Capa

Cerveja e Bíblia: Missionário utiliza bares para falar sobre Deus. Gospel+ propõe discussão

Comments (179)
  1. DENOVO disse:

    E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por VINHO, e por BEBIDA FORTE, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa.
    O pecado está na quantidade.

  2. Diony Barreto disse:

    A DEMORA DA APROVAÇÃO É TANTA QUE NÃO VEJO NEHUM INCENTIVO DA PARTE DE VCS. ENVIEI O MEU COMENTÁRIO DESDE O DIA 07/05 E ATÉ AGORA EM MODERAÇÃO. QT TEMPO MAIS LEVARÁ? PQ HJ JÁ FAZ 4 DIAS!!!!

    [Estamos com problemas nos sites devido a constante ataque de hackers. Peço, contudo, que ore por nós para que não haja mais ataques, o que estabilizará o nosso servidor e permitirá a moderação mais frequente. Att. – Shaiala, Moderadora]

  3. Levi varela disse:

    Yury Rangel,

    Deixei bem claro que tudo demais é veneno, seja o alimento, seja o sexo, seja a religiosidade, seja a leitura da bíblia, seja a paixão pela mulher, seja o amor aos filhos, seja o patritrismo, seja o amor a religião, seja o amor as coisas da terra, seja o amor às coisas do céu, sejo a amor a um clube de futebol, seja à sua casa, seja à sua cidade, seja à sua mãe, seja a si próprio, seja a bebida.

    O último versículo que você citou fala do levantar e continuar a bebedice, ao entardecer, ao anoitecer.

    Cuidado, que é em nome de religiosidade real que os muçulmanos fazem a cabeça de criancinhas para seus fins espúrios, como um céu com 70 virgens em face de destruição dos ocidentais, devendo ser lembrado que a guerra não faz parte dos ensinamentos muçulmanos.

    Do modo como você fala, fica a certeza que os crimes somente são praticados por pessoas entorpecidas por drogas, quando você, eu e outros internautas conhecem pessoas que cometeram crime de “cara lavada”, bem como conhecemos cidadãos que bebem e retornam ou recolhem à própria casa sem que tenham cometidos crimes hediondos ou leves.

    Meu caro, com ou sem entorpecente, os que querem cometer ilícitos o fazem, todavia não posso negar que muitos usam o álibi de que estavam bêbados na tentativa de minimizar suas ptáticas contrárias à sociedade.

    Também não posso deixar de observar que pessoas existem que sequer deveriam sentir o cheiro, imagine beber, vez que são portadoras de anomalias psíquicas.

    Faça uma triagem no seu meio de pessoas que bebem, inclusive seus parentes, e verifique se são obrigatoriamente criminosas.

    Claro que não, é a mania que o ser humano tem de generalizar visando implantar o medo e alcançar seus objetivos, esquecendo, entretanto, de que a sociedade evoluiu, não mais precisando para dormir do “boi, boi, boi, boi da cara preta, pega essa criança que tem medo de careta”.

    Assim, basta que se explique e automaticamente as coisas serão captadas, entendidas, desnecessitando que se diabolize tudo, inclusive sob a hipocrisia de que Cristo e a bíblia assim estabelecem, ou seja, inversão de valores.

  4. Georges disse:

    .
    .
    Frank,
    Se eu sei Bíblia pra caramba, graças a Deus, é porque estou simplesmente seguinte o que a própria Bília ensina.

    II Timóteo 2:15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.

    É o meu conselho pra você, pra ver se assim você para de falar abobrinha.
    .
    .

  5. henrjk disse:

    “Provérbios 23.31,32”
    O contexto acima citado por Yuri é apenas um texto isolado para justificar o injustificável.
    Se lerem alguns versículos acima e o restante abaixo, ver-se-á que se trata de alguem que se entrega a bebida ou seja, uma pessoa fraca.

    Vou completar o versículo antes e depois para que se entenda melhor:

    29 – Para quem são os ais? Para quem, os pesares? Para quem, as pelejas? Para quem, as queixas? Para quem, as feridas sem causa? E para quem, os olhos vermelhos?
    30 – Para os que se demoram perto do vinho, para os que andam buscando bebida misturada.

    “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Provérbios 23.31,32).

    33 – Os teus olhos olharão para as mulheres estranhas, e o teu coração falará perversidades.
    34 – E serás como o que dorme no meio do mar e como o que dorme no topo do mastro
    35 – e dirás: Espancaram-me, e não me doeu; bateram-me, e não o senti; quando virei a despertar? Ainda tornarei a buscá-la outra vez.
    Se pegarmos no início do capítulo 23, ver-se-á um detalhe importante:

    “1 – Quando te assentares a comer com um governador, atenta bem para o que se te pôs diante;
    2 – e põe uma faca à tua garganta, se és homem glutão.”

    Tudo quanto se instrui em relação ao vinho ou a bebida forte, está apontando para o seu exagero.
    Não é pecado beber vinho, cerveja ou bebida forte dentro da máxima moderação.
    O que ocorrer sem moderação seja no comer ou no beber é faltoso.

    Agora digo àqueles que adoram uma Galinha à Cabidela, um chouriço ou os comem carne de animais sem degolar-lhe e deixar o seu sangue escoar, estes estão pecando.
    Veja o que está escrito e que foi direta e objetivamente expressado pelos apóstolos aos gentios:

    “Atos 15.28-29
    28 Na verdade, pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias:
    29 Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da fornicação; destas coisas fareis bem se vos guardardes. Bem vos vá.”
    Alguem aqui se abstem do sangue e da carne sufocada?

  6. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!

    Nenhum comentário que escrevi dá margem para alguém “ter a certeza que os crimes são praticados por pessoas entorpecidas por drogas”. O irmão torceu completamente o que escrevi! É evidente que muitas pessoas cometem crimes sem o auxílio da bebida, mas negar que muitos só cometem crimes se estiverem sob o efeito do álcool é um grande equívoco. Devo informá-lo que a primeira função a ser comprometida pela bebida é a capacidade crítica (confira: http://www.consciencia.net/2003/07/12/transito2.html). Sendo assim, quem pensa poder beber convicto que vai parar quando quiser se engana, pois sua capacidade crítica (o que é certo ou errado; o que devo ou não devo fazer) será a primeira função psicológica a ser afetada. Ninguém pode garantir que o indivíduo vá parar de beber na hora “certa”, ou seja, sem que perca sua sobriedade.

    Ademais, veja esta recomendação de Paulo: “Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis, então, da liberdade para dar OCASIÃO à carne, mas servi-vos uns aos outros pela caridade” (Gálatas 5.13). Notou a palavra em destaque?! Pois bem, a palavra “ocasião” traduz o vocábulo grego “APHORMÊN”, que significa força, poderio bélico. Em outras palavras, Paulo está recomendando aos cristãos que não dêem armamento para que a carne cumpra suas concupiscências. A nossa carne já é inclinada ao pecado, porém certas coisas, como programas impuros, más conversações, bebidas alcoólicas, etc. servem de “poderio bélico” para nossa natureza carnal. Isso significa que, realizando certas atividades, estamos selando nossa derrota na tentação. Por isso, Paulo recomenda que não usemos da liberdade cristã para fortalecer a carne! Ele ainda diz: “Andai em Espírito e não cumprireis a concupiscência da carne Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne; e estes opõem-se um ao outro; para que não façais o que quereis” (Gl 5.16,17). Andamos no Espírito quando nos envolvemos com atividades que fortalecem nossa natureza espiritual, tais como: oração, jejum, leitura bíblica, adoração, etc. “Andamos na carne” quando nos envolvemos com atividades que fortalecem nossa natureza pecaminosa, tais como: assistir programas impuros, nos assentarmos à roda dos escarnecedores, ingerirmos bebida alcoólica, etc.

    Como pode perceber, em todo canto da Palavra de Deus fica clara a orientação bíblica para o cristão não ingerir bebida alcoólica.

    Que Deus o abençoe!

  7. Sandra disse:

    Esse missionário saiu é de uma fria. Deus vai orientá-lo e quem sabe ter sua própria igreja e seguir o Seu Chamado, e nÀO FICAR COMO A RAÇA DE VÍBORAS E SEPULCROS CAIADOS QUE O EXPULSARAM DO MINISTÉRIO COM UMA MÃO NA FRENTE E OUTR ATRÁS E AINDA COM A CIÊNCIA DOS DIRIGENTES DE QUE QUASE TODOS OS PASTORES TOMAMA SUA CACHAÇA, MAS EVIDENTEMENTE ESCONDIDOS DENTRO DE CASA. GENTE HIPÓCRITA QUE PARA ELES JESUS JÁ DISSE O INFERNO AGUARDA-OS ALEGREMENTE. SE NEM JESUS QUIS ESSA RAÇA EU É QUE VOU QUERER, POR ISSO ME DESLIGUEI DO MINISTERIO QUE ESTAVA, POIS SO VI HIPOCRISIA E DESCONFIO QUE JESUS JA DEU NO PE DA MAIORIA DAS IGREJAS FORMAIS DA TERRA HÁ MUITO TEMPO E O ESPÍRITO QUE NELAS HABITA É O DA JEZABEL QUE QUER TOMAR O O LUGAR SENDO UM FALSO ESPIRITO SANTO COM PROFETADAS E RELIGIOSIDADE MORBIDA. VEJA OS PARENTES DESSAS CRENTEZINHAS QUE NAO CORTAM CABELO, NEM PINTAM CABELO E UNHAS E VIVEM DE SAIS SEM DEPILAR ATÉ AS PERNAS, TEM A FAMILIA TODA NO CRIME, NAS DROGAS NA PROSTITUIÇÃO E EM TODA ESPÉCIE DE MALIGNIDADE. UÉ, PRA QUE ENTÀO A APARÊNCIA DE SANTIDADE? ENGANAR A QUEM, AOS HOMENS? ENTÃO IMPORTA MAIS PRA ESSA GENTE AGRADAR E DAR SATISFAÇÕES AOS HOMENS DO QUE A DEUS. DEUS PASSA LONGE DESSAS IGREJAS E DESSA GENTE. PELO AMOR DE DEUS. ME PASSA A CONTA DESTE MISSIONARIO QUE EU VOU AJUDÁ-LO ATÉ QUE ELE CONSTRUA O MINISTÉRIO DELE SEM RAÇA DE VÍBORAS.

  8. Georges disse:

    .
    .
    Frank,
    se eu sei Bíblia pra caramba, graças a Deus, é porque simplesmente obedeço ao que a própria Bíblia ensina em II Timóteo 2:

    15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    16 Mas evita as conversas vãs e profanas; porque os que delas usam passarão a impiedade ainda maior,
    17 e as suas palavras alastrarão como gangrena…

    É o que você devia fazer também, pra ver se assim para de falar abobrinha.
    .
    .

  9. Georges disse:

    .
    .
    Você acaba de usar um versículo fora do contexto, porque o contexto de Eclsiastes é o ponto de vista do homem carnal, cf. I Co 2:14, e é usado como justificativa para incrédulos encherem o coco de manguaça.
    Quem conhece a Bíblia com a mente e o coração não cai nessa conversa fiada. Foi assim que o cão tentou engalobar Jesus, usando textos fora do contexto.
    Presta atenção.
    .
    .

  10. Georges disse:

    .
    .
    O beber perante o Senhor é para o israelita, nas festas cívicas, onde o DÍZIMO era consumido perante a congregação pelas próprias pessoas que o haviam entregado antes. Ou seja, o DÍZIMO que tanto é propalado nas igrejas, era consumido pelo próprio povo. Daí a ligação com Eclesiastes (vou explicar para você entender), onde há o mesmo preceito: (9:7) Vai, pois, come com alegria o teu pão e bebe o teu vinho com coração contente; pois há muito que Deus se agrada das tuas obras..
    .
    .

  11. roberto disse:

    FRANK E O TAL DE “PASTOR CALEBE”

    NÃO SOU DEUS, PARA JULGAR NINNGUÉM, MAS SE ESSE QUE SE DIZ PASTOR CALEBE, É UM TREMENDO DE UM CARA DE PAU, ALIÁS, TENHO MINHAS DÚVIDAS,PENSO E NÃO JULGO, QUE ESSE CARA NEM EVANGÉLICO É, DEVE SER UM DESSES QUE GOSTA DE COLOCAR LENHA NA FOGUEIRA E VER O CIRCO PEGANDO FOGO, AÍ NÃO TEM COMO FICAR SER DAR UMAS DECLADAS NO PC, O FRANK ENTÃO NEM SE FALA, NUNCA FALA A FAVOR DA BÍLBIA, BOM GOSTARIA DE LEMBRAR DE 2 TIMÓTEO CAP.4 VERSÍCULO 1 EM DIANTE, DIZ QUE NOS ÚLTIMOS TEMPOS, O HOMEM SERIA AMANTE DE SÍ MESMO…, MAS AMIGO DOS PRAZERES DO QUE AMIGOS DE DEUS….
    É O QUE ESTAMOS VENDO, SUPOSTOS ” CRISTÃOS ” QUE SÃO AMANTES DE SÍ MESMOS, CULTUANDO SEUS PRAZERES, E NÃO ESTÃO NEM AÍ COM QUE DEUS ESTÁ SENTINDO COM TUDO ISSO, MAS TAIS CRISTÃOS, NO DIA DO ARREBATAMENTO DA IGREJA VÃO CHORAR AMARGAMENTE, E DIRÃO: NÃO ENTENDÍ, ESTAVA NA IGREJA DIA DE DOMINGO, PAGAVA O DÍZIMO, DAVA ATÉ UNS GLÓRIA A DEUS…HÁ NÃO POSSO ESQUECER, QUE SOCIALMENTE BEBIA UM DELICIOSO VINHO, E UMA GELADA CEVEJA, O QUE HOUVE, NÃO PARTICIPEI DO ARREBATAMENTO, COM AQUELES QUE EU DIZIA QUE ERAM FANÁTICOS.
    AÍ CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, FICA AQUI NA TERRA TOMANDO BASTANTE CERVEJA COM O ANTI-CRISTO, COM OS BEBUNS, E FAÇAM BOM PROVEITO DA GRANDE TRIBULAÇÃO QUE VEM POR AÍ…..HÁ, NÃO PODIA ESQUECER DE FALAR QUE NÓS OS NOS SEPARAMOS DESSAS BEBIDAS DO CAPETA, VAMOS ESTAR FRENTE A FRENTE COM JESUS,COM DEUS E COM SEUS ANJOS,E VAMOS BEBER MUITO, SÓ QUE VAMOS “ENCHER A CARA” COM A ÁGUA DA VIDA.Ó GLÓRIA A DEUS.

  12. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!!!

    Em primeiro lugar, quero parabenizá-lo pela tentativa de interpretar Provérbios 23.31,32. Até o momento, foi o único que se aventurou a interpretar o texto de forma honesta. Todavia, a citação do contexto só reforça o que tenho dito. O texto de Provérbios 23.29-35 cita 11 consequências de um ato e apenas 1 mandamento para evitá-las. As 11 consequências apontadas pelo sábio, de fato, são claramente consequências da embriaguez, porém o único mandamento que consta no texto é enfático, PREVENTIVO e confortador: “NÃO OLHES PARA O VINHO”.

    Sabemos que “olhar” na Bíblia muitas vezes é associado ao ato da cobiça. Salomão não está dizendo: “Não vos embriagueis” ou “Não bebam muito”. Ele está dizendo “NÃO OLHES PARA O VINHO”! Em outras palavras, NÃO DESEJEM BEBER VINHO. Ora, eu só posso desejar algo se ainda não o possuo! Então, ele não está recomendando aos que já bebem que simplesmente não se embriaguem, mas está orientando uma abstinência total. Salomão, em sua sabedoria, tinha a convicção que a única forma de evitar todos os males da embriaguez era a abstinência total de bebida alcoólica. Ele sabia o quanto que a bebida é capaz de dominar o homem. Ele sabia que o álcool é SUTIL. Ele sabia que o álcool afeta primeiramente a capacidade crítica do ser humano, fazendo-o perder o controle da sua própria vontade e bom senso. Ele sabia que depois que começa é difícil parar e, por isso, sabendo que uma coisa levará à outra, recomendou a abstinência de bebida alcoólica alertando para as consequências da embriaguez…

    Deus o abençoe!

  13. Lady Kate disse:

    Caros irmãos,

    Tem pessoas que não podem fazer determinadas coisas, que são lícitas até, por causa da compulsão!
    Imagine, comer, fazer sexo, coçar a cabeça, malhar, jogar, ficar na internet, falar da vida alheia (inclusive na igreja!)
    É claro que a bebida é um mal que deve ser evitado, vamos que ela desencadeie a tal compulsão?
    Sem citar textos bíblicos, sem parecer espiritual demais, sendo, apenas, objetiva – NÃO BEBAM NUNCA!

  14. henrjk disse:

    Yuri

    Eu não estou discordando com você, mas o que quero expressar e talvez não a faço de forma bastante compreensível.
    O ponto é a pergunta:”É pecado?”. Aí eu digo que não devemos acrescentar algo pecaminoso que não está declarado.
    O texto de Provérbios trata do agir com sabedoria frente a determinadas dificuldades ou desafios.

    Entendo que aqueles que não se contentam com apenas uma taça tem essa instrução diriga a eles e aos demais que não sigam no mesmo caminho.

    O “NÃO OLHES PARA O VINHO” vai muito além do “Não Bebas”.
    Acho um pouco parecido com aquele fato ocorrido no deserto onde as pessoas foram picadas por cobras e então foi levantada aquela serpente para que quem a olhasse fosse curado.
    Então subentendo que “Olhar para o Vinho” seria buscar na embriaguez do vinho soluções para algo inatingível, talvez a amargura no seu viver como tambem ser igual a um figurão, digo, busca de status.

    Para aqueles que não tem controle sobre si mesmos, realmente não devem nem sentir o cheiro.

    No meu entendimento sobre ser “Pecado Beber”, creio que está no mesmo rol de: não cortar/aparar o cabelo(mulheres), não usar batom e esmalte, etc.

    Acho este debate proveitoso e positivo, embora alguns o levem ao escárnio e até a extremismos.

    Quanto ao pastor da reportagem eu entendo que ele está numa situação díficil em um terreno bem adverso.
    Quem conhece a história do mormonismo, deve saber tambem que aquele estado do Utah é como um estado sagrado.
    Tenho um primo que é mórmom e quando estive na casa dele, soube que nem café bebiam.

  15. Levi varela disse:

    Caros,

    Ao legalismo extremo os convido.

    1-Os dez mandamentos estabelece que não se deva beber?

    2-Cristo orientou especificamente que não se deva beber?

    3-Para os paulistas, o apóstolo Paulo disse que não se deva beber?

    4-O apocalipse fala que os que bebam não vão para os céus?

    A orientação é contra a extremeza em tudo. Quanto ao uso de bebida, não sou eu que digo, Paulo orientou para um dos seus companheiros há dois mil anos, coisa que a medicina deixa evidente da importância do uso moderado, como vocês todos fazem com o alimento diário.

    Vamos deixar de ser crianças, guiados por crianças. Se não querem, parabéns deve ser respeitado por ser sábio em conhecer a si próprio evitando constrangimento à família, aos parentes, aos amigos e à sociedade.

    O que não é possível é se escadanlizarem. Escândalo é comerem demais e a parte que seria de outros a ponto de causar gordura mórbida, via de consequência enfermidades. Escândalo é estabelecer para os outros sua abstinência de sexo, alimento, de literatura, de programa de tv, de vida em abundância com Cristo.

    Cristo não levou seus discípulos para seu jejum de 40 dias, então não queiram que os outros sejam medidos por sua medida e por seus entendimentos de verdade, de interpretação bíblica.

    Repito, se a igreja que frequenta estabeleceu isso que cumpras, outrossim exija dos seus líderes os esclarecimentos devidos, bíblicos, reais.

    A bíblia traz testemunhos e exemplos de personagens que excederam com o uso da bebida, de igual modo aponta os alertas quanto ao uso quer pouco quer muito, todavia não impede, apenas recomenda.

    Descupem, meus caros, não participei e nem vós do registros bíblicos, portanto não é correto vir aqui eu e nem ninguém estabelecer uma regra, uma compreensão inexistente do ponto bíblico, não sou fraudador.

    Que seja objeto de alerta quanto ao uso sem limites, que esclarecça os horários mais compreensíveis de uso, se em casa, se á noite, se depois dos afazeres, informe quanto a isso.

    Muitos, é isso que tenho conhecimento, dos evangélicos gaúchos fazem uso, inclusive os da Assembléia de Deus, o que sugiro investigar se tornaram alcoolatras, briguentos, desobedientes a Deus, se tiveram morte prematura, se deixarem de evangelizar e de serem evangélicos.

  16. Marco disse:

    Puts, tem cara que escreve um caminhão de versiculo, triciculos e algo mais. A biblia em meu entendimento é um codigo de conduta da época, vivemos hoje um novo tempo, e o que se escreveu para ser regra ontem talvez não caiba nos dias atuais. Atentem bem pois tudo o que é demais não é correto, a bebida não deixa de ser diferente.
    Fuiiiiiiii

  17. FRANK disse:

    E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por VINHO, e por BEBIDA FORTE, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa.
    Querem transformar o vinho em suco maguari.kkk…Jesus transformou água em suco…..rss….Rídiculos.
    O PECADO está na quantidade, muitos aqui não entendem nem isso.
    SE NEM CITANDO A BÍBLIA, dezenas de versículos, VOCÊS RESPEITAM, ENTÃO QUE DISTORÇAM A BÍBLIA SEGUINDO O ENSINAMENTO DE HOMENS, coisa de gente ignorante, burra e manipulada de 3o mundo.Como a Palavra já criticava há 2 mil anos, saem do mundo e chegam na igreja, onde colocam mais peso do que o mundo já colocava.Jesus não pode ser alegria para os religiosos, que pregam um evangelho de julgamento e tristeza, onde só há regras e regras ( criadas por homens ).

  18. FRANK disse:

    lucas 11- 43 Ai de vós, fariseus, que amais os primeiros assentos nas sinagogas, e as saudações nas praças.45 E, respondendo um dos doutores da lei, disse-lhe: Mestre, quando dizes isso, também nos afrontas a nós.46 E ele lhe disse: Ai de vós também, doutores da lei, que carregais os homens com cargas difíceis de transportar, e vós mesmos nem ainda com um dos vossos dedos tocais essas cargas
    Mateus 23-4 Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com o dedo querem movê-los;5 E fazem todas as obras a fim de serem vistos pelos homens; pois trazem largos filactérios, e alargam as franjas das suas vestes,25 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniqüidade.33 Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?

  19. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Fique tranquilo, pois a dificuldade de se expressar de forma compreensível não é exclusividade sua. Devo confessar que por vezes compartilho deste mesmo problema, afinal expressar opinião de forma clara e convincente num site frequentado por todo tipo de pessoa é um desafio e tanto!!! Creio que uma conversa pessoal entre eu, você, além do Levi Varela e do Frank, que também argumentaram comigo sobre o assunto, seria muito mais produtiva e esclarecedora. Quem sabe Deus nos reserva a oportunidade de nos conhecermos e discutirmos o assunto saboreando um ótimo churrasco com Coca-cola (nada de “vinho” rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs)…

    Eu vejo em Provérbios uma clara admoestação para não beber vinho. E mesmo que não estivesse de forma clara, não devemos esperar que a Bíblia descreva cada tipo de pecado. O Apóstolo Paulo foi sábio ao escrever sobre as obras da carne dizendo: “… invejas, homicídios, BEBEDICES, glutonarias, E COISAS SEMELHANTES A ESTAS, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus” (Gl 5.21). Paulo disse que “coisas semelhantes” àquelas também eram pecaminosas. É interessante que ele cita “bebedices” (ingestão de bebida alcoólica) e “coisas semelhantes”. Bebedice não é sinônimo de embriaguez, antes é o costume de ingerir bebida alcoólica. O beber moderadamente pode ser classificado como “coisa semelhante a esta”.

    Você também tem razão quando diz que “Provérbios trata do agir com sabedoria frente a determinadas dificuldades ou desafios”. Salomão foi um homem sábio, mas que durante muito tempo deixou seu coração inclinar-se para as coisas deste mundo. Muitas mulheres, muito dinheiro, muitos cavalos, etc. Ele, mais do que ninguém, no auge da sua maturidade podia dar conselhos inspirados aos seus leitores para evitar qualquer tipo de prática pecaminosa. E um de seus conselhos foi este: “NÃO OLHES PARA O VINHO”. O fato de ele descrever o vinho como “vermelho, resplandecente e que se escoa suavemente” (sinais da fermentação) indica que ele tinha em mente a bebida como algo atraente que despertava o desejo e a cobiça do homem… Quem sabe até ele mesmo não caiu nesta tentação muitas vezes por achar que podia se controlar?… Sábio é o cristão que segue os conselhos de Provérbios, pois Salomão sabia do que estava falando…

    De qualquer forma, foi um prazer conversar com você sobre este assunto tão polêmico. Fica aqui o convite para o churrasco… rsrsrsrsrsrsrsrs Que Deus o abençoe!!!

    “E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda; mas, enchei-vos do Espírito Santo”.
    Efésios 5.18

  20. CALEB disse:

    Roberto diz:

    ” O QUE HOUVE, NÃO PARTICIPEI DO ARREBATAMENTO, COM AQUELES QUE EU DIZIA QUE ERAM FANÁTICOS.
    AÍ CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, FICA AQUI NA TERRA TOMANDO BASTANTE CERVEJA COM O ANTI-CRISTO, COM OS BEBUNS, E FAÇAM BOM PROVEITO DA GRANDE TRIBULAÇÃO QUE VEM POR AÍ…..HÁ, NÃO PODIA ESQUECER DE FALAR QUE NÓS OS NOS SEPARAMOS DESSAS BEBIDAS DO CAPETA, VAMOS ESTAR FRENTE A FRENTE COM JESUS,COM DEUS E COM SEUS ANJOS,E VAMOS BEBER MUITO, SÓ QUE VAMOS “ENCHER A CARA” COM A ÁGUA DA VIDA.Ó GLÓRIA A DEUS.”

    Vamos continuar a nos declicar com a posição dos fariseus e religiosos aqui….to morrendo de rir de tudo isso…rss

    Pastor Caleb.

    Ps: Lembrando a todos voces se voces quiserem dicas de um bom e delicioso vinho para acompanhar seu churrasco, sua pizza de quatro queijos ou um jantar com sua esposa ou esposo…. só me procurar que tenho otimas dicas de vinhos nacionais e internacionais. Deus abençõe a todos.

  21. Levi varela disse:

    Iury Rangel,

    Brincadeira, meu caro, no andar da carruagem em breve você vai deixar de se alimentar, afinal o versículo apontado para sua defesa diz que a glutonoria é pecado.

    Como? A mesma lógica. Ora se a alimentação é coisa semelhante ou ligado à glutonaria você deve observar a mesma extensão de sua idéia, qual seja, não mais se alimentar.

    Quanto ao homicídio, você jamais será um bombeiro, um militar, ou mesmo um bom cidadão, afinal tais profissões quando do exercício, são compelidas a tirar a vida de outrem. Sobre o bom cidadão que eu fiz referência, tal decorre quando, para não morrer, você e pessoas queridas, fica com a única alternativa de subsistência, qual seja: matar para não morrer, ou seja, tirar a vida de quem estar prestes a tirar a tua, como em assaltos, atentados…

    todas as passagens que fala do tema álcool fala de se dar: o bispo não seja dado ao álcool, Paulo ensinando na Carta a Timóteo. A lingua portuguesa é muito cristalina quanto ao uso desse vernáculo, ou seja, deixa evidente que é a pessoa que se doa.

    Doar é se dedicar a algo de corpo e alma em detrimento de coisas importantes da vida terrestre e espiritual.

    Meu caro, não queira devolver Cristo para cruz em face do milagre do vinho, bem assim do que tomou antes da sua morte, em especial pelo fato de que em nenhuma parte do Novo Testamento fala de Cristo dado ao álcool, por favor, não ponha santidade para Ele onde não precisa e muito menos atribua ao filho de Deus estado pecaminoso, qual seja o vício, o dar-se ao álcool.

    Estou esperando, cadê um registro da lei judaica, cristã, de São Paulo que proiba o álcool?

    Não se pode nem por e nem tirar um til, oK?

  22. Lady Kate disse:

    Caleb e Levi,
    A minha postura é contra a bebida, mais por ela ser perigosa, causar acidentes – VIDE A LEI SECA, GENTE! Pela possibilidade de causar dependência, por ser uma despesa a mais no orçamento de quem bebe, etc, etc.
    Para quem não tem problemas, e sabe que pode tomar vinho ou champagne, uma vez ou outra, não tenho nada contra!
    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só!

  23. fabricio disse:

    são todos loucos…este site gosta disto mesmo é de discussão pela palavra e não de edificação …e todos são cobaias, de um site que de evangelico não tem nada e não quer divulgar a palavra da salvação mais criar contenda entre os irmãos…naquele dia somente ficará claro quem estara certo…todos vão ser julgados segundo as suas obras e quanto mais vcs discultem sobre esse assunton nada edificante, esta sendo registrado no céu…
    MEU DEUS SE PASTORES SE DÃO O LUXO DE FICAR ESCREVENDO IOCRESIAS COMO BEBER NÃO TEM NADA A VER…VAI A MULHAER DESSES PASTORES NÃO TEM NADA A VE ELAS ADULTERAREM ” DEUS PERDOA”, QUERO VER SE UM JOVEM TOMAR UMAS TAÇAS DE “UM BOM VINHO” E PASSAR COM O CARRO EM CIMA DE UM DESSES PASTORES QUE DEFENDER O BEBER BEBIDA ALCOOLICA…FALA PARA MUITOS JOVENS QUE TIRAM A VIDA DE OUTROS COM ACIDENTE BRIGAS E TUDO MAIS ” MATAR OS OUTROS OU SEM INCONSEQUENTE N~~AO TEM NADA A VER”
    besteira…
    esse assunto e discusões não mudam a palavra as opiniões são diversas mas a palavra é e continuara sendo uma é sim…sim..não..não…

  24. Roberto Augusto disse:

    Concordo cm eles:
    mARCOS disse: (concordo)
    “Marilia disse:
    existem estrategias que Deus nos dá que devemos estar alicerçados na Palavra de Deus…”(concordo)

    Porém deixou um recado para todos:
    Galera muitos de V6 estão querendo fazer uma disputa sobre a Biblia, qm sabe mais, qm sabe mais?
    Uns ai ate postaram dizendo que so o diabo sabe mais do que essa pessoa, (não m recordo qm foi), Soh peço à Deus q Tenha Misericordia de tdos os que perdem Tempo discutindo
    Postando contradições, batendo de frente um com o outro, me desculpa desanimar vc, mais nada disso q vc tem falado tem sido de grande interesse e nem tem me acrescentado nada espiritualmente, para q algo nos seja acrescentado devemos nos focar na palavras de Deus meditando na palavra de Deus, e quem discorda disso desculpa, mais ainda n~/ao serve ao Deus Vivo: leiam essa passagem e reflitam sobre discussões tolas:

    Timoteo 2:14-26
    Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes.
    Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    Mas evita os falatórios profanos, porque produzirão maior impiedade.
    E a palavra desses roerá como gangrena; entre os quais são Himeneu e Fileto;
    Os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição era já feita, e perverteram a fé de alguns.
    Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.
    Ora, numa grande casa não somente há vasos de ouro e de prata, mas também de pau e de barro; uns para honra, outros, porém, para desonra.
    De sorte que, se alguém se purificar destas coisas, será vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra.
    Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.
    E rejeita as questões loucas, e sem instrução, sabendo que produzem contendas.
    E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor;
    Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade,E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.

    Queridos que Deus possa falar ao coração de kda um de nós, reflitam sobre isso!
    Graça e Pazz

  25. Roberto Augusto disse:

    Concordo cm eles:

    “Marilia disse:
    existem estrategias que Deus nos dá que devemos estar alicerçados na Palavra de Deus…”(concordo)

    Porém deixou um recado para todos:
    Galera muitos de V6 estão querendo fazer uma disputa sobre a Biblia, qm sabe mais, qm sabe mais?
    Uns ai ate postaram dizendo que so o diabo sabe mais do que essa pessoa, (não m recordo qm foi), Soh peço à Deus q Tenha Misericordia de tdos os que perdem Tempo discutindo
    Postando contradições, batendo de frente um com o outro, me desculpa desanimar vc, mais nada disso q vc tem falado tem sido de grande interesse e nem tem me acrescentado nada espiritualmente, para q algo nos seja acrescentado devemos nos focar na palavras de Deus meditando na palavra de Deus, e quem discorda disso desculpa, mais ainda n~/ao serve ao Deus Vivo: leiam essa passagem e reflitam sobre discussões tolas:

    Timoteo 2:14-26
    Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes.
    Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    Mas evita os falatórios profanos, porque produzirão maior impiedade.
    E a palavra desses roerá como gangrena; entre os quais são Himeneu e Fileto;
    Os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição era já feita, e perverteram a fé de alguns.
    Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.
    Ora, numa grande casa não somente há vasos de ouro e de prata, mas também de pau e de barro; uns para honra, outros, porém, para desonra.
    De sorte que, se alguém se purificar destas coisas, será vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra.
    Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.
    E rejeita as questões loucas, e sem instrução, sabendo que produzem contendas.
    E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor;
    Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade,E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.

    Queridos que Deus possa falar ao coração de kda um de nós, reflitam sobre isso!
    Graça e Pazz

  26. Fabio de Britto disse:

    Graca e Paz

    O que mais importante, o meu querer o o seu querer?
    A minha vontade ou a sua vontade?

    Enquanto estivermos debatendo quem eh que esta certo eu ou vc, a minha vontade ou a sua, o meu desejo ou o seu, nunca entraremos em consenso.
    Mas, se analizarmos a nossa vontade, o nosso desejo, o nosso querer e compararmos com o de Deus, sempre deve e prevalecera o de Deus.

    A Biblia NAO se contradiz, mas aqueles que quiserem contradicao, encontara. Mas se pedirmos orientacao ao Espirito Santo de Deus em oracao antes de lermos a Biblia, Ele fara nos entedermos conforme a Sua vontade.

    Estarei perdido se for guiado pela minha vontade ou pela sua.

    Leia a Biblia e faca oracao se quiser crescer.
    Quem nao ora e a Biblia nao ler, vai diminuir.

    Deus vos abencoe.

  27. edr disse:

    Pator caleb… pastor nada isso aí é um bebum de primeira…..

  28. Amarildo disse:

    Jesus tomou vinho ou foi cerveja?
    Os alcolatras sempre defende seu copinho.

  29. roberto disse:

    “PASTOR CALEBE”

    SE CONTINUAR ASSIM , VAI RIR NO DIA DO ARREBATAMENTO?????

    PENA, QUE SUA MENTE JÁ ESTÁ DOMINADA PELO espírito da bebida.

    lembrê-se da parábola das 10 virgens, 5 eram prudentes e subiram com o noivo – JESUS

    as outras 5 eram insensatas – e ficaram e a porta se fechou.

    o que não entendo, que um Pastor é levantado por Deus, para pregar SANTIDADE, FÉ, SALVAÇÃO, MUDANÇA DE VIDA, VIDA NO ESPÍRITO, E VOCE FICA PREGANDO VINHO, CERVEJA – TENHO PENA DE VOCE.

  30. edr disse:

    O Roberto isso se é que ele é pastor mesmo né…..??? pq fala sério….!!!!!

  31. Levi varela disse:

    Lady kate,

    Já me envolvi com acidentes, sendo que as pessoas não estavam bebedas.

    Antes de atribuir à bebida os males do trânsito, que procure os dados estatísticos do percentual de acidentes computável à bebidaç

    Não esqueça que inexiste neste país uma ação inibidora do álcool aos jovens menores de 18 anos, sendo comum festas começarem à meia noite, sem a presença dos antigos inspetores de menor. Outra coisa, inumeros postos de combustíveis fornecem bebidas indevidamente a menores, seja direto a eles seja via colegas não mais de menor.

    Quanto ao álcool se constituir em mais uma despesa no orçamento familiar, de novo estamos a desviar o assunto para outro problema, o daprodigalidade(esbanjar de dinheiro), não o da bebida, afinal quem tem essa mania gasta com mulheres, compras em excesso, jogos de azar sob aposta.

    Quanto â possibilidade de se viciar com a bebida, cuidado, pois em breve, seguindo esse mesmo raciocínio, breve não mais haverás de se alimentar, justo para evitar o pecado da glutonaria.

    De igual modo, que deixes de ter uma religiosidade para não se tornar dentro de pouco tempo mais uma fundamentalista, uma fanática.

    Eu vou renunciar à leitura da bíblia para evitar que eu leia coisas que são proibidas, epa! isso não parece coisa de Igreja Catolica, não?

    Acho que é, pois queimava os exemplares da bíblia para evitar que as pessoas ficassem cientes de seus deveres cristãos, via de consequência manter a todos despidos do saber.

    Não se contentou com a fogueira, depois criou uma pedagogia eclesiástica, impedindo que a biblia fosse interpretada pelos seus adeptos, só os clérigos.

    Ora, mas é justamente isso que está ocorrendo nesse site, onde as pessoas não apresentam argumentos bíblicos, daí passam a desqualificar os que tem tese balizada.

    Tais pessoas não conseguiram apontar, responder os questionamentos que fiz acima, os da referência bíblica que confirme uma proibição explícita ao uso da bebida de modo social, com responsabilidade, com o intuito de trazer benefícios.

    Cuidado gente, daqui a pouco alguns vão tomar de uma só vez a terapia medicamentosa recomendada para vários atos, passo seguinte proibir medicamentos por causar mal à saúde.

    Estou esperando argumentos, não deboches, por favor.

  32. Lady Kate disse:

    Levi Varela,

    Espero que vc não tenha se referido a mim quanto aos deboches, tenho certeza que apenas expus o meu pensamento, com todo respeito.
    Engraçado, como as coisas mudam, há bem pouco tempo atrás, eu era considerada a margem da igreja, muitos até me ofenderam por causa da minha postura em relação há vários tópicos. Agora, eu é que sou fundamentalista?
    Bem disse Jesus, nem todo aquele que me diz Senhor, Senhor…
    Interessante, enquanto uns não veem nada de mal em tomar os seus “goles”, outros acham que namorar mesmo sendo casados, também não é tão ruim assim, basta saber administrar a situação! Legal, não?
    Com certeza, o nosso arraial evangélico está ficando bem “prafrentex!”
    E, agora, vamos todos marchar, quem sabe ao som do rebolacion!

  33. Nelson Silva disse:

    A onde está escrito na Bíblia que Paulo precisou tomar algum tipo de bebida alcóolica para ganhar os gentios para Cristo! O que está faltando em nossos dias é a operação de milagres e maravilhas! Os alcóolatras tem de ver o poder de Deus através de nossas vidas!

  34. Levi varela disse:

    Nilson Dias,

    Realmente, Paulo não precisava está bêbado para para evangelizar, mas se alimentava de tudo, coisa que ocorria com Pedro(igual a você), todavia esse último mudou de postura após a chegada dos judeus, sendo repreendido piamente e publicamente por Paulo.

    Paulo, de igual modo, quando vê uma imagem dedicada a um deus desconhecido, logo apresenta aquela como se de Deus fosse, ou seja, uma ato de sabedoria, de perspicácia quando havia é proibido o uso de imagens, isso sim que é um pedagogo, meu caro.

    Noutra feita, deixa de estimular o dízimo, passa a trabalhar e o que é melhor deixa claro que é uma tática para evitar afastamento dos recém convertidos, ou seja, diminui o seu rítmo evangelístico em face de crentes apegados ao financeiro, aos detalhes e às minúcias, afinal tal prática do dízimo era inerente ao povo judeu, não em outros países.

    A mesma pergunta que fiz acima sobre Cristo, a conversão de água em vinho, como explicar que Cristo faz uma coisa que ele não concorda, ou seja, não prova do vinho, todavia fornece aos outros?

    Como seja, Paulo sabe da importância do álcool para a saúde, evidente de modo comedido estimula a um dos seus discípulos, Timóteo, em vista da fragilidade estomacal deste.

    Porventura, achas que Cristo e Paulo eram hipócritas? Merece, pois, o filho de Deus ser devolvido à cruz agora por hipocrisia por falar e agir de formas diferentes?

    Meu caro, eu sei que costumes não são fáceis de ultrapassar, sei também que aquilo que se costuma ter como verdade doutrinária doi ao ser rebatida, mas nada impede de você continuar com os teus costumes, nunca como algo que impeça à chegada aos cèus, afinal o próprio Apocalipse fala dos bêbados, que é o estado desregrado, desmedido e escandaloso do uso de bebida, coisa que ocorre com os comedores, ou seja, os glutões, dá para entender uma coisa e outra?

    Meu caro, o estudar é importante, mas você deva ter ouvido falar de pessoas que se desequilibraram por dedicação intensiva, desmedida, até fazendo uso de drogas que desestimulam o sono.

    Na mesma linha encontramos o trabalho, que é recomendado por Deus, todavia a própria bíblia estabelece um dia da semana como descanso, que deva ser aproveitado para ir à igreja, evidente nada impedindo se noutros dias também frequentá-la.

  35. Wqueiroz -Lisboa disse:

    Papa concluiu, nesta quarta-feira, o segundo dia de sua 15ª Viagem Apostólica Internacional, rezando o Terço na Capelinha das Aparições no Santuário de Nossa Senhora de Fátima.

    Bento XVI abençoou as velas que foram levadas em procissão, ressaltando que “todos juntos, com a vela acesa na mão, lembrais um mar de luz à volta desta singela capelinha, amorosamente erguida em honra da Mãe de Deus e nossa Mãe, cujo caminho da terra ao céu foi visto pelos pastorinhos como um rasto de luz”.

    O Papa convidou os peregrinos a imitarem Maria fazendo ressoar em suas vidas o “faça-se em mim segundo a tua palavra” (Lc 1, 38). “No nosso tempo em que a fé, em vastas zonas da terra, corre o perigo de apagar-se como uma chama que já não recebe alimento, a prioridade que está acima de todas é tornar Deus presente neste mundo e abrir aos homens o acesso a Deus. Não a um deus qualquer, mas àquele Deus que falou no Sinai; àquele Deus cujo rosto reconhecemos no amor levado até ao extremo em Jesus Cristo crucificado e ressuscitado” – frisou o pontífice.

    “Não tenhais medo de falar de Deus e de ostentar sem vergonha os sinais da fé, fazendo resplandecer aos olhos dos vossos contemporâneos a luz de Cristo, tal como a Igreja canta na noite da Vigília Pascal que gera a humanidade como família de Deus” – disse ainda Bento XVI. Ouça aqui:

    O Papa frisou que ali na Capelinha das Aparições três crianças se renderam à força interior que as invadiu nas aparições do Anjo e da Mãe do Céu. “Aqui, onde tantas vezes se nos pediu que rezemos o Terço, deixemo-nos atrair pelos mistérios de Cristo, os mistérios do Rosário de Maria. A oração do Terço permite-nos fixar o nosso olhar e o nosso coração em Jesus, como sua Mãe, modelo insuperável da contemplação do Filho” – frisou.

    O Santo Padre depositou nos pés de Nossa Senhora de Fátima as preocupações, as esperanças deste nosso tempo, as dores da humanidade ferida e os problemas do mundo.

    “Virgem Mãe de Deus e nossa Mãe querida – concluiu o Papa – intercedei por nós junto de vosso Filho para que todas as famílias dos povos, quer as que se distinguem pelo nome cristão quer as que ainda ignoram o seu Salvador, vivam em paz e concórdia até se reunirem finalmente num só povo de Deus, para glória da santíssima e indivisível Trindade”.

    Depois da Oração do Terço, o Secretário de Estado, Cardeal Tarcisio Bertone, presidiu a missa da vigília da Solenidade da Ascensão do Senhor, que no Brasil se celebra no próximo domingo. (MJ)

  36. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!!!

    Brincadeira, meu caro, mas sua interpretação de alguns textos bíblicos é no mínimo sofrível!!! Dizer que todas as passagens do tema álcool falam de “se dar”, no sentido de “se dedicar a algo de corpo e alma em detrimentos de coisas importantes da vida terrestre e espiritual” foi realmente equivocada. Primeiramente, o vernáculo usado no texto daria margem para uma série de interpretações, pois na língua portuguesa “se dar” pode significar “se doar”, “ter atração”, “habituar-se”, etc. Além disso, quando se interpreta um texto que tenha uma expressão portuguesa com um amplo sentido como a do texto de 1Timóteo 3.3, o mínimo que se espera é uma explicação fundamentada no original grego. Pois bem, a expressão “não dado ao vinho” traduz a expressão grega “me paroinon”, formada de “me”, que significa “não”, e “paroinon”, palavra composta que significa literalmente “ao lado do vinho”, “perto do vinho” ou “com vinho”. Aqui a Bíblia requer que nenhum pastor ou presbítero fique “sentado ao lado do vinho” ou “esteja com vinho”. Noutras palavras, não deve beber vinho embriagante, nem ser tentado ou atraído por ele, nem comer e beber com os ébrios (Mt 24.49). Como a Bíblia iria advertir os reis, mais alto cargo civil, de beberem vinho (Pv 31.4) e, ao mesmo tempo, iria permitir os bispos, um dos mais altos cargos eclesiásticos, a beberem?!

    É brincadeira também, meu caro, a incoerência e contradição dos argumentos usados para defender o uso de vinho alcoólico. Você, por exemplo, defende o uso moderado do vinho alcoólico, mas ao mesmo tempo afirma que o vinho transformado por Jesus em Caná da Galiléia era alcoólico. Ora, mesmo que Jesus permitisse o uso moderado de bebida fermentada, a última coisa que Ele faria naquela ocasião era dar mais vinho alcoólico para o povo. A Bíblia diz que àquela altura da festa todos já haviam “bebido bem” e você acha que Jesus sabendo disso iria dar mais vinho para o povo? Ué, cadê a moderação?! Se Jesus desse vinho alcoólico àquelas pessoas, mesmo depois de já terem “bebido bem”, estaria compactuando com a embriaguez, coisa totalmente impossível de acontecer, pois nosso Salvador conhecia a admoestação do profeta Habacuque: “Ai daquele que dá de beber ao seu companheiro! Tu, que lhe chegas o teu odre e o embebedas, para ver a sua nudez” (Hc 2.15).

    Outra brincadeira é ignorar a recomendação do sábio: “Não é próprio dos reis, ó Lemuel, não é próprio dos reis beber vinho, nem dos príncipes desejar bebida forte” (Pv 31.4). Ora, se a Bíblia diz que os reis e os príncipes não deveriam ingerir bebida alcoólica, como nós vamos afirmar que o REIS DOS REIS e PRÍNCIPE DA PAZ colocou algum pingo de álcool em sua boca?!

    Outra brincadeira sua é citar textos do Antigo Testamento que aparentemente permitem o uso de bebida alcoólica e ignorar as claras recomendações de abstinência para as pessoas envolvidas na obra de Deus, como os sacerdotes, nazireus, reis, etc. (Lv 10.9; Nm 6.3; Pv 31.4). E o nosso voto de consagração total a Deus (Rm 12.1; 1Ts 5.23)?! E o nosso sacerdócio real (1Pe 2.9,10)?! Fica clara e atual a recomendação do sábio: “NÃO OLHES PARA O VINHO” (Pv 23.31).

    Outra brincadeira sua é afirmar que o vinho da Santa Ceia era alcoólico. A Lei proibia comer qualquer coisa fermentada na Páscoa (Ex 12.20). Dizer que o vinho da Santa Ceia era fermentado é a mesma coisa que dizer que o sangue de Jesus possuía algum teor de corrupção!…

    Outra brincadeira de alguns é afirmar que os que dizem que Jesus nunca bebeu vinho alcoólico são fariseus, sendo que a Bíblia fala justamente o contrário. Foram os fariseus, tentando debochar de Jesus, que disseram que Ele era “comilão e bebedor de vinho” (Lc 7.34). Jesus não afirmou que bebia vinho alcoólico, Ele disse que tinha hábitos alimentares comuns, ao contrário de João Batista. Mas como os fariseus gostavam de aumentar as coisas, como fizeram no Sinédrio (Mt 26.59,60), disseram que até em um “goró” Jesus era chegado, uma óbvia tentativa de desmoralizá-lo diante das pessoas que nele criam.

    É brincadeira também, meu caro, afirmar que os crentes do Novo Testamento bebiam vinho alcoólico. Alguns judeus no dia de Pentecostes até zombaram dos discípulos dizendo: “Estão cheios de mosto” (At 2.13). Ora, “mosto” (gr. gleukos) é indubitavelmente suco de uva, pois mosto denomina a extração recente do suco da uva. Os judeus sabiam que os seguidores de Cristo não tinham o costume de ingerir vinho alcoólico e, por isso, ironizaram o comportamento deles supondo que estivessem bêbados com suco não fermentado… Paulo ainda disse para Timóteo: “Não bebas mais água só, mas usa um pouco de vinho, por causa do teu estômago, e das tuas frequentes enfermidades” (1Tm 5.23). Este texto deixa claro que Timóteo não bebia vinho, pois se ele tivesse o costume de beber vinho, não teria sido necessário Paulo aconselhá-lo a tomar um pouco de vinho com propósitos medicinais. Toda regra tem a sua exceção e mesmo assim é perfeitamente possível que o “oinos” citado por Paulo seja o suco da uva não fermentado, pois Ateneu e Plínio já recomendavam o uso de suco da uva não fermentado para problemas estomacais (Ateneu – “Banquete” 2.24; Plínio – “História Natural” 14.18).

    Também é incoerente, meu caro, pensar que Deus não se deixa escarnecer (Gl 6.7) e, ao mesmo tempo, afirmar que Deus incentiva o uso de uma bebida que Ele mesmo classifica como escarnecedora (Pv 20.1).

    Algumas coisas nesta discussão são realmente uma brincadeira! Não parece um debate teológico, mas sim um discipulado para novos convertidos. Estamos falando dos rudimentos do Evangelho. Já disseram que Jesus casou com Maria Madalena; também já disseram que Ele mantinha um relacionamento homossexual com João; e, agora, querem dizer que Ele ingeria bebida alcoólica.

    Os tempos e as culturas mudam, porém a Palavra de Deus permanece: “Não olhes para o vinho, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente” (Pv 23.31).

    De qualquer forma, foi um prazer discutir um assunto tão polêmico com você. Que Deus o abençoe!

    Maranata! Ora vem, Senhor Jesus!!!

  37. josiane disse:

    Acho nada a ver beber para evangelizar. Estamos agindo igual aos impios então???Não somos melhores que os impios mas conhecemos a verdade….A bebida e as drogas são do mundo, o mundo jaz do MALIGNO.Sou totalmente contra crente tomat bebida de alcool, as famílias estão sendo destruídas por causa desse vícios e nós vamos aceitar ser enganados pelo inimigo????Se não é fácil, mas não vamos passar pela porta estreita…Não faz mais parte de nós, hoje nós devemos andar no ESPÍRITO e não na carne … DEUS abençoe a todos…

  38. CALEB disse:

    Aamados e queridos irmãos , sugiro que deixemos aqui algums sugestões para apreciaramos um bom e delicioso vinho em certas refeições…

    Posso ouvir um amem ?

    Posso ouvir um Gloria?

    Pastor Caleb.

  39. Luiz Otavio disse:

    É Caleb, tá difícil o pessoal concordar contigo… Vamos fazer o seguinte: você toma um vinho daí que eu tomo um daqui. Vamos aproveitar antes que nos apedrejem!!! Ah, um brinde ao bom senso! Rsrsrs…

  40. IURY RANGEL disse:

    Minha sugestão: Suco Del Valle, 0% de álcool, uma delícia!!!

  41. JOSÉ ADILSON disse:

    Quem destruir o templo do Senhor também será destruido. A cerveja provoca o ressecamento da bílis, eleva a pressão arterial, ajuda na propagação da cirrose, atordoa a mente. Pode levar, e tem levado, muitas pessoas morrerem no trânsito, quando no muito não morrem. Umn pouco do errado, é errado. Sexo não é pecado realmente. Aliás, foi criado por de Deus e tudo que Deus faz é bom. Agora a cerveja não foi Deus que fez. É algo manipulado por homens, criado para entopercer. Sejamos sóbrios, até para quem não é cristão, a cerveja é ruim.

  42. CALEB disse:

    Ola Irmão Luiz,

    A propria medicina, alem da eterna Palavra do Nosso Deus, a Biblia Sagrada, nos ensina e exorta que devemos tomar um bom e delicioso vinho,bem irmão, é só verificarmos em qualquer site de medicina ou de saude e logo nos deparamos dos varios beneficios que uma deliciosa taça de vinho POR DIA faz ao nosso corpo , coração, sangue, e muitos outros beneficios…coisas de Deus mesmo irmão….e isso , os proprios medicos cardiologistas tambem nos diz.
    Alem de ser um otimo ingrediente saudavel, claro, é uma delicia.

    Mas irmão Luiz, um bom vinho suave, com uma pizza feita na hora de quatro queijo….vc não acha que é uma delicia..ou o irmão prefere um vinho branco para acompanhar essa alimentação?

    Pastor Caleb.

  43. edr disse:

    CALEB BAITA BEBUM….

  44. roberto disse:

    Lady kate e “pastor caleb”

    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só!

    JÁ TRABALHEI NUM TERREIRO DE UMBANDA, ANTES DE SE CONVERTER, A BEBIDA PREDILETA DA POMBA GIRA, É A CHAMPAGNE E VINHO, E CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, COMO VOCÊ ESTÃO TOMANDO A BEBIDA QUE AGRADA AO DIABO, ABRA-TE TEU OLHO IRMÃZINHA!!! E PARA DE DAR MAU TESTEMUNHO COMO O SUPOSTO “PASTOR CALEB” QUE DEMONSTROU SER UM CARA DE PAU E MANGUAÇEIRO, BOCA DE ALAMBIQUE,BARRIGA DE VINHO E DEGUSTADOR DO MAL VINHO DO INFERNO. VAMOS SE CONVERTER DE VERDADE MINHA GENTE.

  45. roberto disse:

    Lady kate e “pastor caleb”

    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só! DISSE A LADY KATE.

    JÁ TRABALHEI NUM TERREIRO DE UMBANDA, ANTES DE SE CONVERTER, A BEBIDA PREDILETA DA POMBA GIRA, É A CHAMPAGNE E VINHO, E CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, COMO VOCÊ ESTÃO TOMANDO A BEBIDA QUE AGRADA AO DIABO, ABRA-TE TEU OLHO IRMÃZINHA!!! E PARA DE DAR MAU TESTEMUNHO COMO O SUPOSTO “PASTOR CALEB” QUE DEMONSTROU SER UM CARA DE PAU E MANGUAÇEIRO, BOCA DE ALAMBIQUE,BARRIGA DE VINHO E DEGUSTADOR DO MAL VINHO DO INFERNO. VAMOS SE CONVERTER DE VERDADE MINHA GENTE.

  46. CALEB disse:

    Pois é gente….conheço feitiçeiro, macumbeiro, idolatra e outros filhos de satanas que usam tenis, calça jens, vestido, cueca …então minha gente …VAMOS ANDAR PELADOS…pois os macumbeiros, feitiçeiros, idolatras e outros filhos de satanas usam essas coisas ….”que meda”….rss…

    Então..apartir de agora, ninguem usa metro, onibus e nao vao ao hospitais, pois esses lugares tambem sao usados pelos filhos das trevas….

    Eta , quanta religiosidade e farizaismo…

    Pastor Caleb.

    Ps: Nossa, como me divirto com esses religiosos e fariseus de plantao…kkkkkkkkkkkkkkk

  47. Lady Kate disse:

    Roberto,
    Me perdoe pelo que vou dizer, mas “santarrões” igual a você, eu já conheci muitos! Pessoas que são céleres para julgar, usam e desusam do evangelho de Cristo, para dar “bordoadas” nos outros!
    Não me venha com argumentos pífios, ainda mais usando costumes de outras religiões! Você sabia que eles também comem feijão e arroz com bife e salada? É… acho melhor vc deixar de comer esses alimentos, eles podem te contaminar, viu santinho?
    É um absurdo achar que um simples degustar de champagne, para acompanhar a família que está brindando unida o novo ano que chega, possa causar vício porque pessoas de outras religiôes também tomam essa bebida!!!
    Realmente, nesse arraial evangélico aparece cada figura!
    Tô bem acordada pra você!

  48. edr disse:

    É BEM ESSE O TRABALHO DE UM PASTOR FICAR SE DIVERTINDO E PERDENDO TEMPO NA INTERNET ENQUANTO AS ALMAS ESTÃO POR AÍ…. E AS OVELHAS COMO ANDA????? …. FALA SÉRIO SE TU É PASTOR MESO CISA DA QUAL EU DUVIDO MUITO….. É O DA PIOR ESPÉCIE, DAQUELES BEM MEDIOCRES….., E AINDA CHAMA OS OUTROS DE FARIZEU…..NÃO TENS ESPELHO EM CASA….????
    SABE O Q EU ACHO É SÓ UMA TEORIA, PELA AGRESSIVIDADE COM QUE TU FALAS DE IGREJAS COMO RENASCER,UNIVERSAL,E OUTRAS, ACHO QUE NA REALIDADE TENTASTES SER UM PASTOR EM TODAS ELAS MAS NÃO TE DEIXARAM, NÃO TE DERAM CRÉDITO, AÍ TE REVOLTASTES E TE ALTO DENOMINOU PASTOR, MAS NÃO PASSAS DE UM MANGUACEIRO DESOCUPADO, QUE PASSA O DIA NA INTERNET SE DIVERTINDO(PALAVRAS SUAS)!!!! PASTOR….. ESSA BOA…. TENHO PENA DE VOCÊ CHEGUEI A CONCLUSÃO QUE ÉS MAIS UM DESSES FRUSTRADOS, SÓ SABE CHINGAR MAS MUITO POUCO USA A BIBLIA PARA COMPROVAR O QUE FALAS, NÃO CONHECE DIREITO AQUILO QUE DEVERIA SER SUA ESPADA…., E O MELHOR QUE QNDO CONTESTADO POR DENTRO DAS ESCRITURAS NUNCA RESPONDES…, DEVE SER PORQUE NÃO TEM NADA Á DIZER PORQUE NÃO SABE O QUE DIZER….PELO MENOS ESTUDA MAIS UM POUUINHO DA PALAVRA PRA VER SE CONSEGUE CONVENSER-SE Á SI MESMO, POR QUE A MAIS NINGUÉM TU CONVENCES DE QUE ÉS UM PASTOR.
    TALVEZ AGORA TU ME DE ALGUMA RESPOSTA MAS TENTA USAR A BIBLIA…..

  49. Levi varela disse:

    Roberto,

    O mal não está na bebida que se toma nos cultos que você frequentava, sim a quem ele era dirigido ou a quantidade exagerada.

    Você talvez (veja que estou no campo da hipótese), deva ter usado uma cama para a prática do sexo fora do casmento. Para si livrar, você resolve amaldiçoar a cama, quando o erro é a sua desonestidade com um dos deveres do casamento. Piada: marido flagra a mulher o traindo no sofa, para matar o mal pela raiz tem uma ideia genial, qual seja, desfaz-se do sofá.

    José Adilson,

    Todas as enfermidades que você fez referência ocorrem quando do uso imoderado, pergunta ao teu médico, inclusive a quantidade que a ciência médica entende como não destrutiva, do contrário.

    Meu caro, se você tomar muita água em pouco tempo, também proporciona pressão elevada, pergunta ao teu médico ou faça uma experiência bebendo de um a dois litros em curto espaço de tempo.

  50. lucy mara braz disse:

    Não é de se admirar que tantas coisas estejam acontecendo no meio cristão , infelizmente o que temos visto são muitos simpatizantes do Envangelho e poucas conversões genuínas porém o Senhor já havia nos alertado sobre essas coisas e para aqueles que amam e seguem a palavra de Deus convém lembrar que no fim dos tempos muitos apostatarão da fé se inflamando em paixões humanas desprovidas do Amor de Deus,fica o alerta quem está de pé cuide para que não caia.
    E ELE CONSERVARÁ EM PAZ AQUELE CUJA MENTE ESTÁ FIRME EM TI,PORQUE ELE CONFIA EM TI. Isaía 26.3

  51. lucy mara braz disse:

    AO LER ALGUNS COMENTÁRIOS ME PREOCUPOU PERCEBER QUE FALTA ENTENDIMENTO PARA O POVO ACERCA DA PALAVRA DE DEUS,ONDE ESTÃO AS BASES BÍBLICAS SÓLIDAS QUE NÃO SE ESTRUTURAM NA TEORIA HUMANA PARA QUERER EXPLICAR ALGO DE QUE NÃO SE TEM CONHECIMENTO.JESUS TRANSFORMOU ÁGUA EM VINHO SIM E PARA INFORMAÇÃO DAQUELES QUE NEM SE DÃO AO TRABALHO DE LER MAIS PARA ARGUMENTAR,TRATA-SE DE VINHO NOVO QUE NÃO CONTÉM TEOR ALCOÓLICO POIS É PRECISO DE FERMENTAÇÃO PARA SE TONAR ALCOÓLICO O QUE NÃO FOI O CASO DE JESUS QUE TINHA ACABADO DE TRANSFORMAR A ÁGUA EM VINHO E PARA FERMENTAR É PRECISO DE TEMPO , JÁ OUVIRAM DIZER QUE QUANTO MAIS VELHO O VINHO MAIS FERMENTANTADO FICA .LER A BÍBLIA APENAS NÃO É SUFICIENTE ,É PRECISO TER UMA RELAÇÃO COM O SEU CRIADOR E ISTO SÓ É POSSÍVIEL ATRAVÉS DE JESUS. NÃO SE LIMITA A TEORIAS FUNDADAS NA RAZÃO HUMANA E DESDE QUANDO A MENTE HUMANA SERVE DE GUIA PARA UMA VIDA CORRETA É SÓ OLHAR PARA O MUNDO E VER QUE O HOMEM SEM DEUS SE DESESPERA.

    CONHEÇAMOS E PROSSIGAMOS EM CONHECER O SENHOR.OSÉIAS 6.3A

  52. IURY RANGEL disse:

    Está havendo algum poblema no site? Há comentários aguardando moderação desde ontem…

  53. Pr. Reinaldo disse:

    Olha, já pensou se alguem de sua igreja passa perto de um bar e voce está lá bebendo algo junto com aquele monte de pessoas bebadas?
    voce está dando digamos um mal testemunho.
    não que eu seja contra ir no bar e pregar para aqueles que estão lá.
    Em 1Corintios 9:20_23 paulo diz “Fiz-me judeu para ganhar os Judeus, para os que estão debaixo da lei, como se estivera debaixo da lei, para ganhar os que estão debaixo da lei.
    para os que estão sem lei, como se estivera sem lei, para ganhar os que estão sem lei.
    Fiz-me fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para, por todos os meios, chegar a salvar alguns”…
    Então não sou contra ir ao bar pregar para aqueles que estão lá, mas sim de tomar a cerveja que eles estão tomando..
    Querendo ou não somos representantes do reino de Deus, temos que dar testemunho disso.

    Ps. Pregar para crente dentro da igreja é fácil, agora se todos forem assim quem vai pregar para aqueles que vivem dentro de bares, biqueiras de dorgas etc…???
    alguem tem que ir levar o evangélho a eles, pois somos chamados para isso, e esta é nossa obrigação…

  54. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!

    Brincadeira, meu caro, mas realmente sua interpretação de alguns versículos bíblicos sobre bebida alcoólica é no mínimo sofrível! Sua explicação baseada em 1Timóteo 3.3 foi, de fato, equivocada. Primeiramente, o vernáculo usado no texto daria margem para uma série de interpretações. Isto porque a expressão “ser dado” na língua portuguesa pode significar “se doar”, “ser atraído”, “ser habituado”, etc. Além disso, quando se interpreta um texto bíblico que contém uma expressão portuguesa que pode ser entendida de várias formas, o mínimo que se espera é uma explicação clara e coerente fundamentada no original grego. Pois bem, a expressão “ser dado ao vinho” em 1Timóteo 3.3 traduz a expressão grega “me paroinon”, formada de “me”, que significa “não” e “paroinon”, que significa literalmente “ao lado do vinho” ou “com vinho”. Paulo estava dizendo que os bispos não deveriam “estar ao lado do vinho”. Noutras palavras, os líderes da igreja foram exortados a não ingerir bebida alcoólica, nem “moderadamente”.

    É brincadeira também, meu caro, a incoerência e contradição dos argumentos das pessoas que tentam achar base bíblica para o uso de bebida alcoólica. Você, por exemplo, defende que é permitido o uso moderado de vinho, mas, ao mesmo tempo, afirma que a bebida transformada por Jesus em Caná da Galiléia era vinho alcoólico. Ora, mesmo que Jesus permitisse o consumo moderado de bebida alcoólica, a última coisa que Ele pensaria em fazer naquela festa seria dar mais vinho alcoólico para as pessoas. A Bíblia relata que àquela altura da festa todos já haviam “bebida bem” (Jo 2.10). Se algumas pessoas daquela festa já tinham consumido bastante bebida alcoólica, como é que Jesus forneceu mais bebida alcoólica para elas?! Ué, cadê a moderação?! Se Jesus fornecesse bebida alcoólica àquelas pessoas, mesmo sabendo que já tinham “bebido bem”, estaria compactuando com a embriaguez, o que é totalmente impossível, pois nosso Salvador conhecia a recomendação do profeta Habacuque: “Ai daquele que dá de beber ao seu companheiro! Tu, que lhe chegas o teu odre e o embebedas, para ver a sua nudez” (Hc 2.15).

    Outra brincadeira sua é afirmar que o vinho da Santa Ceia era fermentado. A Lei proibia o consumo de qualquer coisa fermentada na Páscoa (Ex 12.20). O fermento era proibido, pois era símbolo de corrupção. Sendo assim, afirmar que o vinho da Santa Ceia possuía algum teor alcoólico é a mesma coisa que dizer que o sangue de Jesus possui algum teor de corrupção (1Pe 1.19).

    Outra brincadeira sua é citar trechos do Antigo Testamento que aparentemente permitem o consumo de bebida alcoólica, mas, ao mesmo tempo, ignorar as claras recomendações de abstinência para os líderes religiosos (sacerdotes – Lv 10.9), civis (reis – Pv 31.4), além daqueles que mantinham algum tipo de voto com Deus (nazireus – Nm 6.3). E ainda tem coragem de dizer que tais recomendações eram por causa do constante serviço que eles estavam envolvidos, como se nosso sacerdócio real também não nos obrigasse a estar constantemente preparados para prestar serviços ao Reino de Deus.

    É brincadeira também, meu caro, ler a recomendação do sábio de que não era próprio aos reis e príncipes consumir bebida alcoólica (Pv 31.4 – mais um versículo que inclui o consumo “moderado”) e, ainda assim, afirmar que o REIS DOS REIS ingeriu vinho fermentado.

    É brincadeira também, meu caro, lembrar que nosso Deus não se deixa escarnecer (Gl 6.7) e, ainda assim, dizer que Ele permite que seu povo consuma algo que Ele mesmo chamou de “escarnecedor” (Pv 20.1).

    Outra brincadeira dos que defendem o uso moderado de vinho é dizer que os que ensinam que Jesus não consumia bebida alcoólica são fariseus, quando, na verdade, a Bíblia afirma justamente o oposto. Foram os fariseus que chamaram Jesus de “comilão e bebedor de vinho” (Lc 7.34). Jesus, em momento algum, afirmou que consumia bebida alcoólica. Ele simplesmente disse que mantinha hábitos alimentares comuns, ao contrário de João Batista. Foram os fariseus, que gostavam muito de aumentar as coisas, assim como fizeram no Sinédrio (Mt 26.54-56), que o acusaram de ser bebedor de vinho, uma óbvia tentativa de desmoralizá-lo diante de seus seguidores.

    E a brincadeira continua, meu caro, alguns ainda tentam afirmar que os servos de Deus do Novo Testamento consumiam bebida alcoólica. Ora, no dia de Pentecostes, alguns judeus até zombaram dos discípulos dizendo: “Estão cheios de mosto” (At 2.13). “Mosto”, de acordo com o original grego, refere-se ao suco recentemente extraído da uva (jamais se refere a bebida fermentada, na Bíblia). Eles sabiam que os seguidores de Jesus não tinham o hábito de beber vinho alcoólico e, por isso, ironizaram este fato supondo que estivessem embriagados com suco de uva não fermentado.

    Tomar 1Timóteo 5.23 como base para liberar o consumo moderado de álcool é uma piada, meu caro! O texto subentende justamente o contrário. Se Timóteo tivesse o hábito de consumir vinho alcoólico, não haveria a necessidade de Paulo recomendar o uso de “um pouco de vinho” para fins medicinais. Embora saibamos que toda regra tem sua exceção, o “oinos” citado por Paulo pode perfeitamente se referir ao suco de uva não fermentado. Ateneu e Plínio, cientistas do primeiro século, já recomendavam o uso de suco de uva não fermentado para problemas estomacais (História Natural – 14.12).

    É brincadeira também, meu caro, dizer que Deus recomenda o uso de vinho alcoólico de forma “responsável”, “controlada” e “moderada” se Ele sabe muito bem que a primeira faculdade mental afetada pelo álcool é a capacidade crítica. Isto significa que o primeiro efeito do álcool é justamente fazer com que a pessoa não tenha bom senso para refletir, inclusive a respeito da hora de parar de beber…

    Mas a pior das brincadeiras é afirmar categoricamente que a Bíblia não recomenda em lugar algum a abstinência de bebida alcoólica quando, na verdade, soa o alerta de Salomão: “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Pv 23.31,32). Nesse texto, Salomão orienta que não somente evitemos a embriaguez, mas que também não desejemos ingerir bebida alcoólica. Ele diz que no fim a bebida morderá como a cobra. A cobra é traiçoeira e ataca quando você menos espera. Assim é a bebida. Quem pensa poder beber moderadamente, quando menos esperar estará tão envolvido pela bebida que não conseguirá parar e evitar a embriaguez.

    Só pode ser uma brincadeira realmente algumas coisas que eu tenho lido neste site por parte daqueles que querem incentivar o uso de bebida alcoólica. Isso não parece um debate teológico, mas sim um discipulado para novos convertidos. Já disseram que Jesus se casou com Maria Madalena; depois disseram que Ele tinha um relacionamento homossexual com João; e agora querem dizer que o Messias era chegado num “goro”. No andar da carruagem, daqui a pouco vão dizer que o crente pode usar drogas, ter várias mulheres, relacionar-se sexualmente antes do casamento, etc.

    Não é brincadeira não!!!!!!!!!!!!!!

    Maranata, ora vem Senhor Jesus!!!

  55. Junior disse:

    fumar maconha é errado/pecado?
    até agora os doutos não me responderam.

  56. henrjk disse:

    Yuri

    Todos o textos que você citou é um conselho e não um mandamento.
    Os conselhos que se nos dão é uma cautela.
    A questão é:
    “Existe pecado?” – Trata-se de um pergunta objetiva que merece uma resposta tambem objetiva.

    Hábito segnifica algo costumeiro e não está ligado a algo moderado ou a algo ocasional.
    Tudo que é costumeiro é pontual e se é pontual chega-se a conclusão que é algo “dado” a alguma coisa, que sempre “anda ao lado” dessa coisa.

    Embora o NT tenha sido escrito em “grego”, devemos entendê-lo como se escrito em “hebraico” porque quem os escreveu eram hebreus e tinham seus costumes e seus pensamentos ligados a sua cultura, portanto toda a sua expressividade é pela cultura hebraica.

    Sobre o fermento, trata-se do fermento da massa.
    A massa cresce, mais é enganosa na sua aparência pelo seu tamanho.

    De minha parte não incentivo ninguem a beber qualquer bebida alcóolica, eu respondo por mim mesmo e sei limito bastante meus atos a ponto de nunca deixar-me vencer pelo vício ou pelo e pelo hábito.

    O churrasco é até interessante, mas até isso eu controlo para apenas me alimentar e não para diversão, pois o que passar disso é pecado.
    A respeito do refrigerante, basta ver como é produzido para notar o quanto ele maléfico para nossa saúde.

    Eu acompanho o Apóstolo Paulo quando ele diz que todas as coisas lhe são lícitas e nem todas lhe convem.

  57. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Eu, sinceramente, não vejo diferença alguma entre os conselhos do Senhor e seus mandamentos! Rebelar-se contra a Palavra de Deus e desprezar o conselho do Altíssimo é a mesma coisa (Salmos 107.11), logo ambos podem ser classificados como pecado. Devo ressaltar que para sermos recebidos na Glória é requisito fundamental seguir os conselhos do Senhor: “Guiar-me-ás com o teu conselho e, depois, me receberás em glória” (Sl 73.24).

    Ademais, irmão henrjk, sua alegação de que “devemos entender o NT como se escrito em hebraico porque quem o escreveu eram hebreus e tinham seus costumes e seus pensamentos ligados a sua cultura” é totalmente descabida. Em primeiro lugar, há séculos antes de Cristo os judeus já haviam sido enormemente afetados pelo helenismo, isto é, cultura grega. Além disso, o irmão deve lembrar que os escritores podiam ser hebreus, mas seus leitores não o eram. Como Paulo iria dissertar tomando como base apenas a cultura hebraica, se seus leitores, como Timóteo e a igreja por ele pastoreada, a saber, Éfeso, estavam acostumados com uma cultura totalmente diferente. O NT foi escrito em grego “Koiné”, para pessoas que entendiam este idioma. O termo que citei (“me paroinon”) não dá base alguma para traduzirmos como algo habitual. O texto não fala de “estar SEMPRE com vinho”, o texto fala de “estar com vinho”. O “sempre” tiraria totalmente o sentido do que disse o apóstolo. Paulo está sendo coerente com os mandamentos expressos de Deus aos líderes civis e religiosos do Antigo Testamento. Sabendo que o trabalho do Bispo é muito mais amplo e requisitado, ele está ordenando a abstinência total de bebida alcoólica.

    A respeito da Santa Ceia, dispensa discussão. Os escritores chamam “fruto da vide”, óbvia referência ao suco da uva não fermentado. A Lei não especifica massa, antes falar de “qualquer coisa levedada” (Êx 12.20). A palavra hebraica para fermento era “seor”, palavra que indica qualquer tipo de agente fermentador, seja em alimentos sólidos ou em bebidas. Volto a questionar: como é que o sangue incontaminado de Jesus seria representado por uma bebida fermentada, se o seu corpo puro teve que ser simbolizado por um pão sem fermento?! Além disso, certos documentos judaicos afirmam que o vinho usado pelos cristãos na Páscoa não era fermentado. Pesquise: “JESUS” – The Jewish Encyclopedia, edição de 1904. V 165. Paulo determinou que os coríntios tirassem dentre eles o fermento espiritual, i.e., o agente fermentador “da maldade e da malícia”, porque Cristo é a nossa Páscoa (1Co 5.6-7). Seria contraditório usar na Ceia do Senhor um símbolo da maldade, isto é, algo contendo levedura ou fermento, se considerarmos os objetivos dessa ordenança do Senhor, bem como as exigências bíblicas para dela participarmos.

    Que bom que o irmão não incentiva ninguém a beber qualquer coisa alcoólica, mas o fato é que Deus também não recomenda. E se Deus nos dá este “conselho” já nos é o suficiente para entendermos como um dever, pois Ele é o nosso Senhor e Dono (1Co 6.19,20).

    Também concordo com você e fico com o Apóstolo Paulo. E, por isso mesmo, é que devemos nos comprometer a “falar o que CONVÉM a sã doutrina” (Tt 2.1).

    Que Deus o abençoe poderosamente!!!

  58. roberto disse:

    CALEB / Lady Kate

    Voces são pobres de espírito, primeiro fazem comparações absurdas.

    Lady Kate- Me perdoe pelo que vou dizer, mas “santarrões” igual a você, eu já conheci muitos!

    Não me venha com argumentos pífios, ainda mais usando costumes de outras religiões! Você sabia que eles também comem feijão e arroz com bife e salada? É… acho melhor vc deixar de comer esses alimentos, eles podem te contaminar, viu santinho?

    ROBERTO DIZ: DEIXA SER IGNORANTE! ESTAMOS FALANDO DE BEBIDA ALCÓOLICA E NÃO ALIMENTOS.VEJO QUE VOCE NÃO TEM UM PINGO DE CAPACIDADE DE ARGUMENTAR SOBRE O ASSUNTO, VOCE E O SUPOSTO PASTOR CALEBE DÃO UM BOM PAR DE BEBUM. OUTRA COISA, VOCE ME JULGOU DIZENDO QUE SOU SANTARRÃO.VOCE ME CONHECE? É DEUS PARA VER O QUE FAÇO NO DIA A DIA? A BÍLBIA DIZ: (LUCAS 6:37 )NÃO JULGUEIS PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS. A BÍBLIA DIZ: 2 Coríntios 6:17 Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em coisas impuras; e eu vos receberei,- É NO SENTIDO ESPIRITUAL VIU IRMÃNZINHA – VÊ SE ENTENDE O QUE A BÍBLIA DIZ E NÃO FICA FALANDO BESTEROL – TENHA SÓ UM POUQUINHO MAIS DE INTELIGÊNCIA. EU TE FAÇO UMA PERGUNTA: A BEBIDA ALCÓOLICA É PURA – SÓ SE FOR PURA PARA O CAPETA NÉ???????

    CELBE – Pois é gente….conheço feitiçeiro, macumbeiro, idolatra e outros filhos de satanas que usam tenis, calça jens, vestido, cueca …então minha gente …VAMOS ANDAR PELADOS…pois os macumbeiros, feitiçeiros, idolatras e outros filhos de satanas usam essas coisas ….”que meda”….rss…

    BOBERTO DIZ: QUANTA IGNORÂNCIA – RAPAZ JÁ VI QUE VOCE É UM PASTOR DE ARAQUE – OLHA A COMPARAÇÃO QUE FIZESTES, ESTAMOS FALANDO DE BEBIDA ALCÓOLICA, QUE A BÍBLIA CONDENA – VAI SER UM POUQUINHO MAIS INTELIGENTE – VOCE E A TAL DE LADY CATE DÃO UM PAR E TANTO.RSRSRSRSRS

  59. CALEB disse:

    Junior disse:

    fumar maconha é errado/pecado?
    até agora os doutos não me responderam.

    Olha Junior, esta mais que comprovado que o uso da planta da maconha em certos doentes terminais, como cancer, entre outras enfermidades…ajudam a aliviar a dor dessas pessoas.

    Pastor Caleb.

    PS- Nossa, como adoro escandalizar esses farizeus e religiosos de plantao…e muito divertido arrancar as mascaras desses falsos moralistas e falsos crentes….kkkkkkkk

  60. CALEB disse:

    Bem meus amados irmaos e irmas em Cristo, fim de semana chegando e alem da programacao de domingo na Igreja, que sera uma bencao, no Sabado, amanha, estarei com a minha familia curtindo uma bela praia e almocando um churrasco, e estarei, logo a mais a noite, dentro do mercado Extra comprando carvao, alcool..( para acendcer o churrasco..rss..) picanha, frango, linguica, e claro…claro…um delicioso vinho frances suave para acompanhar esse churras…olha amados, acho que vou falar ate em linguas de tanta bencao viu.

    Aproveitem bem o seu fim de semana com sua familia e seus amados eque voce tenham um excelente fim de semana e um culto aben;oadissimo no domingo….Deus abencoe a todos.

    Pastor Caleb.

  61. henrjk disse:

    Yuri

    Eu não questiono sobre a ceia, mas se levarmos tudo de acordo, então o pão que se serve na ceia nos dias de hoje deviam sem fermento.
    Se o suco da uva representa o sangue sem mácula, o pão tambem deveria representar o corpo de Cristo sem inchações(o efeito do fermento).
    Nisso a igreja hoje não pratica nas suas ceias.

    Eu não posso concordar que eu deva ter uma visão grega do NT quando os seus autores eram judeus e seguiam uma cultura judaica e viviam o judaísmo.
    Embora os gregos houvessem dominado aquela região, não significa que os judeus foram todos helenizados.
    Flávio Josefo indica-nos que havia um sério problema de relacionamento entre os judeus e os helenizados.
    Pode até ser que os saduceus tenham sido um pouco influenciados, mas os fariseus não o foram.

    Os primeiros cristão eram judeus e viviam uma realidade que era própria do seu povo.

    Se Deus considera pecado beber vinho, como seria a interpretação do texto de Deuteronômio 14:

    “14.26 E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por vinho, e por bebida forte, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa;”

    O voto do Nazireu em Números 6.1-4:

    “1 – E falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
    2 – Fala aos filhos de Israel e dize-lhes: Quando um homem ou mulher se tiver separado, fazendo voto de nazireu, para se separar para o SENHOR,
    3 – de vinho e de bebida forte se apartará; vinagre de vinho ou vinagre de bebida forte não beberá; nem beberá alguma beberagem de uvas; nem uvas frescas nem secas comerá.
    4 – Todos os dias do seu nazireado, não comerá de coisa alguma que se faz da vinha, desde os caroços até às cascas.”

    Após o cumprimento do nazireado em Números 6. 20-21:

    “20 – E o sacerdote os moverá, em oferta de movimento, perante o SENHOR; isto é santo para o sacerdote, juntamente com o peito da oferta de movimento e com a espádua da oferta alçada; e, depois, o nazireu pode beber vinho.
    21 – Esta é a lei do nazireu que fizer voto da sua oferta ao SENHOR pelo seu nazireado, além do que alcançar a sua mão; segundo o seu voto, que fizer, assim fará conforme a lei do seu nazireado.”

    Conforme a Lei Mosáica, Cristo não era nazireu e como você afirmou que o “vinho”(OINOS) era tanto para suco da uva como para vinho fermentado, não posso afirmar que Jesus só bebeu suco de uva ou tomava vinho visto que os fariseus o acusavam de comilão e beberrão.
    Talvez a acusação seja porque ele comia com pecadores(faltosos) e ímpios(talvez estrangeiros), algo que um judeu não faria.

    Portanto a questão que ora perdura é:

    “Deus considera pecado beber alguma bebida alcóolica e neste caso o Vinho?

  62. Georges disse:

    Atos 15:
    28 Porque pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor maior encargo além destas coisas necessárias:
    29 Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição; e destas coisas fareis bem de vos guardar. Bem vos vá.

  63. FRANK disse:

    RESUMINDO….OS EVANGÉLICOS NÃO CHEGARAM A UMA CONCLUSÃO SOBRE ESSE TEMA.

  64. Lady Kate disse:

    Roberto,
    Você é uma piada!
    Fala de mim, mas não sabe nem escrever!
    Vou repetir novamente o que já escrevi!
    Eu não gosto de bebida alcóolica e aconselhei a todos para que não BEBAM!
    EU VOU DIZER AGORA O QUE ACONTECE DE VERDADE, EU MOLHO OS LÁBIOS NUMA TAÇA DE CHAMPAGNE PARA ACOMPANHAR MEUS IRMÃOS, CUNHADAS E OUTROS FAMILIARES NUM BRINDE DE FELIZ ANO NOVO!!! ISSO ACONTECE UMA VEIZINHA SÓ AO ANO, E NÃO É NUM BAR, MUITO MENOS EM CASA DE MACUMBA!

    ALIÁS, NUNCA FREQUENTEI UM TERREIRO, NEM SEI O QUE FAZEM LÁ!

    VÁ FAZER O MOBRAL AO INVÉS DE QUERER DAR LIÇÃO DE MORAL NOS OUTROS, SÔ! VOCÊ TAMBÉM NÃO ME CONHECE, SEU JULGADOR DE ARAQUE!

  65. Manoel Lázaro S. Carneiro disse:

    Vejamos o que disse Jesus:”E disse-lhes; Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. (Marcos 16.15) Pregar o evangelho em todo o mundo significa que pode ser em qualquer lugar, seja num Bar,ou Boate, Prostibulo, ou em qualquer outro lugar da terra. Contudo uma coisa é pregar o Evangelho num bar, outra coisa é sentar num bar para tomar uma cerveja ou qualquer outra bebida alcolica. Paulo disse: “Todas as coisas me são licitas, mas nem todas as coisas me convém” (1Co 6.12). A verdade é que precisamos urgentemente ensinar crentes a serem verdadeiros adoradores.

  66. Caroline de Manaus disse:

    Sinceramente…to vendo um monte de gente aqui querendo só um pretexto pra encher a cara…cruzes!!!! Depois o cara apronta uma e depois diz que s[o fez porque bebeu!!!! Bebidas Alcólicas, drogas e outras são portas pro Diabo fazer de vc o que bem quiser.

  67. roberto disse:

    CAROLINE PARABÉNS PRA VOCE

    PORQUE A Lady Kate É UMA OTÁRIA, NEM ME CONHECE E FALA QUE EU TENHO QUE FAZER O MOBRAL,PIOR É VOCE QUE FICA TOMANDO A BEBIDA PREDILETA DA POMGA GIRA. QUEIMA ELA JESUS!!!!!!!!!”!!!!

  68. fardinan disse:

    paz de DEUS para todos olha sobre a questão se o crente pode beber ou não, olha a minha idéia que tirei da conclusão da bíblia é não, Porque?????? porque a bíblia fala em 1-timóteo 3;3 fala não dado ao vinho amém então não podemos beber ok??? mas voce pode estar a pensar há isso é só para os ministros da palavra. Não irmãos é para todos,JESUS nos deixou um mandamento novo ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda a criatura amém!.. então se tu um dia aceitas-te a JESUS na tua vida tornaste-te um pregador do evangelho.
    entao se és um pregador do evangelho de CRISTO não podes te dar ao vinho como diz as escrituras santas.
    irmãos vamos dar bom testemunho de CRISTO.
    HÁ a cerca de jesus transformar agua em vinho é só para lembrar que o povo de Israel não comia nem bebia nada fomentado amém… é que o vinho dos israelitas não era fomentado.. e o de hoje é fomentado. amem!!!!!!!!!!!……..
    PAZ SEJA CONVOSCO

  69. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Sua observação de que o pão servido na Santa Ceia atualmente deveria ser sem fermento é correta. Não pense que discordo de você! É absolutamente coerente defender o uso do pão asmo na Ceia junto com o suco de uva não-fermentado. Isto concorda com a ortodoxia cristã. Contudo, o uso de pão fermentado não oferece riscos a ninguém, já o vinho alcoólico pode servir como uma grande pedra de tropeço àquelas pessoas recém-convertidas e que tenham um passado problemático pelo uso de bebida alcoólica. Talvez por isso, é que muitos pastores fazem questão de usar suco de uva, mas não têm o mesmo cuidado em usar o pão sem fermento. Entretanto, o ideal é realmente usar pães asmos e suco de uva não-fermentado.

    Quanto a sua colocação de que devemos ter uma visão hebraica do Novo Testamento, mais uma vez discordo. O próprio Paulo disse que se “fazia de judeu para ganhar os judeus”, mas também se fazia de “sem Lei para ganhar os que estão sem Lei” (1Co 9.20,21). Além disso, sua afirmação de que os primeiros cristãos eram judeus é incompleta. O NT cobre um período que vai até por volta do ano 90 d.C (ano em que foi escrito o Apocalipse). Neste período, o Evangelho já havia se expandido por boa parte do mundo conhecido. A Palavra já havia chegado a gentios de toda parte (romanos, gregos, etíopes, etc.). Sendo assim, para interpretar corretamente qualquer texto do Novo Testamento, é preciso entender o contexto histórico e cultural de cada região mencionada. Para uma exegese e hermenêutica segura é indispensável o correto entendimento dos originais gregos.

    O irmão novamente me convidou a interpretar Deuteronômio 14. Antes de tecer qualquer comentário, gostaria de fazer uma observação: é interessante como as pessoas adoram fazer um uso totalmente incorreto da Lei de Moisés. Quando querem permitir algo que a Lei Mosaica proíbe, dizem que a Lei passou. Mas quando querem encontrar base para uma prática reprovada pelo contexto geral das Escrituras, recorrem à Lei. Quanta incoerência!

    Pois bem, amado henrjk, a mesma Lei que permitia o uso de vinho alcoólico nas festas, era a mesma que permitia a bigamia (um homem casar com duas mulheres), a vingança (Lei de Talião: “olho por olho, dente por dente”), a escravidão, o ódio aos inimigos, a pouca valorização das mulheres, etc. E por que permitia? Por causa da pobreza espiritual do povo judeu. Os judeus comuns não tinham um profundo relacionamento com Deus, pouco conheciam a graça de Deus, não tinham uma vida plena da presença do Espírito Santo, etc. Pedir para um povo nessas condições perdoar seus inimigos, era exigir demais, pois é o Espírito Santo quem opera isto em nossos corações, ação esta que só pode ser plenamente realizada no Novo Testamento, após a glorificação de Jesus. Desta forma, Deus sabia que nessas condições o povo comum não conseguiria atender aos altos padrões morais da vontade de Deus. Porém, aos sacerdotes, levitas, reis, nazireus, etc. as exigências eram maiores. Como tais pessoas tinham condição de manter um relacionamento mais profundo com Deus e Seu Santo Espírito, Deus lhes impunha mandamentos e ordenanças que somente eles, no grau de espiritualidade que detinham, poderiam obedecer, dentre eles está a abstenção de vinho.

    Vinho era símbolo de alegria e como a maioria dos judeus não tinha dentro de si a permanente presença do Espírito Santo, cujo fruto é alegria (Gl 5.22), a bebida era uma das únicas formas de eles se alegrarem nas festas religiosas. Da mesma forma, como conseguiriam, sem ter o Espírito Santo, dar a outra face quando atacado por um inimigo (Mt 5.38,39)? Provérbios, que é um livro de sabedoria divina e que não estava preso à Lei de Moisés, começou a falar de perdão (Pv 24.17) e benignidade (Pv 25,21) porque este era o padrão moral estabelecido por Deus, mas que infelizmente os judeus ainda não tinham plena condição de cumprir. Com este mesmo pensamento é que o sábio escritor de Provérbios também começou a falar de abstenção de bebida alcoólica (Pv 20.1; 23.31). Esse era o padrão moral determinado por Deus!

    Porém, os tempos mudaram. Hoje vivemos na dispensação do Espírito Santo. Nós hoje podemos desfrutar de uma espiritualidade jamais experimentada no Antigo Testamento. E, por isso, hoje, Deus pode exigir que nós perdoemos nossos inimigos, não nos vinguemos daqueles que nos causam danos, não submetamos nenhum semelhante à condição de escravo, nos abstenhamos de bebida alcoólica, etc. Em nosso coração temos uma fonte inesgotável de amor para perdoar, de benignidade para fazer o bem àqueles que nos fazem mal e de alegria para nos regozijarmos com nossa família, amigos e irmãos sem precisar de uma gota de álcool.

    Despeço-me dizendo: “NÃO OLHES PARA O VINHO…” (Pv 23.31).

    Que Deus o abençoe poderosamente!!!

  70. CALEB disse:

    Ola mamados irmãos em cristo e olá tambem para os fariseus, para os religiosos, para os falsos moralistas de plantão.

    Leiam Isaisas capitulo 25.

    E todos voces verão que o Senhor Nosso Deus, nos fala que nos abençoará com varios vinhos deliciosos e maravilhosos.

    Pastor Caleb

  71. edr disse:

    Caleb cachaceiro…. bebum….pinguço…..gambá….. qualquer coisa menos pastor!!!!!

  72. henrjk disse:

    Yuri

    Creio que o teor alcóolico dos vinhos daquela época não seja igual aos de hoje.
    O que mantém um vinho, considerado alcóolico, doce seria a presença do açucar neste mesmo vinho. Não se trata aqui de um açucar colocado, mas da própria uva. Se o vinho se mostrava doce naquela época, embora com um pouco de álcool, é porque o açucar não se transformou em álcool.
    Há cerca de três anos adiquiri, de um conhecido judeu, uma garrafa de vinho trazida de Israel com teor alcóolico de 3°(metade da cerveja). Era doce e para embriagar dever-se-ia beber em grande quantidade e por isso afirmo que o teor de alcool deveria ser baixo devido ao corte da fermentação através da fervura.
    Hoje o que se faz, no meu entendimento, é um culto ao vinho. Seus teores hoje são muito elevados e o doce característico sumiu e os que se apresentam doce o são por acréscimo de sacarose.
    O motivo desse acréscimo talvez seja que as uvas não são suficientemente doces e que nem para geléia seviriam se não houver acréscimo do açucar.

    Sobre “Uma visão hebraica”, transcrevo parte do que escreveu André Chouraqui no livro “Lucas(O Evangelho Segundo Lucas) no que eu concordo e talvez seja melhor entendido:

    “Diante do Novo Testamento, o intérprete se depara com uma música cuja partitura original teria sido perdida. Esquecida, ela precisa, hoje, ser reencontrada. Jesus – na verdade, ele se chamava Iéshoua’ -, como seus companheiros , vivia, falava, pensava em hebraico e aramaico. Os evangelistas , os apóstolos , mesmo quando escreviam diretamente em grego, pensavam como semitas. Para conhecê-los – eles e não a idéia que, algumas vezes, o Ocidente criou deles – é preciso distanciar-se do texto grego – o único entretanto confiável – para então encontrar, selados em suas profundezas, seus reais significados.
    Recuperar, sob o vocábulo grego, o hebraico ou o aramaico e o exato sentido que ele expressava, restituir a idéia a seu contexto semântico, o fato descrito em suas realidades históricas, com frequência esquecidas, eis nosso método de leitura e, portanto, de tradução do Novo Testamento. Ele permite uma aqueologia do texto que se nos apresenta, então, em seu rigor original, como um pacto ainda novo.”

    Quanto ao início da igreja, eu ainda acredito que ela era composta por primeiramente por judeus e com uma tímida quantidade de gentios, isto até o ano 70, quando do cerco romano a Jerusalem.
    A partir daí acredito que a expansão foi como um relâmpago devido muito às perseguições sofridas por aqueles primeiros crentes e a ação do Apóstolo Paulo.
    As investidas dos judaizantes dá uma demonstração de que a predominância era de judeus e que para defender os gentios que entravam para igreja(pois eles estavam) foi necessário um concílio para defendê-los porque eram minoria e não possuiam nenhum poder de influência, a não ser o amor,o carinho e a compreensão dos apóstolos pelas angústias e indecisão deles diante dos judaizantes.

    Quanto a “1Co 9.20,21” que você citou, tenho um certo cuidado porque ele é muito mal-interpretado e leva pessoas a pensarem que podem fazer absurdos para evangelizar.

    Eu quero que entenda que não estou defendendo o livre acesso a qualquer bebida alcóolica, mas a minha não-concordância em se afirmar ser pecado.

    O link abaixo é muito interessante e concordo com o autor e talvez seja o que sempre pensei sobre vinho(é só acrescentar um w):

    ww.monergismo.com/textos/etica_crista/vinho_escritura_macarthur.pdf

    Na Paz do Senhor

  73. Anônimo disse:

    Silas Malacheia

  74. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão, henrjk, graça e paz!

    Muito obrigado pelo link que me enviaste! Embora não concorde com a afirmação de que “a bebida não está proibida na Bíblia em termos absolutos”, tendo em vista a clara declaração do sábio em Provérbios 23.31, o conteúdo do artigo é, até certo ponto, proveitoso. Devemos, no entanto, ter um conceito mais claro a respeito do que é pecado. No original grego, a palavra pecado traduz o termo “hamartia”, que significa literalmente “errar o alvo”. Nosso “alvo” na vida terrena é fazer tudo o que agrada a Deus e que siga o padrão moral por ele estabelecido (1Co 6.20; Cl 3.17; Gl 2.20). Qualquer coisa que fuja deste objetivo pode ser classificado como pecado. Assim sendo, passamos a entender que pecado não é apenas uma simples desobediência a um mandamento bíblico, mas sim qualquer atitude que nos induza a errar nosso alvo, ou seja, que nos leve a desagradar a Deus.

    Percebemos ao longo de toda a Bíblia que a abstinência de bebida alcoólica é a vontade de Deus. Como já expliquei, em algumas ocasiões, Deus permitiu o uso de vinho alcoólico por vários motivos que já citei. Mas, como demonstram as recomendações aos sacerdotes, nazireus, reis, bispos e aos sábios, o padrão de Deus era que todos se abstivessem de qualquer bebida alcoólica. Segundo a Bíblia, a bebida (não a embriaguez) é escarnecedora e traiçoeira (Pv 20.1; 23.32). O álcool é “sutil” (árabe) e engana. A bebida tira a sobriedade (mesmo em poucas quantidades) e causa escândalo. Com todas essas declarações bíblicas e científicas só podemos chegar à conclusão de que a ingestão de bebida alcoólica não agrada a Deus. Não é o seu padrão. Induz-nos a “errar o alvo”. Então, é pecado!

    Tomo a liberdade também de recomendar o link abaixo para sua pesquisa. Esse artigo também reflete boa parte do que penso a respeito de ingestão de bebida alcoólica na Bíblia.

    Que Deus o abençoe poderosamente!

  75. CALEB disse:

    Eu adoro desmoralizar esses religiosos, fariseus, hipocritas , falsos moralistas de plantão…..kkkkkk

    Pastor Caleb.

  76. Roberto disse:

    Todas as coisas me são lícitas,mas nem todas me convém,disse Paulo.Sei que posso beber,mas prefiro não dar brecha para o mal entrar.Se alguém for como Jesus e conseguir beber vinho e permanecer sóbrio e com o pensamento puro,então BEBA!

  77. Dionea disse:

    Olá, amigo! Nem se compara o vinho de Jesus com o vinho de hj. Concordo absolutamente, com seu comentário. A bíblia, ñ condena nada. Fica na conciênçia de cada um. Incluse, ela diz: Posso todas as coisa, mais nem todas me são lícitas. Se a pessoa, é um doente e já existe na família histórias de alcolismo, ela deve evitar. Não correr o risco.A bíblia condena a embriaguês. Como ñ sei, se tenho esse problema, e para ñ escandalizar meu próximo, prefiro fugir da tentação. E quanto a uso e costumes, o nosso país tem o dele. E cada um é livre para fazer o que der na idéia. É só estar preparado para colher os resultado depois, né? O salário do pecado, é a morte mais o dom gratuido de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor.Disse Jesus: EU sou o caminho a verdade e a vida ninguém vai ao pai a não ser por mim.

  78. Dionea disse:

    Ai Calebe! Tudo que o homem semear, vai colher. Continue semeando bastante, vil? Arrependa-se enquanto é tempo. Jesus esta voltando, ou te chamará em breve. E ai? O que dirás? O que vais escolher? Céu ou inferno? Jesus te ama e não foi atoa que ele morreu no seu lugar, vil? Ele deu o sangue dele, por vc e por nóis. Não seja ingrato. Pense nisto, vil?

  79. Pastor Caleb disse:

    Ei Dioena….

    Deixa eun te dizer uma coisa, sua religiosa , quando chegar e atravessar para dentro os portoes do ceu, pela graça e misericordia de Deus, e principlamente porque o Senhor Jesus Cristo salvou a minha alma do inferno.

    Lá, estarei junto com os santos, em uma maravilhosa festa e banquete que com certeza será ao sabor de vinhos deliciosos, pois banquete , para nós judeus e mesmo aos gregos, somente pode ser efetivado com varios vinhos nobres. Leia Isaias 25, entre outras passagens.

    Vá se converter sua fanatica religiosa.

    Pastor Caleb.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *