Filme “Os Dez Mandamentos” terá spoiler da segunda temporada da novela da Record; Veja o trailer

0

A distribuidora do filme “Os Dez Mandamentos”, feito a partir de cenas da “novela bíblica” da TV Record, divulgou seu primeiro trailer oficial.

O filme, que contará com apoio da Igreja Universal do Reino de Deus na divulgação, vai antecipar boa parte das cenas da segunda temporada da novela, que a Record levará ao ar a partir de março.

“Aquele que deveria ter sido o final da ‘parte 1’ da novela bíblica se ela não tivesse ganhado mais uma fase, com Moisés entregando os dez mandamentos ao povo hebreu, será exibido na versão cinematográfica da trama, em fevereiro. Outras cenas gravadas para a parte 2, prevista para março, também estarão no longa, como o desdobramento da adoração ao bezerro de ouro e alguns assassinatos”, informou a jornalista Lígia Mesquita, do jornal Folha de S. Paulo.

De acordo com Mesquita, “o filme, com imagens de arquivo e algumas inéditas do folhetim de Vivian de Oliveira e direção de Alexandre Avancini, priorizará as passagens bíblicas”, mudando o perfil da novela, que deu espaço a personagens não apresentados no livro do Êxodo.


Veja o primeiro trailer oficial do filme:

Assine o Canal

Tropa Universal

A Igreja Universal do Reino de Deus vai colocar seus pastores e bispos para incentivar os fiéis a irem aos cinemas assistir a versão para a telona de “Os Dez Mandamentos”, com a intenção de fazer o longa-metragem se tornar a maior arrecadação do cinema brasileiro, superando “Tropa de Elite 2 – O Inimigo Agora é Outro”.

O objetivo é que “Os Dez Mandamentos” se torne o recordista nacional em bilheteria, tanto no quesito arrecadação, quanto público. Atualmente, o segundo filme sobre o capitão Nascimento – produzido e dirigido por José Padilha, com Wagner Moura – é o mais visto da história do cinema no Brasil, com 11 milhões de espectadores e bilheteria superior a R$ 102,6 milhões.

Se a expectativa da denominação for alcançada, apenas a exibição do longa-metragem já arrecadaria o equivalente ao investimento feito pela TV Record na produção da novela, que teria custado aproximadamente R$ 105 milhões.

SEM COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA