Na contramão da sociedade, evangélicos consideram errado mudança de sexo, diz pesquisa

12

Na contramão da cultura. Essa é uma afirmação factível sobre os evangélicos, não apenas do Brasil, mas também do mundo. E essa postura se deve à preservação de valores bíblicos fundamentais, o que traz para este setor da sociedade a pecha, atribuída pela mídia, de fundamentalista.

Uma pesquisa recente realizada nos Estados Unidos evidenciou que os evangélicos do país estão em desacordo com o restante da população quando o assunto é identidade de gênero.

O levantamento, realizado pelo instituto Lifeway Research com mil voluntários, apontou que 54% dos evangélicos considera errado “se identificar com um gênero diferente”. Entre os católicos, outro forte grupo cristão no país, a visão semelhante foi menor, com 26% compartilhando a mesma opinião.

Em comparação, a opinião de que é errado identificar-se como sendo de um gênero diferente de sua concepção biológica é de apenas 20% entre pessoas não religiosas, segundo informações do portal Christian Today.


O relatório da pesquisa destaca que o número de pessoas evangélicas contrárias ao uso de hormônios ou cirurgias para a mudança de sexo foi de 61% do total, quase o dobro dos religiosos não-evangélicos que compartilham a mesma opinião, que foram 32%.

“Os cristãos evangélicos são claramente uma minoria sobre esta questão”, afirmou Scott McConnell, diretor executivo da Lifeway. Outras pesquisas apontam que os norte-americanos do século XXI não veem um significado moral em preservar o gênero com o qual nasceram.

“A maioria dos americanos rejeitam a visão de um criador que oferece um gênero que não pode ser mudado […] Nós podemos fazer diversas alterações de forma livre em nós mesmos. Temos a cirurgia plástica, usamos formas de deixar os dentes mais brancos, formas de pintar o cabelo, fazer tatuagens. Então, muitos americanos visualizam o gênero como mais um item dessa lista”, contextualizou.

Para McConnel, a pesquisa teve êxito ao mostrar que os evangélicos se mantém firmes aos seus princípios: “Uma porcentagem crescente de americanos não acredita em ‘certo e errado’. Eles não acreditam que exista uma verdade absoluta. E se não há nenhuma verdade absoluta, então eles são relutantes em falar sobre moralidade […] Isso reflete uma visão de mundo em transformação”, concluiu.


12 COMENTÁRIOS

  1. estas são verdades imutaveis, e ainda que muitos tenham colocado sua casa sobre a areia, ficam ao sabor das mudanças do mundo, mas a palavra já diz não vos conformeis com este mundo, pois ele esta perdido

  2. …xeque mate & a doença…alcoolicos anonimos diz : alcoolismo é uma doença ?!! mas ,cada caso é um caso (seja loucura ou homosexualismo) …pode ser traumático /mental/psicossomático ou espiritual (obsseseção) …

    xeque mate !!! se é espiritual ,é doença espiritual ; se é mental ,é doença mental !!! MAS , E SE É POUCA VERGONHA ??? nesse caso é pouca vergonha mesmo .

  3. Incrível a capacidade da mídia deturpar informações! Desde quando um grupo de pessoas que tem pensamentos diferentes andam na contramão da sociedade? Agora um pequeno grupo de pessoas e que ditam as regras? Então se for assim devemos todos traficar drogas, pois, e cultural é certas localidades traficar? Devemos todos virar ladrões, pois é cultural em certas localidades roubar? Onde gerações e gerações praticam canibalismo devemos ser canibais? Difícil este povo que apóia certas mudanças de comportamento. Por que não posso mudar de sexo? Pelo que eu saiba desde que eu tenha dinheiro neste país de relaxos e esculachos posso fazer o que eu quiser! Mas dizer que um grupo de pessoas está na contramão da cultura apenas por não concordas que estas pessoas mudem de sexo eu acho um absurdo nazista onde todos têm que pertencer à raça ariana ou vão para os campos e concentração pagar por ter opiniões e atitudes diferentes! Daqui uns dias essa gente não vai mais concordar em ter apenas um sexo afirmando que quando somos embriões temos os dois sexos, por tanto todos tem que ser hermafrodita. Prefiro ficar com o que Deus me deu e quero afirmar que não estou na contramão da sociedade apenas não concordo e pronto! Uma ultima linha: Desde quando mudança de sexo e cultural?

  4. A esquerda, como sempre, envenando tudo. E nessa rasteira de desgraça vêm os ateístas militantes como idiotas úteis. É isso mesmo. Tem que ser contra essa engenharia social da esquerda pois isso é uma desgraça. Temos que ser contra essas "mudanças de sexo" pois isso não existe. Só existem dois sexos: macho e fêmea. O resto é delírio esquerdopata.

  5. Essa sociedade corrupta e imoral todas as vezes que nós nos esforçamos para manter a moralidade andaremos sim em sua contra mão! Vai ficar cada vez mais difícil manter o certo padrão de moralidade por parte da sociedade que hoje caminha para libertinagem e violência.Ainda creio em uma minoria conservadora dos padrões morais na sociedade Católica e Evangélica pois todo aquele que mutila seu corpo não se encaixa verdadeiramente nestes dois grupos!.

  6. Comprometidas com o reino de DEUS se acham no direito de colocar a opinião de outras pessoas como algo extremamente nocivo e letal a sociedade, esse mundo nos moldes de hoje e um verdadeiro caldeirão de sofrimento e dor , vejam o que acontece mundo afora, vc está com a sua família e vem um louco e sai atropelando meio mundo, não defendo tal atitude mas ação leva a uma reação, muitos destes que profeçam uma fé cega a esta religião extremamente radical estão ceifando vidas mundo afora enquanto que os cristãos verdadeiros profeçam uma fé baseada em amor ao próximo

  7. Aí eu pergunto o que um cristão pode fazer de mal a sociedade? Ah ja sei, valores morais respeito a vida, respeito ao casamento , entre outras coisas são extremamente prejudiciais à uma sociedade moderna e dona do seu nariz não é mesmo? Fiquem então com esse conceito humano de que a perverssão, o uso indiscriminado de drogas e bebidas e a autosuficiencia só que não reclamem das consequências

DEIXE UMA RESPOSTA