Papa Francisco afirma que cristãos devem orar pelos políticos “para que eles governem bem”

34

A política foi alvo de um discurso do papa Francisco em uma reunião do clero da Igreja Católica na última segunda-feira, 16 de setembro.

O papa afirmou que a igreja deve instruir os fiéis para orarem pelos políticos “para que eles governem bem”, e ainda citou o apóstolo Paulo, que orientava a Igreja Primitiva a orar “pelos reis e por todos os que estão em posições elevadas, para que possamos levar uma vida tranquila e sossegada”.

“Um cristão que não orar por seus líderes não é um bom cristão”, conceituou Francisco, antes de complementar: “Ore por ele, ore por ela, para que possa governar bem”.

De acordo com o papa, o cristão deve estar envolvido com a política como forma de influenciá-la: “Nenhum de nós pode dizer: eu não me meto nisto, eles governam”, alertou, segundo informações do Charisma News.


No discurso, o pontífice católico também se dirigiu aos governantes, dizendo que eles devem “amar seu povo, porque um governante que não ama, não pode governar. No máximo poderá ordenar, pôr um pouco de ordem, mas não governar”.

Segundo o Yahoo, Francisco ainda afirmou que a política deve ser vista como “uma das formas mais elevadas da caridade, já que serve ao bem comum”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

34 COMENTÁRIOS

  1. E isso ai chico gostei tem que orar mesmo, mis não e orar pra fulano pra fulano fala cum ciclano pra o ciclano fala com beltrano pru beltrano chiculano pru chiculano fala pru diculano pru diculano fala pru Pedro pru Pedro fala com a dasgraça pra dasgraça fala com a aparcida pra aparcida fala pra fatima pra fatima fala pra Maria pra Maria falar com Jesus pra Jesus falar com Deus se for assim pode deixar do jeito qui ta porque ate a reza chegar la no trono de Deus a coisa já triplicou, fala para os católicos que podem falar diretamente com Deus em o nome de Jesus, e verdade sim podemos e devemos orar por nossos políticos não importa em que eles acredita nos foi ordenado a orar interceder por eles junto a DEUS EM O NOME DE JESUS, POIS SOMENTE PODEMOS FALAR COM DEUS ATRAVES DO NOME DO SENHOR JESUS POIS ELE JESUS E O UNICO MEDIADOR ENTRE DEUS NO CEU E OS HOMENS NA TERRA APRENDEM ISSO DE UMA VEZ POR TODAS SO JESUS SO JESUS SO JESUS

    • Deus de poder e de Glorias, Pai Nosso que estais nos céus Santificado seja o teu nome, pois so o Senhor e Santo e digno es tu Senhor de toda honra e de toda Gloria e todo louvor, em o nome do Senhor Jesus nos colocamos na tua Santa presença, e vimos diante de te Senhor para te pedir em o nome de Jesus tenha meu Senhor misericórdia e toque meu Deus e meu Pai nos corações de nossos políticos Senhor, faz meu Deus que mesmos se tornem mais humildes dá-lhes Senhor inteligência para governar com Sabedoria com honestidade, Pai Santo Deus de poder e de Glorias em o nome de Jesus e que te Pedimos e também em o nome de Jesus que te Agradecemos, Obrigado Jesus, em o nome do Pai do Filho e do Espirito Santo Amem e Graças a Deus

    • Concordo Jorge…!
      Pois desde a minha conversão ao cristianismo genuíno (1976), fui catequizado nas escolas dominicais evangélicas a orar pelos nossos governantes!
      O papa está atrasado!

    • Concordo Jorge…!
      Pois desde a minha conversão ao cristianismo genuíno (1976), fui catequizado nas escolas dominicais evangélicas a orar pelos nossos governantes!
      O papa está atrasado!
      (O site deve estar com defeito, etá girando tudo por aqui)

      • É Wagner… então quer dizer que vc virou Católico??? disse que se converteu ao Cristianismo Genuíno…

        brincadeira… mente protestante não consegue ver a verdade!

        mas se vc disse que o Papa tá atrasado e vcs fazem isso a tanto tempo e são os “verdadeiros Cristãos” então porque não tá funcionando suas orações??? tá é piorando tudo, afinal a bancada “evangélica” que representa os protestantes na camara, é a mais suja de todas com 100% dos integrantes envolvidos em maracutais , faltosos, inexpressivos…

        acho que vcs estão é precisando parar de orar… sua oração da fazendo efeito contrário kkkk

        • Reinaldo, comentário chulo s/ inteligência. Cristãos apenas oram, e DEUS sabe como responder, pois ELE conhece muito bem o que se passa na bancada evangélica, e quem estiver fazendo o que não agrada a DEUS, há um tempo para ELE responder, seja para o bem ou o contrário, não só os da \bancada evangélica , como seja lá para quem quer que fôr.

        • Pois é Reinaldo entendo como cristão genuíno todos aqueles que cumprem os ditos pelos apóstolos seguidores de Jesus!
          Também entendo como cristão não genuíno, todos aqueles que obedecem aos ‘apóstolos’ que criaram as suas próprias tradições!
          Veja a lista de tradições não encontradas nos ensinos dos apóstolos de Jesus:
          Papa, cardeal, cônegos, padres, missas em geral, ostensório, hóstia, novena, ladainhas, oração pelos mortos, adoração a santos, rosário, terços, aguá benta, roupagem dos papas e padres, entre outros milhares de criações e invenções dadas pelo mísero homem mortal que somos!
          Se você meu caro Reinaldo convencer-me que a bíblia está errada e a doutrina católica romana estiver certa, certamente, sem sombras de dúvida, serei mais um ‘filho pródigo’, voltarei correndo para a doutrina romanista!

          • Wagner… a unica religião que segue os ensinos apostólicos é a Igreja Católica, não importa o que vcs disserem, sempre será a Igreja Católica a unica Igreja que Cristo instituiu na terra.

            se vc ler com atenção e um poquinho mais de estudo a biblia, vc encontrará nela as respostas das suas perguntas… uma ou outra talvez lhe falte pois sua biblia falta alguns livros e alguns versos… mas boa parte delas está lá…

            abçs.

          • “a unica religião que segue os ensinos apostólicos é a Igreja Católica”

            Desculpa Reinaldo, mas vou ter que discordar nesse ponto… tem pelo menos um versículo básico que vc não seguem: “Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo homem” 1 Timóteo 2:5.

            Jesus não instituiu uma igreja “física” na terra, nós somos a igreja na terra.

          • Então Jeann… visões diferentes…

            Igreja Física não instituiu mesmo… mas sim a junção de pessoas orientadas por Simão o que veio a se tornar a Igreja Católica…

            E a Igreja Católica ensina que há só Deus, e um Só mediador, Jesus Cristo… Mediador para a salvação, Cristo é o cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo e nos salva do pecado.

        • Reinaldo por favor, não me chame de ‘protestante’ porque aí eu fico bravo!(Brincadeirinha)
          Eu não sou protesto nada, ‘nadinha’, entenda-me como um humilde cristão que acredita e defende veemente a bíblia sagrada! – Sê a bíblia estiver errada, então sim você poderá me corrigir, pois aí eu estarei também errado!

          • JEANN permita-me responder ao Reinaldo por você:

            Reinaldo disse:
            “E a Igreja Católica ensina que há só Deus, e um Só mediador, Jesus Cristo… Mediador para a salvação, Cristo é o cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo e nos salva do pecado”

            Reinaldo então a igreja católica está a deriva… E seus seguidores… Não há palavra para expressar a mente achacoso de uma fiel da igreja católica!
            Pois rezando da ave Maria vocês repetem 50 vezes no rosário: “Maria rogai por nós”

            Mas não é só você, minha avó italianíssima carola da igreja de romana não lia a bíblia porque o padre dizia que quem lê-se a bíblia ficava louco, então fica mesmo, porque é um disparate conhecer a verdade e praticar a mentira!

            Não entenda como ofensa Reinaldo (longe de mim ofendê-lo) apenas estou perplexo, é o mesmo que você disser odeio doce, mas vive com pirulito na boca!

          • Wagner… o fato é que vcs entendem o sacrificio de Cristo de uma maneira diferente de nós católicos…

            é bem simples…mas vcs conseguem complicar as coisas.. ditado popular: não tem nada tão bom que não se possa melhorar…

            ditado militar: não há nada tão ruim que não se possa piorar.

    • Jorge

      Não é de hoje, ou somente desde que Francisco pediu que rezamos por nossos governantes. É tema comum em muitas celebrações. O que ele fez foi recordare isto de novo.
      Veja se um pastor pede no culto de hoje em sua igreja que se orem pelos doentes e encarcerados. Isto por acaso que dizer somente a partir deste dia os fieis começaram a rezar pelos necessitados?

      • Leandro as rezas dos papas ~só produzem efeitos contrário, veja o que encontrei na web:

        A escritora e pesquisadora de religiões Mary Schultze, autora do livro “A Deusa do Terceiro Milênio”, deu uma lista destas personalidades e a influência das “bênçãos” do Papa na vida delas.
        Quando analisamos tantas “coincidências”, não podemos deixar de alertar as pessoas no sentido de buscarem somente as bênçãos de Cristo, pois os fatos têm demonstrado que receber bênção do papa parece não ser um bom negócio.
        De acordo com a pesquisadora, é extensa a lista de figuras e personalidades da história que foram brindadas com a bênção papal e em seguida foram atingidas por algum infortúnio:

