Cristianismo virou piada? Humoristas usam desde passagens bíblicas até pastores para satirizarem a fé cristã

28

O humor como forma de protesto e crítica é uma prática comum em todo o mundo, e o cristianismo constantemente é alvo de comediantes que pinçam pontos da religião para desenvolver novas histórias.

No Brasil, o uso da internet para difundir programas de humor é algo crescente, e as críticas ao cristianismo como um todo, ou a segmentos – como os evangélicos, por exemplo – se tornam cada vez mais constantes.

O canal Porta dos Fundos, no Youtube, publicou recentemente um vídeo em que faz piada com os Dez Mandamentos, questionando a legitimidade do conteúdo escrito nas tábuas por Moisés, conotando serem absurdos os mandamentos.

A crítica fica evidenciada já no texto descritivo do vídeo: “Há seis mil anos, quando um cabeludão descia um morro carregando pedra, ele era considerado maneiro. Hoje em dia, isso é crime. Mas uma coisa nunca mudou: onde houver um ‘Silas Malafaia’, as ‘Marílias Gabrielas’ vão atrás”, sugerindo que a motivação para a piada veio da repercussão da entrevista do pastor da Assembleia de Deus Vitória em Cristo (ADVEC) ao programa De Frente com Gabi.


Confira no vídeo abaixo:

Assine o Canal

No making of da produção do vídeo sobre os Dez Mandamentos, o humorista Fábio Porchat é questionado se a intenção do vídeo era ofender as religiões monoteístas – incluindo o cristianismo – e responde assertivamente: “Sim”.

Assine o Canal

O canal Parafernalha, também no Youtube, produziu um vídeo chamado Roubo na Igreja, em que além das diversas sátiras ao ambiente de igrejas pentecostais e adeptas da teologia da prosperidade, crítica a comercialização de produtos durante os cultos, que sob a alegação de serem ungidos, constituem absurdos.

Assine o Canal

Nos Estados Unidos, o programa de humor mais conhecido do país, Saturday Night Live (SNL) veiculou no último fim de semana um vídeo sátira ao filme Django Livre. Na produção do SNL, intitulada DJesus Uncrossed (que numa tradução livre significaria Jesus Não Crucificado) o personagem principal é um Jesus que reage às ofensas com vingança e assassinatos.

A repercussão da piada feita pelos humoristas do SNL levou muitos cristãos norte-americanos a usarem as redes sociais para protestarem contra o conteúdo do vídeo.

Assista ao vídeo:

Assine o Canal

A Redação do Gospel+ consultou o escritor e colunista do portal Daniel Simoncelos sobre o tema. Simoncelos destaca que a polêmica é o principal combustível que justifica a escolha da religião como assunto a ser exposto pelos humoristas: “Temos perfis fakes de ‘evangélicos’ como a Irmã Zuleide, e outras, além de fakes para Jesus, Deus, etc. Creio que o humor é sadio e o cristão pode se divertir. Porém outra coisa está intimamente ligado a um dos mandamentos: Não tomar o nome de Deus em vão. Neste caso, o que estes humoristas fazem é zombar do nome de Deus, e o pior de tudo é ver cristãos seguindo, curtindo e compartilhando esses tipos de ‘humor’ que acreditam estarem acima do bem e do mal, e que no humor não precisa de respeito”.

Confira abaixo a íntegra do comentário de Daniel Simoncelos sobre o tema:

O mundo virtual tem conteúdo de todos os gostos, tipos… Assim como a televisão define a programação de acordo com aquilo que dá mais Ibope, na internet as diversas páginas, blogs e vlogs postam o conteúdo que gerará mais visualizações, comentários, curtidas.

Talvez por isso o assunto sobre religião seja tão abordado. Temos perfis fakes de ‘evangélicos’ como a Irmã Zuleide, e outras, além de fakes para Jesus, Deus, etc. Creio que o humor é sadio e o cristão pode se divertir. Porém outra coisa está intimamente ligado a um dos mandamentos: Não tomar o nome de Deus em vão. Neste caso, o que estes humoristas fazem é zombar do nome de Deus, e o pior de tudo é ver cristãos seguindo, curtindo e compartilhando esses tipos de ‘humor’ que acreditam estarem acima do bem e do mal, e que no humor não precisa de respeito. Acredito que o Rafinha Bastos pense um pouco diferente agora.

Quando nós cristãos resolvermos de fato, levar a sério de que o nome santo de Deus de maneira nenhum pode ser zombado, nós escolheríamos melhor o que vemos, seguimos e compartilhamos na internet. Além de reportar tais conteúdos como abuso. De fato, a questão não é impedir a liberdade de expressão de cada um, mas expor que a liberdade do outro não pode invadir a minha liberdade. E essa “liberdade” do humor já ultrapassou todos os limites de respeito e tolerância…

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

28 COMENTÁRIOS

    • AVISO aos incautos..
      Um senhor de nome Jairo tomazelli se apossou do Nick “JGMIX”,que pertence a uma loja de som para carros e este criou até um perfil falso no facebook com rosto de um rapaz de mais ou menos 30 anos mais não era ele,agora eu pergunto pra que isso?
      Sendo que ele já tinha o perfil dele Jairo tomazelli,ai pessoas talvez sinceras vivem trocando emails com ele cuidado “PESSOAL”,ele é um famoso 171 cuidado.

      • Edy, que estória mentirosa esta sua??? Eu sou o próprio e o verdadeiro, nada de 171, se tenho a opinião diferente da tua, o que voce está passando adiante é perigoso, pois é mentira. Estarei vigiando. Por favor se retrate.

        • voce só pode ser membro da bosta da iurd, não gostou dos meus comentários, da piadinha da linguiça. Você ouvirá muitas outras.Se você é daquele antro e deposita seu dinheirinho, problema seu.

  1. Meu Deus quanta blasfemia contra tua palavra e contra teu filho, Jesus.
    Que entregou a vida por nós,uma morte tão terrivel, morte de cruz.

    Acaba com essa raça dos infernos meu pai!!

  2. Nos anos 80, salvo engano, Chico Anízio fazia uma sátira com o pastor suicida Jim Jones.

    O dele era Tim Tones, que falava em tom de brincadeiras das ofertas, dos dízimos, das pregações, das músicas, da família do pastor tido como o alvo da sátira.

    Eu estou falando isso para conduzir os mais avisados a um processo de reflexão antes de dizer que foi por causa de igreja a ou b.

    Sempre fui objeto de brincadeira e zombaria: irmão, foi pro cultorar? Dízimo é esperteza, embora a igreja católica hoje cobra, e verdade que as portas da igreja ficam fechadas fazendo suruba? Que chamam de irmã e vão pegando as irmanzinhas? Aleluia irmão, carne no prato farinha na cuia! E aí vão.

    Outra coisa, um dos tipos de piadas muito comum é a que há padres, ou seja, enaltecendo ou diminuindo a fé católica, então seria bom que se pronunciar, tomar cautela e não trazer a coisa aos de igrejas de hoje e de agora, pois os humoristas tocam em todos os assuntos da sociedade, até com os que são ligados à morte, não esquecendo de lembrar das charges recente com o profeta Maomé, na Dinamarca, de triste memória, que gerou um onde de atentados e mortes.

    Vamos com calma nessa hora!

  3. Nos anos 80, salvo engano, Chico Anísio fazia uma sátira com o pastor suicida, o Jim Jones.

    O dele era Tim Tones, que falava em tom de brincadeiras quanto às ofertas, os dízimos, as pregações, as músicas e a família do pastor alvo da sátira.

    Eu estou falando isso para conduzir os menos avisados a um processo de reflexão, em especial antes de se pronunciarem dizendo que essas ocorrem em face da igreja a ou b que tem postura não compatível.

    Eu quando criança, na juventude e ainda hoje de quando em quando também vivencio brincadeiras em tom zombaria, tipo: o irmão, foi pro cultorar?; O dízimo é esperteza de crente (embora a igreja católica hoje também esteja cobrando); é verdade que as portas das igrejas evangélicas ficam fechadas pros crentes fazerem suruba?; que os crentes costumam chamar as mulheres de irmã pra depois “pegar”as irmanzinhas?; Aleluia irmão, carne no prato farinha na cuia! E aí vão.

    Um tipo de piada muito comum é a que fazem com os padres e as a fé católica, (enaltecendo ou diminuindo). Então seria bom que quem se pronunciar, tomar cautela de não trazer a coisa apenas aos de igrejas de hoje e de agora. Os humoristas tendem a tocar em todos os assuntos da sociedade, inclusive até quanto há mortes.

    Também não devemos nos esquecer das charges recente com o profeta Maomé, na Dinamarca, as de triste memória, pois geraram grande onda de atentados e mortes.

    Vamos com calma nessa hora!

  4. É bem verdade que certos “pastores”, “bispos”, “Apóstolos” e outros subtítulos estão banalizando os evangelho de Cristo. Agora, não pensem que tudo isso esta passando desapercebido por Aquele que idealizou o evangelho. Expomos uma símile para reflexão: Parece cruel, mas era necessário que houvesse um “judas”. Não necessariamente o “escariotes”. Tinha que haver um traidor! No entanto, Jesus disse: “É necessário que o Filho do homem (“Jesus”) seja entregue, mas, ai daquele pela for a traição! Melhor seria não ter nascido! – completou Jesus. CONCLUSÃO: Nem pensem os banalizadores e estes “humoristas” que ficarão impunes de suas blasfêmias! Esta escrito: “Não vos enganeis, de Deus não se zomba, pois tudo o que o homem semear, isto também ceifará”. (Gálatas 6:7)

    • Não sei porque tanto alarde! Aqui, mesmo, no G+ vemos supostos “evangélicos” que, para defender seus gurus brincam com o NOME de JESUS, expulsando demônios e dizendo que os seus opositores estão endemoniados, aliás, a bem da verdade, falam mais no diabo do que em DEUS. Então, eu não me admiro que façam piadas com essa linha de evangélicos que vendem mal e tão barata a sua fé! Quem planta bananeira, colhe bananas, meus amigos!

  5. Ultimamente a falta de criatividade dos humoristas é tão grande que eles tem que fazer qualquer coisa para chamar atenção de alguém. O humor verdadeiro já foi acabou, hoje não encontramos mais alegria nos programas de tv. É uma pena que esses humoristas sem bom senso machuquem pessoas que levam o evangelho a serio. Assim como tem muitos evangelicos qur erram, tem também pessoas de todos segmento que erram também. Por que as pessoas tem esse prazer humilhar as pessoas?

  6. Irmão em Cristo Jeus, não vamos entrar na desse povo é isso que eles querem, nos afrontar, mais maior é o que está conosco . Tudo isso nos mostra que JESUS está voltando para buscar um povo lavado e remido no sangue do cordeiro..

  7. o povo deveria prestar bem atenção com que fazem com a palavra de Deus
    pois Deus não terá por inocente o que falar seu nome em vão, muito menos com
    os que brincam com Deus

  8. Só existe traficante porque existe o viciado; porque, quem sustenta o tráfico é o consumidor de drogas. Assim, são esses maus pastores, obreiros fraudulentos, que usam a palavra de Deus para extorqui os seus fieis; agora, a falta de conhecimento da palavra de Deus somado as necessidades diversas, faz desses seguidores desses pastores presas fáceis. Enquanto não aparecer um homem de Deus com coragem suficiente para contrapor-se a essa doutrina infame da exploração da fé do povo, o evangelho será sempre motivo de chacotas.

  9. Tá chegando a hora da verdade! Dois juízos estão posto sobre o mundo; o juízo temporal( e quem traz é o anticristo) e o juízo eterno( esse quem traz e o senhor Yehoshua).. O juízo temporal será permitido por Deus(por sua grande misericórdia) para provar as nossas obras.(I CO 3:12,13). muitos de nós tem se calado diante de tudo que está acontecendo na igreja, e por isso são culpados também.(lCO 5:12,13).Mas o senhor Yehoshua disse que o verdadeiro pastor tem 100 ovelhas e se uma se perder se desgarrando do bando, ele deixa as 99 em algum lugar e vai atrás daquela até encontrar e resgata-la. Já o mercenário não é assim! Quantas ovelhas tem se perdido, tornando-se ateus por causa dos constantes escândalos do evangelho por esses pastores( principalmente os tele- evangelistas )? Yehoshua não quer perder nenhum de nós, por isso o fogo vai revelar as obras de cada um; mas assim como no passado Deus julgou a nação do Egito por oprimir o povo de Israel; Ele, o juiz eterno julgará o anticristo e todos seus seguidores também; essa profusão de escândalos empregada com muito empenho por esses falsos profetas , acreditem, a hora tá chegando! Logo, logo saberemos que serve a Cristo e quem serve o deus deste século.

