Projeto de “cura gay” deverá ser votado na Comissão de Direitos Humanos nesta terça-feira

11

A Comissão de Direitos Humanos e Minorias (CDHM) da Câmara dos Deputados tentará votar, hoje, 18 de junho, o projeto de lei apelidado de “cura gay”.

Após os seguidos adiamentos das últimas semanas por questões de trâmite burocrático, o presidente da CDHM, deputado Marco Feliciano, agendou a votação do projeto para esta terça-feira, às 14h00.

O polêmico projeto prevê o cancelamento de uma resolução do Conselho Federal de Psicologia (CFP) que proíbe os profissionais da área de atenderem homossexuais que buscam orientação especializada para se tornarem heterossexuais.

No último dia 04 de junho, os parlamentares integrantes da CDHM pediram adiamento da votação para melhor análise das propostas, segundo informações do site da revista Exame.


Por Tiago Chagas, para o Gospel+


11 COMENTÁRIOS

  1. Esta é a principal preocupação desses crentes? Não tem mais nada para fazer não? E que tal pregar o evangelho como Jesus nos ensinou? Bando de “não ter nada que fazer”!

    • Você é ateu? O que vocês fazem para melhorar o Brasil., cuidado!!!!!! você não e nada, ninguém para falar no evangelho de Jesus, seu Hipócrita descente de víbora……

  2. O lixo se dando ao luxo de combater a minoria que deveria ser defendida em sua Comissão de Direitos Humanos e Minorias. Resto humano de evanjegue pegando sobra de cargos e pertencendo a um partidinho nanico e cheio de corrupção alem da crença em um deus megalomaníaco e cruel. Só podia fazer essa idiotice toda! Que o povo se levante contra essa bandalheira toda e que católicos combatam mais estes evanjegues fanáticos, afinal ainda são maioria e deveriam ter ciência disso. FORA O FUNDAMENTALISMO EVANJEGUE, SUA MISOGINIA, HOMOFOBIA E RACISMO!!!!!

    • você é um retardado cara não tome cuidado com a mão de Deus não viu qualquer hora desta ele poderá te surpreender com algo que você jamais desejaria que acontecesse em sua vida! cuidado! cuidado! cuidado!

    • Ele não sabe o que o espera na Camara, neste momento já este muita gente, levantando a bandeira, contra este ser corrupto, tomaram o tirem lá de dentro a pontapés.

      O povo, não suporta mais as sandices desses políticos.

    • Eu li direito…evanjegue? Vai criar vergonha nesta tua cara imunda seu crápula elianta ou eliasno? Quem chama os evangélicos de jegues merece que respeito? Vai se converter cascudo.

  3. Amigo,Pode falar de nós Evangelicos,do Pastor Marcos Feliciano,somos homens de carne e concerteza cheio de falha como você! Mais por favor,NAO fala de Jesus,
    Ele sim foi é perfeito,nao tem falha nenhuma…e mesmo sendo assim Ele nao só atriu pessoas boas, mais como tbm pessoas ruins…..antes de falar dEle lembre-se disso……Foi Ele que se entregou por voce….nao nós!
    ah…até o diabo cre no Senhor Jesus,e concerteza voce tamben cre!

    • O Pastor Marcos Feliciano não aprovou o projeto, ele apenas colocou em votação um projeto de outro deputado, sob a relatoria de um terceiro. Não adianta querer colocar a culpa da aprovação, nas costas do deputado, ele não votou! Por sinal o projeto foi muito bem aprovado, afinal qualquer pessoa deve ter o direito de contar com o apoio de um profissional quando quer mudar ser comportamento.
      Se eu que sou hétero resolver de uma hora para outra ser homossexual (igual a Daniela Mercury) não poderei contar com apoio profissional?

  4. Só quem é cego não ve que o Feliciano é um Félix, é só ver o cabelinho dele. O Félix é reprimido por medo do pai, e o Feliciano da religião. Aí qual a solução dele para fugir da tentação? Acabar com a liberdade homossexual. Já pensou, ele sair na rua e encontrar um monte de homens se beijando? Ele não vai resistir. É como um ex-bêbado que deseja acabar com todos os bares, porque ele não se controla. Todo homofóbico é homossexual enrustido, e o cabelinho dele não nega.

DEIXE UMA RESPOSTA