        O ex-presidente Washington Luiz, foi deposto do cargo, em 1930, logo após ser abençoado pelo Papa.
        Já a princesa Isabel foi “abençoada” com a sua expulsão do Brasil, depois de um encontro pessoal com o papa.
        O presidente brasileiro Campos Salles – foi assassinado poucos dias depois.
        O Presidente brasileiro Afonso Pena – morreu um mês depois.
        Dos tempos atuais, duas figuras queridas dos brasileiros também passaram por tribulações e, coincidência ou não,tinham recebido a bênção do papa:
        O cantor Roberto Carlos, católico declarado, e sua esposa, Maria Rita, estiveram com João Paulo II em sua última visita ao Brasil, em 97. Pouco mais que um ano depois, ela estava com câncer.
        Já o craque Ronaldinho pediu para o papa abençoar, em 98, as alianças de noivado
        com a modelo Suzana Wemer, antes da Copa da França. Resultado: além de ver terminado o seu noivado com a modelo, aconteceu o pior: o Brasil perdeu a Copa. E como se não bastasse, Ronaldinho passou as últimas semanas resistindo a uma campanha de difamação por parte da imprensa secular, que tentava envolvê-lo em um escândalo junto a uma agência de prostituição, na Itália. Sem falar do problema no joelho que quase o colocou de vez fora dos gramados.Outras figuras importantes
        O evangelista Billy Graam, mesmo conhecendo a fundo a Palavra de Deus, foi a Roma pedir a bênção do papa e, estranhamente, foi acometido do Mal de Parkinson (doença degenerativa do sistema nervoso que provoca tremores incontroláveis).
        O papa abençoou Carlota de Bourbon e quando voltou de Roma, enlouqueceu.
        O príncipe Napoleão IV morreu logo após ter sido abençoado pelo papa, antes de seguir para Zuzulândia.
        Já o príncipe Rodolfo, da Àustria, se suicidou, em 1889, depois de um encontro com o papa.
        O jogador Maradona amargou a derrocada de sua brilhante carreira de outrora. Ele também pediu a bênção do papa, e recebeu. Coincidência ou não, perdeu o título do mais famoso campeão argentino e a sua imagem nunca mais foi a mesma, pois não conseguiu se livrar das drogas até hoje.
        Afonso XII – morreu prematuramente.
        Princesa Lady Diana – Em 1997, morreu em violento acidente auto mobilístico algum tempo antes havia ido a Roma pedir a bênção do papa.
        O Imperador da Áustria, Francisco José – sofreu a terrível derrota de Sadowa.
        Napoleão III – foi preso na Prússia e morreu exilado e destronado.
        Os navios “Santa Maria”e “América” – naufragaram com perda total.
        Diz o ex-padre veneziano, Joseph Zachello que serviu o Papa por 34 anos:
        Em 1851
        Pio IX concedeu a “Rosa de Ouro” ao Rei das Duas Sicilias. Em menos de um ano ele perdeu a coroa e o reino.
        Em 1866
        Ele abençoou o Kaiser da Áustria. Em menos de um ano este imperador perdeu Veneza e a guerra seguinte.
        Em 1867
        o Papa abençoou Maximiliano. Imperador do México. Logo em seguida ele foi destronado e morto a tiros.
        Em 1895
        O Arcebispo de Damasco deu a bênção papal às tropas e frota espanholas. Logo em seguida a Espanha perdeu ambas.
        Em 1897
        O Núncio Apostólico abençoou o grande “Bazar da Caridade”, em Paris. Cinco minutos mais tarde o prédio ardia em chamas e 150 pessoas da aristocracia pereceram, inclusive a filha da Imperatriz da Áustria.
        Em 1906
        Fugene Victoria (Ena), filha do Príncipe Henrique, casou com Afonso XIII, Rei da Espanha. sob a bênção papal. Ela havia sido obrigada a renunciar sua fé protestante e por isso foi abençoada. Embora, uma quinzena mais tarde, tenha escapado milagrosamente de um atentado, no qual 13 pessoas pereceram, seu vestido de noiva ficou todo respingado de sangue.
        Em 1923
        O Papa lhe mandou a “Rosa de Ouro”. Em 1931. ela e o marido foram exilados, quando a Itália se transformou em República, por determinação do Papa. que precisava colocar no Governo daquele país o seu protegido General Franco, para a II Guerra Mundial.
        Em 1924
        Um rico proprietário de terras nos Estados Unidos – Mr. Edwards – converteu-se ao Catolicismo Romano. Dois anos depois foi a Roma receber a bênção do Papa. tendo morrido 4 dias após e deixou uma rica herança para o Vaticano.
        Parece coincidência… Mas é bom não arriscar. Quando Mussolini invadiu a Abissínia e varreu os pobres negros do mapa, o Papa o abençoou nessa “cruzada santa”. Só que, pouco tempo depois, Mussolini e sua amante Clara Petacci foram linchados pelo povo.
        Já Winston Churchill, o Leão da II Guerra Mundial, foi a Roma receber a bênção do Papa. Perdeu logo o prestígio em seu país, mesmo tendo ganho essa Guerra para os Aliados.
        Quanto a Roosevelt, mandou um representante ao Vaticano “apanhar” a bênção. Perdeu o respeito do povo americano e morreu logo em seguida, sem contemplar a vitória para os Estados Unidos.
        Em 1951
        A futura Rainha da Inglaterra foi pedir a bênção do Papa. Pouco tempo depois a Inglaterra perdeu os poços petrolíferos no Irã, o Canal de Suez e a guerra contra o Egito.
        E para encerrar, em 1958 o Cardeal Stritch. de Chicago, ao ser nomeado Representante no Vaticano, para lá se dirigiu. Adoeceu gravemente e o Papa, que havia abençoado sua viagem, não foi capaz de visitá-lo, quando ele teve de amputar um braço e morrer a poucas quadras da Catedral de São Pedro.
        Diante do exposto acima só nos resta orar para que Deus proteja a vida e a carreira de Rubinho e que as “bençãos” do Papa não o alcance também, de modo que possa nos dar novamente a alegria e as vitórias que tanto nos brindava Airton Senna.
        A Palavra de Deus é muito clara quanto à origem da bênção, que só pode vir do Senhor; e de nenhum homem ou imagem, mas o catolicismo insiste em transferir para a figura do papa poderes que só pertencem a Deus. A leitura da Bíblia e a observância de seus mandamentos são capazes de atrair bênçãos sem medida sobre a vida do cristão, conforme diz a Palavra “O Senhor determinará que a bênção esteja nos teus celeiros, e em tudo o que puser a tua mão: e te abençoará na tenda que te dá o Senhor teu Deus” (Deuteronômio 28.8).

  2. OLHA AÍ G+ QUE NOTICIA BACANA PRO SITE:

    ” Atacante larga futebol para investir na carreira de pastor em Limeira

    Alex Cambalhota não aparece para treinar no Independente há 2 semanas, pois para ingressar na doutrina teria de abandonar a prática esportiva

    Alex Cambalhota é novamente pivô de uma polêmica em Limeira. Em maio, ele surpreendeu com a decisão de trocar a Internacional pelo rival Independente e causou fevor entre os rivais. Agora, ele provou ser mais ousado e parece ter abandonado o futebol para investir na vida religiosa. A situação foi confirmada pelo treinador da equipe, Álvaro Gaia. Tornar-se pastor é o novo objetivo do agora ex-jogador.

    – O Alex virou pastor. Ainda não conversei com ele, mas sei que alguns colegas falaram com ele. Disseram-me que o Alex disse ter recebido um chamado de Deus. Tem duas semanas que ele não aparece no Independente, desde o dérbi contra a Inter ele sequer dá notícias. É uma pena, pois estava bem na carreira. Inclusive representantes do Atlético-PR me procuraram para saber dele, já que era um dos destaques – disse o treinador galista.

    Alex Cambalhota era um dos destaques do Independente na Copa Paulista. Com cinco gols, o atacante é o artilheiro do time na competição. A última partida disputada foi justamente o dérbi da cidade, contra a rival Inter de Limeira, no dia 7. O jogador pertence ao Velo Clube e tem contrato com o Galo até o final desta temporada.

    – Nunca vi uma situação como essa no futebol. Mas cada um é cada um. Não posso fazer nada, pois o Alex é um jogador que pertence ao Velo Clube e está emprestado ao Independente. Conversei com o Marcondelli (presidente do Velo) e relatei a situação. Agora é um problema para o clube resolver. Ao Independente basta seguir os treinamentos sem o Alex. Espero que ele saiba realmente o que está fazendo – completou Gaia.

    Ao ingressar na doutrina religiosa, Cambalhota estaria impedido de manter o futebol como profissão. Isso porque essa nova opção não associa os seus fiéis à competitividade. Desta forma, o jogador já teria confirmado às pessoas mais próximas que está aposentado, aos 25 anos. Além de Independente e Velo Clube, o jogador passou também por Elosport, Guarujá, Taboão da Serra, Batatais e Inter de Limeira”.

    FONTE: GLOBOESPORTE.COM – independente de limeira – Cambalhota deixa o Galo para virar pastor

    • Nunca resolveu e não resolve nada para vc sr. Pitágoras, que mostra ser ignorante acerca do conhecimento de DEUS e acho que até de si mesmo. No mais, tenho a impressão que não és realizado na vida, tanto profissional como no intelecto e pessoal.

      • Sei que o Pitagoras também tem um grande vazio que nada nesta vida o preenche!

        Unica coisa que pode preenche-lo é Deus, mais Deus não vai invadir o coração dele, pois ele bate e se O PITAgoras abrir Ele entra. Mais sei que ele não abre pois não acredita em DEUS!

  3. A escritora e pesquisadora de religiões Mary Schultze, autora do livro “A Deusa do Terceiro Milênio”, deu uma lista destas personalidades e a influência das “bênçãos” do Papa na vida delas.
    Quando analisamos tantas “coincidências”, não podemos deixar de alertar as pessoas no sentido de buscarem somente as bênçãos de Cristo, pois os fatos têm demonstrado que receber bênção do papa parece não ser um bom negócio.
    De acordo com a pesquisadora, é extensa a lista de figuras e personalidades da história que foram brindadas com a bênção papal e em seguida foram atingidas por algum infortúnio:
    Brasileiros
    Na lista de Mary, não faltam figuras brasileiras atingidas pela “bênção do papa”, como por exemplo:
    O ex-presidente Washington Luiz, foi deposto do cargo, em 1930, logo após ser abençoado pelo Papa.
    Já a princesa Isabel foi “abençoada” com a sua expulsão do Brasil, depois de um encontro pessoal com o papa.
    O presidente brasileiro Campos Salles – foi assassinado poucos dias depois.
    O Presidente brasileiro Afonso Pena – morreu um mês depois.
    Dos tempos atuais, duas figuras queridas dos brasileiros também passaram por tribulações e, coincidência ou não,tinham recebido a bênção do papa:
    O cantor Roberto Carlos, católico declarado, e sua esposa, Maria Rita, estiveram com João Paulo II em sua última visita ao Brasil, em 97. Pouco mais que um ano depois, ela estava com câncer.
    Já o craque Ronaldinho pediu para o papa abençoar, em 98, as alianças de noivado
    com a modelo Suzana Wemer, antes da Copa da França. Resultado: além de ver terminado o seu noivado com a modelo, aconteceu o pior: o Brasil perdeu a Copa. E como se não bastasse, Ronaldinho passou as últimas semanas resistindo a uma campanha de difamação por parte da imprensa secular, que tentava envolvê-lo em um escândalo junto a uma agência de prostituição, na Itália. Sem falar do problema no joelho que quase o colocou de vez fora dos gramados.Outras figuras importantes
    O evangelista Billy Graam, mesmo conhecendo a fundo a Palavra de Deus, foi a Roma pedir a bênção do papa e, estranhamente, foi acometido do Mal de Parkinson (doença degenerativa do sistema nervoso que provoca tremores incontroláveis).
    O papa abençoou Carlota de Bourbon e quando voltou de Roma, enlouqueceu.
    O príncipe Napoleão IV morreu logo após ter sido abençoado pelo papa, antes de seguir para Zuzulândia.
    Já o príncipe Rodolfo, da Àustria, se suicidou, em 1889, depois de um encontro com o papa.
    O jogador Maradona amargou a derrocada de sua brilhante carreira de outrora. Ele também pediu a bênção do papa, e recebeu. Coincidência ou não, perdeu o título do mais famoso campeão argentino e a sua imagem nunca mais foi a mesma, pois não conseguiu se livrar das drogas até hoje.
    Afonso XII – morreu prematuramente.
    Princesa Lady Diana – Em 1997, morreu em violento acidente auto mobilístico algum tempo antes havia ido a Roma pedir a bênção do papa.
    O Imperador da Áustria, Francisco José – sofreu a terrível derrota de Sadowa.
    Napoleão III – foi preso na Prússia e morreu exilado e destronado.
    Os navios “Santa Maria”e “América” – naufragaram com perda total.
    Diz o ex-padre veneziano, Joseph Zachello que serviu o Papa por 34 anos:
    Em 1851
    Pio IX concedeu a “Rosa de Ouro” ao Rei das Duas Sicilias. Em menos de um ano ele perdeu a coroa e o reino.
    Em 1866
    Ele abençoou o Kaiser da Áustria. Em menos de um ano este imperador perdeu Veneza e a guerra seguinte.
    Em 1867
    o Papa abençoou Maximiliano. Imperador do México. Logo em seguida ele foi destronado e morto a tiros.
    Em 1895
    O Arcebispo de Damasco deu a bênção papal às tropas e frota espanholas. Logo em seguida a Espanha perdeu ambas.
    Em 1897
    O Núncio Apostólico abençoou o grande “Bazar da Caridade”, em Paris. Cinco minutos mais tarde o prédio ardia em chamas e 150 pessoas da aristocracia pereceram, inclusive a filha da Imperatriz da Áustria.
    Em 1906
    Fugene Victoria (Ena), filha do Príncipe Henrique, casou com Afonso XIII, Rei da Espanha. sob a bênção papal. Ela havia sido obrigada a renunciar sua fé protestante e por isso foi abençoada. Embora, uma quinzena mais tarde, tenha escapado milagrosamente de um atentado, no qual 13 pessoas pereceram, seu vestido de noiva ficou todo respingado de sangue.
    Em 1923
    O Papa lhe mandou a “Rosa de Ouro”. Em 1931. ela e o marido foram exilados, quando a Itália se transformou em República, por determinação do Papa. que precisava colocar no Governo daquele país o seu protegido General Franco, para a II Guerra Mundial.
    Em 1924
    Um rico proprietário de terras nos Estados Unidos – Mr. Edwards – converteu-se ao Catolicismo Romano. Dois anos depois foi a Roma receber a bênção do Papa. tendo morrido 4 dias após e deixou uma rica herança para o Vaticano.
    Parece coincidência… Mas é bom não arriscar. Quando Mussolini invadiu a Abissínia e varreu os pobres negros do mapa, o Papa o abençoou nessa “cruzada santa”. Só que, pouco tempo depois, Mussolini e sua amante Clara Petacci foram linchados pelo povo.
    Já Winston Churchill, o Leão da II Guerra Mundial, foi a Roma receber a bênção do Papa. Perdeu logo o prestígio em seu país, mesmo tendo ganho essa Guerra para os Aliados.
    Quanto a Roosevelt, mandou um representante ao Vaticano “apanhar” a bênção. Perdeu o respeito do povo americano e morreu logo em seguida, sem contemplar a vitória para os Estados Unidos.
    Em 1951
    A futura Rainha da Inglaterra foi pedir a bênção do Papa. Pouco tempo depois a Inglaterra perdeu os poços petrolíferos no Irã, o Canal de Suez e a guerra contra o Egito.
    E para encerrar, em 1958 o Cardeal Stritch. de Chicago, ao ser nomeado Representante no Vaticano, para lá se dirigiu. Adoeceu gravemente e o Papa, que havia abençoado sua viagem, não foi capaz de visitá-lo, quando ele teve de amputar um braço e morrer a poucas quadras da Catedral de São Pedro.
    Diante do exposto acima só nos resta orar para que Deus proteja a vida e a carreira de Rubinho e que as “bençãos” do Papa não o alcance também, de modo que possa nos dar novamente a alegria e as vitórias que tanto nos brindava Airton Senna.
    A Palavra de Deus é muito clara quanto à origem da bênção, que só pode vir do Senhor; e de nenhum homem ou imagem, mas o catolicismo insiste em transferir para a figura do papa poderes que só pertencem a Deus. A leitura da Bíblia e a observância de seus mandamentos são capazes de atrair bênçãos sem medida sobre a vida do cristão, conforme diz a Palavra “O Senhor determinará que a bênção esteja nos teus celeiros, e em tudo o que puser a tua mão: e te abençoará na tenda que te dá o Senhor teu Deus” (Deuteronômio 28.8).

  4. Pelas barbas do profeta! Veja o que encontrei na WEB, as bençãos dos papa que transformaram em maldições:

    A escritora e pesquisadora de religiões Mary Schultze, autora do livro “A Deusa do Terceiro Milênio”, deu uma lista destas personalidades e a influência das “bênçãos” do Papa na vida delas.
    O ex-presidente Washington Luiz, foi deposto do cargo, em 1930, logo após ser abençoado pelo Papa.
    Já a princesa Isabel foi “abençoada” com a sua expulsão do Brasil, depois de um encontro pessoal com o papa.
    O presidente brasileiro Campos Salles – foi assassinado poucos dias depois.
    O Presidente brasileiro Afonso Pena – morreu um mês depois.
    Dos tempos atuais, duas figuras queridas dos brasileiros também passaram por tribulações e, coincidência ou não,tinham recebido a bênção do papa:
    O cantor Roberto Carlos, católico declarado, e sua esposa, Maria Rita, estiveram com João Paulo II em sua última visita ao Brasil, em 97. Pouco mais que um ano depois, ela estava com câncer.
    Já o craque Ronaldinho pediu para o papa abençoar, em 98, as alianças de noivado
    com a modelo Suzana Wemer, antes da Copa da França. Resultado: além de ver terminado o seu noivado com a modelo, aconteceu o pior: o Brasil perdeu a Copa. E como se não bastasse, Ronaldinho passou as últimas semanas resistindo a uma campanha de difamação por parte da imprensa secular, que tentava envolvê-lo em um escândalo junto a uma agência de prostituição, na Itália. Sem falar do problema no joelho que quase o colocou de vez fora dos gramados.Outras figuras importantes
    O evangelista Billy Graam, mesmo conhecendo a fundo a Palavra de Deus, foi a Roma pedir a bênção do papa e, estranhamente, foi acometido do Mal de Parkinson (doença degenerativa do sistema nervoso que provoca tremores incontroláveis).
    O papa abençoou Carlota de Bourbon e quando voltou de Roma, enlouqueceu.
    O príncipe Napoleão IV morreu logo após ter sido abençoado pelo papa, antes de seguir para Zuzulândia.
    Já o príncipe Rodolfo, da Àustria, se suicidou, em 1889, depois de um encontro com o papa.
    O jogador Maradona amargou a derrocada de sua brilhante carreira de outrora. Ele também pediu a bênção do papa, e recebeu. Coincidência ou não, perdeu o título do mais famoso campeão argentino e a sua imagem nunca mais foi a mesma, pois não conseguiu se livrar das drogas até hoje.
    Afonso XII – morreu prematuramente.
    Princesa Lady Diana – Em 1997, morreu em violento acidente auto mobilístico algum tempo antes havia ido a Roma pedir a bênção do papa.
    O Imperador da Áustria, Francisco José – sofreu a terrível derrota de Sadowa.
    Napoleão III – foi preso na Prússia e morreu exilado e destronado.
    Os navios “Santa Maria”e “América” – naufragaram com perda total.
    Diz o ex-padre veneziano, Joseph Zachello que serviu o Papa por 34 anos:
    Em 1851
    Pio IX concedeu a “Rosa de Ouro” ao Rei das Duas Sicilias. Em menos de um ano ele perdeu a coroa e o reino.
    Em 1866
    Ele abençoou o Kaiser da Áustria. Em menos de um ano este imperador perdeu Veneza e a guerra seguinte.
    Em 1867
    o Papa abençoou Maximiliano. Imperador do México. Logo em seguida ele foi destronado e morto a tiros.
    Em 1895
    O Arcebispo de Damasco deu a bênção papal às tropas e frota espanholas. Logo em seguida a Espanha perdeu ambas.
    Em 1897
    O Núncio Apostólico abençoou o grande “Bazar da Caridade”, em Paris. Cinco minutos mais tarde o prédio ardia em chamas e 150 pessoas da aristocracia pereceram, inclusive a filha da Imperatriz da Áustria.
    Em 1906
    Fugene Victoria (Ena), filha do Príncipe Henrique, casou com Afonso XIII, Rei da Espanha. sob a bênção papal. Ela havia sido obrigada a renunciar sua fé protestante e por isso foi abençoada. Embora, uma quinzena mais tarde, tenha escapado milagrosamente de um atentado, no qual 13 pessoas pereceram, seu vestido de noiva ficou todo respingado de sangue.
    Em 1923
    O Papa lhe mandou a “Rosa de Ouro”. Em 1931. ela e o marido foram exilados, quando a Itália se transformou em República, por determinação do Papa. que precisava colocar no Governo daquele país o seu protegido General Franco, para a II Guerra Mundial.
    Em 1924
    Um rico proprietário de terras nos Estados Unidos – Mr. Edwards – converteu-se ao Catolicismo Romano. Dois anos depois foi a Roma receber a bênção do Papa. tendo morrido 4 dias após e deixou uma rica herança para o Vaticano.
    Parece coincidência… Mas é bom não arriscar. Quando Mussolini invadiu a Abissínia e varreu os pobres negros do mapa, o Papa o abençoou nessa “cruzada santa”. Só que, pouco tempo depois, Mussolini e sua amante Clara Petacci foram linchados pelo povo.
    Já Winston Churchill, o Leão da II Guerra Mundial, foi a Roma receber a bênção do Papa. Perdeu logo o prestígio em seu país, mesmo tendo ganho essa Guerra para os Aliados.
    Quanto a Roosevelt, mandou um representante ao Vaticano “apanhar” a bênção. Perdeu o respeito do povo americano e morreu logo em seguida, sem contemplar a vitória para os Estados Unidos.
    Em 1951
    A futura Rainha da Inglaterra foi pedir a bênção do Papa. Pouco tempo depois a Inglaterra perdeu os poços petrolíferos no Irã, o Canal de Suez e a guerra contra o Egito.
    E para encerrar, em 1958 o Cardeal Stritch. de Chicago, ao ser nomeado Representante no Vaticano, para lá se dirigiu. Adoeceu gravemente e o Papa, que havia abençoado sua viagem, não foi capaz de visitá-lo, quando ele teve de amputar um braço e morrer a poucas quadras da Catedral de São Pedro.
    Diante do exposto acima só nos resta orar para que Deus proteja a vida e a carreira de Rubinho e que as “bençãos” do Papa não o alcance também, de modo que possa nos dar novamente a alegria e as vitórias que tanto nos brindava Airton Senna.
    A Palavra de Deus é muito clara quanto à origem da bênção, que só pode vir do Senhor; e de nenhum homem ou imagem, mas o catolicismo insiste em transferir para a figura do papa poderes que só pertencem a Deus. A leitura da Bíblia e a observância de seus mandamentos são capazes de atrair bênçãos sem medida sobre a vida do cristão, conforme diz a Palavra “O Senhor determinará que a bênção esteja nos teus celeiros, e em tudo o que puser a tua mão: e te abençoará na tenda que te dá o Senhor teu Deus” (Deuteronômio 28.8).

    • As bençãos dadas na Igreja Católica são sempre dadas EM NOME DO PAI DO FILHO E DO ESPIRITO SANTOS… qualquer pessoa que der a benção nesses santos nomes estará abençoando e não amaldiçoando como vc quis fazer parecer.

      abçs.

  5. Ué! Não publicou porque?
    (Repeteco)

    Veja o que eu encontrei na WEB, as orações dos papas que resultou em maldição!

    A escritora e pesquisadora de religiões Mary Schultze, autora do livro “A Deusa do Terceiro Milênio”, deu uma lista destas personalidades e a influência das “bênçãos” do Papa na vida delas.
    O ex-presidente Washington Luiz, foi deposto do cargo, em 1930, logo após ser abençoado pelo Papa.
    Já a princesa Isabel foi “abençoada” com a sua expulsão do Brasil, depois de um encontro pessoal com o papa.
    O presidente brasileiro Campos Salles – foi assassinado poucos dias depois.
    O Presidente brasileiro Afonso Pena – morreu um mês depois.
    Dos tempos atuais, duas figuras queridas dos brasileiros também passaram por tribulações e, coincidência ou não,tinham recebido a bênção do papa:
    O cantor Roberto Carlos, católico declarado, e sua esposa, Maria Rita, estiveram com João Paulo II em sua última visita ao Brasil, em 97. Pouco mais que um ano depois, ela estava com câncer.
    Já o craque Ronaldinho pediu para o papa abençoar, em 98, as alianças de noivado
    com a modelo Suzana Wemer, antes da Copa da França. Resultado: além de ver terminado o seu noivado com a modelo, aconteceu o pior: o Brasil perdeu a Copa. E como se não bastasse, Ronaldinho passou as últimas semanas resistindo a uma campanha de difamação por parte da imprensa secular, que tentava envolvê-lo em um escândalo junto a uma agência de prostituição, na Itália. Sem falar do problema no joelho que quase o colocou de vez fora dos gramados.Outras figuras importantes
    O evangelista Billy Graam, mesmo conhecendo a fundo a Palavra de Deus, foi a Roma pedir a bênção do papa e, estranhamente, foi acometido do Mal de Parkinson (doença degenerativa do sistema nervoso que provoca tremores incontroláveis).
    O papa abençoou Carlota de Bourbon e quando voltou de Roma, enlouqueceu.
    O príncipe Napoleão IV morreu logo após ter sido abençoado pelo papa, antes de seguir para Zuzulândia.
    Já o príncipe Rodolfo, da Àustria, se suicidou, em 1889, depois de um encontro com o papa.
    O jogador Maradona amargou a derrocada de sua brilhante carreira de outrora. Ele também pediu a bênção do papa, e recebeu. Coincidência ou não, perdeu o título do mais famoso campeão argentino e a sua imagem nunca mais foi a mesma, pois não conseguiu se livrar das drogas até hoje.
    Afonso XII – morreu prematuramente.
    Princesa Lady Diana – Em 1997, morreu em violento acidente auto mobilístico algum tempo antes havia ido a Roma pedir a bênção do papa.
    O Imperador da Áustria, Francisco José – sofreu a terrível derrota de Sadowa.
    Napoleão III – foi preso na Prússia e morreu exilado e destronado.
    Os navios “Santa Maria”e “América” – naufragaram com perda total.
    Diz o ex-padre veneziano, Joseph Zachello que serviu o Papa por 34 anos:
    Em 1851
    Pio IX concedeu a “Rosa de Ouro” ao Rei das Duas Sicilias. Em menos de um ano ele perdeu a coroa e o reino.
    Em 1866
    Ele abençoou o Kaiser da Áustria. Em menos de um ano este imperador perdeu Veneza e a guerra seguinte.
    Em 1867
    o Papa abençoou Maximiliano. Imperador do México. Logo em seguida ele foi destronado e morto a tiros.
    Em 1895
    O Arcebispo de Damasco deu a bênção papal às tropas e frota espanholas. Logo em seguida a Espanha perdeu ambas.
    Em 1897
    O Núncio Apostólico abençoou o grande “Bazar da Caridade”, em Paris. Cinco minutos mais tarde o prédio ardia em chamas e 150 pessoas da aristocracia pereceram, inclusive a filha da Imperatriz da Áustria.
    Em 1906
    Fugene Victoria (Ena), filha do Príncipe Henrique, casou com Afonso XIII, Rei da Espanha. sob a bênção papal. Ela havia sido obrigada a renunciar sua fé protestante e por isso foi abençoada. Embora, uma quinzena mais tarde, tenha escapado milagrosamente de um atentado, no qual 13 pessoas pereceram, seu vestido de noiva ficou todo respingado de sangue.
    Em 1923
    O Papa lhe mandou a “Rosa de Ouro”. Em 1931. ela e o marido foram exilados, quando a Itália se transformou em República, por determinação do Papa. que precisava colocar no Governo daquele país o seu protegido General Franco, para a II Guerra Mundial.
    Em 1924
    Um rico proprietário de terras nos Estados Unidos – Mr. Edwards – converteu-se ao Catolicismo Romano. Dois anos depois foi a Roma receber a bênção do Papa. tendo morrido 4 dias após e deixou uma rica herança para o Vaticano.
    Parece coincidência… Mas é bom não arriscar. Quando Mussolini invadiu a Abissínia e varreu os pobres negros do mapa, o Papa o abençoou nessa “cruzada santa”. Só que, pouco tempo depois, Mussolini e sua amante Clara Petacci foram linchados pelo povo.
    Já Winston Churchill, o Leão da II Guerra Mundial, foi a Roma receber a bênção do Papa. Perdeu logo o prestígio em seu país, mesmo tendo ganho essa Guerra para os Aliados.
    Quanto a Roosevelt, mandou um representante ao Vaticano “apanhar” a bênção. Perdeu o respeito do povo americano e morreu logo em seguida, sem contemplar a vitória para os Estados Unidos.
    Em 1951
    A futura Rainha da Inglaterra foi pedir a bênção do Papa. Pouco tempo depois a Inglaterra perdeu os poços petrolíferos no Irã, o Canal de Suez e a guerra contra o Egito.
    E para encerrar, em 1958 o Cardeal Stritch. de Chicago, ao ser nomeado Representante no Vaticano, para lá se dirigiu. Adoeceu gravemente e o Papa, que havia abençoado sua viagem, não foi capaz de visitá-lo, quando ele teve de amputar um braço e morrer a poucas quadras da Catedral de São Pedro.
    Diante do exposto acima só nos resta orar para que Deus proteja a vida e a carreira de Rubinho e que as “bençãos” do Papa não o alcance também, de modo que possa nos dar novamente a alegria e as vitórias que tanto nos brindava Airton Senna.
    A Palavra de Deus é muito clara quanto à origem da bênção, que só pode vir do Senhor; e de nenhum homem ou imagem, mas o catolicismo insiste em transferir para a figura do papa poderes que só pertencem a Deus. A leitura da Bíblia e a observância de seus mandamentos são capazes de atrair bênçãos sem medida sobre a vida do cristão, conforme diz a Palavra “O Senhor determinará que a bênção esteja nos teus celeiros, e em tudo o que puser a tua mão: e te abençoará na tenda que te dá o Senhor teu Deus” (Deuteronômio 28.8).

    • É Wagner já vi que teu caso é preciso muita oração, um bom psiquiatra e talvez um otimo exorcista.
      Sobre a “pesquisadora” Mary Schulze:
      1) Uma pessoa que tinha coluna na Folha Universal já deve ser vista como suspeitissima.
      2) É a mesma que publicou aquela carta forjada do farsante Amilcar Reis e “esqueceu” de mostrar as provas que o cardeal Rossi ofereceu ao jornal Batista(que dignamente publicou o texto,ainda bem que tem gente decente ainda entre evangelicos). Tudo isto já mostra que Esta suposta pesquisadora é do mesmo tipo de gente que só quer forjar casos contra a ICAR. Scluze é mais uma serva do pai da mentira.
      3) Se encontrar o papa levasse a morte então tipos como Clinton, a rainha Elizabeth II, Shimon Perez, Lula, Sarney, e tantos outros já estariam no inferno.
      ah WAGNER PERGUNTE A TUA “PESQUISADORA” DE ONDE FOI QUE ELA TIROU QUE O PRESIDENTE CAMPOS SALES FOI ASSASSINADO. DEVE TER SIDO DO PAIS DOS UNICORNIOS, OU DO CAPETA QUE É PAI DELA. RAPAZ “CRISTÃO” ATÉ A WIKIPEDIA TÁ MELHOR QUE VCS EM CONHECIMENTOS GERAIS.

      Sobre a lady Daiane morrer porque conheceu o papa pior ainda. Ela e seu marido Charles o conheceram ainda na decada de 80. De modo que esta maldição demorou demais para realizar-se.

      Falar que a princesa Isabel perdeu o trono por ter recebido a Rosa de Ouro. Ha ha ha ha. Dê uma passada em livros serios como Historia Geral da Civilização Brasileira de Sergio Buarque de Holanda, ou “Da Monarquia à República” de Emilia Viotti da Costa, pode ate ser que vc consiga perceber as tolices que repete saidas da pena desta senhora Mary Schulze.

      OUTRA COISA QUE MOSTRA O QUANTO O SENHOR AINDA ATUA DE MÁ FÉ. O PAPA NÃO DÁ BENÇÃOS EM SEU NOME. ELE USA A FORMULA PRESCRITA PELA IGREJA E PELA BIBLIA: “EU TE ABENÇÔO EM NOME DO PAI, DO FILHO E DO ESP SANTO”.
      ASSIM SENDO SENHOR WAGNER ELe NÃO ESTÁ ROUBANDO NENHUM ATRIBUTO DE CRISTO.

DEIXE UMA RESPOSTA