Brasil

Augustus Nicodemus critica distorção bíblica da teologia da prosperidade e afirma que “bênção vinda de Deus é graça e não direito”. Leia na íntegra

Comentários (20)
  1. LUCIANA disse:

    Nossa, engraçado, estou a 05anos na Universal e após ser dizimista e ofertante é que a minha vida melhorou, em todos os sentidos,não só material,mas espiritual, familiar e tudo o mais!!
    Chega de falsos profetas que em vez de buscarem almas que estão sendo presas do diabo lá fora, ficam tentando confundir a cabeça dos cristãos, óbvio que infelismente somos guiados aqui na terra, em primeiro lugar por homens, mas que vejamos os frutos que os mesmos produzem para nos basearmos nas práticas das obras de Deus em suas vidas!! ABRA A VISÃO!!

  2. Cesar S Silva disse:

    O CARA ESTUDA TEOLOGIA, E MAIS UM PUNHADO DE COISAS PRA DIZER UMA BESTEIRA DESSA.

    HORA ENTÃO AGORA ELE QUER MUDAR OS ENSINAMENTOS DE JESUS? POIS FOI JESUS QUEM DISSE : BUSCAI EM PREIMEIRO LUGAR O REINO DE DEUS E A SUA JUSTIÇA . á a definição de justiça é– JUSTIÇA E O ATO DE SE DAR A ALGUÉM AQUILO QUE LHE É DIREITO– logo JESUS NOS orientou a buscar os direitos que temos como cidadãos do reino de DEUS, JESUS morreu na justamente para que todos aquele que nele cresse tivese o direito a vida eterna, e não só a vida eterna mas a todas as promessas , da biblia.

    MAS ESPERAR O QUE ? DE ALGUEM QUE PREGA UMA PREDESTINAÇÃO INJUSTA.

  3. Kadu Ayres disse:

    Mto bom o artigo !

    1. Kadu Ayres disse:

      Vivia Maria Alves Mesquita Vivia Ninguém é obrigado a nada… nem mesmo acreditar em Deus ou na bíblia…. mas eu no meu direito de crer e descrer, escolhi sim crer !!!

    2. Cesar S Silva disse:

      E VERDADE E A PALAVRA DIZ: SE QUISERDES E ME OUVIRDES COMEREIS O MELHOR DESSA TERRA, MAS SE RECUSAREM E FORES REBELDES SEREIS DEVORADOS PELA ESPADA.
      por isso tem muitos por ai que tem sido devorados pela espada da miseria, pois tem recusado as bençaos de DEUS.

    3. Kadu Ayres disse:

      Cesar S Silva A escolha é de cada um… e a escolha não deve ser baseada no medo de ser devorado pela espada, ou na chantagem de comer o melhor da terra, isso foi dito a Israel quando saiu do Egito… por que ainda que eu não coma o melhor desta terra e pereça eu escolho crer em Cristo…. prefiro ficar com Cristo que disse para toda humanidade: só vem a mim e ouve a minha voz aquele a quem o Pai me deu, e quem o Pai me deu de maneira nenhuma o lançarei fora !!!

  4. ESTA TEOLOGIA MEDIOCRE INSANA, FOI O PIOR VIRUS QUE VEIO DOS EUA PARA ESTA NAÇÃO LEVADA DE CABO A RABO PELOS MEDIOCRES PROFETADORES MERCENARIOS DO EVANGELHO DE JESUS CRISTO!

    1. Cesar S Silva disse:

      se vc e contra a prosperidade então vira mendigo e vai pra debaixo da ponte hipocrita.

  5. Concordo com tudo que foi dito! Acho super imbecil um engravatado metido a crente no altar dizendo que Deus tem que fazer isso, determine a Ele o que vc quer pq vc ofertou… Cristianismo Puro e Bíblico: essa é a minha justiça!

  6. O Silas Malafaia concorda com essa teologia de maluco, coitado!

    1. o silas é mais um na lista meu amigo

  7. Deusilan de Sousa disse:

    A melhor teologia é a que Jesus pregou.Poucos a querem.

    1. Cesar S Silva disse:

      E VERDADE JESUS DISSE QUE AQUELE QUE DEIXASSE CASA, CAMPOS BENS ,FAMILIAS, ETC POR AMOR DELE E DO EVANGELHO TERIA 100 VEZES MAIS AQUI E NO POR VIR A VIDA ETERNA.
      SERIA ISSO TEOLOGIA DA PROSPERIDADE?

  8. Cuidado com quem você chama de "falso mestre". Pode ter que prestar contas disso a Deus.

  9. não há nada de errado com a teologia do Reverendo Augustus Nicodemos. O que pode estar acontecendo é uma deturpada interpretação do que se houve.

  10. Léo disse:

    Que pena que tua VISÃO ainda continua fechada, esse povo dessa igreja do Edir MALANDRÃO, só vê o que eles querem vê…

  11. Edson Souza disse:

    Teologia da prosperidade é um cancer no meio Cristão.

    Lideres se tornando mais,e mais ricos e os pobres fieis esperando que se cumpram as promessas da prosperidade.
    Quer ver aqui algum que apoiam a teologia da prosperidade se conquistaram mansão com piscina de 10 milhões, carros importados e do ano, comer nos melhores restaurantes, jatinho,fazendas. ISSO SIM É UMA VERDADEIRA PROSPERIDADE FINANCEIRA, o resto é MIGALHAS. Ainda tem gente que diz que a vida dela melhorou depois que deu dizimos e oferta.

    Coitada não sabe pra onde vai seu suado dinheiro. Vai pra pagar salarios de r$20 a R$50 mil reais para esses pastores gulosos.Trabalhar no evangelho de graça ninguém quer né?

    BANDO DE MERCENÁRIOS DA FÉ!

  12. a disse:

    Vivemo-nos de fase ou moda, o mundo circular controla isso, o meio religioso não fica fora, e no protestantismo, que iniciou com Lutero já não é tão integro como no princípio, depois da moda (como pecado) dos cabelos (cortar), calças (mulher), bicicletas, maquiagem, chapéus, camisas manga longas, paletós, movimentos cai cai e tantos outros, agora temos mais essa agora: Teologia da Prosperidade.

    Pronto largou a Bíblia de novo!!. Homens que “tem a mesma autoridade” da Bíblia trazem novos ensinamentos que ao longo de dois mil anos não viram ou pelo menos na era Protestante (+ -) 500 anos, não perceberam.

    Toda a Bíblia é uma Escola, um retrato da vontade de Deus que nos passa abertamente a qualquer um que abre lê e crê. Passagens confortantes para mim, onde diz: Crê no Senhor e tudo mais lhe será acrescentado; não preocupeis em acumular tesouro aqui na terra, mas no céu; Trazei todos os dízimos à casa do tesouro….se Eu não vos abrir as janelas do céu, e não derramar sobre vós tal bênção, que dela vos advenha a maior abastança, e tantas outras onde demonstra que Ele é a nossa prosperidade.

    Háá amados, prosperidade é ter Alimento, casa, família, trabalho, saúde.

    Na falta de um desses itens, não é prosperidade, 1) Precisamos de ALIMENTOS para viver, Jesus disse que somos mais importante para ele do que os pássaros que não trabalha, Ele cuida de nos. 2) CASA é proteção, aconchego, abrigo, segurança, se temos dê Gloria a Deus, se não, ore busque em Deus, penso que somos mais importante que um pássaro João de Barro ele tem casa, Ele é o nosso teto. 3) FAMÍLIA é a melhor prova de amor que Deus tem para conosco, ele quer que não vivamos só, Deus não quis viver em solidão, ele criou uma celeste criação de anjos, querubins, Serafins e homens para viver com ele, se temos família dê Gloria a Deus, se não tem Ele é sua mãe, irmão, irmã e Pai, Ele é a nossa família. 4) TRABALHO é dignidade, prosperidade, alegria, satisfação, hombridade, é a porta que Deus nos Prospera dignamente, se não tem! Clame a Ele, Ele é a nossa prosperidade, herança, como os levitas que não herdou terra no meio de seus irmãos, no entanto, comia o melhor da terra e de seus irmãos que era devido a Deus. Ore humildemente mostre para ele o seu celeiro, demonstre que ele é o seu provedor, Ele é a nossa força. 5) SAÚDE é vida, prazer, satisfação, força para tudo, coração para tudo, animo para tudo, se tem dê Gloria a Deus, se não, Ele conhece o seu sofrimento, ele viu o sofrimento de um homem que ficava ao lado de um tanque a 38 anos, não foi o homem que pediu cura, mas foi ele que perguntou: queres ser curado? Ore a ele, busque um homem de Deus, receba unção e oração, se não quer unção seja como crer a sua fé, mas ore, ele te ama, ele chora com você, Jesus é tão humano como você e eu, com a diferença que somente ele é Deus, Ele curou muitas vidas, curou sim, veja nos Evangelhos. Ele é o Deus que nos Sara.

    Vejo na minha pequenez, que isto é prosperidade. Sou dependente D’ele, minha herança esta em suas mãos e aos poucos vai suprindo as minhas necessidades.

    Davi mais experiente do que eu, certa vez clamou “já fui moço, hoje sou velho, mas nunca vi um justo desamparado e sua descendência mendigar o pão”. Amém

  13. marco disse:

    nao entemdia colocaçao das testemunhas de jeova com suas classicas heresias. sera por que nao acreditamos na heretica doutrina da trindade ?

  14. marco disse:

    nao entemdi o comentario sobre a s testemunhas de jeova sera por que nao acreditamos na heretica doutrina da trindade?

  15. Willian disse:

    O que se prega hoje em grande parte das igrejas “evangélicas” é o evangelho para da prosperidade, a enfase maior é o que podemos ganhar se formos fiéis a Deus, campanha para isto, campanha para aquilo, campanha vai , campanha vem, contribuições financeiras , ofertas, etc… assim Deus é obrigado a nos prosperar, pois fizemos nossas contribuições conforme fomos “orientados ou quase obrigados”, agora Deus é “ordenado” a nos abençoar. QUEM SOMOS NÓS PARA EXIGIR ALGO DE DEUS, SOMENTE A SUA GRAÇA NOS BASTA. Que Deus tenha misericórdia dessa corja de falsos mestres , que usam as SAGRADAS ESCRITURAS, para se beneficiarem, e adquirirem verdadeiros impérios mundanos, usando artíficios que satanás também usa. Como se explica uma determindada rede/ emissora de TV , adquirida com recursos de fiéis com o propósito de se pregar a Palavra de Deus, ter em sua grade novelas com vocabulários chulos, pornografias, sexualidade, traição, propagandas de cigarros, cervejas, reality show com cenas inescrupulosas e participantes que nunca foram exemplos a serem seguidos. Depois ainda se comentam é pelos frutos que se conhece a árvore. Irmãos orem a Deus para que o Espirto Santo lhes mostrem e abram os seus olhos espirituais. GRAÇA E PAZ, que Deus abençoe a todos que tiveram a paciencia de ler até o fim, desculpem-me pelo desabafo.

  16. ItaloNR disse:

    Acho que em vez de discutir a opinião dele sobre os Mórmons ou as testemunhas de Jeová, deveríamos ler as escrituras e orar para perguntar a Deus o que é certo. se vocês tiverem FÉ o bastante Deus te responderá. A opinião dele, é dele, como todos temos a nossa.

    Um abração e tenham fé.

  17. cesar disse:

    e verdade luciana vc disse tudo. continuemos nessa fé.

  18. Clark disse:

    As pessoas prosperam porque trabalham e porque Deus é misericordioso também pois nem todos os que trabalham ficarão ricos. Agora Alegar que ficou rico por causa de dízimo? Pelo amor de Deus. Esse deuzinho que se quebranta com dinheiro está sob juizo pois é o diabo. Esse deus com visão pagã de troca e barganha não existe pois Deus só um que pode ser chamado e esse é aquele que é.

    Luciana se você ainda acha que pagou para esse deus para ser abençoada sugiro que leia a bíblia e em especial o novo testamento pois toda essas teologias diabólicas e estelionatárias cairão por terra pois eu digo com convicção pois já servi esse tipo de engano.

    E hoje eu sirvo a graça pois Deus não precisa me dar nada pois já me deu o seu amor e esse amor veio pela graça e onde existe graça não há espaço para barganha. Eu não serei abençoado… eu SOU ABENÇOADO pois sirvo a esse Deus cada dia mais me mostra a exelencia do seu amor na medida em que vivo.

  19. Romulo dias disse:

    OLHA ESTAO QUERENDO FAZER DA TERRA O CEU,NAO SE ENGANEM O MUNDO JAS NO MALIGINO.TODOS NOS TEREMOS TRIBULACAO NA VIDA EX;MORTE,DESEMPREGO,PERCA DE UM AMOR E,TRISTEZA.DEUS E A UNICA ESPERANCA,QUANDO MOREMOS NAO LEVAMOS NADA,NEM O CORPO QUE ABITAMOS AQUI NA TERRA NOS LEVAREMOS.MAIS AS NOSSAS OBRAS SIM ELAS IRAM CONOSCO.NENHUMA CONDENACAO A PARA AQUELES QUE ESTAO EM CRISTO JESUS. A PAZ DO SENHOR.

  20. gosto de ouvi bons com mentário como esse dentro da palavra, valeu pastor,

  21. Nicolas disse:

    Que coisa não?!
    .
    Por que estamos discutindo assunto tão óbvio!!
    ..
    Digo que o assunto é óbvio porque nos perdemos em nossas conjecturas, um dos maus deste século é que todos são chamados a opinar, mas somos neófitos, e como opinar? Por que vocês não saem também opinando sobre medicina e direito? Porque as respostas serão ridículas certamente!!
    .
    Há muitos caminhos hoje em dia sendo oferecidos, e digo que temos o mapa, apenas não queremos enxergar porque é trabalhoso. Queremos hoje o que é light e fácil. Mas digo que nosso mapa são os santos que viveram antes de nós, temos o Senhor, Paulo, os demais apóstolos, temos também os santos que a igreja católica reconheceu como tal. Bem, temos muitos exemplos a serem seguidos. Mas nenhum santo agiu como mujitos pastores atuais agem, tomando dinheiro do povo e buscando fama de bom pregador, ao contrário, um verdadeiro santo sabe o valor do arrependimento e do ostracismo, de uma vida casta e quieta, com boas obras e fé genuína, um verdadeiro santo não precisa fazer barulho pra chamar atenção, sua postura de vida já grita nos corações alheios, tomemos cuidado para não servir a mamom e não desejarmos em demasia as coisas desse mundo, pois que o nosso Senhor orou pelos crentes, mas não orou por este mundo!!

  22. Lúcia disse:

    Conclusao: a teologia da prosperidade esta 50% ou mais que errada, e como na escola quem tira nota 5 para baixo, ela esta reprovada e deveria de ser banida por estes pregadores que so enriquecem e suas ovelhas enganadas so empobrecem. Vao ler as escrituras gente preguiçosa, para mim isto sempre esteve tao claro, nunca precisei de Macedo, Valdomiro e agora ate o Silas nesssa, para me convencer do contrario. Isto que o pr Nicodemus nos mostrou foi sempre o que apreendi pela leitura simples do evangelho e ate mesmo o velho testamento com sua sabedoria e conhecimento me mostrou, o Espirito Santo nos revela, nos mostra a verdade, ninguem precisa ficar no engano por conta de gente que esta ai para explorar a fe alheia. 1+1=2 / 2+2=4, simples assim, hahahahaha

  23. A religião verdadeira é Testemunha de Jeová, porque tem amor entre si, profundo respeito pela Palavra de Deus, santifica o nome de Deus, prega o reino de Deus, não faz parte do mundo e não cobra dízimos, não faz coletas nem assalaria seus ministros religiosos.

  24. JSB disse:

    A para…Somos falhos pecadores servomos a um Deus santissimo não temos DIREITO nem de estarmos vivo perante a santidade de Deus e pela sua GRAÇA que aqui estamos, estamos aqui em sua presença porque ELE nos amou incondicionalmente, quer dizer então se eu dar o dizimos, ajudar na obra etc. e quando eu pedi alguma coisa a Deus e ele não me der ELE esta errado porque ele tem que me dar porque é o meu DiREITO?! Pois Deus dando ou não dando fazendo ou não fazendo ele continua sendo Deus…não recebos as coisas de Deus porque é meu direito mais sim porque uso de sua graça e misericordia…Deus..como diz em sua palavra em jão 3:30 É necessário que o SENHOR greça e EU diminua…..Deus nos exalta porque nos ama.

  25. Toninho disse:

    Riquezas que Deus dá
    SE VOCÊ é fiel a Deus, será que ele o abençoará com riquezas? Talvez, mas provavelmente não com o tipo de riquezas que você imagina. Veja o caso de Maria, mãe de Jesus. O anjo Gabriel apareceu e disse que ela era “altamente favorecida” por Deus e que daria à luz o Filho de Deus. (Lucas 1:28, 30-32) No entanto, ela era pobre. Quando Maria ofereceu um sacrifício após o nascimento de Jesus, apresentou “um par de rolas ou dois pombos novos”, que normalmente era a oferta que as pessoas pobres davam a Jeová. — Lucas 2:24; Levítico 12:8.
    Será que o fato de Maria ser pobre indicava que não tinha a bênção de Deus? Pelo contrário, quando foi visitar Elisabete, sua parente, “Elisabete ficou cheia de espírito santo, e exclamou com um alto grito e disse: ‘Abençoada és tu [Maria] entre as mulheres e abençoado é o fruto de tua madre!’” (Lucas 1:41, 42) Maria teve o privilégio de se tornar a mãe do amado Filho de Deus.
    O próprio Jesus não era rico. Ele nasceu e cresceu num lar humilde e foi pobre durante toda a sua vida na Terra. Em certa ocasião, Jesus disse o seguinte a um homem que queria ser seu discípulo: “As raposas têm covis e as aves do céu têm poleiros, mas o Filho do homem não tem onde deitar a cabeça.” (Lucas 9:57, 58) Ainda assim, o que Jesus Cristo fez ao vir à Terra tornou possível que seus discípulos recebessem grandes riquezas. O apóstolo Paulo escreveu: “Tornou-se pobre por vossa causa, para que vos tornásseis ricos por intermédio de sua pobreza.” (2 Coríntios 8:9) Que tipo de riquezas Jesus deu a seus discípulos no passado? E o que dizer de nossos dias?
    Que tipo de riquezas?
    Muitas vezes, a riqueza material é um obstáculo à fé, pois as pessoas ricas tendem a confiar mais no dinheiro do que em Deus. Jesus disse: “Quão difícil será para os de dinheiro entrar no reino de Deus!” (Marcos 10:23) Assim, fica claro que as riquezas que Jesus ofereceu a seus seguidores não eram materiais.
    De fato, os cristãos do primeiro século, na sua maioria, eram de poucos recursos. Quando um homem coxo de nascença pediu dinheiro a Pedro, ele respondeu: “Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho é o que te dou: Em nome de Jesus Cristo, o nazareno, anda!” — Atos 3:6.
    As palavras do discípulo Tiago também indicam que a congregação cristã era composta basicamente de pessoas pobres. Ele escreveu: “Escutai, meus amados irmãos. Não escolheu Deus os que são pobres com respeito ao mundo, para serem ricos na fé e herdeiros do reino, que ele prometeu aos que o amam?” (Tiago 2:5) Além disso, o apóstolo Paulo também disse que poucos “sábios em sentido carnal” ou “poderosos” ou “de nobre estirpe” haviam sido chamados para fazer parte da congregação cristã. — 1 Coríntios 1:26.
    Se as riquezas que Jesus deu a seus seguidores não eram materiais, então que tipo de riquezas eram? Numa carta que Jesus enviou à congregação em Esmirna, ele disse: “Conheço a tua tribulação e pobreza — mas tu és rico.” (Revelação [Apocalipse] 2:8, 9) Apesar de serem pobres, os cristãos em Esmirna possuíam riquezas muito mais valiosas do que prata e ouro. Eles eram ricos por causa de sua fé e integridade a Deus. A fé em si mesma é preciosa porque “não é propriedade de todos”. (2 Tessalonicenses 3:2) Na verdade, quem não tem fé é pobre aos olhos de Deus. — Revelação 3:17, 18.
    Riquezas resultantes da fé
    Mas de que maneiras a fé é valiosa? Os que têm fé em Deus se beneficiam das “riquezas de sua benignidade, e indulgência, e longanimidade”. (Romanos 2:4) Eles também recebem “o perdão de [suas] falhas” por causa da fé no sacrifício resgatador de Jesus. (Efésios 1:7) Além disso, obtêm a sabedoria que “a palavra do Cristo” dá aos que têm fé. (Colossenses 3:16) À medida que oram a Deus com fé, “a paz de Deus, que excede todo pensamento” guarda o seu coração e a sua mente, dando-lhes contentamento e felicidade. — Filipenses 4:7.
    Além de todos esses benefícios, aqueles que depositam fé em Deus por meio de seu Filho, Jesus Cristo, têm a perspectiva extraordinária de viver para sempre. As seguintes palavras de Jesus Cristo são bem conhecidas: “Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, a fim de que todo aquele que nele exercer fé não seja destruído, mas tenha vida eterna.” (João 3:16) Essa perspectiva maravilhosa fica mais forte à medida que a pessoa obtém conhecimento exato do Pai e do Filho, pois Jesus também disse: “Isto significa vida eterna, que absorvam conhecimento de ti, o único Deus verdadeiro, e daquele que enviaste, Jesus Cristo.” — João 17:3.
    Embora as bênçãos de Deus sejam basicamente espirituais, elas também resultam em benefícios emocionais e físicos. Veja por exemplo o caso de Dalídio, no Brasil. Antes de ter conhecimento exato do propósito de Deus, ele tinha problemas com a bebida. Isso teve um efeito destrutivo em seu relacionamento familiar. Sua situação financeira também era muito instável. Foi então que ele começou a estudar a Bíblia com as Testemunhas de Jeová e passou por uma impressionante transformação.
    O conhecimento que Dalídio obteve fez com que ele abandonasse seus vícios. Seu progresso espiritual foi muito grande. Ele disse: “Antes eu ia de bar em bar. Agora vou de casa em casa.” Dalídio havia se tornado pregador da Palavra de Deus por tempo integral. Essa mudança melhorou sua saúde e também sua situação financeira. Dalídio disse: “O dinheiro que eu gastava com bebida, agora uso para ajudar quem necessita ou para comprar coisas que eu preciso.” Ele também fez muitos e bons amigos por estar na companhia de pessoas que têm a mesma mentalidade espiritual. Antes de conhecer a Deus, Dalídio nunca imaginou que fosse possível sentir a paz mental e o contentamento que ele tem agora.
    Renato é outro exemplo de alguém que foi enriquecido depois de ter desenvolvido fé em Jeová Deus. Quem observa seu ar feliz e rosto sorridente hoje nem imagina que ele teria todos os motivos para achar que a vida foi muito injusta com ele. Quando era recém-nascido, foi abandonado por sua mãe numa sacola debaixo de um banco. Tinha arranhões, hematomas e seu cordão umbilical ainda não havia sido cortado. Duas mulheres que estavam passando viram a sacola debaixo do banco se mexendo. Elas pensaram que alguém tinha deixado um gatinho ali. Quando viram que era um bebê, levaram-no imediatamente a um hospital próximo.
    Uma das mulheres era Testemunha de Jeová e contou o que tinha acontecido com o bebê a outra Testemunha de Jeová, chamada Rita. Vários filhos de Rita haviam nascido mortos, e ela tinha apenas uma filha. Rita queria muito um menino, por isso decidiu adotar Renato.
    Quando Renato ainda era pequeno, Rita lhe contou que não era sua verdadeira mãe. Mas ela cuidou dele com amor e carinho, e procurou lhe ensinar valores espirituais. Renato cresceu e começou a se interessar pela Bíblia. Seu apreço pelo modo quase inacreditável como foi salvo também aumentou. Seus olhos se enchem de lágrimas sempre que lê as palavras do salmista Davi: “Caso meu próprio pai e minha própria mãe me abandonassem, o próprio Jeová me acolheria.” — Salmo 27:10.
    Como expressão de sua gratidão por tudo o que Jeová fez por ele, Renato se batizou em 2002 e, no ano seguinte, se tornou pregador cristão de tempo integral. Ele ainda não sabe quem são seus pais biológicos e talvez nunca venha a saber. No entanto, para Renato um dos presentes mais preciosos que já recebeu foi conhecer a Jeová e ter fé nele como seu Pai amoroso e protetor.
    Talvez você deseje muito ter um relacionamento achegado com Deus, o que realmente enriqueceria sua vida. A oportunidade para ter esse tipo de relacionamento com Jeová Deus e seu Filho, Jesus Cristo, está disponível a todos — ricos e pobres. Talvez não resulte em riqueza material, mas resultará em paz interior e satisfação que dinheiro nenhum no mundo pode comprar. Com certeza, as palavras de Provérbios 10:22 são verdadeiras: “A bênção de Jeová — esta é o que enriquece, e ele não lhe acrescenta dor alguma.”
    Jeová Deus está muito interessado nas pessoas que se achegam a ele: “Oh! se tão-somente prestasses realmente atenção aos meus mandamentos! A tua paz se tornaria então como um rio e a tua justiça como as ondas do mar.” (Isaías 48:18) E Jeová promete que todos os que se achegam a ele com a motivação e atitude corretas serão ricamente recompensados: “O resultado da humildade e do temor de Jeová é riquezas, e glória, e vida.” — Provérbios 22:4.

  26. Toninho disse:

    Riquezas que Deus dá
    SE VOCÊ é fiel a Deus, será que ele o abençoará com riquezas? Talvez, mas provavelmente não com o tipo de riquezas que você imagina. Veja o caso de Maria, mãe de Jesus. O anjo Gabriel apareceu e disse que ela era “altamente favorecida” por Deus e que daria à luz o Filho de Deus. (Lucas 1:28, 30-32) No entanto, ela era pobre. Quando Maria ofereceu um sacrifício após o nascimento de Jesus, apresentou “um par de rolas ou dois pombos novos”, que normalmente era a oferta que as pessoas pobres davam a Jeová. — Lucas 2:24; Levítico 12:8.
    Será que o fato de Maria ser pobre indicava que não tinha a bênção de Deus? Pelo contrário, quando foi visitar Elisabete, sua parente, “Elisabete ficou cheia de espírito santo, e exclamou com um alto grito e disse: ‘Abençoada és tu [Maria] entre as mulheres e abençoado é o fruto de tua madre!’” (Lucas 1:41, 42) Maria teve o privilégio de se tornar a mãe do amado Filho de Deus.
    O próprio Jesus não era rico. Ele nasceu e cresceu num lar humilde e foi pobre durante toda a sua vida na Terra. Em certa ocasião, Jesus disse o seguinte a um homem que queria ser seu discípulo: “As raposas têm covis e as aves do céu têm poleiros, mas o Filho do homem não tem onde deitar a cabeça.” (Lucas 9:57, 58) Ainda assim, o que Jesus Cristo fez ao vir à Terra tornou possível que seus discípulos recebessem grandes riquezas. O apóstolo Paulo escreveu: “Tornou-se pobre por vossa causa, para que vos tornásseis ricos por intermédio de sua pobreza.” (2 Coríntios 8:9) Que tipo de riquezas Jesus deu a seus discípulos no passado? E o que dizer de nossos dias?
    Que tipo de riquezas?
    Muitas vezes, a riqueza material é um obstáculo à fé, pois as pessoas ricas tendem a confiar mais no dinheiro do que em Deus. Jesus disse: “Quão difícil será para os de dinheiro entrar no reino de Deus!” (Marcos 10:23) Assim, fica claro que as riquezas que Jesus ofereceu a seus seguidores não eram materiais.
    De fato, os cristãos do primeiro século, na sua maioria, eram de poucos recursos. Quando um homem coxo de nascença pediu dinheiro a Pedro, ele respondeu: “Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho é o que te dou: Em nome de Jesus Cristo, o nazareno, anda!” — Atos 3:6.
    As palavras do discípulo Tiago também indicam que a congregação cristã era composta basicamente de pessoas pobres. Ele escreveu: “Escutai, meus amados irmãos. Não escolheu Deus os que são pobres com respeito ao mundo, para serem ricos na fé e herdeiros do reino, que ele prometeu aos que o amam?” (Tiago 2:5) Além disso, o apóstolo Paulo também disse que poucos “sábios em sentido carnal” ou “poderosos” ou “de nobre estirpe” haviam sido chamados para fazer parte da congregação cristã. — 1 Coríntios 1:26.
    Se as riquezas que Jesus deu a seus seguidores não eram materiais, então que tipo de riquezas eram? Numa carta que Jesus enviou à congregação em Esmirna, ele disse: “Conheço a tua tribulação e pobreza — mas tu és rico.” (Revelação [Apocalipse] 2:8, 9) Apesar de serem pobres, os cristãos em Esmirna possuíam riquezas muito mais valiosas do que prata e ouro. Eles eram ricos por causa de sua fé e integridade a Deus. A fé em si mesma é preciosa porque “não é propriedade de todos”. (2 Tessalonicenses 3:2) Na verdade, quem não tem fé é pobre aos olhos de Deus. — Revelação 3:17, 18.

  27. Toninho disse:

    Riquezas resultantes da fé
    Mas de que maneiras a fé é valiosa? Os que têm fé em Deus se beneficiam das “riquezas de sua benignidade, e indulgência, e longanimidade”. (Romanos 2:4) Eles também recebem “o perdão de [suas] falhas” por causa da fé no sacrifício resgatador de Jesus. (Efésios 1:7) Além disso, obtêm a sabedoria que “a palavra do Cristo” dá aos que têm fé. (Colossenses 3:16) À medida que oram a Deus com fé, “a paz de Deus, que excede todo pensamento” guarda o seu coração e a sua mente, dando-lhes contentamento e felicidade. — Filipenses 4:7.
    Além de todos esses benefícios, aqueles que depositam fé em Deus por meio de seu Filho, Jesus Cristo, têm a perspectiva extraordinária de viver para sempre. As seguintes palavras de Jesus Cristo são bem conhecidas: “Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, a fim de que todo aquele que nele exercer fé não seja destruído, mas tenha vida eterna.” (João 3:16) Essa perspectiva maravilhosa fica mais forte à medida que a pessoa obtém conhecimento exato do Pai e do Filho, pois Jesus também disse: “Isto significa vida eterna, que absorvam conhecimento de ti, o único Deus verdadeiro, e daquele que enviaste, Jesus Cristo.” — João 17:3.
    Embora as bênçãos de Deus sejam basicamente espirituais, elas também resultam em benefícios emocionais e físicos. Veja por exemplo o caso de Dalídio, no Brasil. Antes de ter conhecimento exato do propósito de Deus, ele tinha problemas com a bebida. Isso teve um efeito destrutivo em seu relacionamento familiar. Sua situação financeira também era muito instável. Foi então que ele começou a estudar a Bíblia com as Testemunhas de Jeová e passou por uma impressionante transformação.
    O conhecimento que Dalídio obteve fez com que ele abandonasse seus vícios. Seu progresso espiritual foi muito grande. Ele disse: “Antes eu ia de bar em bar. Agora vou de casa em casa.” Dalídio havia se tornado pregador da Palavra de Deus por tempo integral. Essa mudança melhorou sua saúde e também sua situação financeira. Dalídio disse: “O dinheiro que eu gastava com bebida, agora uso para ajudar quem necessita ou para comprar coisas que eu preciso.” Ele também fez muitos e bons amigos por estar na companhia de pessoas que têm a mesma mentalidade espiritual. Antes de conhecer a Deus, Dalídio nunca imaginou que fosse possível sentir a paz mental e o contentamento que ele tem agora.
    Renato é outro exemplo de alguém que foi enriquecido depois de ter desenvolvido fé em Jeová Deus. Quem observa seu ar feliz e rosto sorridente hoje nem imagina que ele teria todos os motivos para achar que a vida foi muito injusta com ele. Quando era recém-nascido, foi abandonado por sua mãe numa sacola debaixo de um banco. Tinha arranhões, hematomas e seu cordão umbilical ainda não havia sido cortado. Duas mulheres que estavam passando viram a sacola debaixo do banco se mexendo. Elas pensaram que alguém tinha deixado um gatinho ali. Quando viram que era um bebê, levaram-no imediatamente a um hospital próximo.
    Uma das mulheres era Testemunha de Jeová e contou o que tinha acontecido com o bebê a outra Testemunha de Jeová, chamada Rita. Vários filhos de Rita haviam nascido mortos, e ela tinha apenas uma filha. Rita queria muito um menino, por isso decidiu adotar Renato.
    Quando Renato ainda era pequeno, Rita lhe contou que não era sua verdadeira mãe. Mas ela cuidou dele com amor e carinho, e procurou lhe ensinar valores espirituais. Renato cresceu e começou a se interessar pela Bíblia. Seu apreço pelo modo quase inacreditável como foi salvo também aumentou. Seus olhos se enchem de lágrimas sempre que lê as palavras do salmista Davi: “Caso meu próprio pai e minha própria mãe me abandonassem, o próprio Jeová me acolheria.” — Salmo 27:10.
    Como expressão de sua gratidão por tudo o que Jeová fez por ele, Renato se batizou em 2002 e, no ano seguinte, se tornou pregador cristão de tempo integral. Ele ainda não sabe quem são seus pais biológicos e talvez nunca venha a saber. No entanto, para Renato um dos presentes mais preciosos que já recebeu foi conhecer a Jeová e ter fé nele como seu Pai amoroso e protetor.
    Talvez você deseje muito ter um relacionamento achegado com Deus, o que realmente enriqueceria sua vida. A oportunidade para ter esse tipo de relacionamento com Jeová Deus e seu Filho, Jesus Cristo, está disponível a todos — ricos e pobres. Talvez não resulte em riqueza material, mas resultará em paz interior e satisfação que dinheiro nenhum no mundo pode comprar. Com certeza, as palavras de Provérbios 10:22 são verdadeiras: “A bênção de Jeová — esta é o que enriquece, e ele não lhe acrescenta dor alguma.”
    Jeová Deus está muito interessado nas pessoas que se achegam a ele: “Oh! se tão-somente prestasses realmente atenção aos meus mandamentos! A tua paz se tornaria então como um rio e a tua justiça como as ondas do mar.” (Isaías 48:18) E Jeová promete que todos os que se achegam a ele com a motivação e atitude corretas serão ricamente recompensados: “O resultado da humildade e do temor de Jeová é riquezas, e glória, e vida.” — Provérbios 22:4.

  28. Toninho disse:

    Riquezas que Deus dá
    SE VOCÊ é fiel a Deus, será que ele o abençoará com riquezas? Talvez, mas provavelmente não com o tipo de riquezas que você imagina. Veja o caso de Maria, mãe de Jesus. O anjo Gabriel apareceu e disse que ela era “altamente favorecida” por Deus e que daria à luz o Filho de Deus. (Lucas 1:28, 30-32) No entanto, ela era pobre. Quando Maria ofereceu um sacrifício após o nascimento de Jesus, apresentou “um par de rolas ou dois pombos novos”, que normalmente era a oferta que as pessoas pobres davam a Jeová. — Lucas 2:24; Levítico 12:8.
    Será que o fato de Maria ser pobre indicava que não tinha a bênção de Deus? Pelo contrário, quando foi visitar Elisabete, sua parente, “Elisabete ficou cheia de espírito santo, e exclamou com um alto grito e disse: ‘Abençoada és tu [Maria] entre as mulheres e abençoado é o fruto de tua madre!’” (Lucas 1:41, 42) Maria teve o privilégio de se tornar a mãe do amado Filho de Deus.
    O próprio Jesus não era rico. Ele nasceu e cresceu num lar humilde e foi pobre durante toda a sua vida na Terra. Em certa ocasião, Jesus disse o seguinte a um homem que queria ser seu discípulo: “As raposas têm covis e as aves do céu têm poleiros, mas o Filho do homem não tem onde deitar a cabeça.” (Lucas 9:57, 58) Ainda assim, o que Jesus Cristo fez ao vir à Terra tornou possível que seus discípulos recebessem grandes riquezas. O apóstolo Paulo escreveu: “Tornou-se pobre por vossa causa, para que vos tornásseis ricos por intermédio de sua pobreza.” (2 Coríntios 8:9) Que tipo de riquezas Jesus deu a seus discípulos no passado? E o que dizer de nossos dias?

  29. Toninho disse:

    Que tipo de riquezas?
    Muitas vezes, a riqueza material é um obstáculo à fé, pois as pessoas ricas tendem a confiar mais no dinheiro do que em Deus. Jesus disse: “Quão difícil será para os de dinheiro entrar no reino de Deus!” (Marcos 10:23) Assim, fica claro que as riquezas que Jesus ofereceu a seus seguidores não eram materiais.
    De fato, os cristãos do primeiro século, na sua maioria, eram de poucos recursos. Quando um homem coxo de nascença pediu dinheiro a Pedro, ele respondeu: “Não possuo prata nem ouro, mas o que tenho é o que te dou: Em nome de Jesus Cristo, o nazareno, anda!” — Atos 3:6.
    As palavras do discípulo Tiago também indicam que a congregação cristã era composta basicamente de pessoas pobres. Ele escreveu: “Escutai, meus amados irmãos. Não escolheu Deus os que são pobres com respeito ao mundo, para serem ricos na fé e herdeiros do reino, que ele prometeu aos que o amam?” (Tiago 2:5) Além disso, o apóstolo Paulo também disse que poucos “sábios em sentido carnal” ou “poderosos” ou “de nobre estirpe” haviam sido chamados para fazer parte da congregação cristã. — 1 Coríntios 1:26.
    Se as riquezas que Jesus deu a seus seguidores não eram materiais, então que tipo de riquezas eram? Numa carta que Jesus enviou à congregação em Esmirna, ele disse: “Conheço a tua tribulação e pobreza — mas tu és rico.” (Revelação [Apocalipse] 2:8, 9) Apesar de serem pobres, os cristãos em Esmirna possuíam riquezas muito mais valiosas do que prata e ouro. Eles eram ricos por causa de sua fé e integridade a Deus. A fé em si mesma é preciosa porque “não é propriedade de todos”. (2 Tessalonicenses 3:2) Na verdade, quem não tem fé é pobre aos olhos de Deus. — Revelação 3:17, 18.

  30. Toninho disse:

    Riquezas resultantes da fé
    Mas de que maneiras a fé é valiosa? Os que têm fé em Deus se beneficiam das “riquezas de sua benignidade, e indulgência, e longanimidade”. (Romanos 2:4) Eles também recebem “o perdão de [suas] falhas” por causa da fé no sacrifício resgatador de Jesus. (Efésios 1:7) Além disso, obtêm a sabedoria que “a palavra do Cristo” dá aos que têm fé. (Colossenses 3:16) À medida que oram a Deus com fé, “a paz de Deus, que excede todo pensamento” guarda o seu coração e a sua mente, dando-lhes contentamento e felicidade. — Filipenses 4:7.
    Além de todos esses benefícios, aqueles que depositam fé em Deus por meio de seu Filho, Jesus Cristo, têm a perspectiva extraordinária de viver para sempre. As seguintes palavras de Jesus Cristo são bem conhecidas: “Deus amou tanto o mundo, que deu o seu Filho unigênito, a fim de que todo aquele que nele exercer fé não seja destruído, mas tenha vida eterna.” (João 3:16) Essa perspectiva maravilhosa fica mais forte à medida que a pessoa obtém conhecimento exato do Pai e do Filho, pois Jesus também disse: “Isto significa vida eterna, que absorvam conhecimento de ti, o único Deus verdadeiro, e daquele que enviaste, Jesus Cristo.” — João 17:3.

  31. Esse é, sem dúvida um dos melhores artigos escritos a respeito desse importante tema nos últimos tempos. Tenho muitíssimo me preocupado com o fato de igrejas que presam a teologia ortodóxa ou seja, embasada no evangélho dos apóstolos.

  32. TE DIGO MAIS. OU A NAÇÃO EVANGÉLICA DE MAIS DE 70 MILHÕES DE EVANGÉLICOS ELEGE UM SERVO DO DEUS ALTÍSSIMO PARA GOVERNAR COM TEMOR E JUSTIÇA ESTA NAÇÃO OU O LAICISMO CÍNICO E ASSASSINO FARÁ UM BURACO TÃO GRANDE NA CAMADA DE OZÕNIO DAS SUA MENTES DEPALPERADAS QUE NÃO SE PODERÁ MAIS VOLTAR ATRÁS. EU ME CANDIDATO DESDE JÁ. TENHO TODAS AS NECESSIDADES FÍSICAS, PSICOLÓGICAS E, SOBRETUDO TEMOR E TREMOR A DEUS. DEPOIS DOS ÚLTIMOS DOIS CANDIDATOS ELEITOS E A FALHA ENORME EM SUAS ATITUDES COMO GOVERNANTES NÃO TERIA A MENOR DIFICULDADE EM GOVERNAR ESTA NAÇÃO. QUEM MANTÊM O ESTADO NO LAICISMO É ASSASSINO EM POTENCIAL. TEMOS SATANISTAS INFILTRADOS EM TODOS OS SETORES DO GOVERNO FEDERAL, ESTADUAL E MUNICIPAL. A FINALIDADE DOS SATANISTAS É MATAR, ROUBAR E DESTRUIR.
    Responder · Curtir · Parar de seguir a publicação · há 2 segundos

    MacGyyer Rocha · Sobradinho, Distrito Federal, Brazil
    OU A NAÇÃO É DO SENHOR JESUS OU É DE SATANÁS. NÃO HÁ MEIO TERMO. LAICO, LAICIDADE, SIGNIFICA: NÃO QUERO DEUS E SEUS EVANGÉLICOS, QUERO SATANÁS E SEUS DEMÔNIOS. ESTOU CERTO OU ERRADO? COMO DIRIA SENHOZINHO MALTA. COM A PALAVRA MAGNO MALTA. DEUS DIZ: FELIZ É A NAÇÃO CUJO DEUS É O SENHOR. NOSSA NAÇÃO É FELIZ? EXPULSEM SATANÁS E SEUS ACECLAS: AÍ SIM A NAÇÃO É DO SENHOR JESUS.

    1. Luis disse:

      Palavras escritas em maiúsculo, significa gritaria, e ninguém ganha a Deus falando alto.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO