Travesti critica ativistas gays, afirma que há violência entre homossexuais e defende a família: “Nasci de uma”; Assista

113

Um travesti publicou um vídeo com críticas ácidas aos ativistas gays e suas pretensões de acabar com o conceito de família. O vídeo, com pouco menos de quatro minutos, tem repercutido nas redes sociais.

O travesti, que se identifica como Talita Oliveira, afirma que é contra leis específicas contra a homofobia pois a legislação brasileira trata a todos de maneira igual e que muitas das mortes que ocorrem entre homossexuais é fruto de desavenças entre eles próprios.

“Aos LGBT que acham que estou errada, só tenho uma coisa a dizer: lamento por vocês. Na Constituição brasileira, o artigo 5 diz que todos nós somos iguais, sem distinção de raça, cor, credo, ou tudo aquilo. É só a lei e as autoridades fazer funcionar o artigo 5 da Constituição”, opinou Talita.

Para o rapaz, os ativistas gays escondem que há violência entre os próprios homossexuais e que a sociedade como um todo precisa de mais segurança, não apenas a comunidade LGBT.


“Vocês não tem que dizer quem eu devo ou não devo apoiar. Sabe porquê? Porque dentro do meio LGBT a marginalidade é muito grande. Vocês são pior (sic) do que os heterossexuais. Tá vendo isso aqui [nesse momento, Talita mostra uma cicatriz]? Foi uma facada que eu levei por causa de um travesti. Não foi heterossexual e nem homofóbico. Essas coisas vocês não botam na mídia. Eu não sou revoltada, sou muito bem atualizada. Só que eu não posso defender o grupo LGBT e deixar meu pai, minha mãe, minha irmã, minhas sobrinhas correndo perigo como estão. A criminalidade está à solta para todos nós. Não é só para LGBT não”, opinou.

Alvo de críticas por conta de suas opiniões contrárias às requisições dos ativistas gays, o travesti também comentou as declarações de Levy Fidelix, candidato do PRTB à presidência da República que afirmou que “dois iguais não fazem filhos”: “Vou defender sim a família. Sabe por quê? Porque nasci de uma. Eu não nasci de dois homens não. Recadinho pra vocês que não gostaram do que o Fidelix disse: imagine se vocês ouvissem minha mãe e meu pai… Sou filha de um paraibano com uma pernambucana. Quando eles abriam a boca, era para sair de baixo, viu? Deixem de frescura e vamos reivindicar o que está faltando”.

Assista:

Assine o Canal

113 COMENTÁRIOS

    • john john a muito tempo que deixou de acessar esse site, um cara inteligente não tem porque dá ibope a um site preconceituoso como esse quer encontra-lo acesse o site dele lá sim vc vai ver apenas verdade

  1. Conheço uma travesti que veio com um discursinho falacioso desses aí pouco tempo antes de anunciar sua “conversão” a uma seita pentecostal. Pois bem, o tempo passou, a travesti se batizou na tal seita para, algum tempo depois, deixar a religião e voltar a ser travesti.

      • É triste dizer, luciano, mas quem esta se colocando como réu do Juízo é você, pois, como disse Jesus “Não julgueis para que não sejas julgado”. Ora, você esta julgando essas pessoas (os travestis), e, portanto, se faz, por suas próprias palavras, réu do Juízo eterno.

        • Sandro, a bíblia diz que devemos julgar segundo a reta justiça, se a mesma bíblia que você citou aí diz que isso é abominação, ela está certa e ponto final.

          • Esta errado, Léllison, pois JESUS é quem disse que não devemos julgar. E Para esses, como você, que, em desafio ao que Jesus disse, citam versículos da Bíblia, foi o próprio Mestre quem declarou: “Ouvistes o que foi dito aos antigos … EU, porém, vos digo…”. Continua nessa de julgar o próximo que você logo vai ver o que te aguarda. O que é teu tá guardado, Léllison fariseu.

      • Pesquisem na net, aqui na minha cidade o 1º homossexual a ter uma união civil reconhecida na lei Leandro Fantoni é o nome dele, ele foi notícia em vários países na época, ele hoje é liberto e casado com uma mulher e é missionário, isso já faz um tempo e ele é muito feliz, apesar que vocês não admitem né…, eita racinha.

        • E daí, o que é que nós temos a ver com alguém que decidiu voltar para o armário? Eu poderia citar para você milhões de exemplos de pessoas que negaram Cristo mesmo após o haverem aceitado. Isso por acaso torna Jesus menos digno de confiança e louvor? Vai carpir um lote, Léllison, que você ganha mais!

          • Com assim, cara pálida, “gays não podem ter/criar/adotar filhos”? Por acaso o fato de um homem ser gay faz dele um estéril? E uma lésbica perde, por acaso, a capacidade de gerar filhos? Quanto a adoção, cara pálida, ela já vem sendo praticada por muitos casais gays, sendo que eu mesmo conheço famílias formadas por gays e crianças adotadas. Atualize seus conhecimentos e não cause vergonha alheia.

          • Elder Lima, vá estudar. Você deve ter no máximo 35 anos. Ainda dá tempo. Não venha com essa estorinha de fracassado de “eu não tive oportunidade”. Em maio vou conhecer a Europa. Veja como os estudos trazem mais benefícios do que dízimos.

            .

          • SANDRO
            NEM COM QUEM NÃO FOI CARINHOSOS E NEM COM CARINHOSO, VC SÓ FALA ISTO PORQUE NUNCA EXPERIMENTOU UMA MULHER, E CARA NEM PRECISA SER CARINHOSA, EU GOSTO MESMO É DE FOGOSA, DAQUELA QUE QUER TAPINHA NO BUMBUM, QUE ESTÓRIA É ESTA DE GAY , SAI FORA LAGARTIXA

      • Meu caro “Ta Serto”, você não conhece a história da minha vida, e, para ser sincero, temo que é justamente para você que não haverá final feliz, pois você contraria as palavras de Cristo e exerce juízo contra o teu próximo o que faz com que você se coloque, por suas palavras, como réu do Juízo divino.

      • Meio hipocrisia falar contra a homossexualidade e diz que gosta de bater no “bumbum” de mulher.

        Se você faz sexo anal, e Deus perguntar a você, “Se você amou sua mulher, porque lhe provocou dor?”

        Vamos ser sensatos, que adianta ser machista e ser contra uma vida virtuosa?

    • Elder Lima, um cristão não-consciente. Espero que você se livre da maldição do preconceito e da discriminação em nome de Cristo, Aquele que acolheu os diferentes.

      • Apoiando ou condenando os integrantes do LGBT, essa criatura não passa de mais uma abominação condenada pelo livro sagrado dos cristãos. Não sei o que este vídeo está fazendo num site cristão. Se alguém perguntasse ao travesti o que ele acha dos ativistas evangélicos, imagino qual seria a resposta.

        .

  2. Casal de homens e casal de mulheres vão dar valores com relação ao seu sexo, faltando o conhecimento do outro. Eis o problema de um casal de um sexo só. Como vão ajudar a compreensão de seu filho(a) se for do sexo oposto dos pais(mães) ?

    É tipo, um pai separado tentar ajudar uma filha com problemas na adolescência, ele não pode dizer que “entende ela”, porque os hormônios, as sensações e as relações sociais para cada sexo é diferente.

    Uma família deve ser autossuficiente, mas no caso de casais homossexuais, há necessidade de especialistas como pedagogos ou psicólogos para um aliviamento e compreensão dos problemas dos filhos. Caso o contrário, terão que passar uma “aborrecência” mais pesada que exigirá paciência mais calculada em relação aos filhos adotivos.

      • Pois bem, naturalmente a familia deveria ser composta por 2 sexos opostos, como garantia de acompanhar os filhos no seu crescimento pessoal, mas muitos homossexuais querem visar somente o egoismo de compor uma família, sem se importar com as dificuldades dos filhos adotados e gerados por proveta(no caso das lésbicas). Querendo ou nao, isso é um instinto heterossexual, a pesar disso, querem fazer uma familia homossexual, que seria a mesma coisa que ter um pai sem mãe e vice-versa.

        • Rubem, Na atual conjuntura social, o bem-estar de uma criança está diretamente ligado à atenção e ao carinho que recebe. Isso é raro nesses casamentos heteros modernos que existem hoje. Todo mundo quer ter filhos, mas ninguém quer criar. Antigamente, o pai supria o lar e a mãe criava os filhos; hoje, ambos trabalham (muitas vez por necessidade, mas também por opção) e, logo depois do nascimento, a criança é colocada na creche; depois vem a aula de Inglês, na natação, judô, tudo porque os pais não tem tempo para dar atenção aos filhos. Com isso, a criança é criada via celular. Alguém já viu este tipo de criação dar certo? No meu tempo, depressão era doença de adultos, mas hoje muitas crianças sofrem deste mal. Vai ver se sentem rejeitadas ou abandonadas pelos pais.

          .

    • Não existe “casal de homens” e “casal de mulheres”. Duas pessoas do mesmo sexo formam, no máximo, uma dupla, jamais um casal. Um casal, seja lá de que espécie, só pode ser formado por indivíduos do sexo masculino e feminino.

    • Rubem, há muitos filhos de pais solteiros que crescem saudáveis, inclusive do ponto de vista psíquico e não precisam de apoio psicológico coisa nenhuma. Por outro lado, muitos filhos criados em lares em que vigora o modelo de família nuclear (pai, mãe, filhos) crescem com problemas e se tornam adultos desajustados. Todos nós conhecemos exemplos para as duas situações. Cara, estude um pouco mais e aprenda pelo menos a dialogar outras visões de mundo, outras experiências de vida e deixe de ser tão limitado e bitolado com ideias fixas e monomaníacas.

      • “Rubem, há muitos filhos de pais solteiros que crescem saudáveis, inclusive do ponto de vista psíquico e não precisam de apoio psicológico coisa nenhuma.”

        Quem sou eu pra analisar a psiquê de um ser humano? Cara, vocÊ acha que existe familias que nunca passaram problemas? Se as familias são saudáveis é porque passaram por experiências antes para chegarem a tal ponto, atingindo um biorritmo alto e estável psicologicamente.

        Ninguem nasce perfeito e perpetua com ótimo estado psiquico. Fala como se uma criança pudesse crescer, passar pra adolescência e ir pra fase adulta “saudável” sem apresentar problemas pessoais, internos e psicológicos.

        Cara, nenhum ser humano é robô, racional, todos têm emoções. Por causa delas, o organismo é instável.

        Essa pesquisa feita, foi em famílias que demasiadamente trabalharam com os filhos, daí exigir paciência e tempo.

        Sobre “ideias fixas e monomaníacas”, você que têm, por achar que só tenho uma opinião. Você não me conhece e diz saber do meu intelecto e subjetividade pra me chamar assim devido a uma argumentação só que fiz. Você é redutivo. É obvio que há casos particulares que passariam de minha vista, mas devemos fazer análise sobre a maioria (e não todos, como você supõe que eu pense).

        Sobre famílias desajustadas, eu não preciso dizer que há casos semelhantes em famílias homossexuais, né? Fala como se homossexuais fossem superiores a ponto de formar uma família sem atritos e os héteros seriam naturalmente “desordenados” e “imaturos” para tal.

        Já paraste para pensar nas situações? traiçoes? bebedeiras? trabalho de longo horário sem contato familiar? drogas? violência? falto de amor?
        Isso em praticamente todas as famílias tem, inclusive as homossexuais. Não todas as características, mas cada uma contribui para um atrito que evita a perpetuação de uma família. Os casos precisam ser trabalhados, não é a toa que há valores e leis que julgam ser destrutivo tais pontos para os relacionamentos.

        • Não adianta, Rubem, o seu discurso é todo baseado e dependente de seu obtuso puritanismo religioso, em sua limítrofe e exageradamente deficitária compreensão da condição humana. Em outras palavras, você não observa e analisa o fenômeno da homossexualiadade, por exemplo, a partir dos fatos como eles são, mas da superficialidade e cretinice de sua visão religiosa a qual você coloca como padrão ou crivo para definir o que é afetividade, sexualidade, etc. Rompa o casulo, venha para a luz!

  3. J.C

    Já que vai pro velho continente, faça-nos um enorme favor ficando de vez por lá. Já temos amebas demais por aqui.

    OBS: E vê se aproveita e leva teus amiguinhos queima rosca LGBT com você!

  4. Esse travesti tem o meu respeito, se o Jean Wyllys e seus seguidores assistirem o vídeo vão querer processa-lo por”homofobia”, ele corre até risco de ser atacado pelos ativistas.

    • que nem o homossexual “de direita” que divulgou um vídeo semana atrás no youtube.

      cara, é obvio que tem coisa errada no LGBT, mas encobrem muito e a mídia ajuda, ja que são “oprimidos” são “perfeitinhos”.

      • Bando de canalhas hipócritas! O que importa para vocês é falarem a mesma linguagem dos ativistas evangélicos, mesmo que essas palavras sejam proferidas por travestis, uma abominação segundo o seu livro sagrado.

        .

        • Não estou sendo hipocrita em nenhum segundo, afinal de contas, você nem ao menos sabe minha opinião sobre a bíblia e o “plano de salvação” para os homossexuais que tenho.

          Ou seja, você está me julgando conforme a maioria que posta aqui, nem por isso lhe julgo.

          Enfim, uma pessoa que é homossexual, mas não pratica abominações, e segue com boa vontade o que é proferida nos mandamentos, creio que no mínimo é de se esperar algo.
          Eu ainda to sendo gentil, porque há ramos de pensamentos que recordam muito Lutero, no que diz a predestinação.
          O simples fato de ser um homossexual, já te condena. Não creio nisto. Não faria sentido o mistério da misericórdia infinita de Deus.

          Ao mesmo tempo, nesse processo, haveria mudanças no plano dos valores, a ponto que o próprio homossexual iria se impor limites. Nada condenatório suponho. Se há extremistas que não creem nesta possibilidade e se fecham a discussão, creio que já perderam a essência do cristianismo a tempos.

    • Talita mostra uma cicatriz]? Foi uma facada que eu levei por causa de um travesti. Não foi heterossexual e nem homofóbico.
      kkkk esse travesti não pode comparar a vida dele promiscua com a de outros homossexuais, ela faz programa e vive todo o perigo das ruas.

  5. José Carvalho (por que você escreve seu nome com iniciais minúsculas? É falta de autoestima ou é ignorância mesmo quanto ao modo correto de escrever?) só respondi sua provocação, sobre como é fazer sexo gay, porque você deu a entender que é uma experiência ruim e entendo que alguém só pode dizer se é uma forma de sexo é boa ou ruim se experimenta antes. Se você fala que sexo gay é ruim então só pode ser porque você experimentou e não gostou, pois, do contrário, você diria: “não sei se é bom ou ruim, já que nunca experimentei.” Ademais, se você gosta de fazer sexo com mulheres, saiba que eu não gosto, eu gosto mesmo é de homens, e, meu caro, gosto é uma coisa que não se discute.

    • Você gosta do sexo anal? Mas vocÊ gosta da dor que você provoca ou que recebe? porque se o sexo anal é “natural”, não precisa de itens artificiais como camisinha (que contem vaselina), nem lubrificantes. E quem não usa, além de fazer atrito numa película cheio de vasos sanguíneos (porque no canal do reto só existe uma camada), muitos glóbulos brancos naturais de lá são forçados a fazer o sistema imunológico bem exposto, que se não tiver em dia, dará origem a endocardite bacteriana (sistema imunológico baixo ou AIDS pra ser necessário) Isso vale tanto pra héteros como pra homossexuais.

      Não preciso lembrar sobre cânceres de garganta que com o passar escalável do tempo, aumenta as chances de ocorrer para quem pratica sexo oral, porque o sêmen em oposição ao suco vaginal que é PH ácido, é PH básico, é como se você tivesse engolindo sabão e como o organismo não tolera choques bruscos de PH tanto pra héteros como pra homossexuais, porque são organismos de mesma natureza, as anomalias irão ocorrer.

      Então, analisando as formas mais saudáveis possíveis num relacionamento, retiramos sexo anal e oral. O que sobra pra você fazer, sem que cause danos biológicos em si ou no parceiro?

      É, sexo tem função de sobrevivência da espécie e também de destruição. Para isso, temos a razão para definir o que é benéfico e maléfico para o corpo.
      Quem escolhe a opção irracional que os animais sem alma racional fazem, é escolha irracional e puramente emocional. É um sonho. É um externalizar de um desejo profundo e íntimo.

      Mas como dizia um psicanalista Sigmund Freud, que já defendeu um amigo homossexual para lhe garantir um emprego, ele mesmo dizia que a natureza das sexualidades (homo e hetero) é um mistério, além disso, “todo sonho está condenado ao fracasso”.

      Heterossexualidade não é um sonho, mas uma realidade de sobrevivência. Como alguém que vive uma realidade acordado sonha ao mesmo tempo?
      Homossexualidade é um sonho por antes de tudo, ser algo desejado, porque antes disso, o homossexual foi gerado por heterossexuais.

      • Rubem, você com certeza não é médico, pois, se fosse, saberia que sexo anal, realizado com os devidos cuidados, higiene, carinho, e, principalmente, com tesão, é seguro e perfeitamente válido como forma de gratificação sexual tanto para casais gays quanto para casais héteros. O mesmo vale para o sexo oral, prática extremamente prazeirosa e da qual a maioria dos casais gays e héteros que estão de bem com a sexualidade não abrem mão.

        Na realidade, porém, seu discurso contra a homossexualidade, o sexo anal e oral, não se fundamenta em fatos, mas em argumentos ridiculamente falsos, distorcidos, e, principalmente, em uma visão limítrofe, puritana, machista, preconceituosa e ignorante da grande complexidade que representa a sexualidade humana.

        De fato, todo esse seu palavrório puritano é mais velho que andar pra trás e não convence a mais ninguém a não ser religiosos puritanos, recalcados e outros inimigos do corpo e das muitas formas de dar e receber prazer sexual.

        Quanto a Freud, atualize seus conhecimentos, pois o mesmo considerou a homossexualidade como uma forma válida de orientação sexual.

        Seja feliz sexualmente – não sei, porém, se você consegue isso – e deixe que os outros também o sejam, e, principalmente, não se torne, como Malafaia, Feliciano, e outros religiosos puritanos, mais um ridículo fiscal do cu alheio.

        • Sandro

          Em partes você tem razão, ninguém pode tencionar “fiscalizar” o “toba” de ninguém, mas isso não deixa de ser algo nojento e que dá embrulhos no estômago!!!

          • O que dá embrulhos no estomâgo é o preconceito de gente que sabe da natureza do corpo humano no sentido da produção constante de grande sorte de detritos e odores ruins, e, mesmo assim, ficar com nojinho de algumas práticas sexuais. Por acaso, Elder Lima, vaginas cheiram à rosas ou jasmim? Cara, o corpo humano é asssim mesmo, e sexo, seja hétero ou gay, fede mesmo. O que se pode fazer para minorar esses odores é manter a higiene, e, depois, curtir a vida, cara.

        • Sandro, todo homem normal que eu conheço sente prazer em sodomizar a sua parceira (e muitas mulheres adoram). Será que esses reprimidos restringem a sua atividade sexual àquele papai-mamãe sem graça? Sei não, mas esses Rubem e Elder Lima apresentam uma forte tendência a não gostar de mulher. Acho inconcebível uma pessoa com uma vida sexual normal impor estes tabus em pleno século XXI. Este tipo de comportamento gera duas situações: chifres e depressão (de ambas as partes). Já pensou se a mulher desses caras for fogosa? Lógico que se ela tiver uma experiência com um cara que faça melhor vai trocar de parceiro. Isso aconteceu recentemente com um casal evangélico na minha cidade. O cara se suicidou quando descobriu que a esposa saía com o pastor da igreja que eles frequentavam. O chifrudo era gente boa, mas tinha cara de devagar na cama. Ele morreu e a viúva continua com aquela cara de safada que deus lhe deu.

          .

          • Tem razão, Marcelo. De fato há, entre crentes puritanos, muitos tabus em relação ao sexo e isso gera muitos conflitos, inclusive no casamento.

            Você fala do sexo anal – prática pela qual héteros são tarados -, mas há também o sexo oral, que a maioria gosta.

            Sobre a Bíblia, quem lê o livro Cantares de Salomão logo percebe que o padrão papai-mamãe estava longe de ser a única prática sexual do autor do referido livro “inspirado”.

            Um dado interessante, segundo li em uma publicação de cuja fonte não me recordo mais, é que cerca de 40% dos gays não gostam do sexo anal, preferindo a modalidade oral.

            Entre os héteros há também muitos que não gostam do sexo anal, mas muito poucos dispensam o oral.

            O importante, na vida sexual, é praticar com amor, carinho, e, principalmente, com respeito aos gostos e limites da pessoa amada, pois a juventude passa logo e depois só ficam as lembranças (como eu ainda sou relativamente jovem, vou aproveitar bem rsrsrs).

          • Marcelo

            Uma pena eu ser casado e pai de família, se não pediria a vossa digníssima irmã, ou vossa digníssima genitora pra tirar a dúvida se eu gosto ou não de mulher.

        • Bom, o que escrevi foi por base de pesquisa científica, se você não crê, problema é seu. A ciência é exata!

          sexo anal com “cuidados, higiene e carinho” ?

          Gente, eu li isso?

          Cara você é uma pessoa emocional por colocar sexo anal e carinho no mesmo texto! Como pode ser carinho provocar dor? Isso é masoquismo cara! Uma parafilia! Se a psicologia diz isso, quem sou eu pra contestar? Isso para héteros e homossexuais.

          Agora se você acha “lindo” e um “gesto de amor”… São valores que você criou que só você vê. Não é nada universal, onde está escrito?

          Um homem machista que bate em mulher por “amor” logicamente não faz por amor. O mesmo é para você que sofre mas se justifica por ser um ato de “amor”. Se valorize enquanto você é jovem, não valorize falsos atos que lhe fazem de objeto. Na velhice não te garanto que esse “amor” ocorra, fruto de prazer, um eros sem medida, um falso hedonismo.

          O hedonismo real, o de origem grega e não a moderna é a busca pelo prazer sem presenciar a dor. Você faz as duas coisas, é irracional e doentil.

          Mas se quiser limitar a agir como animal, a liberdade é sua. Está se inferiorizando a toa, se limitando até a alma sensível e esquecendo a racional.

          Porque seguir o instinto, todos seguem, raciocinar e refletir, só o homem sadio faz.

  6. SANDRO
    Uso assim por ter mais alguém em outras tipos de rede que tem o mesmo nome, então como cheguei depois, tive de me ajustar, mas realmente eu não sou nada, sou um caco entre outros cacos, um coitadinho, só um grão entre outros grãos, grande só o senhor meu Deus.

    • Ora, mesmo que existam outros “José Carvalho”, você não precisa grafar seu nome com iniciais minúsculas, pois a distinção entre você e outros comentaristas não se dá pelo nome, mas pela natureza dos comentários, incluindo o estilo literário.

      Quanto a se sentir “um caco entre outros cacos”, até porque nada somos perante Deus, que nos salva por graça e misericórdia já que nada merecemos, seria muito bom se você amasse os cacos menores ainda que você, a saber: os oprimidos e marginalizados pelos modernos fariseus e que atualmente são conhecidos como crentes fundamentalistas fanáticos.

    • José Carvalho, tem um ditado que diz: “Não fales bem de ti mesmo a ninguém, porque não acreditarão, mas também não fales mal, porque acreditarão mais do que desejas”. Complexo de inferioridade detectado nessa estória do caco.
      .

  7. Sandro, pelo jeito esse Elder Lima nunca viu o resultado de uma menstruação. Imagino que todo gay sinta o mesmo “embrulho no estômago”, e nem por isso evita contato com as mulheres. Pelo contrário, várias amigas já me disseram que o melhor amigo delas é um gay.

    .

    • Sim, José Cláudio, até porque se formos manifestar nojinhos em relação ao fato de que o sexo, seja hétero ou gay, não é o que se possa chamar de um jardim de flores a exalar deliciosos e cativantes perfumes primaveris, então teremos de sentir nojo de nós mesmos, pois nosso corpo é uma usina a produzir, todos os dias, incessantemente, odores, excrementos ou detritos via pele, cabelos, boca, ouvido, nariz, órgãos genitais, ânus, etc. Aliás, já reparou como nossa espécie, diferentemente dos animais, precisa tomar banhos diários, escovar os dentes, usar produtos nas axilas, e, em muitos casos, nos pés, e tudo isso apenas para diminuir um poucos os fortes odores que produzimos? Essa é a natureza humana.

      • Segundo Albert Camus, “o homem é o único que se nega a ser aquilo que é”
        Eis a natureza humana. Se para você a homossexualidade faz parte da natureza humana, sinta-se tranquilo, pois da parte animal é compreensível que seja, e como o homem também é animal, isso é possível de se afirmar.

        Mas, todo animal, exceto o homem, é capaz de raciocinar. Se preferes agir na irracionalidade animal, escolha sua. Valores são seus, afinal de contas, nem vejo eles, pois são invisíveis e pessoais, só seus.

        Afinal de contas, precisa de muitas doses de emoção para que a razão se abata e que o ser humano se deixe dominar pela natureza mais ausente de reflexão possível, pois as sensações são o que mais chamam a atenção.

          • Rubem, me desculpe, mas vejo em você um cara inteligente, educado, mas que, por estar escravizado a uma visão religiosa fundamentalista e puritana, labora contra sua própria inteligência ao conceber argumentos tão rasos, superficiais, limítrofes. Que pena, pois você poderia estar aí, ajudando a gente a lutar contra a ignorância, o preconceito, a discriminação, e a ter nossos direitos civis reconhecidos.

    • J.C

      Uma mulher menstruando, é apenas uma demonstração da natureza feminina, agora um “macho” enroscado em cima de outro, é “apena” uma deturpação da natureza humana.

      • veio… na boa…
        não tem nada mais lindo do que uma mulher pelada…. (claro… há exceções)
        e não tem nada mais feio q um homem pelado… (NÃO, NÃO HÁ EXCEÇÕES)
        gays são nojentos mesmo…

  8. Desculpem mas não estou entendendo vocês, aparece um rapaz que se diz travestir criticando os seus páreos pelo o que eles são e o que querem e o mais importante, defendendo a família e vocês ficam comentando coisas que não tem a nada a ver com o conteúdo. ” Talita” o que tenho a dizer pra você é que você está correto e muito corajoso pela declaração que você fez, porque sabemos que nem todos os gays compartilham com as opiniões desses babacas cheios de direitos que não tem nenhuma consideração com os seus próprios pais imagine com os outros. LGBT, a família é uma coisa sagrada, foi dada por DEUS e não cabem a vocês querer mudar o que DEUS instituiu como conceito de família.

    • Luiz Reginaldo de Araujo (mais um que escreve o próprio nome com iniciais minúsculas), de tudo o que você escreveu em seu comentário – e escreveu mal por deturpar maliciosamente o sentido e os objetivos da luta da minoria homoafetiva por direitos civis igualitários – acho interessante comentar o seguinte: nós, gays, não somos contra a família, até porque somos parte da mesma, por mais que gente da sua laia tente nos afastar e até nos banir da família.

      Em algum momento no futuro, você se defrontará com o fato de ter, em seu círculo de convivência, senão um filho, um sobrinho, um neto, ou o filho de um amigo, etc, uma ou mais pessoa homoafetiva, e, neste momento, você entenderá que os gays não são seres que vivem fora da família, mas que estão dentro dela, fazem parte dela, orgulham-se de pertencer a ela.

      Quanto a esse desinformado travesti – isso se for mesmo um travesti, e não alguém que se passa por tal – que aí se expressa, ele apenas repete, por ignorância mesmo, alguns dos velhos e surrados argumentos que vivem, como latidos na boca de cachorros, sendo repetidos, a todo tempo e aos berros de ódio e raiva, por raivosos conservadores reacionários que, preconceituosos como são, não aprenderam ainda a amar e aceitar as pessoas como elas são.

      Atualize seus conhecimentos e deixe de ser mais um ignorante a espalhar desinformação.

  9. Jesus fala sobre três tipos de eunucos:

    “Porque há eunucos que nasceram assim; e há eunucos que pelos homens foram feitos tais; e outros há que a si mesmos se fizeram eunucos por causa do reino dos céus. Quem pode aceitar isso, aceite-o.” (Mateus 19:12)

    Pode-se assumir que eunucos “que pelos homens foram feitos tais” são aqueles que foram castrados. Aqueles que “a si mesmos se fizeram eunucos” seriam os castrados voluntários, podendo tomar-se isto no sentido da castidade. Finalmente, aqueles que nasceram eunucos (com anomalias de virilização, embora com a presença de pênis) seriam os eunucos “naturais”; alguns argumentam[carece de fontes?][fonte fiável?] que os transexuais pertencem a esse grupo. Algumas pessoas alegam que Jesus teria dito que casamento não é para todos, e que este comentário feito por Jesus poderia significar que ele reconhece o celibato, que ele mesmo praticou, como alternativa viável.

    Em Jeremias 38, um eunuco etíope salva a vida de Jeremias. Jeremias em troca traz uma mensagem de Deus para o rei que descreve como Jerusalém será salva.

    Há vários eunucos citados no livro de Ester, porque a história se passa por dentro do palácio do imperador da Pérsia, onde havia muitos eunucos.

    Outro eunuco etíope, o qual seria um importante funcionário de Candace, rainha da Etiópia, é batizado por Filipe, o Evangelista (Atos 8:26-40). São Lucas conta que o eunuco estava retornando de Jerusalém e lia um texto que se encontra no capítulo 53 do livro do profeta Isaías, uma passagem profética do Messias, a qual descreve o sofrimento sacrificial daquele que foi “cortado” da terra dos viventes. O eunuco indagou Felipe se o autor estava referindo-se a si mesmo ou a uma outra pessoa. Filipe interpreta as Escrituras sobre Isaías 53 (Jesus sendo levado como ovelha ao matadouro). Então Felipe, partindo daquela passagem, anunciou Jesus ao eunuco enquanto continuavam no trajeto. Durante o percurso, o eunuco pediu que fosse batizado por Felipe assim que identificou um lugar onde havia água (provavelmente um rio). Depois disso, Felipe teve o seu corpo arrebatado para uma outra localidade e o eunuco prosseguiu no seu caminho de volta à Etiópia.

  10. Precisamos dialogar com os crentes, ajudá-los a entender e aceitar o fato de que há outras visões de mundo, de vida; outras percepções da natureza, outras interpretações do sagrado e do espiritual. Precisamos ajudá-los a não ignorar que vivemos em um mundo onde a pluralidades e a diversidade são fatos que não podem ser negados e que a única forma de vivermos bem é partindo do princípio de entender, respeitar e aceitar os outros como eles são.

    Em tempo: acabei de me lembrar, agora, do grande Renato Russo e sua música “É preciso amar as pessoas como se não houvesse amanhã”. Ei, crentes, que tal nos amarmos uns aos outros?

        • Homossexualidade é oriundo do hábito de animais irracionais.
          Somos seres racionais, discorda? Então, o que acha de adotar atoa irracionais somente em prol do emocionalismo que puxa o desenfreado prazer que ao mesmo tempo é destrutivo para o organismo com a passagem escalável do tempo?

          Enfim, a ciência está aí. Quer que eu te diga os malefícios biológicos que um relacionamento homossexual pode ocasionar? Nem precisa de bíblia para dizer que é algo maléfico para o ser humano.

          • A bíblia diz que a terra é maldita por causa do homem e não o contrário.
            Assim sendo a culpa das mazelas aqui na terra sempre tem seu início no próprio homem.
            Tão somente permanecamos na fé que Cristo implantou em nós para sairmos desta terra para outra bem melhor, lá não haverá tais pedras de tropeços para os homens.

          • Rubem, não há problema algum em relacionamentos homoafetivos, sendo que incontáveis homens da ciência – e não ignorantes que pensam ser cientistas – já o comprovaram e declararam sobejamente, como também os fatos observáveis empiricamente o demonstram à exaustão.

            Você julga a homossexualidade não a partir de como ela realmente é, mas a partir de sua puritana visão religiosa.

        • Homossexualidade é oriundo do hábito de animais irracionais.
          Somos seres racionais, discorda? Então, o que acha de adotar atoa irracionais somente em prol do emocionalismo que puxa o desenfreado prazer que ao mesmo tempo é destrutivo para o organismo com a passagem escalável do tempo?

          Enfim, a ciência está aí. Quer que eu te diga os malefícios biológicos que um relacionamento homossexual pode ocasionar? Nem precisa de bíblia para dizer que é algo maléfico para o ser humano.

          • Estatisticamente falando, Elder Lima, a maioria dos que são afetados e morrem em função da AIDS são heterossexuais.

            Deveríamos supor, então, que héteros são burros?

    • Sandro

      Você sabe bem que a questão não é essa.

      Aceitar, todos são obrigados a aceitar, agora concordar…!

      Quanto a música que você citou, realmente é muito bonita, e creio e o Renato estava falando de uma forma generalizada.

      • Elder Lima, não me oponho a que não concordem com o fato de sermos gays (se até Jesus sofreu oposição e ódio, por que nós, gays, esperaríamos passar incólumes por este mundo de tanto ódio e violência?), minha luta é contra o preconceito, a discriminação e a luta carnal que vocês travam contra nossa comunidade tentando, através da mentira, calúnia, difamação, factóides e teorias conspiratórias, obstaculizar o reconhecimento de nossos direitos civis.

        Quanto ao Renato Russo, do qual sou fã, ele serviu como inspiração em minha adolescência por ser tão inteligente, sensível, talentoso, e, GAY!

  11. Pessoas emotivas, atacam sempre. Não adianta dizer que “sexo anal se feito com cuidado, higiene e carinho…”. Tem como cogitar isso como “saudável”? Se um profissional da saúde recomenda, faz. Além de esquecer da composição da pele do reto (só uma fina camada de tecidos de vasos sanguíneos apenas).

    A muito tempo que a reflexão bate na porta do sótão de muitas pessoas, inclusive héteros. Não adianta afeiçoar-se a dor. Já se perguntaram quantas pessoas que pedem eutanásia por doenças crônicas? por causa dos sofrimentos diários em leitos de hospitais?

    Tem pessoas que pedem suicídio por causa de dores diárias, e há pessoas que se acomodam em sentir certos níveis de dor em prol do “amor” anal.

    Como não dizer que isso é irracional? Aí há altas pitadas de emoção e êxtase, porque a razão já foi embora até o ato acabar.

    Quem quiser fazer o circo, que faça, mas isso não vai entrar na cabeça de uma pessoa racional.
    É a realidade, enfrente-a. Não tem para onde correr! Nem pra que deus recorrer, será assim.

    Se o Deus dos cristãos é uma realidade incontestável, não sei para quê dizer que Ele foi opressor, já que ele evitou todas as chances de se proliferar uma Endocardite Bacteriana no povo judeu, por exemplo.

    Não gostou? problema é seu! tenho liberdade de expressar o que penso, abextato!

    • veio… na boa…
      não tem nada mais lindo do que uma mulher pelada…. (claro… há exceções)
      e não tem nada mais feio q um homem pelado… (NÃO, NÃO HÁ EXCEÇÕES)
      gays são nojentos mesmo…

      • Ta Serto – deveria ser “Ta Errado” -, então, pela sua lógica obtusa e cretina, uma mulhar jamais poderia achar um homem bonito, pois, como você diz, “não tem nada mas feio q um homem pelado” (pelo jeito você, por pensar assim, deve ser muito feio). Entretanto, mulheres acham os homens bonitos, tanto que sentem atração por eles (embora alguns, como você, sejam feios e não agradem as mulheres devido a serem estúpidos, ignorantes e machistas).

        • relaxa brother.. vc não entendeu..

          Claro que foi um erro da minha parte esquecer de colocar que o que postei é a minha opinião e dos demais homens..

          vc não entendeu pq não se inclui na categoria “homens”, mas na categoria “abominações” ou “aberrações”.

          Tenha um bom dia!!

  12. A bíblia diz que a terra é maldita por causa do homem e não o contrário.
    Assim sendo a culpa das mazelas aqui na terra sempre tem seu início no próprio homem.
    Tão somente permanecamos na fé que Cristo implantou em nós para sairmos desta terra para outra bem melhor, lá não haverá tais pedras de tropeços para os homens.

  13. Ao comentarista delldellphone, o qual disse que “só existe homem e mulher. Deus não criou os homosexuais”, quero lembrar ao mesmo que gays e lésbicas são, respectivamente, homens e mulheres, machos e fêmeas. Comentários imbecilizantes como os de delldellphone chegam a causar vergonha alheia.

  14. Rubem, não há problema algum em relacionamentos homoafetivos, sendo que um número incontável de homens da ciência – e não ignorantes que pensam ser cientistas – já o comprovaram e declararam sobejamente, como também os fatos observáveis empiricamente o demonstram à exaustão.

    Você julga a homossexualidade não a partir do que ela realmente é, mas a partir de sua visão puritana e religiosa. Seja inteligente e aceite o que estou dizendo.

    • Olha, Rubem, me desculpe, mas vejo em você um cara inteligente, educado, mas que, por estar escravizado a uma visão religiosa fundamentalista e puritana, labora contra sua própria inteligência ao conceber argumentos tão rasos, superficiais, limítrofes. Que pena, pois você poderia estar aí, ajudando a gente a lutar contra a ignorância, o preconceito, a discriminação, e a ter nossos direitos civis reconhecidos.

      • “por estar escravizado a uma visão religiosa fundamentalista e puritana”

        verdade, Rubem… LIBERA GERAAAAAAAAL!!

        “Porque compartilhar o toba é sinal de inteligência” – Sandro

  15. Parabens………..
    Creio Em Deus nada vai lhe acontecer pq e Como DIz no Salmo 91 mil cairao ao teu la e 10 mil a tua direita mais tu nao seras antingido………..

    Deus lhe ama e lhe espera…

DEIXE UMA RESPOSTA