Pastor que usa dízimos para construir casas para membros diz que “igrejas devem ficar atentas às necessidades do povo”

114

A Igreja Assembleia de Deus Ministério Lagoinha em Araruama (RJ) ficou nacionalmente conhecida pelo exemplo dado ao aplicar seus dízimos e ofertas na construção de casas populares para membros que não têm onde morar. E o princípio adotado pela congregação continua valendo.

O pastor Fábio Mendonça, que trabalha como sargento da Polícia Militar, usa os finais de semana para construir as casas, com ajuda de três pedreiros voluntários.

Esse trabalho só é possível graças à ousadia de Mendonça, que usou um terreno de propriedade da igreja para criar uma espécie de condomínio para os fiéis mais necessitados.

De acordo com informações do Meio Norte, uma das beneficiárias do projeto, Andréa Silva Rocha, disse que a assistência oferecida pela igreja chegou no momento exato: “Fui amparada na hora que mais precisei, hoje tenho a segurança de um lar”.


Mendonça conta que recebeu críticas por sua iniciativa, mas que não se abalou e seguiu firme no propósito: “Alguns pastores me perguntaram se eu não estava ‘arrumando’ muito trabalho. Se Deus pensasse no trabalho que o ser humano dá a Ele em relação à desobediência a seus princípios, não teria feito o mundo. Tudo que fazemos na vida pode nos gerar problemas, você não compra um carro, por exemplo, pensando que o pneu pode furar um dia, mas no benefício que você vai ter com o veículo”, comentou o pastor, que desde 2013 é notícia em todo o Brasil como exemplo de iniciativa social.

“As igrejas devem ficar mais atentas à necessidade do povo. Sejam elas materiais ou espirituais. Há igrejas em que a maioria dos membros não possui necessidades financeiras, mas sempre há os que precisam de ajuda espiritual e aqueles que precisam de ajuda material”, comentou o pastor.

Assista a um vídeo da construção das casas populares:

Assine o Canal

114 COMENTÁRIOS

    • kkkkkkkkkkkkkkkkfalso pastor clamando elogiando o os bom pastor.Tô vendo daqui a legião
      de demônos temendo os elogios dele,estes demônios temem serem expulsos.Não precisa
      vender o seu barco de luxo,clamando e nem dar aos pobres,mas,já que ficou rico com
      a sua seita de fundo de quintal,vamos,vá nas prisões,tem muito preso que está para
      sair e não sai da prisão porque não tem para onde ir.Construir um quartinho já é tudo de
      bom,ou dar um emprego,seja o bom samaritano pelo menos uma vez na vida.Duvido.Não
      dar um ovo podre a ninguém.E mais: as suas luxúrias carnais e espirituais em pleno dia
      neste maldito barco de luxo são pecados terríveis aos olhos de DEUS,e tomaa que
      ele afunde em pleno mar para sempre.Não se trata de inveja,mas a realidade já que
      você ´ não tem moral e fala dos outros.É fariseu,nãoSó
      vale um real,não vale nada.Só oinferno para receber um demônio desse.

  1. Parabéns a esse pastor. Pena que os milionários da fé, além de não construirem casas para irmãos necessitados, ainda pedem dinheiros aos que moram de favor:



    Assine o Canal
  2. É incrível não há quase nenhum comentário falando sobre boa vontade, e honestidade deste pastor.Por outro lado, em qualquer coisa que se fale de nomes “consagrados” dos tais líderes evangélicos como Valdemiro, Malafaia, Macedo, qualquer coisa que se fale deles junta milhares de pessoas para defende-los. Vejo que o povo gosta mesmo é de ser enganado, humilhado, roubado… Menos ser tratado como gente. Isso é uma loucura.

  3. MEU DEUS , falta de conhecimento , esta tudo errado podem rasgar a biblia .
    MALAQUIAS 3 vers. 10 ” trazei todos os dizimos a casa do tesouro para que haja mantimento na minha casa ;e provai-me nisto diz o senhor dos exércitos,se eu não vos abrir as janelas do ceu e derramar sobre vós benção sem medida .”
    ESTA BEM CLARO , (PARA QUE HAJA MANTIMENTO NA MINHA CASA ! )
    não é para usar para outro fim ; é para abrir igrejas,pagar contas da igreja,despesas da igreja !
    não tem diferença da maçônaria !

    • VOCê É UM HIPÓCRITA, POIS COM CERTEZA AS CONTAS DESTA IGREJA NÃO ESTÃO NO VERMELHO E NÃO FALTA ” MANTIMENTO NESTA CASA”!
      QUE VERGONHA!
      QUE DEUS CONTINUE ABENÇOANDO GRANDEMENTE ESTE PASTOR E OS QUE ESTÃO APOIANDO ESTA INICIATIVA!

      • obrigado pelo carinho tervilene , Jesus te ama .
        fazer caridade ,fazer o bem não é pecado . más o dizimo é separado !
        não sou da mundial (valdemiro) . más porque vocês xingam ele porque ele as vezes pede 30% do salario dos membros para abrir templos ,pagar contas e fazer trabalhos sociais(asilos,clinicas,sopões,creches) em porque ?

    • VC. ESTÁ CORRETISSIMO, JESUS DISSE AOS POBRES VÓS TEREIS SEMPRE, QUANDO A MULHER FOI DERRAMAR O BALSAMO EM SEUS PÉS, O DINHEIRO DEVE SER USADO PARA PROPAGAR O EVANGELHO A TODA CRIATURA.
      EM CONTRAPARTIDA DIZ TAMBÉM QUE NÃO ADIANTA MANDAR O IRMÃO EMBORA COM FOME SEDE OU FRIO, CLARO TENDO COMO FAZER REALMENTE É UMA BENÇÃO.
      AS MISSÕES FEITAS EM PAÍSES COMO A NIGÉRIA E INDIA BEM COMO NA MAIOR PARTE DA AFRICA, SEMPRE FOI ACOMPANHADA DE COMIDA REMÉDIOS ROUPAS, POIS NÃO ADIANTA SÓ PREGAR SE A PESSOA ESTIVER MORRENDO DA FOME.
      LEMBRE JESUS DEU A PALAVRA DE SALVAÇÃO, MAS NÃO DESPEDIU O POVO COM FOME.
      LOUVO A DEUS POR PRS. COMO MALAFAIA RR VALDEMIRO E ATÉ MACEDO, QUE LEVAM O EVANGELHO PARA MAIS DE 230 PAÍSES, ESTE CUSTO É ALTO E NÃO TEM DINHEIRO QUE CHEGUE.
      LEMBRE ANTES DE FALAR FALE FAÇA ALGO PELO REINO DE DEUS, UNS DEUS LEVANTA PARA EVANGELIZAR, OUTROS PARA IR, OUTROS PARA ORAR, PORQUE NÃO PODEM FINANCIAR, E OS ULTIMOS AQUELES QUE MANTÉM A OBRA, EM QUAL DELAS VC. ESTÁ ENCAIXADO, MAS LEMBRE , O QUE ORE NÃO RECLAME, O QUE VAI FAÇA-O DANDO GLÓRIAS POIS INDO CHORANDO E GEMENDO VOLTARÁ PULANDO DE ALEGRIA COM OS BRAÇOS CHEIOS DE MOLES.
      O QUE FINANCIA FAÇA-O SABENDO QUE NINGUÉM GANHA DE DEUS EM DAR, É BÍBLICO…Salmos 126:6
      Colhemos o que plantamos
      O que nós plantamos vai voltar para nós e nos tornamos o que nós praticamos.
      – Gálatas 6:7 “Não erreis: Deus não se deixa escarnecer; porque tudo o que o homem semear, isso também ceifará”.
      – Provérbios 11:18b “…mas, para o que semeia justiça, haverá galardão certo”
      5 Assim, achei necessário recomendar que os irmãos os visitem antes e concluam os preparativos para a contribuição que vocês prometeram. Então ela estará pronta como oferta generosa, e não como algo dado com avareza.

      Semear generosamente
      6 Lembrem-se: aquele que semeia pouco também colherá pouco, e aquele que semeia com fartura também colherá fartamente.

      7 Cada um dê conforme determinou em seu coração, não com pesar ou por obrigação, pois Deus ama quem dá com alegria.

      8 E Deus é poderoso para fazer que toda a graça lhes seja acrescentada, para que em todas as coisas, em todo o tempo, tendo tudo o que é necessário, vocês transbordem em toda boa obra.

      9 Como está escrito:
      “Distribuiu, deu os seus bens aos necessitados;
      a sua justiça dura para sempre”.

      10 Aquele que supre a semente ao que semeia e o pão ao que come também lhes suprirá e multiplicará a semente e fará crescer os frutos da sua justiça.

      11 Vocês serão enriquecidos de todas as formas, para que possam ser generosos em qualquer ocasião e, por nosso intermédio, a sua generosidade resulte em ação de graças a Deus. PROMESSA VCS. SERÃO ENRIQUECIDOS DE TODAS AS FORMAS

      • que bom ter vc de volta !
        o clamando distribuiu ,dar aos pobres não é em relação ao dizimo .
        oferta,esmolas é algo pessoal . e é parte de fazer o bem dar esmolas .
        más o dizimo é separado não se toca sua finalidade não é a caridade !

        • renildo

          “más o dizimo é separado não se toca sua finalidade não é a caridade”

          Vc está querendo corrigir o clamando, o que faz certo, mas vc encerra com essa pérola? como o dízimo não visava a caridade? o dízimo da lei de moisés, não esse falso dízimo da religião evangélica que é em dinheiro, o verdadeiro dízimo tinha 4 beneficiários: o levita, orfãos,viuvas e estrangeiros.

          justamente por não terem recursos próprios!

          • clamando

            o dízimo é da lei de moisés, vamos ver uma das diversas partes da bíblia que confirmam isso:

            Ora, os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm mandamento de recolher, DE ACORDO COM A LEI, os dízimos do povo, ou seja, dos seus irmãos, embora tenham estes descendido de Abraão; (hebreus 7:5)

            Esse versículo já é mais que suficiente para comprovar que o dízimo é parte da lei de moisés, e não de abraão. poderia mostrar outros, mas não quero te deixar mais sem credito do que já está.

          • o nobre amado STARDUST , eu falei finalidade ! ” MANTIMENTO NA MINHA CASA ” . ou seja manter a igreja e suas despesas,contas…
            outra para os admiradores do pastor pedreiro :
            se fosse assim eu não devolvia o dizimo pois o Brasil esta numa crise , tenho familia e muitas despesas !
            o dizimo ja dá para pagar a escola das minhas filhas e + alguma coisa
            melhor do que dar para pastor fazer casas para outros .
            ai ja vamos brigar com 1 TIMOTEO 5 vers 8
            ” os que não cuidam com os da própria casa é pior que o incredulo “

          • renildo

            ” MANTIMENTO NA MINHA CASA ” . ou seja manter a igreja e suas despesas,contas…”

            Mas na novaaliança em que vivemos aonde é a casa de Deus? aonde Ele habita??? em templos fisicos a que chamam de igreja???isso aí não é igreja, igreja são as pessoas.

            Deus não habita em templos feitos por mãos humanas (atos 17:24), Deus habita em nós (1 corintios 3:16-17).

            Onde Jesus, que é Deus mora? num templo físico, ou no cristão?Sugiro que leia hebreus 3:6 e descubra o que os pastores escondem de vc.

            “ai ja vamos brigar com 1 TIMOTEO 5 vers 8” os que não cuidam com os da própria casa é pior que o incredulo “”

            Renildo, esse versículo fala justamente sobre pessoas que professam a fé cristã mas deixa sua familia passando necessidade, não cuida de sua familia.

        • Renildo,a finalidade do dízimo é a caridade.Eles falam que a obra é de
          DEUS,não é não,viu,é deles.Quando for pública e a caridade fazer parte da
          obra tanto na seita como as pessoas no seu dia a dia,aí,sim,esta é a obra
          de DEUS por seus frutos,sem o toque da trombeta e sem interesse.A Igreja é a cara do seu líder.Se o líder é bom,o povo é bom,se é caloteiro e
          vigarista o povo também.Não contamina a todos,mas a quase todos.

  4. Mas que excelente testemunho desse homem, ajudar aos necessitados, como a igreja primitiva fazia (atos 4:34-35: 1 corintios 16:1-2)… e é curioso que “pastores” ainda o criticaram… tal qual os fariseus criticavam Cristo por fazer bem aos necessitados.

    • PAI DA MENTIRA, FILHO DA MENTIRA, QUE COISA FEIA ATEU PENSA QUE O POVO DE DEUS É BURRO?
      EIS A VERDADE…42 E perseveravam na doutrina dos apóstolos, e na comunhão, e no partir do pão, e nas orações.
      43 E em toda a alma havia temor, e muitas maravilhas e sinais se faziam pelos apóstolos.
      44 E todos os que criam estavam juntos, e tinham tudo em comum.
      45 E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister.
      46 E, perseverando unânimes todos os dias no templo, e partindo o pão em casa, comiam juntos com alegria e singeleza de coração,
      47 Louvando a Deus, e caindo na graça de todo o povo. E todos os dias acrescentava o Senhor à igreja aqueles que se haviam de salvar.
      ESTA É A VERDADE OS APOSTOLOS NÃO CONSTRUIAM CASA PARA NINGUÉM , BEM A O CONTRÁRIO OS PRIMEIROS CRISTÃOS VENDIAM TUDO O QUE TINHAM E DAVAM PARA OS APOSTOLOS, E ESTES DAVAM ALIMENTO PARA TODOS…DIGA VC. JÁ VENDEU TEU PC E DEU PARA O VALDEMIRO O HOMEM DO TRÍZIMO?

        • clamando diz:”ESTA É A VERDADE OS APOSTOLOS NÃO CONSTRUIAM CASA PARA NINGUÉM”

          A bíblia diz que Paulo era fabricante de tendas (atos 18:3), que era a casa na época.

          Clamando, pq os pobres sendo socorridos com o que a organização religiosa recebe te deixa tão furioso?

          • construiu para viver, então não era para dar, veja o que ele mesmo diz , se vive para pregar o evangelho que viva do evangelho, digno é o obreiro do seu salário, não minta mais em nome de paulo e muito menos em nome de Jesus.

          • clamando

            Paulo mesmo afirma que as suas mãos trabalharam para não ser pesado, ao contrário de muitos pastores que fazem questão de serem pesados, e não trabalharem, e por isso estão sendo além de pesados, obesos pela vida mansa que levam sendo sustentados pelos membros.

        • CÉLIA MULATA
          VC. ENTENDEU O VERSÍCULO QUE STAR NÃO COLOCOU?
          45 E vendiam suas propriedades e bens, e repartiam com todos, segundo cada um havia de mister.
          QUER DIZER OS CRISTÃOS SE AJUDAVAM, E NÃO A IGREJA REPARTIA

          • clamando, cristãos são a igreja, e não os templos fisicos…

            Ou quando Cristo vier buscar a Sua Igreja, quem vão subir serão os templos fisicos???

          • e que ele gostam de distorcer a palavra , para enganar os incautos !
            querem desmentir o apostolo paulo ( o verdadeiro )

          • vender o pc porque?

            e pq tem que ser o pc? justamente porque os lobos não aguentam meus comentários neste site, usando a bíblia e os desmascarando.

          • porque é o que imaginam que vc. só possui o pc. vivendo as custas da mãe e da avó mantendo-as presas na depressão com a ajuda da macumbeira sua amiga.. palavras tuas

      • o idiota tu leu a reportagem, e se dermos dinheiro pra igreja que tu tem a ver com isto, por acaso o dinheiro e teu, ou foi tu quem pagou o salario do trabalhador, mas vai estudar a palavra das escrituras para não ficar aia com ciuminho, no mínimo tu já foi crente, só pensando e adquirir deu tudo que tinha como não foi abençoado, agora faz do contra, vê se te enxerga, o povo Hage conforme sua fé, se achas que o povo esta errado faz o mesmo tenta corrigir, os outros, tem gente que acha que o povo e burro e não enxerga nada a sua frente, errado o povo e mais sábio que você esta pensando.
        usa tua fé seu Burro.

        • “o povo Hage conforme sua fé, se achas que o povo esta errado faz o mesmo tenta corrigir, os outros, tem gente que acha que o povo e burro e não enxerga nada a sua frente, errado o povo e mais sábio que você esta pensando.”

          Escrevendo age com “h” está dificil de acreditar no que vc alega…

          • É PORQUE ELE ESTA AGINDO DA FORMA ERRADA !
            (MATEUS 22 vers.5 ) ” errais não conhecendo as escrituras nem o poder de Deus ”
            é por isto que ele age com H , para meter um H nos trouxas !

          • como podes ver stardust vc. não tem crédito nenhum aqui no site, todos os evangélicos ( OS CRISTÃOS DE VERDADE ) DEVOLVEM O QUE É DE DEUS , e já não vivem mais na mentira, bem a o contrário de vc. rouba a Deus e vive na mentira, todos estão vendo que vc. é ativista ateu gay aqui, que tenta se passar por crente, para desconstruir a verdade.

          • clamando

            aonde na bíblia os evangélicos são identificados como cristãos de verdade? nem sequer são mencionados na bíblia.

            E os cristãos jamais são vistos na bíblia entregando dízimo… muito menos o dízimo a moda evangélica, que exige que seja em dinheiro.

          • Star, por que você em vez de falar contra o dízimo, não dá o exemplo? Pega tudo que tem, vende e dá para o seu apóstolo Valdemiro administrar e distribuir para os pobres da igreja. Era assim que os cristãos faziam não era?

          • célia mulata

            vc entende de bíblia como entende de doutorado, para chamar o herege clamando de doutor… não existem apostolos hj em dia pra inicio de conversa…

          • me esqueci, se não existe apostolos hoje em dia e eu sei que isto é verdade pois pedro passando a primeira fase passou a ser presbítero e dai vc. pode devolver para os presbíteros, mas voltando ao foco se não existe apostolos porque apoia valdemiro alibaba o sandiabo do trízimo

  5. e pra quem diz que isso e atitude da maconaria vai se informar melhor por que a maconaria nao da nada de graca pra ninguem,na maconaria nao entra pobre nem ignorante.

  6. isto sim e colocar o suor do povo em coisas que ele mesmo poderá usar, tem total apoio de minha parte, e este e o caminho para que Deus continue a se fazer presente.

  7. Parabens pela iniciativa do pastor, q Deus abencoe as obras das suas maos.
    Poderia acontecer tambem os crentes que sao empresarios anunciarem vagas de emprego na igreja com objetivo de ajudar os membros a conseguirem um trabalho,ou seja mais uniao e que esta faltando .

  8. Já pensou quantas casas para os pobres dariam com o dinheiro que foi gasto na igreja de satanás do bispo aborteiro pedir mais cedo e seu templo de salomão ?

    • SIR. ministro Paulo .
      você ja ministrou MALAQUIAS 3 . vers. 8 a 10 .
      ou você prega que é velho testamento e estamos na graça ?
      HEBREUS 7 vers. 9 ” e por assim dizer ,também Levi,que recebi dizimos,pagou-os na pessoa de Abraão .
      o que é do homem é do homem , o que é de DEUS é de DEUS !

        • OBEDEÇA o versiculo 4 que antecede o 5 do capitulo 7 de HEBREUS .
          na minha biblia esta escrito ” CONSIDERAI ,POIS COMO ERA GRANDE ESSE A QUEM ABRAÃO,O PATRIARCA,PAGOU O DIZIMO TIRADO DOS MELHORES DESPOJOS.”
          CONSIDERAI = LEVAR EM CONTA,OBSERVAR,OBEDECER,FAZER .
          numeros 3 vers.5,6 ” Disse o Senhor a moisés :
          faze chagar a tribo de LEVI e poe-na diante de arão ,o sarcedote,para que o sirvam”
          ou seja na época de moisés Deus separou os da tribo de LEVI e hoje os sacerdotes são os pastores ,obs.( os verdadeiros )

          • Renildo

            Vc não explicou hebreus 7:5… preferiu repetir hebreus 7:4… ok, se vc não é capaz de explicar hebreus 7:5, vou lhe explicar hebreus 7:4, que vc não deu conta de explicar direito:

            “Considerai, pois, como era grande esse a quem Abraão, o patriarca, pagou o dízimo tirado dos melhores despojos.” (hebreus 7:4)

            Aqui o escritor desconhecido da epistola aos hebreus menciona genesis onde melquisedeque recebeu o dízimo que abraão ofereceu voluntariamente (e não por ordem, pois ainda a lei de moisés não vigorava) tirado dos despojos, ou seja da guerra que abraão venceu contra os reis, Abraão não tirou nada de sua riqueza pessoal, tirou do que tomou dos outros, afinal ele tirou do despojo, como hebreus 7:4 menciona.Abraão não era esse “dizimista fiel” que vcs querem fazer parecer.

            Dar 10% do que vc tomou dos outros é tranquilo não é???

            E outra, renildo… aonde vc viu na bíblia que: “ou seja na época de moisés Deus separou os da tribo de LEVI e hoje os sacerdotes são os pastores ,obs.( os verdadeiros )”

            Aonde na bíblia os sacerdotes do antigo testamento foram substituidos pelos pastores evangélicos de hoje???

            Estaremos esperando… eu e a bíblia.

  9. O que achei de mais importante de tudo isso, ninguém poderá dizer que o Pastor, está fazendo mau uso do dinheiro, já que as casas contruídas são feitas com o dinheiro dos próprios membros. Será que a moda vai pegar?

  10. DIZIMO NÃO É DOAÇÃO , É DEVOLUÇÃO !
    O DIZIMO É DE DEUS , CHEGA ATÉ NÓS E NÓS (OS QUE DEVOLVEM ) LEVAMOS AO ALTAR .
    LEIAM A BIBLIA CORRETAMENTE .
    MALAQUIAS 3 ver 8 ” ROUBARAS O HOMEM A DEUS ?
    ( DEUS FAZ UMA PERGUNTA)
    TODAVIA ,VÓS ME ROUBAIS E DIZEIS : EM QUE TE ROUBAMOS ?
    NOS DIZIMOS E NAS OFERTAS.
    OFERTA PARA OUTRO FIM ,CAMPANHA VOLUNTÁRIA É OUTRA COISA (PROPÓSITO)

    • Renildo

      “LEIAM A BIBLIA CORRETAMENTE”

      sugiro o que vc recomendou para vc mesmo… aonde existe o mandamento de dizimar para a igreja de Cristo???

      Vc já viu algum seguidor de Cristo dando dízimo na biblia? viu algum dos apóstolos em suas epistolas citar o dízimo como algo a ser observado pelos cristãos?

      É só vc ler leviticos 27:30 até 34, que vc vai que ao mandar que se entregasse dízimo das colheitas e animais, que isso era mandamento para os filhos de israel, a saber, os israelitas, ou judeus.

      O dízimo é mandamento da lei de moisés, Cristo confirmou isso em mateus 23:23, e não estamos debaixo da lei de moisés, portanto, o mandamento de dizimar mencionado em malaquias 3:8-11 tão usado nos arraiais evangélicos não se refere a nós.

      “todavia vós me roubais…” mas quem roubava nos dízimos??? os israelitas, unicos que tinham esse mandamento, pra quem aquelas admoestações eram dirigidas, conforme malaquias 1:1.

      Cristão não tem o mandamento de dizimar… muito menos em dinheiro, coisa que jamais foi vista na bíblia!

      • UÉ , ‘ MINHA CASA” , É O QUE ? (MALAQUIAS 3 vers,10 )
        eu não vi apostólo na biblia dando dizimo . MÁS o Senhor JESUS lá em MATEUS 23,vers23 diz ” ai de vós ,escribas e fariseus ,hipocritas,porque dais o dizimo da hortelã,do edro e do cominho e tendes negligenciado os preceitos mais importantes da lei: a justiça,a misericordia e a fè ;DEVIEIS PORÉM FAZER ESTAS COISAS,sem omitir aquelas ” .
        esta bem claro JESUS diz que aos fariseus que é certo devolver o dizimo más eles não cumpriam outras coisas .
        outra ANANIAS E SAFIRA , lá em atos 5 vers 2 ” más, em acordo com sua mulher reteve parte do preço e,levando o restante ,depositou aos pés dos apostolos.”
        se RETEVE parte do valor da venda da propriedade o valor não foi apresentado !
        não é verdade ?

          • ok , DIAS , vou lá na bolsa de valores e pedir as ações do facebook,shell,aplle,microsoft e alegar que não é dinheiro .
            vou na CEASA de SP pegar uma carreta de COENTRO e dizer para o comerciante que vai levar para hipermercado que não é dinheiro.
            vou chegar no BANCO CENTRAL pegar centenas de barras de ouro e levar para mim e dizer : o DIAS falou que não é DINHEIRO !
            naquela época DIAS , temperos,óleos,azeites eram as riquezas .
            na 7ª série do ginásio toda criança aprende isto !
            História,comercio do oriente)

          • KKKKK HORTALIÇAS DEUS CHAMA DE TESOURO KKKKKK
            ELE NÃO CONHECE O OURO E A PRATA KKKK CHAMA DE TESOURO HORTALIÇAS KKKKKKKKK CONTA OUTRA A VAI CONTA OUTRA HORTALIÇAS = TESOURO KKKKKK

        • renildo

          “esta bem claro JESUS diz que aos fariseus que é certo devolver o dizimo más eles não cumpriam outras coisas”

          Jesus mandou os fariseus darem o dízimo (da lei de moisés) porque eles estavam debaixo da lei de moisés… os fariseus não eram seguidores de Cristo, e sim da lei de moisés, e por isso deveriam observa-la.

          “outra ANANIAS E SAFIRA , lá em atos 5 vers 2 ” más, em acordo com sua mulher reteve parte do preço e,levando o restante ,depositou aos pés dos apostolos.”se RETEVE parte do valor da venda da propriedade o valor não foi apresentado ! não é verdade ?”

          A verdade é que dízimo sequer é mencionado na passagem de atos 5, onde se fala de ananias e safira… outra forçação de barra por parte dos pró-dízimos, desesperados por não encontrarem no novo testamento base bíblica para tomarem dízimos dos incautos.

          • Stardust,

            Não podem os apóstolos falar em dízimos, afinal pregaram os cem por cento.

            dízimo é décima parte, já cem por cento é cem por cento.

            Eles pregaram a mesma coisa que Cristo.

            Pra Deus não pode ser a sobra, tanto que chamou de hipócritas os que doavam os dez por cento, mas que queriam ser vistos, queriam lugar de destaque.

            Para acabar com isso, Cristo ensinou o cem por cento. Se uma mulher pobre deu tudo, então o rico dê tudo.

            Mas estude o português, pois dízimo é diferente do todo, aquele é apenas a décima parte do todo.

            Cristo mandou que nos entregássemos a Ele de alma, corpo e coração, e que se fosse rico, também o fizesse quanto aos bens.

            Mas não disse que seria mandamento, vez que o fosse, ninguém chegaria no céu. Os sonegadores são cem por cento. Uns mais outros menos sonegam, mas que somos, somos sim senhor.

            Engraçado que vejo em você o espírito de caim, o que tinha inveja da forma como o irmão dele se relacionava com Deus quanto ao dízimo.

            Meu caro, Deus é misericordioso pra ficar impedindo sua salvação por nunca ter dado nada, Ele nos conhece, sabe das nossas mesquinharias, podridões, hipocrisias, poder de apontar julgar os outros, a verdade, fique sabendo, que o céu não caberia nenhum de nós, pois todos faltosos.

            A sorte é que Cristo que nos comprou a parte do ingresso/bilhete que nos falta pra entrar no céu e Ele vai emendar tal bilhete, único meio de você ser salvo.

            Mas a continuar com essa história, Cristo vai ter que comprar cem por cento do teu bilhete de ingresso, pois é do tipo que não entra e não deixa os outros entrarem, pois cheio de ensinos erroneos e ilações equivocadas.

        • Renildo,
          Um dia eu estive na religião evangélica. ( e lá fiquei por 10 anos), porém eu queria o eterno de coração e busquei…. e conheci a verdade e quando conhecemos a verdade a mentira nunca mais terá poder sobre nós.
          Se você ama o eterno de mais ouvidos às palavras dele do que do seu próprio pastor.
          Faça as perguntas corretas para sí mesmo….
          Já existia dinheiro na época? Lembra-se? De quem é a imagem na moeda? De Cezar?
          Porque o Messias não citou a moeda?
          Lembre-se. Tudo na LEI É SOMBRA…. HÁ UMA RAZÃO ESPIRITUAL PARA O O DIZIMO SER COMIDA. E a verdade que lhe escondem de você é tremenda e de vital importância para salvação…. Mas vejo que você já tem sua verdade, e não se importa se realmente esta palavra que você recebeu vem do eterno ou não, que é a palavra própria do seu pastor, cão guloso lhe deu…
          Mas todos nós teremos que prestar contas ao ETERNO e não nosso pastor. E quando o ETERNO YHWH perguntou a Adão e ele culpou Eva que lhe deu o fruto. Ele foi justificado por isso? Adiantará falar que é culpa do pastor? Você tem as palavras do YHWH na sua mão e não quer entender? O Messias disse “As minhas ovelhas ouvem a minha voz….” mas aqueles que não ouviam ele disse ” mas vocês não são minhas ovelhas”….
          O messias disse “Eu sou o bom pastor que dá a vida pelas ovelhas” … e mais ” Haverá um só rebanho e um só pastor!” … e mais ” A ninguém chameis mestre, pai, etc, etc” E os escribas lhe perguntaram:”Por que transgridem os teus discípulos a tradição dos anciãos?…” Ele, porém, respondendo … “Por que transgredis vós, também, o mandamento de Deus pela vossa tradição?”…

          O que dirá ao eterno que você acreditou mais nas palavras de HOMENS e doutrinas de HOMENS Do que no Unigênito filho de YHWH? O único que deu o sangue por você e não merece seu crédito? Mas outro vem, em seu próprio nome, com sua própria palavra e você crê mais nos homens do que naquele que lhe deu todo o sangue dele?

          Escolha o Bom Pastor, aquele que deu o sangue por você.

  11. ESTUDO BÍBLICO:

    “AS 10 MAIORES MENTIRAS SOBRE OS 10 POR CENTO DOS DÍZIMOS”

    Muitas igrejas insistem no ensino errôneo de que os dízimos ainda são obrigatórios mesmo para os cristãos que vivem debaixo da graça de Jesus Cristo, e se utilizam de argumentos que se tornaram verdadeiros mitos dentro da comunidade evangélica, porém como eles dizem que o dízimo é 10 por cento, vamos usar o mesmo princípio numérico e verificar biblicamente as 10 argumentações mentirosas mais difundidas a respeito do dízimo.

    1º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI ORDENADO POR DEUS NO JARDIM DO ÉDEN, POIS A ÁRVORE DO CONHECIMENTO REPRESENTA O DÍZIMO”

    Na verdade, biblicamente o dízimo foi ordenado no monte sinai (levíticos 27:30-32; Números 18:21-24) e portanto, não foram instituidos no Jardim do Éden, pois sequer é mencionado que Adão e Eva receberam o mandamento de dizimar. A associação que muitos religiosos que insistem em receber dízimos fazem de que a árvore do conhecimento do bem e do mal (Gênesis 2:9), pois não era permitido a Adão e Eva comer dela (Gênesis 2:17) portanto ela seria segundo eles um “símbolo” do dízimo, mas isso é uma associação esdrúxula, pois sequer há um texto bíblico que faça uma ligação entre essa árvore do Jardim do Éden e o dízimo da lei de moisés, sequer se diz que a árvore ocupava 10% do espaço do Jardim do Éden. Trata-se portanto de mais um argumento ridículo usado pelos líderes religiosos para levar o povo a acreditar que o dízimo não era somente obrigatório perante a lei de moisés.

    2º MENTIRA – “O DÍZIMO SEMPRE FOI OBRIGATÓRIO MESMO ANTES DA LEI DE MOISÉS”

    O dízimo antes de sua ordenança no Sinai era voluntário, sendo mencionado apenas 2 vezes antes de se tornar obrigatório, Abraão deu uma única vez um dízimo do despojo de guerra quando resgatou seu sobrinho ló e jacó fez um voto a Deus (gênesis 14:17-20, gênesis 28:20-22)

    Pelas seguintes razões, Gênesis 14:20 não pode ser usado como exemplo para os cristãos dizimarem: 1º – A Bíblia não diz que Abraão deu obrigatoriamente esse dízimo. 2º – O dízimo de Abraão não foi um dízimo santo, da Terra Santa de Deus, produzido pelo povo santo de Deus. 3º – O dízimo de Abraão foi somente do despojo de guerra (hebreus 7:4). 4º – O dízimo de Abraão a Melquisedeque aconteceu apenas uma vez e Abraão mudava sempre de lugar. 5º – O dízimo de Abraão não proveio de sua riqueza pessoal. 6º – O dízimo de Abraão não é mencionado em nenhuma parte da Bíblia, seja no velho ou no novo testamento a fim de respaldar o ato de dizimar. 7º – Visto como nem Abraão nem Jacó tinham um sacerdócio levítico para manter, eles não tinham lugar algum onde entregar os dízimos, durante os seus muitos deslocamentos.

    No caso específico de Jacó, lemos o seguinte: “Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista,de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus;e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo” (Gênesis 28:20-22). O texto bíblico é claro, que Jacó fez um propósito particular (um voto) de que se Deus fosse favorável à ele, que ofereceria à Deus o dízimo. Não se vê também neste caso nenhuma ordem explicita de Deus ou algum sacerdote a mando Dele, para que Jacó dizimasse, e vemos que foi uma promessa de Jacó para Deus, não há relatos posteriores na Bíblia que ele tenha de fato dizimado, apenas se observa a sua promessa, seu compromisso de entregar o décimo de tudo que viesse a obter daquele momento em diante. Outra vez, não vemos na Bíblia nenhuma passagem em que vemos escrito que devemos dizimar como Jacó fez, portanto trata-se de mais uma mentira que os líderes criaram para tentar fazer parecer que os dízimos eram obrigatórios antes mesmo da lei de moisés.

    3º MENTIRA – “O DÍZIMO DOS ALIMENTOS DO VELHO TESTAMENTO FOI SUBSTITUÍDO POR DÍZIMO DO DINHEIRO NOS DIAS ATUAIS”

    Não há um versículo na biblia informando que dízimo obrigatório da lei de moisés possa ser ouro, prata, moeda, dinheiro, etc. Dízimo sempre foi apenas alimento do campo vegetal ou animal (levíticos 27:30 e 32) mesmo quando havia metais preciosos como moeda corrente. Abraão no seu tempo comprou uma sepultura para sua esposa por 400 ciclos de prata (gênesis 23:16)

    Embora já existisse dinheiro, a substância do dízimo divino jamais foi dinheiro. Ele era o “dízimo do alimento”. Isso é muito importante. Os verdadeiros dízimos bíblicos eram sempre somente o alimento proveniente das fazendas e rebanhos, somente dos israelitas que vivessem exclusivamente dentro da Terra Santa de Deus, as fronteiras nacionais de Israel. A fartura provinha de Deus e não da manufatura ou habilidade do homem.

    Existem 15 versículos de 11 capítulos e 8 livros, de Levítico 27 a Lucas 11, que descrevem o conteúdo do dízimo. E o conteúdo jamais, repito, jamais incluía dinheiro, prata, ouro ou qualquer outra coisa, além de alimento. Mesmo assim, a definição incorreta de “dizimar” é a maior mentira que está sendo pregada sobre esse ato, hoje em dia. (Veja Levítico 27:30,32; Números 18:27,28; Deuteronômio 12:17; 14:22, 23, 26; 2 Crônicas 31:5; Neemias 10:37; 13:5; Malaquias 3:10; Mateus 23:23 e Lucas 11:42).

    Não se observa portanto em toda a bíblia, alguém entregando dízimo em dinheiro, pois dízimo era décima parte dos alimentos ( agropecuários ou agrícolas ), e jamais foi entregue em dinheiro. E o dinheiro já era corrente nos tempos bíblicos, pois o próprio moisés que recebeu a lei para o povo lidou com dinheiro: “Então, Moisés tomou o dinheiro do resgate dos que excederam os que foram resgatados pelos levitas.Dos primogênitos dos filhos de Israel tomou o dinheiro, mil trezentos e sessenta e cinco siclos, segundo o siclo do santuário. E deu Moisés o dinheiro dos resgatados a Arão e a seus filhos, segundo o mandado do SENHOR, como o SENHOR ordenara a Moisés” (Números 3:49-51)

    Mais uma prova de que o dízimos sempre foram alimentos podem ser vista nessa passagem bíblica: “DOS DÍZIMOS NÃO COMI no meu luto e deles nada tirei estando imundo, nem deles dei para a casa de algum morto; obedeci à voz do SENHOR, meu Deus; segundo tudo o que me ordenaste, tenho feito” (Deuteronômio 26:14)

    Portanto, mais uma mentira dos líderes que ensinam sobre a obrigatoriedade dos dízimos é revelada, quando dizem que nos tempos bíblicos dízimos eram entregues em alimentos porque dinheiro ainda não existia, mas abraão e até moisés lidavam com dinheiro, e mesmo assim na obrigatoriedade da lei de moisés nunca se pagava dízimos em dinheiro, pois dízimo sempre foi a décima parte dos alimentos, do campo e animais, e nada tem a ver com a exigência de entrega de 10% do dinheiro que os cristãos recebem para esses líderes que ensinam erradamente sobre dízimos. Dízimo nunca foi pago em dinheiro, apenas em alimentos. Se o seu pastor ou líder insistir em dizer que pode ser pago em dinheiro exija que ele mostre alguém dizimando em dinheiro na bíblia, pois dinheiro já existia e era usado naquela época.

    4º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI DADO POR DEUS AOS LEVITAS DA VELHA ALIANÇA E HOJE OS PASTORES DA NOVA ALIANÇA SUBSTITUIRAM ESSES LEVITAS PORTANTO DEVEM RECEBER DÍZIMOS”

    O dízimo foi dado aos levitas, mas para que eles fizessem todo o trabalho da tenda da congregação (Números 18:21-23). Se hoje os membros leigos fazem mais de 90 % do trabalho e os pastores recebem todo o dízimo isso não é biblico, é humano. Na igreja primitiva de atos, um levita, chamado josé de sobrenome barnabé dava ofertas ao invés de receber dízimos dos apóstolos e membros da igreja cristã: “José, a quem os apóstolos deram o sobrenome de Barnabé, que quer dizer filho de exortação, LEVITA, natural de Chipre, como tivesse um campo, vendendo-o, trouxe o preço e o depositou aos pés dos apóstolos” (atos 4:36-37) Portanto fica evidente que com a mudança do sacerdócio mudou a lei: “Pois, quando se muda o sacerdócio, necessariamente há também mudança de lei” (hebreus 7:12)

    Na economia hebraica, o dízimo era usado de maneira totalmente diferente da que hoje é pregada. Mais uma vez, os levitas que recebiam o dízimo inteiro nem sequer eram ministros ou sacerdotes – eles eram apenas servos dos sacerdotes. Números 3 descreve os levitas como sendo carpinteiros, fundidores de metal, artesãos de couro e artistas, que mantinham o pequeno santuário. E 2Crônicas 23-27, durante o tempo dos reis Davi e Salomão, os levitas também foram peritos artesãos, os quais inspecionavam as obras do Templo. Vinte e quatro mil deles trabalhavam no Templo como construtores e supervisores; seis mil eram oficiais e juízes; quatro mil eram guardas e quatro mil eram músicos. Como representantes políticos do rei, os levitas usavam o seu dízimo para servir aos oficiais, juízes, coletores de impostos, tesoureiros, guardas do Templo, músicos, padeiros, cantores e soldados profissionais (1Crônicas 12:23,26; 27:5). É obvio que esses exemplos do uso bíblico da entrada do dízimo nunca se tornam exemplos para a igreja de hoje. É importante saber que na Antiga Aliança os dízimos nunca eram usados para evangelizar os não israelitas. Neste ponto o dízimo falhou. Vejam Hebreus 7:12-19. Os dízimos jamais estimularam os levitas e sacerdotes da Antiga Aliança a estabelecer uma única missão fora do país, para encorajar um só gentio a se tornar israelita (Êxodo 23:32; 34:12,15; Deuteronômio 7:2). O dízimo da Antiga Aliança era motivado e exigido por lei, não pelo amor. De fato, durante a maior parte da história de Israel, os profetas foram os principais portadores da Palavra de Deus e não os levitas e os sacerdotes que recebiam o dízimo.O falso ensino é que os anciãos e pastores da Nova Aliança estão simplesmente continuando de onde os sacerdotes da Antiga Aliança deixaram e por isso devem receber o dízimo. A função e o propósito dos sacerdotes da Antiga Aliança foram substituídos, não pelos anciãos e pastores, mas pelo sacerdócio de todos os crentes. Como outras ordenanças da Lei, o dízimo foi apenas uma sombra temporária, até a vinda de Cristo (Efésios 2:14-16; Colossenses 2:13-17; Hebreus 10:1). Na Nova Aliança cada crente é um sacerdote de Deus (1 Pedro 2:9-10; Apocalipse 1:6; 5:10). E como sacerdote cada crente oferece sacrifícios a Deus (Hebreus 4:16; 10:19-22; 13:15-16). Então, cada ordenança que havia sido previamente aplicada ao antigo sacerdócio foi anulada no Calvário. Visto não pertencer à Tribo de Levi, até mesmo Jesus Cristo foi desqualificado. Desse modo, o propósito original de dizimar já não existe (Hebreus 7:12-19; Gálatas 3:19, 24, 25; 2Coríntios 3:10).

    Portanto, não há nenhum mandamento no novo mandamento do cristão entregar os dízimos aos pastores, pois o dízimo somente podia ser recebido pelos levitas: “Ora, os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm mandamento de recolher, de acordo com a lei, os dízimos do povo, ou seja, dos seus irmãos, embora tenham estes descendido de Abraão” (hebreus 7:5), e os levitas só existiam na velha aliança da lei de moisés, pastores não são substitutos deles pois são ministros de Deus (I Coríntios 4:1) e nem sequer é ordenado que se deva entregar dízimos em favor da obra de Deus, pois ela é sustentada pelas ofertas voluntárias (2Coríntios 9:7).

    5º MENTIRA – “O DÍZIMO RECEBIDO É SOMENTE PARA USO DOS PASTORES”

    Biblicamente, o dízimo pertencia aos levitas (números 18:21-23), mas também para se fazer um festival ao Senhor (deuteronômio.14:22-27) e a cada terceiro ano, para os levitas, órfãos, viúvas e estrangeiros, os quais comiam o dízimo ajuntado dentro das suas portas (deuteronômio14:28-29). Se ofertas e dízimos eram sagrados ao Senhor e não podiam ser comidos por pessoas comuns neste caso Deus abre um exceção, visto que para ele misericórdia é melhor que sacrificio (Oséias 6:6; Mateus 12:7), a vida dos carentes é preciosa ao senhor (veja um exemplo disso em Lucas 6:1-10)

    Portanto mais uma vez, é biblicamente demonstrado que os dízimos recebidos pelos levitas não eram de uso exclusivo deles… os necessitados ( órfãos, viúvas e os de fora de israel ), também se beneficiavam dos dízimos dos alimentos recebidos pelos levitas. Essa conversa de que só os pastores e líderes religiosos podem hoje usufruir dos dízimos não encontra respaldo bíblico. Trata-se de mais uma doutrina de homem.

    6º MENTIRA – “CRISTÃO QUE NÃO DÁ O DÍZIMO SERÁ VITIMA DO “DEVORADOR”
    Se você é evangélico provavelmente já deve ter ouvido alguém falar a respeito do devorador. Muitas igrejas pregam a respeito desse ser. Mas o que os líderes religiosos gananciosos não fazem é mostrar aos membros que a admoestação de Malaquias é dirigida somente à nação de Israel, e não aos cristãos de hoje que não dizimam:

    “Sentença pronunciada pelo Senhor CONTRA ISRAEL contra Israel, por intermédio de Malaquias” (Malaquias 1:1)

    e, se destina especificamente, aos SACERDOTES CORRUPTOS:

    “Agora, ó sacerdotes, para vós outros é este mandamento.Se o não ouvirdes e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao meu nome, diz o SENHOR dos Exércitos, enviarei sobre vós a maldição e amaldiçoarei as vossas bênçãos; já as tenho amaldiçoado, porque vós não propondes isso no coração” ( Malaquias 2:1-2)

    Eles estavam ofertando ANIMAIS coxos, cegos mudos, e defeituosos:

    “Ofereceis sobre o meu altar pão imundo e ainda perguntais: Em que te havemos profanado? Nisto, que pensais: A mesa do SENHOR é desprezível. Quando trazeis animal cego para o sacrificardes, não é isso mal? E, quando trazeis o coxo ou o enfermo, não é isso mal? Ora, apresenta-o ao teu governador; acaso, terá ele agrado em ti e te será favorável? – diz o SENHOR dos Exércitos.” (Malaquias1:7-8)

    Quanto a Malaquias 3, notamos que Deus manda trazer somente “DÍZIMOS” para as câmaras do depósito do templo, para que haja “comida” ( alimento, ou mantimento ) em minha casa. Isto é , mantimento = produtos alimentares (ver dicionário da língua portuguesa)

    O texto mais famoso citado para falar a respeito do devorador é Malaquias 3:11, que diz: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.” Esse texto é a continuação de Malaquias 3:10, o tão famoso texto que fala a respeito de dízimos no Antigo Testamento. os líderes gananciosos dizem que o “devorador” mencionado nesse texto é um demônio que destrói as finanças daqueles que não dão os 10%, ou seja, que não são dizimistas. As pessoas que pregam nessa linha trazem ameaças de destruição financeira aos seus ouvintes se os mesmos não forem dizimistas fiéis.

    O DEVORADOR É MESMO UM DEMÔNIO? A resposta é não! Os que afirmam que esse devorador citado no texto é um demônio, no mínimo, faltaram em algumas aulas de interpretação da Bíblia. A primeira coisa a sabermos é que no Antigo Testamento, a aliança que vigorava era uma aliança baseada na obediência. Se o povo fosse obediente às leis de Deus seriam abençoados. Essas bênçãos eram visivelmente mandadas em forma de paz e boas colheitas e prosperidade. Se fossem desobedientes, seriam amaldiçoados. Falta de paz e colheitas ruins estavam em vista aqui. (Deuteronômio 28). Em uma das ameaças de maldições em suas colheitas, que Deus manda ao povo através do profeta Joel, vemos que: “O que deixou o gafanhoto cortador, comeu-o o gafanhoto migrador; o que deixou o migrador, comeu-o o gafanhoto devorador; o que deixou o devorador, comeu-o o gafanhoto destruidor.” (Joel 1:4). Uma maldição que tinha em vista a destruição da lavoura.

    O texto de Malaquias 3:11 diz a mesma coisa: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.”. Esse devorador certamente se tratava de um tipo de gafanhoto altamente destrutivo ou outro “bicho” que acabava com as plantações (que eram a base da economia do povo de Israel). A ação devastadora desse “ser” acabava com a prosperidade do povo em pouco tempo atacando suas lavouras. Quando o povo era obediente a Deus e cumpria a Sua lei, que no caso desse texto é a lei de dizimar, Deus abençoava suas colheitas e negócios. Esse é o sentido desse texto. Assim, não faz sentido usar esse texto para afirmar que o devorador era um demônio ou coisa parecida. Nem faz sentido ameaçar as pessoas hoje em dia com esse “devorador”

    “repreenderei o devorador” Versículo 11 (Não é dinheiro que faz isto, é o próprio Deus)

    Devorador, segundo a bíblia, nunca foi demônio, e sim, gafanhotos, que Deus enviava como pragas a terra para castigar o povo, e estes gafanhotos, Deus os chamavam de “O meu grande exercito” (Joel 2:22-27) …”repreenderei o devorador ” significa… espantarei a praga do meio da vossa plantação (gafanhotos), veja também Levítico 11:22 e Naum 3:16.

    Os líderes gananciosos que ensinam que esses “devoradores” são demônios que irão causar doenças na família, o carro vai viver quebrando etc, aproveitam o desconhecimento dos cristãos do verdadeiro devorador ao qual Malaquias se refere, o gafanhoto que devorava as colheitas da nação de israel. Não há confirmação nenhuma no novo testamento de que quem não dizima será vitima desse “devorador”… quando um ladrão quer tomar o dinheiro de uma pessoa, ele a ameaça, pois se pedir provavelmente a vítima não entregará o seu dinheiro, e por conta disso o ladrão usa o recurso da ameaça, para forçá-la, da mesma forma agem esses pastores que insistem em receber dízimos pois usam um texto fora de seu real contexto para ameaçar dizendo que o mesmo “devorador” que viria sobre a nação de israel se não dizimasse virá para aqueles que não entregam seus dízimos a eles.Trata-se portanto de mais um ensino distorcido da bíblia para forçar os cristãos que não estudam a bíblia a dizimarem.

    Hoje em dia, a classe mais pobre é a que mais contribui para beneficência. E, mesmo assim, ela permanece na pobreza. Os dízimos não são uma garantia para alguém enriquecer depressa, em vez da educação, da determinação e do árduo trabalho. Se Malaquias 3:10 funcionasse realmente com os cristãos da Nova Aliança, nesse caso milhões de cristãos dizimistas já teriam escapado da pobreza e se tornado o grupo mais rico do mundo, em vez de continuar sendo pobre. Portanto, não existe evidência alguma de que a vasta maioria dos pobres “pagadores do dízimo” tenha sido abençoada pelo mero fato de o entregar. As bênçãos da Antiga Aliança já não estão em efeito (Hebreus 7:18-19; 8:6-8,13).

    Portanto, não há nenhuma possibilidade de um cristão ser vítima do “devorador” (demônio) por causa de não ser dizimista, pois nenhuma maldição da antiga aliança pode atingir aos cristãos da nova aliança em Jesus ( gálatas 3:13 )

    7º MENTIRA – O DÍZIMO SERVE PARA MANTER A IGREJA FÍSICA HOJE, POIS ELA SUBSTITUIU O TEMPLO JUDAÍCO ONDE SE ENTREGAVAM OS DÍZIMOS.

    Nada poderia estar mais longe da verdade. Trata-se de outro falso ensino os religiosos que exigem dízimos de que os edifícios chamados “igrejas”, “tabernáculos” ou “templos”, substituíram o Templo do Velho Testamento como locais de habitação divina.

    A Palavra de Deus jamais descreve os grupos da Nova Aliança como ”tabernáculos”, “templos” ou “edifícios”. Os cristãos não “vão à igreja”. Eles se “reúnem para adorar”. Também, visto que os sacerdotes do Velho Testamento pagavam o dízimo, então, logicamente, o dízimo não pode continuar. Nesse caso, é errado chamar um edifício de “armazém do Senhor” para receber os dízimos (1 Coríntios 3:16-17; 6:19-20; Efésios 1:22-23; 2:21; 4:12-16; Apocalipse 3:12). Com respeito à palavra “armazém” comparem a 1 Coríntios 16:2 com a 2 Coríntios 12:14 e Atos 20:17, 32-35. Durante vários séculos após o Calvário, os cristãos nem mesmo possuíam um edifício próprio (que chamassem de armazém), visto como o Cristianismo era uma religião ilegal e sofria perseguições.

    Após o sacrifício de Jesus, o véu do santuário se rasgou: “E o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo” (Marcos 15:38) e hoje, cada cristão é um santuário onde habita o Espírito Santo: “Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?” (I Coríntios 3:16) Não há sequer um Templo ou santuário físico para que os cristãos levem os dízimos pois: “O Deus que fez o mundo e tudo o que nele existe, sendo ele Senhor do céu e da terra, não habita em santuários feitos por mãos humanas” (Atos 17:24). Jesus sequer fundou uma igreja física, pois a verdadeira igreja é espiritual.

    1. Que autoridade nos dá a Palavra de Deus para estabelecermos igrejas denominacionais ou não denominacionais em meio ao testemunho cristão, quando as Escrituras condenam a criação de divisões entre os crentes? (1 Coríntios 1:10; 3:3; 11:18-19)

    2. Com que autoridade vinda de Deus os cristãos denominam suas assim chamadas “igrejas” como Presbiteriana, Batista, Pentecostal, Aliança, Cristã Reformada, Anglicana etc., quando não há na Bíblia instruções para nos reunirmos em qualquer outro nome além do nome do Senhor Jesus Cristo? (Mateus 18:20; 1 Coríntios 5:4)

    3. Será que existe qualquer base na Palavra de Deus para chamar esses edifícios de “igrejas”? A definição bíblica de “igreja” é de uma reunião de crentes que, pelo evangelho, foram chamados para fora, tanto dentre os judeus como dentre os gentios, e são unidos em um único corpo a Cristo, sua Cabeça no céu, pela habitação do Espírito Santo. (Atos 11:22; 15:14; 20:28; Romanos 16:5; 1 Coríntios 1:2; Efésios 5:25)

    4. Onde há no Novo Testamento uma referência mandando os Cristãos construírem templos e chamarem esses locais de “Cada de Deus”, sendo que Deus não habita em templos feito por mãos humanas? (Atos 7:48 e 17:24).

    Dizer que os dízimos são necessários para manter a igreja e sustentar os pastores e líderes não tem fundamentação bíblica neotestamentária, O apóstolo Paulo estava entre os que insistiam em trabalhar com as próprias mãos pelo seu sustento (Atos 18:3; 1Tessalonicenses 2:9-10; 2Tessalonicenses 3:8-14). Embora ele não tenha condenado os que recebiam sustento pela obra em tempo integral, também não ensinou que tal sustento fosse ordenado por Deus, para difusão do Evangelho. (1 Coríntios 9:12). De fato, duas vezes em Atos 20:29, 35 e também em 2 Coríntios 12:14, ele até mesmo encoraja os anciãos da igreja a trabalharem para manter os necessitados da igreja (Eu só queria ver um dos pastores atuais trabalhando para ajudar os pobres da igreja!).

    Para Paulo, a expressão “viver do evangelho” significava “viver segundo os princípios da fé, do amor e da graça” (1 Coríntios 9:14). Conquanto verificasse ter “direito” a alguma ajuda, ele concluía que a “liberdade” de pregar o seu evangelho era mais importante, a fim de cumprir a sua vocação de Deus (1 Coríntios 9:15; 11:7-13; 12:13,14; 1 Tessalonicenses 2:5-6). Enquanto trabalhava como artesão de tendas (atos 18:3), Paulo aceitou uma certa ajuda, porém se gloriava de que o seu pagamento ou salário era o fato de poder pregar livremente, sem se tornar um fardo para os outros (1 Coríntios 9:16-19).

    Em nenhum lugar desde Atos 7:58 (onde Paulo é mencionado pela primeira vez) até suas epístolas, não vemos o apóstolo Paulo orientando alguém a dizimar nem recebendo dízimos dos cristãos, portanto uma prova clara que a igreja primitiva não tinha o dízimo como uma doutrina cristã e inquestionável como se vê hoje nessas igrejas que dizem seguir fielmente as Escrituras.

    Paulo deixou claro que os que pregavam o evangelho tinham todo o direito de serem supridos com as ajudas e doações voluntárias dos cristãos (I Coríntios 9:11 e 14, Filipenses 4:18 ), mas nunca disse que seria dos dízimos! Sequer há mandamento seja do Senhor Jesus ou de seus apóstolos dos cristãos entregarem seus dízimos nos “templos” que hoje conhecemos como igreja, pois Jesus nunca fundou uma igreja física, nem ordenou que se fizessem construções para ali os seus seguidores se reunirem! Se o dízimo fosse tão necessário e importante como esses líderes gananciosos querem fazer parecer, teria o apóstolo Paulo esquecido de mencionar algo tão importante? obviamente que não, pois ele é categórico ao dizer: ” jamais deixando de vos anunciar coisa alguma proveitosa e de vo-la ensinar publicamente e também de casa em casa” e ” porque jamais deixei de vos anunciar todo o desígnio de Deus” (atos 20:20 e 27)… ou seja, tudo que era necessário ele, Paulo, ensinou e o Apóstolo Paulo nunca incentivou ou ensinou os cristãos a dizimarem!

    Portanto comprovadamente os dízimos não são obrigatórios serem entregues, muito menos nas igrejas físicas de hoje.

    8º MENTIRA – “DAR OFERTAS, MESMO ACIMA DE 10% DA SUA RENDA, NÃO TEM O MESMO VALOR ESPIRITUAL, POIS QUEM NÃO DÁ O DÍZIMO ROUBA A DEUS E NÃO SERÁ SALVO POIS ESTÁ DEBAIXO DE MALDIÇÃO”

    Tanto a bênção como a maldição de Malaquias 3:9-11, perduraram somente até o término da antiga Aliança, ou seja, até o Calvário. A audiência de Malaquias havia voluntariamente reafirmado a Antiga Aliança (Neemias 10:28-29. “Maldito aquele que não confirmar as palavras desta lei, não as cumprindo. E todo o povo dirá: Amém” (Deuteronômio 27:26, citado em Gálatas 3:10). E Jesus Cristo deu um fim a essa maldição, conforme Gálatas 3:13: “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro”. Portanto nenhuma maldição proveniente da não observância da lei de moisés (e o dízimo pertencia a ela) atinge aos cristãos. Mas os lideres gananciosos que recebem dízimos escondem isso dos membros.

    Mas não é porque o Cristão não seja mais obrigado a dizimar que ele esteja isento de ajudar na propagação do evangelho e em favor dos necessitados pois: “Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria” (2coríntios 9:7).

    “Também, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus concedida às igrejas da Macedônia; porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade.Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários” (2coríntios 8:1-3) Essa era a prática da igreja de Deus que Cristo estabeleceu.

    Os princípios de dar no Novo Testamento, na 2Coríntios capítulos 8 e 9 são superiores ao dizimar, que não é obrigatório aos cristãos.

    Os seguintes princípios de dar voluntariamente na Nova Aliança estão fundamentados na 2 Coríntios 8 e 9 (1). Dar é uma “graça”. A 2 Coríntios 8 usa oito vezes a palavra “graça”, referindo-se à ajuda aos santos pobres (2). Dar primeiro a Deus (8:5). (3) Dar-se a si mesmo para conhecer a vontade de Deus (8:5) (4) Dar em resposta ao dom de Cristo (8:9 e 9:15). (5) Dar com desejo sincero (8:8, 10, 12 e 9:7) (6) Não dar por causa de mandamento algum (8:8,10; 9:7). (7) Dar além de sua capacidade (8:3, 11, 12) (8) Dar para produzir igualdade. Isso quer dizer que os que têm mais devem dar mais, a fim de suprir a incapacidade dos que não podem dar mais (8:12,14) (9) Dar com alegria (8:2). (10) Dar porque está crescendo espiritualmente (8:3,4,7). (11) Dar porque deseja crescer espiritualmente (9:8, 10, 11). (12) Dar porque está ouvindo o Evangelho ser pregado (9:13).

    9º MENTIRA – “JESUS MANDOU OS CRISTÃOS DAREM O DÍZIMO NO NOVO TESTAMENTO”

    O falso ensino é que Jesus ensinou a dizimar, em Mateus 23:23, dizendo que isso está claro no Novo Testamento.

    Em primeiro lugar, A Nova Aliança (o novo testamento) não teve princípio no nascimento de Jesus, mas na Sua morte (Gálatas 3:19, 24, 25; 4:4). O dízimo não é ensinado na igreja, depois do Calvário. Quando Jesus falou sobre o assunto em Mateus 23:23, Ele estava simplesmente ordenando a obediência às leis da Antiga Aliança, a qual ele endossou e obedeceu até chegar ao Calvário.

    Não existe um único texto do Novo Testamento que ensine a dizimar após o período do Calvário. (Atos 2:42-47 e 4:32-35 não são exemplos para se dizimar, a fim de sustentar os líderes da igreja). Conforme Atos 2:46, os cristãos judeus continuavam a adorar no Templo. E conforme Atos 2:44 e 4:33,34, os líderes da igreja compartilhavam igualmente o que recebiam com todos os membros da igreja (o que hoje os líderes gananciosos que recebem dízimos não fazem).

    Aliás, Jesus sequer é mencionado dizimando ou recebendo dízimos… e porque os líderes gananciosos pedem dízimos em nome de Jesus sendo que o próprio Jesus disse: “em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas;pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre enfermos, eles ficarão curados” (Marcos 16:17-18)… Ele nunca disse ” em meu nome receberão dízimos…”

    Portanto comprovadamente mais uma mentira desses homens que se dizem ordenados por Deus a exigirem dízimos dos cristãos incautos foi desmascarada! Jesus nunca ordenou que os seus discípulos e futuros apóstolos recolhessem dízimos… e porque esses líderes acham que podem fazer diferente? Bem o Senhor Jesus profetizou sobre esses tipos: “Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores” (Mateus 7:15)

    10º MENTIRA – “JESUS RECEBE DÍZIMOS DOS CRISTÃOS CONFORME HEBREUS 7:8″

    O início do capítulo 7 de hebreus é apenas citação do Antigo Testamento, onde fala do sacerdócio de Melquisedeque. Em Hebreus 7:5 diz: ” E os que dentre os filhos de Levi receberam o sacerdócio tem ordem, segundo a lei, de tomar os dízimos do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão”

    A lei foi dada por intermédio de Moisés, ao povo, direcionada aos filhos de Levi, especificamente aos que receberam sacerdócio para trabalhar nas tendas das congregações ( montagem e desmontagem de tendas no deserto), os quais tinham ordem, segundo a lei de receber os dízimos dos seus irmãos. Agora note o relato do versículo 11 e 12:

    Hebreus 7:11: De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade se havia logo de que outro sacerdote se levantasse, segundo a ordem de Melquisedeque (referindo-se ao Salvador) e não fosse chamado segundo a ordem de Arão? (menção a Moisés, o qual introduziu a lei ao povo).

    Hebreus 7:12: Porque mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança na lei.

    Meditando no texto acima, especificamente nestes versículos, onde a palavra assegura que os sacerdotes Levíticos recebiam os dízimos segundo a lei (Hebreus 7:5), Porque através deles (sacerdotes Levíticos) o povo recebeu a lei (Hebreus 7:11) e mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também, mudança na lei (Hebreus 7:12), porque se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (pelo qual o povo recebeu a lei), qual a necessidade de que enviasse outro Sacerdote? Mudou o Sacerdócio, necessariamente se faz mudança na Lei.

    A lei dos dízimos foI direcionada especificamente aos filhos de Levi, aos que receberam o sacerdócio e não havendo mais “Levitas”, nem “templo”, nem sacerdote a oferecer sacrifícios, pois O Salvador já o fez, logo,se aplicada aos crentes hoje, ela torna-se intempestiva e ilegítima, porque os “pastores” de hoje não são levitas nem foram proibidos de trabalhar, nem menos tiveram promessas de herança de dízimos para sustento por não ter tido herança nas distribução de terras prometidas ao povo israelita por herança.

    Outra particularidade, no capítulo 18 do livro de Números, o Senhor Deus adverte aos sacerdotes levitas dizendo: Na sua terra, possessão nenhuma terás, e no meio deles nenhuma parte possuirás; eu sou a tua parte e a tua herança no meio dos filhos de Israel.

    Gostaria de recomendar aos pregadores contemporâneos (os que querem se assemelhar aos sacerdotes levitas que recebiam dízimos), seria bom que guardassem os mandamentos do Senhor para aquela tribo, os quais não possuíam bens materiais, pois o Senhor era a herança dos sacerdotes levitas.

    Recapitulando: Hebreus 7 apenas faz a menção pós-Calvário de dizimar, numa explanação de porque o sacerdócio levítico deve ser substituído pelo sacerdócio de Cristo, porque o sacerdócio levítico era fraco e ineficiente. Estude Hebreus 7 e sigam a progressão do versículo 5 ao versículo 12 e ao versículo 19.

    Porém, líderes gananciosos insistem em apenas mostrar hebreus 7:8 aos membros, onde segundo eles, Jesus receberia dízimos dos cristãos: “Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive” (hebreus 7:8)

    Apenas mostrando esse versículo isoladamente aos membros desavisados, querem dar a entender que esse versículo manda os cristãos ainda dizimarem, sem ler todo o real contexto do capítulo 7 de hebreus.

    Portanto hebreus 7:8 não fala de Jesus recebendo ainda dízimos dos cristãos, pois o contexto do capítulo 7 de hebreus fala na verdade da superioridade do sacerdócio de melquisedeque em relação ao levítico que era sustentado pelos dízimos. Cristãos não tem o mandamento bíblico de dizimarem.

    Considerações finais:

    Em Hebreus 7,8,9 e 10, neste 4 capítulos deixa bem claro a questão do sacerdócio perfeito, que, quando mudado o sacerdote Levítico, veio o Cristo, e mudando o sacerdócio se muda a lei ( Hebreus 7:12 ) portanto, notamos, que no novo testamento, não há ninguém dando dizimos em dinheiro, sendo que já existia, porque, Jesus foi traído por moedas, e a viúva ofertou moedas, mas dízimos, foi mencionado em alimentos, hortaliças ( Mateus 23.23 ) jamais em dinheiro, e o próprio Senhor Jesus, relatou que o dízimo era da lei para o povo de Israel , …”o mais importante DA LEI “. (Mateus 23:23)

    Paulo não mencionou dízimos, nem outro apóstolo qualquer deixou exemplo de tal prática. Em Corintios 9, Paulo pede donativos para suprir necessitados e não para manter despesas de instituições religiosas. Em Atos 4:32 em diante, notamos a generosidade dos irmãos,vendendo tudo e depositando aos pés dos apóstolos, para que se fosse feita DISTRIBUIÇÃO AOS NECESSITADOS, de forma a não haver necessitados entre eles ( esta é a justiça que excede a dos fariseus religiosos que apenas punham seus dízimos das hortaliças e achavam que estava, cumprindo sua parte) em Mateus 23:23 e Lucas 18:12. Tal prática dos fariseus, mostra religiosidade e eles não praticavam a fé, de fato, que , quem diz que dizimar é um ato de fé, é engano, porque os fariseus dizimavam , mas não praticavam a fé. O jovem rico, não foi indicado por JESUS a dizimar, e sim, vender e REPARTIR com os pobres. Jó nunca dizimou, e mesmo assim era próspero.

    Abraão só deu o dízimo uma só vez, e não foi em dinheiro, foi despojos, sobras de conquistas de guerra, dizimo de sangue, após matar os reis e tomar seus bens.

    Jacó prometeu dar o dízimo, ( um voto particular dele ) em Gênesis 28:20-22 , mas a bíblia não fala que ele cumpriu…

    Abraão não foi a “suposta” casa do tesouro ( igreja ) mas Melquisedeque lhe saiu ao encontro para receber sua parte, devido ser rei de Salém e receber por que passava em tal parte, imposto semelhante ao que Jesus nos ensinou a pagar a César (Mateus 22:21). Isto é, JESUS mandou sermos fiéis ao estado e não sonegar impostos.

    Os cobradores de impostos ao se converter, restituíram 4 vezes mais aos que haviam defraudado, e foi nisto que Jesus afirmou: “hoje houve salvação nesta casa” (Lucas 19:9)Repare que o Salvador não o mandou dar dízimos.Todas as vezes que você quiser dar algo á Deus, e restituir a Deus com gratidão, faça isto dando ao seu próximo, pois assim,estará cumprindo a palavra na íntegra, conforme Mateus 25 deixa bem claro esta questão.

    No sétimo ano, Israel, não trazia dízimos, devido ser o ano sabático,a terra descansava (Levítico 25:4) Mas e será que a igreja atual faz isto? Fica sem receber dizimos no sétimo ano?

    O DÍZIMO era vendido POR DINHEIRO,devido a distância de levar onde o Senhor escolhera, para santificar seu nome, e o próprio dizimista COMIA DOS SEUS DÍZIMOS, administrava o dízimo, hoje em dia quem come dos dízimos são os pastores, que administram os dízimos, dando ordem quê e no que será empregado os dízimos do povo. Estes ditos “sacerdotes” ( pastores) não são levíticos, nem exercem função sacerdotal superior a qualquer irmão que seja, e muito menos têm eles o direito de administrar o dízimo pessoal de cada um.

    Quanto a sacerdotes, sabemos todos nós somos, depois de Cristo nos fazer um sacerdócio real, nação santa , povo eleito de DEUS, passamos a ter livre acesso ao Pai através de CRISTO que , na sua morte, o que nos separava foi rasgado do alto abaixo, a saber o véu que separava o lugar santo,( local onde entravam os sacerdotes) do lugar santíssimo (onde só entrava o sumo sacerdote 1 vez por ano para pferecer acrificio pelo pecado do povo).

    Paulo recebeu muitas vezes ajuda da igreja, mas era para se manter, e não era salário mensal como se estivesse numa empresa. Paulo trabalhava (atos 18:3) , e em nada pesava os irmãos e a igreja.

    Se Paulo disse: “sede meus imitadores como eu sou de Cristo”, será que nesta parte, os pastores que exigem dízimos imitam à Paulo? Vemos Jesus ou Paulo recolhendo ou ensinando sobre dízimos?Em 2Coríntios 9:9, Paulo cita o salmo 112:9, onde fala da generosidade com os mais pobres: “Conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres; A sua justiça permanece para sempre”. (2 Coríntios 9:9)

    Nada falou de dízimos em dinheiro, e sim, contribuições voluntárias , para “suprir” os que não tem, algo que, é totalmente visto por Deus. Paulo faz uma coleta para “DISTRIBUIR”, hoje em dia se faz uma distribuição (de envelopes) para ajuntar, não para os pobres, mas, para os cofres de uma instituição, que se preocupa mais com a posição social, status, templos, fama, nome, competição, horários de TV, rádios, sites, eventos, shows, viagens, lazer para líderes, carrões, mansões, aviões, e ainda se diz que é expansão da obra de Deus…

    Cada dia os patrimônios religiosos estão ainda maiores, e o evangelho mais distante do que a igreja primitiva pregava e vivia, tudo por causa de dinheiro. A biblia fala para não reter e sim dar. Será que a igreja faz isto? Ou antes retém,para construir seu império e se fortalecer mais e mais, visando dominar a maior parte possível do globo terrestre, e arrebanhar o maior número de pessoas possível, como se tudo fosse uma partida de competição: “Quem tiver mais membros é o vencedor”

    Paulo afirma: “Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade e da parte do próprio Deus” (2Coríntios 2:17)

    Deus abençoe a todos que leram este estudo e que o Espírito Santo tenha conduzido a leitura e o entendimento para compreender que dízimos não são mais obrigatórios.

    “Antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno” (2Pedro 3:18)

      • dois malandros amelheando para o inferno stardust o ladrão que condena o dízimo mas apoia totalmente valdemiro sandiabo o homem do trízimo, e este pr. desonesto.
        ESTA É A VERDADE
        I – O Dízimo está na lei de Deus. 1.300 anos antes de Cristo. Deus ordenou que seus filhos trouxessem o Dízimo, oferta alçada, oferta voluntária, holocaustos e outros votos, ao lugar de culto. Deuteronómio 12:5/6, Deuteronómio 12:11; Deuteronómio 14:22.

        II – O Dízimo está nos profetas. 800 anos mais tarde, ou 500 anos antes de Cristo. O profeta do Senhor confirma e actualiza a lei, não só em relação ao Dízimo, mas também sobre ofertas alçadas, dizendo mesmo ser roubo não pagá-los e declarando, em nome do Senhor, haver maldição ao infractor. Malaquias 3:7/10.

        III – O Dízimo está nas palavras de Jesus Cristo. 600 anos após o profeta e 1.300 depois da lei, Jesus Cristo, nosso único mestre Mateus 23:7/10, confirma a lei e os profetas, e afirma que NINGUÉM DEVE DEIXAR DE PAGAR O DÍZIMO. Mateus 23:23; Lucas 11:42. Portanto, deixar de pagar o Dízimo é ir de encontro à Palavra de Cristo, é desobedecer a Cristo, é discordar de Cristo, é renegar o ensino de Cristo.

        IV – O Dízimo está antes da Lei. 2.000 anos antes de Cristo e 700 anos antes da Lei. Abraão, o patriarca, pagou o Dízimo de tudo ao sacerdote Melquisedec, rei de Salém, rei da Justiça. Hebreus 7:1/2; Génesis 14:18/20.

        V – O Dízimo está em vigor até a volta de Cristo. Jesus Cristo é sacerdote segundo a ordem de Melquisedec o qual recebeu Dízimo, e não segundo a ordem levítica. Os filhos de Levi têm ordem, segundo a Lei, de tomar Dizimo, do povo isto é, dos seus irmãos Hebreus 7:5. Estes, “certamente tomam dízimos homens que morrem”. “ali”, (Jesus Cristo, o qual toma Dízimo também). “Aquele de quem se testifica que vive” Hebreus 7:8. Pelas palavras do escritor da carta aos Hebreus, 60 anos depois da palavra de Cristo, vemos o Dízimo pertencendo ao sacerdócio de Levi e ao sacerdócio de Melquisedec, e Jesus segundo a ordem de Melquisedec Hebreus 7:21, isto é sacerdote eterno Hebreus 7:24, cujo sacerdócio está até hoje e para sempre. O Dízimo segundo Hebreus capítulo 7, foi antes do sacerdócio levítico, durante o mesmo e continua depois do mesmo; é mandamento portanto da lei e da graça: da velha e da nova dispensação de que Cristo é o Sumo Sacerdote. Logo o Dízimo é mandamento de Deus, para todos seus filhos, em vigor, até à volta de Cristo.

        CONCLUSÃO:
        Quem não paga o Dízimo é porque não concorda com Cristo e Sua Palavra.
        Quem não paga o Dizimo não ama a Cristo, João 14:21/24; João 15:14, pois é o melhor modo que Nosso Senhor achou para seus discípulos contribuírem.
        Quem não paga o Dízimo sofrerá o que está escrito em Mateus 7:21/27; 1ª Coríntios 16:22.

        • Clamando,

          “E também houve entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos doutores, que introduzirão encobertamente heresias de perdição, e negarão o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina perdição. E muitos seguirão as suas dissoluções, pelos quais será blasfemado o caminho da verdade. E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.” (2 Pedro 2:1-3)

          Uma dessas palavras fingidas é dizer que o não “dizimista” está debaixo de alguma maldição ou que irá para o inferno, insinuando aí que uma pessoa somente será salva se esta for dizimista!

          Perceba que isso, além de ser uma terrível heresia de perdição, é também um retrocesso na fé, pois Cristo morreu para nos resgatar da maldição da lei (Gálatas 3:13)! A salvação vem pela fé no Senhor, e não por causa do pagamento de algum valor em dinheiro.

          Reviver uma maldição (devorador) que não existe mais é o mesmo que negar o Senhor, que nos resgatou de todas as maldições! É bom lembrar que o devorador relatado em Malaquias 3 é um gafanhoto, e não um demônio, como pensam alguns.

          O colaborar descrito na Bíblia para o período da nova aliança é muito diferente do que é amplamente praticado no meio denominacional, que costuma ser rico materialmente, porém ainda miserável aos olhos de Deus (Apocalipse 3:17).

          Em Cristo, ninguém é mais obrigado a dar 10% de uma renda ou qualquer outro valor padronizado a uma denominação! Isso não se harmoniza com o colaborar descrito por Paulo:

          “Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
          Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)

          Dízimo surgiu antes da lei, mas a forma de o entregar foi estabelecida na lei. Segundo a lei, embora já existisse dinheiro no passado (Gênesis 17), o dízimo deveria ser sempre dos frutos do campo, apenas! O dízimo poderia ser comido, porém o dinheiro não o pode. Em Deuteronômio 14, está claro que Deus não aceitou dinheiro no lugar do dízimo! Você sabia que apenas os sacerdotes que dentre a tribo de Levi são chamados têm ordem para receber os dízimos das gentes? Você conhece algum sacerdote da tribo de levi aqui no Brasil?

          Nem mesmo em Israel é possível dizimar, pois não há mais templo, nem casa do tesouro! Denominação religiosa (prédio) não é casa do tesouro. Hoje a casa do tesouro é o ser humano, pelo menos se o tesouro, isto é, o Espírito de Deus, habitar nesta pessoa.

          Outro detalhe é que a promessa de abundância material encontrada em Malaquias 3 não se harmoniza com a seguinte ordem de Jesus:

          “Não ajunteis tesouros na terra, onde a traça e a ferrugem tudo consomem, e onde os ladrões minam e roubam;” (Mateus 6:19)

          O “dízimo em dinheiro” é um invenção católica do século V. Preciso dizer mais alguma coisa?

          Vamos estudar e perder o medo de aprender. O caminho da verdade agradece.

          “Fiz-me acaso vosso inimigo, dizendo a verdade?” (Gálatas 4:16)

          • é verdade benhur
            CONCLUSÃO:
            Quem não paga o Dízimo é porque não concorda com Cristo e Sua Palavra.
            Quem não paga o Dizimo não ama a Cristo, João 14:21/24; João 15:14, pois é o melhor modo que Nosso Senhor achou para seus discípulos contribuírem.
            Quem não paga o Dízimo sofrerá o que está escrito em Mateus 7:21/27; 1ª Coríntios 16:22.
            LEI MUITO CLARA DE AMOR, PARA AQUELES QUE SEMEARÃO E COLHERAM, AJUDAR AQUELES QUE FALTOU FÉ, NÃO RECEBERAM A PALAVRA E OU CHEGARAM AGORA NA IGREJA E CHEGAM DOENTES DESEMPREGADOS CANSADOS E SOBRECARREGADOS…“Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
            Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)
            REALMENTE APARECE FALSOS PROFETAS ENSINANDO DOUTRINAS OU ENFATUANDO COISAS QUE NUNCA VIRAM OU EXPERIMENTARAM…
            Quem não paga o Dizimo não ama a Cristo, João 14:21/24; João 15:14, pois é o melhor modo que Nosso Senhor achou para seus discípulos contribuírem….LEMBRE JUDAS TAMBÉM PREGAVA EM ROUBAR A JESUS, FICOU O EXEMPLO DELE NA BÍBLIA, QUANDO CANSOU DE ROUBAR E VIU QUE NÃO FICARIA RICO, VENDEU O PRÓPRIO JESUS……21 Quem tem os meus mandamentos e lhes obedece, esse é o que me ama. Aquele que me ama será amado por meu Pai, e eu também o amarei e me revelarei a ele”.

            22 Disse então Judas (não o Iscariotes): “Senhor, mas por que te revelarás a nós e não ao mundo?”

            23 Respondeu Jesus: “Se alguém me ama, obedecerá à minha palavra. Meu Pai o amará, nós viremos a ele e faremos morada nele.

            24 Aquele que não me ama não obedece às minhas palavras. Estas palavras que vocês estão ouvindo não são minhas; são de meu Pai que me enviou.

          • ATENÇÃO: DEVIDO A REPERCUSSÃO DO ESTUDO QUE DESMASCARA A FARSA DOS DÍZIMOS TER CAUSADO POLÊMICA E ATAQUES FEROZES DOS QUE SE RECUSAM A ACEITAR A VERDADE BÍBLICA SOBRE ESSA DOUTRINA MERCANTILISTA, VAMOS FAZER UM DESAFIO AOS “PRÓ-DÍZIMOS”…

            A falsa doutrina dos dízimos nos dias de hoje, ensina basicamente isso: Que todo cristão tem o mandamento bíblico de separar 10% de sua renda ( salários e ganhos diversos ) e entregar numa denominação evangélica aos cuidados de um suposto homem de Deus (notadamente, um pastor ou similar). A não entrega desse valor, chamado por eles de dízimo, pode acarretar, segundo essa doutrina, a sujeição do cristão aos ataques de um demônio chamado “devorador”, ser espiritual este, segundo ainda esta doutrina o mesmo mencionado em malaquias 3:11. O que não se sujeita a entregar os dízimos conforme especificado acima, também estaria pondo sua própria salvação em risco, pois ainda segundo essa doutrina, quem não dá dízimo é ladrão.

            Agora, porém, em confronto com essa doutrina de dízimos ainda perdurar e segundo eles ser obrigatória aos cristãos, estaremos fazendo 10 perguntas que os pastores que insistem em receber dizimos não conseguem responder:

            1 – Dízimo na bíblia sempre foi alimento (Levíticos 27:30,32 ; Deuteronômio 12:17)… aonde na bíblia ele se tornou dinheiro?

            2 – Dízimo era mandamento do velho testamento somente para os israelitas ( Levíticos 27:30-34) … aonde no novo testamento da bíblia, foi confirmado esse mesmo mandamento aos cristãos?

            3 – Dízimo deveria ser entregue somente aos sacerdotes levitas (Números 18:26, hebreus 7:5)… aonde na bíblia, os pastores de hoje substituiram esses sacerdotes levitas para poderem tomar dízimos?

            4 – Dízimo era destinado ao sustento dos levitas, dos órfãos, estrangeiros e viúvas (Deuteronômio 26:12)… aonde na bíblia ele se tornou exclusivo dos pastores e bispos das denominações evangélicas?

            5 – Se o mandamento do dízimo é anterior a lei de moisés, e abraão é exemplo de “dizimista fiel” antes da lei, então porque Abraão entregou dízimo somente dos despojos da guerra que ele venceu ( genesis 14:20; hebreus 7:4 ), e não de toda a sua riqueza já acumulada? (genesis 13:2 )

            6 – Se ” a césar o que é de césar e a Deus o que é de Deus “, é uma citação de Jesus sendo favorável ao pagamento de impostos desse mundo e da mesma forma pagamento de dízimos à Deus, então porque Jesus mencionou o pagamento do imposto de césar antes do “imposto de Deus”, visto que o dízimo deveria ser a primeira coisa a ser separada? Jesus disse ” a césar o que é de césar” e Jesus deu exemplo disso, ao pagar o imposto de césar (Mateus 17:24-27), para dar o exemplo que se deve pagar o imposto de césar ( impostos desse mundo ) mas se “a Deus o que é de Deus” se refere à dízimo, aonde Jesus devolveu dízimo, para nos esse exemplo, da mesma forma que fez ao pagar o imposto de césar?

            7 – Se devemos dizimar porque Jesus não falou nada contra o dízimo, então devemos nos circuncidar também? visto que Jesus também não falou contra a circuncisão aos israelitas e a circuncisão também é mencionada antes da lei de moisés (genesis 17:10).

            8 – Se quem é dizimista será salvo, então porque o Senhor Jesus precisou vir aqui na terra, cumprir a lei de moisés e morrer pelos nossos pecados? os israelitas já tinham o mandamento de dizimar (levíticos 27:30-32)… não bastava eles somente continuarem dizimando para serem salvos? quem nos dá a salvação? Quem salva é Jesus ou o dízimo ?

            9 – Aonde vemos Jesus e/ou os apóstolos, recebendo dízimos dos cristãos para que a obra de Deus fosse feita? aonde vemos no novo testamento que o dízimo é obrigatório para manutenção de um templo físico ?

            10 – No velho testamento vemos claramente os israelitas recebendo o mandamento de dizimarem e entregando o dízimo ( Levítico 27:30-32; II Crônicas 31:6; Neemias 13:12 ), Mas aonde no novo testamento vemos os cristãos recebendo a ordem de dizimar e um seguidor de Jesus, ou seja, um cristão dizimando?

            CONCLUSÃO: Eu já fiz estas 10 perguntas à vários pastores que insistem no erro de ensinar que dízimos são obrigatórios para os cristãos, mas nunca obtive uma resposta. O que comprova que realmente, essa doutrina mercantilista dos dízimos não passa de doutrina criada por homens, sem embasamento bíblico.

            O Senhor Jesus já advertiu sobre esse tipo de erro: “E em vão me adoram, ensinando doutrinas que são preceitos de homens” (Marcos 7:7)

            Mas graças a Deus, cada vez mais as pessoas estão conhecendo a verdade sobre a mentira que é a doutrina do dízimo, e deixando de dizimar por obrigação conforme malaquias 3:10, que era uma advertência que dizia a respeito somente ao povo de israel e passando a ofertar por amor e liberalidade conforme 2 corintios 9:7.

          • CONTINUAÇÃO DO TEXTO ACIMA… E por avareza farão de vós negócio com palavras fingidas; sobre os quais já de largo tempo não será tardia a sentença, e a sua perdição não dormita.” (2 Pedro 2:1-3) REALMENTE A AVAREZA É QUE AFASTA O HOMEM DA SALVAÇÃO..AQUI MESMO AGORA ESTÁS PASSANDO A IDEIA DE QUEM ABENÇOA A OBRA DEVOLVE DÍZIMOS E OFERTAS ..É TROUXA E O PR. QUE RECEBE LADRÃO…MAS TAMBÉM FICA EVIDENTE QUE AQUELES QUE PREGAM ESTA HERESIA NÃO FAZ NADA PELA OBRA, JÁ PENSOU QUE SE FOSSEM SEGUIR TEU CONSELHO, MILHÕES DE BRASILEIROS QUE HOJE CONHECEM A PALAVRA, RECEBERAM O EVANGELHO, E JÁ NÃO MAIS SÃO ESCRAVOS DA IDOLATRIA CATÓLICA.
            QUE DOUTRA SORTE HOJE O BRASIL SERIA A MAIOR NAÇÃO DESTA SEITA, SIM MAS PORQUE TEVE TROUXAS ( DÍZIMISTAS ) E LADRÕES ( PASTORES ) QUE ENVIARAM MISSIONÁRIOS PARA O BRASIL E OS MANTIVERAM, E SÓ POR ISTO CONHECES A JESUS.
            ENTÃO CLARAMENTE BENHUR EVIDENTE FICA QUE NÃO MILITAS PELO REINO DE DEUS… SIM VEJA AQUI MESMO TEMOS COMO COLUNISTAS UMA MISSIONÁRIA, QUE NÃO ESTARIA LÁ SE NÃO FOSSE OS TROUXAS E LADRÕES.
            AQUI MESMO ALGUMAS REPORTAGENS DE MUÇULMANSO QUE SE CONVERTERAM POR CAUSA DE MISSIONÁRIOS ENVIADOS PELOS TROUXAS E LADRÕES, QUE AGORA MESMO ESTÃO EVANGELIZANDO MAIS DE 220 PAÍSES ESTES TROUXAS E LADRÕES.
            ME DESCULPE MAS A AVAREZA NÃO TE DEIXA VER, QUE ATÉ TENHA PRS. LADRÕES E TROUXAS PARA SUSTENTAR, DEUS USA A ELES E NÃO VC.
            OLHA COMO EU TE VEJO
            “Ai de vocês, mestres da Lei e fariseus, hipócritas! Pois vocês são como túmulos pintados de branco, que por fora parecem bonitos, mas por dentro estão cheios de ossos de mortos e de podridão. Por fora vocês parecem boas pessoas, mas por dentro estão cheios de mentiras e pecados.” (MATEUS 23 v. 27-28)
            Muitos crentes são como esses fariseus de quem Jesus falou. São pessoas falsas, fingidas, mentirosas, com o coração cheio de maldade, ódio, inveja, rancor, ressentimento, mas se fazem de pessoas boas, corretas e muitas vezes enganam as pessoas com seu jeito de falar e sua maneira de agir, bajulando, se fazendo de amiga e conselheira. “O hipócrita que odeia esconde o seu ódio atrás da bajulação. Ele pode falar muito bem, mas não acredite no que ele diz porque o seu coração está cheio de ódio. Ele pode disfarçar, mas todos acabarão vendo a sua maldade.” (PROVÉRBIOS 26 v. 24-26)

        • conclusão:

          se o dízimo fosse mandamento para a Igreja de Cristo, porque será os apóstolos nunca ordenaram nada sobre ele em suas epístolas???

          Por isso jamais foi visto na bíblia um seguidor de Cristo dando o dízimo, seja o da lei de moisés, em produtos agricolas e animais ou o dízimo evangélico em dinheiro.

          • conclusão:

            se o dízimo NÃO fosse mandamento para a Igreja de Cristo, porque será os apóstolos nunca ordenaram nada sobre NÃO DAR ele em suas epístolas???

            Por isso jamais foi visto na bíblia um seguidor de SATANÁS dando o dízimo, seja o da lei de moisés, em produtos agricolas e animais ou o dízimo evangélico em dinheiro.
            REALMENTE STARDUST POEIRA DA ESTRELA CAÍDA ACHA QUE DEUS NÃO SABE O QUE FALA, QUE NÃO CONHECE A PRATA NEM O OURO NEM MOEDAS, POIS STARDUST DIZ QUE A CASA DO TESOURO ERA PARA RECEBER ALFACE KKKKKKKKK DA ZERO PRA ELE MAIS É BURROOOOOOO

          • De fato a Teologia da Prosperidade do clamando é bíblica, veja os textos que comprovam isto:

            1- “Deus quer te abençoar, mas se você não ofertar, Ele não terá poder de fazer isso por você” (II Heresias 3. 16)

            2 – “Você pode desonrar seu pai e sua mãe e até deixá-los passar necessidades, mas nunca seu pastor-presidente” (I Apostolicensses 1.1)

            3 – “A oferta é a alavanca que move a mão de Deus a seu favor” (1 Cretinices 4. 3)

            4 – “A fé sem ofertas é morta” ( 1 Dólar 1. 8)

            5 – “E Jesus entrou em Jerusalém montando seu jumentinho de dez mil talentos” (Juao 15. 23)

            6 – “Disse o apóstolo, cheio do espírito, a todos que o ouviam: Minha conta corrente é 1.000/07” (II Conta Corrente 1. 71)

            7 – “Assim que a oferta entrar na conta corrente deus dirá ao anjo Money: Destranque as janelas do céu e prenda o devorador na casinha” ( II Malaquias 3.15)

            8 – “É com a semente que sai da sua carteira que a obra de deus é realizada na terra” ( I Heresias 2. 8)

            9 – “Participe das campanhas de vitória financeira e Deus tirará dos ricos e dará a você” (1 Robin Hood 2. 3)

            10 – “E alguns paulistanos foram mais nobres que os de Boraceia, pois semearam nesse ministério em dólar.” ( 1 Tio Patinhas 1. 7)

            11 – “deus quer te dar a melhor roupa, o melhor carro, a melhor casa… só não te deu ainda porque você não tem determinado isso a ele com fé” (Absurdicensses 1. 25)

            12 – “Assim ordenou também o senhor que os que pregam o evangelho que fiquem ricos com o evangelho” ( I Falácia 1. 1)

            13 – “Primiciar é mover a mão de Deus a seu favor e a favor dos donos da igreja” ( I Primicias 1. 1)

            14 -“Confia no senhor, dê sua oferta, faça sacrifícios financeiros e os seus desígnios serão estabelecidos” (Absurdicensses 8. 32)

            15 – “E Gesuis encontrou no templo os que vendiam bois, ovelhas e pombas e também os cambistas assentados; parabenizou-os pelas boas vendas que faziam, porém, expulsou os que ali oravam e quebrantavam seus corações, mas não ofertavam e nem compravam nada, bem como todo pobre que ali estava, e disse-lhes: A casa me meu pai é casa de negócio e não um covil de doentes e pobres!” (Indireticensses 2. 8)

            16 – “É mais fácil passar um camelo pelo buraco de uma agulha do que entrar alguém que não oferta, que não primicia, que não faz sacrifícios financeiros, nas igrejas da teologia da prosperidade” ( Sofismas 3. 12)

            17 – “Porque o amor do dinheiro é a raiz de todas as bênçãos” ( 1 Mamon 1. 1)

            18 – “Sacrifícios agradáveis a deus são os dízimos e as ofertas; coração que determina e exige, não os desprezarás, ó deus” (Salmos de Mamon 119. 3)

            19 – “O maior mandamento é: Amarás a Mamon, teu deus, de todo o teu coração, de toda a tua alma e de todo o teu entendimento. O segundo, semelhante a este, é: Honre e oferte aos seus líderes como a ti mesmo” ( 2 Leis de Mamon 2. 15)

            20 – “Pelas suas ofertas o conhecereis. Pode, acaso, de um coração cheio de fé e do espírito, sair uma oferta pequena? (clamando 1:71)

          • Stardust,

            Os apóstolos ensinaram o cem por cento. Tá esquecendo que o que arrecadavam era usado na obra de Deus?

            Safira e Ananias foram vítimas dessa política deles dos cem por cento.

            Dízimo é pra fazer frente aos custos das igrejas, mas se tem pastor desviando pesadamente como tua igreja católica faz, tanto pastores como padres vão responder.

            Acaso Deus é menino?

          • EMPRESA SÉRIA DE PESQUISA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
            FIZERAM UM GRANDE PESQUISA COM MIL CRISTÃOS DE IGREJAS DIFERENTES QUE DAVAM DÍZIMO
            E OUTROS QUE NÃO DAVAM.
            CHEGARAM AO SEGUINTE SENSO OS QUE NÃO DAVAM USAVAM SEMPRE A MESMA DESCULPA, NÃO SOBRA VIVO APERTADO CHEGA DIA 20 JÁ ESTOU DURO…SEGUE ESTILO DE VIDA DELES
            MORAM DE ALUGUEL OU DE FAVOR..TROCAM SEGUIDO DE CASA POR FALTA DE PAGAMENTO
            NÃO POSSUEM AUTOMÓVEL OU GUANDO TEM É UM CARRO VELHO QUE VIVE NA MECANICA
            DEVEM NO CARTÃO E LOJAS, PAGAM AOS POUCOS OS CARNES, UM MES UM OUTRO MES OUTRO
            CARTÃO PAGAM SÓ A PARCELA, NUNCA O TOTAL NO DIA DO VENCIMENTO
            SEGUIDAMENTE DEPENDEM DO OUTROS PARA AJUDAR A PASSAR O MES

            AGORA OS QUE DÃO DÍZIMO, DIZEM QUE O FAZEM POR FÉ E AMOR, QUE NUNCA LHES FEZ FALTA OU DEIXARAM DE DAR
            MORAM EM CASA PRÓPRIA E QUANDO TROCAM É POR OUTRA MELHOR
            NÃO POSSUEM DIVIDAS NEM NO CARTÃO E MENOS NO COMÉRCIO, PASSAM O MES E NO FIM SOBRA PARA GUARDAR
            NÃO PRECISAM DE AJUDA AO CONTRÁRIO GERALMENTE CITAM ESTES VERSÍCULOS
            “Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
            Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)
            PERGUNTEM A STARDUST DO QUE ELE VIVE, PEÇA PARA OS MAIS ANTIGOS REVELAR A VERDADE, NÃO POSSUE COMPUTADOR NEM NOT, COMO POSTA SÓ DEUS SABE, VIVE AS CUSTAS DA MÃE E DA AVÓ, QUE SÃO MANTIDAS EM DEPRESSÃO COM A AJUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA, NÃO NÃO É FICÇÃO, É SÓ OLHAR AS POSTAGENS MAIS ANTIGAS E VERAM QUE O IRMÃO STARSORIANO , É UMA FARÇA

          • OLHA QUE SAFADEZA ESTE SITE PROTEGENDO STARDUST NOVAMENTE

            EMPRESA SÉRIA DE PESQUISA DOS ESTADOS UNIDOS DA AMÉRICA
            FIZERAM UM GRANDE PESQUISA COM MIL CRISTÃOS DE IGREJAS DIFERENTES QUE DAVAM DÍZIMO
            E OUTROS QUE NÃO DAVAM.
            CHEGARAM AO SEGUINTE SENSO OS QUE NÃO DAVAM USAVAM SEMPRE A MESMA DESCULPA, NÃO SOBRA VIVO APERTADO CHEGA DIA 20 JÁ ESTOU DURO…SEGUE ESTILO DE VIDA DELES
            MORAM DE ALUGUEL OU DE FAVOR..TROCAM SEGUIDO DE CASA POR FALTA DE PAGAMENTO
            NÃO POSSUEM AUTOMÓVEL OU GUANDO TEM É UM CARRO VELHO QUE VIVE NA MECANICA
            DEVEM NO CARTÃO E LOJAS, PAGAM AOS POUCOS OS CARNES, UM MES UM OUTRO MES OUTRO
            CARTÃO PAGAM SÓ A PARCELA, NUNCA O TOTAL NO DIA DO VENCIMENTO
            SEGUIDAMENTE DEPENDEM DO OUTROS PARA AJUDAR A PASSAR O MES

          • COISA TREMENDA É NÃO PODER POSTAR É SER COLOCADO EM MODERAÇÃO PARA NÃO ENVERGONHAR STARDUST

            AGORA OS QUE DÃO DÍZIMO, DIZEM QUE O FAZEM POR FÉ E AMOR, QUE NUNCA LHES FEZ FALTA OU DEIXARAM DE DAR
            MORAM EM CASA PRÓPRIA E QUANDO TROCAM É POR OUTRA MELHOR
            NÃO POSSUEM DIVIDAS NEM NO CARTÃO E MENOS NO COMÉRCIO, PASSAM O MES E NO FIM SOBRA PARA GUARDAR
            NÃO PRECISAM DE AJUDA AO CONTRÁRIO GERALMENTE CITAM ESTES VERSÍCULOS
            “Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
            Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)
            PERGUNTEM A STARDUST DO QUE ELE VIVE, PEÇA PARA OS MAIS ANTIGOS REVELAR A VERDADE, NÃO POSSUE COMPUTADOR NEM NOT, COMO POSTA SÓ DEUS SABE, VIVE AS CUSTAS DA MÃE E DA AVÓ, QUE SÃO MANTIDAS EM DEPRESSÃO COM A AJUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA, NÃO NÃO É FICÇÃO, É SÓ OLHAR AS POSTAGENS MAIS ANTIGAS E VERAM QUE O IRMÃO STARSORIANO , É UMA FARÇA

          • NÃO DEIXAM ENTRAR A SEGUNDA PARTE DA PESQUISA E ONDE REVELO QUE STARDUST CONFESSA AQUI NO G+ QUE MANTÉM SUA MÃE E AVÓ PRESAS NA DEPRESSÃO COM A JUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA

          • AGORA OS QUE DÃO DÍZIMO, DIZEM QUE O FAZEM POR FÉ E AMOR, QUE NUNCA LHES FEZ FALTA OU DEIXARAM DE DAR
            MORAM EM CASA PRÓPRIA E QUANDO TROCAM É POR OUTRA MELHOR
            NÃO POSSUEM DIVIDAS NEM NO CARTÃO E MENOS NO COMÉRCIO, PASSAM O MES E NO FIM SOBRA PARA GUARDAR
            NÃO PRECISAM DE AJUDA AO CONTRÁRIO GERALMENTE CITAM ESTES VERSÍCULOS
            “Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
            Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)

          • PERGUNTEM A STARDUST DO QUE ELE VIVE, PEÇA PARA OS MAIS ANTIGOS REVELAR A VERDADE, NÃO POSSUE COMPUTADOR NEM NOT, COMO POSTA SÓ DEUS SABE, VIVE AS CUSTAS DA MÃE E DA AVÓ, QUE SÃO MANTIDAS EM DEPRESSÃO COM A AJUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA, NÃO NÃO É FICÇÃO, É SÓ OLHAR AS POSTAGENS MAIS ANTIGAS E VERAM QUE O IRMÃO STARSORIANO , É UMA FARÇA

  12. O Deus altíssimo irá julgar cada um pelas suas obras. Só tenho visto um apontando o dedo pro outro se esquecendo que Deus conhece o coração de cada um. Então se algum pastor ou quem quer que seja esta usando o dízimo de forma errada aos olhos do Senhor este homem responderá pelos seus atos. E lembrando. Quem conhece a palavra e não a prática terá castigo dobrado.

  13. DR. CLAMANDO ENSINANDO ATEUS E GAYS ATIVISTAS AQUI DO SITE
    O dízimo representa a décima parte do fruto do nosso trabalho consagrada a Deus. É uma expressão da fé, do amor e da gratidão do cristão pelo favor divino que lhe assegura a vida e o sustento espiritual e material.

    Essa ordenança da Lei mosaica (Levítico 27.32), que no Antigo Testamento assegurava o sustento dos sacerdotes e dos levitas, já era praticada antes de Moisés. Abraão e Jacó, por exemplo, entregavam o dízimo de tudo o que possuíam (Gênesis 14.18-20; 28.22). Além de ser uma ordenança, o dízimo sempre envolveu bênçãos de prosperidade, conforme Provérbios 3.9,10 e Malaquias 3.10-12.

    No Novo Testamento, não há nova regra para o dízimo. Jesus não condenou nem ab-rogou essa prática; apenas criticou o comportamento hipócrita dos religiosos que davam dízimo para se autopromoverem, sonegando o mais importante da Lei: o juízo, a misericórdia e a fé (Mateus 23.23).

    O Senhor se agrada daquele que dá voluntariamente e com alegria (2 Coríntios 9.7), e não daquele que apenas cumpre uma obrigação religiosa, por medo de atrair uma maldição ou de ir para o inferno.

    O cristão genuíno é conhecido pelo amor, pela fé, pela obediência e pela submissão ao Todo-poderoso. É impossível desassociar o dízimo e as ofertas de certas virtudes fundamentais da vida cristã. Logo, dar o dízimo atesta se o cristão crê em Deus e na Sua Palavra, se reconhece que Ele é o Provedor, se lhe é grato e se deseja contribuir para o evangelismo e o estabelecimento efetivo do Reino de Deus em cada coração.

    A despeito disso, existem muitos cristãos que não percebem que dar o dízimo é um privilégio. Eles não conseguem entregar nem 10% do seu salário à causa do evangelho. Esse apego ao dinheiro demonstra um materialismo exacerbado e até avareza, um pecado de idolatria (Colossenses 3.5). E foi para evitar isso que o Senhor instituiu o dízimo.

    Quando devolvemos a Deus os 10% que Ele requer para que haja mantimento em Sua casa, estamos dizendo que Ele é o Senhor da nossa vida, que reconhecemos que tudo que somos e temos vem dele e pertence a Ele; somos apenas os mordomos.

    O cristão que entrega o dízimo demonstra ter visão espiritual, fé nas promessas de Deus, compromisso com a igreja, com sua liderança e com a causa do evangelho, e será ricamente abençoado pelo Senhor.

    • diferença entre o evangélico seguidor de pastores e o Cristão seguidor de Jesus:

      evangélico – dá de forma obrigatória 10 por cento de sua renda conforme malaquias 3:10.

      Cristão – dá oferta voluntária de sua renda conforme 2 corintios 9:7.

      Evangélicos dizem crer em Cristo mas vivem na velha aliança, que ordena dízimos somente aos judeus… mas jamais vi na bíblia um cristão dando dízimo, e sim, sempre ofertando por liberalidade.

      • DIFERENÇA DOS EVANGÉLICO ( VERDEIROS CRISTÃOS )No Novo Testamento, não há nova regra para o dízimo. Jesus não condenou nem ab-rogou essa prática; apenas criticou o comportamento hipócrita dos religiosos que davam dízimo para se autopromoverem, sonegando o mais importante da Lei: o juízo, a misericórdia e a fé (Mateus 23.23).

        O Senhor se agrada daquele que dá voluntariamente e com alegria (2 Coríntios 9.7), e não daquele que apenas cumpre uma obrigação religiosa, por medo de atrair uma maldição ou de ir para o inferno.

        O cristão genuíno é conhecido pelo amor, pela fé, pela obediência e pela submissão ao Todo-poderoso. É impossível desassociar o dízimo e as ofertas de certas virtudes fundamentais da vida cristã. PARA OS STARSORIANOS INIMIGOS DA OBRA DE DEUS…Evangélicos dizem crer em Cristo mas vivem na velha aliança, que ordena dízimos somente aos judeus… mas jamais vi na bíblia um cristão dando dízimo, e sim, sempre ofertando por liberalidade.CERTAMENTE ELE ESQUECE QUE OS CRENTES ( OTÁRIOS ) E OS PRS. ( LADRÕES ) FORAM AQUELES QUE ENVIARAM A O BRASIL MISSIONÁRIOS E OS TIRARAM DAS TREVAS DA SEITA CATÓLICA, E GRAÇAS AOS OTÁRIOS E AOS LADRÕES, HOJE TEMOS GENTE FAZENDO ATIVISMO SE DIZENDO CRISTÃO, SE ELES NÃO FOSSEM ENVIADOS E ALGUÉM OS SUSTENTASSE NUNCA SAIRIAM DAS TREVAS. PREGAR CONTRA A OBRA DE DEUS TEM UM PREÇO, E STARDUST JÁ EXPERIMENTOU, MAS COMO BOM FILHO DE SATANÁS VOLTOU A MENTIR E BLASFEMAR CONTRA O ESPIRITO SANTO, SEGUE ABAIXO E JULGUEM VCS. MESMOS

        STARDUST disse: 1 de outubro de 2013 ás 12:22 pm
        COMUNICADO IMPORTANTE:

        Venho através deste comunicado informar que estou deixando de comentar no G+. Nada contra o site, que é fonte de informação, mas é uma decisão pessoal após orar e pedir direção a Deus. O Espírito Santo me mostrou a minha falha aqui. Levei um puxão de orelha “santo”. Peço perdão pela precipitação. Sei que todos somos falhos. E eu não vou esconder os meus erros. Não vou negar que cometi um erro, vários aliás. Peço perdão a todos que em maior ou menor grau se sentiram ofendidos com algo que eu disse.

        Peço perdão a todos que comentam aqui e em especial o clamando, edy ( ex ) e o vai arrebentar. Peço perdão a outros que não consigo lembrar. Peço que me perdoem pois eu pequei, errei. Peço que relevem. Não levem a sério. Eu errei e assumo publicamente meu erro.

        Peço perdão também a edir macedo, valdemiro santiago, marco feliciano, valdemiro santiago, silas malafaia e outros líderes religiosos que não consigo lembrar. Pequei contra vcs. Peço que igualmente me perdoem por tudo. Eu estou me retratando aqui que não agi corretamente com vcs também. E que Deus abençoe vcs e seus respectivos ministérios.

        Ao povo da iurd e outras denominações. Peço perdão. sim, pequei contra vcs também.

        A todos que não consigo lembrar, sejam comentaristas do site, ou pessoas do meio evangélico que se sentiram ofendidos com algo que eu disse, novamente peço perdão. Deixo a todos a seguinte mensagem de Cristo:

        ” [Mas, se não perdoardes, também vosso Pai celestial não vos perdoará as vossas ofensas.]” (Marcos 11:26)

        Estou pedindo perdão a todos. Os que me perdoarem, também terão seus pecado perdoados, pois todos somos pecadores.

        Agradeço aos que amigos que fiz aqui. Deus os abençoe da mesma forma que aos que estou pedindo perdão.

        Estou deixando o G+, e peço aos que comentam aqui que eu pedi perdão, que me perdoem. Vcs podem me responder?

        clamando, vc me perdoa? edy vc me perdoa? vai arrebentar vc me perdoa? E todos que se sentiram ofendidos comigo, vcs me perdoam?

        Aguardo as respostas.
        Comentar
        clamando disse: 11 de junho de 2015 ás 8:01 pm
        STARDUST
        A RESPOSTA É QUE TINHA TE PERDOADO, MAS AGORA VC. ESTÁ FERRADO SE TORNOU UM ANATEMA PECOU CONTRA O ESPIRITO SANTO DE DEUS, VC. USOU DELE PARA SE AUTO-PROMOVER E AGORA DEIXA CLARO QUE VC. MENTIU SOBRE ELE

        E É POR ESTAS E OUTRAS QUE JGMIXSTARDUSTSANDROFELIPEMAUROBEREANOPLEBEU E TANTOS OUTROS NÃO TEM CRÉDITO NENHUM AQUI EM SEUS POST

  14. A VERDADE DEVE SER DITA, OS LADRÕES NÃO QUEREM IR SOZINHOS PARA O INFERNO QUEREM LEVAR VC. JUNTO, LEMBRE O QUE DIZ O SR. STARDUST VEIO PARA MATAR ROUBAR E DESTRUIR
    Um estudo realizado nos Estados Unidos pelo State of the Plate, apontou que as pessoas que os dizimistas têm um maior controle de sua vida financeira do que as pessoas que não adotam a prática. O objetivo do estudo foi lançar um olhar mais atento sobre as práticas financeiras, espirituais e práticas de doação de pessoas que dão 10 por cento ou mais do seu rendimento para igrejas e instituições de caridade a cada ano.

    Os resultados foram classificados como ‘sem precedentes’ por seus organizadores, que compararam dizimistas com não-dizimistas através de nove indicadores de saúde financeira, descobrindo que os dizimistas apresentavam resultados melhores em cada uma das categorias.

    Entre os indicadores medidos pelo estudo, foi constatado que entre os dizimistas 80 por cento não têm contas de cartão de crédito não pagos, 74 por cento não devem nada em seus carros, 48 por cento possuem sua casa própria e 28 por cento estão livre da dívida.

    – O estranho é, um dizimista olha para aquilo e diz para si mesmo: ‘Bem, eu estou melhor porque eu dou.’ O não-dizimista olha para aquilo e diz, ‘Oh, eles dão porque estão melhores”, disse Brian Kluth, responsável pelo estudo.

    – Nunca antes este grupo foi estudado, e acho que para cada pastor e líder da igreja e líder eclesiásticos seria útil se eles entendem isso – afirmou Kluth ao The Christian Post.

    – Estamos no meio de um declínio de 40 anos no percentual que os cristãos dão, e precisamos ver um movimento de generosidade nos Estados Unidos, que os cristãos abracem novamente a generosidade como um valor espiritual, mas não por causa do orçamento igreja, mas por causa da Bíblia. As igrejas tornaram o dar em torno do orçamento, e não se trata de orçamento, se trata da Bíblia. – completou.

    A pesquisa, que foi conduzida pela “Generosidade Máxima”, entidade fundada por Kluth, e co-patrocinada por ECFA, Christianity Today and Evangelical Christian Credit Union, gerou um relatório completo de 27 páginas, intitulado “20 Verdades sobre dizimistas”, que mostrou também que entre os cristãos que não dizimam e têm dificuldade em dar, 38 por cento dizem que é porque eles não podem pagar, 33 por cento dizem que tem muita dívida e 18 por cento dizem que o seu cônjuge não concorda com o dízimo.

    Outro dado levantado pelo estudo foi que 70 por cento fazem suas doações com base em sua renda bruta ao invés de seus rendimentos líquidos, e 77 por cento dão mais do que os 10 por cento tradicional.

  15. vou fechar este comentário da noite deixando o que Paulo aos GÁLATAS
    cap 1 vers 9 :
    ” mas ,ainda que nós ou mesmo um anjo vindo do céu vos pregue outro evangelho diferente do que vos temos pregado ,seja ANÁTEMA ( EXPULSO,MALDITO)

    • Viu lucianta,falso pastor clamando,zezé e manoel( mané):Não tem gays e nem ninguém
      criticando esse pastor de JESUS bom samaritano.Vocês dizem que são criticados porque são santos,puros e os escolhidos de DEUSkkkkkkkkkkkkkkkkkk,seus demônios.Vocês são
      severamente criticados e perseguidos porque são falsos crentes que não prestam,não tem frutos e não valem nada,são asseclas da mentira,de satanás,víboras e lixos humanos.

  16. Cade agora os Boechats da vida. Nesse tipo de matéria não há uma menção na grande mídia e não há trouxas para aplaudir comentários infelizes de jornalistas. E existem muitos pastores e cristãos de maneira geral que fazem muitaa obras ao próximo, só que eles não precisam de fama e reconhecimento da mídia.

  17. Aí sim! Outrora eu fiz uma crítica acerca do uso do dinheiro por parte dos cães gulosos (Isaías 56,11), mas agora eu não posso deixar de cumprimentar essa gente por este gesto que agrada o Senhor e que nos inspira a nós todos.

    Gente, retenham estas palavras no escrínio do vosso coração, pois onde estiver o vosso coração, lá estará o vosso tesouro (S. Mateus 6,19-21). Assim diz o Senhor:

    “Todo aquele que der ainda que seja somente um copo de água fresca a um destes pequeninos, porque é meu discípulo, em verdade eu vos digo: não perderá sua recompensa.” (S. Mateus 10,42)

    “Então o Rei dirá aos que estão à direita: – Vinde, benditos de meu Pai, tomai posse do Reino que vos está preparado desde a criação do mundo, porque tive fome e me destes de comer; tive sede e me destes de beber; era peregrino e me acolhestes; nu e me vestistes; enfermo e me visitastes; estava na prisão e viestes a mim. Perguntar-lhe-ão os justos: – Senhor, quando foi que te vimos com fome e te demos de comer, com sede e te demos de beber? Quando foi que te vimos peregrino e te acolhemos, nu e te vestimos? Quando foi que te vimos enfermo ou na prisão e te fomos visitar? Responderá o Rei: – Em verdade eu vos declaro: todas as vezes que fizestes isto a um destes meus irmãos mais pequeninos, FOI A MIM MESMO QUE O FIZESTES. Voltar-se-á em seguida para os da sua esquerda e lhes dirá: – Retirai-vos de mim, malditos! Ide para o fogo eterno destinado ao demônio e aos seus anjos. Porque tive fome e não me destes de comer; tive sede e não me destes de beber; era peregrino e não me acolhestes; nu e não me vestistes; enfermo e na prisão e não me visitastes. Também estes lhe perguntarão: – Senhor, quando foi que te vimos com fome, com sede, peregrino, nu, enfermo, ou na prisão e não te socorremos? E ele responderá: – Em verdade eu vos declaro: todas as vezes que deixastes de fazer isso a um destes pequeninos, FOI A MIM QUE O DEIXASTES DE FAZER. E estes irão para o castigo eterno, e os justos, para a vida eterna.” (S. Mateus 15,34-46)

    “De que aproveitará, irmãos, a alguém dizer que tem fé, se não tiver obras? Acaso esta fé poderá salvá-lo? Se a um irmão ou a uma irmã faltarem roupas e o alimento cotidiano, e algum de vós lhes disser: Ide em paz, aquecei-vos e fartai-vos, mas não lhes der o necessário para o corpo, de que lhes aproveitará? Assim também a fé: SE NÃO TIVER OBRAS, É MORTA EM SI MESMA.” (S. Tiago 2,14-17)

    Palavras do Senhor. Que seja feita a vontade do Senhor, assim na terra como no céu (S Mateus 6,10). Glória ao Pai, ao Filho, e ao Espírito Santo! Amém! *_*

    ✞ ✞ ✞ ✞ ✞ ✞ ✞

      • oh JANIO , SATANÁS quando foi tentar Jesus usou a biblia .(LUCAS 4 )
        reflita MALAQUIAS 3 ,vers. 8 . ” robará o homem a Deus ?
        todavia,vós me roubais e dizeis: em que te roubamos ? nos dizimos e nas ofertas.”
        DIZIMO NÃO É OFERTA , É UM RECONHECIMENTO QUE TUDO VEM DE DEUS ELE NÓS DÁ 90% E FICA COM 10% PARA SEMEAR MAIS NA NOSSA VIDA E PARA REPREENDER O ESPIRITO DEVORADOR .

        • Renildo querido,eu também sou dizimista na Igreja Católica e conheço Malaquias,sim,é o meu embasamento.Mas o dízimo que eu dou,eu sei
          para onde vai.Só de crianças abandonadas cuidamos de mais de mil,e haja
          dinheiro para sustentar tantas bocas,além de produtos de higiene,roupas ,
          estudo e tudo mais.Dou,sim,dou com prazer,pois é para suavisar as dores
          e sofrimentos de gente como a gente e não para enriquecer os comerciantes da fé que,não se contentam em serem grandes milionários,
          querem ser bilionários,querem o Brasil,a terra,o primeiro céu,o segundo,o sétimo e destronar JESUS que está ao lado de DEUS pai todo poderoso e criador dos céus e da terra.Era esse o pensamento de lúcifer
          e ele atua em muitas destas seitas satânicas.Falei só a verdade.

          • a paz irmão católico, sem aumentar polêmica .
            más o fim não justifica o meio utilizado .
            por isto Deus fala que obedecer é melhor do que sacrificar .
            1 SAMUEL 15 vers.22

          • Renildo,e desviar dízimo é obedecer.E obedeco mais do que você qudeve coar o mosquito e engolir o camelo.Só ´porque defendo os gays,defendo,sim,e prefiro ser um defensor da justiça social do que
            um fariseu que fala de JESUS dia e noite,mas são eles mesmo que
            mancham e corrompem as Sagradas Escrituras.E repito:obedeço mais do que você,você nem me m conhece.

    • AS partes que falam do grande julgamento,os falsos pastores pulam a pedido dos
      donos de seitas avarentos e gananciosos.A pessoa fica 30 anos numa seita e não sabe
      quase nada da Bíblia.Estas passagens escritas por Izabella,os falsos crentes ignoram,a do
      bom samaritano,nunca ouviram falar,e se ouviram foi de maneira superficial,pois a prioridade e ênfase todos os dias são nas frases soltas e isoladas e materiis e de como arrancar dinheiro e para fazer promessas ilusórias.Uns demõnios na arte do engano.

  18. Lembro q uma vez eu e minha familia estavamos passando necessidades,e meus pais sempre deram o dizimo. Ninguem da igreja foi na minha casa ajudar com nada nem com uma oraçao pra dizer,nem ao menos o pastor apareceu por la e todos sabiam das nossas condiçoes. Por isso eu super apoio essa iniciativa!

  19. Se os pastores do Brasil usassem pelo menos 0,50 dos dízimos para ajudar os que vivem
    à margem da miséria,diminuiria as pessoas morando nas ruas.Sei que é obrigação dos
    Prefeitos e tem dinheiro para as obras sociais.Só que as verbas são mal empregadas, desviadas e a Pastoral de rua da Igreja Católica não dar conta sozinha principalmente nas
    grandes Cidades e em metrópolis como São Paulo e Rio de Janeiro.Os Prefeitos alegam que
    muitos não querem sair das ruas por estarem envolvidos com alcool e drogas.Mas existem
    os que estão em situação de rua,querem sair e estes precisam e aceitam ajuda.

  20. o Clamando,sim,mas o lucianta,manoel e o zezé não comentaram nada sobre o bom pastor,que é
    um exemplo a ser seguido não só por outros pastores,mas por todos que se dizem de JESUS
    CRISTO,pois,é dever de todos os cristãos imitar JESUS e lutar para pecar o menos possível.

    • janio então siga o exemplo, postar de mestre e não praticar é como um sino que tine, deixe de ser gay se converta, e depois terá direito de julgar, por enquanto a tua situação é só de réu.

  21. Não é nada disso, dízimo era retirado da colheita não venha com essa história de temperos, óleos e azeites serem riquezas para justificar a absurda cobrança em dinheiro que se faz hoje, estamos falando de Bíblia e em seu contexto, não existe exegese séria para comprovar que Dizimo é dinheiro!!

  22. Bem, eu acho que você não entendeu,não disse que hortaliça era tesouro e sim que se Dizímo fosse em dinheiro Jesus teria mencionado e não hortaliças, ou no seu entendimento, cominho é dinheiro? já foi circuncidado, apedrejou uma prostituta? já matou um cordeiro em sacríficio? Guardas o sábado?

  23. O papa fala em fazer, o pastor já está fazendo.

    Parabéns a ambos, mas a outros mais que ajudam em outras necessidades.

    As cadeias estão cheias, precisamos dotá-las das necessidades básicas, o estado faliu, É essa a hora do chamamento de Cristo: Estive preso e não mi visitaste. Aos que estão pra ser soltos que a igreja católica doe terras sua pra esse povo fazer a transição da cadeia pra o mundo atual. Digo a igreja católica, em face de dispor ela de muitas, mas muitas terras mesmo. Ou então que os líderes religiosos desenvolvam campanhas arrecadatórias pra conseguir tais terrenos rurais, estes comandados e geridos pelo estado, até o preso conseguir voar sozinho, afinal a transição é difícil.

  24. Stardust,

    Não podem os apóstolos falar em dízimos, afinal pregaram os cem por cento.

    dízimo é décima parte, já cem por cento é cem por cento.

    Eles pregaram a mesma coisa que Cristo.

    Pra Deus não pode ser a sobra, tanto que chamou de hipócritas os que doavam os dez por cento, mas que queriam ser vistos, queriam lugar de destaque.

    Para acabar com isso, Cristo ensinou o cem por cento. Se uma mulher pobre deu tudo, então o rico dê tudo.

    Mas estude o português, pois dízimo é diferente do todo, aquele é apenas a décima parte do todo.

    Cristo mandou que nos entregássemos a Ele de alma, corpo e coração, e que se fosse rico, também o fizesse quanto aos bens.

    Mas não disse que seria mandamento, vez que o fosse, ninguém chegaria no céu. Os sonegadores são cem por cento. Uns mais outros menos sonegam, mas que somos, somos sim senhor.

    Engraçado que vejo em você o espírito de caim, o que tinha inveja da forma como o irmão dele se relacionava com Deus quanto ao dízimo.

    Meu caro, Deus é misericordioso pra ficar impedindo sua salvação por nunca ter dado nada, Ele nos conhece, sabe das nossas mesquinharias, podridões, hipocrisias, poder de apontar julgar os outros, a verdade, fique sabendo, que o céu não caberia nenhum de nós, pois todos faltosos.

    A sorte é que Cristo que nos comprou a parte do ingresso/bilhete que nos falta pra entrar no céu e Ele vai emendar tal bilhete, único meio de você ser salvo.

    Mas a continuar com essa história, Cristo vai ter que comprar cem por cento do teu bilhete de ingresso, pois é do tipo que não entra e não deixa os outros entrarem, pois cheio de ensinos erroneos e ilações equivocadas.

    • QUEM DÁ , DEVOLVE OU OFERECE DIZIMOS BASEADO EM MÁS INTERPRETAÇÕES DO LIVRO DE MALAQUIAS ESTÁ INCORRENDO EM ERRO, VIVE NA LEI E NÃO NA GRAÇA, SE ESTÃO NA LEI , GUARDE O SÁBADO, OFEREÇA UM CORDEIRO PARA EXPIAR PECADOS, APEDREJE UMA PROSTITUTA!!DÍZIMO NÃO É DINHEIRO É PRECISO CONTEXTUALIZAR A PALAVRA DE DEUS PARA NÃO ENSINAR ERRADO.

    • Pregaram o cem por cento?onde está escrito isso? o que eles pregaram foram ofertas voluntárias baseadas no amor e na comunhão não tem nada a ver com cobrança de dízimos como fazem as igrejas de hoje;Jesus não mandou o rico dar tudo, o problema está em colocar o coração nas riquezas foi o que ele disse ao jovem rico; e interpretação e contextualização fazem parte do português também, A questão dos fariseus é que eles davam o dízimo ( de hortaliças e não dinheiro)mas deixavam de lado a misericórdia ou seja, mero formalismo religioso.

  25. AGORA OS QUE DÃO DÍZIMO, DIZEM QUE O FAZEM POR FÉ E AMOR, QUE NUNCA LHES FEZ FALTA OU DEIXARAM DE DAR
    MORAM EM CASA PRÓPRIA E QUANDO TROCAM É POR OUTRA MELHOR
    NÃO POSSUEM DIVIDAS NEM NO CARTÃO E MENOS NO COMÉRCIO, PASSAM O MES E NO FIM SOBRA PARA GUARDAR
    NÃO PRECISAM DE AJUDA AO CONTRÁRIO GERALMENTE CITAM ESTES VERSÍCULOS
    “Porque, se há prontidão de vontade, será aceita segundo o que qualquer tem, e não segundo o que não tem.
    Mas, não digo isto para que os outros tenham alívio, e vós opressão, Mas para igualdade; neste tempo presente, a vossa abundância supra a falta dos outros, para que também a sua abundância supra a vossa falta, e haja igualdade; Como está escrito: O que muito colheu não teve demais; e o que pouco, não teve de menos.” (2 Coríntios 8:12,15)
    PERGUNTEM A STARDUST DO QUE ELE VIVE, PEÇA PARA OS MAIS ANTIGOS REVELAR A VERDADE, NÃO POSSUE COMPUTADOR NEM NOT, COMO POSTA SÓ DEUS SABE, VIVE AS CUSTAS DA MÃE E DA AVÓ, QUE SÃO MANTIDAS EM DEPRESSÃO COM A AJUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA, NÃO NÃO É FICÇÃO, É SÓ OLHAR AS POSTAGENS MAIS ANTIGAS E VERAM QUE O IRMÃO STARSORIANO , É UMA FARÇA

  26. UÉ NÃO ENTENDI , ACHO QUE VOCÊ CONFUNDIU MEUS COMENTÁRIOS .
    EU FALEI QUE A ATITUDE DO “PASTOR(POLICIAL,PEDREIRO) NÃO ESTA CORRETA APESAR DO BENEFICIO QUE ELE ESTA FAZENDO .
    2º- SE TEM UMA PESSOA CONTRA ESTE EVANGELHO FACIL E DISTORCIDO PRATICADO PELA MAIORIA DAS IGREJAS EVANGÉLICAS ESTE ALGUEM SOU EU !
    3º NÃO CRITICO TRABALHO SOCIAL , ACHO VALIDO ,ATÉ BONITO .
    MÁS COMO NÃO SE PODE FAZER TUDO DE VEZ ; OUTROS FAZEM . OU SEJA CADA UM FAZ SUA PARTE , EU POR EXEMPLO NÃO TENHO DOM DE FAZER CORPO NAS RUAS .
    EFÉSIOS 4 vers 11 ” E ELE MESMO DEU UNS PARA APÓSTOLOS,OUTROS PARA PROFETAS,E OUTROS PARA EVANGELISTAS E OUTROS PARA PASTORES E DOUTORES “

    • Renildo,
      Eu estive na religião evangélica. ( e lá fiquei por 10 anos), porém eu queria o eterno de coração e busquei o entendimento do eterno nas escrituras e não apenas aceitar o que eles dizem cegamente. A promessa é que se buscarmos,de todo coração, vamos encontrar, e conheci a verdade e quando conhecemos a verdade a mentira nunca mais terá poder sobre nós.
      Se você ama o Eterno YHWH, o seu Criador, de mais ouvidos às palavras dele do que do seu próprio pastor.
      Faça as perguntas corretas para sí mesmo….
      Já existia dinheiro na época? Lembra-se? De quem é a imagem na moeda? De Cezar?
      Porque o Messias não citou a moeda?
      Lembre-se. Tudo na LEI É SOMBRA…. HÁ UMA RAZÃO ESPIRITUAL PARA O O DIZIMO SER COMIDA. E a verdade que lhe escondem de você é tremenda e de vital importância para salvação…. Mas vejo que você já tem sua verdade, e não se importa se realmente esta palavra que você recebeu vem do eterno ou não, que é a palavra própria do seu pastor, cão guloso lhe deu…
      Mas todos nós teremos que prestar contas ao ETERNO e não à este falso pastor que se diz pastor, porque um só é nosso pastor o Messias. E quando o ETERNO YHWH perguntou a Adão e ele culpou Eva que lhe deu o fruto. Ele foi justificado por isso? Adiantará falar que é culpa do falso pastor? Você tem as palavras do YHWH na sua mão e não quer entender? O Messias disse “As minhas ovelhas ouvem a minha voz….” mas aqueles que não ouviam ele disse ” mas vocês não são minhas ovelhas”….
      O messias disse “Eu sou o bom pastor que dá a vida pelas ovelhas” … e mais ” Haverá um só rebanho e um só pastor!” … e mais ” A ninguém chameis mestre, pai, etc, etc” E os escribas lhe perguntaram:”Por que transgridem os teus discípulos a tradição dos anciãos?…” Ele, porém, respondendo … “Por que transgredis vós, também, o mandamento de Deus pela vossa tradição?”…

      O que dirá ao eterno que você acreditou mais nas palavras de HOMENS e doutrinas de HOMENS Do que no Unigênito filho de YHWH? O único que deu o sangue por você e não merece seu crédito? Mas outro vem, em seu próprio nome, com sua própria palavra e você crê mais nos homens do que naquele que lhe deu todo o sangue dele?

      Escolha o Bom Pastor, aquele que deu o sangue por você. Só ele é digno da sua confiança.

  27. Parabéns ao pastor! Quiçá todos fossem iguais a você. Fora aos cães comedores de dízimos e que não dão nada aos membros e só querem sugar o dinheiro alheio.

    • Pagar dizimo no NT é heresia de um jeito ou de outro. Era uma ordenança do velho testamento, sobra do novo, onde tudo se cumpre de forma espiritual e não material. Os cães gulosos jamais falarão a verdade, são gulosos, não se podem fartar; e eles são pastores que nada compreendem; todos eles se tornam para o seu caminho, cada um para a sua ganância, cada um por sua parte. Fazer obras para mostrar é uma estratégia para tomar ainda mais, por isso messias disse quando tu deres esmola, não saiba a tua mão esquerda o que faz a tua direita.

  28. PERGUNTEM A STARDUST DO QUE ELE VIVE, PEÇA PARA OS MAIS ANTIGOS REVELAR A VERDADE, NÃO POSSUI COMPUTADOR NEM NOT, COMO POSTA SÓ DEUS SABE, VIVE AS CUSTAS DA MÃE E DA AVÓ, QUE SÃO MANTIDAS EM DEPRESSÃO COM A AJUDA DE SUA AMIGA MACUMBEIRA, NÃO NÃO É FICÇÃO, É SÓ OLHAR AS POSTAGENS MAIS ANTIGAS E VERÃO QUE O IRMÃO STARSORIANO , É UMA FARSA

  29. Me sinto tão envergonhada, de ver a forma como os líderes de igrejas aplicam os dízimos e as ofertas que ao saber deste gesto de amor e carinho para com os necessitados concluo que ainda existem bons pastores aqui no Brasil.

DEIXE UMA RESPOSTA