Marinha abre concurso público para capelão naval com vagas para pastores batistas e assembleianos; Confira

8

A Marinha do Brasil lançou edital para um concurso de Capelão com uma vaga para pastor da Assembleia de Deus e outra da Igreja Batista. Além dessas duas vagas para pastor, há outras quatro para padres da Igreja Católica.

O edital foi publicado no dia 28 de maio pela Diretoria de Ensino da Marinha (DEnsM), e as inscrições devem ser realizadas entre os dias 09 de Junho a 15 de Julho de 2014, através dos deste link ou presencialmente nos endereços citados no edital. A taxa é de R$ 45,00.

Segundo informações do edital, os candidatos precisam ter no mínimo 30 anos a partir de janeiro de 2015, e no máximo, 41, além de idoneidade moral e ao menos três anos de ministério.

As cidades onde as provas serão aplicadas são Rio de Janeiro (RJ), Vila Velha (ES), Salvador (BA), Natal (RN), Olinda (PE), Fortaleza (CE), Belém (PA), São Luís (MA), Rio Grande e Porto Alegre (RS), Florianópolis (SC), Brasília (DF), São Paulo (SP) e Manaus (AM). As datas serão informadas aos inscritos posteriormente.


A divulgação do resultado das provas será feito a partir de janeiro e o curso de formação terá início em março de 2015. No concurso semelhante de 2013, o salário oferecido aos candidatos era de R$ 7.400,00, além dos benefícios.

8 COMENTÁRIOS

  1. Agradando a ‘gregos e troianos’. O país laico, referendando os exploradores da fé. Uma vergonha que em pleno século 21 as forças armadas ainda deem crédito a religião dentro dos seus quadros. Parece mais a idade média onde a Igreja mandava nas autoridades civis….Vão ler a Bíblia! Onde Jesus diz que seu governo “não faz parte desse mundo” (João15:18,19; 17:14; 18:36)

  2. Boa noite !!! só uma pergunta você ja esteve em um leito enfermo precisando de alguém ? pelo menos para te ouvir alguns minutos ? pense nisso!!! Não é porque você ñ gosta ,que vai tratar nosso trabalho de uma forma grosseira ,nosso país é livre!!!!

  3. Laico ou não, o Brasil precisa de Deus, aliás, laico significa um país ou nação com uma posição neutra no campo religioso… o concurso não é para Religiosos sim para Teólogos, vai estudar, aí sim pode falar de Religião!!!

  4. Amigos! O motivo do edital ser específico em uma denominação, se dá pela estatística realizada ano a ano quando pela entrada de novos militares ou pela atualização cadastral onde é mencionada a religião e a denominação a qual o militar sendo evangélico pertence! O preenchimento desses cadastros pessoais é que vão direcionar a qual denominação naquele ano estará recendo uma vaga para preenchimento por concurso.

    Concluindo, o percentual religioso e ainda denominacional é que vai ditar regra até mesmo no muemero de vagas, militares evangélicos vamos preencher de forma correta o cadastro e o recadastramento.
    1- Vagas para igreja Batista, significa que seus fies preencheram corretamente ou aumentaram;
    2- vagas para assembléia de Deus, significa que seus fies preencheram corretamente ou aumentaram;
    3- demais denominações, essas acima são as maiores denominações do Brasil! Ok

    Abs #eusoudabléia paz

  5. Art. 5º Todos são iguais perante a lei, sem distinção de qualquer natureza, garantindo-se aos brasileiros e aos estrangeiros residentes no País a inviolabilidade do direito à vida, à liberdade, à igualdade, à segurança e à propriedade, nos termos seguintes:
    VIII – NINGUÉM SERÁ PRIVADO de direitos por motivo de crença religiosa ou de convicção filosófica ou política, salvo se as invocar para eximir-se de obrigação legal a todos imposta e recusar-se a cumprir prestação alternativa, fixada em lei;

  6. Aconselho todos fazerem a prova independente de denominação ou sexo, e se forem barrados (porque serão) entrar com um processo com base no que o Marcelo postou. Tenho uma conhecida na Aeronáutica (oficial), ele me disse que várias pessoas têm ganhado nos processos que tratam da discriminação de idade. E detalhe, todo retroativo tem sido obrigatoriamente pago. Uma menina que passou para sargento além de receber a posse do cargo recebeu o salário atualizado referente a 5 anos. A matéria de idade já possui jurisprudência, é só correr atrás.

DEIXE UMA RESPOSTA