    • puxa vida …e saber que seu nome foi o nome de um homem fiel e servo de Deus..que morreu por Jesus..voc deveria ter o nome de satan…e nao de Estevao…que foi um homem digno e fiel a Deus..e jamais se referiu ao Senhor Deus e Sua Santa Palavra como tu se referiu…que pena! Que o Senhor tenha misericordia de ti..ó alma triste!

        • Você que se sente Juiz, é podre, e acha q tem o direito de fazer tal afirmação. Não sabe o que está no coração do cara pra ter revolta contra religiao, vai ver ele tem motivos. Mas vc do alto de sua IGNORANCIA E ORGULHO (O PRIMEIRO PECADO, ESQUECEU DE SEU AMIGO LUCIFER?) já o está julgando, nao seja idiota, deixa isso pra Deus e cuida da sua vida.

  10. a questão pra mim é simples: existem pessoas ruins, de péssimo caráter em todos os seguimentos, e usar das obras desse tipo de gente pra generalizar e tachar uma religião, uma profissão ou qualquer outra coisa como “suja, imoral, criminosa,etc” é muito simplório, pra não dizer pouco inteligente. Com certeza em algum momento de sua vida você já deve ter sido mal atendido por um médico, já viu um ato de abuso de autoridade de um policial e nem por isso você rebaixa a importância desses profissionais. Quem comete um crime que pague por ele, não a instituição. No mais, qualquer argumento mais ofensivo não passa de uma forma de usar tais fatos para colocar pra fora seus preconceitos.

  11. A questão aqui não é quem de fato é a piada, o que temos que observar é o respeito a toda e qualquer religião e até mesmo o respeito a não crença deve ser observado. Lembrando de um fato recente, percebe-se o desrespeito, quando punem o Datena por comentários contra os ateus em seu programa (não que eu concorde com essa atitude) e quando esse comentário é contra os religiosos, nada é feito! Humor tem limite SIM e como está escrito no artigo acima essas porcarias de canais de “humor” já extrapolou todos estes limites! Respeito é bom e TODOS gostam!

  12. Deus é sinônimo de amor, de bondade e misericórdia, não concordo com as piadas que fazem sobre ele. Gosto dos vídeos do porta dos fundos principalmente aqueles que criticam a política, no entanto eu sei que pegam bem pesado com suas piadas religiosas.
    É bem diferente a crítica do parafernalha que foi a comercialização de produtos religiosos e pedir de forma absurda dinheiro em nome de DEUS. Sem generalizar tem cristãos que ridicularizam muito mais DEUS do que esse comediantes. Ainda abusam do estado emocional das pessoas e isso deve ser criticado sim, porque não deveria?
    Em 1Timóteo 6 se fala da responsabilidade dos ricos diante a sociedade
    Timóteo 6-17,18
    Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos;
    Que façam bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicáveis;

    1 Timóteo 6-17,18
    Manda aos ricos deste mundo que não sejam altivos, nem ponham a esperança na incerteza das riquezas, mas em Deus, que abundantemente nos dá todas as coisas para delas gozarmos;
    Que façam bem, enriqueçam em boas obras, repartam de boa mente, e sejam comunicativos

    Falo sobre repartir riquezas, não vou a igreja há algum tempo por divergência de pensamentos, mas ainda sei que aquilo que muito é dado muito é cobrado.
    Essa cobiça por dinheiro merece ser criticada sim.
    Deu para entender a diferença de criticar a DEUS e criticar abusos de alguns religiosos?

DEIXE UMA RESPOSTA