“Sexo não precisa de desejo, basta saber que faz bem”, dizem conselheiros da Igreja Universal; Assista

28

O casal de apresentadores e escritores Cristiane e Renato Cardoso, ambos da Igreja Universal do Reino de Deus, afirmaram durante o programa The Love School que para fazer sexo não é preciso ter vontade: basta se conscientizar que faz bem e atender ao desejo do cônjuge.

A afirmação, polêmica, se baseia em estudos que apontam o sexo frequente como fator preventivo de problemas cardíacos e do câncer de mama e próstata. “O sexo faz muito bem, tanto para o casal, quanto para o indivíduo, em vários aspectos. Não é só um prazer de alguns minutinhos”, disse Cristiane Cardoso.

Para o bispo Renato Cardoso, o sexo é um momento do casal que muitas vezes precisa ser “provocado” para que o desejo surja no parceiro. “Uma das razões porque tem acontecido problemas na intimidade dos casais são aquelas cenas de novela, quentes, picantes, que mostram que aparentemente os casais que são bons na cama estão com o sexo à flor da pele. A pessoa que está assistindo aquilo fica pensando ‘poxa, lá em casa não é assim’, e aí, acha que não tem vontade. Então, as pessoas têm que entender que o desejo, muitas vezes, vai aflorar, mas na maioria das vezes, ele terá que ser provocado”, disse Renato Cardoso.

A esposa do bispo concorda: “É uma decisão. Muitas vezes, você não gosta de coisas que tem que fazer diariamente. Acordar de manhã. Você não tem vontade de acordar, você queria ficar na cama, mas você acorda. Escovar os dentes, tomar banho… Tem coisas que você tem que fazer, e nem sempre está com vontade. Mas, quando você entra naquele chuveiro gostoso, aí vem a vontade”, disse Cristiane, ilustrando seu argumento de porquê não é preciso esperar o desejo surgir.


“A lista [de benefícios que vem com a prática do sexo] é incrível. A pessoa vive mais, tem bom humor”, acrescentou o bispo.

Assista:

Assine o Canal

28 COMENTÁRIOS

  1. “Seu Luiz” um membro da universal, um senhorzinho de baixa estatura que por vaidade se faz dourar a cã, insiste nesta terapia do amor, o que ele já trouxe de dinheiro e depositou no altar(em forma de voto…KKK) para conseguir a bem amada não é “bolinho” não. Enquanto ele não acha a tampa para sua panela edir está abarrotando o seu pote de ouro. 7 dias saravá!



    Assine o Canal
      • dificil dificil dificil em jario.
        POIS VOCÊ NEM MORRENDO DE VONTADE ARRUMA ALGUÉM PARA AJUDAR MATAR ESSA VONTADE.
        Ai lhe resta criticar.
        dificil saber que ninguém ti ker.
        ai lhe resta ficar se esfregando em si mesmo.

        • vindo tão “nobre” palavreado de um representante da empresa católica neopentecostal até que o coice foi algo presumível. Mas a grande verdade é que a universal explora estes encontros dando certo ou não, agradando ou não, é que a grana sempre vem para a “organização” e além do mais o casal não tem formação profissional nenhuma para instruir quem quer que seja, afinal a finalidade do sexo como ato divino da criação é a procriação, e estes seus professores são “dissociados” deste fundamento pela “castração” denominacional como a se preencher a primeira linha de um currículo a cargo efetivo na organização, senão o palestrante seria defenestrado na sua primeira tentativa, e bem sabemos que no passado não muito distante edir distribuía filmes pornográficos a seus sub-comandados como forma de aprendizado e diversão para os mantê-los sob freio direcional, o veinho na moita é chegado numa coisa errada.

  2. Terapia do amor e love school é uma coisa só, a diferente é que na terapia do amor a idade das pessoas é ilimitável e na love school é mais para a galerinha, e é o maior bailão romântico onde pode tudo, só não pode dançar homem com hoje ou mulher com mulher.



    Assine o Canal
  3. Não entendo nada disto, é só sentir o cheirinho de fema, que pronto vou para guerra, quanta frescura, homem que é homem não tem nada disto, e mulher que é mulher , quando ve o sujeito todo ispinhado de barraca armada se moia todinha heheheheh

    • Se for do nordeste, eu conheço muito bem como funciona a vida sexual dos velhos tarados de lá. Gostam de menininas novas e quando adolescentes, rola tudo: galinha, cabrita, ovelha, bezerra. Mesmo assim, querem posar de bastiões da moral e dos bons costumes. Bando de velhos tarados. Eu sou gay, mas não tenho coragem de declarar essas coisas.
      .

        • Edson Souza,
          Eu tinha certeza que o Luciano era um garotão por causa das abobrinhas que ele falava, coisas de crianças, mesmo!
          Agora, depois dessas afirmações dele, nem sei o que pensar… O que um exame de próstata não faz, hein? kkkkkk

        • A maioria dos reprimidos sexuais que eu conheço são sexopatas. Eu já comentei várias vezes que esse ataque instintivo a homossexuais não é normal, demonstra sérias arestas psicológicas que precisam ser aparadas. Que o diga esse tal Elder Lima que larga seus filhos para ficar discutindo na internet assuntos que não levam a nada.
          .

DEIXE UMA RESPOSTA