Internacional

Cristão norte-americano passa um ano como homossexual e conta sua experiência em livro

Comments (20)
  1. Nada contra mas isso foi uma idiotice.

    1. Ha males que vem para o bem, atraves dessa idiotice ele viu um pouquinho do sofrimento dos outros, e vai passar a respeitar os gays pelo resto da vida

  2. A Juizada de plantão não perdem tempo, né?

  3. Desculpem, mas eu só consigo pensar no Didi mocó falando: "Ai, ela solicita!"

    1. Clau Lea Organa Carvalho disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  4. A questão que fica é: a intenção foi escrever livro ou ajudar os atormentados por esse pecado?? me parece a 1ª opção $$$$

  5. Marcelo Frota disse:

    Todos os religiloucos fanáticos deveriam fazer o mesmo e sentir na pele oque sentimos de pessoas como vcs .

  6. A intenção dele foi boa, mas 1 ano "se passando por homossexual" sabendo que ao final tudo vai ser desmentido e voltar aos conformes, não chega nem aos pés da real vida de um homossexual. Ao menos ele sentiu o gostinho, e pelo pouco que viu, vai respeitar os gays pro resto da vida.

    Aprendam

  7. Eddie Batista disse:

    O que me deixa preocupado é se ele nesse tempo que passou se fazendo de homossexual , foi edificante pra sua vida espiritual. Em que isso pode ajudar os homossexuais , ou diminuir o preconceito.Vai deixar de haver homossexuais na face da terra? Sinceramente eu acho a verdadeira perca de tempo não se aproveitou o tempo que ele poderia dedicar com aconselhamentos e até mesmo evangelismo, chamar a atenção para os do meio em que ele esteve de que são seres criados por Deus e precisam se voltar para Deus em experiencia e fato, e o destino das vidas quem sabe é Deus , e o que lhes é necessário. Discriminação achincalhe todo mundo sofre , o negro o gordo o feio o deficiente etc…Todos são dotados de sentimentos não é só os homossexuais que são atingidos por preconceito não , cabe a cada um viver da melhor forma possível e que não atinja a integridade do outro, e aí tudo bem. Preconceito e discriminação haverá enquanto aqui vivermos, se até com o Salvador praticaram esse ato imagine nos outros .

  8. Ele não sentiu nada comparado ao que Cristo sofreu por nossos pecados, ele levou sobre si todos nossos males, angustia., desprezo, dores, e diariamente nós pisamos no sangue de cristo quando somos levados a viver pela nossas experiências e nossas paixões, vivemos da forma que achamos ser um conceito ético de conduta e liberdade, uma conduta que difere daqueles estabelecidos por Cristo, no entanto o próprio criador disse que havia vindo para os enfermos, um enfermo sofre muito com a febre e necessita de cuidados, contrai doenças físicas, psicológica e espiritual através de uma vida desregrada cheia de paixões próprias, o médico dos médicos chama "negue-se a si mesmo e segue-me"

  9. rsrs.. os Homofóbicos cristãos como muitos que comentam neste sites, Silas Malafaia e o anti-gay Julio SEVERO piram com uma declaração destas… já que para estes cachorros homofobia não existe.

  10. PerFil MarLéano disse:

    Gnt a pessoa que faz isso e ser PLASME ….EVANGELICO….JÁ TECLEI E REPITO
    EU NO SEI OQ SER EVANGELICO

  11. Ruben Antunes disse:

    Esse é louco ou corajoso, talvez os dois.

  12. Silvina Reis disse:

    eu acho k devia ser o contrario..os homossessuais deveriam fingir ser normal..ou hetero….garanto k funciona, o espirito santo ve o esforço da pessoa e o ajuda.

  13. joaoalves disse:

    Bom deficiel até de entender o que passa pela cabeça deste moço pois se para nos entender como e a situação da vida dos homo temos que nos faser se um dele, imagina protituta ,bebados, viciado em droga, para me não precisamos esperementar estas vidas temos que ama-los e deixa eles ver atraves de nossa vida o prazer de viver com Cristo, e ganhar novas vidas para Deus.

  14. pauloantonio disse:

    complicado

  15. Jessica Wilhelm disse:

    Ok, e depois disso? ahusuhsa

  16. Cristão DE VERDADE faz isso. Se coloca no lugar do outro pra ver se é mole como apontar o dedo e pregar.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *