Pivô de polêmica no PSOL, pastor Jefferson Barros diz estar sendo perseguido e temer agressões

18

O pastor Jefferson Barros, que está no centro de uma polêmica no PSOL, afirmou temer por sua integridade física devido às hostilidades feitas publicamente por lideranças do partido, contrárias à sua pré-candidatura por conta de um suposto envolvimento seu com o pastor Silas Malafaia.

“Estou com medo de ser agredido, estarei lá no sábado e minha candidatura será apresentada. O que o meu coletivo decidir eu faço, irei à executiva nacional do partido e ao TSE”, afirmou o pastor ao jornal O Globo.

Jean Wyllys e a militância do PSOL se pronunciaram contra a candidatura do pastor, que seria uma espécie de agente de Malafaia infiltrado no partido para roubar a vaga do ex-BBB nas próximas eleições. A imprensa noticiou que Wyllys teria ameaçado retirar sua candidatura à reeleição se Barros recebesse permissão para se candidatar, e o próprio deputado republicou em seu site uma nota assinada por alguns dos integrantes do partido questionando o alinhamento ideológico do pastor com as propostas defendidas pela legenda.

Segundo Barros, o que está acontecendo com ele é perseguição religiosa: “Não tenho vínculo nenhum com Silas Malafaia. Existe um preconceito sim por eu ser pastor, estou sendo perseguido e sem direito de defesa, ninguém da direção do partido me chamou para ter uma conversa”, acusou.


Uma das defensoras de Barros, a deputada Janira Rocha reprovou a atitude de alguns dos principais nomes do PSOL no Rio de Janeiro: “Em nenhum momento nem [Marcelo] Freixo , nem [Chico] Alencar, nem a direção do partido ligaram para conversar sobre isso. Chega de ser julgada, condenada sem abrir a boca. Acabou o silêncio, se não tem fórum interno pra discutir isso tudo, vamos fazer publicamente”, disparou.

18 COMENTÁRIOS

  1. A GRANDE MAIORIA DE PA$TORES E IGREJAS EVANGÉLICAS SÓ SE PREOCUPAM COM DUAS COISAS: POLÍTICA E DINHEIRO. O EVANGELHO É UM PRETEXTO PARA AGREGAR ELEITORES E DIZIMISTAS.

        • O problema é que os gays são cristãos gentios e estes cristãos não vivem debaixo da lei.Debaixo da lei vive vocês,falsos crentes que não cumprem nada e são mil vezes mais punidos por DEUS que os gays.Lixos humanos.Leia a Bíblia crente do rabo quente..Mas leia sem pular.Essa parte está em Romanos,analfabeto de bíblia que tem mais de 20anos de igreja e só aprende umas 3 frases que os falsos pastores ensinam,e o que convém
          _a seita.Pagarão caro por serem desonestos com a santa palavra de DEUS.
          Nem para ensinar a Bíublia servem,crentes inúteis,desonestos…

    • elfiltrado na linhas do inimigo, boa estratégia, assim não corremos o risco de nenhum homossexual se eleger em cima de votos de outros. Beleza.

        • JOSÉ CLAUDIO
          Bem sei, mas estes fizeram por onde, conquistaram votos na luta por direitos, e não empurrados por votos de outros e campanha da globo.

      • Pode recorrer ao Diretório Nacional, ao TSE, ao STF, a decisão do partido é de natureza interna corporis e por isso não cabe recurso fora das instancias partidárias. Esse pastor é um tremendo desonesto intelectual, pois sabe que o PSOL é um partido socialista – e que tem como bandeira de luta a defesa dos direitos gays – e ainda assim o cidadão insiste em ficar nas fileiras de uma agremiação partidária em conflito direto com sua cosmovisão pentecostal.

    • Luciano,você está certo.Mas você mesmo acha ruim quando se criticam um falso pastor sem sem caráter e que bajula os outros por motivos interesseiros.A Bíblia toda fala dos
      falsos crentes,falsos mestres,falsas doutrinas,falsos profetas…É que eles pulam estas partes.
      O lugar dele é no partido social dos crentes.Cristãos não.Esse adjetivo sempre foi dos cristãos católicos.O certo,pela Bíblia é crente. É que eles sujaram esse adjetivo e rejeitam
      serem crentes.Falsos,lixos humanos…. Os sinceros são de DEUS.

  2. Este Pastor deveria se retirar deste partidozito gayzaiado que ele com certeza tiraria muito maior resultado, psol e um puleiro de efeminados apoiado tambem pela mesma classe de afrescaiado, e o que seria que um Pastor estaria fazendo em um pardieiro satanizado como este tal psole? eu em sei não temos nos dias de hoje pastorecos surgido do nada, com titulos de pastores quem nem sabemos de onde surgiram com polemicas e mais polemicas, se o mesmo estivesse envolvido com o Pastor Silas malafaia e dai eu pergunto e dai, que tem demais um Pastor ter contato e amizade com outro Pastor de outra denominação, e o mesmo esta ai a negar tal contato,UM VERDADEIRO PASTOR não fica a dar atençao a briguinhas e fuxico de gente sem lado como este deputado afrescaiado, sai fora jacare eu em

  3. Pode recorrer ao Diretório Nacional, ao TSE, ao STF, a decisão do partido é de natureza interna corporis e por isso não cabe recurso fora das instancias partidárias. Esse pastor é um tremendo desonesto intelectual, pois sabe que o PSOL é um partido socialista – e que tem como bandeira de luta a defesa dos direitos gays – e ainda assim o cidadão insiste em ficar nas fileiras de uma agremiação partidária em conflito direto com sua cosmovisão pentecostal.

  4. Corrigindo:umas 30 frases oportunistas…., e que convém à seita e seu dono que se autointitula
    ungidos do senhor e um bando de idólatras imbecis acreditam nestes ardidos e encardidos da
    safra de lúcifer com seus agentes e seus asseclas,todos querendo se passar por anjos de luz,mas não são po rcausa do caráter que muda de acordoco m os interesses.Ainda bem que
    tudo está na Bíblia que não mente e fala horrores contra esses falsos crentes.

DEIXE UMA RESPOSTA