Pastor afirma que Silas Malafaia e Marco Feliciano “não representam o pensamento de todos os evangélicos”

57

Polêmicos, os pastores Silas Malafaia e Marco Feliciano (PSC-SP) não são unanimidade dentro ou fora do meio evangélico, e suas posturas públicas muitas vezes são vistas como equivocadas por seus pares ou adversários.

O pastor Giovani Ribeiro Alves, filósofo, professor e líder de uma congregação da Assembleia de Deus em Goiânia, publicou em sua coluna no site do Diário da Manhã uma crítica às duas figuras citadas acima, dizendo que ambos “não representam o pensamento de todos os evangélicos”.

De acordo com Alves, “a inversão dos valores é uma marca predominante na nossa atual sociedade”, e essa característica não se ausenta entre cristãos: “No meio evangélico, também é comum vermos a predominância dos valores invertidos. Outrora, o evangelho de Jesus era anunciado com base na Salvação da Alma […] Temos visto a banalização do evangelho em detrimento de um evangelho monetário, onde muitos tem pregado um evangelho que, tem como base o acumulo exagerado dos bens materiais aqui na terra, fazendo apologia da chamada ‘Teologia da Prosperidade’”.

Sobre o pastor Silas Malafaia, Alves afirma que ele “não pode falar em nome de todos os evangélicos”, pois existem lideranças no meio que discordam de suas posturas.


“Silas Malafaia, que segundo o nosso entendimento, tem usado a mídia com o intuito de apenas projetar-se, e dela tirar para ele, interesses próprios. Entendemos que se o pastor Silas Malafaia, estivesse interessado em essencialmente contribuir com o Reino de Deus, ao invés de ficar se digladiando com os defensores das causas gays e das causas GLBT, que o meio evangélico respeita e tem uma postura bíblica já pré-estabelecida em relação a essa questão […] deveria, por exemplo, criar um grande movimento evangélico de evangelização, para buscar aqueles que se encontram sem Deus e sem esperança, e ainda atuar no sentido de auxiliar os milhares de dependentes químicos, onde muitos viciados no Brasil e no mundo, estão morrendo diariamente em decorrência do vício do crack e de inúmeras outras drogas que, escravizam milhares de crianças, jovens e adultos”, criticou o pastor.

Sobre o pastor e deputado Marco Feliciano, Alves foi ainda mais duro: “Figura polêmica, que antes de ser deputado, era um pregador remunerado, que cobrava preços exorbitantes em cada uma de suas preleções, cujas mensagens sensacionalistas e carregadas de um ‘pseudocarisma’, conseguia convencer uma boa parte do público evangélico”.

Para o pastor e filósofo, Feliciano “tem demonstrado despreparo cultural, intelectual e político para lidar com essas questões polêmicas . Na qualidade de pastor e evangélico, Marco Feliciano poderia fazer a diferença como um pastor evangélico, podendo inclusive, até mesmo emitir sua opinião e seu voto contrário, em relação aos assuntos que não comungam com o meio evangélico, mas , por outro lado, poderia agir com maestria, diálogo, e acima de tudo como um cristão que ama ao próximo, assim como Cristo ama a todos, isto é, independente de raça, cor, sexo ou religião , não deixando de enfatizar também que, Cristo jamais ama ou amará o pecado”.

Em seu resumo, o pastor Giovani Ribeiro Alves frisa que “a mídia deve ser usada com o objetivo de anunciarmos ao mundo, que Jesus salva, Jesus cura, Jesus liberta e acima de tudo, anunciarmos ao mundo a sublimidade do amor de Deus, daí partindo desses princípios básicos do evangelho verdadeiro, chegamos á conclusão de que Marco Feliciano e Silas Malafaia, não representam o pensamento de todos os evangélicos”.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

57 COMENTÁRIOS

  1. como é bom saber que ainda existem pastores sérios… Esse pastor Giovani foi preciso nas palavras.

    A população brasileira precisa mesmo saber que a dupla malafaia-feliciano falam e agem por causa própria e não representam os cristãos.

    • Ainda que seja por causa própria,mas dão a cara a bater,e você que por causa própria(ódio) ,fica criticando todos ,e nem seu nome é capaz de dar,e ainda se diz perseguido(uma vergonha).

          • Primeiramente, não sinto a necessidade de ser representado por alguém, e sim, através do meu viver mostrar ao mundo que Jesus vive em mim, e que esse viver não seja apenas aquele dentro da igreja, visto que temos que ser autênticos, pois de nada adianta aos olhos de Deus, ser uma pessoa na presença dos irmãos e outra quando distante deles.
            Sobre o Silas tenho enorme desconfiança, uma vez que muda de postura constantemente, pois já o vi, há uns dez anos, pregando explendidamente contra a teologia da prosperidade; e hoje ele faz uso dela, porém com outro nome:Teologia da semeadura. Também em um programa da record, ele atacou a globo, alertando os líderes religiosos a não aliar-se com a dita emissora, mas ele juntamente com a globo produziram a FIC, esvaziando assim a expocristã onde ele participava até o ano passado; porém disse ele à Folha de S.Paulo que tudo era “business”, ou seja , dinheiro. Não tenho dúvida que o dinheiro que a globo lucrou na feira cristã ajudará na produção das novelas que apoiam e reforçam o comportamento homossexual, o qual o Silas tanto ataca, mas e aí? O Silas, tão sábio, não tem essa percepção? Mais uma vez contraditório.

            Enfim, a minha confiança sempre foi e será Jesus Cristo, a quem amo e glorifico.

          • Antonio,
            Apoio seu comentário, vc tem visão e sabe resumir o que é ser cristão. Graças a Deus encontro um aqui que já me alegra um pouco.
            Deus te abençoe.

          • levante a mão ai quem de voces conheceu a CRISTO em casa lendo a bíbli qual de voces aceitou a JESUS sem ninguém pregar…..voces são mentirosos estavam no fundo do poço e CRISTO lhes foi apresentado por alguém …como agora dizem que não precisam de ninguém nem de pastor nenhum? no minimo é ingratidão no minimo

    • OS PASTORES ESTÃO ACORDANDO E ENSINANDO AS IGREJA UMA REALIDADE MOSTRANDO QUE A SALVAÇÃO E INDIVIDUAL.ENQUANTO ISSO NÃO PODEMOS DEIXA QUE GRUPOS DE HOMOSSEXUAL ENTRE NA NOSSAS IGREJAS E COMECEM A SE BEIJAREM NOS CULTO.SE FELICIANDO ESTA LÁ PRA DEFENDER O CRISTIANISMO E MANTER A MORAL ENTRE FAMILIA

    • A Bíblia diz que a diversidade de ministérios, e a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil. O ministério e sua direção e dado por Deus, em particular a cada um. Como vai exercê-lo, é responsabilidade pessoal de cada líder. Exerça o seu ministério, faça sua parte, e deixe que Deus cuida dos seus ungidos.
      ” E a diversidade de ministérios, mas o Senhor é o mesmo.
      E há diversidade de operações, mas é o mesmo Deus que opera tudo em todos.
      Mas a manifestação do Espírito é dada a cada um, para o que for útil.” 1 Co 12.5-7

  2. Até aceito que defenda esses “pastores”, mas daí ofender, e dizer que não irão para o céu… A maioria diz que não o conhece, como então podem criticar se ele faz ou não alguma obra. Um pessoa que se diz pastor e que inclui na bíblia textos para defender seus erros, não me representa e mais, não o reconheço nem como pastor nem como represente religioso. Um ser que grita, ofende, berra, ao meu ver precisa de tratamento psiquiátrico.

  3. Aprendi que Pastor não problema de Ovelha, mas sim de Deus. Porém, como ovelha, podemos avaliar determinadas condutas de alguns “pastores”, as quais também, por sua vez, não demonstram o pensamento da maioria dos Evangélhico. Com certeza, Pr Silas não representa os Evangélicos como um todo, porém, uma grande parte esmagadora, não só concorda com o Pr Silas, como o apóiam. Este crítico-Pastor, ao invés de ficar dando uma “mãozinha’ para o capeta, oferecendo munição para o inferno, deveria estar apoiando a luta dos Evangélicos contra esta PL-122, que é o que o Pastor Silas luta, inclusive do interesse deste Crítico-Pastor, pois nesta PL-122 consta que se dois gay’s quiserem se casar na Igreja deste “pastor”, ele terá que casá-los, caso contrário responderá criminalmente, podendo ser preso em Flagrante, com a agravante de não ter o direito a pagamento de fiança. Logo o Pr Silas pode não me representar pois sou um “BATISTOSSAURO COM PEDIGREE”, mas o Pastor Silas tem o meu total apoio, pois, tanto ele como o Pr Feliciano lutam pela manutenção da Família, e não por suas Igrejas, até por que a Igreja é de Cristo, e a Bíblia diz(Mt 16.18) que nada prevalecerá contra a Igreja.

  4. agora realmente ele não representa a todos os evangelicos ou pelo menos em todas as questões….pois o mesmo tempo que combate a pl 122 e os gays que procuram amordaçar os crentes ele faz amizade com a satanica globo em prol de grana da mesma forma sua frequente incursão ao reino das trevas quero dizer politica. ai também não tem meu apoio…realmente só na questão gay apoio e ajudo nesta luta… fazer oque melhor um aproveitador que faz alguma coisa de que um santo que fica sómente no seu pedestal

  5. Porque não temos que lutar contra a carne e o sangue, mas, sim, contra os principados, contra as potestades, contra os príncipes das trevas deste século, contra as hostes espirituais da maldade, nos lugares celestiais. Efésios 6:12

    Porque a carne cobiça contra o Espírito, e o Espírito contra a carne; e estes opõem-se um ao outro, para que não façais o que quereis. Gálatas 5:17

    Cada um (Pastor) tem sua linha de pensamentos e forma de defende-las. Mas esquecemos de pregar o evangelho de salvação.

    Porque não me envergonho do evangelho de Cristo, pois é o poder de Deus para salvação de todo aquele que crê; primeiro do judeu, e também do grego. Romanos 1:16

    Portanto, tudo sofro por amor dos escolhidos, para que também eles alcancem a salvação que está em Cristo Jesus com glória eterna. 2 Timóteo 2:10

    Nos quais o deus deste século cegou os entendimentos dos incrédulos, para que lhes não resplandeça a luz do evangelho da glória de Cristo, que é a imagem de Deus. 2 Coríntios 4:4

    Ora, àquele que é poderoso para vos confirmar segundo o meu evangelho e a pregação de Jesus Cristo, conforme a revelação do mistério que desde tempos eternos esteve oculto, Romanos 16:25

    O qual não é outro, mas há alguns que vos inquietam e querem transtornar o evangelho de Cristo. Gálatas 1:7

    Maravilho-me de que tão depressa passásseis daquele que vos chamou à graça de Cristo para outro evangelho; Gálatas 1:6

    Deus nos faça entendermos e reter o que é bom.

  6. ohhhhhhh grande novidade: “silas malafaia e Feliciano não representam a totalidade dos evangélicos”. E quem representa???/ Você pr Giovani????? Pronto, já galgou seus momentos de fama. Já saiu aqui no gospel mais e vai longe agora. fique tranquilo pr Giovani.

  7. De todas as besteiras que ouço destes pastores polêmicos, nem uma é pior do que a besteira que o papa diz em seus discursos, a besteira de dizer que Maria é a nossa intercessora, e sem a sua ajuda não chegamos a Deus! Isso é anti-bíblico! Como disse o amigo aí… Vá catar coquinho…

  8. Com certeza esse Pr. não tem compromisso com Deus e nem com a Bíblia, pois se ele tivesse não perderia tempo falando mal de pastores nem de ninguém. Segundo, ele deve estar ofendido com alguma coisa que um deles falou e que ele está inserido no contexto de não se achar praticando alguma coisa que a Bíblia diz pra ele praticar. Deve estar fora do padrão exigido por Deus. Ele deve estar com dor de cotovelo. Tenho pena desse homem, pois nem ao menos conhece de perto as pessoas de quem fala, pois é maria-vai-com as outras, falando porque ouviu alguém falar. O Pr. Silas não precisa se projetar, ele nem recebe salário de Pr. na Igreja onde é membro, ele tem uma Editora e ganha de forma honesta pelos artigos que vende. Pelo que eu sei o que O Pr. Silas e o Marco Feliciano defendem são valores e princípios Biblicos que estão pautados na Palavra de Deus. Agora pense comigo, se esse cara que se diz Pastor acha que eles são polêmicos e fica perdendo tempo com fofoca falando mal dos outros, será que ele não tem rabo preso ou telhado de vidro em relação a alguma coisa que o Pr. Silas e o Marco Feliciano são se opõem em favor da família e da Palavra de DEus? Vai se converter rapaz, seu caído da Graça, pedra de tropeço!!!!

  9. Parabéns pastor Giovani Ribeiro, é bom saber que ainda existem pastores que tem cérebro e ainda raciocinam.

    Malafaia e Feliciano, também não me representa!

  10. Esse “pr”; na verdade, quer mesmo é aparecer.Provavelmente deve ser um gay enrustido; ou, talvez, um crente apostatado. Pastor e “FILÓSOFO”, deixa eu rir.Um grande desconhecido, isso sim!

    • blá, blá, blá… muda o disco criança, porque ele já está rodado demais. Quer dizer que fazer criticas a alguém é querer se aparece? Ah, deixa de ser criança, mude a sua mentalidade e pare de ser massa de manobra de pastores picaretas.

      • Afinal, o Feliciano é pastor ou deputado, alguém poderia me informar, pois sinceramente não sei se ele já pastoreou alguma igreja? Só sei que como deputado deixa muito a desejar, gostaria de ver ele combatendo com toda essa intrepidez os corruptos que lá estão…Feliciano vamos se juntar ao povo e lutar contra Sarney, Renan Calheiros, Henrique Alves, Collor, Jader Barbalho e todo esquema corrupto do nosso país, lembre-se “Bem aventurados os que tem fome e sede de justiça…” o povo está sedento. Tem coragem?

      • Samuel, para mim é um prazer mostrar para todos os crentelóides quem é esse tal de feliciano, eu tenho certeza, que quem prezar pela sua inteligência, jamais vai votar nesse monstro novamente.

  11. ô querido Pastor professor, filósofo. Têm hora que tem que partir pro confronto porque não adianta ficar só sentado orando não viu. E a luta deles não é contra os homossexuais e sim contra o ativismo que não quer saber de conversa.

  12. Stardust,hipócrita porque?não sou eu quem passo o dia a criticar lideres religiosos,não sou da Iurd,e se fosse não teria problema em dizer,nunca sequer nem visitei uma Iurd,infelizmente.Ja que tem tanto tempo pra ficar falando mal dos outros,usa pra falar do amor de Jesus,Deus Ti abençoe poderosamente.

  13. Se os próprios integrantes do segmento evangélico não conseguem se entender, como querem ser entendidos por pessoas que não seguem os princípios cristãos estabelecidos por meio da Bíblia? Este comportamento pode ser qualificado, no mínimo, como presunção. Ou loucura…

  14. Muito bem posicionado o pastor. Tem razão na posição assumida e, como cristão que sou, também não concordo com Silas e Marco, e acho que fazem um mau trabalho em prol do Reino de Deus.

  15. Não adianta ficarmos aqui de fora dizendo que a política atual está mergulhada na corrupção. Penso que se pensarmos de forma mais conscientes vamos notar que precisamos mudar este quadro e, de preferência, com pessoas do nosso meio trabalhando lá. Quem condena o homossexualismo foi quem escreveu a Bíblia. (?). Será que foi o Malafaia ou Feliciano?

  16. Pastor Giovani Ribeiro Alves, de onde foi que Silas Malafaia veio? A verdade entre vocês, é que todas as denominações protestantes, são destinadas a beber do próprio veneno. Hoje, um servidor compartilha da mesma ideologia, logo depois vê que pode se promover sozinho, sai, e cria sua própria doutrina mundana, de acordo com o que lhe é mais conveniente, dando uma roupagem mais atrativa que a de outrora.

  17. Paz, Eles também não me representam, e pronto e acabou “TEMOS QUE AMAR O PECADOR E ABOMINAR O PECADO QUE O MESMO PRATICA’ DE QUE FORMA? PREGANDO A PALAVRA COM AMOR E NÃO ACUSANDO, ELES SABEM QUE ERRAM, NÃO PRECISA DE NINGUÉM APONTAR. A PALAVRA MUDA.

  18. é por isso que vcs são fracos, BRIGAM ENTRE VOCÊS, CADA LÍDER MAIS SABADÃO QUE O OUTRO, MAIS SANTO, TDO MUNDO QUERENDO OS HOLOFOTES, TODO MUNDO QUERENDO FALAR, FALAR, FALAR, SE VCS TESTEMUNHASSEM DE CRISTO DA MESMA QUANTIDADE QUE BRIGAM ENTRE SI, VCS SERIAM BILHÕES, reino dividido

DEIXE UMA RESPOSTA