Destaque

Pesquisas constatam que pastores abandonam ministério por causa de dificuldades e efeitos colaterais

Comments (4)
  1. “Se um médico, um advogado ou um contador erram, esse erro tem apenas implicação terrena. Mas, quando um ministro do Evangelho erra, isso pode ter implicações eternas”. Mas nosso Deus sabe quem ele chama e Ele chama pessoas, e pessoas erram e isso não é surpresa para Deus.

  2. Tem até pastor em crise, se divorciando e recasando ??? e pode??? rsrsr
    Mudou Deus ou mudaram os homens ???

  3. É importante considerar o fato de que o pastorado é um chamado, não uma profissão, quando encaramos esse chamado como é devido, nos submetendo a Deus, passamos sim por diversas dificuldades mas contamos com a graça e a misericórdia de Deus para continuar.

  4. Glauko Santos disse:

    O apóstolo Paulo, escrevendo a Timóteo, disse que nos últimos dias viriam dias difíceis, tempos trabalhosos. Somente homens realmente chamados e vocacionados pelo Senhor possuem estrutura suficiente e capaz de ser trabalhada pelo Senhor para enfrentar os embates atinentes ao ministério pastoral, os referentes à vida pessoal conciliados com as empreitadas sociais em meio as mentalidades não somente do mundo em si, mas também da própria vida de aflições, inquietudes, concorrências, da sobrevivência. Quando a Bíblia diz que "Ele mesmo deu uns para pastores", ela está implicitamente se referindo a uma amplitude de assuntos correlatos que não por poucas vezes são alcançados por pessoas que querem "apaixonadamente" ser pastores apenas por sentidos e vontades estranhos aos moldes bíblicos. A PRÓPRIA VIDA E A JORNADA MINISTERIAL VÃO SE ENCARREGANDO DE SELECIONAR QUEM DE FATO FOI "DADO PELO SENHOR JESUS PARA SER PASTOR". PbGS – glaukosantos.blogspot.com

  5. Se são servos e Deus e confiam Nele, deveriam ser mais fortes contra as provações. Devemos ora por eles tbm.

  6. Pitagoras disse:

    Juro que não entendi. Não que eu acredite nisso, mas os próprios pastores consideram o ofício um “chamado de Deus”, e depois desistem ? Deus os abandona?, Se Deus vai abandoná-los, porque os chamaria? -Não seria então desgaste da fé poética e ingênua em atrito com a realidade ?

  7. May Rocha disse:

    Esse artigo me faz lembrar Gunnar Vingre. Nenhum dos grandes homens de Deus tiveram uma bela vida terrena, cercado de flores e um arco-ires para enfeitar. Se tem chamada de Deus, não se deve tá se lamentando pelos cantos , até que não podemos fugir da realidade que somos humanos, João batista mandou perguntar se realmente Jesus era o Messias. Mas uma coisa é certa, nunca vi Deus desamparar um servo seu!

    1. então precisa tomar conhecimento da vida real dos homens e mulheres de Deus que já passaram e alguns ainda estão entre nós sofrendo e comendo o "pão que o diabo amassou" por causa de utopias e falta de entendimento bíblico ao suporte ministerial ….

    2. May Rocha disse:

      Sim, Paulo disse: sofre tu pois comigo como um bom soldado. O sofrimento é a marca do cristianismo, nascemos no sangue. Mas o Senhor nunca nos desampara, nos momentos de aflição, sempre está conosco.

  8. Enquanto se fabricarem utopias evangélicas com discursos triunfalistas e abundarem a falta de suporte e infraestrutura básica para o exercício ministerial do âmbito social ao financeiro muita gente vai nadar e morrer na praia … e ainda vai ser considerada "incapaz" "sem fé" ou qualquer outro clichê da cristandade pra frentex sem critérios bíblicos e pé na realidade … Salve-se quem puder !!!

  9. Sou pastor há 30 anos e confesso que não é fácil. Quando lidamos com os nossos problemas, nos fadigamos bastante. Mas quando lidamos com os problemas de outros, o desgaste é muito maior, principalmente quando se trata de pessoas com transtornos ou temperamentos não controlados.
    Com o tempo aprendemos que nossas forças ou condições emocionais/intelectuais não existem nessas horas.
    Um obreiro que tem o seu chamado confirmado é capaz de resistir a muitas tribulações. Ele entende que a necessidade do revestimento do alto, conforme Ef. 6:10, é muito mais do que importante.
    Por não existir Promessas para uma vida boa, tratando-se do chamado ministerial, todo aquele que atende o chamado precisa ser abnegado. A recompensa é entesourada na Glória. E um fato que não pode ser esquecido pelos pastores: "Todo aquele que coloca a mão no arado não pode olhar para trás" (Lucas 9:62).

    1. Glauko Santos disse:

      Parabéns, nobre companheiro! Atitude de vencedor e olhar de quem não se deixa estar aprisionado a passados. Deus seja louvado em todas as áreas de sua preciosa vida! PbGS – glaukosantos.blogspot.com

  10. Glauko Santos disse:

    O SAGRADO MINISTÉRIO CRISTÃO NUNCA FOI UMA AVENTURA. JAMAIS FOI UM APOGEU. NUNCA FOI UM STATUS.

  11. Sem contar que os pastores tem que ter " MBA ". É MBA – metas bastante altas.

  12. Marco Antonio disse:

    Gedimar tem razão, se errarem ao ministrarem/pregarem a sã doutrina, irão todos para os quintos dos infernos, com certeza, o que afinal, os tais merecem.

  13. Para levar a carga que um Pastor de verdade, leva não é Facil,para ser pastor realmente precisa ter um chamado eterno de Deus, poque se não o bicho pega…

  14. O chamado herois da fé que deram sua vida em favor da fé foram considerados lixos do mundo obtiveram vitorias pois almejavam coisas superior assim são aqueles que foram chamados Deus é poderoso pra suster nada pode separar do amor em Cristo mesmo diante de frustação e poblemas quero trazer a memoria o que traz esperança disse Jesus estarei comvosco até a consumação do seculo varios conselhos deu o Senhor para seus lideres é a certeza maior falou apostólo Paulo combati o bom combate completei a carreira e guardei a fé assim seja para seus ungidos nesta terra nunca perca o alvo é Jesus Cristo.

  15. O pastor não tem como errar e nunca deveria errar! É só ele seguir (dá o exemplo) e ensinar o próximo os MANDAMENTOS de Jesus (João 14:23-24) Porém, nenhum deles faz isso. A religião tornou-se comércio e a única preocupação do pastor e dos líderes religiosos é ARRECADAR! é DINHEIRO, DINHEIRO, DINHEIRO! Eles vivem o contrário do que manda a Bíblia. São chalatães e ensenadores de palcos (2Cor. 2:17) São "homens amantes do DINHEIRO" (2Tim. 3:1-5) Desafio que apareça um e diga o que escrevi acima é mentira. E, se disser, está jogando a Bíblia Sagrada no lixo.Jesus foi explícito quando disse: "Tu, que diz que ensina a outros, por que não ensina a ti mesmo" ((Romanos 2:21-24)

  16. Lúcia disse:

    É, lidar com problemas da alma e outros nao é nada facil. Imagino o fardo que nao deve ser. Caio Fabio disse que todo pastor deveria de estudar psicologia para saber lidar com os dramas humanos. O que todo pastor precisa entender tambem, é que ele é limitado e nao deve se sobrecarregar alem das suas forças e capacidade, começou a adoeçar com a doença dos outros tem mesmo de se afastar e cuidar de si mesmo, sua saude em primeiro lugar e delegar a outros os muitos fardos do ministerio, afinal de contas ninguem é de ferro. Somos todos humanos e todos temos de nos poupar uns aos outros para nao sermos pesados a ninguem, e pastor nao é diferente, ele ja tem os seus proprios problemas ou com a familia, ou é um casamento que nao deu certo ou sao os filhos que dao muito trabalho e por ai vai, a vida nao é facil para ninguem. Eu procuro poupa-los dos meus problemas para nao sobrecarregar, é o minimo que posso fazer.

  17. JSB disse:

    A verdade é que muitos “”Pastores”” estão em cima de um pulpito porque o homem o colocou ali e não Deus pois muitos então ali por mão nos homem e não pela mão de Deus. Pois muitos são chamados e poucos escolidos, Deus quando escole alguem ele sabe a té a onde podemos ir e chegar, agora, hoje em dia qualquer um pode ser pasto, sem a vontade de Deus.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *