Internacional

Pastores passam dez dias como sem-teto para entender a vida dos moradores de rua e saber como ajudá-los

Comments (3)
  1. Odair Badan disse:

    Queria saber se estes lugares que dão comida e abrigo são de ofertas e dizimos deut.26:11

    ,

  2. anonimo disse:

    Isso deveria ser feito aqui no Brasil tbm para que os pastores saibam o que é sofrimento principalmente o malafaia que fica se preocupando com coisas futeis.

  3. anonimo disse:

    quanta hipocrisia!!não seria mais facil eles dividirem os bens deles???tipo quem tem duas tunicas da uma para quem não tem.

  4. Poucos tem essa coragem. Tentar viver um pouquinho a dor do outro.Valeu pastores!

  5. Marco Antonio disse:

    è muita cara de pau, muita hipocrisia. E tem crentóide alienado que aplaude…

  6. Boa forma de ajudar os necessitados é entende-los

  7. Cesar Cunha disse:

    Pelos comentarios fica-se mais uma vez comprovado que nao importa o que se faz que vai ter gente que vai sempre criticar e condenar.
    Ainda ben que quem reamente quer fazer o bem está pouco se lixando pra opinao de alguns.

  8. Presb. Edson disse:

    Achei interessante tal atitude, isso mostra que o Pr. tem se preocupado com as questões sociais que não é o foco da igreja, más devido os descasos das autoridades acaba sobrando para o Pr. como sempre……………….. muitos criticam más no fim todo mundo um dia vai pedir ajuda a um Pastor.

    1. Carla Cristina disse:

      Quem te ensinou isso presbitero Edson, Leia a Biblia. Esse seu pensamento é totalmente errado!!!

  9. Carla Cristina disse:

    Todos os cristão deveriam passar por essa experiência!!!
    Principalmente vc PRESBITERO EDSON, Leia a BIBLIA!!!

  10. Valdo disse:

    O loco tem gente criticando falando q é ipocrita os prs q os fazem. Precisam ler romanos 2.julgadores de plantão.

  11. Deveriam ficar calados e deixar outros mostrarem o que fazem !!!
    Não entendo porque tudo tem que ser postado na internet !!!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *