Vereador entra com projeto de Lei que propõe leitura obrigatória da Bíblia em escolas públicas e privadas de Fortaleza

18

O vereador Mairton Felix entrou recentemente com o Projeto de Lei 0179/2014 na Câmara Municipal de Fortaleza, texto que tem como objetivo tornar obrigatória a leitura da Bíblia em escolas públicas e privadas da capital do Ceará.

No texto do projeto, o vereador afirma que a leitura bíblica obrigatória nas instituições de ensino “visa trazer os conhecimentos cultural, geográfico científico e de fatos históricos bíblicos” aos estudantes do município.

– A bíblia é um conjunto de livros (Escritura Sagrada), para muitos um livro religioso, porém o seu conteúdo é universal, científico, arqueológico, cultural, geográfico e histórico, a sua abrangência da escrita é fantástica e corresponde a um período de 1.600 (hum mil e seiscentos anos) – diz a justificativa do projeto.

O texto comenta ainda que a Bíblia foi o primeiro livro a ser impresso no mundo, e fala sobre sua diversidade de autores ao longo do tempo, que a escreveram, apesar de separados por longas distâncias e períodos de tempo, “com uma harmonia excepcional entre eles”.


O vereador fala ainda em seu projeto que seu projeto não fere o caráter laico de estado determinado pela Constituição Federal, e que o projeto “tem a finalidade de enriquecer o conhecimento dos alunos, pois os conhecimentos norteiam as atitudes humanas e até servem para consulta de cientistas, como exemplo de Galileu”.

– O projeto é de cunho educacional e não religioso, a leitura bíblica proporcionará aos alunos fundamentos históricos e sua iniciativa não se contrapõe ao estado laico. Proibir a leitura bíblica nas escolas é uma intolerância que leva ao preconceito e um ato de discriminação – finaliza Mairton Felix em sua justificativa.

Ao divulgar o texto de seu projeto nas redes sociais, o vereador afirma se tratar de uma medida feita “em benefício para toda coletividade, pois as escolas terão desta vez a melhor forma de conhecer a palavra de Deus”.

O projeto foi autorizado pelo Plenário e foi encaminhado para a Comissão de Legislação, Justiça e Cidadania do município.


18 COMENTÁRIOS

  1. O Brasil é um país cristão, então este vereador ta guiado.feliz é a nação cujo Deus é o senhor, a juventude brasileira está perdida na mão de satanás, hoje em dia mais morre jovens do que velhos, alguma coisa ta errada, falta de Deus?

  2. ESTE VEREADOR QUER OBRIGAR OS ESTUDANTES A SEREM CRISTÃOS. ELE PRECISA ENTENDER QUE RELIGIÃO É ADESÃO, E NÃO UMA OBRIGAÇÃO.DESSE JEITO VAMOS VIRAR UMA TEOCRACIA, GOVERNADA POR AIATOLÁS EVANGÉLICOS.

    • Jorge Vinícius,estou entendendo seu ponto de vista.Mas,o projeto do vereador não tem
      nada a ver com proselitismo religioso para que a pessoa se torne crente dessa ou daquela
      seita ou igreja – não se forma currais eleitorais e nem favorece nenhuma religião.Prega
      apenas a Bíblia,que é a palavra de DEUS e só.Também não representa um perigo ao
      estado laico. É como o Pai Nosso,a oração universal.Leia,o projeto é interessante.Com
      certeza vacinará a população contra os falsos profetas,falsos crentes,falsos mestres,falsas
      doutrinas,doutrinas dos nicolaitas, dde balaão,de janes e jambres e outras terríveis
      heresias….

      • Não amigo, VOCÊ quem não entendeu.

        A Bíblia é a palavra do SEU DEUS, assim como o pai nosso é a oração universal pra você. Ninguém é obrigado a aceitar isso como verdade. Tente enxergar que vivemos em sociedade de credos mistos, e mesmo que você aceite e creia que a Bíblia e Deus são sua praia, o resto da população não tem dever nenhum em compartilhar da sua idéia.

        A escola é local para educação civil e científica. Deixe que religião e credos fiquem a cargo da família.

      • Está pregando a religião cristã, não importa se é de uma igreja em particular ou não, pai nosso não é universal é cristã apenas, vocês esquecem ou não querem aceitar que existem pessoas que acreditam em outros deuses ou simplesmente não acreditam em nenhum deus, tem que respeitar, religião é de cunho pessoal.

  3. Como cristã, naturalmente, gostaria que esse projeto fosse aceito.
    Mas, por outro lado, não posso olhar essa questão, somente do ponto de vista cristão. Tenho que entender que, se abrirem esse precedente, outras religiões tb pleitearão o mesmo direito de propagar sua fé nos bancos escolares.

  4. Mais nois cristãos precisaríamos de confiar em Deus e tentar pelomenos.não deveríamos ter medo de outras religiões.se deus é por nois quem será contra nois?

  5. Crime. Este vereador é um criminoso. Por ignorância ou má fé, mas é criminoso.
    O estado é laico.
    Não existem apenas estudantes cristãos.
    Tem estudante judeu, muçulmano, do Candomblé e ate mesmo ateu.
    Ele que ache coisa melhor pra fazer.

  6. O estado é laico. O deus da bíblia não é o único deus. Aliás, nem é o com mais seguidores.

    Não pude deixar de ler este comentários:

    .feliz é a nação cujo Deus é o senhor, a juventude brasileira está perdida na mão de satanás,

    Na boa gente, deixem o pobre do capeta fora dessa. Os humanos precisam aprender que são o que são e pronto. Nenhum deus nem nenhum diabo tem alguma coisa a ver com isso.

    E como nós ateus dizemos: Orar é um jeito de não fazer nada e ainda achar que está ajudando…

DEIXE UMA RESPOSTA