Estudando seminário, Perlla nega intenção de se tornar pastora e revela ter sofrido preconceito no meio evangélico: “Muita religiosidade”

22

A cantora Perlla revelou que sofreu preconceito no meio evangélico quando anunciou que havia se reconciliado com Deus e retornado à igreja, e afirmou ainda que apesar de estar cursando seminário, não pensa em ser pastora.

Na entrevista, concedida ao site da Igreja Batista da Lagoinha (IBL), Perlla contou que passou a infância na igreja, mas circunstâncias no meio da comunidade evangélica a levaram a se distanciar.

“Sonhava gravar um CD, mas sabia que não conseguiria dentro da igreja, porque é um mercado muito complicado. Isso é um ponto negativo em nosso meio. Existem muitas pessoas com talento, mas com poucas oportunidades. Por isso, muitos se afastam do Evangelho por não encontrarem espaço para crescerem como profissionais […] Lembro que tinha 13 ou 14 anos de idade, muitas coisas aconteceram ao mesmo tempo e fizeram com que eu deixasse a igreja. Sentia desânimo e algumas situações me deixaram chateada. O ápice da minha saída foi quando recebi o convite para ir a um show de pagode. Quando participei da apresentação, decidi que não retornaria mais para a igreja”, relatou Perlla.

O ingresso no mercado funk, segundo a cantora, aconteceu de maneira inesperada: “Na verdade foi uma oportunidade que surgiu, não tinha em mente ser funkeira. Na época, o funk fazia muito sucesso no Rio de Janeiro e vi que poderia fazer o estilo funk melody. Algo de qualidade, para as pessoas gostarem. Naquele tempo foi novidade, hoje esse estilo musical é comum. Recordo que fui a primeira mulher no funk melody, porque nesse seguimento só havia homens”, relembra.


Perlla contou ainda que passou por depressão e chegou a planejar o suicídio, mesmo estando no auge de sua carreira secular: “Com o tempo percebi que tinha muito dinheiro, mas era como se não tivesse nada. Almejava e conseguia tudo que queria, mas nada tinha valor para mim. Já havia pensado até em suicídio, mas não consegui completar. Tentei me jogar do apartamento que ficava 22º andar, mas algo me prendia. Percebi que faltava algo dentro de mim”, disse.

A sua reconciliação começou, segundo ela, quando conheceu seu esposo, que já era evangélico e músico profissional: “Olhava para ele e via que era um homem diferente. Ele era cristão, acho que esse era o seu segredo. Apaixonei-me por ele à primeira vista. Tentei me aproximar dele, mas ele me dizia que não queria se relacionar por no futuro as pessoas passarem a conhecê-lo apenas por ser meu namorado, e não pelo que ele era. Então, passei a desabafar meus problemas com o Cássio. E a todo o momento ele dizia que minha angústia era a falta de Deus, e passou a orar por mim. Começamos a namorar e ele começou a me levar à igreja. Na época fazia shows e paralelamente frequentava os cultos. No começo conseguia conciliar tudo, mas quando o Espírito Santo passou a falar ao meu coração o que Deus tinha para mim, percebi que não dava apenas para ir à igreja, precisava servi-lo também”, contou Perlla.

Convertida, a cantora precisou vencer obstáculos dentro da própria igreja: Houve muito preconceito; no entanto, meu compromisso não é com homens, mas com Deus. As pessoas estão com excesso de religiosidade, preocupadas em como a pessoa vai se comportar, se está cumprindo tudo direitinho. Elas acabam se esquecendo das almas e se preocupando mais se alguém está ou não seguindo as regras da igreja. É uma pena tanta resistência na igreja, porque o compromisso não é com rótulos, mas com aquilo que você é em Cristo”, pontuou.

Na entrevista, Perlla contou ainda que enfrentou dificuldades no início de seu casamento, por conta de ainda carregar hábitos do tempo em que tomava decisões sozinhas: “Cássio tinha uma vida em santidade e também era virgem. Por isso, optamos por fazer tudo conforme o padrão bíblico, mas a verdade é que eu iniciei tudo: namoro, noivado e até ao casamento. Eu o pedi em casamento (risos). Disse a ele: ‘Já coloquei os papeis para correr, vamos casar’. No início foi uma pressão muito grande para ele, porque ainda fazia shows e tinha toda a minha vida de artista. Era muito para ele. Como era bastante independente e para frente, queria impor coisas e continuar do meu jeito, mas sabemos que o homem é o sacerdote do lar e assim não funciona. Então, bem no começo nos separamos por algumas semanas, mas depois reatamos e estamos juntos”, revelou a cantora.

Agora, divulgando seu primeiro CD de música gospel e estudando seminário, Perlla afirma que não tem planos de expandir sua atuação, mas não fecha as portas: “Estou fazendo seminário para conhecer mais a Palavra de Deus. Contudo, tenho convicção de que não podemos dizer ‘não’ para o que Deus deseja fazer. Por isso, se um dia Ele me direcionar a esse caminho [ministério pastoral] obedecerei”, concluiu.

Por Tiago Chagas, para o Gospel+

22 COMENTÁRIOS

  1. Não vou entrar no mérito da conversão dela, mas vejo que ela esta mal orientada, pois disse; “se um dia Ele (Deus) me direcionar a esse caminho [ministério pastoral] obedecerei”, e quem conhece as doutrinas bíblicas, sabe muito bem, que o pastorado feminino não encontra respaldo nas Escrituras, mas pelo que me pareceu, ela deve frequentar a Igreja Batista da Lagoinha, e, isso explica o entendimento equivocado que ela tem sobre o assunto.

    • O chamado ministerial não está ligado ao sexo do ser humano. A diferença que existe de papéis entre homem e mulher se relacionam diretamente na família. Temos nosso chamado através da nossa nova natureza e no espírito não existe homem ou mulher.

      • O assunto gera divergências, e com a desculpa de que os tempos são outros, que vivemos uma cultura diferente, e isso, e mais aquilo… os defensores do pastorado feminino, que em sua maioria são os próprios pastores,(maridos) e alguém atento sabe o motivo para tal pleito… $$$$… Então os defensores da causa deixam de obedecer as diretrizes bíblicas, entre elas a de (I Cor. 14), tão contestada, bem como, a de (I Timóteo 3:1-2) – “Esta é uma palavra fiel: se alguém deseja o episcopado, excelente obra deseja. Convém, pois, que o bispo seja irrepreensível, MARIDO DE UMA MULHER, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar”;
        Só esse texto já seria suficiente para o entendimento de que o dito ministério é função exclusiva do homem.
        Caso Deus quisesse a mulher no pastorado, o texto, deveria ter sido escrito mais ou menos assim; “Convém, pois, que os que almejam o episcopado sejam irrepreensíveis, cada qual com seu cônjuge”. Aí teríamos uma abertura para atender desejos femininos ao pastorado, que certamente são raros, mas como já disse, os interessados são outros.

        • Essas instruções de 1 Timóteo quando Paulo fala aos homens ele estabelece uma situação interessante.
          1 – Marido de uma mulher só
          2 – Não apegado ao vinho e violento
          3 – Não apegado ao dinheiro
          4 – Governar bem a sua família.
          5 – Não pode ser neófito
          6 – Boa reputação

          Se formos ver isso ao pé da letra como tem que ser visto e praticado, concordamos que muitas pessoas que estão nos altares por aí estão desqualificadas, principalmente pelos itens 3 e 6 . Mais voltamos ao assunto.
          Depois disso paulo dá instrução aos diáconos. No versiculo 11 Paulo diz assim: ” as mulheres IGUALMENTE sejam dignas, não caluniadoras, mas sóbrias e confiáveis em tudo”.

          Paulo fala nesse versículo complementando as instruções para pastores e diáconos usando a expressão: as mulheres IGUALMENTE, ou seja as mulheres da mesma maneira para desempenharem as funções sejam dignas, não caluniadoras, mais sóbrias e confiáveis em tudo.

          Outro texto usado em 1 corintios 14, se voltar em 1 corintios 11 no versículo 5 Paulo fala a seguinte expressão: e toda mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta desonra a sua cabeça. Veja que nesse versiculo Paulo fala claramente que as mulheres naquela época oravam e profetizavam.
          Segundo 1 corintios 14 a profecia é para edificação, exortação e consolação, ou seja para que a igreja seja edificada, exortada ou consolada, portanto um atributo ministerial.

          • Essas instruções de 1 Timóteo quando Paulo fala aos homens ele estabelece uma situação interessante.
            1 – Marido de uma mulher só
            2 – Não apegado ao vinho e não violento
            3 – Não apegado ao dinheiro
            4 – Governar bem a sua família.
            5 – Não pode ser neófito
            6 – Boa reputação

            Se formos ver isso ao pé da letra como tem que ser visto e praticado, concordamos que muitos homens, mais muitos mesmo, que estão nos altares por aí estão desqualificados, principalmente pelos itens 3 e 6 . Mais voltamos ao assunto.

            Depois disso paulo dá instrução aos diáconos. No versiculo 11 Paulo diz assim: ” as mulheres IGUALMENTE sejam dignas, não caluniadoras, mas sóbrias e confiáveis em tudo”.

            Paulo fala nesse versículo complementando as instruções para pastores e diáconos usando a expressão: as mulheres IGUALMENTE, ou seja as mulheres da mesma maneira para desempenharem as funções que Paulo já abordou no contexto (bispos e diáconos) sejam dignas, não caluniadoras, mais sóbrias e confiáveis em tudo.

            Outro texto usado em 1 corintios 14, se voltar em 1 corintios 11 no versículo 5 Paulo fala a seguinte expressão: e toda mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta desonra a sua cabeça. Veja que nesse versiculo Paulo fala claramente que as mulheres naquela época oravam e profetizavam. O orar e profetizar com a cabeça descoberta, significa que uma mulher tem que dar mais importância à família, onde o homem é o cabeça do que no seu chamado. Uma mulher que se dedica primeiramente ao ministério deixando sua família em segundo plano é vergonhoso para ela.

            Segundo 1 corintios 14 a profecia é para edificação, exortação e consolação, ou seja para que a igreja seja tocada no âmbito da expressão vocal (pregação ou outros meios).

            grato por sua paciência.

        • No alto de sua sapiência, gostaria que você desenvolvesse uma defesa desse entendimento manifestado por Paulo.

          A mulher é dotada de menos qualidades que o homem?

          A mulher é mais propensa a pecar que homem?

          Ou é apenas por estar escrito, e isto basta?

          Mas se for por estar escrito, então você vem matando seus filhos quando o desobedecem? Mata os adivinhos? Mata os gays? Se não estar cumprindo esses mandamentos então explique essasua desobediência a Deus, aliás, pela desobediência a Deus, o seu pai(a não ser que seu pai não seja Jeová, sim Lúcifer).

        • Wanderlei,

          No alto de sua sapiência, gostaria que você desenvolvesse uma defesa desse entendimento manifestado por Paulo.

          A mulher é dotada de menos qualidades que o homem?

          A mulher é mais propensa a pecar que homem?

          Ou é apenas por estar escrito, e isto basta?

          Mas se for por estar escrito, então você vem matando seus filhos quando o desobedecem? Mata os adivinhos? Mata os gays? Se não estar cumprindo esses mandamentos então explique essasua desobediência a Deus, aliás, pela desobediência a Deus, o seu pai(a não ser que seu pai não seja Jeová, sim Lúcifer).

          • LEVI, acho engraçado que quando é do seu interesse, vc cita que muitas coisas da Bíblia já não são como no passado, e agora na tentativa de validar sua ideia sobre o pastorado feminino, evoca coisas da lei mosaica, estas sim, já substituídas, veja; (Hb 8:13) – “Dizendo Nova aliança, envelheceu a primeira. Ora, o que foi tornado velho, e se envelhece, perto está de acabar”.
            E já acabou! Mas vc a semelhança do seu mestre e pai (Jo. 8:44), quando esta (lei) favorece a seus propósitos, a utiliza, atitude típica a de seitas praticantes de macumba gospel, as quais também gostam de usar práticas envelhecidas e extintas, ou aperfeiçoadas.
            Então Levi, por isso, não se mata mais os adúlteros a pedrada, pois estamos debaixo de um novo testamento, inaugurado com a morte de Cristo; “Porque onde há testamento, é necessário que intervenha a morte do testador. (Hebreus 9:16), dito isso Levi, creio ter ficado claro que estamos sujeitos a nova aliança e temos que viver segundo o que esta escrito nela, Tiago fez menção disso para validar sua palavra numa contenda que vemos registrada em Atos 15, “E com isto concordam as palavras dos profetas; como está ESCRITO”.(Atos 15:15).
            E por estar escrito na nova aliança, restrições ao pastorado feminino, foi que me pronunciei contra.
            Evidentemente que se houvesse fundamento bíblico para tal ministério, eu seria forte defensor da causa, até pq o visualizar de uma mulher no púlpito é bem mais agradável do que a contemplação dos balofos (maioria) pastores que lá estão.
            Levi, sim, minhas opiniões são expostas baseadas “apenas pq esta escrito”, e como cristão tenho que seguir os ESCRITOS da Bíblia, já vc é dado a fazer aquilo que não encontra amparo nos ESCRITOS sagrados, tipo; orar pelos mortos, pensar que é um deus, discordar do apóstolo Paulo… e outras maluquices já conhecidas dos leitores do site.

  2. “meu compromisso não é com homens, mas com Deus. As pessoas estão com excesso de religiosidade, preocupadas em como a pessoa vai se comportar, se está cumprindo tudo direitinho. Elas acabam se esquecendo das almas e se preocupando mais se alguém está ou não seguindo as regras da igreja. É uma pena tanta resistência na igreja, porque o compromisso não é com rótulos, mas com aquilo que você é em Cristo”

    Muito bom esse entendimento dela. Muitos evangélicos estão seguindo normas de homens na denominação e deixando de procurar o que realmente Deus quer delas. Se ela tem essa visão, ela está começando bem.

    • Eis aqui uma inverdade por parte dela, esta história de rotular, todos os cristãos que estão lá, para desculpar suas fraquezas, para mim na verdade fica só a impressão, que todos os desviados dos caminhos invoquem assim como os americanos, fazem com a quinta emenda.
      bem mais fácil culpar aqueles que estão fazendo algo, pelo reino do senhor, do que assumir suas culpas, rotular cristãos com frases formadas ou palavras de impacto, é na verdade uma maneira para depreciar a igreja e a palavra santa.

  3. Perla você ainda ta muita ligada no mundo secular, cuidado para não voltar, se não você vai perder muitas coisas que deus te deu, e não tou falando de dinheiro não.

  4. Excelente colocacao a sua biblicamente a mulher nao tem chamado nenhum a questao e hoje em dia as pessoas entendem a biblia como bem querem e se preocupam em estudar a palavra de deus por isso essa bagunca nas igrejas evangelicas mulher pastora…qualquer um se intitulando de apostolo,sal,rosa e por ai vai esta uma bagunca geral e essa perlla parece que mau entrou e ja esta perdida

  5. Ruth pinheiro concordo com você, mais devemos nos preocupar com nossa salvação e nunca perder o foco que é jesus, tudo e todos há de prestar conta com deus.

    • Mas, mais chato que padres das escolas católicas, duvido que exista.

      Aliás, esses padres quando estão dando a missa, a maioria não quer ouvir sequer um ai de crianças, pois logo se enche ar, de rancor.

  6. Não adianta seguir o bom caminho da espiritualidade, e ao mesmo tempo estar com um pé no mundo secular cantando suas músicas. Se uma pessoa verdadeiramente se arrepender, deverá esta deixar o mundo secular, tudo o que distrae a humanidade.

  7. O apóstolo Paulo escrevendo aos coríntios, os repreende pela razão de haver litígio entre eles, e de não existir ninguém sábio entre eles para aconselhá-los, e de levar a questão a um tribunal ímpio para julgamento. Assim sendo, Paulo declara, que só o existir o litígio entre eles já era derrota, quanto mais, levar a questão a um juizado mundano. Era preferível que sofressem o dano, a se exporem ao crivo de um tribunal do mundo.
    Eu lamento por tudo que tem sido exposto a mídia, as nossas diferenças, os nossos erros. Não digo com isto, que devemos ser coniventes com o pecado, entretanto, tudo deveria ser tratado entre nós. O mundo não nos reconhecerá como discípulos de Cristo, porque temos dons extraordinários, pelo nosso talento ou similares, mas se amarmos uns aos outros, e isto implica em dizer que “as nossas roupas sujas deveriam ser lavadas em casa”.

  8. Wanderlei,

    Sua posição está correta e possui respaldo bíblico.

    Difícil discutir com quem não crê que os livros sagrados foram inspirados por Deus.

  9. PESSOAL DO GOSPEL MAIS É A TERCEIRA VEZ QUE TENTO POSTAR UM COMENTÁRIO. NÃO HÁ NADA DE OFENSIVO OU COISAS DO GÊNERO NESSE COMENTÁRIO.

    Essas instruções de 1 Timóteo quando Paulo fala aos homens ele estabelece uma situação interessante.
    1 – Marido de uma mulher só
    2 – Não apegado ao vinho e não violento
    3 – Não apegado ao dinheiro
    4 – Governar bem a sua família.
    5 – Não pode ser neófito
    6 – Boa reputação

    Se formos ver isso ao pé da letra como tem que ser visto e praticado, concordamos que muitos homens, mais muitos mesmo, que estão nos altares por aí estão desqualificados, principalmente pelos itens 3 e 6 . Mais voltamos ao assunto.

    Depois disso paulo dá instrução aos diáconos. No versiculo 11 Paulo diz assim: ” as mulheres IGUALMENTE sejam dignas, não caluniadoras, mas sóbrias e confiáveis em tudo”.

    Paulo fala nesse versículo complementando as instruções para pastores e diáconos usando a expressão: as mulheres IGUALMENTE, ou seja as mulheres da mesma maneira para desempenharem as funções que Paulo já abordou no contexto (bispos e diáconos) sejam dignas, não caluniadoras, mais sóbrias e confiáveis em tudo.

    Outro texto usado em 1 corintios 14, se voltar em 1 corintios 11 no versículo 5 Paulo fala a seguinte expressão: e toda mulher que ora ou profetiza com a cabeça descoberta desonra a sua cabeça. Veja que nesse versiculo Paulo fala claramente que as mulheres naquela época oravam e profetizavam. O orar e profetizar com a cabeça descoberta, significa que uma mulher tem que dar mais importância à família, onde o homem é o cabeça do que no seu chamado. Uma mulher que se dedica primeiramente ao ministério deixando sua família em segundo plano é vergonhoso para ela.

    Segundo 1 corintios 14 a profecia é para edificação, exortação e consolação, ou seja para que a igreja seja tocada no âmbito da expressão vocal (pregação ou outros meios).

    grato por sua paciência.

    • Marcelo,

      Se formos olhar o original do texto de 1 Tm 3:11 quando se refere às mulheres o sentido é “esposas”.

      “Da mesma sorte as ESPOSAS sejam honestas, não maldizentes, sóbrias e fiéis em tudo.” – 1 Timóteo 3:11

      Ao lermos o capitulo todo fica claro que quando Paulo chega neste ponto ele está dizendo como devem ser as esposas dos diáconos, tanto é verdade que no versículo seguinte ele diz:

      “Os diáconos devem ser esposos de uma só mulher, que governem bem a seus filhos e as suas casas.” – 1 Timóteo 3:12

      Quanto a 1 Co 11 é preciso analisar o contexto histórico mas a mensagem central não muda, ou seja, Cristo é o cabeça da igreja e o homem é o cabeça da mulher no relacionamento conjugal.

      O contexto desta passagem, e muito de 1 Coríntios, é a ordem e a estrutura da igreja. A igreja de Corinto destacou-se pelo caos e falta de ordem que reinavam naquela assembleia (v. 33). É interessante que nenhum dos anciãos ou pastores é mencionado, e nem mesmo os profetas estavam exercendo o controle (ver versículos 29, 32, 37). Todo mundo estava participando de qualquer forma que ele ou ela desejasse no momento em que desejasse. Isto incluía mulheres falando em línguas e profetizando, ao mesmo tempo assumindo a liderança nos cultos ao invés de serem submissas, assim como a Palavra de Deus instrui (1 Timóteo 2:11-15). Aparentemente, algumas mulheres na igreja de Corinto estavam fora de ordem e perturbando ao fazerem perguntas em público durante os cultos caóticos. Não é coincidência que muitas igrejas modernas que praticam o falar em línguas e reivindicam curas e milagres também permitem que as mulheres liderem o culto, preguem e ensinem. As mulheres podem ser professoras talentosas, mas não têm a permissão de Deus para “falar” de tal forma em suas igrejas. Na verdade, fazer isso é “indecoroso”, ou seja, “uma desgraça” (v. 35).

  10. POVO DE DEUS: ASSIM DIZ O SENHOR

    O LOUVOR E A ADORAÇÃO A DEUS EM ESPIRITO E VERDADE DE 5 EM 5 MINUTOS AFASTA O SATANAS DE SUA VIDA E DE SUA FAMILIA PARA SEMPRE, leia tudo a seguir e nunca mais você vai sofrer JA QUE O REINO DE DEUS VIRA PARA VOCE DEFINITIVAMENTE E FARA DE VOCE SACERDOTE E SANTO DELE AQUI NA TERRA.

    POVO DE DEUS, Eu vou pedir outra vez a todos os obreiros de todos os ministério, corram atrás dos CDs abençoados do PR. Fernandinho – Sede de Justiça e o CD do PR. Juliano Som- Para que Outros Possam Viver., Sendo que nas data de 29-03/ 30-03/ 04-04/ 05-04 de 2014 eu passei 78 e-mail: da primeira revelação vinda de Deus para mim relacionado a estes dois CDs para varias Igrejas diferente Titulado Povo de Deus assim diz o Senhor, porém, eu acho que apenas o Apostolo Valdemiro leu e foi atras dos CDs abençoados já que após uma semana do meus e-mails,o abençoado e Ungido de Deus, Apostolo Valdomiro Santiago lançou a campanha oração incessante até Jesus voltar igualzinho a revelação que Deus deu ao PR. Fernandinho no abençoado CD -Sede de Justiça, Deus esta fazendo festa nos Céus até hoje pois o mundo inteiro esta aderindo a oração diária a Deus, não que isso seja alguma glória para mim ou para o PR. Fernandinho o qual eu nem conheço ou para o Apostolo Valdomiro que não sabe ainda mais agora vai ficar sabendo, SOU NASCIDA DO SEU MINISTÉRIO E O SR. É O MEU PAI ESPIRITUAL , aprendi a horar três horas por dia das 5h: da manha até as 8 h: com os seus irmãos de sangue, o mais velho que não esta no seu ministério e o mais novo que esta no seu ministério, desde então venho recebendo muitas revelações de Deus Visíveis e também audíveis, ai vai apenas algumas das revelações , visão de fogo muito fogo, arvores apenas com galhos, sem nenhuma folhagens ou fruto, floresta lindas bem verdes todas de veludo e muitos mais , porém, na verdade somos pessoas muito pequenas a serviço do nosso senhor Jesus Cristo e só por causa disso, na semana passada recebi mais esta grande revelação a seguir para que todos possam Glorificar a ele o nosso Deus Altíssimo o tempo todo., Na noite que recebi esta grande revelação, eu sonhei a noite inteira que eu estava flutuando deitada para cima e indo na direção do céu, eu via as estrelas claramente de pertinho, era a noite, depois de eu passar toda a noite flutuando para o céu com uma felicidade que não consigo explicar, derre pente, parece que finalmente havia entrado no Céu pois Glória a Deus, eu vi muitas águas mais muitas águas mesmo, águas mais águas, muitas águas mesmo a qual desciam como cascatas, então acordei, isso aconteceu dia 28/05/2014 mais estou com a alegria do Senhor até hoje Glória a Deus e as revelações vieram, estão abaixo quero compartilhar com todos. .

    Este texto abaixo é do PR Dave Roberson e tanto este texto como o texto também abaixo do Ministério Internacional Casa do Senhor faz parte integral do que Deus quer que façamos apartir de hoje para a Glória dele.

    Então, quando o Espírito Santo me disse, “Você não sabe nada sobre adoração”, Ele estava falando do Seu desejo de que eu entendesse a diferença entre a adoração do Antigo e do Novo Testamento. De nossa nova natureza, flui uma comunhão sem pecado entre o nosso espírito e o Espírito de Deus, pois Deus é um Espírito e busca aqueles que O adorem dessa forma. Nosso Pai anseia pela comunhão com Seus filhos.
    Pense nisso – não precisamos esperar até irmos para o Céu para provar desse tipo de adoração! O Pai espera que comecemos a ter comunhão com Ele neste nível AGORA MESMO, pois não existe nenhum empecilho entre o Senhor e nós. O que nos separava no passado era a morte espiritual. Mas agora fomos trazidos de volta na Presença do Pai. Podemos adorá-Lo e ter comunhão com Ele como se estivéssemos no próprio Céu – apenas porque recebemos uma nova natureza!
    Ouça o que estou lhe dizendo. Sei do que estou falando: Essa chave espiritual da adoração pode ser o que você estava procurando.
    Deus tentou me introduzir a longos períodos de adoração um ano e meio antes da “repreensão” que recebi naquela linha de oração. Se eu soubesse o que a adoração faria com a minha fé e com a minha habilidade de receber de Deus, eu teria me entregado há muito tempo a essa prática.

    Na visão, Deus me mostrou uma pequena pedra sendo jogada em um lago. As ondas que se formaram a partir da pedra encheram o lago. Então, o Senhor me disse, “Quanto mais você adorar, mais o Espírito Santo poderá encher seu espírito com a Sua Presença. As ondas do seu espírito encherão a sua alma, e as ondas da sua alma encherão os seus sentidos. Finalmente, a Presença do Espírito Santo não só rodeará todo o seu ser, ela encherá a atmosfera ao seu redor até que as pessoas ao seu redor sentirão a Sua Presença”.
    Você pode imaginar os resultados que esse tipo de adoração causaria à unção de um líder de adoração, ou à mensagem de um pregador, ou a casa e trabalho de um crente? O que essa adoração pode fazer com um descrente que está sempre contra você? Com certeza as emoções podem ser transformadas pela Presença de Deus com a mesma facilidade que se transformam com o tormento e medo!
    Quando finalmente me entreguei à liderança do Espírito Santo de entrar na adoração pessoal e me trancar em meu escritório, não tinha nenhuma outra intenção sem ser adorar a Deus. Eu não estava pedindo nada; não queria receber nada. A princípio foi fácil, mas com o passar do tempo, cada minuto parecia uma hora. Às vezes, minha adoração me fazia sentir como se estivesse no deserto – sozinho. No entanto, continuei adorando e algo começou a acontecer. Um tipo de batismo dos meus sentidos se iniciou na medida em que a Presença de Deus veio e permaneceu comigo mesmo depois que eu terminava de adorar.
    Parecia que o Espírito Santo queria que eu tivesse comunhão Ele não só enquanto orava por pessoas, mas também nas minhas decisões diárias. Aliás, antes que eu começasse a orar, já podia sentir a Sua Presença. Parecia que Ele queria encher a minha fé com o fundamento das coisas que eu estava esperando receber, como Hebreus 11:1: Ora, a fé é o firme fundamento das coisas que se esperam, e a prova das coisas que não se vê-em. Surpreendentemente, comecei a ter vontade de adorar mais. Ficou claro que a adoração tinha algo a ver com receber de Deus!
    O Senhor me colocou em longos períodos de adoração para me ensinar, pois sabia que eu Lhe obedeceria. Poderia contar muito mais sobre a minha experiência com esse tipo de adoração, mas, por ora, deixe-me encorajá-lo com o seguinte: Separe um momento todos os dias para se entregar completamente à adoração. Até mesmo meia hora é um período bom para começar, pois Deus adora quando você entrega todo o seu ser, derramando tudo o que você é em cada frase de adoração, mesmo por pouco tempo. Use esse momento diário para magnificar e glorificar seu Pai. Dê-Lhe todo o louvor, honra e glória. Ele adora quando você diz repetidas vezes coisas, como “Eu Te amo, Deus Pai. Eu Te amo, Pai. Eu Te adoro e quero Você mais do que tudo”.
    Se você tiver fé o suficiente para fazer isso, ficará surpreso com o que Deus fará para você. Veja, não importa quão sofisticadas sejam as suas frases, mas sim o quanto do seu coração e do seu amor você derrama em cada frase de adoração.
    Veja o que Efésios 5:17-20 diz sobre a adoração:
    Por isso, não sejais insensatos, mas entendei qual seja a vontade do Senhor. E não vos embriagueis com vinho, no qual há devassidão, mas enchei-vos do Espírito, falando entre vós em salmos, hinos, e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração, sempre dando graças por tudo a Deus, o Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo.
    Quando Paulo ensina sobre “falar entre vós em salmos, hinos, e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor no vosso coração”, ele está se referindo à adoração pessoal.
    Quando eu fui diante de Deus para adorá-Lo, não tinha nenhuma outra intenção senão amá-Lo e dar-Lhe toda a glória. Contudo, é impossível que a minha adoração a Deus não tenha um efeito profundo em meus sentidos – e o mesmo acontece com você. Passei a chamar essa experiência de “batismo nos meus sentidos na Presença Dele”.
    Veja novamente o que o versículo 18 diz: E não vos embriagueis com vinho, no qual há devassidão, mas enchei-vos do Espírito. Preste atenção nisso: Qual parte de uma pessoa é afetada quando ela se embriaga? Não são seus sentidos naturais? No entanto, Paulo compara os efeitos do álcool aos nosso sentidos serem cheios com o Espírito Santo!
    Por que será que Paulo escolheu essa comparação? Em primeiro lugar, por que a maioria dos alcoólatras bebe? Eles bebem para aguentar os problemas da vida. Eles anestesiam seus sentidos com o álcool porque não querem aceitar a realidade de seus problemas.
    Mas não é isso que acontece conosco. Deus precisou nos deixar em um corpo físico. No entanto, pertencemos a um Reino espiritual. Nossos sentidos estão em contato constante com um mundo negativo. Enquanto um alcoólatra escolhe levar a vida anestesiando seus sentidos às coisas negativas, você e eu podemos viver cheios com o Espírito, falando salmos, hinos e cânticos espirituais, cantando e salmodiando ao Senhor em nossos corações – que é a adoração pessoal.
    Quando nos oferecemos ao Senhor em adoração, Sua Presença tem um efeito similar em nossos sentidos aos efeitos que o álcool provoca em um alcoólatra. Contudo, uma das principais diferenças é que enquanto o alcoólatra está FUGINDO de suas responsabilidades, você e eu estamos CUMPRINDO as nossas. O efeito do álcool na mente de um alcoólatra faz com que ele passe da responsabilidade para a irresponsabilidade. Em contrapartida, a Presença do Espírito Santo quando se move em nossas mentes nos transporta de um mundo de irresponsabilidades para um mundo de responsabilidade, anestesiando-nos contra tudo o que é negativo e que se levanta contra as promessas de Deus. Essa experiência se manifesta através de uma paz sobrenatural que diz, “A operação do Reino de Deus é mais real e mais viva para mim do que a operação deste mundo”.
    Durante meus momentos de adoração, eu apenas digo a meu Pai o quanto O amo. Passo um tempo Lhe agradecendo e adorando por tudo que já proveu para mim, de acordo com Efésios 5:20: Sempre dando graças por tudo a Deus, o Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo.
    Na medida em que você separar um tempo para momentos de oração diariamente, lembre que Jesus se tornará para você tudo o que você crer que Ele é, de acordo com a Sua Palavra. Você não pode adorar a Deus por uma hora e dizer que Jesus é a sua Cura, sua Provisão, sua Paz e sua Sabedoria sem que Ele se torne todas essas verdades em sua vida.
    Então, clame ao Senhor em seu momento sozinho com Ele e ouça com atenção o que o Espírito Santo disser ao seu espírito. Faça qualquer ajuste que Ele instruir você a fazer, trocando suas fraquezas por Sua força e a sua carnalidade pela Sua santidade. Na medida em que você tomar esses passos na adoração pessoal, será muito mais fácil do que antes entrar em um lugar de comunhão íntima. E quando você provar o batismo de seus sentidos na Presença de Deus, você descobrirá que isso era o que o seu coração sempre buscou!

    Dave Roberson

    Fonte: http://www.minamd.org.br

    SEGUNDA REVELAÇÃO DE DEUS ABAIXO
    SEU LOUVOR PODE AFUGENTAR O DIABO DE PERTO DE VOCE E DE SUA FAMILIA PARA SEMPRE

    O TEXTO ABAIXO PERTENCE AO MINISTÉRIO INTERNACIONAL CASA DO SENHOR

    Há muitas ocasiões em que é mais importante louvar a Deus do que continuar pedindo. O louvor faz com que seus olhos se desviem da batalha para a vitória, pois Cristo já é Vencedor, e você tem o Vencedor em seu coração a fim de que possa ter a Sua vitória na sua vida e na sua oração.

    Normalmente, toda oração deve começar com louvor:

    “Entrai pelas portas dele com gratidão, e em seus átrios com louvor; louvai-o, e bendizei o seu nome.” (Salmos 100:4)

    O Espírito Santo frequentemente quer guiá-lo do fardo da intercessão para o louvor vitorioso. Levar o fardo é bíblico, mas o louvor o é ainda mais.

    Você já pensou que as suas respostas de Deus às suas orações são “às vezes demoradas porque você não o louva suficientemente?”

    Você já pensou que montanhas de problemas permanecem às vezes porque você deixou de louvar ao Senhor?

    Você sabia que pode geralmente afugentar satanás mais depressa pelo louvor do que por qualquer outra maneira, a não ser que seja pela ordem da fé? Ou que a ordem de fé está frequentemente ligada a uma bagagem de louvor? Você sabia que é possível remover a depressão através do sacrifício da oração perseverante? O louvor penetra a escuridão, remove obstáculos antigos, e faz fugir os demônios do inferno.

    Uma certa irmã ressaltou que os cristãos repetem sempre a declaração familiar: “a oração muda as coisas”. Deus ensinou à ela a profunda verdade espiritual de que, depois de ter orado, segundo a Vontade de Deus, e crido, é no geral o louvor que muda as coisas. As orações repetidas durante longo tempo, e sem uma aparente resposta de Deus, rapidamente são respondidas quando o intercessor passa ao louvor em lugar da súplica.

    Existem três níveis de louvor que podem abençoar sua vida e acrescentar eficácia a sua oração:
    (1) louvar pelo que Deus fez,
    (2) louvor pelo que espera que Deus faça,
    (3) louvor por quem Deus é. Tal louvor não representa apenas adoração valiosa mas guerra espiritual poderosa.

    COMO DEUS USA SEU LOUVOR

    O louvor renova as suas forças. Esperar em Deus renova você espiritualmente e também fisicamente (Isaías 40:29-31).

    Louvar a Deus é ainda mais eficaz do que a oração, para refrescar, reanimar, a capacitar você. Todo cristão experimenta às vezes uma sensação de secura espiritual. Depois de uma batalha espiritual surge quase sempre um cansaço mental e emocional. Precisamos repetidamente de uma emanação do Espírito.

    O louvor traz uma mudança de disposição. O louvor abre um poço artesiano de fé e alegria. O louvor é um dos meios usados por Deus para sua renovação interior (II Coríntios 4:16, Salmo 103:1-5).

    Quando você é sincero em seu louvor a Deus, o louvor é santo, agradável a Deus e poderoso.

    Você terá muito mais força espiritual se incluir o louvor em seu andar diário com o Senhor. Você será mais forte fisicamente se fizer do louvor a Deus uma parte de seu estilo de vida.

    Quando louva o Senhor, as preocupações vão embora. O louvor afugenta a frustração, tensão e depressão. O louvor espanta a escuridão e acende a luz de Deus. O louvor clareia a atmosfera dissipando as sugestões de dúvida, crítica e irritação provenientes de satanás. O louvor faz uma transfusão celestial em você.

    O louvor muda a atmosfera de sua vida, casa e igreja. Uma palavra de louvor ou um coro ou hino de louvor, pode fazer com que o período de oração em um lar volte à vida. Você irá crescer diariamente em espiritualidade se planejar e praticar constantemente o louvor.

    O louvor clareia sua visão.

    Satanás tenta introduzir a perspectiva de em sua mente antes que você tome consciência disto. Ele se compraz em pintar as coisas negras. ele aumenta os montes, transformando-os em montanhas, escurece o seu céu, e faz com que as dificuldades pareçam impossibilidades.
    Ele quer que você faça uma avaliação pessoal errada. ele acusa você de não ser importante para Deus, fraco demais para ser usado por Deus, e um fracasso. ele faz com que as forças do mal pareçam maiores, mais sábias e mais fortes do que realmente são.

    Comece a louvar a Deus e você poderá anular as sugestões de satanás. Louve a Deus e o Espírito Santo irá clarear sua visão as perspectivas de satanás são sempre enganosas. Ele quer que você veja apenas parte do quadro. Louve o Senhor e o Espírito Santo começará a dar-lhe a perspectiva do céu. O louvor reduz o diabo ao seu tamanho apropriado e ajuda você a reconhecer a falsidade e vazio de seu embuste.

    O louvor dá a você a visão do Espírito Santo, de como Deus vem operando e como a resposta de Deus está próxima. O louvor levanta você da poeira da batalha e permite que olhe para ela da perspectiva de Jesus, enquanto Ele se acha sentado “a destra do Pai”. O louvor mostra a mentira das afirmações de satanás e faz com que você veja o que os anjos de Deus vêem.

    Você ficaria surpreso ao saber como a oração é prejudicada pela vida egoísta dos cristãos. A carnalidade impede que milhares de orações subam mais alto que o teto.

    “Se eu no coração comtemplara a vaidade (pecado), o Senhor não me teria ouvido” (Salmo 66:18).

    Os pensamentos pecaminosos, atitudes carnais, e egocentrismo destróem o poder da oração. Eles fecham o ouvido de Deus para nossas palavras de desejos.

    A escritura fala muitas vezes de pessoas orando e Deus não as ouvindo. Segundo Tiago, nossa relação com Deus deve ser verdadeira e nosso motivo puro para que Deus possa ouvir-nos (Tiago 4:3).

    O orgulho anula muitas orações (Tiago 4:6). Uma atitude de crítica, falta de perdão e amargura oculta no íntimo, bloqueiam a oração.

    Se você quiser que suas orações sejam respondidas, permita que o Espírito Santo o purifique (Tiago 4:6-10).

    Você pode ser preservado em pureza pelo espírito de louvor. Quando satanás vier com essas sugestões, purifique seus pensamentos através da oração. O louvor desvia os seus olhos da sua própria pessoa para Jesus. O louvor faz desaparecer o negativismo, a auto-piedade, o egocentrismo e o começo da auto-idolatria.

    O salmo 50:14-15: “Oferece a Deus sacrifício de louvor, e paga ao Altíssimo os teus votos. E invoca-me no dia da angústia; eu te livrarei, e tu me glorificarás.” sugere que em sua hora de dificuldade, um sacrifício de ações de graças é o prelúdio apropriado para a sua oração pedindo livramento. Em outras palavras, o louvor torna a sua petição mais eficaz.

    Deus já fez tanto por nós, coisas que, no geral, agradecemos inadequadamente. O louvor, em adoração, aquece o coração dEle e prepara o caminho para resposta.

    Se já existiu um perito em guerra espiritual, este homem foi Martinho Lutero. Ele tinha plena consciência das forças demoníacas que lutavam contra sua pessoa. Lutero escreveu: “quando não consigo orar, sempre canto”.

    O louvor traz o poder do céu sobre você. Deus livrou pessoas de hábitos pecaminosos através do louvor. Cada vez que a tentação voltava, elas louvavam um pouco mais ao Senhor até que a pressão desaparecesse. Outras pessoas foram curadas enquanto louvavam o Senhor.

    João Wesley conhecia também o segredo: “O louvor abre as porta para maior graça”.

    O louvor multiplica a sua fé. Quando você começa a louvar o Senhor, o foco de sua atenção se desvia da complexidade do problema para a suficiência dos recursos de Deus, da urgência da sua necessidade para o poder do Senhor em satisfazer essa necessidade.

    Ao louvá-lo, você começa a lembrar como Ele o ajudou em outras ocasiões e sua fé se eleva, cheia de esperança.

    Você passa a apropriar-se da disponibilidade e vontade de Deus em ajudá-lo agora. Quanto mais louva, tanto menor parece a montanha que está enfrentando à luz da grandeza de Deus.

    O louvor eleva seus olhos para Jesus e quase inconscientemente você lança o seu fardo sobre o Senhor (Salmo 55:12). O louvor serve para você compreender como satanás e seus ajudantes demoníacos são comparativamente insignificantes, como eles já foram completamente derrotados e se tornaram medrosos por causa do Calvário.

    O louvor dá coragem a você para levantar-se, em nome de Jesus e repreendê-los. O louvor não é só meio de multiplicar a sua fé, mas também uma evidência dessa fé.

    As batalhas espirituais são ganhas no mundo invisível pela oração e pela assistência ativa dos anjos de Deus que foram designados para ajudar você (Hebreus 1:14). Gabriel disse a Daniel que ele e Miguel tiveram de vencer espíritos malignos inimigos antes de poderem transmitir resposta à oração de Daniel (Daniel 10:12-13).

    O louvor afugenta Satanás; ele e seus demônios temem a presença e autoridade de Jesus. Sabem que Jesus pode enviá-los a qualquer tempo para o lago de fogo, que será sua condenação final. O medo deste castigo e a presença santa de Jesus os tortura (Mateus 8:29).

    Louvar Jesus faz com que os exércitos demoníacos fujam (Tiago 4:7): “Sujeitai-vos, pois, a Deus, resisti ao diabo, e ele fugirá de vós”. Quando a batalha contra satanás parecer infindável e quase desesperada, comece a louvar a Deus e eles fugirão.

    Louvamos a Deus algumas vezes e, ocasionalmente, durante a oração. Vamos louvá-lo cada vez mais.

    Usamos a oração para adorar o Senhor; comecemos a usá-la para derrotar o diabo.
    Além dos outros resultados esplêndidos, vale a pena louvar o Senhor só por causa das benção que você vai sentir em seu coração. O louvor é, porém, a artilharia pesada do cristão; o louvor é mais eficaz na guerra espiritual do que a bomba atômica na militar. O louvor é a estratégia para a vitória.

    Como Louvar a Deus

    – Você pode louvar a Deus, na solidão de sua alma, sem que ninguém mais saiba.

    – Comece seu dia no escritório, com louvor silencioso.

    – Entre numa casa, ao fazer uma visita evangelística, louvando Jesus, em seu coração.

    – Se outros estiverem aconselhando alguém na sua presença, você pode repetir, em silêncio, o nome de Jesus em louvor e adoração.

    – Ao sentar-se ao lado de alguém que sofre no hospital, pode louvar silenciosamente o Senhor, até que a presença de Deus esteja próxima e talvez até seja sentida pelo paciente. Quantas vezes é adequado louvar Jesus desta forma!

    Embora o louvor deva inundar o mais íntimo do seu ser (Salmos 103:1) possa ser cantado no seu coração (Salmos 30:12), ele deve ser também expresso em público (Salmos 35:18), na presença de outros (Salmos 34:3). O louvor deve ser declarado (Salmos 9:14), cantado (Salmos 33:1), anunciado com alegria (Salmos 33:3; 71:23), expresso com música (Salmos 92:1), e com lábios e a boca.

    “Bendirei ao Senhor em todo o tempo, o seu louvor estará sempre nos meus lábios” (Salmos 34:1).

    “Por meio de Jesus, pois, ofereçamos a Deus sempre, sacrifício de louvor, que é o fruto de lábios que confessam o seu nome” (Hebreus 13:15).

    – O louvor pode transformar a sua vida diária.

    – O louvor pode transformar a sua vida de oração.

    – O louvor pode acelerar a vitória em suas batalhas de oração.

    – Não existe subistituto para o louvor.

    – O louvor dá honra a Deus!

    Proporciona alegria aos anjos e amedronta qualquer espírito que possa estar por perto.

    O louvor clareia a atmosfera, lava seu espírito, multiplica a sua fé e reveste você com a presença e poder de Deus.

    “Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e tudo o que há em mim bendiga ao Seu Santo Nome.” (Salmo 103:1)

DEIXE UMA RESPOSTA