Pastor evangélico é assassinado a tiros na Paraíba, polícia acredita se tratar de uma execução

17

Na última semana o pastor evangélico José Carlos Barbosa da Silva, de 46 anos, foi encontrado morto no município de Guarabira (PB), no Brejo paraibano. De acordo com a polícia, Silva, que é pastor da Igreja Presbiteriana Pentecostal do Bessa, em João Pessoa, foi assassinado após realizar um culto na cidade de Alhandra.

A Polícia Militar afirma que o religioso estava voltado para sua residência em João Pessoa após celebrar o culto, dirigindo um veículo Toyota Hilux, quando foi interceptado por quatro homens. De acordo com a perícia, ele foi assassinado com três tiros, sendo um no queixo, outro na cabeça e mais um no tórax.

De acordo com o Portal Correio, o corpo do pastor foi encontrado às margens de um lago na cachoeira do Ouricuri, em Pilões. Seu veículo foi encontrado, queimado, dias depois no sítio Cipoal, zona rural do município de Araçagi, a cerca de 6 km do centro da cidade.

Após uma denúncia feita por moradores de uma grande bola de fogo, peritos do Instituto de Polícia Científica foram até o local e identificaram o carro pelo modelo, cor e número do chassi, confirmando se tratar do carro pertencente ao pastor. Nas redondezas foram encontrados também alguns pertences pessoais do pastor como roupas utilizadas na igreja.


A polícia está investigando o caso e ainda não têm informações sobre a autoria do crime ou a possível localização dos suspeitos. Os investigadores do caso não descartam a hipótese de latrocínio, mas, como nada foi roubado, indícios de execução estão cada vez mais fortes.


17 COMENTÁRIOS

  1. Li alguns comentários, muita gente achando que sabe, mas na verdade não sabe. Gente ignorante com conhecimento inútil. Pessoal, usem seus conhecimentos no que aprenderam. Ninguém tem conhecimento pleno do que diz, ninguém provou nada aqui a não ser, ofensas, falta de respeito, desordem e achismos. Vivam! Perdi cinco minutos do meu tempo escrevendo isso…

DEIXE UMA RESPOSTA