fim da vida seremos entregues ao juiz (Deus), nos colocará na “prisão” (Purgatório); dali não sairemos até termos pago à justiça divina toda nossa dívida, “até o último centavo”. Mas um dia haveremos de sair. A condenação neste caso não é eterna. A mesma parábola está´ em Mt 5, 22-26: “Assume logo uma atitude reconciliadora com o teu adversário, enquanto estás a caminho, para não acontecer que o adversário te entregue ao juiz e o juiz ao oficial de justiça e, assim, sejas lançado na prisão. Em verdade te digo: dali não sairás, enquanto não pagares o último centavo” . A chave deste ensinamento se encontra na conclusão deste discurso de Jesus: “serás lançado na prisão”, e dali não se sai “enquanto não pagar o último centavo”.

    3 – A Passagem de São Pedro 1Pe 3,18-19; 4,6, indica-nos também a realidade do Purgatório:”Pois também Cristo morreu uma vez pelos nossos pecados (…) padeceu a morte em sua carne, mas foi vivificado quanto ao espírito. É neste mesmo espírito que ele foi pregar aos espíritos que eram detidos na prisão, aqueles que outrora, nos dias de Noé, tinham sido rebeldes (…).” Nesta “prisão” ou “limbo” dos antepassados, onde os espíritos dos antigos estavam presos, e onde Jesus Cristo foi pregar durante o Sábado Santo, a Igreja viu uma figura do Purgatório. O texto indica que Cristo foi pregar “àqueles que outrora, nos dias de Noé, tinham sido rebeldes”. Temos, portanto, um “estado” onde as almas dos antepassados aguardavam a salvação. Não é um lugar de tormento eterno, mas também não é um lugar de alegria eterna na presença de Deus, não é o céu. È um “lugar” onde os espíritos aguardavam a salvação e purificação comunicada pelo próprio Cristo.

  6. “Esse é um sonho que está no meu coração e no de Deus”

    Se for uma estratégia pra atrair pessoal para Jesus, blz… do contrário,

    #partiuderreterouroprafazerbezerro

    TA SERTO

  7. Para estes Evangélicos imbecis e ignorantes que pensão saber, tudo deixo aqui a minha do e desprezo, pois falam tanto de evangelização e de aceitar Jesus, mas na verdade o que mais gostão e de dinheiro, e falam tanto dos santos da igreja católica, se vocês estão na igreja não e para buscar a santidade então por que não vão servir logo ao demônio!!!!

  8. Eh mais esta igreja católica virou uma sucata mesmo e olha que sou católica, o rapazinho cheio de sonhos e vaidade aí em cima não passa de mais um bocó com o bonequinho magoado dentro da calça atrás de fama, se ele quer construir um templo fique a vontade em trabalhar de sol a sol com o seu chapéu pois do meu bolso não sairá um tostão, não contribuo para o comércio religioso.

DEIXE UMA RESPOSTA