Depois de ser preso por violência doméstica, jogador de futebol americano abandona o esporte para se dedicar à igreja e à família

1

O jogador de futebol americano Christian Ballard anunciou recentemente que está abandonando sua carreira no esporte para dedicar seu tempo à igreja e também para ser um marido e um pai melhor. Defensor do Minesota Vikings, Ballard afirma que teve de deixar a NFL, principal liga profissional de futebol americano no mundo, para de dedicar à sua família.

– Eu sempre pude tratar minha esposa bem, tratar meu filho bem, ser um bom irmão, ser um bom filho. Mas eu sei que estando fora da NFL será muito mais fácil me concentrar nestas coisas, pois agora tenho tempo – explicou Ballard.

Antes do anúncio de sua saída na NFL, o jogador havia pedido uma licença de seu time para se casar com sua então namorada, Victoria Hallenback. Porém, durante esse período, ele e Victoria acabaram presos por violência doméstica, e viveram momentos conturbados.

O casal foi solto por serem considerados agressores mútuos e, depois do episódio, Ballard decidiu deixar a liga profissional. Ele afirma que a NFL não era um obstáculo para mostrar uma boa conduta, mas que o tempo que ele precisava dedicar ao esporte o levou a viver de maneira conturbada.


– Eu não estou dizendo que eu deixei a NFL e agora está tudo bem. Não é assim. Ainda há um monte de monte de coisas que eu tenho que trabalhar – obviamente – como ser um marido e um pai – afirmou o atleta, com esperança de que sua vida deve mudar para melhor.

Segundo o jornal USA Today, Ballard afirma que sua prioridade agora é levar uma vida mais corriqueira, e abrir espaço em sua vida para a igreja e para o seu filho Reeve, de três anos, fruto de um relacionamento antes de sua atual esposa.

– Não me interpretem mal, pois há milhares de pessoas que jogam na NFL e são fortes seguidores do Senhor, e conseguem ter um estilo de vida normal. Mas, para mim, não era realmente trabalhar fora – completou, explicando que vários jogadores cristãos conseguem conciliar a carreira e a fé, mas que muitos se tornam egoístas e acabam não se importando com a família.

Oriundo da Universidade de Iowa, Christian Ballard saiu da liga universitária para a profissional em 2011, e participou de 30 partidas defendendo o Minesota Vikings.

Pro Dan Martins, para o Gospel+


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA