Após orar a Deus, rapaz surdocego recebe ajuda de amigo para “assistir” ao jogo de abertura da Copa do Mundo

1

Na última semana Carlos, um rapaz surdocego de São Paulo, tinha o desejo de poder acompanhar os jogos do Brasil na Copa do Mundo. Sem poder acompanhar as partidas de maneira convencional, Carlos orava para que Deus usasse alguém para dar a ele uma interpretação diferenciada da partida.

Sem saber do desejo de Carlos, seu amigo Hélio Fonseca de Araújo preparava para convidá-lo para assistir à abertura e ao jogo inicial do torneio e, sem saber, já estava sendo a resposta à oração do amigo. Junto com sua esposa, Regiane, Hélio preparou um campo tátil e organizou todo o ambiente para que, na última quinta feira (12), Carlos pudesse “assistir” ao jogo.

Por meio do campo tátil, da comunicação háptica e da Libras Tátil, Hélio e sua esposa puderam transmitir ao rapaz toda a emoção da acirrada disputa. Assim, Carlos pode acompanhar todos os momentos do primeiro jogo do Brasil na Copa. Com a ajuda de seus amigos, ele pode vivenciar toda a partida, desde o gol contra de Marcelo, o gol de empate marcado por Neymar, o pênalti cobrado pelo craque brasileiro que virou a partida e o belo gol marcado por Oscar.

Em um vídeo de cerca de 12 minutos, publicado no YouTube, Hélio mostra como foi a preparação para que Carlos pudesse acompanhar o jogo, e mostra a reação e emoção do amigo durante a cerimônia de abertura e durante os emocionantes jogos da partida entre Brasil e Croácia.


Na descrição do vídeo, Hélio conta que o amigo estava orando para que recebesse ajuda para acompanhar o jogo e agradece a Deus por ter sido usado por Ele para proporcionar esses momentos a Carlos.

Assista ao vídeo:

Assine o Canal

Leia o relato que Hélio (o rapaz que deu a ajuda ao amigo surdocego) deixou na descrição do vídeo:

No dia 11/06/14 acordei pela manhã com uma vontade de chamar meu amigo Carlos (surdocego) para assistir a abertura da Copa, mas precisaria de algumas adaptações para que ele entendesse melhor! Além da Libras-Tátil optamos (a Regiane e eu) também pela comunicação háptica para passar algumas informações como: Faltas, cartões, Times, números da camisa dos jogadores entre outras!

Ao chegar na minha casa, o Carlos me relatou que durante a semana estava orando e pediu a Deus que Ele usasse alguém para ajuda-lo na interpretação do jogo da copa, e no final ele disse que Deus foi além das expectativas dele!

Espero que nós guias-intérpretes tenhamos feito o dever de casa!

Agradeço a Deus por me permitir ser usado por Ele!

Hélio Fonseca de Araújo
Regiane Cunha Pereira


1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA