Estudioso diz que Bíblia dá pistas de que local da crucificação de Jesus é diferente do conhecido

0

O local apontado por estudiosos como sendo o Calvário, onde Jesus foi crucificado, pode estar errado, segundo o arqueólogo Robert Cornuke, que fez um estudo aprofundado sobre o tema.

Cornuke usou as descrições da Bíblia sobre o caminho para a crucificação, usou fotos feitas em 1800 e juntou as peças com visitas à região, e assim, disse ter chegado a um local diferente do que atualmente é apontado como o Calvário e o Santo Sepulcro.

O trabalho de pesquisa teria corrigido uma “falha geográfica” em relação ao local, segundo informações do Christian Today. Robert Cornuke afirma que o local correto seria uma área da Cidade Antiga de Jerusalém, hoje sob controle da Palestina.

“Usando a Bíblia como mapa e algumas imagens fotográficas de 1800, Robert Cornuke juntou as peças de um antigo enigma sagrado. Ele foi auxiliado em sua pesquisa por suas habilidades investigativas como ex investigador de polícia”, comentou Bonnie Brown, um filantropo que colaborou com os trabalhos, em entrevista ao site Assist News.


Cornuke documentou seu estudo sobre o local da crucificação e publicou os dados no livro “Golgotha: Searching for the True Location of Christ’s Crucifixion” (“Calvário: À procura da verdadeira localização da crucificação de Cristo”, em tradução livre).

Ron Matsen, diretor da editora Koinonia House, que publicou o livro do pesquisador, afirmou que Cornuke deixou de lado as “tradições retidas no passado que poderiam ter obscurecido o caminho para a verdade, e abriu portas para toda uma nova maneira de encontrar o local bíblico da crucificação”, chegando ao resultado anunciado.

Se Cornuke estiver correto, o terreno do Calvário abrigaria hoje um bairro periférico, com moradias simples de palestinos (foto).


SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA