Sociólogo turco afirma que “o ateísmo é uma forma de autismo”, e causa polêmica entre pais de autistas

18

O sociólogo Fehmi Kaya causou polêmica na Turquia depois de afirma que “o ateísmo é uma forma de autismo”. Kaya, que é o diretor da Associação de Saúde e Educação de Crianças Autistas na cidade turca de Adana, afirma que é necessário criar nas crianças com autismo a consciência religiosa com ajuda da terapia.

– As crianças autistas não acreditam em Deus porque seu cérebro não é capaz de ter fé. Não sabem como acreditar – afirmou o sociólogo, segundo o jornal ‘Hürriyet Daily News’.

Segundo o Padom, no município de Yüregir, em Adana, serão iniciadas em junho seções gratuitas de terapia para crianças autistas na Casa da Cultura. O projeto começará com trinta crianças, mas esta prevista que o numero se amplie mais tarde.

O presidente da Associação para Proteção de Crianças Autistas, Engin Güngör, criticou as afirmações de Fehmi Kaya, afirmando que “essa afirmação pode ofender pelo menos três ou quatro milhões de pessoas”. Ele lembrou ainda que, segundo a religião islâmica, todas as essas crianças irão direto para o céu.


Defendendo-se da polêmica, Kaya afirmou ter sido mal interpretado, e disse que suas palavras foram retiradas do contexto. Segundo ele, sua afirmação não foi de que todas as crianças autistas eram ateus, mas que estavam descapacitadas de algum modo e por isso não podia entender o significado de uma crença.

Por Dan Martins, para o Gospel+


18 COMENTÁRIOS

    • A pscologia sabe que a maioria dos esquizofrênicos são religiosos, tem visões, ouvem vozes, etc.. muitos dos profetas, apostolo Paulo e outros, beiravam a loucura.

      • Hahahaha.. mas Paulo já se confessava como louco, quando dizia que a sabedoria de Deus é loucura para o mundo. O próprio Herodes disse que a erudição o havia enlouquecido. Confessar é um passo para a cura rs., Paulo já deu o dele, falta você.

        • Claro, podemos colocar, Apostolo Paulo e Nero no mesmo balaio de doideira, assim como a biblia, que fala uma coisa em um texto, e se contradiz no outro, Paulo ouviu ou viu cristo no caminho de Damasco??

          • Paulo viu Jesus no caminho para Damasco?
            Sim.
            I Co 9:1 – Não sou eu apóstolo? Não sou livre? Não vi eu a Jesus Cristo, Senhor nosso? Não sois vós a minha obra no Senhor?

            Não.
            At 9:8 – E Saulo levantou-se da terra e, abrindo os olhos, não via a ninguém. E, guiando-o pela mão, o conduziram a Damasco.

            Descontradizendo:
            Por Pipe:
            Vamos ao contexto de At 9:

            3 – “E, indo no caminho, aconteceu que, chegando perto de Damasco, subitamente o cercou um resplendor de luz do céu”.

            4 – “E, caindo em terra, ouviu uma voz que lhe dizia: Saulo, Saulo, por que me persegues?”

            5 – “E ele disse: Quem és, Senhor? E disse o Senhor: Eu sou Jesus, a quem tu persegues. Duro é para ti recalcitrar contra os aguilhões”.

            6 – “E ele, tremendo e atônito, disse: Senhor, que queres que faça? E disse-lhe o Senhor: Levanta-te e entra na cidade, e lá te será dito o que te convém fazer”.

            7 – “E os varões, que iam com ele, pararam espantados, ouvindo a voz, mas não vendo ninguém”.

            8 – “E Saulo levantou-se da terra e, abrindo os olhos, não via a ninguém. E, guiando-o pela mão, o conduziram a Damasco”.

            17 – “E Ananias foi, e entrou na casa, e, impondo-lhe as mãos, disse: Irmão Saulo, o Senhor Jesus, que te apareceu no caminho por onde vinhas, me enviou, para que tornes a ver e sejas cheio do Espírito Santo”.

            27 – “Então, Barnabé, tomando-o consigo, o trouxe aos apóstolos e lhes contou como no caminho ele vira ao Senhor, e este lhe falara, e como em Damasco falara ousadamente no nome de Jesus”.

          • Se eu fosse um religioso, eu iria lhe explicar, mas não sendo, e já sendo um homem cansado de papagaiadas religiosas tanto de crentes como de ateus militantes (ambos são religiosos), deixo para os crentes, logo vai encher deles aqui para debater com você. Mas para mim, mesmo se eu não soubesse a explicação (viu ou ouviu), não faz diferença nenhuma.

            Só citei seu nome em uma brincadeira, e você respondeu em uma brincadeira sadia, então, está tudo certo.

  1. Por falar nisso Paulo Agnóstico, aproveitando a sua presença, e considerando que você é o ateu e/ou agnóstico mais sensato desse site, satisfaça uma curiosidade minha: porque os ateus frequentam esse site?

    Eu não perderia meu tempo em site de candomblé, budismo, hinduísmo, espiritismo, e muito menos ateísmo, pois para mim são coisas sem sentido, tal como não não entraria em sites de novela, de coisas que gostava quando criança etc., mas vocês estão sempre dando pinta por aqui.

    Quando terminamos um namoro e ele não significa mais nada, deixamos a pessoa continuar a sua vida. Mas quando insistimos em fazer parte da vida dela, seja atormentando, perseguindo, etc., é porque algum sentimento tem, e essa perda (do relacionamento) não foi bem assimilada. Aí alguns namorados inconformados dizem: só faço isso para atormentar. Só faço isso para todos verem quem ela é. E por aí vão as desculpas. Mas você sabe muito bem porque ele não a deixa em paz não é? Isso te lembra algo?

    • De minha parte até os anos 90, nem esquentava como os evangelicos, eram para mim homens de terno e mulheres com saias longas e cabelos presos que andavam com a biblia tentando converter… depois de 2000, os evangelicos não querem só converter, querem que os outros sigam suas regras, entraram na politica, fizeram bancadas, chutam imagens de santo, destroem templos de umbanda, templos indigenas, ciganos…. não querem que gays tenham direito a união civil, etc.
      alem do que vcs fequentam sites ateus e são tão agressivos qual, já entrou no site de Julio severo??? já viu o comentário dos evangelicos que o fequentam???
      a presença de ateus, agnósticos gays e feministas nestes sites é reação, vcs não querem ficar no seu quadrado, querem invadir o quadrado dos outros, então os outros invadem o quadrado de vcs… simples, entendeu???
      o que ocorre que ateus e agnósticos geralmente tem mais conhecimento da biblia e de religião que os proprios relligiosos, até para terem argumentos.

      • e o pior são evangelicos de hoje em dia, andam e se comportam como qualquer ímpio e querem apontar o dedo.
        Malafaia é o rei, vive apontando o dedo contra os gays, dizendo que destroem a familia… como 10% pode destruir com 90%?? o que destroi é a pobreza, violencia domestica, pilula, divorcio.
        no entanto este mesmo senhor, abençoou o casamento de bolsonaro há menos de um mes, bolsonaro que é divorciado 2 vezes… então ele deu a benção a destruição de duas formações de familia;
        que moral este senhor tem??

        • Como disse, você é o mais sensato dos ateus que frequentam esse site, não espereva uma resposta menos convincente de você. Entendi o seu ponto de vista, e em relação ao que houve com os evangélicos depois de 2000, você tem toda a razão.

          Eu acho que o militarismo tanto ateu, como evangélico, como gay e toda forma de militarismo não é saudável, mas.., cada um com sua vida.

          Estou satisfeito Paulo, obrigado. Mas cuidado, para não ser contaminado por essa onda, a nossa vida já tem muita coisa para ficar se preocupando com essa galera.

      • Paulo, permita-me invadir seu espaço para dizer mais, que os evangélicos preferem continuar vivendo com suas doces ilusões, e detestam a dura realidade apresentada por ateus, agnósticos e céticos. Por isso não querem eles por aqui. – Abs

      • O problema, Paulo agnóstico, não é que os evangélicos querem impor seu comportamento. O problema começou quando os ativistas gays quiseram AMORDAÇAR os cristãos com o PL122 que pretendia punir opinião com até cinco (05) anos de cadeia.
        Os cristão também pregam contra a prostituição e mais um monte de práticas. O que ocorre é que nenhuma associação de prostitutas quis criar uma lei nos proibindo de falar que a Bíblia ensina que a prostituição é pecado.
        Venha alguma associação querer nos proibir de falar sobre aquilo que a Bíblia chama de pecado e a reação será a mesma. Não vamos simplesmente ficar assistindo a tudo isso da platéia. Não vamos nos calar!!!

        Portanto, não culpe aos cristãos, pois para cada ação existe uma reação.

      • O problema, Paulo agnóstico, não é que os evangélicos querem impor seu comportamento. O problema começou quando os ativistas gays quiseram AMORDAÇAR os cristãos com o PL122 que pretendia punir opinião com até cinco (05) anos de cadeia.
        Os cristão também pregam contra a prostituição e mais um monte de práticas. O que ocorre é que nenhuma associação de prostitutas quis criar uma lei nos proibindo de falar que a Bíblia ensina que a prostituição é pecado.
        Venha alguma associação querer nos proibir de falar sobre aquilo que a Bíblia chama de pecado e a reação será a mesma. Não vamos simplesmente ficar assistindo a tudo isso da platéia. Não vamos nos calar!!!
        Portanto, não culpe aos cristãos, pois para cada ação existe uma reação.

        @&$?€£¥%#}{

      • @&$?€£¥%#}{
        O problema, Paulo agnóstico, não é que os evangélicos querem impor seu comportamento. O problema começou quando os ativistas gays quiseram AMORDAÇAR os cristãos com o PL122 que pretendia punir opinião com até cinco (05) anos de cadeia.
        Os cristão também pregam contra a prostituição e mais um monte de práticas. O que ocorre é que nenhuma associação de prostitutas quis criar uma lei nos proibindo de falar que a Bíblia ensina que a prostituição é pecado.
        Venha alguma associação querer nos proibir de falar sobre aquilo que a Bíblia chama de pecado e a reação será a mesma. Não vamos simplesmente ficar assistindo a tudo isso da platéia. Não vamos nos calar!!!
        Portanto, não culpe aos cristãos, pois para cada ação existe uma reação.

        @&$?€£¥%#}{

  2. Paulo Agnóstico… Essa sua Exegese, e Hermenêutica Biblica sinceramente e bem fraca.
    fique com o seu Agnosticismo ou seja la oque for que vc entenda e deixa a interpretação biblica para quem entenda de verdade e não ficar falando baboseira pq eu não vou ficar perdendo tempo argumentando a PALAVRA DE DEUS com quem não entende.

      • Seus comentários sir são de uma intolerância descomunal, qualidade ou não inerente somente aos ateus ou os que pensam que são, sem fundamentos, apenas leituras esporádicas sobre que alguém disse, ou seja algo mal dito se torna dito quando se passa aos milhares, torna-se secular…

  3. Caro Paulo Agnóstico,
    Quando Paulo diz ter visto a Jesus ele não está se reportando ao que aconteceu no caminho de Damasco. Na narrativa deste episódio no livro de Atos Lucas disse que ele apenas ouviu a voz de Jesus.
    Paulo se refere a outras ocasiões quando Jesus Pareceu para ele e falou com ele.
    Em Atos 22:17-21 Jesus se manifestou a ele enquanto orava.
    Em Atos 15:4-8 ao narrar as aparições de Jesus ressurrecto ele diz que Cristo apareceu pra ele também.
    Em Atos 18:9,10 é narrada outra aparição e conversa de Jesus com Paulo.

    Ou seja, se é para consideramos o texto bíblico é certo afirmar que Paulo viu ao Senhor Jesus.

  4. Não somos autistas. Apenas questionamos a veracidade das escrituras. Geralmente concluímos por sua impossibilidade ou contradição.

    Se Deus existe ou não, é outra história. Mas há 100% de chance de tudo o que foi escrito por ele seja na verdade obra de pessoas ignorantes ou mal intencionadas (para dizer em outras palavras, POLÍTICOS).

    O próprio Jesus é uma bela construção do Imperador Constantino, o qual, desejando salvar e justificar o próprio império, criou um fantoche místico chamado Jesus.

    E este Jesus virou um sério problema. Imaginem se ele tivesse filhos? O que os filhos virariam? Imperadores Romanos?

    A solução foi inicialmente queimar todos os testamentos… E depois lançaram-se em uma luta furiosa pelo extermínio dos judeus (já que os descendentes de Jesus eram justamente judeus).

    Moral da História: nunca confie em nada extraordinário ou sobrenatural.

DEIXE UMA RESPOSTA