Evangelista ex-lésbica afirma que “aceitação do casamento gay é sinal do fim dos tempos”

14

A evangelista Janet Boynes foi lésbica antes de sua conversão ao Evangelho, fruto de um abuso sexual e psicológico na infância. Hoje, ela lidera um ministério que ajuda pessoas desejosas de abandonar a homossexualidade e tem convicção de que a aceitação social do casamento entre pessoas do mesmo sexo é um sinal inequívoco do fim dos tempos.

“Qualquer outro relacionamento que não seja entre um homem e uma mulher, é uma união civil. Isso não é um casamento. Nós não temos que nos permitir ficar tão confusos e perceber que a Bíblia alerta que estas coisas iriam acontecer nos últimos dias”, afirmou Janet à emissora de rádio Faith & Freedom.

Para a líder do ministério Called Out, “nós temos que ter uma compreensão melhor dos acontecimentos que a Bíblia descreve nos últimos dias, e confiar em Deus”, pois “Ele tem uma resposta para tudo em sua Palavra”.

De seu ponto de vista, os jovens da geração Y impõem seus novos hábitos sexuais, obrigando seus pais a aceitarem tal situação sem saber como agir: “Muitos pais estão permitindo que seus filhos e seus parceiros do mesmo sexo vão juntos à reunião de Natal ou Ação de Graças, como se eles fossem um casal heterossexual”, lamentou.


Ciente de que essa circunstância é delicada para os pais de um jovem que se identifica homossexual, a evangelista desaconselha o “desprezo” como forma de expressar reprovação: “A maioria dos gays e lésbicas estão à procura de afirmação, e o mais importante é que os pais não ignorem seus filhos ou os empurre para debaixo do tapete”, pontuou, em entrevista ao CNS News.

“Deixe seus filhos saberem: ‘Sim, nós te amamos. No entanto, acreditamos que o casamento é entre um homem e uma mulher e, por esta razão, não vamos permitir que você e seu parceiro do mesmo sexo estejam nessa casa. Você é mais que bem-vindo, você é nosso filho. Você pode comer aqui, você pode ficar aqui, você pode vir aqui a qualquer hora que quiser — você é nosso filho. Mas o seu parceiro não pode vir para nossa casa e passar as férias como se fossem um casal”, aconselhou Janet.

14 COMENTÁRIOS

  1. Não só isso. Os sinais de Apocalipse estão cumprindo-se rapidamente: sinais nos céus, catástrofes naturais, juventude rebelde e desobediente, falta de amor, rumores de guerra, terremotos, doenças sem cura, epidemias, perseguições, vamos ver coisas bem piores, piores mesmo, daqui pra frente.

  2. Graças a deus temos os ex homossexuais que estão alertando o povo, e muita gente aqui na minha região está sendo liberta dessa prática nojenta graças a Deus.

    • Nojenta é você! Eu sempre fui gay… virei cristão para me “libertar” no fim a religião quase me matou… quase me matei! Pq não conseguia tirar o sentimento dentro de mim! Lutei e fiz de tudo na igreja para tirar este sentimento pq a sociedade e a igreja não permite! Já fiquei na beira da ponte para me jogar… Quando uma voz me disse vc nasceu assim… sempre foi assim… Quando eu me aceitei.. fui muito mais feliz Graças a Deus! Deus me livrou!

      • É isso aí, Fabiano Freitas. Viva com alegria sua homossexualidade e mande às favas esses fanáticos e o deus bisonho que eles criaram à imagem e feição deles mesmos, porque o verdadeiro DEUS é um DEUS DE AMOR e que não rejeita a nenhum filho Seu.

  3. Ex – lésbica?Nunca vi.Querida ,guarde esses conselhos e tranca-os num armário a 7 cadeado.Está lendo a Bíblia demais por isso vomita o que não presta.

  4. Paulo já dizia que Cristo voltaria em seus dias, mas isso não é suficiente para esses apocalipsistas viverem afirmando, como papagaios que falam sem saber o significado das coisas: “fim dos tempos! Fim dos tempos! Curupaco, curupaco, paco, paco”. Fim dos tempos eu vou dizer o que é: é pastor vendendo o Evangelho, prometendo falsas curas e prosperidade, se metendo em política partidária e um monte de acéfalos batendo palminha e enfiando dinheiro no bolso do vendilhão.

  5. Evangélicos adoram falar em “ex-gays”, “ex-lésbicas”, “ex-isso”, “ex-aquilo”, mas falar em ex-vendilhões do Evangelho, ex-políticos evangélicos corruptos, que é bom, nada. A esse povo se aplica com impressionante fidelidade as palavras de Cristo quando repreende os que reparam no cisco do olho do próximo e não percebem a trave que esta em seus próprios olhos, olhos de fariseus.

    • Tem muita gente verdadeira que seus olhos ainda não viram, pois a Igreja vedadeira ainda não foi arrebatada, até pq assim como existe o joio no meio da Igreja, existe também o trigo.

  6. Ela têm toda a razão. A aprovação do Casamento Gay em cada vez mais países do mundo é sinal do fim dos tempos, dos tempos em que pessoas odiavam e discriminavam o seu próximo, dos tempos em que havia homofobia, agressão e morte apenas por ser Gay. Felizmente esses tempos estão chegando ao fim e a homofobia está entrando no lugar de onde jamais deveria ter saído: os armários. Cada vez mais igrejas oficiais e com milhões de fiéis estão realizando os Casamentos Gays sem problema nenhum. Muitas delas inclusive ordenam bispos e pastores Gays. Estão finalmente conseguindo colocar em prática a palavra de Cristo e parando de fazer o contrário do que ele mandou.

  7. Ex-lésbica o meu cu! Deixar de ser gay não existe. Ou ela nunca gostou de mulheres de verdade e só estava confusa, ou vestiu uma máscara de heterossexualidade porque não consegue se aceitar. Sobre essa última parte eu nem a culpo. Igreja é uma instituição que implanta o ódio através do medo. Mas dizer que a aceitação da homossexualidade é o fim dos tempos eu não posso perdoar. Se o amor é errado, então o ódio é demoníaco.

DEIXE UMA RESPOSTA