Prenúncio de guerra? Autoridade Palestina anuncia fim do acordo de paz com Israel

8

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmoud Abbas, anunciou que está rompendo os acordos de paz assinados em 1993 e que interrompeu ataques de ambas as partes.

Para o líder palestino, Israel não tem cumprido sua parte no acordo, que envolveria o fim da construção de assentamentos na Cisjordânia e a participação no reconhecimento do Estado palestino.

“A manutenção do status quo é completamente inaceitável porque significa a rendição à lógica da força bruta utilizada pelo governo israelense. Nós não continuaremos a ser os únicos comprometidos com esses acordos, enquanto Israel continuamente os viola”, afirmou Abbas em seu discurso durante a 70.ª Assembleia-Geral da ONU.

De acordo com informações do jornal O Estado de S. Paulo, a decisão do político foi divulgada no mesmo dia em que a bandeira da Autoridade Palestina foi hasteada pela primeira vez na sede da ONU, em Nova York, após 119 países apoiarem a resolução que reconhecia a Palestina como membro observador das Nações Unidas, assim como acontece com o Vaticano. Ao todo, 45 países se abstiveram e oito votaram contra essa resolução, entre eles Israel, EUA e Austrália.


O líder palestino acusou Israel de fazer seu governo parecer “uma autoridade sem poderes reais”, e disse que isso é inaceitável: “Enquanto Israel se recusar a parar com os assentamentos e recusar soltar prisioneiros palestinos não há como haver acordo”, esbravejou. “Declaramos que não poderemos continuar tendo uma ligação com esses acordos e que Israel precisa assumir suas responsabilidades como força ocupante […] Peço à ONU proteção internacional aos palestinos de acordo com as leis humanitárias internacionais”, acrescentou.

O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, reagiu de imediato às afirmações do palestino e o chamou de mentiroso e de mal intencionado, ao “incitar a instabilidade no Oriente Médio”.

Em sua fala, o israelense disse que Abbas deveria começar a agir com a responsabilidade que seu cargo exige: “O fato de, de tempos em tempos, Abbas agir desta forma é a prova de que ele não tem intenção de alcançar um acordo de paz”, acrescentou.


8 COMENTÁRIOS

  1. O problema do Oriente Médio e dos “palestinos”em particular é Israel, certo?

    Tá. Para onde os muçulmanos estão migrando? Para a Arábia Saudita? Iraque? Talvez Irã ou Síria? Enfim, estão migrando para países que partilham da mesma cultura e religião?
    Não, estão migrando para o Ocidente. O mesmo Ocidente que dizem ser o antro de perdição com os infiéis cristãos, liberais, gays, mulheres nuas, etc.

    Olhando o mapa do Oriente Médio, percebe-se o tamanho dos territórios árabes comparado a Israel. Seria fácil para qualquer uma daquelas nações cederem terras para os “palestinos”. Mas isso não ocorre.

    Os muçulmanos não se entendem nem entre si próprios, não reconhecem Israel e querem Jerusalém. Isto não é questão de um povo que quer uma terra, mas disputa política e religiosa.

  2. Pastor suspeito de estelionato é preso em Navegantes
    Um pastor evangélico foi preso nesta quarta-feira (30 de setembro) por policiais civis de Penha e Navegantes. O homem de 50 anos é suspeito de estelionato e possuía mandado de prisão preventiva expedido pela Vara Criminal de Videira.
    A prisão ocorreu após a Polícia Civil de Penha receber denúncias de que o suspeito estava cometendo irregularidades em uma igreja da região. Ao consultar seu nome no Sistema de Segurança Pública (SISP) foi constatado que ele tinha mandado de prisão ativo. O pastor estava morando em Navegantes, onde foi preso pelos policiais.
    O homem responde a processo criminal pelo crime de estelionato. Segundo a polícia, entre os anos de 2011 e 2013 o pastor comprou diversos tratores agrícolas nas cidades de Videira e Treze Tílias. No entanto, pagava pelas máquinas com cheques sem fundos ou sustados.
    Após os procedimentos na delegacia, ele foi encaminhado ao Complexo Penitenciário da Canhanduba, em Itajaí.
    O SOL DIÁRIO

    • Emanuelle,você tem que ser muito cara de pau,falar dos outros para esconder os seus erros ,quando perguntada,sobre seus erros,como sempre,é sonsa dissimulada,por isso nunca teve credibilidade as suas palavras,até o seu papinha, faz uso antigo bordão:Faça o que eu mando mas não faça o que eu faço.é uma cambada de ceguetas espiritual.
      OBS: Estou esperando suas resposta,sonsa,dissimulada.

    • Quem é o Inquilino? Vejo que conhece muito pouco de história, acha que a biblia é um livro de história]

      Ninguém vai destruir o Israel atual que foi criado pela ONU, os palestinos querem apenas as poucas terras que foram destinadas para eles, que Israel continua assentando judeus, eles ser reconhecidos como nação, a ONU começa dar os primeiros passos. Simples.

      Paulo Agnóstico Teixeira · Trabalha na empresa Prof. de Historia
      Estes Judeus atuis Sionistas, nem sangue de Abraao tem, são russos convertidos no século 8, se acharem restos de maria, pedro ou paulo e se fizerem testes de DNA os palestinos , a genética deles seria bem pais proxima do que estes Judeus branquelos.. é a famosa volta dos que não foram. Esta coisa que os judeus foram expulsos é um mito cristão, depois da destruição do templo, muitos sobreviveram e continuaram ali

      A volta dos que não foram, os Sionistas, na realidade são russos convertidos no século 8 após a morte de Cristo, não tem sangue semita. https://www.youtube.com/watch?v=uoXpEoD5qZU

    • Ninguém vai destruir o Israel atual que foi criado pela ONU, os palestinos querem apenas as poucas terras que foram destinadas para eles, que Israel continua assentando judeus, eles ser reconhecidos como nação, a ONU começa dar os primeiros passos. Simples.

      Paulo Agnóstico Teixeira · Trabalha na empresa Prof. de Historia
      Estes Judeus atuis Sionistas, nem sangue de Abraao tem, são russos convertidos no século 8, se acharem restos de maria, pedro ou paulo e se fizerem testes de DNA os palestinos , a genética deles seria bem pais proxima do que estes Judeus branquelos.. é a famosa volta dos que não foram. Esta coisa que os judeus foram expulsos é um mito cristão, depois da destruição do templo, muitos sobreviveram e continuaram ali

      A volta dos que não foram, os Sionistas, na realidade são russos convertidos no século 8 após a morte de Cristo, não tem sangue semita. https://www.youtube.com/watch?v=uoXpEoD5qZU

  3. ESSE CARA PARECEU OS INIMIGOS CINICOS QUE VEM ESCULHANBAR E DEPOIS SE FINGEM DE VITIMAS:

    LOPESTE
    EMA NUA ELLE
    PRINCINICA DE ARRODELLA
    E CIA DO MAL!

    ALGUEM SABE O TITULO DESSE GANGUE?

  4. Esse ” Estado Palestino ” nunca deveria existir.
    Antes de 1948 eles que viviam na Palestina não lutavam por um Estado.Só quando o Estado de Israel foi criado e que os palestinos começaram com esse mimimi todo. Nunca fizeram nada por aquela terra, foram os israelenses que a transformaram e desde 1993 os palestinos não cumpriram um nada do acordo de paz. Israel fez muitas concessões em prol daquele acordo. Desrespeitou também , mas se for comparar, foi pouco em comparação aos palestinos.
    Um exemplo de que a autoridade palestina não quer a paz foi dado por esse cara . Só foi hastear a bandeira na ONU que ele afirmou o fim do acordo de paz. Acordo que eles nunca cumpriram.

  5. Abbas: O Santo Sepulcro é nosso e os judeus não têm direito de profaná-lo com seus “pés imundos”



    Assine o Canal

DEIXE UMA RESPOSTA