Viúva condenada por esconder o corpo do marido morto durante 6 meses enquanto orava por ressurreição

1

Um caso de devoção incondicional terminou de uma maneira chocante: uma mulher evangélica foi acusada, julgada e sentenciada por manter o corpo de seu marido em um quarto mais de seis meses após sua morte enquanto ela e os filhos oravam por sua ressurreição.

O caso foi registrado na cidade de Hamilton, no Canadá, e só foi descoberto graças a uma ação de despejo. O xerife foi ao local com o mandado e enquanto inspecionava os cômodos, pediu à viúva que abrisse um quarto que estava “selado”.

Ao abrir a porta, o cheiro do corpo em decomposição chamou a atenção do xerife, que encontrou o corpo de Peter Wald irreconhecível, coberto por mantas presas com fitas a seu corpo.

De acordo com informações do Daily Mail, o processo de decomposição ocorrido ao longo de seis meses atraiu ratos, apesar de a viúva ter providenciado o fechamento das saídas de ar do cômodo e trancado portas e janelas para evitar que o cheiro do corpo se espalhasse para outros ambientes.


Kaling Wald, 50 anos, se declarou culpada no tribunal por não notificar as autoridades sobre a morte do marido, e afirmou que durante todo o tempo ela e os filhos oravam pela ressurreição do patriarca.

Peter Wald morreu aos 51 anos depois de ter infeccionado o pé esquerdo e se recusado a procurar um médico, pois acreditava que a oração seria suficiente para alcançar a cura. Como era portador de diabetes, a infecção se agravou e ele caiu em coma.

Durante o período em que ele estava inconsciente, Kaling chegou a dormir ao seu lado, mas dias depois notou que havia rigidez cadavérica, e então tomou a providência de “selar” o quarto e orar por sua ressurreição.

“É um caso extremamente triste… Ela realmente acreditava que seu marido seria ressuscitado dentre os mortos, mesmo depois de seis meses”, afirmou a subprocuradora Janet Booy.

A subprocuradora disse ainda que a devoção cristã de Kaling havia chegado a um ponto que “maculou e entortou seu melhor julgamento”, pois ela “orava diariamente para Peter voltar à vida”.

O Superior Tribunal de Justiça determinou uma pena suspensa a Kaling, ordenando-a que realize serviços comunitários durante 18 meses e procure aconselhamento. “Sua crença de que seu marido iria ressuscitar não é um problema. Isto não é sobre suas crenças religiosas. Trata-se de sua segurança, a segurança de seus filhos e a segurança da comunidade em geral”, disse o juiz  Marjoh Agro.

O site CBC relata que os proprietários do imóvel notaram uma mudança no comportamento da família na época em que Peter morreu. O vizinho Brian Dennis diz que viu a família dançando e cantando no quintal vestidos de preto, e também havia visto moscas na janela do quarto e pássaros bicando a tela.

Ele e sua esposa Brenda perguntaram a Kaling sobre a saúde de Peter, e ela limitou-se a responder que “ele estava nas mãos de Deus agora”. Apesar do susto, os vizinhos lamentaram não poder se despedir de Peter apropriadamente: “Ele consertava as bicicletas das crianças e cortava a grama dos vizinhos. Agora ninguém poderá dizer adeus a ele”, disse Brenda.

1 COMENTÁRIO

  1. Que Deus Conforme-te esta família, Jesus não conta o tempo da “ignorância” do homem então muitos que comenta aqui, pode ficar tranquilo que Deus não esta contado este tempo de vocês, Esta mulher por falta de um entendimento foi levada a “ignorância” mais Deus sabe de todas as coisas,uns critica outra entende a dor desta mulher de perder alguém tão querido, para sua família, o Tempo da vinda do meu Jesus esta próximo, Ate vocês que critica os Cristão que não a credita em Jesus saber que e Jesus.

    “para que, ao nome de Jesus, se dobre tudo o joelho dos seres celestes, dos terrestres e dos que vivem sob a terra, e, para glória de Deus, o Pai, toda a língua confesse: Jesus é o Senhor”. (Fil 2,10-11)

  2. SEMPRE FALA PARA ESPOSA E AMIGOS,DEUS ELE FEZ TUDO EM SEUS DIAS E AO 7 DESCANSOU,QNDO DEUS FEZ TUDO O Q FOI FEITO,ELE FEZ PARA UM FIM.A QUESTAO DE LAZARO FOI UMA FORMA DE O NOME DO SENHOR SER GLORIFICADO,ASSIM COMO O CEGO DO TANQUE DE BESTERDA;SABEOS QUE SOMOS FEITO DO PO E TEMOS Q ACEITAR AS FAZES DA VIDA.SE TODOS OS DOENTES FOSSEM CURADOS ATRVEIS DA ORAÇAO,NAO NECESSITARIAM DE MEDICOS,SE TODOS OS MORTOS FOSSEM RESSUSSITADOS NAO TERIAMOS UM FIM.DEUS FEZ TUDO PARA UM DETERMINADO FIM,O Q TEMOS QUE ENTENDER E QUE,MORTOS OU VIVOS,NAQUELE GRANDE DIA IREMOS NOS ENCONTRAR COM ELE NAS NUVENS,OS MORTOS RESSUSSITARAM PEIMEIRO,E NOS OS QUE ESTIVERMOS VIVOS SEREMOS TRANSFORMADOS E ARREBATADOS.A PAZ A TODOS

DEIXE UMA RESPOSTA