Internacional

Aluno gay processa escola por ter sido proibido de usar camiseta com a frase “Jesus não é homofóbico”

Comments (83)
  1. O argumento utilizado pelo garoto e seus defendores demonstra certo desconhecimento bíblico. Jesus nunca foi homofóbico no sentido de apoiar o ódio contra qualquer pessoa. Todavia, as palavras do Mestre foram bastante claras em Mt. 19.4-6: "Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez, no princípio, macho e fêmea os fez, e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim, não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou, não o separe o homem". Ou seja, Jesus revelou defender abertamente o casamento heterossexual, monogâmico e indissolúvel e, ainda por cima apresentou claras convicções no criacionismo bíblico.

    1. Segundo mateus 19, jesus e paulo, estavam contra as leis da criação… tanto quanto os homossexuais..]
      UM PESO E DUAS MEDIDAS?
      PAZ

    2. Olá amigo, boa noite. Eu simplesmente não entendi seu argumento, poderia explicá-lo melhor?

    3. Luciano Borges de Santana Paulo não era homem?? ou não gostava??
      tb descompriu esta lei do levitico, como tb quem não casa…. não só os gays… não acha??
      só os gays que tem que continuar usando a leis da "idade do bronze" a mesma lei que falava, que não podiamos comer frutos do mar, que não podiamos trabalhar aos sábados??

    4. Olá amigo. Sinceramente eu não sei de onde você tirou tudo isso. Seus argumentos são confusos e totalmente fora daquilo que eu postei. Além do mais, em nenhum momento usei o apóstolo Paulo em minha argumentação. Apenas indiquei aquilo que já havia sido falado por Jesus, o Senhor e Salvador de minha vida. Por último, as leis cerimoniais ou a questão do sábado faziam parte da Antiga Aliança, que encerrou com a inauguração da Nova Aliança em Cristo. Nesta Nova Aliança, também foram ressaltados o valor do casamento monogâmico, heterossexual e indissolúvel. Você pode não concordar com isso, o que na verdade é um direito seu. Mas os verdadeiros cristãos irão concordar e farão desses princípios sua regra de fé e prática.

    5. Luciano Borges de Santana Meu amigo esta passagem que jesus falou:
      "Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim, não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou, não o "
      é do levitico… não foi de autoria de jesus..
      o apostolo paulo, não casou, não procriou.
      VCS NÃO CUMPREM NEM O NOVO TESTAMENTO… as igrejas evangelicas casam divorciados não adulteros, desde HENRIQUE VIII, no séculoo XVI, de 30 anos para cá, temos mulheres pastoras, tudo isto é heresia, contra paulo e cristo, são relatados no novo testamento.
      vcs não cumprem nem o NT.. COMO PODEM EXIGIR UMA LEI DA IDADE DO BRONZE(LEVITICO),
      QUE NEM PAULO NEM CRISTO COMPRIRAM??
      PAZ

    6. Paulo Agnóstico Paulo, é sempre um prazer ler suas respostas.

    7. Estimado Paulo, por favor, leia os meus comentários com mais calma. Se existem evangélicos e igrejas evangélicas paraticando atos contrários a Palavra de Deus, isso não é motivo para todas as igrejas e todos os evangélicos serem rotulados no mesmo barco por você. Outra coisa que lhe peço: pare de apresentar argumentos bíblicos sem fundamento algum. Você desloca os personagens bíblicos de seus respectivos contextos e ainda coloca na boca de cada um deles o que você acha mais conveniente. O mandamento proposto no Antigo Testamento não era uma obrigação para homem algum se casar, apenas estabelecia os princípios de como esse casamento deveria acontecer. Isso foi sustentado por Jesus e Paulo no Novo Testamento.

    8. Luciano Borges de Santana vcs não podem apontar o dedo para os gays.. primeiro tem que acabar com seus pastores vendilhoes do templo..não permitirem igrejas evangelicas casarem divorciados não adulteros, não deixar colocarem mulheres como pastoras, tudo isto é anti-biblico e anti palavras se jesus e paulo… depois que botarem as igrejas evangelicas no "trilho" da biblia… poderão apontar o dedo para gays, catolicos, espiritas, budistas… é muito fácil jogar os erros nas outras denominações, como se estes não fossem cristãos…. vcs quando fazem algo errado, logo falam:
      "fulano não era um verdadeiro cristão"… ai fica fácil né??? os mulçumanos tb, falam que os "homem-bomba" não são verdadeiros mulçumanos.

    9. Estimado Paulo, mais uma vez você se mostra confuso em seus argumentos. Nós evangélicos não costumamos apontar o dedo para as pessoas da forma que você falou. Como seguidores de Cristo denunciamos o pecado e pregamos o evangelho que liberta e transforma as pessoas. Isso fazemos a todos, independentemente daquilo que acreditam. Reconheço os erros praticados por muitos que se dizem cristãos, mas nós sabemos muito bem diferenciar o que é um erro casual, onde a pessoa não conseguiu resisitir a uma fraqueza do momento, daqueles que vivem no pecado, amam o pecado e não se importam se suas práticas irão ou não escandalizar os demais evangélicos. Por último, sua comparação entre os cristãos e os muçulmanos foi extremamente grotesca: verdadeiros cristãos não saem por aí, com armas e bombas no corpo matando seres humanos como se estivessem prestando um serviço a Deus; todavia, muitos muçulmanos fazem isso e ainda por cima afirmam que foi a vontade de Alá, que os orientou a praticarem essas coisas.

    10. Luciano Borges de Santan vc esqueceu que os europeus cristãos, forma responsaveis pela escravidão, guerras e exploração nos 4 cantos do mundo… por séculos??? esqueceu do Noruegues??? dos americanos e israelenses, que bombardeiam, populações civis no oriente??
      ah… já sei. vai falar: ele não é o verdadeiro cristão, rsrsr..
      então como bons cristãos.. falem primeior do evangelho aos seus… que como falei não cumprem nem o novo testamento…. depois apresentem aos outros…

    11. vc esquece dos judeus mortos na segunda guerra, na inquisição??? dos africanos mortos e escravizados pelos europeus???
      o apartheid, sistema racista da africa do sul, foi fundado por evangelicos holandeses…
      os europeus para conquistarem a china no seculo XIX, viciou os chineses em opio, e vendiam a droga para eles.
      ingleses americanos protestantes… mataram quase todos indios nos estados unidos, nem tentaram converte-los. vc sabia que o fundador da assembreia americano, era racista e menbro da kkk???
      Lutero, o pai do protestatismo era anti-semita, um dos pais do Nazismo na alemanha luterana???
      O POVO CRISTÃO EUROPEU, foi o que mais explorou, escravizou e matou no mundo ao longo da história… vc esta se baseando no que ocorre no mundo hoje.

      Na Reforma Protestante Martinho Lutero foi um dos líderes e ele escreveu esta carta:

      "Os cristãos devem queimar as sinagogas e os Judeus. Devem tirar os livros e os Talmudes deles, pois esses contém somente mentiras e blasfêmias. Devem ameaçar de morte os rabinos que ensinam isto. Devem proibir os Judeus de viajar. Devem obrigar os Judeus a trabalhar em serviço manual e não adquirirem profissão".

      "Os Judeus são arrogantes, teimosos e de coração de ferro como demônios".{ Martin Luther, "On the Jews and Their Lies" (1543), Traduzido por Martin H. Bertram, editado por Franklin Sherman, vol.47, pp. 121-306, em Luther's Works, de Jaroslav Pelikan e Hehnut T. Lehmann ( Filadelfia,.Fortress Press e St. Louis, Concórdia Publishng House, 1962-1974). Abaixo um enxerto das pp. 268-278:

      "Que faremos, nós cristãos, com este povo rejeitado e condenado, os Judeus?". …Vou dar-lhes o meu conselho sincero: primeiro, atear fogo às suas sinagogas, em honra ao nosso Senhor e à cristandade, de modo que Elohim veja que somos cristãos… Aconselho que as suas casas sejam arrasadas e destruídas…

      Aconselho que os seus livros de orações e escritos talmúdicos lhes sejam arrebatados…Aconselho que seus rabinos sejam proibidos de ensinar, sob pena de perderem a vida e serem mutilados…Acreditamos que o nosso Senhor Jesus Cristo dizia a verdade ao falar sobre os Judeus que não O aceitaram e O crucificaram: "Sois uma raça de víboras e filhos do demônio…".

      paz

    12. Olá, Paulo agradeço pelo extenso argumento que você apresentou. Todos os erros praticados pelos cristãos e apontados por você, reforçam meu discurso quando afirmei que "reconheço os erros praticados por muitos que se dizem cristãos" e lamentavelmente esses erros são muitos ao longo da história; todavia, não me esquivo de aceitar esses erros e ao mesmo tempo de condená-los. Agora, você precisa conhecer um pouco de história antes de afirmar que todos os erros acima foram praticados por cristãos. Em primeiro lugar, Hitler odiava o cristianismo e procurou fazer de tudo para corromper a igreja alemã, matando inclusive os pastores que lhe faziam oposição.

    13. Olá, Paulo. Bom dia. Vou continuar meus argumentos. O apartheid foi um regime racista implementado realmente por pessoas que afirmavam ser cristãs e isso é algo inaceitável. Todavia, muitos outros cristãos se levantaram contra esse regime, como o bispo anglicano Desmond Tutu. Em relação a escravidão, considero deplorável a participação dos cristãos nesse sistema, mas você nada falou sobre os evangélicos que lutaram bravamente para que essa maldição fosse extinta, como John Newton e William Wilberforce. Procure sobre eles e assista o filme "Jornada pela liberdade" e você entenderá isso muito bem.

    14. Agora com relação aos professos cristãos que venderam ópio para a China ou mataram os índios americanos, você praticou uma grande injustiça ao colocar todos os cristãos no mesmo patamar por conta desses crimes. Os verdadeiros cristãos estavam empenhados em evangelizar esses povos e sofriam com as atitudes arbitrárias praticadas pelo seus governos. Na China destacaram-se diversos missionários como Hudson Taylor que fundou a China Inland Mission (CIM) (agora OMF International). Taylor, junto com outros cristãos, protestou contra a venda de ópio para a China, sendo reconhecido pela atuação que desenvolveu.

    15. Quem fundou a Assembleia de Deus norte-americana não foi o sujeito racista e membro da KKK apontado por você. Charles Parham foi um líder batista que abraçou o pentecostaslimo, sendo considerado por muitos historiadores um fundador contemporâneo desse movimento. As acusações racistas contra ele ainda carecem de evidências concretas; além do mais, veja como é estranho, ele possuiu um aluno chamado William Seymour, negro, filho de ex-escravos, que se converteu a fé evangélica. Me parece que se Charles Parham fosse membro da KKK, dificilmente teria aceitado um negro como aluno, numa época em que muitos aderiram ao racismo. A Assembleia de Deus norte-americana foi fundada no Hot Springs, Arkansas, em 1914, numa convenção que reuniu líderes de diversas igrejas independentes. Foi a partir daí que surgiu o Concílio Geral das Assembleias de Deus nos EUA.

    16. Já as declarações de Lutero são inaceitáveis para nós e apesar de reconhecer sua importância para a criação do protestantismo, jamais iremos concordar com sua visão antisemita. Antes de Lutero, os cristãos católicos passaram toda a Idade Média perseguindo judeus e outros segmentos sociais, criando um mundo fundamentado no terror. Lutero viveu esse mundo, onde os judeus eram sumariamente perseguidos. Ele reproduziu um estigma de sua época, quando na verdade deveria lutar contra ele. Suas declarações sobre os judeus, muito bem selecionadas por você são deploráveis, mas isso não destroi todo o legado que ele construiu para o mundo evangélico. Por último, ao invés de simplesmente criticar os evangélicos e apontar seus erros na história e no presente, procure também visualizar o que os cristãos deixaram como legado positivo para a humanidade. Até a próxima.

    17. Luciano Borges de Santana quanto a lutero… ele não só sofreu influência de sua época, como gerou filhos e netos….a alemanha Nazista… o povo era Luterano e menor numero de catolicos…. reproduzimam este ódio. o governo era nazista, mas o povo era religioso ferrenho e alimentavam este ódio.. muito vivo.. agravado por uma crise economica.. onde os judeus eram os donos do dinheiro. este ódia comemeçou na época da idade média, com uma igreja unica…. mas deu fihos, filhos evangelicos, não podemos jogar o lixo para debaixo do tapete…
      muita coisa que acontece recentemente no oriente médio é fruto, da manipulação européia e americana, criaram um estado artificial com judeus sionistas… e empurraram os palestinos mulçumanos, deixando-os sem pátria…não me venha me falar em direitos biblicos…pois se assim fosse, o brasil ainda seria dos indios, o peru dos incas, a frança dos gauleses…
      fora que se achassem restos de pedro, maria, paulo… e fizessem testes de DNA… os palestinos mulçumanos, seriam muito mais proximos de que estes judeus louros e europeus….
      quando os judeus se expalharam.. uma parte ficou lá, foi posteriomente se convertendo ao cristianismo.. por volta do ano 700, foram convertidos ao islamismo…
      eu sou filho e neto de portugueses, cristãos novos…oliveira, teixeira(pé de teixo), pereira..assim como muitos coelho, pato, etc. nomes usados por eles, quando forçados a se converter ao catolicismo.

    18. quanto a china e estados unidos..os puritanos eram uma denominação muito ortodoxa… que foi convidada pelo reis da inglaterra a sairem de lá…. chegaram nos estados unidos e dizimaram as tribos,, ao contrario dos católicos que tentavam catequiza-los na america do sul… veja o numero de descedentes de indigenas na américa latina.. muito grande.
      quanto a china claro que havia os bons cristãos.. mas quando colocamos na "balança", rsrsr..
      uma população inteira viciada e escrava do ópio.. que só acabou quando inplantaram o comunismo.

      quanto ao racista americano.. ele tinha este aluno que assistia aula no corredor, leia site abaixo:
      http://jacymaraferreyra.blogspot.com.br/2010/02/charles-fox-parham-pai-do-erro.html

    19. Olá Paulo, boa noite. Vou começar por suas críticas a Charles Fox Parham. Realmente me surpreendi com a afirmação colocada por você e quando fui conferir no link citado, me deparei com uma crítica geral ao Pentecostalismo, que sequer cita a fonte sobre essa e outras atitudes atribuídas a Charles Fox Parham. Por exemplo, na Wikipédia afirma-se que "Parham foi acusado de sodomia [carece de fontes] sem comprovação da acusação [carece de fontes] e também apontado por alegações de envolvimento com a maçonaria [carece de fontes] e a Ku Klux Klan [carece de fontes], o que minou seu ministério". De fato, Parham sofreu grandemente pelas acusações que lhe foram imputadas, destruindo sobretudo sua reputação. Todavia, pesquisando um pouco mais pude constatar que segundo Burgess e McGee (1995, p. 780) William Seymour realmente frequentou a escola de Parham e estudou em uma cadeira do lado de fora da sala. Alguns e dividem se isso foi feito devido ao clima hostil da América na virada do século XX ou uma motivação pessoal de Parham. Todavia, ao invés de odiar seu professor, Seymour reconheceu a importância de Parham em sua vida ministerial.

    20. Com relação ao seu discurso de que os puritanos eram muito ortodoxos, acho que você conhece pouco de História. Na verdade os puritanos migraram para os EUA fugindo da perseguição religiosa, motivada pela Igreja oficial inglesa. Diferentemente do que você falou, todos os nativos do continente americano foram dizimados pelos colonizadores em guerras as mais variadas. Da mesma maneira que os jesuítas tentaram catequisar os índios, grupos religiosos na América do Norte tentaram também trazê-los a fé evangélica. Leia a biografia de David Brained e você confirmará isso. E, diferentemente do que você falou, os genuínos cristãos foram muito mais numerosos na China do que você imagina. Não é a toa que quando o comunismo foi instalado no país, uma das primeiras medidas dos marxistas ateus foi perseguir violentamente a igreja cristã, que crescia e gerava frutos no país. Milhares de cristãos perderam a vida, outros foram presos e até hoje as igrejas na China sofrem com as hostilidades pregadas pelo estado ateu.

    21. Agora, acredito que responsabilizar Lutero pelo antisemitismo na Europa é um exagero extremamente grande. A Europa medieval construiu equivocadamente um discurso antisemita muito tempo antes de Lutero. Com a derrota na primeira guerra mundial, os ânimos dos alemães foram rapidamente canalizados pelos nazistas que passaram a culpar os judeus pela crise econômica do país. Como muitos judeus na Alemanha desenvolveram uma cultura empresarial, foi muito fácil para Hitler canalisar esses sentimentos. Não me esquivo de reconhecer qualquer motivação política, mas acredito que se os nazistas não tivesses tanto sucesso nos primeiros anos de governo, eles não teriam tanto apoio das massas. Por último, eu não sei de onde você tirou essa ideia de direitos bíblicos. O sionismo foi um movimento que pregava o retorno dos judeus a sua pátria de origem e a futura construção de um estado na região. Os primeiros judeus chegaram pacificamente e construíram permanentes laços com os palestinos e demais judeus que já viviam no local. Após a segunda guerra mundial e o holocausto, a comunidade internacional se sensibilizou com o sofrimento do povo judeu e aprovou a partilha da Palestina. Os palestinos influenciados pelos discurso dos reinos árabes não aceitaram a divisão da região e a partir daí começou toda a confusão que até hoje ceifa a vida de milhares de pessoas.

    22. Ah, um detalhe. Lembranças a comunidade portuguesa no Brasil e aos nossos patrícios em Portugal.

    23. Luciano Borges de Santana meu amigo.. não me baseio só na história….o pai do meu padrasto era alemão luterano…. me contou várias passagens e sofrimento do povo cristão alemão.. ele que me citou esta carta de lutero, carta esta muito conhecida por alemães, que hoje na sua maioria é ateu e agnóstico, ao contrario da época da guerra, eram fervorosos na sua fé….judeus foram massacrados e perseguidos em toda europa… não só na idade média, o sionismo é fruto desta perseguição… a europa, se aproveitou para se livrar dos restantes dos judeus que hitler não matou, dando-lhe uma terra e incentivando. se livraram de um problema e jogaram para os palestinos mulçumanos…que permanecem sem pátria em sua terra.
      o governo na alemanha, mas o povo era cristão… a palavra judeu é um preconceito cristão, por judas. não foram só os catolicos que fizeram massacres…

    24. Em 1066 ocorre o Massacre de Granada e entre os séculos XII e XV os judeus são expulsos do Norte da Europa, dominada pelos cristãos. Os grandes massacres de judeus se sucederam em diversos países: Alemanha, Inglaterra (1290), França (1306 e 1394) e Espanha (1391), culminando na expulsão de 1492 e no grande massacre de Lisboa em 1506. Os judeus passam a habitar a Europa Oriental.

      Com o fim da Idade Média e o Iluminismo as perseguições diminuem, embora prossigam. Durante a Era Moderna, os judeus da Rússia e de toda a região Leste da Europa são constantemente perseguidos e massacrados sob os mais diversos pretextos e acusações. Em meados do século XIX os pogroms forçam as ondas de imigração judaica para a América e fomentam o surgimento dos primeiros movimentos sionistas.

      O Sionismo

      O sionismo (de Sion, colina da antiga Jerusalém), surgiu na Europa em meados do século XIX. Inicialmente de caráter religioso, o sionismo pregava a volta dos judeus à Terra de Israel, como forma de estreitar os laços culturais do povo judeu em torno de sua religião e de sua cultura ancestral

      Precedentes Sionistas

      Entre os séculos XIIIe XIX o número de judeus que fizeram aliá (literalmente “ascensão” – o ato de um judeu imigrar para a Terra Santa) foi constante e crescente, estimulado por periódicos surgimentos de crenças messiânicas e de perseguições anti-judaicas.

      Estas perseguições tinham quase sempre um caráter religioso. Vários estados atacaram e expulsaram os judeus de seus territórios, sob acusações que variavam entre o deicídio (a suposta culpa dos judeus pela morte de Jesus) e lendas sobre envenenamento de poços, uso de sangue de crianças cristãs em rituais judaicos (“Libelo de Sangue”) e de heresia. Os judeus da Inglaterra foram expulsos em 1290, da França em 1391, da Áustria (1421) e da Espanha (Decreto de Alhambra), em 1492.

      Os judeus que retornaram à Palestina estabeleceram-se principalmente em Jerusalém, mas também desenvolveram significativos centros religiosos em cidades mais distantes. A partir do século XV a cidade de Safed se tornaria o mais importante local de reunião de cabalistas.

      Mas foi durante a primeira metade do século XIX que a migração judaica para a Palestina sofreu o seu maior incremento em quase vinte séculos. Os judeus já eram a maioria da população de Jerusalém no ano de 1844, convivendo com muçulmanos, cristãos, armênios, gregos e outras minorias, sob o domínio turco-otomano. A estes migrantes religiosos vieram se juntar os primeiros migrantes seculares a partir da segunda metade do século. Eram em geral judeus da Europa Central e adeptos de ideologias socialistas.

    25. Luciano Borges de Santana meu amigo eu sei o que causou a migração dos puritanos….a "tentativa" de catequizar por lá foi pífia, para ingles ver, rsrs… literalmente…veja o numero de mestiços de indigenas na america látina… e nos estados unidos e canadá, rsrs..
      claro que tem os bons e os maus, catolicos, crentes, budistas, espiritas, ateus, etc…
      quanto serem perseguidos na china.. os budistas que são locais são… por que iriam trartar diferentes dos cristãos????

    26. tem regiões que israel invandiu de areas dos palestinos, não acordadas na criação do estado e israel… kd a ONU????

    27. Olá, Paulo. Sua resposta e a colagem que você colocou apenas reforça o que eu já disse anteriormente sobre os bons e os maus cristãos e entre aqueles que acreditaram um dia estar servindo a Deus e fazendo a sua vontade, quando na verdade não era isso o que eles estavam fazendo. Diferentemente do que você disse, uma boa parte dos alemães professa a fé luterana e uma outra parte a fé católica, apesar de muitos alemães ultimamente estarem abraçando o islamismo. Por último, a evangelização dos nativos americanos não foi pífia, como você falou, mas devido as sucessivas guerras entre nativos e colonizadores, o número de indígenas nos EUA ficou bastante reduzido. Outro fator foram as sucessivas migrações de diversos grupos étnicos, a princípio europeus e mais recentemente de asiáticos. Geralmente eles procuravam os mesmos parceiros étnicos para estabelecerem laços familiares. Por último, budistas foram perseguidos em um número muito menor de pessoas na China e no demais países comunistas do que os cristãos. Siga esse link de um site que encontrei recentemente e você pode conferir outras informações. http://timedecristo.wordpress.com/2010/05/26/evangelizacao-pelo-martirio-70-milhoes-de-cristaos-mortos-em-20-seculos/

    28. Além do mais, o budismo surgiu na Índia e depois migrou para a China. Ele não é nativo desse país. Por último, é verdade que o estado de Israel anexou diversas áreas na Cisjordânia e Colinas de Golã. A ONU já tem protestado contra isso, mas fica difícil o governo Israelense ceder em alguma coisa, quando existem psicopatas no Oriente Médio defendendo a aniquilação dos judeus daquela região.

    29. Luciano Borges de Santana sim eu sei que surgiu na india, há 2500 anos… mas é local há muito tempo… então vamos falar que o cristianismo não é nativo da europa, que era pagã…. pois veio do oriente médio.
      só que nos fugimos o tema do topico,… o rapaz la nos estados unidos vive num estado laico, como o brasil… exercendo seu direito de expressão….não havendo conteudo sexual na camisa, sim conteudo ideologico…
      não adianta ficar-mos discutindo o "sexo dos anjos"… a homossexualidade assim como as religiões, são fatos reais e estão ai…. tem espaço para todos.

    30. Luciano Borges de Santana guerras de fundo "religioso" sempre houve, mesmo nos dias atuais, hindus se matam com mulçumanos, mulçumanos X cristãos, hindus X sikrs , catolicos x protestantes, xiitas x sunitas…. ateus x cristãosx budista e outras religioes…Fora os massacres de judeus ao longo da historia por cristãos.
      fazem levantamentos dos cristãos, por olharmos só para o nosso "UMBIGO"…
      agora quanto a morte dos pastores se deve principalmente ao PROSELITISMO RELIGIOSO CRISTÃO.. que geralmente vão para areas de conflito e fanatismo religioso..
      QUEM PROCURA ACHA.
      nós ocidentais há muito se distanciamos da fé…. acho que nem 10% dos ditos cristãos se matariam em guerra em nome de jesus… nosso "deus hoje é o $$$$$$$$$$$$$$

    31. Os alemães na época de hitler, eram devotos ferrenhos.. hoje a maioria é agnostico e ateus…poucos praticam, assim como todos paises nordicos, de tradição evangelica… como tb já ocorre na frança catolica. os mulçumanos não são por conversão…. são imigrantes turcos que já são 10% da população da alemanha. mas ao contrario dos alemães cristãos, eles praticam o" escrito"

    32. Estimado Paulo, acredito que você está equivocado em várias situações. Reconheço que a existência das guerras religiosas no mundo é algo muito ruim e que boa parte do mundo ocidental distanciou-se há muito tempo da fé. Mas discordo absolutamente de você quando afirma que os cristãos foram massacrados por motivo de proselitismo. Nós cristãos procuramos evangelizar as pessoas e falar do amor de Jesus para elas. Não forçamos ninguém a ser converter a fé, porque acreditamos que esse processo deve ocorrer de forma espontânea e livre. A perseguição movida contra nós em todo o mundo se deve a aceitação livre dessa mensagem por diversos povos em diversos lugares do mundo. Isso foi predito por Jesus e pelos apóstolos. Além do mais, não mataríamos ninguém por causa da fé, mas diferentemente do que você afirma, os verdadeiros cristãos estariam dispostos a morrer pela fé ao invés de negarem a fé no Salvador. Além do mais, muitos europeus tem de fato se convertido a fé islâmica, algo ampliado com a migração de africanos e asiáticos para este continente. Por último, sinceramente eu não entendi porque depois de tanto conversar comigo, você afirma que estamos discutindo "sexo dos anjos". Reafirmo o comentário que escrevi sobre a atitude do rapaz e que deu origem a toda a nossa discussão.

  2. Luciano Borges de Santana disse:

    O argumento utilizado pelo garoto e seus defendores demonstra certo desconhecimento bíblico. Jesus nunca foi homofóbico no sentido de apoiar o ódio contra qualquer pessoa. Todavia, as palavras do Mestre foram bastante claras em Mt. 19.4-6: “Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez, no princípio, macho e fêmea os fez, e disse: Portanto, deixará o homem pai e mãe, e se unirá a sua mulher, e serão dois numa só carne? Assim, não são mais dois, mas uma só carne. Portanto, o que Deus ajuntou, não o separe o homem”. Ou seja, Jesus revelou defender abertamente o casamento heterossexual, monogâmico e indissolúvel e, ainda por cima apresentou claras convicções no criacionismo bíblico.

  3. mas JESUS não foi homofobico, em nenhuma passagem ele fala algo contra.. quem era homofóbico era Paulo e o AT. jesus inclusive falou dos EUNUCOS DE NASCIMENTO.
    PAZ

    1. "Ele, porém, respondendo, disse-lhes: Não tendes lido que aquele que os fez no princípio macho e fêmea os fez" Mateus 19:4.Falando do próprio principio que Ele mesmo estabeleceu.João 5.46 . Jesus diz aos judeus: Pois se crêsseis em Moisés, certamente creríeis em mim, porque ele escreveu a meu respeito. E disse Elohim
      Façamos o homem à nossa imagem, conforme a nossa semelhança Criou Elohim o homem à sua imagem; à imagem de Elohim os criou, homem e mulher os criou.Gn1:26,27.Paz e Graça

    2. Andre Luis Santos por que paulo e cristo não casaram??? cristãos tb, adultos que permanecem solteiros??
      divorciados não adulteros, que casam de novo nas igrejas evangelicas??
      TODOS CONTRA ESTA LEI DA IDADE DO BRONZE, QUE NEM VCS CUMPREM
      um peso e duas medidas??
      paz

    3. Se a sociedade ,permitir, daqui a pouco os gays vão fazer propaganda dentro da nossa casa, e não vamos poder falar nada. parabéns para escola.

    4. Hudson Correa Poxa e a p….taria, que ja passa, big brother, novelas ???

    5. Marisa Campos disse:

      Paulo Agnóstico casar segundo a biblia é uma opçao

    6. Marisa Campos sim… jesus mudou a lei do casamento, "porque a eunucos que assim nasceram, há eunucos que foram castrados e ha eunucos que se fizeram em nome do reino de deus…
      agora pergunto, aquela lei do levitico que só querem enquadrar os gays…por que… se jesus falou dos eunucos do nascimento???

    7. vc acha que homossesuais seriam bons maridos??? suas mulheres ficariam satisfeitas??
      jesus era sábio… eunucos de nascimento, segundo o TALMUDE ERAM OS GAYS DE HOJE, não criaturas assexuadas… mesmo os castrados não são… transexuais hoje são eunucos castrados, casam e fazem sexo…roberta close exemplo….paraplégicos, sem movimentos, fazem sexo com suas mulheres de outras formas

    8. Marisa Campos disse:

      Paulo Agnóstico pos uma foto ate q vc é simpatico mas gosta de uma encrenca!!!!!!kkkk

    9. Marisa Campos sou realista..Ja imaginou robeta close, leão lobo, lacraia, david brasil, clodovil, olhando uma mulher e falando:"""gostosa" rsrsr" se eu fosse pai, como cristo foi, ficaria com pe atras de dar minha filha em casamento, caso eles se convertessem e falassem que estava "curado", rsrsr
      paz

    10. Paulo Agnóstico Se eu lhe responder,tu vens com pleonasmo vicioso:Então seria perda de tempo para ambos disserta sobre o assunto supracitado.Paz e Graça

    11. Filipe Gioielli só pela maneira como voce fez esse comentátio o burro e inguinorante aqui é voce amigo… sem sombra de dúvidas… o cara só entra pra ofendo o outro… parece um animal irracional…

    12. Paulo Agnóstico Deus ama os homessexuais mas abomina as suas práticas… entenda isso enquanto é tempo!!! os afeminados não herdarão o reino dos céus!!!

    13. Josafa Santos esta frase não é de cristo….
      não creio no seu livro de fé…. que para mim é só uma mitologia HEBRAICA..só ajudou os hebreus, para o ocidente só trouxe atrasos.. não quero me justificar de nada, ate por que não creio…. mas como falei acmima estou vendo distorções mesmo nas suas igrejas….
      ONDE CRISTO… a principal pedra da esquina, falou algo contra os gays?? quem falou foi pauolo, que se jesus tivesse convivido o chamaria de fariseu, trouxe vários conceitos do AT de volta
      Cristo tinha mulheres que o seguiam e o auxiliava, nunca falou nada contra elas…. Paulo e timotero, falavam que elas não podia falar nas igrejas, ficarem submissas e não ensinarem a homens..
      QUEM ERAM OS EUNUCOS DE NASCIMENTO EM MATEUS 19, segundo TALMUDE(Livro de leis e ensinos rabinicos) são os gays de hoje, não criaturas assexuadas como os cristãos gostam de falar.
      POR QUE CRISTO FALOU NO FINAL: QUEM PUDER ACEITAR, QUE ACEITE??? SE FOSSE ALGO COMUM A LEI DOS JUDEUS, ELE NÃO FALARIA ISTO.
      Sobre ser pecado, isto é uma afirmação das religiões abraamicas…
      espiritas, budistas, hindus, e a maioria das religiões não falam isto, não é pecado e tem muita tolerância
      O MUNDO TEM 7 BILHÕES DE PESSOAS, DESTAS APENAS 2 BI, são cristãos. amaioria destes não prática o escrito… mesmo os evangelicos aqui no brasil são genéricos, descumprem várias passagens da biblia, fazem sexo antes do casamento, casam com divorciados não adulteros, tem mulheres pastoras, etc.
      AGORA FICA COM SEU LIVRO LENDÁRIO, ELE NÃO ME FAZ FALTA.
      VERDADES???
      olha isto, o que a biblia fala, e o que arqueologos e historiadores acharam…

      A libertação do Egito
      O que diz a Bíblia – No Êxodo, Deus escolhe Moisés como libertador do povo hebreu, envia as Dez Pragas e divide as águas do Mar Vermelho. No Monte Sinai, já a caminho da Terra Prometida, Moisés recebe as tábuas dos Dez Mandamentos.
      O que diz a Arqueologia – Não há qualquer registro da existência de Moisés ou dos fatos descritos no Êxodo. Aliás, boa parte dos reinos e locais citados na sua jornada também não existiam no século XIII a.C. e só surgiriam 500 anos depois. A escolha do lugar que passou a ser conhecido como Monte Sinai ocorreu entre os séculos IV e VI d.C. por monges bizantinos.

      O Dilúvio universal
      O que diz a Bíblia – Segundo o Gênesis, um grande dilúvio destruiu a Terra. Noé e sua família, avisados, construíram uma arca para salvar um casal de cada espécie animal.
      O que diz a Arqueologia – Ruínas achadas no Mar Negro, próximo da Turquia, mostram que houve uma enchente catastrófica por volta de 5600 a.C. O nível do Mar Mediterrâneo subiu e irrompeu pelo Estreito de Bósforo, inundando a planície onde hoje está localizado o Mar Negro. Na época, a região era uma planície de terras férteis, com um lago. Sobreviventes dessa catástrofe migraram para a Mesopotâmia. Assim teria surgido a história do dilúvio no texto sumério de Gilgamesh. Os hebreus conheceram a história quando estiveram cativos na Babilônia.

      A conquista de Canaã
      O que diz a Bíblia – Depois da libertação do Egito, Moisés conduziu os hebreus até a entrada da Terra Prometida. Ali, os israelitas enfrentam os nativos canaanitas com uma ajuda divina: ao toque de suas trombetas, as muralhas de Jericó desabam miraculosamente.
      O que diz a Arqueologia – Jericó nem tinha muralhas nesse período. Na verdade, a tomada de Canaã pelos hebreus acontece de forma gradual, quando as tribos hebraicas trocam o pastoreio pela agricultura dos vales férteis. A história da conquista foi escrita durante o século VII d.C., mais de 500 anos depois da chegada dos hebreus aos vales cananeus.

      A saga do rei David
      O que diz a Bíblia – Após derrotar Golias, David firma-se como rei dos hebreus, submetendo primeiro a tribo de Judá e, posteriormente, todas as 11 tribos israelitas.
      O que diz a Arqueologia – Em 1993 foi encontrada uma pedra de basalto datada do século IX a.C. com escritos que mencionam a existência de um rei hebreu chamado David. Mas não há qualquer evidência das conquistas de David narradas na Bíblia. David pode ter sido o líder de um grupo de rebeldes vindos de camadas pobres dos cananeus que, nessa época, atacava as cidades do sul da Palestina.

      A guerra assíria
      O que diz a Bíblia – Por volta de 700 a.C., o rei Ezequias, de Judá, revolta-se contra os assírios. Judá é atacada e a cidade de Lachish é completamente destruída.
      O que diz a Arqueologia – Os fatos são narrados com precisão histórica. Achados arqueológicos permitiram reconstruir o cenário da batalha descrita na Bíblia. Além disso, a destruição de Lachish pelos assírios foi expressa num relevo em Nínive, a capital assíria, e as imagens batem com a narrativa bíblica.

      Império de Salomão
      O que diz a Bíblia – Salomão sucedeu a seu pai, David, fez alianças com reinos vizinhos e construiu o Templo de Jerusalém. Em seu reinado, os israelitas alcançaram opulência e poder. Salomão construiu palácios e fortalezas em Jerusalém, Megiddo, Hazon e Gezer.
      O que diz a Arqueologia – Não há sinal de arquitetura monumental em Jerusalém ou em qualquer das outras cidades citadas. Tudo leva a crer que Salomão, como David, eram apenas pequenos líderes tribais de Judá, um Estado pobre e politicamente inexpressivo.

      A vida ao redor do templo
      A Jerusalém que Jesus conheceu estava em seu auge de poder e beleza. Conquistada pelos romanos, em 63 a.C, a cidade passou por uma completa reformulação, que incluiu a construção de arenas, hipódromo, palácios e, principalmente, o impressionante templo erguido por Herodes Antibas, que Jesus visitou quando criança e poucos dias antes da sua morte. Dessa obra gigantesca restam, hoje, apenas um muro, que os judeus modernos chamam de Muro das Lamentações. Jesus foi muito provavelmente crucificado no Monte Calvário, como narra a Bíblia. Mas o percurso conhecido hoje como Via Crúcis não tem nada de histórico: foi inventado no século XIII pelos cavaleiros cruzados.

      Pescador de homens
      O que diz a Bíblia – Depois de ser batizado por João Batista e sofrer as tentações no deserto, Jesus foi para a Galiléia, onde recrutou seus primeiros discípulos entre os pescadores do lago Tiberíades. Escolheu viver com seus seguidores em Cafarnaum, uma pequena vila de pescadores.
      O que diz a Arqueologia – Cafarnaum existiu e era um povoado com cerca de 1 500 moradores na época em que Jesus viveu. Escavações encontraram os restos de uma casa que pode ter sido de um dos discípulos, provavelmente de Simão Pedro, o primeiro a ser recrutado por Jesus.

      Fora que a biblia foi uma tradição oral, por 3000 anos…passava de boca em boca. lembra aquela brincadeira infantil "telefone sem fio"??? vc acha confiavel?? o que o texto acima mostra que não. os hebreus eram atrasados perto de outros povos, HINDUS, CHINESES, EGIPICIOS, SUMÉRIOS, ETC… ainda viviam em tenda, quando estes povos já tinnham grandes cidades, cultura, religião propria etc…..estes povos já tinham escrita, os judeus demoraram a ter escrita… alguns textos do AT, foram escritos por volta do ano 1000ac… mas a maior parte só foi escrita por volta de 500/600ac
      PAZ

    14. Filipe Gioielli:Você deve ser orgulho de sua mãe,pois vejo a educação que Ela lhe deu. A libido quando despertada por pessoas de sexos diferentes é normal, mas quando é despertada por pessoas do mesmo sexo, é anômalo,antinatural."Homem é homem e Mulher é mulher." Anatomia.

    15. Andre Luis Santos isto são conceitos da religiões abraamicas, no espiritismo, budismo, hindusmo, xintoismo, e todas outras religiões do mundo não são…
      tente olhar um homem com tesão, se conseguir, vc é bissexual..
      um homossexual, tipo clodovil, leão lobo, não tem tesão olhando mulher.
      paz

    16. a maioria do mundo não segue religiões abraamicas… é não e pecado para eles

    17. antinatural??? mais de 400 especies no mundo tem comportamento homossexual, golfinhos, papagaios, cachorros, macacos,etc.. até leões, rsrsr

    18. Paulo Agnóstico : SL.119:99,100,102: Sou mais sábio que todos os meus mestres, porque medito teus testemunhos.. Entendo mais que os anciãos, porque observo teus preceitos.Não me afasto de tuas normas, porque és tu que me instruis. SL.119:99,100,102. Paz e Graça

    19. Andre Luis Santos isto são tudo lendas, de um livro feito para os hebreus…a maior parte do que esta escrito ali, nunca existiu, lendas de um povo atrasado.
      O MUNDO TEM 7 BILHÕES DE PESSOAS, DESTAS APENAS 2 BI, são cristãos. amaioria destes não prática o escrito… mesmo os evangelicos aqui no brasil são genéricos, descumprem várias passagens da biblia, fazem sexo antes do casamento, casam com divorciados não adulteros, tem mulheres pastoras, etc.
      AGORA FICA COM SEU LIVRO LENDÁRIO, ELE NÃO ME FAZ FALTA.
      VERDADES???
      olha isto, o que a biblia fala, e o que arqueologos e historiadores acharam…

      VERDADES???
      olha isto, o que a biblia fala, e o que arqueologos e historiadores acharam…

      A libertação do Egito
      O que diz a Bíblia – No Êxodo, Deus escolhe Moisés como libertador do povo hebreu, envia as Dez Pragas e divide as águas do Mar Vermelho. No Monte Sinai, já a caminho da Terra Prometida, Moisés recebe as tábuas dos Dez Mandamentos.
      O que diz a Arqueologia – Não há qualquer registro da existência de Moisés ou dos fatos descritos no Êxodo. Aliás, boa parte dos reinos e locais citados na sua jornada também não existiam no século XIII a.C. e só surgiriam 500 anos depois. A escolha do lugar que passou a ser conhecido como Monte Sinai ocorreu entre os séculos IV e VI d.C. por monges bizantinos.

      O Dilúvio universal
      O que diz a Bíblia – Segundo o Gênesis, um grande dilúvio destruiu a Terra. Noé e sua família, avisados, construíram uma arca para salvar um casal de cada espécie animal.
      O que diz a Arqueologia – Ruínas achadas no Mar Negro, próximo da Turquia, mostram que houve uma enchente catastrófica por volta de 5600 a.C. O nível do Mar Mediterrâneo subiu e irrompeu pelo Estreito de Bósforo, inundando a planície onde hoje está localizado o Mar Negro. Na época, a região era uma planície de terras férteis, com um lago. Sobreviventes dessa catástrofe migraram para a Mesopotâmia. Assim teria surgido a história do dilúvio no texto sumério de Gilgamesh. Os hebreus conheceram a história quando estiveram cativos na Babilônia.

      A conquista de Canaã
      O que diz a Bíblia – Depois da libertação do Egito, Moisés conduziu os hebreus até a entrada da Terra Prometida. Ali, os israelitas enfrentam os nativos canaanitas com uma ajuda divina: ao toque de suas trombetas, as muralhas de Jericó desabam miraculosamente.
      O que diz a Arqueologia – Jericó nem tinha muralhas nesse período. Na verdade, a tomada de Canaã pelos hebreus acontece de forma gradual, quando as tribos hebraicas trocam o pastoreio pela agricultura dos vales férteis. A história da conquista foi escrita durante o século VII d.C., mais de 500 anos depois da chegada dos hebreus aos vales cananeus.

      A saga do rei David
      O que diz a Bíblia – Após derrotar Golias, David firma-se como rei dos hebreus, submetendo primeiro a tribo de Judá e, posteriormente, todas as 11 tribos israelitas.
      O que diz a Arqueologia – Em 1993 foi encontrada uma pedra de basalto datada do século IX a.C. com escritos que mencionam a existência de um rei hebreu chamado David. Mas não há qualquer evidência das conquistas de David narradas na Bíblia. David pode ter sido o líder de um grupo de rebeldes vindos de camadas pobres dos cananeus que, nessa época, atacava as cidades do sul da Palestina.

      A guerra assíria
      O que diz a Bíblia – Por volta de 700 a.C., o rei Ezequias, de Judá, revolta-se contra os assírios. Judá é atacada e a cidade de Lachish é completamente destruída.
      O que diz a Arqueologia – Os fatos são narrados com precisão histórica. Achados arqueológicos permitiram reconstruir o cenário da batalha descrita na Bíblia. Além disso, a destruição de Lachish pelos assírios foi expressa num relevo em Nínive, a capital assíria, e as imagens batem com a narrativa bíblica.

      Império de Salomão
      O que diz a Bíblia – Salomão sucedeu a seu pai, David, fez alianças com reinos vizinhos e construiu o Templo de Jerusalém. Em seu reinado, os israelitas alcançaram opulência e poder. Salomão construiu palácios e fortalezas em Jerusalém, Megiddo, Hazon e Gezer.
      O que diz a Arqueologia – Não há sinal de arquitetura monumental em Jerusalém ou em qualquer das outras cidades citadas. Tudo leva a crer que Salomão, como David, eram apenas pequenos líderes tribais de Judá, um Estado pobre e politicamente inexpressivo.

      A vida ao redor do templo
      A Jerusalém que Jesus conheceu estava em seu auge de poder e beleza. Conquistada pelos romanos, em 63 a.C, a cidade passou por uma completa reformulação, que incluiu a construção de arenas, hipódromo, palácios e, principalmente, o impressionante templo erguido por Herodes Antibas, que Jesus visitou quando criança e poucos dias antes da sua morte. Dessa obra gigantesca restam, hoje, apenas um muro, que os judeus modernos chamam de Muro das Lamentações. Jesus foi muito provavelmente crucificado no Monte Calvário, como narra a Bíblia. Mas o percurso conhecido hoje como Via Crúcis não tem nada de histórico: foi inventado no século XIII pelos cavaleiros cruzados.

      Pescador de homens
      O que diz a Bíblia – Depois de ser batizado por João Batista e sofrer as tentações no deserto, Jesus foi para a Galiléia, onde recrutou seus primeiros discípulos entre os pescadores do lago Tiberíades. Escolheu viver com seus seguidores em Cafarnaum, uma pequena vila de pescadores.
      O que diz a Arqueologia – Cafarnaum existiu e era um povoado com cerca de 1 500 moradores na época em que Jesus viveu. Escavações encontraram os restos de uma casa que pode ter sido de um dos discípulos, provavelmente de Simão Pedro, o primeiro a ser recrutado por Jesus.

      Fora que a biblia foi uma tradição oral, por 3000 anos…passava de boca em boca. lembra aquela brincadeira infantil "telefone sem fio"??? vc acha confiavel?? o que o texto acima mostra que não. os hebreus eram atrasados perto de outros povos, HINDUS, CHINESES, EGIPICIOS, SUMÉRIOS, ETC… ainda viviam em tenda, quando estes povos já tinnham grandes cidades, cultura, religião propria etc…..estes povos já tinham escrita, os judeus demoraram a ter escrita… alguns textos do AT, foram escritos por volta do ano 1000ac… mas a maior parte só foi escrita por volta de 500/600ac

      PAZ

    20. Filipe Gioielli rsrsrs !! temos que enxugar gelo!! já tenho os textos prontos e copio , senão meus dedos quebram ..
      paz

    21. Filipe Gioielli acho tão engraçado quando eles não tem resposta… a gente sem religião, se aprofunda mais que eles… eles só decoram as passagens que os pastores falam e deixam eles lerem.

    22. Filipe Gioielli Pior que isto, é guando eles viram "cão de guarda" dos seus pastores..viram "papagaios", repetem até as frases, rsrsr

  4. Onirio disse:

    Jesus não é nem será homofóbico, nem Paulo.. não é contra o homicida, o ladrão, o agnóstico, o ateu, o mentiroso…, tanto Jesus como Paulo são sempre contra o pecado: a homosexualidade, o robo, a incredulidade, a mentira. Em outras palavras, não contra a pessõa, contra a acão. O desejo de nosso Salvador e que todos sejam salvos, e deu a sua vida por isso, derramou seu sangre por isso, sufriu, na cruz por isso.
    Em Matheus 19, Jesus ensina sobre o divorcio, e diz que desde a criacão homem e mulher são uma carne quando casados, e ninguem deve separar, o que deus juntou; ao mencionar ao eunuco diferencia 3 grupos: aqueles que voluntariamente não casam e se abstem do sexo; o segundo grupo de aqueles que históricamente foram castrados e consequentemente não poderiam ter relações, e por ultimo o grupo que voluntariamente renuncia ao casamento, ao sexo por amor a Deus e a seu reino.

  5. Jesus não era homofobico nem heterofobico, Jesus é salvador!

  6. É interessante Notar que :Alguns estudiosos da língua argumentam que o termo aponta de forma errónea para um motivo específico, fobia (medo irracional), tendo sido o seu sentido modificado para se referir a discriminação da homossexualidade, o que pode não ser o caso."medo irracional"O termo homofobia fica sem lógica ao meu ver, pois somos racionais, e criticar comportamento não é irracional.

    1. Kadaj Elric disse:

      Quando você é ignorante o bastante a tentar tirar a felicidade de alguem q só qr viver bem com a pessoa q ama, sim isso te torna iracional, um pedaço de bosta pra mim… Homofobico é tudo burro

    2. Wellington Fernando O amor de Deus é superior a qualquer forma de amor que não é aceito por ele. Se você não acredita nisso, no que Ele inspirou seus servos a escrever, esta acreditando no Deus errado.

    3. Wellington Fernando tenho pena de voce… só de olhar pra essa foto sua… sinto uma pesada compaixão por um ser desprovido de argumentos e e tambem sangue… voce esta bastante anémico garoto… vamos tomar um sol ai e parar de falar bobagens de assuntos que voce não tem base sólida de conhecimentos… vai em uma igreja amado e pede pra algum pastor orar pro voce…. voce parece abatido… se precisa de um renovo… Deus ama os homossexuais mas abomina as suas práticas… ok!

  7. maly disse:

    Afetos doces PL 122 aprovem já.
    O afeto é um oásis contra o deserto de violência em que vivemos. É uma massagem contra as doenças e um fortalecimento do sistema imunológico do corpo.
    Homossexuais que se amam, se beijam é o amor ,e o amor é o que há de melhor nesta vida e se falamos tanto que queremos segurança e que somos contra violência por que tanta oposição quando dois homens ou duas mulheres se acariciam? Não é melhor se amar do que se matar? E por que muitas religiões e outros conservadores insistem em encarar os gays como demoníacos ou desviantes? Realmente conservadores religiosos, políticos banais de esquerda ou direita, pobres ou ricos não sabem o que dizem? Apenas blefam em favor do fascismo crescente no mundo. E depois choram pela morte de seus pares, mas estão sempre dispostos a perseguir homossexuais veladamente ou explicitamente? chorar pela violência contra si e incentivar violência contra outros é um paradoxo o simplesmente uma paranóia delirante daqueles que vivem uma postura irreal e fútil contra humanos. O amor é o fio condutor da vida para que terminemos em afagos doces e não no fel fascistóide?

  8. Jessica Wilhelm disse:

    Ué não entendi, ele tá certo! Não fez chacota, nem blasfemou, não entendi o porque foi proibido.

  9. Jesus é amor…Os Evangélicos de Hoje são o ÓDIO e acham que vão ganhar alguma coisa com isso! Bando de jogadores de almas, Quando Jesus Voltar vou ter orgulho de ver todos eles sendo julgados como devem, adoram julgar e quando alguém é contra eles viram os Revoltados! Odeio Crentinhos que acham que são donos da VERDADE e não sabe interpretar se quer um Texto Bíblico! AiAi!

    1. CARA QUE TANTA GENTE COM FALTA DE CONHECIMENTO…. GENTE QUE QUER FALAR DE JESUS… QUE ELE É AMOR…. MAS NA VERDADE SÃO PESSOAS QUE DEFENDEM SEUS INTERESSES…. QUEREM DEFENDER SUA ATITUDES VERGONHOSAS E ERRADAS…. ESSAS PESSOA QUE CRITICAM O EVANGELHO QUERTEM ADAPTAR A BIBLIA PRA COMETER TODO O TIPO DE PECADO E DIZER QUE ESTA NO CAMINHO CERTO…. VOU DIZER UMA COISA…. A BIBLIA DIZ QUE AQUELE QUE O AMA GUARDA OS SEUS MANDAMENTOS E OBEDECEM A DEUS…. NAO ADINTA VOCES FALAREM QUE AMAM E CONHECEM A DEUS E NÃO O OBEDECEM…. ESSE TIPO DE PESSOA SÃO HIPÓCRITAS…. SE VOCE SE DIZ CRENTE E NÃO OBEDECE A DEUS… VOCE É UM HIPÓCRITA…. ISSO SIM…. SE VOCE NAO CONFESSOU JESUS COMO SEU SENHOR E SALVADOR EU POSSO TE AFIRMAR COM TODA CERTEZA…. QUE VOCE NÃO ESTA SALVO… SÓ ATRAVAAZ DE JESUS SE PODE TER A SALVAÇÃO….

    2. MAS RESUMINDO…. DEUS CRIOU MACHO E FEMEA…. HOMEM E MULHER ELE CRIOU….. O QUE PASSAR DAI É DO MALIGUINO…..!!!!!

    3. E EU TENHO O DIREITO DE NÃO CONCORDAR COM A PRATICA…… QUEM QUISER SER HOMOSSEXUAL QUE SEJA.. MAS NAO VENHA AQUI COLOCAR JESUS NA HISTÓRIA NAO…. QUE POUCA VERGONHA…. JESUS AMA O PECADOR MAS CONDENA O PECADO….

    4. DEIXARÁ O HOMEM SEU PAI E SUA MÃE E SE UNIRSE – A A SUA MULHER…. FOI ISSO QUE JESUS FALOU… HOMEM E MULHER… NÃO VENHA DISTORCER A BIBLIA CONFORME SEUS INTERES E VONTADES NÃO…. E PAULO FALOU ISNPIRADO PELO ESPÍRITO SANTO…. DEUS FALOU ATRAVÉS DE PAULO….

    5. E É VOCES QUE NÃO SABEM INTERPRETAR A BÍBLIA…. VOCES NEM LÊEM A BIBLIA E VEM FALAR DE SABER INTERPRETAR O VICTÓRIA… AI AI DIGO EU!!!

  10. Verdade, Jesus não é homofobico. Mas o Senhor também não compactuava com o pecado. Jesus amava os homossexuais, não o homossexualismo!

  11. João Paulo disse:

    Deus abomina o pecado, e não o pecador. De certo modo, a frase da blusa está certa. Já a intenção que o aluno teve ao usá-la, segundo a Bíblia na qual eu acredito, é que está errada. Mas está erradíssimo também a parte do diretor de ameaçar expulsá-lo da escola por isso. Tá osso viu. Queremos pregar o evangelho mas as nossas atitudes só afastam as outras pessoas dele.

  12. Concordo plenamente com o que diz essa camiseta, JESUS NÃO ERA HOMOFÓBICO, o Jesus que eu conheço não faz acepção de pessoas, não rejeita pelo que é, mas não concorda com as coisas erradas, homofobia é agredir, discriminar, intolerar, contudo, não aceitar determinada situações e expor suas opiniões não torna ninguém homofóbico, Jesus disse-lhes " vem como estais, mas não permaneça", Jesus não apoiava o adultério, mas não recriminou àquela mulher adúltera.

    1. nuca ví esse versículo…onde está?

  13. Tenho que dar o braço a torcer: não tem nada de errado na camiseta, senão a ambiguidade do termo homofóbico, pois na boca de defensores da homossexualidade críticos da homossexualidade (e Jesus demonstrou ser defensor do casamento hetero e monogamico, e somente desses) são homofobicos

  14. Se a sociedade , permitir, daqui a pouco os gays vão fazer propaganda dentro da nossa casa, e não vamos poder falar nada. parabéns para escola[2] E se não concordar vamos ser chamados de homofóbico

    1. cuidado jesiel isso e homofobia

  15. Marisa Campos disse:

    deixem os homossexuais em paz isso ja esta se tornando uma guerra santa sem precedentes, se é que existe alguma guerra santa.

  16. Não se esquece também Deus ama pecador e também abomina o pecado

  17. Adrielly disse:

    A atitude do garoto, á meu ver não foi errada.. É uma camisa, como tantas outras existentes por ai. A mensagem trazida por ela (A camisa), é uma opinião e como se estava em um país livre a mesma deveria ser respeitada. E a escola, lugar onde como disse ele, deveríamos nos sentir sentir seguros, agiu de forma indevida.. Essa não seria a melhor forma da escola agir..
    A proporção tomada foi de fato não agradável à ambas as partes, no entanto mediante a forma como tudo foi tratado, À meu ver não teria outra forma de resolver-se.
    Não acho que essa seria uma matéria pra ser levada pra fins bíblicos, mas ainda que levamo-nos a tal, Deus realmente abomina o pecado, mas ama o pecador.. Eu vejo que o garoto apenas expressou a opinião dele, e como disse, a mesma deveria ser respeita.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *