Em lágrimas, Obama parafraseia Jesus ao justificar medidas mais severas para vendas de armas

11

Ao longo dos últimos sete anos, o presidente Barack Obama tem tentado restringir a venda de armas de fogo nos Estados Unidos, de forma a garantir que pessoas com histórico criminal ou de problemas psicológicos, tenham o acesso restrito.

Na última terça-feira, 05 de janeiro, Obama parafraseou Jesus em seu discurso de anúncio de medidas complementares à atual legislação, quando lembrou o caso de uma vítima de um tiroteio deliberado no estado do Tennessee em dezembro.

Referindo-se a Zaevion Dobson, de apenas 15 anos, que tomou a frente de um grupo de meninas para evitar que elas fossem alvejadas, Obama disse: “Ele deu sua vida para salvar a delas, um ato de heroísmo muito maior do que qualquer coisa que poderíamos esperar de um adolescente de 15 anos. ‘Ninguém tem maior amor do que este, de dar a alguém a sua vida pelos seus amigos’”, afirmou o presidente, referindo-se à fala de Jesus narrada no Evangelho de João, capítulo 15, versículo 13.

O caso que levou Obama a chorar em frente às câmeras foi o da escola primária Sandy Hook, em Newtown, no estado de Connecticut, quando em 14 de dezembro de 2012, 20 crianças e seis adultos perderam a vida num atentado perpetrado por Adam Lanza, 20 anos, de acordo com o Christian Post.

“Toda vez que eu penso naquelas crianças, eu fico revoltado. Isso mudou algo em mim, naquele dia. Minha esperança tem sido, seriamente, a de mudar o país”, disse o presidente, em lágrimas.

A iniciativa de Obama em aumentar as verificações dos antecedentes de quem quer comprar armas de fogo pela internet ou em feiras de armas – que eram feitas com maior flexibilidade -, é, na verdade, uma aplicação mais rigorosa da atual legislação em vigor, de acordo com informações do Jornal Nacional.

11 COMENTÁRIOS

  1. HOH!

    OS IRMAOS TERRORISTAS DESSE PESTE INFLUENCIAM TAIS BARBARIES NO MUNDO A FORA E ELE PODENDO NAO RESOLVE, E QUER MUDAR O EUA?

    ta vendo muita liga da justica!

    CINISMO NOTAVEL!

    • Hildo,

      Rapaz, quer dizer que os EUA são mobilizadores de barbáries no mundo?

      Pensei que fossem apenas os xerifões?

      Poderia ser mais explícito, meu cara.

      É que aqui quem faz essas barbáries, mas ninguém chora pelas vítimas são os bandidos.

      Aqui é contrário dos EUA, pois enquanto la se permite armar todo mundo, aqui, a ninguém. Só os bandidos que andam armados.

      Meu caro, olhe pra sua calda, pois longa e grossa para passar sem ser percebida.

      • BARAK OBAMA E MUCULMANO E NUNCA VAI MATAR SEUS IRMAOS NACIONAIS DE MESMA FE!

        OS ISIS ESTAO EM GRANDE PARTE DO MUNDO PESSOALMENTE E INVISIVELMENTE_INTERNET, TELF, CARTAS, CODIGOS, ETC!

        NAO LE OU VE JORMAIS, PERDENDO TENPO COM NOVELAS DA NISSO_MA INFORMACAO!

        E NAO SOU SEU PAI NEM SUA MAE PRA TER CALDA, QUEM VEIO DA LINHAGEM DIABAL FOI VC SEU BESTA!

        VA SE CONVERTER FALSO!

          • Segundo Bissonnette, os seals
            estavam irritados com as regras
            impostas pelo governo Obama –
            que implantou medidas para
            tentar coibir a violência militar no
            Iraque e no Afeganistão.
            “Quando trazíamos prisioneiros,
            tínhamos mais duas ou três
            horas de trabalho com a
            papelada. A primeira pergunta
            que faziam aos combatentes
            presos era: `Você sofreu abuso?
            ¿. Uma resposta afirmativa
            acarretava uma investigação e
            mais papéis.” A tropa de elite não
            tinha mais paciência para
            direitos humanos –
            principalmente os de Bin Laden.

    • Concordo com você, ele permite a pior forma de assassinato que pode existir nessa vida, que é o aborto, mata crianças no ventre da mãe, lá eles permitem o aborto até os 8 meses de gestação, pode uma coisa dessa? Covardia total, mas um dia o castigo deles chegará, pois nada ficará impune diante de Deus!

  2. Dissimulado, é a palavra certa para defini_lo, pois os EUA é o país que mais mata pessoas, se intromete nos países com a desculpa de que vai livrá_los dos terroristas, quando na verdade só está interessado em suas riquezas, usa drones para lançar bombas, a forma mais covarde de se matar um monte de pessoas, sendo a maioria delas civis.
    Ano passado, eles lançaram uma bomba em um hospital, matando médicos, pacientes, e entre os mortos tinham várias crianças, e a única coisa que eles fizeram foi pedir desculpas, ou seja, matam inocentes internados em um hospital e a única coisa que eles fazem é pedir desculpas?! Fala sério.

DEIXE UMA RESPOSTA