Capa

Cerveja e Bíblia: Missionário utiliza bares para falar sobre Deus. Gospel+ propõe discussão

Comentários (179)
  1. lukasppf disse:

    O problema e que Essa Igreja, não é uma Igreja firmada na palavras ela e uma Seita! Basta estudar um pouquinho sua doutrinas e vamos descubrir as falsas doutrinas.
    A Biblia condena a Bebida alcoolica e qualquer outro tipo de droga , tanto no velho testamento quanto no Novo Testamento.
    Jesus trasformou agua em vinho, mas Jesus não participou da bebedici.
    E o que importa e o milagre que Jesus Realizou, mostrando que ele é Alegreia, pois o vinho representava alegria para as pessoas da Epoca de Jesus.
    Jesus mostrou que ele e que tras a alegria e não o vinho porque ele e um agente de Milagres.
    Sou contra a Bebida e Drogas, no Evangelio!
    Mas sou totalmente a favor do Evagenlismo, seja em qualquer lugar temos que falar do AMOR DE JESUS!

  2. Luiz Clédio disse:

    Acho um tema muito polêmico e de fácil manejo para o uso do duplo sentido. Jesus sentou a mesa com os pecadores por um motivo nobre – a cura dos “doentes”.
    Portanto o caráter do crente é que vai dizer, se, se ele está fazendo aquilo para o seu bel prazer ou para a gloria de Deus.

    Ps – vou levar este tema para nossa Sala de Conferência dia 10 de maio as 22horas

  3. João disse:

    Jesus bebia sim e participava de festas sim. Ele tomou vinho a vida toda, motivo pelo qual os fariseus o chamavam de beberrão. Além disso, todas as festas de que ele participou eram também cerimônias religiosas, e não “bebedice”.

    A palavra traduzida como vinho no Novo Testamento servia tanto para a bebida fermentada quanto para o suco puro de uva, mas isso não prova que ele nunca bebeu nada alcoólico. Eu sempre concordei que cristãos não podem consumir álcool como bebida, mas nem sei porque. A Bíblia é claramente contra embriaguez, mas nunca vi nada contra ingerir álcool e se manter sóbrio.

  4. Luis disse:

    Fica frio Hill ( como se ele fosse ler..rss ), você tá liberto da DENOMINAÇÃO !

    Se tua consiência NÃO TE ACUSA e você tá espalhando AS BOA NOVAS, não vai faltar lugares pra voce se reunir com pessoas gente boa, inclusive “igrejas” ou “denominações” !

    O problema NÃO É O BEBER, mas sim BEBER por beber e encher a cara, como qualquer ser-humano NÃO deve se comportar !!

    “Se faz mal à minha saúde e SOU FRACO no beber e ainda ESCANDALISO os fracos na fé, NÃO BEBO, caso contrário, BEBO, isso se eu gostar !”

    TUDO É O EQUILÍBRIO !

  5. IURY RANGEL disse:

    Alcoolismo

    O álcool é uma palavra de origem árabe que significa sutil. E, realmente não há nada mais sutil do que ele. Abocanha suas vítimas como uma cobra que rasteja lentamente, escondida no mato. Ninguém inicia no vício, embriagando-se na primeira vez. Aumentam-se pouco a pouco as doses, até que a vítima seja completamente dominada.

    A bebida não encontra fronteiras. Frequenta todos os lugares sem qualquer inibição. Não só se faz presente nas recepções presidenciais e nas mais altas cortes das nações, como também na confraria dos miseráveis mendigos debaixo da ponte.

    Desinibe o artista que sobe no palco, traz coragem ao bandido que sai para roubar e entorpece o pecador que não consegue dormir. Quando está frio, se bebe para esquentar. Se estiver calor, uma geladinha para refrescar. Se há tristeza, bebe-se para esquecer. Se há alegria, se enche a cara para celebrar. Seja nascimento, batizado, aniversário ou funeral, não há ocasião em que o “SUTIL” deixe de encontrar espaço para se achegar.

    O “SUTIL” é também um rei impiedoso que governa seus lacaios com mão de ferro. Exige fidelidade absoluta. Por amor a ele, seus servos abandonam suas famílias, entregam tudo que têm e deixam até de comer. E assim, após tirar-lhes tudo, o cruel soberano os torna fracos e doentes, levando-os à morte lentamente.

    Seja da cana ou da cevada, o sutil é obtido quando os excrementos de minúsculas bactérias azedam o caldo, causando assim sua fermentação. Não é errado dizer que este rei vem das fezes e em fezes torna a vida daqueles que lhe servem.

    Mesmo sabendo disto, os homens mentem e escondem o caráter maligno e destruidor desse soberano. Se assim não fosse, toda garrafa “SUTIL” traria em seu rótulo: “Esta embalagem contém acidentes de automóvel, desemprego, miséria, vícios, doenças, separação do casal, destruição familiar, torpor, perda de memória, traições, imoralidades, crimes, incêndios, vícios e vergonhas. O uso contínuo fatalmente o fará dependente e louco”.

    Diz a Palavra do Senhor: “Ai dos que levantam pela manhã, e seguem a bebedice, e continuam até alta noite, até que o vinho os esquenta. Liras e harpas, tamboris e flautas, e vinho há nos seus banquetes, porém não consideram os feitos do Senhor nem olham para as obras de suas mãos” Isaías 5.11-12.

  6. victor disse:

    “Se eu tiver que sair e tomar uma cerveja para assim poder conversar sobre o Senhor e manter alguém fora do inferno, eu vou.”

    Com certeza este pregador não pratica o que leu em Salmo 1, bem-aventurado o homem que não anda segundo o conselho dos ímpios, nem se detém no caminho dos pecadores, nem se assenta na roda dos escarnecedores. A questão é que não podemos fazer certas coisas que trazem prejuízo a nós e aos outros. Precisamos olhar primeiro para os outros, em não causar tropeço.
    Outro problema é a falta de entendimento quanto à pregação do evangelho. O pregador não precisa buscar meios humanos para pregar, mas pedir que Deus dê as oportunidades corretas. não me envergonho do evangelho que é o poder de Deus para a salvação. Deus traz os que hão de ser salvos. é uma questão de fé, e de pregar, pois ai de mim se não pregar o evangelho. Mas isso não significa que posso fazer qualquer coisa para pregar, como ir a boates, prostíbulos, bares fechados, etc. Todas as coisas me são lícitas mas nem todas convém.

  7. FRANK disse:

    Como existe crente ainda como esse Lukas que simplesmente repetem o que lhe falam, sem nunca ter lido na palavra o que ele afirma ?
    A BÍBLIA NÃO CONDENA BEBER NADA, como ele pode afirmar que uma coisa que a bíblia condena Jesus forneceu para o povo ? Como se Jesus fosse um traficante que não usa a droga, só a produz e passa para os outros. Existe muita imbecilidade no meio evangélico.O vinho significa alegria, festa, coisa que muitos pastores querem tirar do povo, ser crente, para eles, significa não ser alegre e abrir mão de tudo.A Palavra fala de não se embriagar de vinho, não fala para não beber vinho, e também condena o vício.Creio que algumas denominações que trabalham com ex-alcoólatras orientam de uma forma geral as pessoas a não beberem, e até podem fazer isso.Mas não devem inventar que a bíblia diz algo que ela não diz.Pode beber, pode ir em festas, como o próprio Jesus foi ( festas de casamento de 7 dias, deviam ser ótimas ), mas SEMPRE COM MODERAÇÃO, se você não consegue ser moderado, não tome o 1o copo.

  8. FRANK disse:

    A IGREJA no Brasil se aproveitando na ignorância de um povo sem estudo e que se submete a qualquer coisas que alguém de terno manda, inventou centenas de regras da cabeça dos homens para colocar o povo como animais domesticados e obedientes, SEM NENHUMA BASE BÍBLICA.No país da reforma protestante, a Alemanha, as pessoas bebem cerveja, isso é CULTURAL e não faz ninguém menos cristão, o vinho na Itália ou Inglaterra, a boa cerveja norte-americana bebida pelo maior país evangélico do mundo e tantos outros exemplos culturais que não tem nada a ver com proibições bíblicas. Muitas vezes essas bebidas servem para aquecer no rigoroso inverno ou refrescar no intenso verão. Jesus fez o melhor vinho na festa, tome quem quiser.

  9. Celso disse:

    Creio que cada um tem que fazer não é se perguntar se pode ou não beber cerveja, vinho e outros.

    Mas se perguntar, eu devo ??

    O que essa atitude vai acrescentar na minha vida ??

    As pessoas irão ver verdadeiramente a presença de Cristo em mim ??

  10. macedo disse:

    olá amigos!
    na verdade o alcool é algo mto perigoso pois quem começa a beber raramente não vicia. Más esta questão de evangélico beber eu não concordo, porém se é uma estratégia dirigida por Deus tudo bem, em toda regra há a exeção. Quem sou eu pra julgar uma direção dada de Deus.

  11. abner phillip disse:

    Amados irmãos,

    Não encontramos em nenhum lugar da palavra de Deus, condenação sobre a bebida. Tanto em Provérbios, Eclesiastes e no Novo Testamento, encontramos sim, condenação à embriaguez. Noé foi castigado pela embriaguez, Ló foi enganado por suas filhas através da embriaguez. Mas, mesmo assim, a bebida não é PROIBIDA. Jesus bebeu vinho em sua passagem pela terra. Ele mesmo disse que era considerado COMILÃO e BEBERRÃO (Mateus 11:19). Na última ceia, o que Jesus e os discípulos beberam? Vinho. Portanto, o perigo e o pecado estão não no fato de a pessoa beber, mas na conduta de beber exageradamente e no mal testemunho que isso lhe proporciona. Não quero defender ou criticar o pastor Hill, mas talvez ele tenha ido longe demais com essa história de “cerveja e bíblia”, realmente são duas coisas que não combinam. Mas tenhamos cuidado, pois “demonizamos” muito coisas banais, quando o que é realmente importante tem dado lugar a um cristianismo falso, idólatra e permeado de interesses humanos.

    Que a paz esteja com vocês.

  12. Wanderley Pinheiro de Almeida disse:

    apresento aqui estudo efetuado por um pastor filiado a uma denominação que proíbe o consumo de bebidas alcóolicas, sendo o mesmo motivo de exclusão da denominação. Analise e tire suas conclusões.Como aqui não dá para colocar a tabela esclareço que o 1º. número se refere ao número de versículos e o 2º ao percentual.
    Na segunda parte segue os versículos.

    VINHO & BEBIDAS FORTE – 224 VERSÍCULOS ANALISADOS:
    ASSUNTO Vv. %
    Uso aceito como normal 58 25,8
    Benção de Deus 27 12,0
    Exemplos de abuso no consumo 16 7,1
    Admoestações contra o Abuso 13 5,8
    Usado em Ofertas 24 10,7
    Votos de abstinência 15 6,7
    Simbolismo 32 14,2
    Perda do vinho ou mosto como exemplo da maldição divina 18 8,0
    Elemento de Comparações 5 2,2
    Falsas acusações de embriaguez 3 1,3
    Regras para diáconos selecionados 3 1,3
    Ensino 1 0,4
    Abstinência em respeito à fraca consciência 1 0,4
    Presente entre pessoas 9 4,0

    1. 225 VERSÍCULOS ANALISADOS NO V.T. & N.V.
    1.1. Uso aceito como normal – 58 Versículos.
    1.1.1. Velho testamento (46 versículos)
    1.1.1.1. Gn. 14:18; Gn. 27:25, Dt. 16:13, Js. 9:4, Js. 9:13, Jz. 19:19, Rt. 2:14, 1º Sm. 10:3, 2º Rs. 18:32, 1º Cr. 27:27, 2º Cr. 11:11, Ed. 7:22, Ne. 2:1; Ne. 5:11, Ne. 5:15, Ne. 5:18, Et. 1:7, Et. 1:8, Et. 1:10; Et. 5:6; Et. 7:2, Et. 7:7, Et. 7:8, Jó 1:13, Jó 1:18, Pv. 9:2, Pv. 9:5; Pv. 31:6, Ec. 2:3, Ct. 5:1; Ct. 8:2, Is. 36:17, Jr. 35:2, Jr. 35:5; Jr. 40:10, Jr. 40:12, Ez. 27:18, Dn. 1:5, Dn. 1:16; Dn. 5:1, Dn. 5:2, Dn. 5:4, Dn. 5:23, Am. 6:6, Ag. 2:12, Ag. 2:16.
    1.1.2. Novo Testamento (12 versículos)
    1.1.2.1. Mt. 27:34, Mt. 27:48, Mc. 15:24, Mc. 15:36, Lc. 10:34; Lc. 23:36, Jo. 2:3, Jo. 2:9, Jo. 2:10; Jo. 4:46; Jo. 19:29, 1ª Tm. 5:23,
    1.2. Benção de Deus – 27 versículos
    1.2.1. Velho testamento (27 versículos)
    1.2.1.1. Gn. 27:28, Gn. 27:37; Gn. 49:11, Gn. 49:12, Dt. 7:13, Dt. 11:14; Dt. 33:28, Jz. 9:13, Sl. 4:8; Sl. 104:15, Pv. 3:10, Ec. 9:7; Ec. 10:19, Is. 25:6; Is. 27:2; Is. 55:1, Jr. 31:12, Os. 2:7, Os. 2:24, Os. 14:8, Jl. 2:19, Jl. 2:24; Jl. 3:16, Am. 9:13, Am. 9:14, Zc. 9:17; Zc. 10:7
    1.3. Exemplos de abuso no consumo – 16 versículos
    1.3.1. Velho testamento (16 versículos)
    1.3.1.1. Gn. 9:21, Gn. 9:24, Gn. 9:32, Gn. 9:33, Gn. 9:34, Gn. 9:35, 1º Sm. 25:37, Is. 28:7; Is. 56:12, Os. 3:1; Os. 4:11; Os. 7:5, Os. 7:14, Jl. 4:3, Mq. 2:11, Hc. 2:5.
    1.4. Admoestações contra o Abuso – 13 versículos
    1.4.1. Velho testamento (10 versículos)
    1.4.1.1. Pv. 20:1; Pv. 21:17; Pv. 23:20, Pv. 23:31; Pv. 31:4, Is. 5:11, Is. 5:12, Is. 5:22; Is. 22:13, Is. 28:1
    1.4.2. Novo Testamento (03 versículos)
    1.4.2.1. Ef. 5:18, Tt. 2:3, 1ª Pe. 4:3.
    1.5. Usado em Ofertas – 24 versículos
    1.5.1. Velho testamento (24 versículos)
    1.5.1.1. Êx. 29:40, Lv. 23:13, Nm. 6:20; Nm. 15:5, Nm. 15:7, Nm. 15:10; Nm. 18:12; Nm. 28:7, Nm. 28:14, Dt. 12:17; Dt. 14:23, Dt. 14:26; Dt. 18:4; Dt. 32:38, 1º Sm. 1:24, 1º Cr. 9:29, 2º Cr. 31:5, Ed. 6:9, Ne. 10:38, Ne. 10:40; Ne. 13:5, Ne. 13:12, Ne. 13:15, Os. 9:4.
    1.6. Votos de abstinência – 15 versículos
    1.6.1. Velho testamento (13 versículos)
    1.6.1.1. Lv. 10:9, Nm. 6:3, Jz. 13:4, Jz. 13:7, Jz. 13:14, Jr. 35:6, Jr. 35:8, Jr. 35:14, Ez. 44:21, Dn. 1:8; Dn. 10:3, Am. 2:8, Am. 2:12.
    1.6.2. Novo Testamento (02 versículos)
    1.6.2.1. Lc. 1:15; Lc. 7:33.
    1.7. Simbolismo – 32 versículos
    1.7.1. Velho testamento (20 versículos)
    1.7.1.1. Dt. 32:33, Jó 32:19, Sl. 60:5; Sl. 75:9; Sl. 78:65, Pv. 4:17, Is. 29:9, Is. 49:26; Is. 51:21; Is. 65:8, Is. 65:11, Jr. 13:12; Jr. 23:9; Jr. 25:15; Jr. 48:11; Jr. 51:7, Na. 1:10, Sf. 1:12, Zc. 9:15; Zc. 10:7.
    1.7.2. Novo Testamento (12 versículos)
    1.7.2.1. Mt. 9:17, Mc. 2:22, Lc. 5:37, Lc. 5:38, Lc. 5:39, Ap. 6:6; Ap. 14:8, Ap. 14:10; Ap. 16:19; Ap. 17:2; Ap. 18:3, Ap. 18:13.
    1.8. Perda do vinho ou mosto como exemplo da maldição divina – 18 versículos
    1.8.1. Velho testamento (18 Versículos)
    1.8.1.1. Dt 28:39, Dt 28:51, Is 1:22, Is 5:10, Is 16:10, Is 24:7, Is 24:9, Is 24:11, Is 62:8, Ag 1:11, Am 5:11, Jl 1:5, Jl 1:10, Jr 48:33, Mq 6:15, Os 2:11, Os 9:2, Sf 1:13,
    1.9. Elemento de Comparações (X é melhor que vinho) – 5 versículos
    1.9.1. Velho testamento (05 versículos)
    1.9.1.1. Ct 1:2, Ct 1:4, Ct 4:10, Ct 7:3, Ct 7:10,
    1.10. Falsas acusações de embriaguez – 3 versículos
    1.10.1. Velho testamento (02 versículos)
    1.10.1.1. 1º Sm. 1:14, 1º Sm. 1:15,
    1.10.2. Novo Testamento (01 versículo)
    1.10.2.1. At. 2:13
    1.11. Regras para diáconos selecionados – 3 versículos
    1.11.1. Novo Testamento (03 versículos)
    1.11.1.1. 1ª Tm. 3:3, 1ª Tm. 3:8, Tt. 1:7
    1.12. Ensino – 1 versículo
    1.12.1. Velho testamento
    1.12.1.1. Dt 29:5
    1.13. Abstinência em respeito à fraca consciência – 1 versículo
    1.13.1. Novo Testamento (01 versículo)
    1.13.1.1. Rm 14:21
    1.14. Presente entre pessoas – [9 versículos]
    1.14.1. Velho testamento
    1.14.1.1. 1º Cr. 12:40, 1º Cr. 16:3, 1º Sm. 16:20, 1º Sm. 25:18, 2º Cr. 2:14, 2º Cr. 2:9, 2º Sm. 16:1, 2º Sm. 16:2, 2º Sm. 6:19,
    2. RESUMO DO ENSINO DAS ESCRITURAS
    2.1. A Bíbllia condena a embriaguês
    2.2. A Bíblia aconselha a não beber
    2.3. A Bíblia mostra a bebida como forma medicinal.
    2.4. A Bíblia mostra Deus convidando a beber diante Dele e em família. Dt. 14:22-29
    2.5. A Bíblia alerta sobre as más conseqüências do abuso do álcool.
    2.6. A Bíblia também menciona as alegrias e os benefícios de beber moderadamente.
    CONCLUSÃO
    1. Embora decisões sobre beber ou não beber, ou sobre quando beber sejam pessoais, a Bíblia recomenda a moderação.
    2. A Bíblia diz: Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus. 1ª Co. 10:31
    3. Não se esqueça: Bebida e direção não combinam!

  13. Wanderley Almeida disse:

    ASSUNTO Vv. %
    Uso aceito como normal 58 25,8
    Benção de Deus 27 12,0
    Exemplos de abuso no consumo 16 7,1
    Admoestações contra o Abuso 13 5,8
    Usado em Ofertas 24 10,7
    Votos de abstinência 15 6,7
    Simbolismo 32 14,2
    Perda do vinho ou mosto como exemplo da maldição divina 18 8,0
    Elemento de Comparações 5 2,2
    Falsas acusações de embriaguez 3 1,3
    Regras para diáconos selecionados 3 1,3
    Ensino 1 0,4
    Abstinência em respeito à fraca consciência 1 0,4
    Presente entre pessoas 9 4,0

    1. 225 VERSÍCULOS ANALISADOS NO V.T. & N.V.
    1.1. Uso aceito como normal – 58 Versículos.
    1.1.1. Velho testamento (46 versículos)
    1.1.1.1. Gn. 14:18; Gn. 27:25, Dt. 16:13, Js. 9:4, Js. 9:13, Jz. 19:19, Rt. 2:14, 1º Sm. 10:3, 2º Rs. 18:32, 1º Cr. 27:27, 2º Cr. 11:11, Ed. 7:22, Ne. 2:1; Ne. 5:11, Ne. 5:15, Ne. 5:18, Et. 1:7, Et. 1:8, Et. 1:10; Et. 5:6; Et. 7:2, Et. 7:7, Et. 7:8, Jó 1:13, Jó 1:18, Pv. 9:2, Pv. 9:5; Pv. 31:6, Ec. 2:3, Ct. 5:1; Ct. 8:2, Is. 36:17, Jr. 35:2, Jr. 35:5; Jr. 40:10, Jr. 40:12, Ez. 27:18, Dn. 1:5, Dn. 1:16; Dn. 5:1, Dn. 5:2, Dn. 5:4, Dn. 5:23, Am. 6:6, Ag. 2:12, Ag. 2:16.
    1.1.2. Novo Testamento (12 versículos)
    1.1.2.1. Mt. 27:34, Mt. 27:48, Mc. 15:24, Mc. 15:36, Lc. 10:34; Lc. 23:36, Jo. 2:3, Jo. 2:9, Jo. 2:10; Jo. 4:46; Jo. 19:29, 1ª Tm. 5:23,
    1.2. Benção de Deus – 27 versículos
    1.2.1. Velho testamento (27 versículos)
    1.2.1.1. Gn. 27:28, Gn. 27:37; Gn. 49:11, Gn. 49:12, Dt. 7:13, Dt. 11:14; Dt. 33:28, Jz. 9:13, Sl. 4:8; Sl. 104:15, Pv. 3:10, Ec. 9:7; Ec. 10:19, Is. 25:6; Is. 27:2; Is. 55:1, Jr. 31:12, Os. 2:7, Os. 2:24, Os. 14:8, Jl. 2:19, Jl. 2:24; Jl. 3:16, Am. 9:13, Am. 9:14, Zc. 9:17; Zc. 10:7
    1.3. Exemplos de abuso no consumo – 16 versículos
    1.3.1. Velho testamento (16 versículos)
    1.3.1.1. Gn. 9:21, Gn. 9:24, Gn. 9:32, Gn. 9:33, Gn. 9:34, Gn. 9:35, 1º Sm. 25:37, Is. 28:7; Is. 56:12, Os. 3:1; Os. 4:11; Os. 7:5, Os. 7:14, Jl. 4:3, Mq. 2:11, Hc. 2:5.
    1.4. Admoestações contra o Abuso – 13 versículos
    1.4.1. Velho testamento (10 versículos)
    1.4.1.1. Pv. 20:1; Pv. 21:17; Pv. 23:20, Pv. 23:31; Pv. 31:4, Is. 5:11, Is. 5:12, Is. 5:22; Is. 22:13, Is. 28:1
    1.4.2. Novo Testamento (03 versículos)
    1.4.2.1. Ef. 5:18, Tt. 2:3, 1ª Pe. 4:3.
    1.5. Usado em Ofertas – 24 versículos
    1.5.1. Velho testamento (24 versículos)
    1.5.1.1. Êx. 29:40, Lv. 23:13, Nm. 6:20; Nm. 15:5, Nm. 15:7, Nm. 15:10; Nm. 18:12; Nm. 28:7, Nm. 28:14, Dt. 12:17; Dt. 14:23, Dt. 14:26; Dt. 18:4; Dt. 32:38, 1º Sm. 1:24, 1º Cr. 9:29, 2º Cr. 31:5, Ed. 6:9, Ne. 10:38, Ne. 10:40; Ne. 13:5, Ne. 13:12, Ne. 13:15, Os. 9:4.
    1.6. Votos de abstinência – 15 versículos
    1.6.1. Velho testamento (13 versículos)
    1.6.1.1. Lv. 10:9, Nm. 6:3, Jz. 13:4, Jz. 13:7, Jz. 13:14, Jr. 35:6, Jr. 35:8, Jr. 35:14, Ez. 44:21, Dn. 1:8; Dn. 10:3, Am. 2:8, Am. 2:12.
    1.6.2. Novo Testamento (02 versículos)
    1.6.2.1. Lc. 1:15; Lc. 7:33.
    1.7. Simbolismo – 32 versículos
    1.7.1. Velho testamento (20 versículos)
    1.7.1.1. Dt. 32:33, Jó 32:19, Sl. 60:5; Sl. 75:9; Sl. 78:65, Pv. 4:17, Is. 29:9, Is. 49:26; Is. 51:21; Is. 65:8, Is. 65:11, Jr. 13:12; Jr. 23:9; Jr. 25:15; Jr. 48:11; Jr. 51:7, Na. 1:10, Sf. 1:12, Zc. 9:15; Zc. 10:7.
    1.7.2. Novo Testamento (12 versículos)
    1.7.2.1. Mt. 9:17, Mc. 2:22, Lc. 5:37, Lc. 5:38, Lc. 5:39, Ap. 6:6; Ap. 14:8, Ap. 14:10; Ap. 16:19; Ap. 17:2; Ap. 18:3, Ap. 18:13.
    1.8. Perda do vinho ou mosto como exemplo da maldição divina – 18 versículos
    1.8.1. Velho testamento (18 Versículos)
    1.8.1.1. Dt 28:39, Dt 28:51, Is 1:22, Is 5:10, Is 16:10, Is 24:7, Is 24:9, Is 24:11, Is 62:8, Ag 1:11, Am 5:11, Jl 1:5, Jl 1:10, Jr 48:33, Mq 6:15, Os 2:11, Os 9:2, Sf 1:13,
    1.9. Elemento de Comparações (X é melhor que vinho) – 5 versículos
    1.9.1. Velho testamento (05 versículos)
    1.9.1.1. Ct 1:2, Ct 1:4, Ct 4:10, Ct 7:3, Ct 7:10,
    1.10. Falsas acusações de embriaguez – 3 versículos
    1.10.1. Velho testamento (02 versículos)
    1.10.1.1. 1º Sm. 1:14, 1º Sm. 1:15,
    1.10.2. Novo Testamento (01 versículo)
    1.10.2.1. At. 2:13
    1.11. Regras para diáconos selecionados – 3 versículos
    1.11.1. Novo Testamento (03 versículos)
    1.11.1.1. 1ª Tm. 3:3, 1ª Tm. 3:8, Tt. 1:7
    1.12. Ensino – 1 versículo
    1.12.1. Velho testamento
    1.12.1.1. Dt 29:5
    1.13. Abstinência em respeito à fraca consciência – 1 versículo
    1.13.1. Novo Testamento (01 versículo)
    1.13.1.1. Rm 14:21
    1.14. Presente entre pessoas – [9 versículos]
    1.14.1. Velho testamento
    1.14.1.1. 1º Cr. 12:40, 1º Cr. 16:3, 1º Sm. 16:20, 1º Sm. 25:18, 2º Cr. 2:14, 2º Cr. 2:9, 2º Sm. 16:1, 2º Sm. 16:2, 2º Sm. 6:19,
    2. RESUMO DO ENSINO DAS ESCRITURAS
    2.1. A Bíbllia condena a embriaguês
    2.2. A Bíblia aconselha a não beber
    2.3. A Bíblia mostra a bebida como forma medicinal.
    2.4. A Bíblia mostra Deus convidando a beber diante Dele e em família. Dt. 14:22-29
    2.5. A Bíblia alerta sobre as más conseqüências do abuso do álcool.
    2.6. A Bíblia também menciona as alegrias e os benefícios de beber moderadamente.
    CONCLUSÃO
    1. Embora decisões sobre beber ou não beber, ou sobre quando beber sejam pessoais, a Bíblia recomenda a moderação.
    2. A Bíblia diz: Portanto, quer comais quer bebais, ou façais outra qualquer coisa, fazei tudo para glória de Deus. 1ª Co. 10:31
    3. Não se esqueça: Bebida e direção não combinam!

  14. wanderley almeida disse:

    Como o comentário saiu truncado acrescento:
    Um pastor amigo meu fez catalogou todos os 1225 textos biblicos que falam sobre vinho e bebida forte colocando o percentual de cada tema: é que se apresenta aqui. estude e tire sua conclusão de acordo com os textos bíblicos e não por aquilo que falaram prá você baseado em 02 ou 3 versículos.

    Deus te abençoe muitíssimo.

  15. Nelson disse:

    Acontece que o vinho daqueles tempos, era muito mais fraco do que o vinho que conhecemos hoje. Enquanto uma das razões para isso era a adição de água à bebida, outra razão era a de que o vinho era naturalmente fermentado. Açúcar e fermento não eram adicionados ao vinho.

    O vinho de Israel nos tempos de Jesus equivalem ao suco da uva. O Fruto da Videira, o substantivo “fruto” (gennema) denota que é o produto em estado natural, da mesma maneira em que foi apanhado. Vinho fermentado não é o “fruto da videira” natural.

    Com alguma segurança podemos dizer que as uvas teriam uma grande quantidade de açúcar em razão do clima quente e seco. Como não usavam aditivos, a fermentação dependia apenas da ação de fermentos naturais, que não são eficientes o bastante para converter o açúcar em álcool, seria também doce em razão do açúcar não convertido.

    A paz so Senhor para todos meus irmãos

  16. IURY RANGEL disse:

    Olá, queridos, graça e paz a todos!

    Embora já tenha postado um artigo acima, gostaria de agora dar uma breve exposição bíblica sobre o assunto. Em resumo, creio que a Bíblia desaprova a ingestão de bebidas alcoólicas, mesmo que seja de forma moderada, como também condena a embriaguez.

    Em Provérbios 23.31, o sábio declara: “Não olhes para o vinho, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente”. O sábio recomenda que as pessoas nem cheguem perto da bebida fermentada, ou alcoólica. Observem que o sábio não está falando de embriaguez, mas sim do simples fato de ingerir, mesmo que moderadamente, a bebida alcoólica. É uma incoerência muito grande dizer que Deus condena a embriaguez, mas não condena o beber moderadamente. Uma coisa leva à outra! Por que Jesus, ao invés de condenar somente o adultério, fez questão de dizer que o simples ato de cobiçar a mulher do próximo já é errado??? Porque Ele sabia muito bem que o ato de adultério começa pela cobiça (Mateus 5.27,28). Uma coisa leva à outra! Assim, Ele queria acabar com o mal pela raiz…

    Alguns tentam insinuar que Jesus bebeu vinho alcoólico ou que, pelo menos, incentivou o consumo quando transformou água em vinho. Isto é um insulto contra o nosso Salvador! No primeiro milagre que Jesus realizou, a Bíblia relata que o mestre-sala pensou que o esposo havia guardado o “bom vinho” para o final da festa (João 2.8-10). O vinho considerado melhor era sempre o não-fermentado, pois preservava o doçura do vinho, enquanto que a fermentação tornava o vinho menos doce. Através disso, podemos entender que Jesus certamente transformou água em vinho doce, ou seja, vinho não-fermentado…

    Na Santa Ceia, fica mais claro que Jesus não ingeriu bebida alcoólica. O vinho usado na Santa Ceia não podia ser fermentado, pois naquela ocasião não era permitido nenhum produto fermentado na casa dos judeus por tratar-se da Páscoa (Êxodo 12.15).

    Como já disse, “álcool” é uma palavra árabe que significa SUTIL. O diabo é sutil em suas armadilhas e quem consome bebida alcoólica está caindo nas astutas ciladas do diabo. A Bíblia recomenda que não ignoremos os ardis de Satanás (2Coríntios 2.11).

    Já disseram que beber é uma questão cultural e apontaram como exemplo alguns países onde o crente pode beber, como se tais países nos servissem de exemplo. Vejam o estado espiritual de países libertinos, como a Alemanha, a Holanda, a Itália, etc. São países espiritualmente mortos, cujas igrejas vivem vazias e há anos não experimentam um genuíno avivamento!!!

    Há quem diga que podemos beber se a nossa consciência não nos acusa. Desde quando que a nossa consciência é perfeitamente justa e íntegra para julgar algo como certo ou errado. A Bíblia diz que o nosso coração é enganoso e perverso (Jeremias 17.9). A Palavra de Deus está muito acima da nossa contaminada consciência (1João 3.20)!!!

    Que Deus abençoe a todos!!!

  17. FRANK disse:

    Uns aqui querem inventar vinho sem ser alcoólico, aí não é vinho, é suco de uva, nada a ver o que escrevem aqui.
    A IGREJA no Brasil se aproveitando na ignorância de um povo sem estudo e que se submete a qualquer coisas que alguém de terno manda, inventou centenas de regras da cabeça dos homens para colocar o povo como animais domesticados e obedientes, SEM NENHUMA BASE BÍBLICA.No país da reforma protestante, a Alemanha, as pessoas bebem cerveja, isso é CULTURAL e não faz ninguém menos cristão, o vinho na Itália ou Inglaterra, a boa cerveja norte-americana bebida pelo maior país evangélico do mundo e tantos outros exemplos culturais que não tem nada a ver com proibições bíblicas. Muitas vezes essas bebidas servem para aquecer no rigoroso inverno ou refrescar no intenso verão. Jesus fez o melhor vinho na festa, tome quem quiser.

  18. Carlos Roberto disse:

    EPÍSTOLA AOS BRASILEIROS…

    Lendo a Palavra do Senhor num dia desses pensei como seria se Paulo escrevesse uma carta para a igreja de hoje? Hoje encontrei na grande rede esta preciosidade. Para aqueles que estão estudando na E.B.D. sobre a vida do grande Apóstolo pode ser muito útil.

    1ª Epístola de Paulo aos Brasileiros

    Prefácio e Saudação
    Paulo, apóstolo, não da parte de homens, mas por Jesus Cristo e por Deus Pai a todos os santos e fiéis irmãos em Cristo Jesus, que se encontram em terras brasileiras, graça e paz a vós outros.

    Exortações à Igreja
    Rogo-vos para que não haja partidos entre vós. Mas vejo que é isso que está ocorrendo, pois uns dizem: Eu sou de Malafaia; Outros, de Macedo; Outros do Waldomiro, outros, do Soares; Outros de Feliciano; Quem é Malafaia? Quem é Macedo? Quem é Soares? Quem são eles? Por acaso Cristo está dividido? Não são neles que devemos postar nossos olhos, mas em Cristo, o único que morreu por nós. Vejo que ainda sois meninos na fé quando o propósito de cada um é só buscar bênçãos para si, visando os próprios interesses e não o interesse do Corpo. Digo-vos que a maior benção já vos foi concedida na cruz quando fostes resgatados da morte e das trevas. Agora, aprendam a viver contentes e dar graças a Deus por tudo.

    Sinais e Prodígios
    Assim como os judeus pediam sinais em minha época, há muitos que só pensam em prodígios e maravilhas: Fazem correntes e marcam hora para as curas se efetuarem, e eu já havia advertido aos seus irmãos de Tessalônica que tão somente orassem o tempo todo, pois apenas Deus é quem sabe a hora de atender Eu mesmo deixei Trófimo doente em Mileto, o amado Timóteo foi medicado enquanto esperava o Senhor curar sua gastrite, e Epafrodito adoeceu mortalmente chegando às portas da morte . Por que entre vós no Brasil seria diferente?

    Outras admoestações
    Estão fazendo rituais para amarrar demônios e declarar que as cidades do Brasil são do Senhor Jesus. Nunca vistes isso em mim e em nenhum momento em Cristo. Pelo contrário, preguei o evangelho em Éfeso, mas a cidade continuou seguindo a deusa Diana. No Areópago de Atenas riram e zombaram de minha pregação, e poucos aceitaram a palavra do evangelho; como eu iria dizer que Atenas era do Senhor Jesus? Em Corinto, a prostituição continuou a dominar a cidade, e em Roma, as orgias e as dissoluções da família até se intensificaram no decorrer dos anos. Dizer que Roma pertencia ao Senhor Jesus seria uma frase que levaria ao engano os poucos irmãos verdadeiramente convertidos.

    Na verdade muito me esforcei e fiz de tudo para ver se conseguia salvar a alguns. Nunca ensinei a reivindicar territórios, mas tão somente orava a Deus que me abrisse uma porta para pregar a Palavra.

    Cuidado com os falsos apóstolos
    Há muitos homens gananciosos aparecendo no meio de vós no Brasil dizendo que são apóstolos e criando hierarquias para exercer domínio uns sobre os outros, coisa que nunca aceitei. Porque tanta preocupação com títulos? Por que ninguém se contenta em ser chamado simplesmente servo? Pois é isso é o que realmente importa. Saibam que há muitos obreiros fraudulentos transformando-se em apóstolos de Cristo. Já vos advertira que depois da minha partida, entre vós penetrariam lobos vorazes que não poupariam o rebanho de Cristo, vós não lembrais disso brasileiros?

    Sobre os dons espirituais
    Soube que muitos estão preocupados com os dons. É verdade que eles são importantes, mas o Espírito concede a cada um conforme melhor lhe convém. Tenho percebido que valorizam principalmente os dons sobrenaturais – como falar em línguas, visões, curas e revelações – e esquecem-se que ensinar bem as Escrituras, administrar com zelo as coisas de Deus e promover socorro aos necessitados também são dons espirituais.

    Mas o que eu quero mesmo é que estejais buscando para suas vidas o fruto do Espírito. De nada adianta ter fé suficiente para curar pessoas, transportar montes e expulsar demônios se ficais devorando uns aos outros, se não têm amor, se provocam rixas e intrigas entre si e dão mau testemunho.

    Ofertas ao Senhor
    Quanto às ofertas e sacrifícios, já falei por carta: no primeiro dia da semana cada um separe segundo sua prosperidade. Nunca fiz leilão de bênçãos do Senhor, desafiando o povo a ofertar começando com 10 moedas de ouro até chegar ao que tinha um denário. O único sacrifício aceitável por Deus já foi feito na cruz pelo seu Filho Jesus, entendais isto brasileiros.

    Quando Deus me der oportunidade de visitar-vos quero conhecer os que estão se enriquecendo com o Evangelho e enfrentar-lhes face a face. A piedade jamais pode ser fonte de lucro e se continuarem nessa sórdida ganância haverão de sofrer muitas dores.

    A busca da verdadeira maturidade
    É imprescindível que manejem bem a Palavra, pois chegou ao meu conhecimento que esta é uma geração tão ignorante nela que estão sendo enganados por lobos vorazes, que trazem enganos e sofismas, e a esses, de boa mente, os tolerais. Lembrem-se que quando preguei em Beréia o povo consultava a Palavra para ver se as coisas eram de fato assim . Porque não fazeis vós o mesmo? Ora, os ardis de satanás vêm sempre disfarçados na pregação de um anjo de luz. Vejo que entre vós há muitos acréscimos e deturpações daquilo que falei. Admoesto-vos a que não ultrapasseis o que está escrito.

    As saudações pessoais
    Rogo-vos, irmãos, que noteis bem aqueles que provocam divisões e escândalos; afastai-vos deles, porque esses tais não servem a Cristo, e sim a seu próprio ventre, seus próprios interesses. Em breve vos vereis.

    A bênção
    A graça do Senhor Jesus Cristo, e o amor de Deus, e a comunhão do Espírito Santo sejam com todos vós do Brasil.

    Marcos Vinicios Habib Moreira
    Membro da Primeira Igreja Batista em Teresópolis – RJ

    EXTRAÍDO – Para os leigos… CTRL – C… CTRL – V…

  19. FRANK disse:

    IURY disse: Vejam o estado espiritual de países libertinos, como a Alemanha, a Holanda, a Itália, etc. São países espiritualmente mortos, cujas igrejas vivem vazias e há anos não experimentam um genuíno avivamento!!!
    O cara de uma vez só pos milhões de cristãos no mesmo saco e os julgou frios e sem FÉ.Bom é o Brasil que não é nada libertino, tão puritano.Assim como esse monte de igrejas aqui tão REAVIVADA$$$ e sem nenhum e$$$cândalo.

  20. quigospel.com disse:

    Fico com as perguntas do Celso

    “Mas se perguntar, eu devo ??

    O que essa atitude vai acrescentar na minha vida ??

    As pessoas irão ver verdadeiramente a presença de Cristo em mim ??”

    E mais uma – O Gospel + traz esse debate como debate ou com a intenção de indurzir-nos a aceitar esse absurdo?

  21. Elton disse:

    Sinceramente desde que sou cristão em minha igreja esse assunto nunca foi um dos mais comentados ou polemico, pois nós sabemos que apesar de o vinho aparecer em muitos versiculos da biblia, ela não recomenda de forma clara o seu uso, apenas expressa seu uso medicinal e também revela que seu consumo era um costume do povo da epoca.
    Hoje, a realidade é que a bebida alcoolica alem de conter um teor bem mais concentrado de alcool (e não é o natural, ou seja, da propria substancia do produto ultilizado)é uma droga que vicia, mata e destroi muitos lares, um individuo alcoolisado é capaz de realizar atos obcenos e impensados, sua razão e consciencia não mas lhe pertence plenamente quando em extase, obviamente que muitos podem até citar que a Biblia apenas proibe a embriaguez e é de fato o que ela proibe mas se pensarmos melhor, é melhor aderir a abstinencia total a permitir seu consumo de forma parcial, pois nem todos (e sem nenhum medo afirmo que uma parcela de aproximadamente 95% das pessoas) tem a capacidade de auto-controle bebendo ´´socialmente“ se alguem aqui conseque Gloria Deus, mas acredito eu e ultilizo as palavras do Apostolo Paulo que se minha atitude mesmo sendo correta troxer escandalo para o mais fraco então não faço para que ele não caia.
    E outra não acredito que alguem pode ganhar a confiança de um pecador para que esse possa escutar a Palavra de Deus, sentando-se a mesa de um bar e/ou consumindo bebidas alcoolicas.
    Que Deus em Cristo nos abençoe.

  22. edr disse:

    Agora temos o apostolo carlos roberto paulo….rsrsrsrsrsrs….
    vamos seguir seus ensinamentos antes ele mesmo pediu sejam meus imitadores agora quer escrever como se fosse Paulo, olha vou dizer que me divirt vendo tanta besteira junta num unico comentario, como diria o frank, igual a papel higienico….. mesmo tamanho e utilidade, A D O R E I !!!!
    Eu fico imaginando um senhor desocupado…. sem ter mais nada de util pra fazer e se achando o papa dos evangélicos mas não passa mesmo é de um padre que acha que com esses comentários vai minar a mente de quem está lendo, só mina dos fracos que não tem raíz e nem estrutura!!!!!

  23. Carlos Roberto disse:

    O BÊBADO TAMBÉM TEM FÉ…
    EU CREIO… NA BRANQUINHA…

    No embalo da degradação espiritual e da politicagem religiosa que fervilha neste nosso século, aproveito a oportunidade para traçar alguns paralelos entre a crise religiosa e o bêbado. É que o vizinho bebeu demais e me inspirou… Falou besteiras que nem crente nas concentrações de curas e politicagem misturadas… O cristianismo moderno é como um bêbado que não consegue andar em linha reta, vive num permanente estado de autonegação sobre os efeitos da insensatez. O ébrio, quando não bebe, treme e, quando bebe, exagera e cai. Vive na base do beber cair e levantar… É o divertimento dele. Assim também anda o cristianismo, embriagado nas caninhas modernas de uma relação promiscua com o mundo. A falta de sensatez atualmente é tão forte que os líderes religiosos não querem mais pregar o EVANGELHO, com medo de perder suas mordomias, enquanto o mercado religioso agoniza e ameaça não sair de onde está por falta do precioso liquido, a água da vida. Por coincidência, um destes líderes já se antecipou e lançou no mercado a ÁGUA MINARAL 100% JESUS. Alguns líderes religiosos já aceitaram que o problema da crise é a falta de sensatez. Muitas das autoridades eclesiásticas se estrebucham por todos os meios para resolver a crise por caminhos tortuosos como o da negociação com a fé de seus sócios. O espetáculo é grandioso e se alastra pelo mundo num palco digno de Hollywood, onde não sabemos se devemos rir ou chorar.

    Entretanto, a própria crise foi gerada por falta de sensatez espiritual. As igrejas e denominações esbanjam tanto conhecimento que pegam sócios a laço e até via satélite e imploram para que invistam em alguma coisa sólida que renda algum retorno para suas EMPREJAS S/A. Inegavelmente, essa atitude foi a responsável pelo surto de crescimento no mercado da ilusão religiosa, onde milhares investem o que possuem na expectativa de retorno fácil. A prosperidade material é o único objetivo. Mas, como um alcoólatra, as igrejas eletrônicas não souberam parar, não souberam administrar o precioso líquido e, quando se deram conta, haviam bebido tanto que a sensatez aparente já não era suficiente para atender os compromissos dos clientes. Enquanto isso, muitos aproveitaram a farra e agora não tem nem como honrar os compromissos. Prometeram mundo e fundos aos membros, mas… Agora, todos conclamam, como ébrios, para que a igreja fique aberta todos os dias e satisfaça a sede incessante das necessidades materiais mesquinhas dos fregueses. Criem, inventem, iludam…

    Posso até acreditar que o Evangelho seja eficiente, a base do líquido revigorador, a Palavra de Deus, mas ele não tem mecanismo técnico, éticos ou morais para determinar os limites das necessidades do cidadão. Cada cidadão tem a sua taxa de consumo pessoal e usa conforme lhe convém. A insensatez exagerada permite ao inferno ganhar no volume dos negócios, podem enganar sem escolher os melhores ou piores cidadãos porque todos os metodos, independente da técnica ou da arte, conseguem atrair interessados quando os riscos são baixos. Mas quando os negócios caem exageradamente, além da produtividade da estimada, os riscos aumentam, a sensatez fica relativamente escassa e sufoca o sistema de forma induzida e “sistematicamente” errática. Aí é hora dos líderes inventarem novas fórmulas para conquistarem novos clientes no mercado da ilusão espiritual.

    O crescimento da religião nos últimos anos é fictício, mas como aceitar que o paraíso não existe depois de tanta pregação ameaçadora a favor da fé e contra a razão? Como pode a igreja convencional crescer a dois ou três por cento ao ano e a IGREJA ELETÔNICA trinta por cento? Onde está a mágica? Nas propostas enganosas e escandalosas de uma prosperidade terrena voltada exclusivamente para os bens materiais onde a regra é simples, é dando que se recebe…

    Os Magnatas da fé não aceitam o resultado das leis de mercado religioso. Todos temem até a autocrítica porque ninguém consegue pensar contrariando o próprio bolso. A regra é ganhar a qualquer custo. É por aí que se estende a cortina do obscurantismo. Os ganhos espirituais da religião nos últimos anos são fictícios, mas como aceitar que o paraíso não existe depois de tanta pregação ameaçadora a favor da fé e contra a razão? O sistema religioso tradicional terá de enxugar a religiosidade falsa antes que seja tarde demais para qualquer reação. Muitos crentes modernos já abandonaram o sonho da mansão celestial, mas os MERCENÁRIOS do mercado religioso moderno ainda sonham com os iates, os jatos e um palácio de veraneio porque relutam em abandonar as mordomias acumuladas nas EMPREJA S/A. Isso contraria o salto da fé acumulada, da mesma forma que acumularam o capital, sob uma premissa falsa de uma fé ficticia.

    O apego exagerado e mesquinho de MERCENÁRIOS para defender ganhos irrealistas barra qualquer tentativa sensata para sanar os problemas espirituais de nossa gente. Assim, ficamos no abandono e a solução da crise de identidade espiritual dos cristãos fica por conta da própria crise. O descompasso gerado entre a pregação distorcida e prática verdadeira terá que diminuir, mas isso leva tempo. Enquanto isso o Evangelho paga a conta e o cristianismo munderno arrasta as multidões para a sarjeta da miséria espiritual. Infelizmente, o mercado é cruel, mas a lei da gravidade é igual para todos e as leis da física são imutáveis e não podem ser ignoradas. Até o bêbado sabe que o líquido marvado em demasia o leva a sarjeta, mas o vício, pelo lado do viciado, é apenas um gosto apurado. Ele tem fé de que a bebida vai resolver os seus problemas, mesmo que por um momento…

    O bêbado olha para a garrafa na relação direta da matemática, quanto mais liquido ele consome, mais emoção ele acumula. O mercenário religioso pensa da mesma forma, quanto mais ele tira de suas presas, mais riqueza ele acumula… Quanto mais ele bebe dos recursos de seus sócios, mais eles sobreviverão sustentando as suas mordomias e as suas trapaças.

    Assim como o pinguço crê na bebida, os Mercenários religiosos acreditam nos seus sócios, sabem, por experiência que não deixarão faltar dinheiro ou recursos para que continuem a suas sagas de exploradores da fé alheia.

    Carlos Roberto Martins de Souza

  24. edr disse:

    E mais uma vez o site “EVANGELICO” coloca uma nota que ta mais para fazer o povo acreditar que essas coisas não tem “nadaavê”, mas vcs podem enganar muita gente mas eu não me engano, uma vez ouvi uma pessoa dizendo que diabo não tem o menor interesse em tirar seus servos de dentro das igrejas, porque dentro delas o serviços deles fariam um estrago maior que se estivessem fora…. agora eu consigo entender essa colocação!!!!!
    Vão se converter!!!!!!!

  25. jody disse:

    “Quem bebe demais fica barulhento e caçoa dos outros;o escravo da bebida nunca será sábio.” Pv 20,1.

    Comos vocês podem ver nesse trecho fala “quem bebe demais” e não que apenas bebe.
    Acho que tudo depende do nosso autocontrole e se for para a obra de Deus só precisa ser bem administrado de modo que não venha a desequilibrar a nossa Fé e por em risco o nosso ministério.
    Eu prefiro evitar, mas alguém tem que fazer alguma coisa pelos irmão que ainda não conhecem a Deus e seus preceitos.E isso só será possível ser formos ao encontro deles onde quer que estejam.

    Mais eu acho que não se deve beber. Como o próprio Hill sugeriu depois,” mas eu iria beber água ou coca” o importante é ele passar a mensagem, não precisa praticar o que todos em volta praticam para receber atenção.

    “Não participem das coisas sem valor que os outros fazem , coisas que pertencem a escuridão,Pelo contrário, tragam todas essas coisas para a luz.E quando qualquer coisa é trazida para luz, então a sua verdadeira natureza é revelada.” Ef. 5,11-13.

  26. Elton disse:

    Caro Carlos Roberto qualquer coisa que imaginarmos distorcendo o que a biblia realmente diz, é heresia.Paulo NUNCA escreveria uma epistola aos brasileiros pois o Brasil não era conhecido e nem civilizado na epoca, qualquer coisa alem do que existe na Biblia, achologias, talves, quem sabe etc. é considerado HERESIA.
    Que seja entao vosso proceder Sim ou Não, se não tem escrito na Biblia então a expressão ultilizada por vc foi TALVES, e o que passa de Sim ou Não é de procedencia maldita.
    Continuo orando pela sua libertação espiritual, pois assim como Paulo,ainda se chamando Saulo,que persequia os cristões e teve um encontro com Cristo, não se esqueça vc tbm tera.

    Que Deus em Cristo nos abençoe.

  27. IURY RANGEL disse:

    Nobre irmão FRANK, graça e paz!!!

    Primeiramente, gostaria de esclarecer ao irmão que não julguei milhões de cristãos como frios e sem fé. O irmão torceu completamente o que escrevi! O que disse é que muitos países da Europa vivem uma crise espiritual que não é de hoje. É evidente que por lá existem muitos cristãos sérios e compromissados com Deus, porém a ampla maioria das igrejas vive sob a mais absoluta mornidão espiritual. Basta que o irmão leia as declarações de missionários brasileiros que atuam por lá. Tais missionários apontam como fatores desta crise espiritual o seguinte: ambição por riquezas, motivada pela Teologia da Prosperidade, e libertinagem, motivada pela cauterização da consciência de muitos pastores que permitem aquilo que a Bíblia proíbe, como bebidas alcoólicas, fumo, bigamia, etc. É evidente que as igrejas que não compactuam com tais desvaneios permanecem avivadas, como é o caso de muitas igrejas aqui no Brasil.

    O irmão também equivocou-se ao dizer que “alguns aqui estão inventando vinho sem ser alcoólico”. Devo informá-lo que no Novo Testamento a palavra vinho traduz o vocábulo grego “oinos”, que tanto pode indicar o suco da uva fermentado, como o não-fermentado, como comprovam inúmeros textos bíblicos e seculares da época. Assim, em cada versículo bíblico que contém a palavra “vinho”, deve ser feito um exame criterioso do contexto para saber se está se referindo ao vinho alcoólico ou ao suco da uva não-fermentado, pois do contrário o intérprete pode cometer uma terrível heresia.

    O irmão também equivocou-se ao afirmar que Jesus forneceu bebida alcoólica para o povo. Os maiores médicos especialistas atuais em defeitos congênitos citam evidências comprovadas de que o consumo moderado de álcool danifica o sistema reprodutivo das mulheres jovens, provocando abortos e nascimentos de bebês com defeitos mentais e físicos incuráveis. Autoridades mundialmente conhecidas em embriologia precoce afirmam que as mulheres que bebem até mesmo quantidades moderadas de álcool, próximo ao tempo da concepção (c. 48 horas), podem lesar os cromossomos de um óvulo em fase de liberação, e daí causarem sérios distúrbios no desenvolvimento mental e físico do bebê. Seria teologicamente absurdo afirmar que Jesus haja servido bebidas alcoólicas, contribuindo para o seu uso. Afirmar que Ele não sabia dos terríveis efeitos em potencial que as bebidas inebriantes têm sobre os nascituros é questionar sua divindade, sabedoria e discernimento entre o bem e o mal. Afirmar que Ele sabia dos danos em potencial e dos resultados deformadores do álcool, e que, mesmo assim, promoveu e fomentou seu uso, é lançar dúvidas sobre a sua bondade, compaixão e seu amor. A única conclusão racional, bíblica e teológica acertada é que o vinho que Cristo fez nas bodas, a fim de manifestar a sua glória, foi o suco puro e doce de uva, e não fermentado.

    Quanto a Santa Ceia, é indiscutível que o vinho usado foi o suco da uva sem fermento, tanto que os Escritores usam a expressão “fruto da vide”. O vinho não fermentado é o único “fruto da vide” verdadeiramente natural, contendo aproximadamente 20% de açúcar e nenhum álcool. A fermentação destrói boa parte do açúcar e altera aquilo que a videira produz.

    Irmão Frank, que Deus te abençoe abundantemente!!!

  28. Marcos disse:

    Existem estudos que comprovam que um simples copo de cerveja causa disturbios em vários aspectos na pessoa, independente da resistencia de cada um.
    E é bem notável ao observar qualquer pessoa após beber uma latinha q já se percebe que ela perde a ciência e o controle próprio, digo em suas palavras.

    Portanto, não vejo realmente como beber, ainda que seja moderadamente possa trazer algum beneficio.

    Perder o auto-controle? Já é dificil em determinados aspectos sem o alcool, que dirá com ele! rs

    Sabemos que a Bíblia nao proibe, mas deixa claro q perder o controle de sí é. E é exatamente isso que a droga faz.
    Como disse, já existem estudos que comprovam q 1 copo causa isto, seja em quem for.

  29. Lauri disse:

    Quero que esse missionário lê o que Deus fala em Tito 1:7-10

  30. nonato andrae disse:

    jesus transfou agua em vinho e nao em serveja.a biblia nos ensina que os bebados ficarao de fora a biblia tambem diz que jesus transformou agua em vinho mais nao diz que ele bebeu

  31. Carlos Roberto disse:

    APARÊNCIA DO MAL

    “FUGÍ DA APARÊNCIA DO MAL” – I Tessalonissences 5:22

    Eu poderia encerrar aqui a minha dissertação sobre a questão levantada, mas vou alongar um pouco mais, sem querer irritar ou provocar ninguém, apenas apresentarei o meu ponto de vista fundamentado nas ESCRITURAS, como faço sempre. O texto acima é IMPERATIVO, não devemos fugir do mal, mas da aparência dele, portanto, se tomar uma cerveja, um copo de vinho ou algo semelhante permite nos assemelharmos com as obras do mal, obviamente que o Apóstolo Paulo não da alternativa, ele apenas manda, fuja… Se possível a passos largos, pois o mundo está de olho no que fazemos, assim, se o nosso testemunho escandalizar alguém… O Salmista, na sua sabedoria e na sua inteligência diz: “Não sejam envergonhados por minha causa aqueles que esperam em ti, ó Senhor Deus dos exércitos; Não sejam confundidos por minha causa aqueles que te buscam, ó Deus de Israel” – Salmos 69:6.

    A bebida forte tem um passado sórdido. O justo Noé caiu por causa do vinho: “Bebendo do vinho, embriagou-se e se pôs nu dentro de sua tenda” – Gênesis 9:21. Parece que a bebida alcoólica influencia a pessoa para fazer o que jamais faria se estivesse sóbria. Quando as filhas de Ló desejaram ter filhos do pai, elas o EMBRIGARAM e depois o procuraram. O álcool em si não estimulou a concepção, mas elas sabiam que Ló ficaria muito mais PASSÍVEL DE COMETER ESSA IMORALIDADE SE ESTIVESSE BÊBADO. “Subiu Ló de Zoar e habitou no monte, ele e suas duas filhas, porque receavam permanecer em Zoar; e habitou numa caverna, e com ele as duas filhas. Então, a primogênita disse à mais moça: Nosso pai está velho, e não há homem na terra que venha unir-se conosco, segundo o costume de toda terra. Vem, façamo-lo beber vinho, deitemo-nos com ele e conservemos a descendência de nosso pai. Naquela noite, pois, deram a beber vinho a seu pai, e, entrando a primogênita, se deitou com ele, sem que ele o notasse, nem quando ela se deitou, nem quando se levantou. No dia seguinte, disse a primogênita à mais nova: Deitei-me, ontem, à noite, com o meu pai. Demos-lhe a beber vinho também esta noite; entra e deita-te com ele, para que preservemos a descendência de nosso pai. De novo, pois, deram aquela noite, a beber vinho a seu pai, e, entrando a mais nova, se deitou com ele, sem que ele o notasse, nem quando ela se deitou, nem quando se levantou. E assim as duas filhas de Ló conceberam do próprio pai” – Gênesis 19:30 a 36. Absalão decidiu matar Amnom enquanto este bebia, talvez por crer que ele seria menos capaz de se defender se estivesse num estado um tanto inebriado: “Absalão deu ordem aos seus moços, dizendo: Tomai sentido; quando o coração de Amnom estiver alegre de vinho, e eu vos disser: Feri a Amnom, então, o matareis. Não temais, pois não sou eu quem vo-lo ordena? Sede fortes e valentes” – II Samuel 13:28. Um dos pecados de Belsazar, na noite em que viu a mão na parede e em que seu reino foi tomado, foi o fato de estar bebendo: “Beberam o vinho e deram louvores aos deuses de ouro, de prata, de bronze, de ferro, de madeira e de pedra” – Daniel 5:4.

    É também útil entender algumas coisas sobre os vinhos alcoólicos das terras bíblicas. Naquela época, só havia fermentação natural. Eles ainda não tinham inventado a tecnologia para acrescentar mais álcool às bebidas fermentadas por processo natural. Isso significa que o mais alcoólico dos vinhos da Palestina tinha cerca de 8% de álcool. Pela lei, esses vinhos eram diluídos em água, normalmente três ou quatro partes de água para uma parte de vinho. Esses vinhos fracos, enfraquecidos mais ainda pela adição de enormes quantidades de água, passaram a ser usados como bebidas para acompanhar as refeições. Não eram usados como bebidas, mas apenas como se usa um copo de água ou uma xícara de café que se bebe com a refeição. Vários textos bíblicos parecem apontar para esse uso do vinho -como uma bebida para acompanhar as refeições. I Timóteo 3:3 e 8; Tito 1:7; Mateus 11:18 e19.

    Salomão condena o uso do vinho “vermelho” que brilha no copo – Provérbios 23. Os tipos de bebidas alcoólicas usadas em nossa sociedade é o mesmo tipo sistematicamente condenado na Bíblia. Jamais fiquei sabendo de alguém que tomasse um pequeno copo de vinho fraco diluído na proporção 4:1 de água como acompanhamento de uma refeição. Os vinhos, as cervejas e os licores de hoje enquadram-se na categoria de BEBIDA FORTE, e nenhum texto sequer pode ser encontrado na Bíblia que permita que sejam consumidos por um filho de Deus.

    Paulo estimulou a Timóteo de modo especial para que tomasse “UM POUCO DE VINHO” por questões de saúde – I Timóteo 5:23. Às vezes se usa esse texto para mostrar que é possível beber. Mas, de fato, o que ele faz é justamente o oposto. Se Timóteo tivesse tido o hábito de beber uma CERVEJA aqui e ali, por que precisou que Paulo lhe desse uma PERMISSÃO ESPECIAL para usar um pouco de vinho COMO REMÉDIO? Esse texto nos leva à conclusão de que o uso de álcool pelo cristão deve ser uma exceção, NÃO UMA REGRA. Muitos remédios de nossos dias CONTÊM ÁLCOOL ou outras drogas intoxicantes. O discípulo de Cristo deve ser muito cuidadoso com eles e usá-los apenas com muita moderação. O fato de que uma EXCEÇÃO precisou ser dada para permitir o uso de remédios com teor alcoólico sugere que é errado beber por prazer.

    O servo de Cristo deve sempre analisar o efeito de seus atos sobre o próximo: “É bom não comer carne, nem beber vinho, nem fazer qualquer outra cousa com que teu irmão venha a tropeçar” – Romanos 14:21. Mesmo que o cristão pudesse BEBER MODERADAMENTE, de qualquer modo esse texto ainda o estaria proibindo na maioria dos casos. A bebida alcoólica leva tantos cristãos a cair, que aquele que tenta ajudar o seu irmão a não tropeçar certamente não lhe dará o exemplo, bebendo diante dele.

    A Bíblia sistematicamente exige que sejamos sóbrios: I Tesssalonicenses 5:6; II Timóteo 4:5; I Pedro 4:7; 5:8. Entre as primeiras conseqüências da bebida são a AUSÊNCIA DE INIBIÇÕES, o enfraquecimento do autocontrole, A FALTA DE JUÍZO. Essas conseqüências ocorrem bem antes da pessoa começar a perder o controle das habilidades motoras, a falar arrastadamente, etc. O Diabo está sempre procurando-nos tentar; para enfrentar a essas tentações, o filho de Deus deve estar profundamente alerto e SÓBRIO EM TODO TEMPO.

    Embora não fosse possível afirmar, com base nas Escrituras, que ingerir qualquer quantidade de álcool por qualquer motivo é sempre pecado, parece claro que o servo de Deus não será alguém que simplesmente bebe CANECAS DE CERVEJA ou TAÇAS DE VINHO. O beber socialmente que vemos hoje em dia é o tipo condenado em muitos textos das Escrituras. “O vinho é escarnecedor, e a bebida forte, alvoroçadora; Todo aquele que por eles é vencido não é sábio” – Provérbios 20:1.

    Faço minhas as palavras de Paulo: “FUGÍ DA APARÊNCIA DO MAL”… Portanto se um copo de cerveja representa para o seu próximo alguma semelhança com coisas más, não se entregue a este tipo de prazer da carne…

    “E não VOS EMBRIAGUEIS COM VINHO, em que há contenda, mas enchei-vos do Espírito; Falando entre vós em salmos, e hinos, e cânticos espirituais; cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração” – Efésios 5: 18 e 19.

    Carlos Roberto Martins de Souza

  32. Elton disse:

    Caro Aposent(desocup)ado Carlos Roberto,quanto ao quisito gramatical,seus comentarios são bem organizados,tem boa estrutura e argumentos,não convincentes,dentro dos padrões exigidos na linguagem culta,porém estou sendo obrigado pelos meios cabiveis a concordar com o Frank e o Edr, e por isso ultilizarei as palavras dos mesmos:

    ´´seu comentarios sao iguais ao papel higienico….. mesmo tamanho e utilidade, A D O R E I !!!!“

    Quero deixar bem claro que não sou preconceituoso e respeito e tenho orgulho de todos que se esforçaram dando sua parcela a nação e hoje estão em seu descanço merecido. Porém alguem que se auto denomina, conheçedor supremo das Escrituras Sagradas, não deveria agir como os Fariseus agiam, conheciam toda a Lei e queria a impor aos outros,porém nem eles mesmos a cumpriam e o pior foi revelado por Cristo,esses Fariseus conheciam toda a Lei, porém esqueceram do mais importante: A LEI DO AMOR.

    A lei do Amor não difama – orienta
    Não ofende – Reprime com palavras suaves e mansas
    Não Julga – Procura mostra a verdade de forma que o outro entenda e não o acusando.
    Não generaliza – Sabe dicernir o bem do mal
    Não se exalta – humilha-se diante de Deus
    Não é soberbo – aprende a ouvir os outros
    E dentre outros fatores que se eu colocasse aqui não caberiam espaços.

    Uma coisa eu posso afirmar, Jesus está voltando e muitos tem se achado no direito de fazer o papel de Cristo, querendo lançar fora o joio, mas esse papel é do Mestre e aquele que aponta para seu irmão que olhe antes para si mesmo.
    Eu não concordo com muitas ações no meio Evangelico, mas isso tem que acontecer está escrito, nos ultimos tem que aparecer os lobos disfarçados de cordeiros, os mercenarios disfarçados de pastores,os falsos profetas disfarçados de dicipulos dentro outros, a propria Biblia declara que o Anti-Cristo sentará dentre o povo de Deus e por um periodo fingirar ser como nós.Muitos criticam a Batista, Assembleia, Metodista, Deus é Amor, Presbiteriana, IURD e outras, agora eu lhe pergunto se um desses for salvo(e muitos realmente serão)vc deixara de ser salvo pq um deles foi? No Reino de Deus não entra divisores, vc se acha na condição de unico salvo ou sua igreja é a unica que vai entrar no Reino Celeste?
    Pensem bem, bamos nos unir na fé em Cristo e não nos separar na acusação que é proviniente de Satanas, a isso que o mundo quer, que nós nos separemos, mas lhe digo somos todos um só povo de um só Deus, quem vive deacordo com as escrituras não depende que seus pastores ou os membros de sua denominação sejam uns semi-deuses,depende que em seu coração aja o Espirito Santo e quem tem o Espirito clama Ora vem Senhor Jesus.

  33. Elton disse:

    Carlos Roberto, a expressão a cima retrata dos textos anteriores, tenho que concordar com TUDO que disse no ultimo texto apresentado e parabeniso pela sua colocação.

  34. roberto augusto disse:

    “Todas as coisas te são licitas, mais nem todas nos convém!”
    “Não vos embriaguei com vinho…”
    Citando apenas esses pequenos trechos da biblia, ela deixa claro que:
    Beber “cerveja ou alcool” não é pecado, mais a embriaguez sim.
    Mais se vc sabe que seu corpo é morada e templo do Espirito Santo de Deus, pra que vc vai beber? Por curiosidade? Lembre-se que o diabo é que nos mostra à curiosidade pelo pecado.
    Msmo q beber não seja pecado, isso te leva a embriaguez, e isso sim é pecado!
    No caso do Missionario não devemos julgar a igreja, pois isso faz parte da Liturgia dela, e sabemos que as vezes liturgias acabam nos afastando de Deus, por isso leiam a palavra. Citando um outro trecho “o povo peca por não conhecer as escrituras”(tradução resumida). Uma coisa é fato, se realmente esse missionário tiver como prioridade pregar o evangelho, Deus irá usá-lo de acordo com a vontade Dele e não o homem, ou seja, ” a seara é grande, os trabalhadores é que são poucos”, Deus pode e acredito q vai direciona-lo à outras maneiras e estratégias de pregar o evangelho.Tomara q o missionario e tds v6 entendam que “Deus age de uma forma Sobrenatural”.

  35. soares disse:

    Esta Escrito: em mateus, c.5 vesc.37 SEJA, PORÉM, O VOSSO FALAR; SIM, SIM, NÃO, NÃO; PORQUE O QUE PASSA DISTO É DE PROCEDENCIA MALIGNA. OU SEJA DO DIABO. GRAÇA E PAZ.

  36. roberto disse:

    DEUTERONOMIO 29:6
    Pão não comestes e não bebestes vinho nem bebida forte, para que soubésseis que eu sou o SENHOR, vosso Deus.

    JUÍZES 13:4 Agora, pois, guarda-te, não bebas vinho ou bebida forte, nem comas coisa imunda;

    PROVÉRBIOS CAP.20:1 O vinho é escarnecedor, e a bebida forte, alvoroçadora; todo aquele que por eles é vencido não é sábio.

    ISAÍAS 5:22
    Ai dos que são heróis para beber vinho e valentes para misturar bebida forte,

    LUCAS 1:15
    Pois ele será grande diante do Senhor, não beberá vinho nem bebida forte e será cheio do Espírito Santo, já do ventre materno.

    AÍ ESTÁ PESSOAL , OS BEBERRERÕES DE PLANTÃO – AINDA TEM A CARA DE PAU DE AFIRMAREM POR AÍ, QUE JESUS BEBEU VINHO, É BEBEU, MAS NÃO ESSE VINHO CHEIO DE CANA DO CÃO DO INFERNO, O DIABO QUER LEGALIZAR O ILEGAL PELA PALAVRA DE DEUS, AINDA TEM CRISTÃO CARA DE PAU, DIZENDO QUE SÓ UM POUQUINHO NÃO TEM PROBLEMA – CALEM A BOCA EM NOME DE JESUS. SOU EX-BEBERRÃO, E FUI DA UMBANDA DURANTE 2 ANOS, AJUDAVA O PAI DE SANTO NOS TRABALHOS DE MACUMBARIA, A PRINCIPAL BEBIDA QUE A BOMBA GIRA GOSTAVA ERA SHAMPANHE E VINHO, E TEM CRENTE BEBENDO ESSAS BEBIDAS DO DOMÔNIO DURANE FESTAS COM: NATAL E BALADINHAS.
    VAMOS SE CONVERTER DE VERDADE EM NOME DE JESUS.A BÍBLIA NÃO SE CONTRADIZ, EM LUCAS 1:15 DIZ: QUE JESUS SERIA CHEIO DO ESPÍRITO SANTO E NÃO BEBERIA VINHO,VINHO,VINHO – POR FAVOR PAREM DE DIZER QUE JESUS BEBEU ESSE VINHO DO INFERNO – PARA DE FALAR HERESIAS EM NOME DE JESUS – PARA,PARA,PARA,PARA, CRENTES PAREM,PAREM……..

  37. roberto disse:

    ABNER

    PARA DE FALAR BESTEIRA RAPAZ – VEJA O QUE ESCREVI – É PRINCIPALMENTE PARA VOCE – QUE PARA QUE NÃO MEDITA DA PALAVRA DE DEUS, E FICA FALANDO COISAS SEM SENTIDO, POR FAVOR – NO AMOR DE JESUS VAI LER MAIS A BÍBLIA……….

  38. roberto disse:

    FRANK – VAI LER MAIS A BÍBLIA TAMBÉM…….

  39. CALEB disse:

    O Senhor e Salvador Jesus Cristo transformou a agua em vinho.

    O ultimo e verdadeiro apostolo de Cristo, Paulo, de Tarso, exorta a Timoteo a tomar Vinho.

    Pastor Caleb.

  40. roberto disse:

    YURI RANGEL

    PARABÉNS , VAMOS DAR UMA LIÇÃO DE BÍBLIA E CONHECIMENTO HISTÓRICO CULTURAL NESSES, QUE FALAM O QUE NÃO SABEM. O VINHO NA ÉPOCA DO VELHO E NOVO TESTAMENTO, NÃO ERA FERMENTADO.

    ECLESIASTES CAPITULO 7 VERSICULO 29 DIZ:Eis o que tão-somente achei: que Deus fez o homem reto, mas FEZ MUITAS INVENSÕES.

    O VINHO NÃO FERMENTADO = SUCO DA VIDE = DEUS CRIOU
    O VINHO FERMENTADO = VINHO COM ALCOOL = FOI O DIABO QUE CRIOU USANDO É CLARO A INTELIGENCIA QUE DEUS DEU A O HOMEM, NÃO PARA ISSO,MAS????????

    INTERESSANTE, DEUS CRIOU A CANA DE AÇUCAR – PARA COISA BOAS
    O DIABO – PEGA A CANA DE AÇUCAR PARA CRIAR A PINGA.

    DEUS CRIOU A FOLHA DA COCA – FOLHA DA MACONHA
    O DIABO FOI, E CRIOU AS DROGAS COM ESSAS FOLHAS.

    DEUS CRIOU A UVA – PARA TANTAS COISA BOAS
    O DIABO – PEGA A UVA E CRIA O VINHO ALCÓLICO.

    DEUS CRIOU O SEXO – PARA O CASAMENTO – QUE DELICIA!
    O DIABO PEGA O SEXO – E CRIA??????? NEM PRECISO FALAR TANTA SUJEIRA, NÃO É???????

    DEUS CRIOU O SER HUMANO – PARA TANTAS COISAS BOAS
    O DIABO – PEGA O SER HUMANO – PARA CRIAR A PRÓPRIA DESTRUIÇÃO DO SER HUMANO – GUERRAS, DOENÇAS SEXUALMENTE TRANSMISSIVEIS, BOMBA ATÔMICA, DROGAS E TANTAS OUTRAS COISAS.

    NÃO É COERENTE O QUE ACABEI DE ESCREVER??????
    PENSE NISSO, E ENTREGA DE VERDADE AO VERDADEIRO DEUS, JESUS CRISTO – BONDOSO, ÚNICO SALVADOR.

  41. Diony Barreto disse:

    Na verdade, nem a Bíblia, nem a Igreja e nem o Pastor condena nenhum ato de qualquer cristão. A palavra de Deus é bem clara, o julgamento só cabe ao Senhor. Creio que o pecado é aquilo que nosso coração nos condena. A melhor coisa do mundo é você estar bem com você mesma. Portanto, se sua consciêncîa também não te condenar, tá tudo bem, pois o que realmente conta é o espírito.
    Quem foi que disse que o evangélico não pode se divertir? Pode sim, cabe a cada um, cuidar de sua higiene mental, porque bem estar é físico e espiritual. O Senhor quer seus servos alegres, felizes, mas sempre na presença dele.
    Beber ou não beber? Sim, tudo em excesso faz mal ao corpo e ao espírito também. Lembre-se, nosso corpo não nos pertence, ele é o Templo do Senhor. Na bíblia diz também “não sentai na roda dos escarnecedores”. Então, cabe a cada um a responsabilidade de seus atos perante a Deus.

  42. celsujeito disse:

    OlÁ!

    O Alcóol é um instrumento muito eficaz nas mão de Satanás, portanto acredito que os cristãos deveriam manter-se ao máximo afastado do mesmo. Não é difícil encontrar pessoas por aí que conheça alguém ou até mesmo teve sua própria vida destruída pelo álcóol.
    Parabéns Iury pelos comentários, você parece ser uma pessoa culta. Continue utilizando seus conhecimentos para bons propósitos.

  43. Marcos disse:

    Excelente Roberto!
    Muito bem observado!

  44. Elza Machado disse:

    A Biblia e cerveja jamais vão combinar. Pois seria sentar junto a escarnecedores. Sim, pois há nesses bares pessoas dispostas a escarnecer da Palavra de Deus. Quem está em um local deste, quer tudo menos falar de Jesus e seu evangelho. O vinho dos tempos de Jesus era o puro suco do fruto da vide sem adição de alcool. Para mim, isso é desculpa de “evangelicos” sem conversão real para estar vivendo para o mundo.

  45. Elton disse:

    Caros amigos e irmão não seremos ignorantes por favor acessem qualquer site que tenha uma biblia online e leia em:

    Atos 2:12 E todos pasmavam e estavam perplexos, dizendo uns aos outros: Que quer dizer isto?

    Atos 2:13 E outros, zombando, diziam: Estão cheios de mosto.

    Vemos claramente que os cristão bebiam sim o vinho pois é UM TIPO de vinho, agora vamos entender o que é tipo de vinho é esse:

    Mosto:

    O mosto (do latim mŭstum, “novo”, “jovem”) é o sumo de uvas frescas obtido ANTES que passem processo de FERMENTAÇÃO. Por extensão é o subproduto de qualquer fruta com alto teor de açúcar.(Wikipedia)

    E o que é um Suco de Uva em?:

    Suco de uva é a bebida não fermentada, obtida do mosto simples, sulfitado ou concentrado, de uva sã, fresca e madura.(http://www.newton.freitas.nom.br/artigos.asp?cod=92)

    E vinho?:

    O vinho (do grego antigo οἶνος, transl. oínos, através do latim vīnum, que tanto podem significar “vinho” como “videira”) é, genericamente, uma bebida alcoólica produzida por fermentação do sumo de uva.[1] (wikipedia)

    Esta mais que claro em Atos 2:13, o mosto realmente não é o suco da uva, porém um vinho ainda não fermentado e por isso os cristãos em Pentencostes foram zombados pois como pode alguem se embreagar com o vinho sem alcool?

    Não sejam enganados leiam a Biblia.

    Que Deus nos abençoe Sempre!

  46. Kassio disse:

    Todas as coisas me são lícitas, mas nem todas as coisas convêm. Todas as coisas me são lícitas, mas eu não me deixarei dominar por nenhuma. 1Co 6:12

  47. edr disse:

    Agora tem gnte dizendo que Jesus era um bebado…. esse tal de psstor caleb sempre quis saber qual eara a dele com seus comentários sem pre contra o povo evangélico se dizendo como um “realis” mas depois desse ultimo comentari que ele postou entendi tudo…. baita crente….vão ler a biblia e vão pedir de Deus misericordia e entendimento… a palavra de Deus não é de interpretação mas sim de revelação….que gente mais ingnorante como é que podem dizer tais heresias O meu Jesus Cristo que veio ao mundo para dar sua vida no lugar desse bando de pecadores não era nehum bebado…. dessa vez conseguiram falar a maior bobagem que eu podia esperar nesse site…. por favor vão pesquisar o que significa mosto e como era o vinho no tempo de Jesus e parem de falar m….,gente sem cultura, querem beber, que se matem com o alcool mas não vem dizer que é ensinamento de Jesus!!!!!!

  48. LEVÍTICO 10: 8 ao 11

    8 Falou também o Senhor a Arão, dizendo:
    9 Não bebereis vinho nem bebida forte, nem tu nem teus filhos contigo, quando entrardes na tenda da congregação, para que não morrais; estatuto perpétuo será isso pelas vossas gerações,
    10 não somente para fazer separação entre o santo e o profano, e entre o imundo e o limpo,
    11 mas também para ensinar aos filhos de Israel todos os estatutos que o Senhor lhes tem dado por intermédio de Moisés.

    QUE PALAVRA ESSA ACIMA!!! NOSSO DEUS NÃO MUDA!!!

    OS CÉUS E A TERRA PASSARÃO MAS SUAS PALAVRAS JAMAIS!!!

    Agora, só quem já teve na família problemas com alcoolismo sabe o quanto a

    BEBIDA ALCOÓLICA “NÃO É DE DEUS”!!!

    A dor e o sofrimento, de toda família, é muito maior do que qualquer

    legalidade que se possa achar.

    Só vivendo mesmo pra saber…

    A Paz!!!

  49. aguinaldo disse:

    ola…sim, eu e minha esposa tomamos esporadicamnete, cerveja e vonh, mas ñão em publico.

  50. adilson disse:

    Realmente as pessoas deveriam ler mais a bíblia e começar a responder questões como essa,Jesus nunca disse Não tomarás bebida alcólica, e nem outros, o que foi dito é para não se deve embriagar, por causa da consequencias que isso traz àqueles estão perto de você e a si mesmo. O problema é que há pessoas que vivem uma vida baseada em um falso moralismo religioso.
    Raciocine comigo fazer sexo é pecado? Claro que não, mas se você fizer da maneira não-aprovada por Deus você já pecou.

  51. gumetal disse:

    PREFIRO FICAR COM ESSA PALAVRA “TODAS AS COISAS SAO ME LICITAS,MAIS NEM TODAS ME CONVÉM,TODAS AS COISAS SAO ME LICITAS,MAIS NEM TODAS ME EDIFICAM,I CORINTIOS 10:23”
    nem tudo que acontece traz a edificação ou produz edificação,e logico se vc bebe,e se diz cristão,provalmente vc se tornara um alcoolatra,e naturalmente sua vida sera destruida.por isso nao convém,a grande maioria das pessoas dizem a e so um golinho,socialmente e no fim se tornam escravas da bebida e se destruiram ou destruiram familias,pois o mal age atraves das brechas,ele encontra na vida das pessoas,e as destroem,isso nao serve para a gente mesmo,e cada coisa tem surgido,nos dias atuais.evangelizar pessoas proximos a bares,lugares assim mais devemos tomar cuidado com o que fazemos,onde pisamos e com qual proposito,pois o verdadeiro Cristão e inteligente ate pra evangelizar.

  52. Diony Barreto disse:

    Já enviei meu comentário hj e gostaria pq não foi postado. É a primeira vez que envio e gostaria de saber o motivo da não divulgação.
    Obrigada.

    [Caro Diony,
    Seu comentário não foi aprovado antes porque nosso pessoal estava tentando recuperar o site após ataques de hackers. Agora que estamos com o site no ar e disponibilidade para a moderação, seu comentário será moderado. Aliás, ore por nós.

    Att., Shaiala – Moderadora]

  53. Suélio disse:

    É só uma questão de Equilibrio.

    Comer não é pecado, no entanto, a gula é.

    Sexo não é pecado,no entanto, fora do casamento é.

    Vinho não é pecado, no entanto, se beber muito é.

    Cerveja não é pecado, no entanto, se se embriagar é.

    A questão não está no beber ou comer, mas, no excesso.

    “O reino de Deus não consiste em comer e beber, mas em justiça, paz e alegria no Espirito Santo” Rm 14.7

    Para quem disse que o vinho no AT era suco de uva, como explicar a embriaguês de Noé (Gn 9.20-21). Suco de uva não faz alguém ficar bêbado.

    A ceia era vinho (com alcool)

    Em ICor 11.21-22

    O apostolo Paulo repreende os crentes não por ter tomado vinho (com alcool)pois era comum os irmãos tomarem vinho (com alcool) na celebração da ceia, mas pelo fato de se embebedarem e fazer discriminação com os mais pobres.

    Portanto, tomar cerveja ou vinho, é uma questão de equilíbrio.

  54. jorge mélo disse:

    O verdadeiro cristão que está ligado com os céus, não perde tempo com estas coisas não, o seu desejo sempre é estar a cada dia mais afinado com o MESTRE, se santificando, pois sem a mesma ninguem verá a DEUS (hebr.cap.12 vers.14) perserverando em oração (rom.cap.12.vers.12) e perserverando até o fim se quiser ser salvo (mat.cap.24 vers.13)e por ser sábio, ganhando almas para JESUS (prov,cap.11.vers.30) principalmente ser unido, unanimes, e cheio do ESPÍRITO SANTO como eram os discípilos na igreja primitiva,( atos cap.2.vers.3,442,43,46,47, cap.4.vers.8, cap.6.vers.8, cap.13 vers.9,10. portanto o segredo do cristão é ser cheio do poder de DEUS, e de fé.
    Paz do SENHOR JESUS, a todos os irmãos que estão unidos, lavados e remidos no poderoso SANGUE DE CRISTO JESUS.
    Recife – Pe.

  55. Georges disse:

    .
    .
    Não entendi de qual denominação seria esse Hill.
    Frank, como sempre com suas abobrinhas e conhecimento bíblico profundo como um pires… cheio de achômetros despropositados.
    Os versos citados pelo Wanderley elucidam muito o assunto, mas lembremos que muito do que se pratica hoje pelas igrejas afora é apenas costume, e isso varia com o tempo e o lugar. Na fria Europa, não é pecado beber conhaque, e muitos pastores até fumam charuto. Adventistas não bebem café porque o consideram “bebida forte”.
    Costumes.
    Prova disto é que muitos mandamentos do VT foram dados a Israel somente, e não se aplicam à Igreja do NT.
    Pessoalmente acho que o problema é o escandalizar outros. Se em vez de ganhar almas ele escandaliza, aí está errado. O que ele vai dizer para um bebum, um viciado, alcoólatra da pesada? Aí vai ficar ruim. Eu não entraria nessa. O “fazer-se grego para ganhar os gregos” tem sido muito mal interpretado e mal usado, para dizer o mínimo.
    .
    .

  56. lorrayne disse:

    sobre essa questao apoio Hill se o que estava no coração dele era o evangelismo, e se Deus estava movendo ali e porque havia santidade.
    Ha proposito em outros paises tbm ha pessoas q apos o culto fumam tbm, questao cultural, nao biblica, a biblia fala que todas as coisas nos sao licitas, mas nem tudo nos convem, por exemplo aqui no brasil nao temos costume nao e cultura, talves no sul,por causa da colonização sim. Meu pr. visitou uma igreja uma vez nao lembro mas acho q era fora do brasil, la havia mtas pessoas estilo roqueiros cabelos coloridos so esse fato ja era estranho, e ainda la tinha um fumodromo, eh as pessoas q iam na igreja e fumavam, podiam utilizar esse local. So que la haviam lideres,q enquanto os outros fumavam oravam para Deus os libertar, e esttranho mas Deus estava agindo ali. Nao devemos limitar o mover de Deus se ele esta agindo mesmo que seja contra nossas convençoes, nao devemos criticar o Espirito Santo sopra pra onde Ele quer, e nos devemos estar atentos.

    Graça e paz sejam convosco.

  57. Mario Lollo disse:

    SE QUEM UTILIZA BEBIDA ALCOÓLICA VAI PARA O INFERNO, EU NÃO SEI, POIS NEM JESUS HOJE ESTÁ NA CONDIÇÃO DE JUIZ, MAS DE ADVOGADO, QUEM DIRÁ EU, QUE LUTO PELA MINHA SALVAÇÃO TODOS OS DIAS,MAS JESUS DISSE AOS DISCÍPULOS:”AQUELE QUE NÃO É CONTRA NÓS, É POR NÓS”, NESTE MOMENTO ELE NÃO DISSE NADA QUE O CIDADÃO ESTARIA SALVO, MAS ESTAVA FAZENDO A OBRA DE DEUS, ORA SE O CIDADÃO ACHA QUE ESTÁ GANHANDO ALMAS E JESUS NÃO CONDENA, QUEM SOU EU PARA CONDENAR, A ÚNICA COISA QUE NÃO PODE, É AO INVÉS DE GANHAR O MUNDO, SER GANHO POR ELE. TAMBÉM É NOTÓRIO LEMBRAR QUE A BÍBLIA NOS ADVERTE SOBRE GANHAR O MUNDO E PERDER A NOSSA ALMA, NESTE CASO ENTRE GANHAR O MUNDO OU A MINHA ALMA EU FICO COM OS DOIS.pARA FINALIZAR, PECADO É TUDO AQUILO QUE TE ACUSA, SE VC TEM O E´SPÍRITO DE DEUS, ELE NÃO VAI TE DEIXAR ENGANADO.

  58. wenderson disse:

    Equilibrio?
    Se continuar assim vamos todos nos “eqilibrar” no inferno.

    …Por que dele, por ele, par ele seja a glória…
    Não podemos arrumar desculpas pra fazer ou deixar de fazer uma coisa. Pode até ser que não seja errado beber (não é esta a minha crença), mas paulo diz: Todas as coisas me são licitas, mas nem todas me convem…
    Não convem beber e nem usar disso pra ganhar almas…as igrejas estão cheias de gente, mas será que estão cheias de convertidos?

    Graça e paz.

  59. roberto disse:

    É SÓ UM POUQUINHO

    SE VOCE PEGAR UMA LATA DE TINTA BRANCA E COLOCAR NELA UM PINGUINHO DE TINTA PRETA – ME RESPONDAM: A TINTA BRANCA É TOTALMENTE BRANCA???

    É CLARO QUE NÃO!!!!!

    É ISSO, A BÍBLIA DIZ QUE DEVEMOS AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISA, E ISSO DE TODO O CORAÇÃO, COM TODAS AS FORÇAS E TODA ALMA.

    MAS INFELIZMENTE EXISTEM OS “CRISTÃOS” NO MAIS OU MENOS.

    NÃO EXISTE TINTA MAIS OU MENOS BRANCA, OU É OU NÃO É.

    NÃO EXISTE PEGADINHO,MENTIRINHA, INVEJINHA, ADULTÉRIOSINHO ETC…

    IRMÃO – CUIDADO – JESUS ESTÁ VOLTANDO.

  60. FRANK disse:

    Obrigado por concordar comigo Georges, bom saber que meu pouco conhecimento bíblico, como vc diz, consegue ser igual ao conhecimento tão profundo que um Dr. da lei como você tem, talvez perdendo só de satanás.

  61. Caleb disse:

    nada como estar em casa, com a sua familia , fazendo uma deliciosa churrascada ao sabor de um delicioso Vinho, ( Isaias, cap. 25 )e deposi desse almoço delicioso, deitar na rede e babar de tanto dormir…

    Ou então,

    Em um sabado a noite, vc e sua familia, saboreando uma deliciosa pizza de quatro queijos com um delicioso vinho suave.

    gente, é uma benção viu.

    Chega de farizaismo e de religiosidade barata.

    Pastor Caleb.

  62. Marcelo Portes disse:

    Se eu for pregar para um alcoólotra, e se tomar um “golinho” diante do viciado, como posso dizer para ele que beber é pecado, traz enfermidades,etc…? Desculpem-me…
    Mas isso é brincar com o pecado, pois o diabo não perdoa e arrebenta a vida de qualquer cristão, e eu falo por mim mesmo, pois
    um dia achei que estava “tão firme na fé” que resolvi experimentar
    um “golinho de licor de menta, afinal, achava eu que teria controle sobre a situação, pois era de Jesus, e nada poderia me abalar. PURO
    ENGANO MEU! UM GOLINHO AQUI, OUTRO GOLINHO ALI, AFINAL NÃO FAZ MAL NENHUM…NÃO SE ENGANEM, POIS O DIABO É PACIENTE E SÓ ESPERA VOCÊ IR TOMANDO SEUS “GOLINHOS”, ATÉ TE DERRUBAR NA FÉ, E INFELIZMENTE, MUITOS NÃO CONSEGUEM VOLTAR MAIS. PODE NÃO ESTAR ESCRITO NA BÍBLIA SOBRE ESSE “GOLINHO”, MAS, COMO TAMBÉM NÃO ESTÁ ESCRITO NA BÍBLIA
    A PALAVRA TRINDADE (MAS EU CREIO NELA, POIS O ESPIRITO SANTO ME TESTIFICA QUE A TRINDADE DE DEUS É REAL), ASSIM TAMBÉM O ESPIRITO SANTO ME TESTIFICA QUE QUALQUER “GOLINHO”DE BEBIDA ALCOÓLICA (MESMO NÃO ESTANDO ESCRITO NA BÍBLIA)ME FARA, MAIS CEDO OU MAIS TARDE, CAIR NA FÉ E ESCANDALIZAR O EVANGELHO SANTO DE JESUS CRISTO. Mas, para entender isso-> “NÃO TE MARAVILHES DE TE DIZER: NECESSÁRIO VOS
    É NASCER DE NOVO (JOÃO 3:7).NÃO QUEIRAM COLOCAR ESSE TIPO DE ENSINAMENTO NAS IGREJAS EVANGÉLICAS, JÁ BASTA TODOS OS ESCANDALOS ANTI-BÍBLICOS QUE PRESENCIAMOS TODOS OS DIAS!

  63. Mark disse:

    BEBER É PECADO ? só um cara pôs um 400 mil versículos falando bem do vinho,etc…..PUTZ só tem loco fanático aqui.

  64. leidyane disse:

    Concordo com o q :lukasppf disse:
    O problema e que Essa Igreja, não é uma Igreja firmada na palavras ela e uma Seita! Basta estudar um pouquinho sua doutrinas e vamos descubrir as falsas doutrinas.
    A Biblia condena a Bebida alcoolica e qualquer outro tipo de droga , tanto no velho testamento quanto no Novo Testamento.
    Jesus trasformou agua em vinho, mas Jesus não participou da bebedici.
    E o que importa e o milagre que Jesus Realizou, mostrando que ele é Alegreia, pois o vinho representava alegria para as pessoas da Epoca de Jesus.
    Jesus mostrou que ele e que tras a alegria e não o vinho porque ele e um agente de Milagres.
    Sou contra a Bebida e Drogas, no Evangelio!
    Mas sou totalmente a favor do Evagenlismo, seja em qualquer lugar temos que falar do AMOR DE JESUS!
    ele esta com toda a razao confio q e bom pregar a palavra de DEUS mais,mais pregar a verdade n pregar o falso evangelio isso n resolve nada ….

  65. roberto disse:

    PASTOR CALEBE

    PARA DE DAR MAU TESTEMUNHO

    VEJA TUDO QUE JÁ ESCREVI E CAI NA REAL QUALQUER TIPO DE BEBIDA ALCÓOLICA É PECADO…. VAMOS SE ENCHER NO ESPÍRITO SANTO.

    QUANDO ME CONVERTI, NUNCA MAIS SENTI VONTADE DE BEBER ESSAS COISAS DO DIABO, SE BEBIDA ALCOÓLICA FOSSE BOM PARA O CRISTÃO, NÃO TERIA TANTA BEBIDA NOS CENTROS DE MACUMBA. AGORA VEM VOCE, DIZENDO QUE É UMA DELICIA, BOM, PARA A CARNE É MAS PARA O ESPÍRITO SANTO NÃO.
    A BÍBLIA DIZ: AI DAQUELE POR QUEM VEM O ESCÂNDALO.

  66. mARCOS disse:

    leydiane e ROBERTO muita opiniao humana de vcs e nada de biblia, evangelho de achismmos, CADE OS SEUS VERSICULOS ??? TEM CENTENAS DE VERSICULOS AQUI FAVORAVEIS AO VINHO……os pastores te manipulam e vcs nem conferem na biblia o que é verdade

  67. Caleb disse:

    Eu li, varias vezes, o que a Eterna palavra de Deus,a Biblia Sagrada, nos diz sobre um nom e delicioso vinho…rss

    Pastor Caleb.

  68. Simaia Sávia disse:

    NÃO IMPORTA ONDE É PREGADA A PALAVRA,O IMPORTANTE É QUE SE PREGUE……IDE POR TODO MUNDO,PREGAI O EVANGELHO A TODA CRIATURA………VAMOS CUMPRIR O IDE DO SENHOR………COM CORAGEM E DETERMINAÇÃO.

  69. Marcelo Portes disse:

    (EFÉSIOS 4:14-15) “PARA QUE NÃO SEJAMOS MAIS MENINOS INCONSTANTES, LEVADOS EM RODA POR TODO O VENTO DE DOUTRINA, PELO ENGANO DOS HOMENS QUE COM ASTÚCIA ENGANAM FRAUDOLOSAMENTE. ANTES, SEGUINDO A VERDADE EM AMOR, CRESÇAMOS EM TUDO NAQUELE QUE É A CABEÇA, CRISTO. Segundo estatísticas, o Brasil possue quase 40 milhões de evangélicos, mas, quanto desses são realmente convertidos, ou seja, que “realmente” nasceram de novo? Será que os que se intitulam “cristãos”, são todos de fato FILHO DE DEUS OU CONTINUAM APENAS COMO CRIATURAS DE DEUS? Será que não percebem que “AS MÁS CONVERSAÇÕES CORROMPEM O BOM COSTUME(I CORINTIOS 15:33)????? Acordem, pois o Brasil não tem tradição como no oriente, onde se bebe vinho à milenios. A bebida alcoólica no nosso país, infelizmente, é sinônimo de desgraças, mortes, destruição de famílias e etc, etc, etc… e tudo começa com um pouco hoje, um pouco amanhã, e, quando a pessoa se der conta, já estará nas garras de Satanàs. E eu tomo como outro exemplo o ÓSCULO SANTO(BEIJO NO ROSTO), QUE HOJE NÃO EXISTE MAIS NAS IGREJAS EVANGÉLICAS, DEVIDO A TENDÊNCIA DO SER HUMANO A PECAR EM DEMASIA. O MESMO ACONTECE COM A BEBIDA,DEVE SER BANIDA DO MEIO CRISTÃO, POIS NESSE CAMPO, O DIABO JÁ DOMINOU 100%. VOCÊ PODE TER CONTROLE HOJE E AMANHÃ, MAS VAI CHEGAR A HORA QUE SERÁS VENCIDO POR ELA, ESSE É O PROBLEMA, E NÃO ADIANTA ME DIZEREM QUE SEMPRE CONTROLARAM ESSE MAL HÁBITO, POIS ISSO É ENGANAR-SE A SI MESMOS. ESSA HISTÓRIA DE EQUILÍBRIO, DE “UM POUCO SÓ NÃO TEM PROBLEMA” É ENGANAR-SE A SI MESMO. não diz a Bíblia que devemos oferecer a Deus “UM CULTO RACIONAL? E onde está o racional nessa história, mesmo que seja uma dose apenas, pois a ciência comprova que basta uma dose e a mente humana já não é mais 100% sóbria. E o que eu estou falando não é porque fui orientado por algum pastor ou irmão na fé, mas sim fui orientado pelo próprio ESPIRITO SANTO A RESPEITO DESSE ASSUNTO. NÃO ME CONSIDERO IGNORANTE, COMO ALGUNS AQUI COLOCARAM, POIS “TENHO A MENTE DE CRISTO”(I CORINTIOS 2:16). Ser evangélico não quer dizer que nasceu de novo, e exatamente estes(que se dizem evangélicos, mas não provaram o novo nascimento) fazem ousadas asseverações, citando versículos que foi e é para um povo de cultura totalmente diferente da nossa, aqui no Brasil, pois usam , erroneamente, versículos Bíblicos para poderem satisfazer a carne(velha natureza adâmica) ,distorcendo a Palavra de Deus, e nem se importam em pensar que estão enfraquecendo a mente de quem éstá começando a andar com Jesus. Por isso, o Espirito de Deus manda 3 versículos para vocês: “HIPÓCRITAS, BEM PROFETIZOU ISAÍAS A VOSSO RESPEITO, DIZENDO: ESTE POVO HONRA-ME COM OS SEUS LÁBIOS, MAS O SEU CORAÇÃO ESTÁ LONGE DE MIM. MAS EM VÃO ME ADORAM, ENSINANDO DOUTRINAS QUE SÃO PRECEITOS DOS HOMENS” (MATEUS 15:7-9).

  70. Ederson Freitas disse:

    Pessoal,

    É perda de tempo ajudar esse o tiozãum do churrasco Carlos Alberto.

    O cara é muito cabeça dura

    POr aqui ja passaram tantas pessoas tentando abrir seus olhos mas ate presente momento ninguem conseguiu.

  71. CALEB disse:

    Olha ..se algum irmão irmão ou irmã quiser dicas de um excelente vinho, posso ajuda-los, pois com certeza, um bom vinho frances ( minha preferencia) em um jantar , um churrasco ou em uma gostosa e abençoada reunião de familia saboreando uma deliciosa pizza de quatro quijos…irmaos ….olha….é benção pura viu…rss…

    Pastor Caleb.

    Ps; Meus colegas de ministerio na Austria e na Suiça, alem de um bom e velho uisque, os pastores de lá, tanto de igrejas tradicionais como pentecostais ( muito embora não tenhamos nesses dois paises muitos pentecostais, uma vez que lá predomina o Luteranismoe o calvinismo )eles adoram se reunir fumando um cachimbo ou charuto e isso , a seculos.

  72. Marcelo Alves disse:

    roberto.

    Gostei do exemplo, parabens muito sabio esse exemplo.
    DEUS cria e o diabo coloca suas maos sujas na criação de DEUS e copia para o mal.
    DEUS fala da bebida forte olha essa passagem:
    PROVÉRBIOS CAP.20:1 O vinho é escarnecedor, e a bebida forte, alvoroçadora; todo aquele que por eles é vencido não é sábio.
    Olha esse exemplo abaixo que o roberto deu:
    O VINHO NÃO FERMENTADO = SUCO DA VIDE = DEUS CRIOU
    O VINHO FERMENTADO = VINHO COM ALCOOL = FOI O DIABO QUE CRIOU USANDO É CLARO A INTELIGENCIA QUE DEUS DEU A O HOMEM, NÃO PARA ISSO,MAS????????
    As pessoas ficam arrumando desculpa falando que JESUS bebeu vinho para beber, olha o vinho que JESUS bebeu nao era fermentado como no exemplo acima. Eu não falo pela religião mais falo por ser um servo de DEUS cuidado que uma bebida pode derrubar muita gente principamentes as pessoas Cristã acha que ta forte na FÉ CUIDADO.
    Eu ja bebi e ja sei como é, o diabo existe e ta esperando vc da um brecha para te derrubar.
    Fique na PAZ do SENHOR JESUS.

  73. Rafael Murilo da silveira disse:

    Gente vamos deixar a religião de lado assim como Jesus fez!
    Lembram se das frase que os fariseus lançavam sobre Jesus como pode ele comer com os pecadores, ou melhor com quem ele comia era com os bons ou era com a “escoria”. oque esse cara fez não ta errado não, e Jesus não bebia com eles??? hahahhaha vamos deixar de ser hipocritas em relação a biblia!!! Jesus amou todos de tal maneira que ele tava com todos, se olhar o salmo primeiro repudiando isso como pecado, Jesus pecou por isso? Lembram como ele chamou mateus o publicano?? e jantou com eles e se não me engano ele perdoava ate prostitutas e andava com elas. agente ta perdendo o foco de ganhar almas em todas as classes socias como é a ordem de ide fazei discipulos de todas as nações, que no original fala de todas as classes existentes, sejam elas no meio da musica, do teatro, da politica enfim todos! Deus ama a todos e bebe não é pecado, se embriagar é! Ou agente se volta pro evangelho realmente como ele é ou duvido da salvação de muitos crentes! Pois pra ser salvo devo me preocupar em andar como cristo andou, fazer o que cristo fez, libertar cativos, curar enfermos expulsar demonios e levar as boas novas a todos!! e que lugar melhor pra levar liberdade pra um cativo do que no proprio cativeiro!!!
    termino com joão 3:16 Ele realmente amou a todos!!!
    Rafael Murilo da Silveira

  74. Celso disse:

    Uma vez uma pessoa “crente” me disse que tomava vinho porque o médico disse que era bom para o coração.

    Eu lhe disse que o que fazia bem era o princípio ativo que existe na uva, portanto se ele queria fazer um “bem” para o seu coração, bastava comer um cacho de uva e estava resolvido.

    Vemos que muitas vezes se usa “argumentos” para fazer a vontade da carne, seja no vinho, na comida e etc.

    Em vez de se preocupar de beber ou não vinho, vamos apresentar Cristo para as pessoas de cara limpa e não com “bafo” de vinho, charuto e etc.

  75. Levi varela disse:

    Caros,

    O ser humano é dotado de inteligência, sabedoria, compreensão, discernimento e mais que tudo de um direito dado pelo Criador, o livre arbítrio.

    Em face do livre arbítrio e das demais qualidades inerentes ao ser humano, eis que se faz uma opção seja individual seja coletiva(religiosa, político-adminstrativa) de fazer ou não fazer algo, ou se o fizer com respeito às características pessoais de cada um.

    Se pratico sexo em demasia, se sou religioso em demasia, se me alimento em demasia, se sou pretetor de meus filhos em demasia, se sou um govenante em demasia, se ingiro bebidas em demasia, se me solto em demasia após beber, se jogo em damasia, se amo em demasia, se sou sedentário em demasia, tais coisas não se identificam com o criador que é um equilíbrio perpétuo, basta vê os sistemas terrestres e extraterrestres, que não avançam e nem recuam, tudo regido pelo relógio eterno.

    Segundo a ciência médica, o uso de refrigerante tem mais repercussão danosa para o organismo que o próprio álcool, todavia é consumido em larga escala em todos os meios.

    O rémédio que cura, pode matar se dado em dosagem acima do prescrito pelo profissional médico.

    Se bom número das instituições religiosas compreende que a melhor forma de evitar correções futuras é a abstenção, tal deve ser respeitado.

    O que não posso concordar em tentar se dar um caráter místico a qualquer uso, afirmando ser pecado.

    Realmente, em face da bebida ser usada em momentos de lazer, onde se está conversando e à vontade, tendem alguns a se exarcebar, como os que fazem com outras coisas(fanatismo religioso, passionismo, orgias sexuais, apostas em jogos…)

    Com Noé pode ter ocorrido uma fermentação do vinho além do normal, afinal era um homem muito regrado, como também pode ter se exagerado em face da liberação das experiências que vivenciou, ou seja, 100 anos dedicados à construição de um barco e ainda sob a chacota de todos.

    Quanto aos que falaram que Cristo não bebeu, tal parece incongruente, afinal como dar aos outros algo que se computa não saudável?

    Quanto aos que afirmam ser o vinho do primeiro milagre de Cristo desprovido de álcool, não essa a concepção que os demais versículos da bíblia registram. Do contrário, sempre associando o vinho às bebidas entorpecentes.

    Povos que cultivam a uva e produzem o vinho, sempre ingeriram de duas a três taças diárias, antes ou com as refeições, sendo que apresentam uma qualidade de saúde acima da média, em especial no que diz às enfermidades cardíacas e de circulação. Há estudos também indicam ser bom a um relaxamento, daí evitar o stress, esse causador dentre outras enfermidades, até mesmo o câncer.

    Não quero dizer que está certo ou errado o seguimento religioso que tenha isso por prática determinada por Deus, afinal cada um vive a idade que se lhes interessa, se lhes convém, se lhes é melhor.

    Também não se pode deixar de observar os transtornos que são causados pelo uso, em especial quando o usuário é de pouca idade.

    Em síntese, nem tanto ao mar e nem tanto à terra, afinal todos tem sua razão, somente não avançando em face da infantilidade e da ausência de maturidade de todos, religiosos ou não, usuários de bebida alcóolicas ou não, dos favoráveis ou não.

    Um dia chegaremos ao conhecimento pleno, uma dia chegaremos a ser homens na essência, um dia as religiões serão verdadeiras, um dia seremos livres, bem assim sabedores dos nossos limites, afinal basta de distorções, de espertezas, de enganações, de frivolalidades, de mentiras.

    É pecado comer carne na semana “santa”, é pecado andar e trabalhar no sábado, é pecado depelar as pernas e cortar os cabelos das mulheres, é pecado a mulher falar e ter cargos eclesiásticos na igreja, é pecado a transfusão de sangue, é pecado o uso de células embrionárias, é pecado, é pecado, é pecado, é pecado…

  76. edr disse:

    Ta na cara que esse que se diz pastor o que seria uma grande vergonha se for verdade, esse caleb é um baita dum bebum….. não tem o minimo pudor em relação á alcool…. deve ser daqueles mais cachaceiro…..

  77. CALEB disse:

    Ao edr

    Nao cara, nao sou bebum e nem alcolotra, apenas nao sou religioso e nem fariseu como vc.

    Pastor Caleb.

  78. Junior disse:

    Olha, hoje a Biblia e cerveja, amanhã a Biblia e o cigarro de maconha, e a cocaína, e dai para os que acham que não escadaliza tomar uma cervejinha, ou um bom vinho, não uma taça mas sim um litro, e dai se eu fumar um cigarrinho de maconha será que é errado, fuma em casa, ninguém vê, é da maconha relaxante, uma cocaína de vez em quando, só para descontrair, ningém ta vendo, eu não estou escandalizando ningém, a biblia não condena né, Jesus é beberrão, …, deve ter tomado um porre naquela festa como alguns homens né?
    então se tomar cerveja, vinhos, batidinhas, não é errado então se eu fumar maconha também não é?

    é quando fumo tambem evangelizo o pessoal da boca de fumo, isso mesmo dizendo que sou crente, que não tem nada a ver.

    e dai como faz? qual a diferença de fumar maconha e tomar cerveja?
    será que umas duas ou três cervejas não dá tambem um grau de um baseado? quem fumou sabe?

    e dai é errado ou não?

  79. fabricio disse:

    eu já trabalhei com recuperação de alcoolatras e drogados…entaum ce umas dessas pessoas se converter na igreja desses que beber não tem nada há ver …e ainda usam textos biblicos…que isso!!! essa pessoa estaria na sargeta em poucos dias de novo ao ouvir pode beber e não se embriagar…isso é religiosos carnais que dão desculpas biblicas para carnalidade…pedro atraiu 3000 pessoas em sua pregação e não com o vinho desse mundo mais foi com o vinho do espirito santo….essa estratégia de beber para evangelizar…é besteira jesus nós disse: para evangelizarmos na unção do espirito santo…no vinho do espirito que não traz contenda.
    diga a um ex drogado que pode dar uma tapa na maconha…mas não pode ficar muito loco…senão é pecado…da um trago na maconha não é pecado…mas fica doidão é…há gente vamos parar com essas besteiras e voltar para o verdadeiro evangelho que tra mudança de vida…e vamos parar de querer se adequar ao mundo e seus padrões para ganhar as pessoas a crsito o padrão ainda é e sempre será jesus. não precisamos de estratégias humanas para ganhar ninguem precisamos estar CHEIOS do espirito santo e da gloria de DEUS.
    obs: CUIDADO CRISTÃOS A BIBLIA DIZ: A LETRA MATA, MAS O ESPIRITO É QUE VIVICA! ler a biblia racionalmente gera esse monte de questões, mas se a palavra for revelada pelo espirito santo a nós gera vida e liberdade no espirito aleluia.

  80. fabricio disse:

    concordo com marcos prtes com a laydiane eo roberto…e por causas de pastores com esse calebe que de calebe só tem o nome mesmo…pois o calebe da biblia via a nuvem da gloria de DEUS na tenda comm moises…quantos surdos já ouviram naministração desses pastores que bebem um golinho? quantos pessoas falam em lionguas nas reuniões desses? quantos paraliticos são curados? quantos mortos esses homens “biblicos” da letra ressusitou? quantas pessoas se convertem a cada culto seu?
    com certeza se eles forem siceros de responder essas perguntas vão ver que o padrão de vida co DEUS que vivem esta bem longe das escrituras. e se dizem bons entendidos da palavra..por isso que o evangelho no brasil esta esta porcaria…por isso que os impios fogem das pessoas quando elas dizem serem cristãos…esses pastores socias na carta de judas…dizem que são nuvem sem agua impelida pelo vento…falam bonito mas não tem o verdadeiro vinho que é do espirito santo…gostam do “bom vinho desse mundo”…besteira eu quero me embriagar do espirito santo…e andar nos passos de jesus…não de igrejas ou pastores estudados num curso de teologia que chamado mesmo nem tem. precisam primeiro ter uma experiancia viva e real com o espirito santo…tenho pena desse pastor apoiando a bebida alcoolica…DEUS está levantando verdadeiros profetas do espirito noo nossos dias..homens que vão trazer conserto na casa do sennhor antes que jesus volte…ai desses pastores se eles depararem com um desses profetas do senhor!!!temos que banir essas coisas estranhas da noiva do cordeiro…o diabo ri e se alegra com estes comentarios carnais.. que DEUS tenha misericordia da igreja no BRASIL…e que venha o concerto!

  81. CALEB disse:

    Nossa, pela opiniao de alguns e outros por aqui, o pessoal da Congregação Cristã do barril..ou descupe..da Congregação crista do Brasil está tudo no inferno, pois esse pessoalç “adora” uma cachacinha…rss

  82. henrjk disse:

    IURY RANGEL
    Quem lhe disse que o vinho tinha de ser lançado fora junto com o fermento da massa.
    Uma coisa não tem a ver com a outra.
    Ceia sem vinho, não era ceia porque este era parte do ritual.
    Pergunte a um judeu ortodoxo que tipo de vinho era servido na páscoa.
    O vinho era aferventado apenas o suficiente para cortar a fermentação.
    Os vinhos comuns continuam a sua fermentação mesmo engarrafados enquanto os que são pasteurizados cessam a fermentação e são adocicados.
    Eu já adquiri um vinho Kosher para ser bebido durante a páscoa judaica e percebi exatamente isso e tambem já adiquiri um vinho com teor alcóolico de três porcento diretamente de Israel.
    Deve-se observar que as condições climáticas da judéia eram favoráveis à produção de uvas doces e assim o seu suco era bastante doce e acredito que a graduação alcóolica na época deveria ser baixa.

    O que você pode dizer a respeito do texto abaixo?

    Deuteronômio 14.22-26:

    22 – Certamente darás os dízimos de toda a novidade da tua semente, que cada ano se recolher do campo.
    23 – E, perante o SENHOR, teu Deus, no lugar que escolher para ali fazer habitar o seu nome, comerás os dízimos do teu cereal, do teu mosto, do teu azeite e os primogênitos das tuas vacas e das tuas ovelhas; para que aprendas a temer ao SENHOR, teu Deus, todos os dias.
    24 – E, quando o caminho te for tão comprido, que os não possas levar, por estar longe de ti o lugar que escolher o SENHOR, teu Deus, para ali pôr o seu nome, quando o SENHOR, teu Deus, te tiver abençoado,
    25 – então, vende-os, e ata o dinheiro na tua mão, e vai ao lugar que escolher o SENHOR, teu Deus.
    26 – E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por vinho, e por bebida forte, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa;

    Um dos maiores pecados do crente não é a bebedice e sim a glutonaria.
    Bebedice é o vício da embriaquez.

  83. henrjk disse:

    Levi
    Podemos discordar em vários outros assuntos, mas neste eu concordo com você.
    O vinho era tomado em forma de ritual às refeições em Israel e isto alguns não compreendem.

  84. edr disse:

    Sim, sim claro vc é pastor , sei…., fala sério!!!! Coitado!!!!!

  85. Junior disse:

    E outra, uns dois três copos (taças para os doutos) de vinho também da uma brisa até legal, parece que vc fumou um, é pecado?

    é errado, não estou escandalizando ninguém né.

  86. Marilia disse:

    existem estrategias que Deus nos dá que devemos estar alicerçados na Palavra de Deus,não é necessário vc beber para salvar alguem,não é vc que faz a obra e sim o Espirito Santo de Deus, e Deus é Santo,Santo,Santo…..infinitamente…….que temos que tomar muito cuidado com o que fazemos,falamos.Pois sem santidade ninguem verá a Deus.Então quer dizer que para que eu ganhe uma alma num bar tenho que acompanhar esta pessoa com bebida até cair?????Prudencia em tudo, Jesus andou em meio aos pecadores e não com os pecadores.Seja qual for o lugar onde Deus nos coloque temos que ter uma posição de cristão(e o que significa cristãos:pequenos cristos).Se somos pequenos Cristos ,devemos andar como Ele, seguir exatamente seus passos, e o Pai nos fala sedes santos pq eu Sou Santo.Temos que vigiar pq o diabo esta ao derredor bramindo como um leão procurando quem possa tragar.Se Deus permitisse a este pregador 30 segundos de visão espiritual ,ele não beberia mais!!!!!!Vai se converter irmão, ainda está em tempo…..

  87. IURY RANGEL disse:

    Olá, henrjk, graça e paz!

    O irmão mesmo com suas palavras confirmou o que eu disse. Como você mesmo escreveu, “o vinho era aferventado apenas o suficiente para CORTAR A FERMENTAÇÃO”. Veja a expressa ordem divina para a celebração da Páscoa: “NENHUMA COISA LEVEDADA COMEREIS;…” (Êx 12.20). Então o vinho que Jesus bebeu na Santa Ceia não era “levedado”!

    O irmão também me orientou a perguntar a um judeu ortodoxo que tipo de vinho era servido na Páscoa. A probabilidade de um judeu ortodoxo concordar que o vinho na Páscoa era fermentado é muito pequena, pois esse debate que estamos tendo também é comum entre rabinos e estudiosos judeus há séculos, sendo que os que sustentam uma interpretação mais rigorosa e literal das Escrituras hebraicas, especialmente Êxodo 13.7, declaram que nenhum vinho fermentado devia ser usado nessa ocasião. Além disso, devo informá-lo que inúmeras escrituras judaicas, como o Talmude, Shabbath e Pesahim não permitiam o uso de vinho puro, fermentado ou não, nos costumes sociais e religiosos. Eles ensinavam que se o vinho fermentado não fosse misturado com três partes de água não podia ser “abençoado” e contaminaria quem o bebesse. Se o vinho fermentado fosse servido não diluído, isso era considerado indelicadeza, contaminação e não podia ser abençoado pelos rabinos.

    O irmão também me convidou a examinar Deuteronômio 14.22-26. Vamos analisá-lo de acordo com o contexto. O povo israelita era o povo escolhido por Deus, porém entre os israelitas os que tinham uma responsabilidade civil (reis, juízes, etc.) ou religiosa (sacerdotes, profetas, levitas, etc.) eram tratados de forma diferenciada. Tais pessoas deviam obedecer a regras específicas, conforme os cargos concedidos por Deus lhes exigiam. O texto de Deuteronômio 14.26 orienta o povo comum a beber vinho em busca de alegria. Mas, veja agora o que Deus fala para os sacerdotes, para os reis e para as demais pessoas escolhidas por Deus para desempenhar alguma função em sua obra:

    Sacerdotes – “Vinho ou bebida forte tu e teus filhos contigo não bebereis, quando entrardes na tenda da congregação, para que não morrais” (Lv 10.9).

    Reis – “Não é próprio dos reis, ó Lemuel, não é próprio dos reis beber vinho, nem dos príncipes desejar bebida forte” (Pv 31.4).

    Nazireus (consagrado, separado) – “De vinho e de bebida forte se apartará;” (Nm 6.3).

    Observe que toda pessoa eleita por Deus para realizar a sua obra era instruída a se afastar do vinho. Sendo assim, se é para equiparar nossos hábitos aos dos israelitas do Antigo Testamento, haveremos de ter os mesmos hábitos dos reis, sacerdotes e nazireus, pois a Bíblia diz que Cristo nos fez “reis e sacerdotes” (Ap 1.6; 5.10) e como os nazireus, devemos consagrar todo nosso corpo, alma e espírito para Deus (1Ts 5.23). Como tais pessoas, nós temos a presença do Espírito Santo em nossa vida e dessa forma não precisamos procurar alegria no vinho (Ef 5.18).

    Amado, henrjk, que Deus o abençoe poderosamente!

  88. Lady Kate disse:

    Levi Varela!

    Parabéns pelo seu comentário!
    Eu estava desconfiando que vc não iria comentar este tópico, por motivos óbvios, é claro! Mas, tive uma surpresa agradável com seu comentário bastante equilibrado! Gostei!
    Viu, como procuro ser justa? Gosto mais de elogiar, do que criticar, mas a maioria das vezes… tenho que descer o pau! Desculpe-me por usar essa expressão meio chula, digamos. Sem ofensas, ok?

  89. IURY RANGEL disse:

    Dois grandes motivos que devem motivar o verdadeiro cristão a não ingerir bebida alcoólica:

    1º Salomão disse: “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Pv 23.31,32). Nesse texto, Salomão orienta que não somente evitemos a embriaguez, mas que também não desejemos ingerir bebida alcoólica. Ele diz que no fim a bebida morderá como a cobra. A cobra é traiçoeira e ataca quando você menos espera. Assim é a bebida. Quem pensa poder beber moderadamente, quando menos esperar estará tão envolvido pela bebida que não conseguirá parar e evitar a embriaguez.

    2º “Bom é não comer carne, NEM BEBER VINHO, nem fazer outras coisas em que teu irmão tropece, ou se escandalize, ou se enfraqueça” (Rm 14.21). Todos concordam que, pelo menos aqui no Brasil, cristão ingerir bebida alcoólica é escandaloso, então mesmo que Deus não proibisse o beber moderadamente, deveríamos evitar para não causar escândalos ao Evangelho.

    Àqueles que se dizem pastores e se ufanam em dizer que bebem vinho lembrem-se da recomendação bíblica: “Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; NÃO DADO AO VINHO” (1Tm 3.2,3).

    Que Deus abençoe a todos!!!

  90. henrjk disse:

    IURY RANGEL

    Pois é, Yury.
    O que quero dizer é o vinho continua vinho e não suco de uva, pois este deixou de ser suco desde a sua primeira fermentação.
    O vinho ao continuar sua fermentação passaria a ser uma bebida muito forte e sem doce(vinho seco) e poderia chegar a vinagre. Por isso quando se corta a fermentação, mantem-se o açucar que ainda não transformou-se em álcool e mesmo assim o vinho consumido na páscoa continua alcóolico.
    Acredito que o teor de álcool naquela época seria menor em relação ao de hoje.
    Se você comparar um vinho seco com um suave, verá que o seco contem mais alcool que o suave.
    A embriaquez é devido ao consumo sem moderação.
    Uma taça ou cálice de vinho durante a refeição não faria mal a ninguem e até ajudaria na digestão, mas o suco de uva, segundo uma reportagem que assisti, pode ser indigesto.

    Veja esta passagem em I Samuel 1.12-15:

    12 E sucedeu que, perseverando ela em orar perante o SENHOR, Eli fez atenção à sua boca,
    13 porquanto Ana, no seu coração, falava, e só se moviam os seus lábios, porém não se ouvia a sua voz; pelo que Eli a teve por embriagada.
    14 E disse-lhe Eli: Até quando estarás tu embriagada? Aparta de ti o teu vinho.
    15 Porém Ana respondeu e disse: Não, senhor meu, eu sou uma mulher atribulada de espírito; nem vinho nem bebida forte tenho bebido; porém tenho derramado a minha alma perante o SENHOR.

    Observe que o vinho que Ana poderia beber seria com e que a bebida forte seria algo com bastante álcool.
    Portanto vinho não é igual a suco de uva como dito em outros posts acima.
    Se numa festa todos bebessem suco de uva sem limites, no fim todos teriam uma grande diarréia, uma consequência do excesso de suco de uva.

    “Vinho ou bebida forte tu e teus filhos contigo não bebereis, quando entrardes na tenda da congregação, para que não morrais” (Lv 10.9).
    Neste texto observo que os sacerdotes bebiam vinho, mas quando forem fazer o serviço religios, eles não deveriam ter ingerido nenhuma bebida com álcool.

    Quanto ao nazireu, é patente.

    Quanto ao dizer “é pecado beber”, creio que seja algo cultural trazido por missionários devido a liberalidade em suas terras e a liberalidade encontrada aqui com a cachaça e o domínio sobre as pessoas.

  91. IURY RANGEL disse:

    Que Deus abençoe a todos!!!

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Um exame de trechos do NT também revela que “OINOS” pode significar vinho fermentado, ou não fermentado. Em Ef 5.18, o mandamento: “não vos embriagueis com vinho [oinos]” refere-se ao vinho alcoólico. Por outro lado, em Ap 19.15, Cristo é descrito pisando o lagar. O texto grego diz: “Ele pisa o lagar do vinho [oinos]”; o “OINOS” que sai do lagar é suco de uva (ver Is 16.10 nota; Jr 48.32,33 nota). Em Ap 6.6, “OINOS” refere-se as uvas da videira como uma safra que não deve ser destruída. Logo, para os crentes dos tempos do NT, “vinho” (oinos) era uma palavra genérica que podia ser usada para duas bebidas distintivamente diferentes, extraídas da uva: o vinho fermentado e o não fermentado.

    Não vejo necessidade de continuarmos discutindo se Jesus bebeu vinho alcoólico ou não durante a Santa Ceia. A Lei era muito clara a esse respeito e se dissermos que Jesus bebeu vinho com o menor teor de álcool que seja, concluiremos que Ele cumpriu a Lei pela metade. Se fermento é símbolo de corrupção, haveremos de concluir que o sangue de Jesus não é “100%” puro, assim como o vinho que Ele bebera supostamente não seria 100% livre de teor alcoólico. A Bíblia diz que Ele tomou do fruto da vide, uma clara expressão que indica o suco da uva. O valor de um símbolo se determina pela sua capacidade de conceituar a realidade espiritual. Logo, assim como o pão representava o corpo puro de Cristo e tinha que ser pão asmo (i.e., sem a corrupção da fermentação), o fruto da vide, representando o sangue incorruptível de Cristo, seria mais bem representado por suco de uva não fermentado (cf. 1 Pe 1.18,19). Uma vez que as Escrituras declaram explicitamente que o corpo e sangue de Cristo não experimentaram corrupção (Sl 16.10; At 2.27; 13.37), esses dois elementos são corretamente simbolizados por aquilo que não é corrompido nem fermentado.

    Se beber vinho não é errado, também não o é a cerveja. Seja honesto! Você realmente acha que num calor como o do nosso país alguém consegue tomar apenas um copo de cerveja? É claro que não! Não podemos chamar de forte aquilo que Jesus disser ser fraca, a nossa carne.

    Como você mesmo disse, os sacerdotes não podiam ingerir bebida alcoólica quando exerciam os serviços religiosos. Nosso serviço é muito mais abrangente do que o deles. Nosso sacerdócio não se limita a algumas horas no tabernáculo, mas a todo o momento devemos estar preparados para exercer nosso ofício. A todo o momento estamos sujeitos a encontrar alguém necessitado de ouvir falar do Evangelho, mesmo em uma festa familiar, carente de nossa intercessão. Também não deveríamos evitar o vinho para exercer todo este serviço? Como vê, esta sua colocação corrobora ainda mais o fato de que devemos eliminar a bebida alcoólica de nossa vida, pois a todo momento devemos estar aptos a prestar serviços ao Reino de Deus.

    Que Deus o abençoe!

  92. Luiz Otavio disse:

    Quanta demagogia… Tem gente que enche a boca para dizer que não toma uma gota de bebida mas não é capaz de dar um copo d’água a quem precisa…, sem falar em outras coisas.
    Aproveitando, como faço para me tornar evangélico?
    Abçs!

  93. Levi varela disse:

    Caros,

    Quanto às admoestações aos reis, príncipes, lideres religiosos de não fazerem uso do vinho, tal decorre de que são pessoas que estão em atividades contantes.

    Para exemplificar, basta vê que nenhuma empresa aceita no horário do expediente que os empregados façam uso do álcool, pois é sabido que, semelhante a determinados medidamentos psíquicos e neureléticos, a bebida inibe e atropela os movimentos.

    O sacerdódicio e o reinar são atividades que exigem constante sobriedade, ruim mesmo é quando os súditos e os adeptos se vem a si como reis e clérigos, ou seja, como se o mundo de si carecesse por tempo integral, mesmo que não ocupam tais cargos, em síntese, a presunção de se achar…

    Outra coisa, quanto ao escandalizar, tal ocorreu aqui no Brasil em face de se levar avante a tese do pecado em tudo, um brinco, um batom, uma depilação, o aparar do cabelo, a barba, o bigode, o chapéu, o palitó com corte, calça de curto cano ou largo, a camiseta, um short, rádio e tv, computador e internet, então quem se escandalizam são os próprios evangélicos, afinal é preferível ficar numa dubiedade a reconhecer que os antepassados cometeram erros, julgaram mau, ou seja, o orgulho, pois os demais sempre fizeram isso, sempre souberam entender que muitas das coisas são idéias militaristas(todos iguais em farda, em marchar, em cumprimentar).

  94. henrjk disse:

    Yury

    Quando se aferventa o vinho, não há mais fermento e tambem se esvai um pouco do álcool. Acho que você deve saber que são organismos microscópicos que causam a fermentação.
    A pergunta do site é se o crente pode ou não tomar cerveja.
    A minha resposta é que não vejo pecado nisso. Mas se ele insiste nesse ato diante de alguem que se escandaliza, aí eu afirmo que ele peca.
    Num calor igual ao nosso o melhor é tomar uma água-de-coco bem gelada.
    Qualquer bebida com álcool desidrata o corpo.
    Mas há coisas que nos são proibidas no NT e muitos desconhecem/ou não cumprem:

    Atos 15.28-29.

    28 Na verdade, pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias:
    29 Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da fornicação; destas coisas fareis bem se vos guardardes. Bem vos vá.

  95. edr disse:

    Bando de bebum, e ainda querem colocar como se o meu Jesus que veio a esse mundo para entregar a sua vida para salvar esses pecadores…. era um dos que bebia…. vão se converter!!!! Querem ser uns bebuns, que não dão valor a própria vida pq qualquer um por mais burro que seja sabe que o alcool faz muito mal a saúde e a biblia que vcs usam deturpando a palavra é bem clara quanto aquilo que nos faz mal…., então pelo menos não manchem a imagem do unico santo que existiu nessa terra!!!!!
    Bando de ignorante!!!!!!

  96. Levi varela disse:

    Edr,

    O problema, meu caro, é que você e muitos outros ainda insistem em vê a Cristo como um esbofeteador, um carrasco que desce à terra para nos dar uma certidão de incompetentes no que diz respeito à pratica de pecado, sendo ele apenas o único que conseguiu se afastar desse aspecto mundano.

    Quantas coisas de grande importância foram a nós transmitidas por pessoas pecadoras iguais a nós? Quantas sabedorias Deus colocou na boca de nós outros? Veja os exemplos na própria bíblia como os escritos nos primeiros livros, Salmos, Provérbios, as cartas de Paulo, Pedro, textos orientais, arabes, ocidentais.

    Não interessa levantar polêmica, mas Cristo, dependendo do ângulo de vista, chegou a se afastar de determinados princípios e normas que imperavam em sua época.

    Ao admitir ser filho de Deus, ao não obedecer na íntegra o sábado, o adentrar a terras de terceitos para se alimentar, ao chicotear os comerciantes do templo, o aceitar honrarias de rei quando da chegada à capital do seu país, o se dirigir a uma mulher estando ambos sozinhos(o poço de Siloé), o desprezo inicial à pessoa estrangeira(mulher do milagre), a aparente renúncia ao sacrifício(o passa de mim esse cálice), a postura meio agressiva com a sua mãe, o calar frente às autoridades quando poderia e deveria se defender antes de sua condenação, bem assim outros aspectos não citados exemplificam o que acima fiz referência.

    Mais importante do que a vinda do filho de Deus à terra e ou da ausência de pecados dEle, é a mensagem trazida: o amar o inimigo, que Deus nos ama de igual modo, o se doar, o acolher, a ruptura da lei de moisés face o seu caráter arcaico e desumano, em síntese a mensagem de boas novas do evangelho.

    Meu caro, devemos progredir, ser abertos, ser adultos, picuinhas não são coisas de Deus, afinal o que é pecado para uma comunidade não é para outra, o que é em determinado tempo em outro já não.

  97. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!

    O irmão disse que os líderes religiosos do Antigo Testamento eram instruídos a não fazerem uso de vinho porque eram pessoas envolvidas com atividades constantes. Ora, em que momento devemos estar prontos para exercermos nosso sacerdócio real??? Lembrando que nossa missão como sacerdotes reais é “anunciar as virtudes daquele que nos chamou das trevas” (1Pe 2.9), isto é, pregarmos a Palavra de Deus ao mundo. Não creio que seja presunção afirmar que devemos estar preparados para pregar, aconselhar, interceder, evangelizar, etc. a todo o momento. Vejamos o que alerta a Palavra de Deus:

    “Que pregues a palavra, INSTES A TEMPO E FORA DE TEMPO” (2Timóteo 4.2).

    “Antes, santificai ao Senhor Deus em vossos corações; e ESTAI SEMPRE PREPARADOS PARA RESPONDER COM MANSIDÃO E TEMOR a qualquer que vos pedir a razão da esperança que há em vós” (1Pedro 3.13).

    “Admoesta-os a que se sujeitem aos principados e potestades, que lhes obedeçam, e estejam PREPARADOS PARA TODA A BOA OBRA” (Tito 3.1).

    O irmão também disse que o sacerdócio e o reinar exigem constante sobriedade. Ora, em nosso sacerdócio real não precisamos da mesma sobriedade? Vejamos o que diz a Palavra:

    “Não durmamos, pois, como os demais, mas vigiemos, e SEJAMOS SÓBRIOS. Mas nós, que somos do dia, SEJAMOS SÓBRIOS…” (1Tessalonicenses 5.6,8).

    “Mas tu, SÊ SÓBRIO EM TUDO, sofre as aflições, faze a obra de um evangelista, cumpre o teu ministério” (2Timóteo 4.5).

    “E já está próximo o fim de todas as coisas; portanto SEDE SÓBRIOS e vigiai em oração” (1Pedro 4.7)

    “SEDE SÓBRIOS; VIGIAI; porque o diabo, vosso adversário, anda em derredor, bramando como leão, buscando a quem possa tragar;” (1Pedro 5.8).

    Quanto à recomendação de não beber vinho, não existe apenas para não causar escândalos. Este é o conselho de Salomão:

    “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Provérbios 23.31,32). Neste versículo não é citada a embriaguez, mas o simples desejar a bebida fermentada. Para quem pensava que Deus só proibia o adultério, Jesus disse que o simples olhar de cobiça para a mulher do próximo já é adultério. Da mesma forma, para quem pensa que Deus só desaprova a embriaguez, o sábio ensina que até o desejar beber moderadamente já é pecaminoso.

    Que Deus o abençoe poderosamente!!!

  98. IURY RANGEL disse:

    • Alcoolismo
    O álcool é uma palavra de origem árabe que significa sutil. E, realmente não há nada mais sutil do que ele. Abocanha suas vítimas como uma cobra que rasteja lentamente, escondida no mato. Ninguém inicia no vício, embriagando-se na primeira vez. Aumentam-se pouco a pouco as doses, até que a vítima seja completamente dominada.

    A bebida não encontra fronteiras. Frequenta todos os lugares sem qualquer inibição. Não só se faz presente nas recepções presidenciais e nas mais altas cortes das nações, como também na confraria dos miseráveis mendigos debaixo da ponte.

    Desinibe o artista que sobe no palco, traz coragem ao bandido que sai para roubar e entorpece o pecador que não consegue dormir. Quando está frio, se bebe para esquentar. Se estiver calor, uma geladinha para refrescar. Se há tristeza, bebe-se para esquecer. Se há alegria, se enche a cara para celebrar. Seja nascimento, batizado, aniversário ou funeral, não há ocasião em que o “SUTIL” deixe de encontrar espaço para se achegar.

    O “SUTIL” é também um rei impiedoso que governa seus lacaios com mão de ferro. Exige fidelidade absoluta. Por amor a ele, seus servos abandonam suas famílias, entregam tudo que têm e deixam até de comer. E assim, após tirar-lhes tudo, o cruel soberano os torna fracos e doentes, levando-os à morte lentamente.

    Seja da cana ou da cevada, o sutil é obtido quando os excrementos de minúsculas bactérias azedam o caldo, causando assim sua fermentação. Não é errado dizer que este rei vem das fezes e em fezes torna a vida daqueles que lhe servem.

    Mesmo sabendo disto, os homens mentem e escondem o caráter maligno e destruidor desse soberano. Se assim não fosse, toda garrafa “SUTIL” traria em seu rótulo: “Esta embalagem contém acidentes de automóvel, desemprego, miséria, vícios, doenças, separação do casal, destruição familiar, torpor, perda de memória, traições, imoralidades, crimes, incêndios, vícios e vergonhas. O uso contínuo fatalmente o fará dependente e louco”.

    Diz a Palavra do Senhor: “Ai dos que levantam pela manhã, e seguem a bebedice, e continuam até alta noite, até que o vinho os esquenta. Liras e harpas, tamboris e flautas, e vinho há nos seus banquetes, porém não consideram os feitos do Senhor nem olham para as obras de suas mãos” Isaías 5.11-12.

  99. FRANK disse:

    E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por VINHO, e por BEBIDA FORTE, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa.
    Querem transforma o vinho em suco maguari.
    O PECADO está na quantidade, muitos aqui não entendem nem isso.

  100. DENOVO disse:

    E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por VINHO, e por BEBIDA FORTE, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa.
    O pecado está na quantidade.

  101. Diony Barreto disse:

    A DEMORA DA APROVAÇÃO É TANTA QUE NÃO VEJO NEHUM INCENTIVO DA PARTE DE VCS. ENVIEI O MEU COMENTÁRIO DESDE O DIA 07/05 E ATÉ AGORA EM MODERAÇÃO. QT TEMPO MAIS LEVARÁ? PQ HJ JÁ FAZ 4 DIAS!!!!

    [Estamos com problemas nos sites devido a constante ataque de hackers. Peço, contudo, que ore por nós para que não haja mais ataques, o que estabilizará o nosso servidor e permitirá a moderação mais frequente. Att. – Shaiala, Moderadora]

  102. Levi varela disse:

    Yury Rangel,

    Deixei bem claro que tudo demais é veneno, seja o alimento, seja o sexo, seja a religiosidade, seja a leitura da bíblia, seja a paixão pela mulher, seja o amor aos filhos, seja o patritrismo, seja o amor a religião, seja o amor as coisas da terra, seja o amor às coisas do céu, sejo a amor a um clube de futebol, seja à sua casa, seja à sua cidade, seja à sua mãe, seja a si próprio, seja a bebida.

    O último versículo que você citou fala do levantar e continuar a bebedice, ao entardecer, ao anoitecer.

    Cuidado, que é em nome de religiosidade real que os muçulmanos fazem a cabeça de criancinhas para seus fins espúrios, como um céu com 70 virgens em face de destruição dos ocidentais, devendo ser lembrado que a guerra não faz parte dos ensinamentos muçulmanos.

    Do modo como você fala, fica a certeza que os crimes somente são praticados por pessoas entorpecidas por drogas, quando você, eu e outros internautas conhecem pessoas que cometeram crime de “cara lavada”, bem como conhecemos cidadãos que bebem e retornam ou recolhem à própria casa sem que tenham cometidos crimes hediondos ou leves.

    Meu caro, com ou sem entorpecente, os que querem cometer ilícitos o fazem, todavia não posso negar que muitos usam o álibi de que estavam bêbados na tentativa de minimizar suas ptáticas contrárias à sociedade.

    Também não posso deixar de observar que pessoas existem que sequer deveriam sentir o cheiro, imagine beber, vez que são portadoras de anomalias psíquicas.

    Faça uma triagem no seu meio de pessoas que bebem, inclusive seus parentes, e verifique se são obrigatoriamente criminosas.

    Claro que não, é a mania que o ser humano tem de generalizar visando implantar o medo e alcançar seus objetivos, esquecendo, entretanto, de que a sociedade evoluiu, não mais precisando para dormir do “boi, boi, boi, boi da cara preta, pega essa criança que tem medo de careta”.

    Assim, basta que se explique e automaticamente as coisas serão captadas, entendidas, desnecessitando que se diabolize tudo, inclusive sob a hipocrisia de que Cristo e a bíblia assim estabelecem, ou seja, inversão de valores.

  103. Georges disse:

    .
    .
    Frank,
    Se eu sei Bíblia pra caramba, graças a Deus, é porque estou simplesmente seguinte o que a própria Bília ensina.

    II Timóteo 2:15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.

    É o meu conselho pra você, pra ver se assim você para de falar abobrinha.
    .
    .

  104. henrjk disse:

    “Provérbios 23.31,32”
    O contexto acima citado por Yuri é apenas um texto isolado para justificar o injustificável.
    Se lerem alguns versículos acima e o restante abaixo, ver-se-á que se trata de alguem que se entrega a bebida ou seja, uma pessoa fraca.

    Vou completar o versículo antes e depois para que se entenda melhor:

    29 – Para quem são os ais? Para quem, os pesares? Para quem, as pelejas? Para quem, as queixas? Para quem, as feridas sem causa? E para quem, os olhos vermelhos?
    30 – Para os que se demoram perto do vinho, para os que andam buscando bebida misturada.

    “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Provérbios 23.31,32).

    33 – Os teus olhos olharão para as mulheres estranhas, e o teu coração falará perversidades.
    34 – E serás como o que dorme no meio do mar e como o que dorme no topo do mastro
    35 – e dirás: Espancaram-me, e não me doeu; bateram-me, e não o senti; quando virei a despertar? Ainda tornarei a buscá-la outra vez.
    Se pegarmos no início do capítulo 23, ver-se-á um detalhe importante:

    “1 – Quando te assentares a comer com um governador, atenta bem para o que se te pôs diante;
    2 – e põe uma faca à tua garganta, se és homem glutão.”

    Tudo quanto se instrui em relação ao vinho ou a bebida forte, está apontando para o seu exagero.
    Não é pecado beber vinho, cerveja ou bebida forte dentro da máxima moderação.
    O que ocorrer sem moderação seja no comer ou no beber é faltoso.

    Agora digo àqueles que adoram uma Galinha à Cabidela, um chouriço ou os comem carne de animais sem degolar-lhe e deixar o seu sangue escoar, estes estão pecando.
    Veja o que está escrito e que foi direta e objetivamente expressado pelos apóstolos aos gentios:

    “Atos 15.28-29
    28 Na verdade, pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor mais encargo algum, senão estas coisas necessárias:
    29 Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da fornicação; destas coisas fareis bem se vos guardardes. Bem vos vá.”
    Alguem aqui se abstem do sangue e da carne sufocada?

  105. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!

    Nenhum comentário que escrevi dá margem para alguém “ter a certeza que os crimes são praticados por pessoas entorpecidas por drogas”. O irmão torceu completamente o que escrevi! É evidente que muitas pessoas cometem crimes sem o auxílio da bebida, mas negar que muitos só cometem crimes se estiverem sob o efeito do álcool é um grande equívoco. Devo informá-lo que a primeira função a ser comprometida pela bebida é a capacidade crítica (confira: http://www.consciencia.net/2003/07/12/transito2.html). Sendo assim, quem pensa poder beber convicto que vai parar quando quiser se engana, pois sua capacidade crítica (o que é certo ou errado; o que devo ou não devo fazer) será a primeira função psicológica a ser afetada. Ninguém pode garantir que o indivíduo vá parar de beber na hora “certa”, ou seja, sem que perca sua sobriedade.

    Ademais, veja esta recomendação de Paulo: “Porque vós, irmãos, fostes chamados à liberdade. Não useis, então, da liberdade para dar OCASIÃO à carne, mas servi-vos uns aos outros pela caridade” (Gálatas 5.13). Notou a palavra em destaque?! Pois bem, a palavra “ocasião” traduz o vocábulo grego “APHORMÊN”, que significa força, poderio bélico. Em outras palavras, Paulo está recomendando aos cristãos que não dêem armamento para que a carne cumpra suas concupiscências. A nossa carne já é inclinada ao pecado, porém certas coisas, como programas impuros, más conversações, bebidas alcoólicas, etc. servem de “poderio bélico” para nossa natureza carnal. Isso significa que, realizando certas atividades, estamos selando nossa derrota na tentação. Por isso, Paulo recomenda que não usemos da liberdade cristã para fortalecer a carne! Ele ainda diz: “Andai em Espírito e não cumprireis a concupiscência da carne Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito, contra a carne; e estes opõem-se um ao outro; para que não façais o que quereis” (Gl 5.16,17). Andamos no Espírito quando nos envolvemos com atividades que fortalecem nossa natureza espiritual, tais como: oração, jejum, leitura bíblica, adoração, etc. “Andamos na carne” quando nos envolvemos com atividades que fortalecem nossa natureza pecaminosa, tais como: assistir programas impuros, nos assentarmos à roda dos escarnecedores, ingerirmos bebida alcoólica, etc.

    Como pode perceber, em todo canto da Palavra de Deus fica clara a orientação bíblica para o cristão não ingerir bebida alcoólica.

    Que Deus o abençoe!

  106. Sandra disse:

    Esse missionário saiu é de uma fria. Deus vai orientá-lo e quem sabe ter sua própria igreja e seguir o Seu Chamado, e nÀO FICAR COMO A RAÇA DE VÍBORAS E SEPULCROS CAIADOS QUE O EXPULSARAM DO MINISTÉRIO COM UMA MÃO NA FRENTE E OUTR ATRÁS E AINDA COM A CIÊNCIA DOS DIRIGENTES DE QUE QUASE TODOS OS PASTORES TOMAMA SUA CACHAÇA, MAS EVIDENTEMENTE ESCONDIDOS DENTRO DE CASA. GENTE HIPÓCRITA QUE PARA ELES JESUS JÁ DISSE O INFERNO AGUARDA-OS ALEGREMENTE. SE NEM JESUS QUIS ESSA RAÇA EU É QUE VOU QUERER, POR ISSO ME DESLIGUEI DO MINISTERIO QUE ESTAVA, POIS SO VI HIPOCRISIA E DESCONFIO QUE JESUS JA DEU NO PE DA MAIORIA DAS IGREJAS FORMAIS DA TERRA HÁ MUITO TEMPO E O ESPÍRITO QUE NELAS HABITA É O DA JEZABEL QUE QUER TOMAR O O LUGAR SENDO UM FALSO ESPIRITO SANTO COM PROFETADAS E RELIGIOSIDADE MORBIDA. VEJA OS PARENTES DESSAS CRENTEZINHAS QUE NAO CORTAM CABELO, NEM PINTAM CABELO E UNHAS E VIVEM DE SAIS SEM DEPILAR ATÉ AS PERNAS, TEM A FAMILIA TODA NO CRIME, NAS DROGAS NA PROSTITUIÇÃO E EM TODA ESPÉCIE DE MALIGNIDADE. UÉ, PRA QUE ENTÀO A APARÊNCIA DE SANTIDADE? ENGANAR A QUEM, AOS HOMENS? ENTÃO IMPORTA MAIS PRA ESSA GENTE AGRADAR E DAR SATISFAÇÕES AOS HOMENS DO QUE A DEUS. DEUS PASSA LONGE DESSAS IGREJAS E DESSA GENTE. PELO AMOR DE DEUS. ME PASSA A CONTA DESTE MISSIONARIO QUE EU VOU AJUDÁ-LO ATÉ QUE ELE CONSTRUA O MINISTÉRIO DELE SEM RAÇA DE VÍBORAS.

  107. Georges disse:

    .
    .
    Frank,
    se eu sei Bíblia pra caramba, graças a Deus, é porque simplesmente obedeço ao que a própria Bíblia ensina em II Timóteo 2:

    15 Procura apresentar-te diante de Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    16 Mas evita as conversas vãs e profanas; porque os que delas usam passarão a impiedade ainda maior,
    17 e as suas palavras alastrarão como gangrena…

    É o que você devia fazer também, pra ver se assim para de falar abobrinha.
    .
    .

  108. Georges disse:

    .
    .
    Você acaba de usar um versículo fora do contexto, porque o contexto de Eclsiastes é o ponto de vista do homem carnal, cf. I Co 2:14, e é usado como justificativa para incrédulos encherem o coco de manguaça.
    Quem conhece a Bíblia com a mente e o coração não cai nessa conversa fiada. Foi assim que o cão tentou engalobar Jesus, usando textos fora do contexto.
    Presta atenção.
    .
    .

  109. Georges disse:

    .
    .
    O beber perante o Senhor é para o israelita, nas festas cívicas, onde o DÍZIMO era consumido perante a congregação pelas próprias pessoas que o haviam entregado antes. Ou seja, o DÍZIMO que tanto é propalado nas igrejas, era consumido pelo próprio povo. Daí a ligação com Eclesiastes (vou explicar para você entender), onde há o mesmo preceito: (9:7) Vai, pois, come com alegria o teu pão e bebe o teu vinho com coração contente; pois há muito que Deus se agrada das tuas obras..
    .
    .

  110. roberto disse:

    FRANK E O TAL DE “PASTOR CALEBE”

    NÃO SOU DEUS, PARA JULGAR NINNGUÉM, MAS SE ESSE QUE SE DIZ PASTOR CALEBE, É UM TREMENDO DE UM CARA DE PAU, ALIÁS, TENHO MINHAS DÚVIDAS,PENSO E NÃO JULGO, QUE ESSE CARA NEM EVANGÉLICO É, DEVE SER UM DESSES QUE GOSTA DE COLOCAR LENHA NA FOGUEIRA E VER O CIRCO PEGANDO FOGO, AÍ NÃO TEM COMO FICAR SER DAR UMAS DECLADAS NO PC, O FRANK ENTÃO NEM SE FALA, NUNCA FALA A FAVOR DA BÍLBIA, BOM GOSTARIA DE LEMBRAR DE 2 TIMÓTEO CAP.4 VERSÍCULO 1 EM DIANTE, DIZ QUE NOS ÚLTIMOS TEMPOS, O HOMEM SERIA AMANTE DE SÍ MESMO…, MAS AMIGO DOS PRAZERES DO QUE AMIGOS DE DEUS….
    É O QUE ESTAMOS VENDO, SUPOSTOS ” CRISTÃOS ” QUE SÃO AMANTES DE SÍ MESMOS, CULTUANDO SEUS PRAZERES, E NÃO ESTÃO NEM AÍ COM QUE DEUS ESTÁ SENTINDO COM TUDO ISSO, MAS TAIS CRISTÃOS, NO DIA DO ARREBATAMENTO DA IGREJA VÃO CHORAR AMARGAMENTE, E DIRÃO: NÃO ENTENDÍ, ESTAVA NA IGREJA DIA DE DOMINGO, PAGAVA O DÍZIMO, DAVA ATÉ UNS GLÓRIA A DEUS…HÁ NÃO POSSO ESQUECER, QUE SOCIALMENTE BEBIA UM DELICIOSO VINHO, E UMA GELADA CEVEJA, O QUE HOUVE, NÃO PARTICIPEI DO ARREBATAMENTO, COM AQUELES QUE EU DIZIA QUE ERAM FANÁTICOS.
    AÍ CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, FICA AQUI NA TERRA TOMANDO BASTANTE CERVEJA COM O ANTI-CRISTO, COM OS BEBUNS, E FAÇAM BOM PROVEITO DA GRANDE TRIBULAÇÃO QUE VEM POR AÍ…..HÁ, NÃO PODIA ESQUECER DE FALAR QUE NÓS OS NOS SEPARAMOS DESSAS BEBIDAS DO CAPETA, VAMOS ESTAR FRENTE A FRENTE COM JESUS,COM DEUS E COM SEUS ANJOS,E VAMOS BEBER MUITO, SÓ QUE VAMOS “ENCHER A CARA” COM A ÁGUA DA VIDA.Ó GLÓRIA A DEUS.

  111. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!!!

    Em primeiro lugar, quero parabenizá-lo pela tentativa de interpretar Provérbios 23.31,32. Até o momento, foi o único que se aventurou a interpretar o texto de forma honesta. Todavia, a citação do contexto só reforça o que tenho dito. O texto de Provérbios 23.29-35 cita 11 consequências de um ato e apenas 1 mandamento para evitá-las. As 11 consequências apontadas pelo sábio, de fato, são claramente consequências da embriaguez, porém o único mandamento que consta no texto é enfático, PREVENTIVO e confortador: “NÃO OLHES PARA O VINHO”.

    Sabemos que “olhar” na Bíblia muitas vezes é associado ao ato da cobiça. Salomão não está dizendo: “Não vos embriagueis” ou “Não bebam muito”. Ele está dizendo “NÃO OLHES PARA O VINHO”! Em outras palavras, NÃO DESEJEM BEBER VINHO. Ora, eu só posso desejar algo se ainda não o possuo! Então, ele não está recomendando aos que já bebem que simplesmente não se embriaguem, mas está orientando uma abstinência total. Salomão, em sua sabedoria, tinha a convicção que a única forma de evitar todos os males da embriaguez era a abstinência total de bebida alcoólica. Ele sabia o quanto que a bebida é capaz de dominar o homem. Ele sabia que o álcool é SUTIL. Ele sabia que o álcool afeta primeiramente a capacidade crítica do ser humano, fazendo-o perder o controle da sua própria vontade e bom senso. Ele sabia que depois que começa é difícil parar e, por isso, sabendo que uma coisa levará à outra, recomendou a abstinência de bebida alcoólica alertando para as consequências da embriaguez…

    Deus o abençoe!

  112. Lady Kate disse:

    Caros irmãos,

    Tem pessoas que não podem fazer determinadas coisas, que são lícitas até, por causa da compulsão!
    Imagine, comer, fazer sexo, coçar a cabeça, malhar, jogar, ficar na internet, falar da vida alheia (inclusive na igreja!)
    É claro que a bebida é um mal que deve ser evitado, vamos que ela desencadeie a tal compulsão?
    Sem citar textos bíblicos, sem parecer espiritual demais, sendo, apenas, objetiva – NÃO BEBAM NUNCA!

  113. henrjk disse:

    Yuri

    Eu não estou discordando com você, mas o que quero expressar e talvez não a faço de forma bastante compreensível.
    O ponto é a pergunta:”É pecado?”. Aí eu digo que não devemos acrescentar algo pecaminoso que não está declarado.
    O texto de Provérbios trata do agir com sabedoria frente a determinadas dificuldades ou desafios.

    Entendo que aqueles que não se contentam com apenas uma taça tem essa instrução diriga a eles e aos demais que não sigam no mesmo caminho.

    O “NÃO OLHES PARA O VINHO” vai muito além do “Não Bebas”.
    Acho um pouco parecido com aquele fato ocorrido no deserto onde as pessoas foram picadas por cobras e então foi levantada aquela serpente para que quem a olhasse fosse curado.
    Então subentendo que “Olhar para o Vinho” seria buscar na embriaguez do vinho soluções para algo inatingível, talvez a amargura no seu viver como tambem ser igual a um figurão, digo, busca de status.

    Para aqueles que não tem controle sobre si mesmos, realmente não devem nem sentir o cheiro.

    No meu entendimento sobre ser “Pecado Beber”, creio que está no mesmo rol de: não cortar/aparar o cabelo(mulheres), não usar batom e esmalte, etc.

    Acho este debate proveitoso e positivo, embora alguns o levem ao escárnio e até a extremismos.

    Quanto ao pastor da reportagem eu entendo que ele está numa situação díficil em um terreno bem adverso.
    Quem conhece a história do mormonismo, deve saber tambem que aquele estado do Utah é como um estado sagrado.
    Tenho um primo que é mórmom e quando estive na casa dele, soube que nem café bebiam.

  114. Levi varela disse:

    Caros,

    Ao legalismo extremo os convido.

    1-Os dez mandamentos estabelece que não se deva beber?

    2-Cristo orientou especificamente que não se deva beber?

    3-Para os paulistas, o apóstolo Paulo disse que não se deva beber?

    4-O apocalipse fala que os que bebam não vão para os céus?

    A orientação é contra a extremeza em tudo. Quanto ao uso de bebida, não sou eu que digo, Paulo orientou para um dos seus companheiros há dois mil anos, coisa que a medicina deixa evidente da importância do uso moderado, como vocês todos fazem com o alimento diário.

    Vamos deixar de ser crianças, guiados por crianças. Se não querem, parabéns deve ser respeitado por ser sábio em conhecer a si próprio evitando constrangimento à família, aos parentes, aos amigos e à sociedade.

    O que não é possível é se escadanlizarem. Escândalo é comerem demais e a parte que seria de outros a ponto de causar gordura mórbida, via de consequência enfermidades. Escândalo é estabelecer para os outros sua abstinência de sexo, alimento, de literatura, de programa de tv, de vida em abundância com Cristo.

    Cristo não levou seus discípulos para seu jejum de 40 dias, então não queiram que os outros sejam medidos por sua medida e por seus entendimentos de verdade, de interpretação bíblica.

    Repito, se a igreja que frequenta estabeleceu isso que cumpras, outrossim exija dos seus líderes os esclarecimentos devidos, bíblicos, reais.

    A bíblia traz testemunhos e exemplos de personagens que excederam com o uso da bebida, de igual modo aponta os alertas quanto ao uso quer pouco quer muito, todavia não impede, apenas recomenda.

    Descupem, meus caros, não participei e nem vós do registros bíblicos, portanto não é correto vir aqui eu e nem ninguém estabelecer uma regra, uma compreensão inexistente do ponto bíblico, não sou fraudador.

    Que seja objeto de alerta quanto ao uso sem limites, que esclarecça os horários mais compreensíveis de uso, se em casa, se á noite, se depois dos afazeres, informe quanto a isso.

    Muitos, é isso que tenho conhecimento, dos evangélicos gaúchos fazem uso, inclusive os da Assembléia de Deus, o que sugiro investigar se tornaram alcoolatras, briguentos, desobedientes a Deus, se tiveram morte prematura, se deixarem de evangelizar e de serem evangélicos.

  115. Marco disse:

    Puts, tem cara que escreve um caminhão de versiculo, triciculos e algo mais. A biblia em meu entendimento é um codigo de conduta da época, vivemos hoje um novo tempo, e o que se escreveu para ser regra ontem talvez não caiba nos dias atuais. Atentem bem pois tudo o que é demais não é correto, a bebida não deixa de ser diferente.
    Fuiiiiiiii

  116. FRANK disse:

    E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por VINHO, e por BEBIDA FORTE, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa.
    Querem transformar o vinho em suco maguari.kkk…Jesus transformou água em suco…..rss….Rídiculos.
    O PECADO está na quantidade, muitos aqui não entendem nem isso.
    SE NEM CITANDO A BÍBLIA, dezenas de versículos, VOCÊS RESPEITAM, ENTÃO QUE DISTORÇAM A BÍBLIA SEGUINDO O ENSINAMENTO DE HOMENS, coisa de gente ignorante, burra e manipulada de 3o mundo.Como a Palavra já criticava há 2 mil anos, saem do mundo e chegam na igreja, onde colocam mais peso do que o mundo já colocava.Jesus não pode ser alegria para os religiosos, que pregam um evangelho de julgamento e tristeza, onde só há regras e regras ( criadas por homens ).

  117. FRANK disse:

    lucas 11- 43 Ai de vós, fariseus, que amais os primeiros assentos nas sinagogas, e as saudações nas praças.45 E, respondendo um dos doutores da lei, disse-lhe: Mestre, quando dizes isso, também nos afrontas a nós.46 E ele lhe disse: Ai de vós também, doutores da lei, que carregais os homens com cargas difíceis de transportar, e vós mesmos nem ainda com um dos vossos dedos tocais essas cargas
    Mateus 23-4 Pois atam fardos pesados e difíceis de suportar, e os põem aos ombros dos homens; eles, porém, nem com o dedo querem movê-los;5 E fazem todas as obras a fim de serem vistos pelos homens; pois trazem largos filactérios, e alargam as franjas das suas vestes,25 Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que limpais o exterior do copo e do prato, mas o interior está cheio de rapina e de iniqüidade.33 Serpentes, raça de víboras! como escapareis da condenação do inferno?

  118. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Fique tranquilo, pois a dificuldade de se expressar de forma compreensível não é exclusividade sua. Devo confessar que por vezes compartilho deste mesmo problema, afinal expressar opinião de forma clara e convincente num site frequentado por todo tipo de pessoa é um desafio e tanto!!! Creio que uma conversa pessoal entre eu, você, além do Levi Varela e do Frank, que também argumentaram comigo sobre o assunto, seria muito mais produtiva e esclarecedora. Quem sabe Deus nos reserva a oportunidade de nos conhecermos e discutirmos o assunto saboreando um ótimo churrasco com Coca-cola (nada de “vinho” rsrsrsrsrsrsrsrsrsrsrs)…

    Eu vejo em Provérbios uma clara admoestação para não beber vinho. E mesmo que não estivesse de forma clara, não devemos esperar que a Bíblia descreva cada tipo de pecado. O Apóstolo Paulo foi sábio ao escrever sobre as obras da carne dizendo: “… invejas, homicídios, BEBEDICES, glutonarias, E COISAS SEMELHANTES A ESTAS, acerca das quais vos declaro, como já antes vos disse, que os que cometem tais coisas não herdarão o reino de Deus” (Gl 5.21). Paulo disse que “coisas semelhantes” àquelas também eram pecaminosas. É interessante que ele cita “bebedices” (ingestão de bebida alcoólica) e “coisas semelhantes”. Bebedice não é sinônimo de embriaguez, antes é o costume de ingerir bebida alcoólica. O beber moderadamente pode ser classificado como “coisa semelhante a esta”.

    Você também tem razão quando diz que “Provérbios trata do agir com sabedoria frente a determinadas dificuldades ou desafios”. Salomão foi um homem sábio, mas que durante muito tempo deixou seu coração inclinar-se para as coisas deste mundo. Muitas mulheres, muito dinheiro, muitos cavalos, etc. Ele, mais do que ninguém, no auge da sua maturidade podia dar conselhos inspirados aos seus leitores para evitar qualquer tipo de prática pecaminosa. E um de seus conselhos foi este: “NÃO OLHES PARA O VINHO”. O fato de ele descrever o vinho como “vermelho, resplandecente e que se escoa suavemente” (sinais da fermentação) indica que ele tinha em mente a bebida como algo atraente que despertava o desejo e a cobiça do homem… Quem sabe até ele mesmo não caiu nesta tentação muitas vezes por achar que podia se controlar?… Sábio é o cristão que segue os conselhos de Provérbios, pois Salomão sabia do que estava falando…

    De qualquer forma, foi um prazer conversar com você sobre este assunto tão polêmico. Fica aqui o convite para o churrasco… rsrsrsrsrsrsrsrs Que Deus o abençoe!!!

    “E não vos embriagueis com vinho, em que há contenda; mas, enchei-vos do Espírito Santo”.
    Efésios 5.18

  119. CALEB disse:

    Roberto diz:

    ” O QUE HOUVE, NÃO PARTICIPEI DO ARREBATAMENTO, COM AQUELES QUE EU DIZIA QUE ERAM FANÁTICOS.
    AÍ CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, FICA AQUI NA TERRA TOMANDO BASTANTE CERVEJA COM O ANTI-CRISTO, COM OS BEBUNS, E FAÇAM BOM PROVEITO DA GRANDE TRIBULAÇÃO QUE VEM POR AÍ…..HÁ, NÃO PODIA ESQUECER DE FALAR QUE NÓS OS NOS SEPARAMOS DESSAS BEBIDAS DO CAPETA, VAMOS ESTAR FRENTE A FRENTE COM JESUS,COM DEUS E COM SEUS ANJOS,E VAMOS BEBER MUITO, SÓ QUE VAMOS “ENCHER A CARA” COM A ÁGUA DA VIDA.Ó GLÓRIA A DEUS.”

    Vamos continuar a nos declicar com a posição dos fariseus e religiosos aqui….to morrendo de rir de tudo isso…rss

    Pastor Caleb.

    Ps: Lembrando a todos voces se voces quiserem dicas de um bom e delicioso vinho para acompanhar seu churrasco, sua pizza de quatro queijos ou um jantar com sua esposa ou esposo…. só me procurar que tenho otimas dicas de vinhos nacionais e internacionais. Deus abençõe a todos.

  120. Levi varela disse:

    Iury Rangel,

    Brincadeira, meu caro, no andar da carruagem em breve você vai deixar de se alimentar, afinal o versículo apontado para sua defesa diz que a glutonoria é pecado.

    Como? A mesma lógica. Ora se a alimentação é coisa semelhante ou ligado à glutonaria você deve observar a mesma extensão de sua idéia, qual seja, não mais se alimentar.

    Quanto ao homicídio, você jamais será um bombeiro, um militar, ou mesmo um bom cidadão, afinal tais profissões quando do exercício, são compelidas a tirar a vida de outrem. Sobre o bom cidadão que eu fiz referência, tal decorre quando, para não morrer, você e pessoas queridas, fica com a única alternativa de subsistência, qual seja: matar para não morrer, ou seja, tirar a vida de quem estar prestes a tirar a tua, como em assaltos, atentados…

    todas as passagens que fala do tema álcool fala de se dar: o bispo não seja dado ao álcool, Paulo ensinando na Carta a Timóteo. A lingua portuguesa é muito cristalina quanto ao uso desse vernáculo, ou seja, deixa evidente que é a pessoa que se doa.

    Doar é se dedicar a algo de corpo e alma em detrimento de coisas importantes da vida terrestre e espiritual.

    Meu caro, não queira devolver Cristo para cruz em face do milagre do vinho, bem assim do que tomou antes da sua morte, em especial pelo fato de que em nenhuma parte do Novo Testamento fala de Cristo dado ao álcool, por favor, não ponha santidade para Ele onde não precisa e muito menos atribua ao filho de Deus estado pecaminoso, qual seja o vício, o dar-se ao álcool.

    Estou esperando, cadê um registro da lei judaica, cristã, de São Paulo que proiba o álcool?

    Não se pode nem por e nem tirar um til, oK?

  121. Lady Kate disse:

    Caleb e Levi,
    A minha postura é contra a bebida, mais por ela ser perigosa, causar acidentes – VIDE A LEI SECA, GENTE! Pela possibilidade de causar dependência, por ser uma despesa a mais no orçamento de quem bebe, etc, etc.
    Para quem não tem problemas, e sabe que pode tomar vinho ou champagne, uma vez ou outra, não tenho nada contra!
    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só!

  122. fabricio disse:

    são todos loucos…este site gosta disto mesmo é de discussão pela palavra e não de edificação …e todos são cobaias, de um site que de evangelico não tem nada e não quer divulgar a palavra da salvação mais criar contenda entre os irmãos…naquele dia somente ficará claro quem estara certo…todos vão ser julgados segundo as suas obras e quanto mais vcs discultem sobre esse assunton nada edificante, esta sendo registrado no céu…
    MEU DEUS SE PASTORES SE DÃO O LUXO DE FICAR ESCREVENDO IOCRESIAS COMO BEBER NÃO TEM NADA A VER…VAI A MULHAER DESSES PASTORES NÃO TEM NADA A VE ELAS ADULTERAREM ” DEUS PERDOA”, QUERO VER SE UM JOVEM TOMAR UMAS TAÇAS DE “UM BOM VINHO” E PASSAR COM O CARRO EM CIMA DE UM DESSES PASTORES QUE DEFENDER O BEBER BEBIDA ALCOOLICA…FALA PARA MUITOS JOVENS QUE TIRAM A VIDA DE OUTROS COM ACIDENTE BRIGAS E TUDO MAIS ” MATAR OS OUTROS OU SEM INCONSEQUENTE N~~AO TEM NADA A VER”
    besteira…
    esse assunto e discusões não mudam a palavra as opiniões são diversas mas a palavra é e continuara sendo uma é sim…sim..não..não…

  123. Roberto Augusto disse:

    Concordo cm eles:
    mARCOS disse: (concordo)
    “Marilia disse:
    existem estrategias que Deus nos dá que devemos estar alicerçados na Palavra de Deus…”(concordo)

    Porém deixou um recado para todos:
    Galera muitos de V6 estão querendo fazer uma disputa sobre a Biblia, qm sabe mais, qm sabe mais?
    Uns ai ate postaram dizendo que so o diabo sabe mais do que essa pessoa, (não m recordo qm foi), Soh peço à Deus q Tenha Misericordia de tdos os que perdem Tempo discutindo
    Postando contradições, batendo de frente um com o outro, me desculpa desanimar vc, mais nada disso q vc tem falado tem sido de grande interesse e nem tem me acrescentado nada espiritualmente, para q algo nos seja acrescentado devemos nos focar na palavras de Deus meditando na palavra de Deus, e quem discorda disso desculpa, mais ainda n~/ao serve ao Deus Vivo: leiam essa passagem e reflitam sobre discussões tolas:

    Timoteo 2:14-26
    Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes.
    Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    Mas evita os falatórios profanos, porque produzirão maior impiedade.
    E a palavra desses roerá como gangrena; entre os quais são Himeneu e Fileto;
    Os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição era já feita, e perverteram a fé de alguns.
    Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.
    Ora, numa grande casa não somente há vasos de ouro e de prata, mas também de pau e de barro; uns para honra, outros, porém, para desonra.
    De sorte que, se alguém se purificar destas coisas, será vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra.
    Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.
    E rejeita as questões loucas, e sem instrução, sabendo que produzem contendas.
    E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor;
    Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade,E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.

    Queridos que Deus possa falar ao coração de kda um de nós, reflitam sobre isso!
    Graça e Pazz

  124. Roberto Augusto disse:

    Concordo cm eles:

    “Marilia disse:
    existem estrategias que Deus nos dá que devemos estar alicerçados na Palavra de Deus…”(concordo)

    Porém deixou um recado para todos:
    Galera muitos de V6 estão querendo fazer uma disputa sobre a Biblia, qm sabe mais, qm sabe mais?
    Uns ai ate postaram dizendo que so o diabo sabe mais do que essa pessoa, (não m recordo qm foi), Soh peço à Deus q Tenha Misericordia de tdos os que perdem Tempo discutindo
    Postando contradições, batendo de frente um com o outro, me desculpa desanimar vc, mais nada disso q vc tem falado tem sido de grande interesse e nem tem me acrescentado nada espiritualmente, para q algo nos seja acrescentado devemos nos focar na palavras de Deus meditando na palavra de Deus, e quem discorda disso desculpa, mais ainda n~/ao serve ao Deus Vivo: leiam essa passagem e reflitam sobre discussões tolas:

    Timoteo 2:14-26
    Traze estas coisas à memória, ordenando-lhes diante do Senhor que não tenham contendas de palavras, que para nada aproveitam e são para perversão dos ouvintes.
    Procura apresentar-te a Deus aprovado, como obreiro que não tem de que se envergonhar, que maneja bem a palavra da verdade.
    Mas evita os falatórios profanos, porque produzirão maior impiedade.
    E a palavra desses roerá como gangrena; entre os quais são Himeneu e Fileto;
    Os quais se desviaram da verdade, dizendo que a ressurreição era já feita, e perverteram a fé de alguns.
    Todavia o fundamento de Deus fica firme, tendo este selo: O Senhor conhece os que são seus, e qualquer que profere o nome de Cristo aparte-se da iniqüidade.
    Ora, numa grande casa não somente há vasos de ouro e de prata, mas também de pau e de barro; uns para honra, outros, porém, para desonra.
    De sorte que, se alguém se purificar destas coisas, será vaso para honra, santificado e idôneo para uso do Senhor, e preparado para toda a boa obra.
    Foge também das paixões da mocidade; e segue a justiça, a fé, o amor, e a paz com os que, com um coração puro, invocam o Senhor.
    E rejeita as questões loucas, e sem instrução, sabendo que produzem contendas.
    E ao servo do Senhor não convém contender, mas sim, ser manso para com todos, apto para ensinar, sofredor;
    Instruindo com mansidão os que resistem, a ver se porventura Deus lhes dará arrependimento para conhecerem a verdade,E tornarem a despertar, desprendendo-se dos laços do diabo, em que à vontade dele estão presos.

    Queridos que Deus possa falar ao coração de kda um de nós, reflitam sobre isso!
    Graça e Pazz

  125. Fabio de Britto disse:

    Graca e Paz

    O que mais importante, o meu querer o o seu querer?
    A minha vontade ou a sua vontade?

    Enquanto estivermos debatendo quem eh que esta certo eu ou vc, a minha vontade ou a sua, o meu desejo ou o seu, nunca entraremos em consenso.
    Mas, se analizarmos a nossa vontade, o nosso desejo, o nosso querer e compararmos com o de Deus, sempre deve e prevalecera o de Deus.

    A Biblia NAO se contradiz, mas aqueles que quiserem contradicao, encontara. Mas se pedirmos orientacao ao Espirito Santo de Deus em oracao antes de lermos a Biblia, Ele fara nos entedermos conforme a Sua vontade.

    Estarei perdido se for guiado pela minha vontade ou pela sua.

    Leia a Biblia e faca oracao se quiser crescer.
    Quem nao ora e a Biblia nao ler, vai diminuir.

    Deus vos abencoe.

  126. edr disse:

    Pator caleb… pastor nada isso aí é um bebum de primeira…..

  127. Amarildo disse:

    Jesus tomou vinho ou foi cerveja?
    Os alcolatras sempre defende seu copinho.

  128. roberto disse:

    “PASTOR CALEBE”

    SE CONTINUAR ASSIM , VAI RIR NO DIA DO ARREBATAMENTO?????

    PENA, QUE SUA MENTE JÁ ESTÁ DOMINADA PELO espírito da bebida.

    lembrê-se da parábola das 10 virgens, 5 eram prudentes e subiram com o noivo – JESUS

    as outras 5 eram insensatas – e ficaram e a porta se fechou.

    o que não entendo, que um Pastor é levantado por Deus, para pregar SANTIDADE, FÉ, SALVAÇÃO, MUDANÇA DE VIDA, VIDA NO ESPÍRITO, E VOCE FICA PREGANDO VINHO, CERVEJA – TENHO PENA DE VOCE.

  129. edr disse:

    O Roberto isso se é que ele é pastor mesmo né…..??? pq fala sério….!!!!!

  130. Levi varela disse:

    Lady kate,

    Já me envolvi com acidentes, sendo que as pessoas não estavam bebedas.

    Antes de atribuir à bebida os males do trânsito, que procure os dados estatísticos do percentual de acidentes computável à bebidaç

    Não esqueça que inexiste neste país uma ação inibidora do álcool aos jovens menores de 18 anos, sendo comum festas começarem à meia noite, sem a presença dos antigos inspetores de menor. Outra coisa, inumeros postos de combustíveis fornecem bebidas indevidamente a menores, seja direto a eles seja via colegas não mais de menor.

    Quanto ao álcool se constituir em mais uma despesa no orçamento familiar, de novo estamos a desviar o assunto para outro problema, o daprodigalidade(esbanjar de dinheiro), não o da bebida, afinal quem tem essa mania gasta com mulheres, compras em excesso, jogos de azar sob aposta.

    Quanto â possibilidade de se viciar com a bebida, cuidado, pois em breve, seguindo esse mesmo raciocínio, breve não mais haverás de se alimentar, justo para evitar o pecado da glutonaria.

    De igual modo, que deixes de ter uma religiosidade para não se tornar dentro de pouco tempo mais uma fundamentalista, uma fanática.

    Eu vou renunciar à leitura da bíblia para evitar que eu leia coisas que são proibidas, epa! isso não parece coisa de Igreja Catolica, não?

    Acho que é, pois queimava os exemplares da bíblia para evitar que as pessoas ficassem cientes de seus deveres cristãos, via de consequência manter a todos despidos do saber.

    Não se contentou com a fogueira, depois criou uma pedagogia eclesiástica, impedindo que a biblia fosse interpretada pelos seus adeptos, só os clérigos.

    Ora, mas é justamente isso que está ocorrendo nesse site, onde as pessoas não apresentam argumentos bíblicos, daí passam a desqualificar os que tem tese balizada.

    Tais pessoas não conseguiram apontar, responder os questionamentos que fiz acima, os da referência bíblica que confirme uma proibição explícita ao uso da bebida de modo social, com responsabilidade, com o intuito de trazer benefícios.

    Cuidado gente, daqui a pouco alguns vão tomar de uma só vez a terapia medicamentosa recomendada para vários atos, passo seguinte proibir medicamentos por causar mal à saúde.

    Estou esperando argumentos, não deboches, por favor.

  131. Lady Kate disse:

    Levi Varela,

    Espero que vc não tenha se referido a mim quanto aos deboches, tenho certeza que apenas expus o meu pensamento, com todo respeito.
    Engraçado, como as coisas mudam, há bem pouco tempo atrás, eu era considerada a margem da igreja, muitos até me ofenderam por causa da minha postura em relação há vários tópicos. Agora, eu é que sou fundamentalista?
    Bem disse Jesus, nem todo aquele que me diz Senhor, Senhor…
    Interessante, enquanto uns não veem nada de mal em tomar os seus “goles”, outros acham que namorar mesmo sendo casados, também não é tão ruim assim, basta saber administrar a situação! Legal, não?
    Com certeza, o nosso arraial evangélico está ficando bem “prafrentex!”
    E, agora, vamos todos marchar, quem sabe ao som do rebolacion!

  132. Nelson Silva disse:

    A onde está escrito na Bíblia que Paulo precisou tomar algum tipo de bebida alcóolica para ganhar os gentios para Cristo! O que está faltando em nossos dias é a operação de milagres e maravilhas! Os alcóolatras tem de ver o poder de Deus através de nossas vidas!

  133. Levi varela disse:

    Nilson Dias,

    Realmente, Paulo não precisava está bêbado para para evangelizar, mas se alimentava de tudo, coisa que ocorria com Pedro(igual a você), todavia esse último mudou de postura após a chegada dos judeus, sendo repreendido piamente e publicamente por Paulo.

    Paulo, de igual modo, quando vê uma imagem dedicada a um deus desconhecido, logo apresenta aquela como se de Deus fosse, ou seja, uma ato de sabedoria, de perspicácia quando havia é proibido o uso de imagens, isso sim que é um pedagogo, meu caro.

    Noutra feita, deixa de estimular o dízimo, passa a trabalhar e o que é melhor deixa claro que é uma tática para evitar afastamento dos recém convertidos, ou seja, diminui o seu rítmo evangelístico em face de crentes apegados ao financeiro, aos detalhes e às minúcias, afinal tal prática do dízimo era inerente ao povo judeu, não em outros países.

    A mesma pergunta que fiz acima sobre Cristo, a conversão de água em vinho, como explicar que Cristo faz uma coisa que ele não concorda, ou seja, não prova do vinho, todavia fornece aos outros?

    Como seja, Paulo sabe da importância do álcool para a saúde, evidente de modo comedido estimula a um dos seus discípulos, Timóteo, em vista da fragilidade estomacal deste.

    Porventura, achas que Cristo e Paulo eram hipócritas? Merece, pois, o filho de Deus ser devolvido à cruz agora por hipocrisia por falar e agir de formas diferentes?

    Meu caro, eu sei que costumes não são fáceis de ultrapassar, sei também que aquilo que se costuma ter como verdade doutrinária doi ao ser rebatida, mas nada impede de você continuar com os teus costumes, nunca como algo que impeça à chegada aos cèus, afinal o próprio Apocalipse fala dos bêbados, que é o estado desregrado, desmedido e escandaloso do uso de bebida, coisa que ocorre com os comedores, ou seja, os glutões, dá para entender uma coisa e outra?

    Meu caro, o estudar é importante, mas você deva ter ouvido falar de pessoas que se desequilibraram por dedicação intensiva, desmedida, até fazendo uso de drogas que desestimulam o sono.

    Na mesma linha encontramos o trabalho, que é recomendado por Deus, todavia a própria bíblia estabelece um dia da semana como descanso, que deva ser aproveitado para ir à igreja, evidente nada impedindo se noutros dias também frequentá-la.

  134. Wqueiroz -Lisboa disse:

    Papa concluiu, nesta quarta-feira, o segundo dia de sua 15ª Viagem Apostólica Internacional, rezando o Terço na Capelinha das Aparições no Santuário de Nossa Senhora de Fátima.

    Bento XVI abençoou as velas que foram levadas em procissão, ressaltando que “todos juntos, com a vela acesa na mão, lembrais um mar de luz à volta desta singela capelinha, amorosamente erguida em honra da Mãe de Deus e nossa Mãe, cujo caminho da terra ao céu foi visto pelos pastorinhos como um rasto de luz”.

    O Papa convidou os peregrinos a imitarem Maria fazendo ressoar em suas vidas o “faça-se em mim segundo a tua palavra” (Lc 1, 38). “No nosso tempo em que a fé, em vastas zonas da terra, corre o perigo de apagar-se como uma chama que já não recebe alimento, a prioridade que está acima de todas é tornar Deus presente neste mundo e abrir aos homens o acesso a Deus. Não a um deus qualquer, mas àquele Deus que falou no Sinai; àquele Deus cujo rosto reconhecemos no amor levado até ao extremo em Jesus Cristo crucificado e ressuscitado” – frisou o pontífice.

    “Não tenhais medo de falar de Deus e de ostentar sem vergonha os sinais da fé, fazendo resplandecer aos olhos dos vossos contemporâneos a luz de Cristo, tal como a Igreja canta na noite da Vigília Pascal que gera a humanidade como família de Deus” – disse ainda Bento XVI. Ouça aqui:

    O Papa frisou que ali na Capelinha das Aparições três crianças se renderam à força interior que as invadiu nas aparições do Anjo e da Mãe do Céu. “Aqui, onde tantas vezes se nos pediu que rezemos o Terço, deixemo-nos atrair pelos mistérios de Cristo, os mistérios do Rosário de Maria. A oração do Terço permite-nos fixar o nosso olhar e o nosso coração em Jesus, como sua Mãe, modelo insuperável da contemplação do Filho” – frisou.

    O Santo Padre depositou nos pés de Nossa Senhora de Fátima as preocupações, as esperanças deste nosso tempo, as dores da humanidade ferida e os problemas do mundo.

    “Virgem Mãe de Deus e nossa Mãe querida – concluiu o Papa – intercedei por nós junto de vosso Filho para que todas as famílias dos povos, quer as que se distinguem pelo nome cristão quer as que ainda ignoram o seu Salvador, vivam em paz e concórdia até se reunirem finalmente num só povo de Deus, para glória da santíssima e indivisível Trindade”.

    Depois da Oração do Terço, o Secretário de Estado, Cardeal Tarcisio Bertone, presidiu a missa da vigília da Solenidade da Ascensão do Senhor, que no Brasil se celebra no próximo domingo. (MJ)

  135. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!!!

    Brincadeira, meu caro, mas sua interpretação de alguns textos bíblicos é no mínimo sofrível!!! Dizer que todas as passagens do tema álcool falam de “se dar”, no sentido de “se dedicar a algo de corpo e alma em detrimentos de coisas importantes da vida terrestre e espiritual” foi realmente equivocada. Primeiramente, o vernáculo usado no texto daria margem para uma série de interpretações, pois na língua portuguesa “se dar” pode significar “se doar”, “ter atração”, “habituar-se”, etc. Além disso, quando se interpreta um texto que tenha uma expressão portuguesa com um amplo sentido como a do texto de 1Timóteo 3.3, o mínimo que se espera é uma explicação fundamentada no original grego. Pois bem, a expressão “não dado ao vinho” traduz a expressão grega “me paroinon”, formada de “me”, que significa “não”, e “paroinon”, palavra composta que significa literalmente “ao lado do vinho”, “perto do vinho” ou “com vinho”. Aqui a Bíblia requer que nenhum pastor ou presbítero fique “sentado ao lado do vinho” ou “esteja com vinho”. Noutras palavras, não deve beber vinho embriagante, nem ser tentado ou atraído por ele, nem comer e beber com os ébrios (Mt 24.49). Como a Bíblia iria advertir os reis, mais alto cargo civil, de beberem vinho (Pv 31.4) e, ao mesmo tempo, iria permitir os bispos, um dos mais altos cargos eclesiásticos, a beberem?!

    É brincadeira também, meu caro, a incoerência e contradição dos argumentos usados para defender o uso de vinho alcoólico. Você, por exemplo, defende o uso moderado do vinho alcoólico, mas ao mesmo tempo afirma que o vinho transformado por Jesus em Caná da Galiléia era alcoólico. Ora, mesmo que Jesus permitisse o uso moderado de bebida fermentada, a última coisa que Ele faria naquela ocasião era dar mais vinho alcoólico para o povo. A Bíblia diz que àquela altura da festa todos já haviam “bebido bem” e você acha que Jesus sabendo disso iria dar mais vinho para o povo? Ué, cadê a moderação?! Se Jesus desse vinho alcoólico àquelas pessoas, mesmo depois de já terem “bebido bem”, estaria compactuando com a embriaguez, coisa totalmente impossível de acontecer, pois nosso Salvador conhecia a admoestação do profeta Habacuque: “Ai daquele que dá de beber ao seu companheiro! Tu, que lhe chegas o teu odre e o embebedas, para ver a sua nudez” (Hc 2.15).

    Outra brincadeira é ignorar a recomendação do sábio: “Não é próprio dos reis, ó Lemuel, não é próprio dos reis beber vinho, nem dos príncipes desejar bebida forte” (Pv 31.4). Ora, se a Bíblia diz que os reis e os príncipes não deveriam ingerir bebida alcoólica, como nós vamos afirmar que o REIS DOS REIS e PRÍNCIPE DA PAZ colocou algum pingo de álcool em sua boca?!

    Outra brincadeira sua é citar textos do Antigo Testamento que aparentemente permitem o uso de bebida alcoólica e ignorar as claras recomendações de abstinência para as pessoas envolvidas na obra de Deus, como os sacerdotes, nazireus, reis, etc. (Lv 10.9; Nm 6.3; Pv 31.4). E o nosso voto de consagração total a Deus (Rm 12.1; 1Ts 5.23)?! E o nosso sacerdócio real (1Pe 2.9,10)?! Fica clara e atual a recomendação do sábio: “NÃO OLHES PARA O VINHO” (Pv 23.31).

    Outra brincadeira sua é afirmar que o vinho da Santa Ceia era alcoólico. A Lei proibia comer qualquer coisa fermentada na Páscoa (Ex 12.20). Dizer que o vinho da Santa Ceia era fermentado é a mesma coisa que dizer que o sangue de Jesus possuía algum teor de corrupção!…

    Outra brincadeira de alguns é afirmar que os que dizem que Jesus nunca bebeu vinho alcoólico são fariseus, sendo que a Bíblia fala justamente o contrário. Foram os fariseus, tentando debochar de Jesus, que disseram que Ele era “comilão e bebedor de vinho” (Lc 7.34). Jesus não afirmou que bebia vinho alcoólico, Ele disse que tinha hábitos alimentares comuns, ao contrário de João Batista. Mas como os fariseus gostavam de aumentar as coisas, como fizeram no Sinédrio (Mt 26.59,60), disseram que até em um “goró” Jesus era chegado, uma óbvia tentativa de desmoralizá-lo diante das pessoas que nele criam.

    É brincadeira também, meu caro, afirmar que os crentes do Novo Testamento bebiam vinho alcoólico. Alguns judeus no dia de Pentecostes até zombaram dos discípulos dizendo: “Estão cheios de mosto” (At 2.13). Ora, “mosto” (gr. gleukos) é indubitavelmente suco de uva, pois mosto denomina a extração recente do suco da uva. Os judeus sabiam que os seguidores de Cristo não tinham o costume de ingerir vinho alcoólico e, por isso, ironizaram o comportamento deles supondo que estivessem bêbados com suco não fermentado… Paulo ainda disse para Timóteo: “Não bebas mais água só, mas usa um pouco de vinho, por causa do teu estômago, e das tuas frequentes enfermidades” (1Tm 5.23). Este texto deixa claro que Timóteo não bebia vinho, pois se ele tivesse o costume de beber vinho, não teria sido necessário Paulo aconselhá-lo a tomar um pouco de vinho com propósitos medicinais. Toda regra tem a sua exceção e mesmo assim é perfeitamente possível que o “oinos” citado por Paulo seja o suco da uva não fermentado, pois Ateneu e Plínio já recomendavam o uso de suco da uva não fermentado para problemas estomacais (Ateneu – “Banquete” 2.24; Plínio – “História Natural” 14.18).

    Também é incoerente, meu caro, pensar que Deus não se deixa escarnecer (Gl 6.7) e, ao mesmo tempo, afirmar que Deus incentiva o uso de uma bebida que Ele mesmo classifica como escarnecedora (Pv 20.1).

    Algumas coisas nesta discussão são realmente uma brincadeira! Não parece um debate teológico, mas sim um discipulado para novos convertidos. Estamos falando dos rudimentos do Evangelho. Já disseram que Jesus casou com Maria Madalena; também já disseram que Ele mantinha um relacionamento homossexual com João; e, agora, querem dizer que Ele ingeria bebida alcoólica.

    Os tempos e as culturas mudam, porém a Palavra de Deus permanece: “Não olhes para o vinho, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente” (Pv 23.31).

    De qualquer forma, foi um prazer discutir um assunto tão polêmico com você. Que Deus o abençoe!

    Maranata! Ora vem, Senhor Jesus!!!

  136. josiane disse:

    Acho nada a ver beber para evangelizar. Estamos agindo igual aos impios então???Não somos melhores que os impios mas conhecemos a verdade….A bebida e as drogas são do mundo, o mundo jaz do MALIGNO.Sou totalmente contra crente tomat bebida de alcool, as famílias estão sendo destruídas por causa desse vícios e nós vamos aceitar ser enganados pelo inimigo????Se não é fácil, mas não vamos passar pela porta estreita…Não faz mais parte de nós, hoje nós devemos andar no ESPÍRITO e não na carne … DEUS abençoe a todos…

  137. CALEB disse:

    Aamados e queridos irmãos , sugiro que deixemos aqui algums sugestões para apreciaramos um bom e delicioso vinho em certas refeições…

    Posso ouvir um amem ?

    Posso ouvir um Gloria?

    Pastor Caleb.

  138. Luiz Otavio disse:

    É Caleb, tá difícil o pessoal concordar contigo… Vamos fazer o seguinte: você toma um vinho daí que eu tomo um daqui. Vamos aproveitar antes que nos apedrejem!!! Ah, um brinde ao bom senso! Rsrsrs…

  139. IURY RANGEL disse:

    Minha sugestão: Suco Del Valle, 0% de álcool, uma delícia!!!

  140. JOSÉ ADILSON disse:

    Quem destruir o templo do Senhor também será destruido. A cerveja provoca o ressecamento da bílis, eleva a pressão arterial, ajuda na propagação da cirrose, atordoa a mente. Pode levar, e tem levado, muitas pessoas morrerem no trânsito, quando no muito não morrem. Umn pouco do errado, é errado. Sexo não é pecado realmente. Aliás, foi criado por de Deus e tudo que Deus faz é bom. Agora a cerveja não foi Deus que fez. É algo manipulado por homens, criado para entopercer. Sejamos sóbrios, até para quem não é cristão, a cerveja é ruim.

  141. CALEB disse:

    Ola Irmão Luiz,

    A propria medicina, alem da eterna Palavra do Nosso Deus, a Biblia Sagrada, nos ensina e exorta que devemos tomar um bom e delicioso vinho,bem irmão, é só verificarmos em qualquer site de medicina ou de saude e logo nos deparamos dos varios beneficios que uma deliciosa taça de vinho POR DIA faz ao nosso corpo , coração, sangue, e muitos outros beneficios…coisas de Deus mesmo irmão….e isso , os proprios medicos cardiologistas tambem nos diz.
    Alem de ser um otimo ingrediente saudavel, claro, é uma delicia.

    Mas irmão Luiz, um bom vinho suave, com uma pizza feita na hora de quatro queijo….vc não acha que é uma delicia..ou o irmão prefere um vinho branco para acompanhar essa alimentação?

    Pastor Caleb.

  142. edr disse:

    CALEB BAITA BEBUM….

  143. roberto disse:

    Lady kate e “pastor caleb”

    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só!

    JÁ TRABALHEI NUM TERREIRO DE UMBANDA, ANTES DE SE CONVERTER, A BEBIDA PREDILETA DA POMBA GIRA, É A CHAMPAGNE E VINHO, E CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, COMO VOCÊ ESTÃO TOMANDO A BEBIDA QUE AGRADA AO DIABO, ABRA-TE TEU OLHO IRMÃZINHA!!! E PARA DE DAR MAU TESTEMUNHO COMO O SUPOSTO “PASTOR CALEB” QUE DEMONSTROU SER UM CARA DE PAU E MANGUAÇEIRO, BOCA DE ALAMBIQUE,BARRIGA DE VINHO E DEGUSTADOR DO MAL VINHO DO INFERNO. VAMOS SE CONVERTER DE VERDADE MINHA GENTE.

  144. roberto disse:

    Lady kate e “pastor caleb”

    Eu, por exemplo, só tomo uma taça pequena de champagne para comemorar o ano novo com minha família. E só! DISSE A LADY KATE.

    JÁ TRABALHEI NUM TERREIRO DE UMBANDA, ANTES DE SE CONVERTER, A BEBIDA PREDILETA DA POMBA GIRA, É A CHAMPAGNE E VINHO, E CRENTINHOS DE MEIA TIGELA, COMO VOCÊ ESTÃO TOMANDO A BEBIDA QUE AGRADA AO DIABO, ABRA-TE TEU OLHO IRMÃZINHA!!! E PARA DE DAR MAU TESTEMUNHO COMO O SUPOSTO “PASTOR CALEB” QUE DEMONSTROU SER UM CARA DE PAU E MANGUAÇEIRO, BOCA DE ALAMBIQUE,BARRIGA DE VINHO E DEGUSTADOR DO MAL VINHO DO INFERNO. VAMOS SE CONVERTER DE VERDADE MINHA GENTE.

  145. CALEB disse:

    Pois é gente….conheço feitiçeiro, macumbeiro, idolatra e outros filhos de satanas que usam tenis, calça jens, vestido, cueca …então minha gente …VAMOS ANDAR PELADOS…pois os macumbeiros, feitiçeiros, idolatras e outros filhos de satanas usam essas coisas ….”que meda”….rss…

    Então..apartir de agora, ninguem usa metro, onibus e nao vao ao hospitais, pois esses lugares tambem sao usados pelos filhos das trevas….

    Eta , quanta religiosidade e farizaismo…

    Pastor Caleb.

    Ps: Nossa, como me divirto com esses religiosos e fariseus de plantao…kkkkkkkkkkkkkkk

  146. Lady Kate disse:

    Roberto,
    Me perdoe pelo que vou dizer, mas “santarrões” igual a você, eu já conheci muitos! Pessoas que são céleres para julgar, usam e desusam do evangelho de Cristo, para dar “bordoadas” nos outros!
    Não me venha com argumentos pífios, ainda mais usando costumes de outras religiões! Você sabia que eles também comem feijão e arroz com bife e salada? É… acho melhor vc deixar de comer esses alimentos, eles podem te contaminar, viu santinho?
    É um absurdo achar que um simples degustar de champagne, para acompanhar a família que está brindando unida o novo ano que chega, possa causar vício porque pessoas de outras religiôes também tomam essa bebida!!!
    Realmente, nesse arraial evangélico aparece cada figura!
    Tô bem acordada pra você!

  147. edr disse:

    É BEM ESSE O TRABALHO DE UM PASTOR FICAR SE DIVERTINDO E PERDENDO TEMPO NA INTERNET ENQUANTO AS ALMAS ESTÃO POR AÍ…. E AS OVELHAS COMO ANDA????? …. FALA SÉRIO SE TU É PASTOR MESO CISA DA QUAL EU DUVIDO MUITO….. É O DA PIOR ESPÉCIE, DAQUELES BEM MEDIOCRES….., E AINDA CHAMA OS OUTROS DE FARIZEU…..NÃO TENS ESPELHO EM CASA….????
    SABE O Q EU ACHO É SÓ UMA TEORIA, PELA AGRESSIVIDADE COM QUE TU FALAS DE IGREJAS COMO RENASCER,UNIVERSAL,E OUTRAS, ACHO QUE NA REALIDADE TENTASTES SER UM PASTOR EM TODAS ELAS MAS NÃO TE DEIXARAM, NÃO TE DERAM CRÉDITO, AÍ TE REVOLTASTES E TE ALTO DENOMINOU PASTOR, MAS NÃO PASSAS DE UM MANGUACEIRO DESOCUPADO, QUE PASSA O DIA NA INTERNET SE DIVERTINDO(PALAVRAS SUAS)!!!! PASTOR….. ESSA BOA…. TENHO PENA DE VOCÊ CHEGUEI A CONCLUSÃO QUE ÉS MAIS UM DESSES FRUSTRADOS, SÓ SABE CHINGAR MAS MUITO POUCO USA A BIBLIA PARA COMPROVAR O QUE FALAS, NÃO CONHECE DIREITO AQUILO QUE DEVERIA SER SUA ESPADA…., E O MELHOR QUE QNDO CONTESTADO POR DENTRO DAS ESCRITURAS NUNCA RESPONDES…, DEVE SER PORQUE NÃO TEM NADA Á DIZER PORQUE NÃO SABE O QUE DIZER….PELO MENOS ESTUDA MAIS UM POUUINHO DA PALAVRA PRA VER SE CONSEGUE CONVENSER-SE Á SI MESMO, POR QUE A MAIS NINGUÉM TU CONVENCES DE QUE ÉS UM PASTOR.
    TALVEZ AGORA TU ME DE ALGUMA RESPOSTA MAS TENTA USAR A BIBLIA…..

  148. Levi varela disse:

    Roberto,

    O mal não está na bebida que se toma nos cultos que você frequentava, sim a quem ele era dirigido ou a quantidade exagerada.

    Você talvez (veja que estou no campo da hipótese), deva ter usado uma cama para a prática do sexo fora do casmento. Para si livrar, você resolve amaldiçoar a cama, quando o erro é a sua desonestidade com um dos deveres do casamento. Piada: marido flagra a mulher o traindo no sofa, para matar o mal pela raiz tem uma ideia genial, qual seja, desfaz-se do sofá.

    José Adilson,

    Todas as enfermidades que você fez referência ocorrem quando do uso imoderado, pergunta ao teu médico, inclusive a quantidade que a ciência médica entende como não destrutiva, do contrário.

    Meu caro, se você tomar muita água em pouco tempo, também proporciona pressão elevada, pergunta ao teu médico ou faça uma experiência bebendo de um a dois litros em curto espaço de tempo.

  149. lucy mara braz disse:

    Não é de se admirar que tantas coisas estejam acontecendo no meio cristão , infelizmente o que temos visto são muitos simpatizantes do Envangelho e poucas conversões genuínas porém o Senhor já havia nos alertado sobre essas coisas e para aqueles que amam e seguem a palavra de Deus convém lembrar que no fim dos tempos muitos apostatarão da fé se inflamando em paixões humanas desprovidas do Amor de Deus,fica o alerta quem está de pé cuide para que não caia.
    E ELE CONSERVARÁ EM PAZ AQUELE CUJA MENTE ESTÁ FIRME EM TI,PORQUE ELE CONFIA EM TI. Isaía 26.3

  150. lucy mara braz disse:

    AO LER ALGUNS COMENTÁRIOS ME PREOCUPOU PERCEBER QUE FALTA ENTENDIMENTO PARA O POVO ACERCA DA PALAVRA DE DEUS,ONDE ESTÃO AS BASES BÍBLICAS SÓLIDAS QUE NÃO SE ESTRUTURAM NA TEORIA HUMANA PARA QUERER EXPLICAR ALGO DE QUE NÃO SE TEM CONHECIMENTO.JESUS TRANSFORMOU ÁGUA EM VINHO SIM E PARA INFORMAÇÃO DAQUELES QUE NEM SE DÃO AO TRABALHO DE LER MAIS PARA ARGUMENTAR,TRATA-SE DE VINHO NOVO QUE NÃO CONTÉM TEOR ALCOÓLICO POIS É PRECISO DE FERMENTAÇÃO PARA SE TONAR ALCOÓLICO O QUE NÃO FOI O CASO DE JESUS QUE TINHA ACABADO DE TRANSFORMAR A ÁGUA EM VINHO E PARA FERMENTAR É PRECISO DE TEMPO , JÁ OUVIRAM DIZER QUE QUANTO MAIS VELHO O VINHO MAIS FERMENTANTADO FICA .LER A BÍBLIA APENAS NÃO É SUFICIENTE ,É PRECISO TER UMA RELAÇÃO COM O SEU CRIADOR E ISTO SÓ É POSSÍVIEL ATRAVÉS DE JESUS. NÃO SE LIMITA A TEORIAS FUNDADAS NA RAZÃO HUMANA E DESDE QUANDO A MENTE HUMANA SERVE DE GUIA PARA UMA VIDA CORRETA É SÓ OLHAR PARA O MUNDO E VER QUE O HOMEM SEM DEUS SE DESESPERA.

    CONHEÇAMOS E PROSSIGAMOS EM CONHECER O SENHOR.OSÉIAS 6.3A

  151. IURY RANGEL disse:

    Está havendo algum poblema no site? Há comentários aguardando moderação desde ontem…

  152. Pr. Reinaldo disse:

    Olha, já pensou se alguem de sua igreja passa perto de um bar e voce está lá bebendo algo junto com aquele monte de pessoas bebadas?
    voce está dando digamos um mal testemunho.
    não que eu seja contra ir no bar e pregar para aqueles que estão lá.
    Em 1Corintios 9:20_23 paulo diz “Fiz-me judeu para ganhar os Judeus, para os que estão debaixo da lei, como se estivera debaixo da lei, para ganhar os que estão debaixo da lei.
    para os que estão sem lei, como se estivera sem lei, para ganhar os que estão sem lei.
    Fiz-me fraco para os fracos, para ganhar os fracos. Fiz-me tudo para todos, para, por todos os meios, chegar a salvar alguns”…
    Então não sou contra ir ao bar pregar para aqueles que estão lá, mas sim de tomar a cerveja que eles estão tomando..
    Querendo ou não somos representantes do reino de Deus, temos que dar testemunho disso.

    Ps. Pregar para crente dentro da igreja é fácil, agora se todos forem assim quem vai pregar para aqueles que vivem dentro de bares, biqueiras de dorgas etc…???
    alguem tem que ir levar o evangélho a eles, pois somos chamados para isso, e esta é nossa obrigação…

  153. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão Levi Varela, graça e paz!

    Brincadeira, meu caro, mas realmente sua interpretação de alguns versículos bíblicos sobre bebida alcoólica é no mínimo sofrível! Sua explicação baseada em 1Timóteo 3.3 foi, de fato, equivocada. Primeiramente, o vernáculo usado no texto daria margem para uma série de interpretações. Isto porque a expressão “ser dado” na língua portuguesa pode significar “se doar”, “ser atraído”, “ser habituado”, etc. Além disso, quando se interpreta um texto bíblico que contém uma expressão portuguesa que pode ser entendida de várias formas, o mínimo que se espera é uma explicação clara e coerente fundamentada no original grego. Pois bem, a expressão “ser dado ao vinho” em 1Timóteo 3.3 traduz a expressão grega “me paroinon”, formada de “me”, que significa “não” e “paroinon”, que significa literalmente “ao lado do vinho” ou “com vinho”. Paulo estava dizendo que os bispos não deveriam “estar ao lado do vinho”. Noutras palavras, os líderes da igreja foram exortados a não ingerir bebida alcoólica, nem “moderadamente”.

    É brincadeira também, meu caro, a incoerência e contradição dos argumentos das pessoas que tentam achar base bíblica para o uso de bebida alcoólica. Você, por exemplo, defende que é permitido o uso moderado de vinho, mas, ao mesmo tempo, afirma que a bebida transformada por Jesus em Caná da Galiléia era vinho alcoólico. Ora, mesmo que Jesus permitisse o consumo moderado de bebida alcoólica, a última coisa que Ele pensaria em fazer naquela festa seria dar mais vinho alcoólico para as pessoas. A Bíblia relata que àquela altura da festa todos já haviam “bebida bem” (Jo 2.10). Se algumas pessoas daquela festa já tinham consumido bastante bebida alcoólica, como é que Jesus forneceu mais bebida alcoólica para elas?! Ué, cadê a moderação?! Se Jesus fornecesse bebida alcoólica àquelas pessoas, mesmo sabendo que já tinham “bebido bem”, estaria compactuando com a embriaguez, o que é totalmente impossível, pois nosso Salvador conhecia a recomendação do profeta Habacuque: “Ai daquele que dá de beber ao seu companheiro! Tu, que lhe chegas o teu odre e o embebedas, para ver a sua nudez” (Hc 2.15).

    Outra brincadeira sua é afirmar que o vinho da Santa Ceia era fermentado. A Lei proibia o consumo de qualquer coisa fermentada na Páscoa (Ex 12.20). O fermento era proibido, pois era símbolo de corrupção. Sendo assim, afirmar que o vinho da Santa Ceia possuía algum teor alcoólico é a mesma coisa que dizer que o sangue de Jesus possui algum teor de corrupção (1Pe 1.19).

    Outra brincadeira sua é citar trechos do Antigo Testamento que aparentemente permitem o consumo de bebida alcoólica, mas, ao mesmo tempo, ignorar as claras recomendações de abstinência para os líderes religiosos (sacerdotes – Lv 10.9), civis (reis – Pv 31.4), além daqueles que mantinham algum tipo de voto com Deus (nazireus – Nm 6.3). E ainda tem coragem de dizer que tais recomendações eram por causa do constante serviço que eles estavam envolvidos, como se nosso sacerdócio real também não nos obrigasse a estar constantemente preparados para prestar serviços ao Reino de Deus.

    É brincadeira também, meu caro, ler a recomendação do sábio de que não era próprio aos reis e príncipes consumir bebida alcoólica (Pv 31.4 – mais um versículo que inclui o consumo “moderado”) e, ainda assim, afirmar que o REIS DOS REIS ingeriu vinho fermentado.

    É brincadeira também, meu caro, lembrar que nosso Deus não se deixa escarnecer (Gl 6.7) e, ainda assim, dizer que Ele permite que seu povo consuma algo que Ele mesmo chamou de “escarnecedor” (Pv 20.1).

    Outra brincadeira dos que defendem o uso moderado de vinho é dizer que os que ensinam que Jesus não consumia bebida alcoólica são fariseus, quando, na verdade, a Bíblia afirma justamente o oposto. Foram os fariseus que chamaram Jesus de “comilão e bebedor de vinho” (Lc 7.34). Jesus, em momento algum, afirmou que consumia bebida alcoólica. Ele simplesmente disse que mantinha hábitos alimentares comuns, ao contrário de João Batista. Foram os fariseus, que gostavam muito de aumentar as coisas, assim como fizeram no Sinédrio (Mt 26.54-56), que o acusaram de ser bebedor de vinho, uma óbvia tentativa de desmoralizá-lo diante de seus seguidores.

    E a brincadeira continua, meu caro, alguns ainda tentam afirmar que os servos de Deus do Novo Testamento consumiam bebida alcoólica. Ora, no dia de Pentecostes, alguns judeus até zombaram dos discípulos dizendo: “Estão cheios de mosto” (At 2.13). “Mosto”, de acordo com o original grego, refere-se ao suco recentemente extraído da uva (jamais se refere a bebida fermentada, na Bíblia). Eles sabiam que os seguidores de Jesus não tinham o hábito de beber vinho alcoólico e, por isso, ironizaram este fato supondo que estivessem embriagados com suco de uva não fermentado.

    Tomar 1Timóteo 5.23 como base para liberar o consumo moderado de álcool é uma piada, meu caro! O texto subentende justamente o contrário. Se Timóteo tivesse o hábito de consumir vinho alcoólico, não haveria a necessidade de Paulo recomendar o uso de “um pouco de vinho” para fins medicinais. Embora saibamos que toda regra tem sua exceção, o “oinos” citado por Paulo pode perfeitamente se referir ao suco de uva não fermentado. Ateneu e Plínio, cientistas do primeiro século, já recomendavam o uso de suco de uva não fermentado para problemas estomacais (História Natural – 14.12).

    É brincadeira também, meu caro, dizer que Deus recomenda o uso de vinho alcoólico de forma “responsável”, “controlada” e “moderada” se Ele sabe muito bem que a primeira faculdade mental afetada pelo álcool é a capacidade crítica. Isto significa que o primeiro efeito do álcool é justamente fazer com que a pessoa não tenha bom senso para refletir, inclusive a respeito da hora de parar de beber…

    Mas a pior das brincadeiras é afirmar categoricamente que a Bíblia não recomenda em lugar algum a abstinência de bebida alcoólica quando, na verdade, soa o alerta de Salomão: “NÃO OLHES PARA O VINHO, quando se mostra vermelho, quando resplandece no copo e se escoa suavemente. No seu fim, morderá como a cobra e, como o basilisco, picará” (Pv 23.31,32). Nesse texto, Salomão orienta que não somente evitemos a embriaguez, mas que também não desejemos ingerir bebida alcoólica. Ele diz que no fim a bebida morderá como a cobra. A cobra é traiçoeira e ataca quando você menos espera. Assim é a bebida. Quem pensa poder beber moderadamente, quando menos esperar estará tão envolvido pela bebida que não conseguirá parar e evitar a embriaguez.

    Só pode ser uma brincadeira realmente algumas coisas que eu tenho lido neste site por parte daqueles que querem incentivar o uso de bebida alcoólica. Isso não parece um debate teológico, mas sim um discipulado para novos convertidos. Já disseram que Jesus se casou com Maria Madalena; depois disseram que Ele tinha um relacionamento homossexual com João; e agora querem dizer que o Messias era chegado num “goro”. No andar da carruagem, daqui a pouco vão dizer que o crente pode usar drogas, ter várias mulheres, relacionar-se sexualmente antes do casamento, etc.

    Não é brincadeira não!!!!!!!!!!!!!!

    Maranata, ora vem Senhor Jesus!!!

  154. Junior disse:

    fumar maconha é errado/pecado?
    até agora os doutos não me responderam.

  155. henrjk disse:

    Yuri

    Todos o textos que você citou é um conselho e não um mandamento.
    Os conselhos que se nos dão é uma cautela.
    A questão é:
    “Existe pecado?” – Trata-se de um pergunta objetiva que merece uma resposta tambem objetiva.

    Hábito segnifica algo costumeiro e não está ligado a algo moderado ou a algo ocasional.
    Tudo que é costumeiro é pontual e se é pontual chega-se a conclusão que é algo “dado” a alguma coisa, que sempre “anda ao lado” dessa coisa.

    Embora o NT tenha sido escrito em “grego”, devemos entendê-lo como se escrito em “hebraico” porque quem os escreveu eram hebreus e tinham seus costumes e seus pensamentos ligados a sua cultura, portanto toda a sua expressividade é pela cultura hebraica.

    Sobre o fermento, trata-se do fermento da massa.
    A massa cresce, mais é enganosa na sua aparência pelo seu tamanho.

    De minha parte não incentivo ninguem a beber qualquer bebida alcóolica, eu respondo por mim mesmo e sei limito bastante meus atos a ponto de nunca deixar-me vencer pelo vício ou pelo e pelo hábito.

    O churrasco é até interessante, mas até isso eu controlo para apenas me alimentar e não para diversão, pois o que passar disso é pecado.
    A respeito do refrigerante, basta ver como é produzido para notar o quanto ele maléfico para nossa saúde.

    Eu acompanho o Apóstolo Paulo quando ele diz que todas as coisas lhe são lícitas e nem todas lhe convem.

  156. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Eu, sinceramente, não vejo diferença alguma entre os conselhos do Senhor e seus mandamentos! Rebelar-se contra a Palavra de Deus e desprezar o conselho do Altíssimo é a mesma coisa (Salmos 107.11), logo ambos podem ser classificados como pecado. Devo ressaltar que para sermos recebidos na Glória é requisito fundamental seguir os conselhos do Senhor: “Guiar-me-ás com o teu conselho e, depois, me receberás em glória” (Sl 73.24).

    Ademais, irmão henrjk, sua alegação de que “devemos entender o NT como se escrito em hebraico porque quem o escreveu eram hebreus e tinham seus costumes e seus pensamentos ligados a sua cultura” é totalmente descabida. Em primeiro lugar, há séculos antes de Cristo os judeus já haviam sido enormemente afetados pelo helenismo, isto é, cultura grega. Além disso, o irmão deve lembrar que os escritores podiam ser hebreus, mas seus leitores não o eram. Como Paulo iria dissertar tomando como base apenas a cultura hebraica, se seus leitores, como Timóteo e a igreja por ele pastoreada, a saber, Éfeso, estavam acostumados com uma cultura totalmente diferente. O NT foi escrito em grego “Koiné”, para pessoas que entendiam este idioma. O termo que citei (“me paroinon”) não dá base alguma para traduzirmos como algo habitual. O texto não fala de “estar SEMPRE com vinho”, o texto fala de “estar com vinho”. O “sempre” tiraria totalmente o sentido do que disse o apóstolo. Paulo está sendo coerente com os mandamentos expressos de Deus aos líderes civis e religiosos do Antigo Testamento. Sabendo que o trabalho do Bispo é muito mais amplo e requisitado, ele está ordenando a abstinência total de bebida alcoólica.

    A respeito da Santa Ceia, dispensa discussão. Os escritores chamam “fruto da vide”, óbvia referência ao suco da uva não fermentado. A Lei não especifica massa, antes falar de “qualquer coisa levedada” (Êx 12.20). A palavra hebraica para fermento era “seor”, palavra que indica qualquer tipo de agente fermentador, seja em alimentos sólidos ou em bebidas. Volto a questionar: como é que o sangue incontaminado de Jesus seria representado por uma bebida fermentada, se o seu corpo puro teve que ser simbolizado por um pão sem fermento?! Além disso, certos documentos judaicos afirmam que o vinho usado pelos cristãos na Páscoa não era fermentado. Pesquise: “JESUS” – The Jewish Encyclopedia, edição de 1904. V 165. Paulo determinou que os coríntios tirassem dentre eles o fermento espiritual, i.e., o agente fermentador “da maldade e da malícia”, porque Cristo é a nossa Páscoa (1Co 5.6-7). Seria contraditório usar na Ceia do Senhor um símbolo da maldade, isto é, algo contendo levedura ou fermento, se considerarmos os objetivos dessa ordenança do Senhor, bem como as exigências bíblicas para dela participarmos.

    Que bom que o irmão não incentiva ninguém a beber qualquer coisa alcoólica, mas o fato é que Deus também não recomenda. E se Deus nos dá este “conselho” já nos é o suficiente para entendermos como um dever, pois Ele é o nosso Senhor e Dono (1Co 6.19,20).

    Também concordo com você e fico com o Apóstolo Paulo. E, por isso mesmo, é que devemos nos comprometer a “falar o que CONVÉM a sã doutrina” (Tt 2.1).

    Que Deus o abençoe poderosamente!!!

  157. roberto disse:

    CALEB / Lady Kate

    Voces são pobres de espírito, primeiro fazem comparações absurdas.

    Lady Kate- Me perdoe pelo que vou dizer, mas “santarrões” igual a você, eu já conheci muitos!

    Não me venha com argumentos pífios, ainda mais usando costumes de outras religiões! Você sabia que eles também comem feijão e arroz com bife e salada? É… acho melhor vc deixar de comer esses alimentos, eles podem te contaminar, viu santinho?

    ROBERTO DIZ: DEIXA SER IGNORANTE! ESTAMOS FALANDO DE BEBIDA ALCÓOLICA E NÃO ALIMENTOS.VEJO QUE VOCE NÃO TEM UM PINGO DE CAPACIDADE DE ARGUMENTAR SOBRE O ASSUNTO, VOCE E O SUPOSTO PASTOR CALEBE DÃO UM BOM PAR DE BEBUM. OUTRA COISA, VOCE ME JULGOU DIZENDO QUE SOU SANTARRÃO.VOCE ME CONHECE? É DEUS PARA VER O QUE FAÇO NO DIA A DIA? A BÍLBIA DIZ: (LUCAS 6:37 )NÃO JULGUEIS PARA QUE NÃO SEJAIS JULGADOS. A BÍBLIA DIZ: 2 Coríntios 6:17 Por isso, retirai-vos do meio deles, separai-vos, diz o Senhor; não toqueis em coisas impuras; e eu vos receberei,- É NO SENTIDO ESPIRITUAL VIU IRMÃNZINHA – VÊ SE ENTENDE O QUE A BÍBLIA DIZ E NÃO FICA FALANDO BESTEROL – TENHA SÓ UM POUQUINHO MAIS DE INTELIGÊNCIA. EU TE FAÇO UMA PERGUNTA: A BEBIDA ALCÓOLICA É PURA – SÓ SE FOR PURA PARA O CAPETA NÉ???????

    CELBE – Pois é gente….conheço feitiçeiro, macumbeiro, idolatra e outros filhos de satanas que usam tenis, calça jens, vestido, cueca …então minha gente …VAMOS ANDAR PELADOS…pois os macumbeiros, feitiçeiros, idolatras e outros filhos de satanas usam essas coisas ….”que meda”….rss…

    BOBERTO DIZ: QUANTA IGNORÂNCIA – RAPAZ JÁ VI QUE VOCE É UM PASTOR DE ARAQUE – OLHA A COMPARAÇÃO QUE FIZESTES, ESTAMOS FALANDO DE BEBIDA ALCÓOLICA, QUE A BÍBLIA CONDENA – VAI SER UM POUQUINHO MAIS INTELIGENTE – VOCE E A TAL DE LADY CATE DÃO UM PAR E TANTO.RSRSRSRSRS

  158. CALEB disse:

    Junior disse:

    fumar maconha é errado/pecado?
    até agora os doutos não me responderam.

    Olha Junior, esta mais que comprovado que o uso da planta da maconha em certos doentes terminais, como cancer, entre outras enfermidades…ajudam a aliviar a dor dessas pessoas.

    Pastor Caleb.

    PS- Nossa, como adoro escandalizar esses farizeus e religiosos de plantao…e muito divertido arrancar as mascaras desses falsos moralistas e falsos crentes….kkkkkkkk

  159. CALEB disse:

    Bem meus amados irmaos e irmas em Cristo, fim de semana chegando e alem da programacao de domingo na Igreja, que sera uma bencao, no Sabado, amanha, estarei com a minha familia curtindo uma bela praia e almocando um churrasco, e estarei, logo a mais a noite, dentro do mercado Extra comprando carvao, alcool..( para acendcer o churrasco..rss..) picanha, frango, linguica, e claro…claro…um delicioso vinho frances suave para acompanhar esse churras…olha amados, acho que vou falar ate em linguas de tanta bencao viu.

    Aproveitem bem o seu fim de semana com sua familia e seus amados eque voce tenham um excelente fim de semana e um culto aben;oadissimo no domingo….Deus abencoe a todos.

    Pastor Caleb.

  160. henrjk disse:

    Yuri

    Eu não questiono sobre a ceia, mas se levarmos tudo de acordo, então o pão que se serve na ceia nos dias de hoje deviam sem fermento.
    Se o suco da uva representa o sangue sem mácula, o pão tambem deveria representar o corpo de Cristo sem inchações(o efeito do fermento).
    Nisso a igreja hoje não pratica nas suas ceias.

    Eu não posso concordar que eu deva ter uma visão grega do NT quando os seus autores eram judeus e seguiam uma cultura judaica e viviam o judaísmo.
    Embora os gregos houvessem dominado aquela região, não significa que os judeus foram todos helenizados.
    Flávio Josefo indica-nos que havia um sério problema de relacionamento entre os judeus e os helenizados.
    Pode até ser que os saduceus tenham sido um pouco influenciados, mas os fariseus não o foram.

    Os primeiros cristão eram judeus e viviam uma realidade que era própria do seu povo.

    Se Deus considera pecado beber vinho, como seria a interpretação do texto de Deuteronômio 14:

    “14.26 E aquele dinheiro darás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, e por ovelhas, e por vinho, e por bebida forte, e por tudo o que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e alegra-te, tu e a tua casa;”

    O voto do Nazireu em Números 6.1-4:

    “1 – E falou o SENHOR a Moisés, dizendo:
    2 – Fala aos filhos de Israel e dize-lhes: Quando um homem ou mulher se tiver separado, fazendo voto de nazireu, para se separar para o SENHOR,
    3 – de vinho e de bebida forte se apartará; vinagre de vinho ou vinagre de bebida forte não beberá; nem beberá alguma beberagem de uvas; nem uvas frescas nem secas comerá.
    4 – Todos os dias do seu nazireado, não comerá de coisa alguma que se faz da vinha, desde os caroços até às cascas.”

    Após o cumprimento do nazireado em Números 6. 20-21:

    “20 – E o sacerdote os moverá, em oferta de movimento, perante o SENHOR; isto é santo para o sacerdote, juntamente com o peito da oferta de movimento e com a espádua da oferta alçada; e, depois, o nazireu pode beber vinho.
    21 – Esta é a lei do nazireu que fizer voto da sua oferta ao SENHOR pelo seu nazireado, além do que alcançar a sua mão; segundo o seu voto, que fizer, assim fará conforme a lei do seu nazireado.”

    Conforme a Lei Mosáica, Cristo não era nazireu e como você afirmou que o “vinho”(OINOS) era tanto para suco da uva como para vinho fermentado, não posso afirmar que Jesus só bebeu suco de uva ou tomava vinho visto que os fariseus o acusavam de comilão e beberrão.
    Talvez a acusação seja porque ele comia com pecadores(faltosos) e ímpios(talvez estrangeiros), algo que um judeu não faria.

    Portanto a questão que ora perdura é:

    “Deus considera pecado beber alguma bebida alcóolica e neste caso o Vinho?

  161. Georges disse:

    Atos 15:
    28 Porque pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor maior encargo além destas coisas necessárias:
    29 Que vos abstenhais das coisas sacrificadas aos ídolos, e do sangue, e da carne sufocada, e da prostituição; e destas coisas fareis bem de vos guardar. Bem vos vá.

  162. FRANK disse:

    RESUMINDO….OS EVANGÉLICOS NÃO CHEGARAM A UMA CONCLUSÃO SOBRE ESSE TEMA.

  163. Lady Kate disse:

    Roberto,
    Você é uma piada!
    Fala de mim, mas não sabe nem escrever!
    Vou repetir novamente o que já escrevi!
    Eu não gosto de bebida alcóolica e aconselhei a todos para que não BEBAM!
    EU VOU DIZER AGORA O QUE ACONTECE DE VERDADE, EU MOLHO OS LÁBIOS NUMA TAÇA DE CHAMPAGNE PARA ACOMPANHAR MEUS IRMÃOS, CUNHADAS E OUTROS FAMILIARES NUM BRINDE DE FELIZ ANO NOVO!!! ISSO ACONTECE UMA VEIZINHA SÓ AO ANO, E NÃO É NUM BAR, MUITO MENOS EM CASA DE MACUMBA!

    ALIÁS, NUNCA FREQUENTEI UM TERREIRO, NEM SEI O QUE FAZEM LÁ!

    VÁ FAZER O MOBRAL AO INVÉS DE QUERER DAR LIÇÃO DE MORAL NOS OUTROS, SÔ! VOCÊ TAMBÉM NÃO ME CONHECE, SEU JULGADOR DE ARAQUE!

  164. Manoel Lázaro S. Carneiro disse:

    Vejamos o que disse Jesus:”E disse-lhes; Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura”. (Marcos 16.15) Pregar o evangelho em todo o mundo significa que pode ser em qualquer lugar, seja num Bar,ou Boate, Prostibulo, ou em qualquer outro lugar da terra. Contudo uma coisa é pregar o Evangelho num bar, outra coisa é sentar num bar para tomar uma cerveja ou qualquer outra bebida alcolica. Paulo disse: “Todas as coisas me são licitas, mas nem todas as coisas me convém” (1Co 6.12). A verdade é que precisamos urgentemente ensinar crentes a serem verdadeiros adoradores.

  165. Caroline de Manaus disse:

    Sinceramente…to vendo um monte de gente aqui querendo só um pretexto pra encher a cara…cruzes!!!! Depois o cara apronta uma e depois diz que s[o fez porque bebeu!!!! Bebidas Alcólicas, drogas e outras são portas pro Diabo fazer de vc o que bem quiser.

  166. roberto disse:

    CAROLINE PARABÉNS PRA VOCE

    PORQUE A Lady Kate É UMA OTÁRIA, NEM ME CONHECE E FALA QUE EU TENHO QUE FAZER O MOBRAL,PIOR É VOCE QUE FICA TOMANDO A BEBIDA PREDILETA DA POMGA GIRA. QUEIMA ELA JESUS!!!!!!!!!”!!!!

  167. fardinan disse:

    paz de DEUS para todos olha sobre a questão se o crente pode beber ou não, olha a minha idéia que tirei da conclusão da bíblia é não, Porque?????? porque a bíblia fala em 1-timóteo 3;3 fala não dado ao vinho amém então não podemos beber ok??? mas voce pode estar a pensar há isso é só para os ministros da palavra. Não irmãos é para todos,JESUS nos deixou um mandamento novo ide por todo o mundo e pregai o evangelho a toda a criatura amém!.. então se tu um dia aceitas-te a JESUS na tua vida tornaste-te um pregador do evangelho.
    entao se és um pregador do evangelho de CRISTO não podes te dar ao vinho como diz as escrituras santas.
    irmãos vamos dar bom testemunho de CRISTO.
    HÁ a cerca de jesus transformar agua em vinho é só para lembrar que o povo de Israel não comia nem bebia nada fomentado amém… é que o vinho dos israelitas não era fomentado.. e o de hoje é fomentado. amem!!!!!!!!!!!……..
    PAZ SEJA CONVOSCO

  168. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão henrjk, graça e paz!

    Sua observação de que o pão servido na Santa Ceia atualmente deveria ser sem fermento é correta. Não pense que discordo de você! É absolutamente coerente defender o uso do pão asmo na Ceia junto com o suco de uva não-fermentado. Isto concorda com a ortodoxia cristã. Contudo, o uso de pão fermentado não oferece riscos a ninguém, já o vinho alcoólico pode servir como uma grande pedra de tropeço àquelas pessoas recém-convertidas e que tenham um passado problemático pelo uso de bebida alcoólica. Talvez por isso, é que muitos pastores fazem questão de usar suco de uva, mas não têm o mesmo cuidado em usar o pão sem fermento. Entretanto, o ideal é realmente usar pães asmos e suco de uva não-fermentado.

    Quanto a sua colocação de que devemos ter uma visão hebraica do Novo Testamento, mais uma vez discordo. O próprio Paulo disse que se “fazia de judeu para ganhar os judeus”, mas também se fazia de “sem Lei para ganhar os que estão sem Lei” (1Co 9.20,21). Além disso, sua afirmação de que os primeiros cristãos eram judeus é incompleta. O NT cobre um período que vai até por volta do ano 90 d.C (ano em que foi escrito o Apocalipse). Neste período, o Evangelho já havia se expandido por boa parte do mundo conhecido. A Palavra já havia chegado a gentios de toda parte (romanos, gregos, etíopes, etc.). Sendo assim, para interpretar corretamente qualquer texto do Novo Testamento, é preciso entender o contexto histórico e cultural de cada região mencionada. Para uma exegese e hermenêutica segura é indispensável o correto entendimento dos originais gregos.

    O irmão novamente me convidou a interpretar Deuteronômio 14. Antes de tecer qualquer comentário, gostaria de fazer uma observação: é interessante como as pessoas adoram fazer um uso totalmente incorreto da Lei de Moisés. Quando querem permitir algo que a Lei Mosaica proíbe, dizem que a Lei passou. Mas quando querem encontrar base para uma prática reprovada pelo contexto geral das Escrituras, recorrem à Lei. Quanta incoerência!

    Pois bem, amado henrjk, a mesma Lei que permitia o uso de vinho alcoólico nas festas, era a mesma que permitia a bigamia (um homem casar com duas mulheres), a vingança (Lei de Talião: “olho por olho, dente por dente”), a escravidão, o ódio aos inimigos, a pouca valorização das mulheres, etc. E por que permitia? Por causa da pobreza espiritual do povo judeu. Os judeus comuns não tinham um profundo relacionamento com Deus, pouco conheciam a graça de Deus, não tinham uma vida plena da presença do Espírito Santo, etc. Pedir para um povo nessas condições perdoar seus inimigos, era exigir demais, pois é o Espírito Santo quem opera isto em nossos corações, ação esta que só pode ser plenamente realizada no Novo Testamento, após a glorificação de Jesus. Desta forma, Deus sabia que nessas condições o povo comum não conseguiria atender aos altos padrões morais da vontade de Deus. Porém, aos sacerdotes, levitas, reis, nazireus, etc. as exigências eram maiores. Como tais pessoas tinham condição de manter um relacionamento mais profundo com Deus e Seu Santo Espírito, Deus lhes impunha mandamentos e ordenanças que somente eles, no grau de espiritualidade que detinham, poderiam obedecer, dentre eles está a abstenção de vinho.

    Vinho era símbolo de alegria e como a maioria dos judeus não tinha dentro de si a permanente presença do Espírito Santo, cujo fruto é alegria (Gl 5.22), a bebida era uma das únicas formas de eles se alegrarem nas festas religiosas. Da mesma forma, como conseguiriam, sem ter o Espírito Santo, dar a outra face quando atacado por um inimigo (Mt 5.38,39)? Provérbios, que é um livro de sabedoria divina e que não estava preso à Lei de Moisés, começou a falar de perdão (Pv 24.17) e benignidade (Pv 25,21) porque este era o padrão moral estabelecido por Deus, mas que infelizmente os judeus ainda não tinham plena condição de cumprir. Com este mesmo pensamento é que o sábio escritor de Provérbios também começou a falar de abstenção de bebida alcoólica (Pv 20.1; 23.31). Esse era o padrão moral determinado por Deus!

    Porém, os tempos mudaram. Hoje vivemos na dispensação do Espírito Santo. Nós hoje podemos desfrutar de uma espiritualidade jamais experimentada no Antigo Testamento. E, por isso, hoje, Deus pode exigir que nós perdoemos nossos inimigos, não nos vinguemos daqueles que nos causam danos, não submetamos nenhum semelhante à condição de escravo, nos abstenhamos de bebida alcoólica, etc. Em nosso coração temos uma fonte inesgotável de amor para perdoar, de benignidade para fazer o bem àqueles que nos fazem mal e de alegria para nos regozijarmos com nossa família, amigos e irmãos sem precisar de uma gota de álcool.

    Despeço-me dizendo: “NÃO OLHES PARA O VINHO…” (Pv 23.31).

    Que Deus o abençoe poderosamente!!!

  169. CALEB disse:

    Ola mamados irmãos em cristo e olá tambem para os fariseus, para os religiosos, para os falsos moralistas de plantão.

    Leiam Isaisas capitulo 25.

    E todos voces verão que o Senhor Nosso Deus, nos fala que nos abençoará com varios vinhos deliciosos e maravilhosos.

    Pastor Caleb

  170. edr disse:

    Caleb cachaceiro…. bebum….pinguço…..gambá….. qualquer coisa menos pastor!!!!!

  171. henrjk disse:

    Yuri

    Creio que o teor alcóolico dos vinhos daquela época não seja igual aos de hoje.
    O que mantém um vinho, considerado alcóolico, doce seria a presença do açucar neste mesmo vinho. Não se trata aqui de um açucar colocado, mas da própria uva. Se o vinho se mostrava doce naquela época, embora com um pouco de álcool, é porque o açucar não se transformou em álcool.
    Há cerca de três anos adiquiri, de um conhecido judeu, uma garrafa de vinho trazida de Israel com teor alcóolico de 3°(metade da cerveja). Era doce e para embriagar dever-se-ia beber em grande quantidade e por isso afirmo que o teor de alcool deveria ser baixo devido ao corte da fermentação através da fervura.
    Hoje o que se faz, no meu entendimento, é um culto ao vinho. Seus teores hoje são muito elevados e o doce característico sumiu e os que se apresentam doce o são por acréscimo de sacarose.
    O motivo desse acréscimo talvez seja que as uvas não são suficientemente doces e que nem para geléia seviriam se não houver acréscimo do açucar.

    Sobre “Uma visão hebraica”, transcrevo parte do que escreveu André Chouraqui no livro “Lucas(O Evangelho Segundo Lucas) no que eu concordo e talvez seja melhor entendido:

    “Diante do Novo Testamento, o intérprete se depara com uma música cuja partitura original teria sido perdida. Esquecida, ela precisa, hoje, ser reencontrada. Jesus – na verdade, ele se chamava Iéshoua’ -, como seus companheiros , vivia, falava, pensava em hebraico e aramaico. Os evangelistas , os apóstolos , mesmo quando escreviam diretamente em grego, pensavam como semitas. Para conhecê-los – eles e não a idéia que, algumas vezes, o Ocidente criou deles – é preciso distanciar-se do texto grego – o único entretanto confiável – para então encontrar, selados em suas profundezas, seus reais significados.
    Recuperar, sob o vocábulo grego, o hebraico ou o aramaico e o exato sentido que ele expressava, restituir a idéia a seu contexto semântico, o fato descrito em suas realidades históricas, com frequência esquecidas, eis nosso método de leitura e, portanto, de tradução do Novo Testamento. Ele permite uma aqueologia do texto que se nos apresenta, então, em seu rigor original, como um pacto ainda novo.”

    Quanto ao início da igreja, eu ainda acredito que ela era composta por primeiramente por judeus e com uma tímida quantidade de gentios, isto até o ano 70, quando do cerco romano a Jerusalem.
    A partir daí acredito que a expansão foi como um relâmpago devido muito às perseguições sofridas por aqueles primeiros crentes e a ação do Apóstolo Paulo.
    As investidas dos judaizantes dá uma demonstração de que a predominância era de judeus e que para defender os gentios que entravam para igreja(pois eles estavam) foi necessário um concílio para defendê-los porque eram minoria e não possuiam nenhum poder de influência, a não ser o amor,o carinho e a compreensão dos apóstolos pelas angústias e indecisão deles diante dos judaizantes.

    Quanto a “1Co 9.20,21” que você citou, tenho um certo cuidado porque ele é muito mal-interpretado e leva pessoas a pensarem que podem fazer absurdos para evangelizar.

    Eu quero que entenda que não estou defendendo o livre acesso a qualquer bebida alcóolica, mas a minha não-concordância em se afirmar ser pecado.

    O link abaixo é muito interessante e concordo com o autor e talvez seja o que sempre pensei sobre vinho(é só acrescentar um w):

    ww.monergismo.com/textos/etica_crista/vinho_escritura_macarthur.pdf

    Na Paz do Senhor

  172. Anônimo disse:

    Silas Malacheia

  173. IURY RANGEL disse:

    Amado irmão, henrjk, graça e paz!

    Muito obrigado pelo link que me enviaste! Embora não concorde com a afirmação de que “a bebida não está proibida na Bíblia em termos absolutos”, tendo em vista a clara declaração do sábio em Provérbios 23.31, o conteúdo do artigo é, até certo ponto, proveitoso. Devemos, no entanto, ter um conceito mais claro a respeito do que é pecado. No original grego, a palavra pecado traduz o termo “hamartia”, que significa literalmente “errar o alvo”. Nosso “alvo” na vida terrena é fazer tudo o que agrada a Deus e que siga o padrão moral por ele estabelecido (1Co 6.20; Cl 3.17; Gl 2.20). Qualquer coisa que fuja deste objetivo pode ser classificado como pecado. Assim sendo, passamos a entender que pecado não é apenas uma simples desobediência a um mandamento bíblico, mas sim qualquer atitude que nos induza a errar nosso alvo, ou seja, que nos leve a desagradar a Deus.

    Percebemos ao longo de toda a Bíblia que a abstinência de bebida alcoólica é a vontade de Deus. Como já expliquei, em algumas ocasiões, Deus permitiu o uso de vinho alcoólico por vários motivos que já citei. Mas, como demonstram as recomendações aos sacerdotes, nazireus, reis, bispos e aos sábios, o padrão de Deus era que todos se abstivessem de qualquer bebida alcoólica. Segundo a Bíblia, a bebida (não a embriaguez) é escarnecedora e traiçoeira (Pv 20.1; 23.32). O álcool é “sutil” (árabe) e engana. A bebida tira a sobriedade (mesmo em poucas quantidades) e causa escândalo. Com todas essas declarações bíblicas e científicas só podemos chegar à conclusão de que a ingestão de bebida alcoólica não agrada a Deus. Não é o seu padrão. Induz-nos a “errar o alvo”. Então, é pecado!

    Tomo a liberdade também de recomendar o link abaixo para sua pesquisa. Esse artigo também reflete boa parte do que penso a respeito de ingestão de bebida alcoólica na Bíblia.

    Que Deus o abençoe poderosamente!

  174. CALEB disse:

    Eu adoro desmoralizar esses religiosos, fariseus, hipocritas , falsos moralistas de plantão…..kkkkkk

    Pastor Caleb.

  175. Roberto disse:

    Todas as coisas me são lícitas,mas nem todas me convém,disse Paulo.Sei que posso beber,mas prefiro não dar brecha para o mal entrar.Se alguém for como Jesus e conseguir beber vinho e permanecer sóbrio e com o pensamento puro,então BEBA!

  176. Dionea disse:

    Olá, amigo! Nem se compara o vinho de Jesus com o vinho de hj. Concordo absolutamente, com seu comentário. A bíblia, ñ condena nada. Fica na conciênçia de cada um. Incluse, ela diz: Posso todas as coisa, mais nem todas me são lícitas. Se a pessoa, é um doente e já existe na família histórias de alcolismo, ela deve evitar. Não correr o risco.A bíblia condena a embriaguês. Como ñ sei, se tenho esse problema, e para ñ escandalizar meu próximo, prefiro fugir da tentação. E quanto a uso e costumes, o nosso país tem o dele. E cada um é livre para fazer o que der na idéia. É só estar preparado para colher os resultado depois, né? O salário do pecado, é a morte mais o dom gratuido de Deus é a vida eterna, por Cristo Jesus, nosso Senhor.Disse Jesus: EU sou o caminho a verdade e a vida ninguém vai ao pai a não ser por mim.

  177. Dionea disse:

    Ai Calebe! Tudo que o homem semear, vai colher. Continue semeando bastante, vil? Arrependa-se enquanto é tempo. Jesus esta voltando, ou te chamará em breve. E ai? O que dirás? O que vais escolher? Céu ou inferno? Jesus te ama e não foi atoa que ele morreu no seu lugar, vil? Ele deu o sangue dele, por vc e por nóis. Não seja ingrato. Pense nisto, vil?

  178. Pastor Caleb disse:

    Ei Dioena….

    Deixa eun te dizer uma coisa, sua religiosa , quando chegar e atravessar para dentro os portoes do ceu, pela graça e misericordia de Deus, e principlamente porque o Senhor Jesus Cristo salvou a minha alma do inferno.

    Lá, estarei junto com os santos, em uma maravilhosa festa e banquete que com certeza será ao sabor de vinhos deliciosos, pois banquete , para nós judeus e mesmo aos gregos, somente pode ser efetivado com varios vinhos nobres. Leia Isaias 25, entre outras passagens.

    Vá se converter sua fanatica religiosa.

    Pastor Caleb.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO