Pastor mata namorado da filha a facadas, se apresenta à Polícia e é liberado após depor

37

Um pastor evangélico acusado de matar um jovem de 26 anos que namorava sua filha se entregou à Polícia na última quarta-feira, 13 de maio.

O caso registrado em Rio Branco (AC) envolve o pastor Valmirez Peres e outras duas pessoas, suspeitos de matarem a facadas o jovem José Celeste Souza. O crime foi cometido no domingo, 10 de maio, e o rapaz faleceu na segunda-feira após ser submetido a duas cirurgias.

De acordo com a Polícia, o pastor compareceu à delegacia acompanhado de um advogado, prestou depoimento à delegada Wânia Lília e na sequência, liberado.

Uma das filhas do pastor, Mayara Peres, 22 anos, disse que o pai agiu em legítima defesa, pois Souza teria agredido sua irmã, com quem namorava.


“Ele fez isso para defender a família. O cara [vítima] tinha ido no sábado lá na minha casa e fez uma confusão, tudo porque ele queria levar minha irmã embora. O relacionamento deles durou dois meses. Passaram um mês namorando escondido, tudo desmoronou quando eles se assumiram. Vamos trazer os Boletins de Ocorrência que foram feitos depois que ele bateu na minha irmã. Tem como comprovar que minha irmã foi agredida. Em nenhum momento meu pai pensou em fugir. Ele cometeu um crime e está disposto a pagar”, afirmou Mayara.

A jovem relatou ainda que seu irmão, de 20 anos, considerado suspeito de participar do crime, está disposto a se apresentar na delegacia, assim como sua outra irmã de 17 anos, também suspeita de participar da morte de Souza.

“Meu pai poderia fugir da Justiça, mas não vai fugir da Justiça de Deus. Meu irmão está aguardando o advogado ver a situação do meu pai para depois vir se entregar”, afirmou Mayara, de acordo com o G1.

A delegada Wânia Lília confirmou que o pastor alegou legítima defesa no depoimento e esperou passar 48 horas do momento do crime para esperar vencer o flagrante e se apresentar: “Ele resolveu comparecer com seu advogado e nós continuaremos com as investigações, para chegar em um resultado final. Segundo ele, era um problema de família, ele não concordava com o relacionamento da filha, que se relacionava com a vítima. Nós iremos continuar com o inquérito para dar uma solução para as famílias”, disse a delegada.

O padrasto de Souza, Sifrônio Bezerra, 55 anos, lamentou a morte do rapaz e disse que vem sendo ameaçado pela família do pastor. O aposentado contou que sofreu um atentado na terça-feira, 12 de maio, quando duas pessoas em uma motocicleta disparam três tiros contra ele: “Poderiam estar me velando hoje. Meu filho foi morto inocentemente, ele estava trabalhando. Em momento nenhum meu filho bateu na namorada. Eu também não queria que ele namorasse essa menina, cheguei a retirar ela de dentro da minha casa. Eu não conheço nenhum deles, só criaram rixa com meu filho”, lamentou.


37 COMENTÁRIOS

    • Lutero? Aquele que mandou perseguir e banir judeus e camponeses? Nem Lutero ou o brutal Calvino, que mandou queimar Miguel Servet com lenha verda para aumentar o sofrimento, podem salvar esse povo fariseu, ciníco e hipócrita, caro Lopes.

      • A Igreja Católica e os judeus

        325 – Judaísmo é considerado “uma aberração da vontade divina” no Concílio de Nicéia (na atual Turquia). Os judeus são declarados “hereges” 

        465 – “Compartilhar a carne” com um judeu é proibido pelo Concílio de Vannes 

        533 – O 2º Concílio de Orléans proíbe os casamentos mistos entre cristãos e judeus 

        538 – O 3º Concílio de Orléans proíbe aos judeus a posse de escravos cristãos 

        589 – O 3º Concílio de Toledo decreta que um filho nascido de um casamento misto deve ser cristão 

        1215 – O Concílio Ecumênico de Latrão impõe aos judeus o uso de um sinal distintivo especial, o pagamento de um imposto à igreja. Determina, ainda, o estabelecimento de bairros judeus 

        1492 – Os judeus são expulsos pelos reis católicos da Espanha; a Inquisição começa a se impor 

        1555 – O papa Paulo 4º restabelece a vigência da legislação anti-semita que data da Idade Média 

        1930-1945 – A atitude do papa Pio 12 e da Santa Sé em relação à política nazista e de extermínio de judeus durante a Segunda Guerra Mundial divide a opinião dos historiadores 

        janeiro de 1964 – O papa Paulo 6º vai em peregrinação a Jerusalém 

        outubro de 1965 – O Concílio Vaticano 2º aprova a declaração “Nostra Aetate” (Em Nossa Época) que suprime a acusação católica contra o povo judeu 

        7 de junho de 1979 – João Paulo 2º viaja ao campo de extermínio de Auschwitz-Birkenau em sua primeira viagem como papa à Polônia 

        13 de abril de 1986 – Pela primeira vez, um papa entra na sinagoga de Roma 

        29-30 de dezembro de 1993 – Assinatura de um acordo entre Israel e o Vaticano sobre questões jurídicas em relação à presença da Igreja Católica em Israel, abrindo caminho para o intercâmbio de embaixadores entre os dois países 

        7 de abril de 1994 – Concerto no Vaticano consagrado à memória do Holocausto com participação de rabinos do mundo todo e de sobreviventes do Holocausto 

        15 de junho de 1994 – Vaticano e Israel estabelecem relações diplomáticas 

        16 de março de 1998 – Vaticano publica o documento ‘Recordemos: uma reflexão sobre o Holocausto’ 

        15 de fevereiro de 2000 – Israel protesta contra o acordo firmado entre o papa e o líder palestino Iasser Arafat. O acordo oficializa a presença da Igreja Católica nos territórios palestinos e diz que qualquer declaração unilateral sobre o estatuto de Jerusalém é ‘moral e legalmente inaceitável’ 

      • Também,se ele não fosse morto pelos protestantes com certeza seria pela inquisição,ele escreveu um livro em que afirmava que ”a trindadede era um demônio de três cabeças”
        pessoas morreram por muito menos na inquisição catolica.

        • de qualquer maneira os crentes chegaram primeiro.

          podemos dizer que se não fosse mortos pelos “cristãos” protestantes, seriam mortos pelos “cristãos” católicos.

  1. Que pena! Esse povo não sabe mais conversar, resolve tudo na violência. Infelizmente as pessoas estão dando lugar para o inimigo agir, pois este só vem para:matar, roubar e destruir. Agora vão ter que arcar com as consequências.

  2. Vanessa, esse homossexual era pastor, ou pelo menos evangélico? Homossexual não tem obrigação de ser santo, mas os evangélicos tem essa obrigação, afinal, são os escolhidos. Quanto aos homossexuais, não passam de abominação, segundo seu livro sagrado.

    .

    • esse assunto de ser evangélico, ou não evangélico, já virou moda,porque evangélico até o Diabo é, pois ele citou as escritura para CRISTO no deserto ,e alem domais o homem cria sua propria Igreja EM VEZ DE ENTRAR NA VERDADEIRA IGREJA DE DEUS ,agora quero vê ser seguidor de CRISTO…ser cristão é pra pouco,porque nem todos que diz SENHOR,SENHOR,entrará no reino dos céus,agora quanto um pessoa tirar a vida de outra,é mais um erro do homem mortal e imperfeito,agora eu te digo tu é perfeito!então atira primeira pedra,você esqueceu que JESUS CRISTO quando estava para ser traído e preso,ele disse para um de seus discípulo sai-te e comprai espada,você sabe pra que era,e quantas pessoa foram morta no passado por espada pelo um servo de DEUS,não estou dizendo que eu aprovo o crime,ou o assassinato….mais pare de ser legislador da vida de seu irmão ou proximo,não seja juiz da vida dele…..pois DEUS o jugará amem..

      • Ainda bem que alguém admite. Eu pensei que só os homossexuais tivessem parte com o diabo, afinal, não passam de abominação, segundo seu livro sagrado. Portanto, meu caro, imagino que abominação mais grave seja uma pessoa se declarar de deus e praticar este tipo de ato.

        .

  3. quando eu falo que é mais facil encontrar um “pastor” numa esquina do que um servente para fazer um trabalho !
    na maioria, pintam o sete por 20,30 anos, fuma maconha,rouba,adultera e com 1 ou dois anos é levantado a “pastor”.
    JEREMIAS 23 vers 16 ” assim diz o Senhor dos exercitos : não deis ouvidos as palavras dos profetas que entre vós profetizam e vos enchem de vãs esperanças;falam as visões do seu coração,não o que vem da boca do senhor.”

    • verdade, Renildo…. mas isso é individual….

      seria o mesmo que dizer que é difícil encontrar um padre ou papa que não seja pedófilo….

      “Um padre acusado de abusar sexualmente de uma criança de 10 anos foi preso pela polícia, enquanto se escondia em uma casa no Grajaú, na zona sul de São Paulo. Ele estava foragido há cerca de dois meses. ”

      fonte: http noticias r7 com/balanco-geral/videos/padre-acusado-de-pedofilia-e-preso-na-zona-sul-de-sao-paulo-07052015
      (atenção na data)
      será que esse caso do padre foi em legitima defesa também?

    • Caro renileo o verme protestante abaixo ta mentindo o cara não era padre fazia mais de dez anos., já era protestante safado como o ta serto dos infernos., cuidado com esta raça de protestantes são memtirosos , gananciosos e agora está assassinando os fiéis., verdadeiros chacais., amam o dinheiro e a política podre ., não serve de exemplo pra ninguém e muitos costeiros o apoiam ., são da mesma laia.,

          • Não é isso, Nosferatu…

            é que o Lopes pediu pra lembra-lo sempre para que nao perca a hora de buscar o filho, pois disse que se demorar, os padres começam a bater nele…..

            Mas qual a sua preocupação? por acaso vc e o Lopes estão cuidando desta criança? voce sabe, né…. gays tem esse fetiche de cuidar de bonecos sexuais…..

          • Não sabia disso não “Tá serto”…

            legal vc falar.

            por isso vc tá com tanto “tato” com o filho do outro cara?

            vivendo e aprendendo kkkkkkk

      • Pois é coiteiro de pastor assassino.. Quanta diferença ne de um sacerdote régio de um pastoreco safado herege , o pilantra do pstor protestante cheio de demonios nas costas pega um pedaço de pau e mata um jovem e ainda vc peste dos infernos ainda tem coragem de defender um asqueroso deste e desviar a situação., vcs protestantes são a escória desta sociedade ., cheiram a vida a esperança e o salário do povao., raça maldita., vão pagar varo por isso., cadeia neste pastor vagabundo ., ou melhor pena de morte para este pastor chacal.,

        • ” Quanta diferença ne de um sacerdote régio”

          verdade…. pedofilia pros católicos é permitido mesmo…. inclusive pros “sacerdotes régios”…

          pra vcs, deve ser normal entregar os filhos como brinquedo para os padres….

          • Coiteiro de pastor assasino esses pastores além de estelionatários são assassinos ., e ainda esses pestes são coiteiros ., se fose um parente meu , iria mandar este pastor de bodes para sentar na mandioca do satanas.,a ia

          • no entanto, vc fala

            “bença, padre. Tá aqui o meu filho. Já escovei o dente dele… vc deve sentir um frescor de menta …”

DEIXE UMA RESPOSTA