Pregador de rua é processado por comparar a vida de Jesus com a de Maomé

11

O pregador de rua Mike Overd esta sendo processado no Reino Unido por fazer comparações, durante suas pregações entre a vida levada por Jesus Cristo e a vida levada pelo profeta do Islã, Maomé.

As representações feitas contra o evangelista foram registradas na polícia de Tauton, e o causam de perturbar a ordem pública com discursos religiosos ofensivos.

Segundo o Charisma News, devido às acusações, um sargento da polícia de Tauton apareceu recentemente em uma entrevista à rede de televisão BBC pedindo para que os moradores filmassem as pregações de Overd caso eles as considerassem ofensivas.

Ao comentar sobre o caso, o pregador afirma que quando fez uma comparação entre a vida perfeita de Jesus e a vida de Maomé, ele não falou de forma odiosa.


– Foi uma comparação simples e pontual. Maomé se casou com uma menina de 9 anos de idade. Eu não tenho ódio dos muçulmanos e só quero pregar a verdade do evangelho. Recentemente, um homem muçulmano veio em minha defesa quando eu estava pregando e um comerciante local começou a gritar comigo – relatou Overd.

– O cavalheiro muçulmano não se ofendeu, ele disse que sabia que eu estava simplesmente pregando o que eu acreditava e concordou que não havia ódio em mim. Tenho isso em vídeo, e também tenho provas em vídeo dos incidentes que têm levaram a esta acusação – completou o pregador.

Overd afirmou ainda que terá que comparecer ao tribunal antes do final deste ano devido às acusações que tem sofrido.

11 COMENTÁRIOS

  1. Momento de reflexão.

    uma dúvida esses dias persiste na mente de muitos, o que faz um cristão ir pro islamismo? Ignorância?

    Se não, que interpretação teve? Que judaismo e cristianismo tiveram várias falhas, mesmo recebendo a Palavra de Deus?

    “Mas Jesus é Filho de Deus”

    Cristãos se clamam a si mesmos filhos de Deus. Se o islão entende isso como “filho não da substância de Deus”, então Jesus, por essa lógica, é tão somente humano e profeta. A diferença é o Filho com F maiúsculo que poderia ter sido posto pelos Cristãos.

    “O Pai está em mim e eu estou no Pai”

    Oras, o que impede de um islão pensar que essa é uma interpretaçã ode que o Espirito de Deus estava em Jesus? afinal de contas, foram filósofos cristãos que instauraram o dogma da consubstancialidade de Jesus com o Pai. ( dogmas são revelação do Espírito, logo não estariam na bíblia)

    Então seria fácil por estas simples interpretações e mais uma pitadas de influencia para adentrar no islamismo.

    “Mas lá eles matam pessoas”

    No Antigo Testamento Deus mandou matar idosos e crianças como forma de não miscigenar a cultura pagã com a cultura dos hebreus. Hebreus eram apedrejados por outros Hebreus por descuprimento de Lei Divina. É como a mãe que defende seus filhotes de um escorpião. Justo e salvívico para quem está dentro do sistema religioso, injusto e cruel para quem estava fora. A mesma coisa se repete hoje, só que se inverteram os papéis . Os cristãos mártires gritam ” Aleluia” e morrem, islâmicos gritam “Alah” e degolam

    Não sou a favor da cultura de morte de nenhuma religião, apesar disso, defendo por vontade própria, o cristianismo, sem interesse pessoal em ir ao céu, e mesmo assim, o Cristianismo matou pra questão de assegurar os dogmas e a fé, tanto antes como depois da Reforma.

    O que Deus acha disso? não sei. A justiça dele para permitir tais atos, tanto no judaismo como no cristianismo só seria concebível se Deus tinha propósito para tais coisas

    Ser Deus de Amor não significa ser da paz, até porque um médico mata vidas microoscópias para salvar uma vidas, pela lógica Cristã. Mas como o tempo passou, e os valores e instituições, grupos políticos vêm, e a globalização junto da vontade de envangelizar pacificadamente é possível em pleno século XXI, a questão

    • Só um ressuscitou, só um foi pregado em uma cruz, só um não se encontra restos mortais, ali está eis aqui os restos de maomé, o do meu senhor está escrito ele não está aqui pois ressuscitou, esta é a diferença entre ser filho de deus , e de ser criatura.

      • Aí está o mistério de Fé. Fé em que Jesus ressuscitou.

        A certeza dos Judeus e Islâmicos é de que seu corpo foi roubado pelos apóstolos como é dito até hoje entre eles.

        E se realmente foi roubado? não saberemos, caso se soubesse, iria ser certeza e não mais precisariamos de fé.

        Fé é o teste, é o livre-arbítrio. Mas que gerou as 2 maiores religiões do mundo, enquanto a fé dos que acreditaram em moisés mas renegaram os profetas, está em retrocesso histórico.

        • RUBEM
          Por favor os mesmos romanos que o crucificaram e açoitaram sem piedade, foram os que guardaram, a sepultura, e como bem sabe já naquele dia um dos sacerdotes com medo disto pediu uma guarda reforçada, veja bem os judeus não queriam a Jesus, por isto mesmo nunca iriam roubar seu corpo.

  2. Maomé pra quem não sabe é o inspirador do Islamismo, uma religião que só promove guerras, ataques terroristas, oprime as mulheres, e deu origem a muitos ditadores opressores como Sadam Hussein por exemplo, Hosama Bin Ladem por exemplo foi um defensor dessa fé, promovem as maiores catástrofes do mundo através de guerras e não poupam ninguém inclusive crianças, causando um verdadeiro genocídio.
    E agora, alguém vai me processar?

  3. Aquele que nunca teve experiência com Jesus, sentí-lo na sua vida, nunca acreditará, até mesmo dentro das igrejas, muitos o rejeitam…
    Não adianta, vcs jogarão palavras ao vento e alimentará a sua irá..

DEIXE UMA RESPOSTA