Senador Magno Malta afirma que aprovação do canabidiol foi atrasada por ativistas pró-maconha

30

O senador evangélico Magno Malta (PR-ES) comentou sobre decisão da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa) em aprovar o uso medicinal do canabidiol. Malta era o presidente da comissão do Senado que discutia o assunto e avaliou positivamente a decisão. Ele comentou ainda que a legalização da substância foi atrasada por “ativistas pró-maconha”.

– Avançamos na questão, atendemos a quem precisa do tratamento. Foi um problema que se alongou desnecessariamente – afirmou o senador, ressaltando que o envolvimento de ativistas defensores do uso recreacional da maconha atrasou o andamento da aprovação.

Malta afirmou que os defensores da legalização da droga para uso recreacional acreditavam que “a liberação do canabidiol ajudaria na liberação do THC (substância psicoativa presente na resina da planta)”.

– Essa movimentação deles prejudicou a discussão. Eles achavam que a liberação do canabidiol ajudaria na liberação do THC. Denunciei isso em plenário. Uso médico não tem a ver com uso de drogas – ressaltou Magno Malta.


O uso do canabidiol para fins médicos foi liberado nessa quarta feira (14) em portaria da Anvisa. A substância é utilizada para aliviar crises epiléticas em pacientes com doenças neurológicas.

Agora, segundo informações da Revista Época, Magno Malta articula a formação de uma Frente Parlamentar contra a legalização da maconha e já recolheu 60 assinaturas de colegas.

30 COMENTÁRIOS

  1. “A substância é utilizada para aliviar crises epiléticas em pacientes com doenças neurológicas.”

    Aí Latoeiro, não sei se é epilético mas que tem problemas neurológicos é notório. Já pode começar o tratamento.

    • Zambujeiro
      É vc quem deveria usar. Pode ser que fique em paz. Já que Cristo não conseguiu esta façanha contigo. Vai ficar maluco beleza e perder a presunção de que pode levar democracia às outras nações a pretexto de arrancar-lhes os recursos. Parasitagem é o forte de vocês liberais inúteis. Conhece a enxada? vai carpir um latifúndio.

        • Janio

          Evangelicos sérios? uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha,uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha,
          Onde?
          uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha,uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha
          Neste site?
          uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha,uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha
          Quem não é coxinha, viado.
          Alguns pouco se salvam. Clamando, Elder e eu.
          Ahhh, o Zambujeiro faz parte de tua laia, lacraia e sei lá mais oque.
          uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha,uah,uha,uah,uhauah,uha,uah,uha

  2. Realmente o uso medicinal desta planta já deveria ter sido há muito liberado, mas graças a estes maconheiros do capeta que pensavam apenas no seu prazer, deixaram centenas de pessoa sofrendo são uns nojentos

      • Ôh Jumento, a cocaína também é uma droga ilícita, mas os andinos mascam a folha de coca, ou fazem o chá pra aliviar a pressão negativa e o frio das altitudes.

        Parabéns cara, em termos de burrice, você realmente é um CATEDRÁTICO!!!!

        • ele só não sabe que o criador deixou todas as coisas para uso dos homens, e nenhuma delas para o mau, o ex. está ai a canabis potente agente contra crises epiléticas assim como a coca no seu estado natural serve para dilatar os bronquios e permitir subir a grandes altitudes, bem como o fumo serve como potente inseticida nas lavouras, mas o idiota só possue uma faculdade cultuar o diabo e lutar contra os evangélicos

          • Clamando

            E é porque diz que fez faculdade!

            Não sabia que estavam chamando o MOBRAL(movimento brasileiro de alfabetização) de faculdade!

          • ELDER
            NÃO SEI SE VOCE NOTOU MAS CADA DIA AUMENTA O NUMERO DAQUELES QUE ORBITAM NA LEGIÃO CHAMADO STARDUST, E QUE HOJE NA SUA MAIORIA, SÃO GAYS E ATEUS, O ULTIMO QUE ERA CRENTE E O NOBRE,MAS COM ESTE TAMBÉM ELE SUMIU

          • MAURO
            A BÍBLIA DIZ QUE DEUS DEIXOU A CIÊNCIA PARA O HOMEM, ENTÃO QUER DIZER TUDO FOI DEIXADO PARA NÓS TANTO A FÉ COM O CONHECIMENTO.

  3. Engraçado que a gente fala dos atos violentos dos fundamentalistas islamicos que estão tirando o sono da humanidade, mas esquecemos de lembrar que temos nós também os que nos tiram o sono, os do narcotráfico.

    Fazem do mesmo jeito. Como seja, tomam nossos filhos nas escolas e ainda de menor, os enche de drogas, tornando-os religiosos das drogas.

    Não temos paciência com esses menores face a droga, aí mandamos pras prisões, que lá podem ser enviados para o cemitério.

    Em síntese, temos nossos fundamentalistas também, mas ninguém tenta uma ideia nova para resgatá-los, mesmo que seja a de satisfazer-lhes o vício até, com amor e tratamento médico e psicológico, curarmos a todos.

  4. Tenho um grau de respeito ao senador, mas apreciando melhor sua fala, vê=se que, ao que parece, está meio que repassando a culpa ao uso por viciados a rejeição dessa planta.

    Não deve a ciência e nem qualquer outro seguimento humano ser movido pelos preconceitos do próximo.

    Já de há muito era para a ciência ter encontrado cura para os viciados, mas a gente prefere menosprezá-los, deixar pessoas intoxicadas ainda quando crianças á sorte(não passamos a eles a proteção devida a ponto de não agindo, restaram vítimizados pelo lucro fácil do tráfico),

    No presente momento quando se fala de uma sistemática que vise diminuir os danos do tráfico, tipo o fornecimento gratuito aos usuários pelo estado, numa metodologia organizada e responsável, eis que são muitos que preferem logo preconceituosamente bradar dizendo que se está tentando perverter a sociedade.

    Perversão é que estamos vendo e vivendo, onde se fornece drogas dentro das escolas, nas festas, ou seja, cadê a eficácia?

    Além de não resolver estar trazendo há cinquenta anos transtornos a quem não usa. Coincidentemente estou vendo reportagem em que criança de quatro anos morreu vítima de bala perdida decorrente do tráfico.

    A quem interessa essa panicéia?

    Alexandre garcia, globo, acaba dizer que no brasil são 150 mortos pela guerra do tráfico.

    Quem poderá nos salvar se não agirmos com sabedoria?

    Meio século, mas até agora não foi resolvido o problema do vício.

    Devo eu pagar com a vida pelo vício do outro? Ora o brasil se solidarizou com fumante passivo de cigarro, mas não se importa com os que morrem como vítima passava por força do tráfico?

    Senador, meu caro, não devo afirmar que o fato de pessoa ajudar no resgate de viciados esteja interessado todo ele em não acabar com a dependência química, pois vai acabar seu modo de viver financeiro,

    É a mesma coisa quando dizem que os que buscam um método diferente, tipo: cadastro dos viciados, concessão da droga que faz uso, cura em face de dispor meios de cura.

    99,99 dos viciados começaram quando crianças, cadê os senhores responsáveis pela segurança?

    Somos hipócritas.

  5. Acho que as pessoas que postam as matérias nesse site gostam de “ver o circo pegar fogo”, vou procurar um conteúdo com menos “sensacionalismo gospel”.
    E vcs procurem não brigar… :)

DEIXE UMA RESPOSTA