Internacional

Pastor publica material que mescla os Evangelhos tradicionais a novas descobertas em livro que se propõe a ser um “novo Novo Testamento”

Comments (1)
  1. Pr Carlos disse:

    “A letra mata” este ai, esta morto, os vivos sobem que os mortos lutam para viver e que só ha um que pode dar a vida, mais certos mortos não querem ir ao Senhor da vida, e então permanecem mortos. Uns mortos tentam disfarçar de vivos e então traz a tona uns escritos só para dizerem: olhe para mim eu estou vivo! Mas quando vamos verificar seus escritos, fazemos a descoberta que é tudo obra de mortos! Dói? Mais é a pura verdade.

  2. Homem Sábio disse:

    Esses novos livros, se forem realmente do século I ou início do século II, podem ser tidos como catequéticos, históricos, ou, melhor, doutrinático no que diz respeito à organização e liturgia da Igreja Primitiva.
    Mas não passa disso.
    Algo como o Didaquê, é muito valioso e útil, mas não tido como inspirado.

    1. Marco Valente disse:

      Creio que as inspiração não limitadas as pessoas que citam a sagradas escrituras. Vale apenas lembrar que a Bíblia que conhecemos hoje foi formatada nos concílios do século IV a.c; feitas por homens que, dizendo inspirados, mancharam suas mãos com sangue de outrem e uniram a fé à política. A inspiração nos é dada até hoje por Deus quando se trata da Sua palavra.
      Os livros chamados apócrifos podem ter informações que nos remete a uma complementação doutrinária. Dizer que Maria Madalena era uma discípula participativa e colaboradora dos demais apostolos e que os tratava no rigor do seu apostolado não ofende a doutrina, muito menos a Cristo. assim por diante.
      Cristo se revelou como homem a fim dos nos mostrar que como homens podemos alcançar a santidade. Com este ponto de vista nos aproximamos mais de Cristo e, consecutivamente, de Deus. Ha muito o que se revelar.

  3. Marco disse:

    Só faltou ao pseudo-jornalista que publicou esta “matéria” Informar a fonte de onde retirou a notícia pois ao que me parece nenhuma fonte confiável e que se preze divulgou tao fato. Só mesmo sites de fanatismo cristão. Quer dar mais veracidade e contundencia aos fatos aqui narrados? Informe as fontes originais de noticia. Isso não vai tirar seu “mérito”.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *