Pastor Silas Malafaia entra em bate-boca com Freixo e Jean Wyllys: “Querem enganar o povo”

3

A disputa pelo segundo-turno no Rio de Janeiro vem gerando uma enorme troca de acusações entre o pastor Silas Malafaia e o candidato Marcelo Freixo (PSOL). O líder evangélico vem fazendo campanha contra intensa contra o político de esquerda, que por sua vez, o acusa de espalhar boatos.

“Não se deixe levar por mentiras e calúnias que disseminam pelas redes sociais. Isso faz parte de uma velha política, que nós somos contra”, escreveu o candidato, antes de publicar um link com suas negativas ao que chamou de “boatos”.

No texto, entre vários assuntos, Freixo nega que vá legalizar o aborto, pontuando que esse não é o papel da prefeitura. No entanto, também não nega que seja a favor da interrupção de gestações. Sobre a legalização das drogas, o texto do site de Freixo diz que essa não é uma atribuição da esfera municipal, e admite a postura favorável ao tema: “Nós somos a favor da legalização da maconha porque a criminalização das drogas se mostrou ineficaz em diversos lugares do mundo”.

No Twitter, o pastor Silas Malafaia rebateu as acusações de propagar boatos contra o candidato: “Estou desafiando Freixo! Prove que estou produzindo áudios para te denegrir. Não sou produtor de boatos, mas sim, [estou] mostrando quem você é. Produzir boatos é coisa de frouxo e covarde, típico de esquerdopatas. Tenho mostrado em vídeos claros o que Freixo acredita e faz. Freixo! Não pertenço à sua turma, que sempre foram especialistas em produzir boatos e denegrir contrários. Desafio a desmentir o que falo”, escreveu.


“Avisa ao Freixo que não sou candidato a nada, quem tem que dar satisfação, de suas crenças e atitudes políticas ao povo do RJ, é ele. Verdade pura”, acrescentou o pastor.

Veja abaixo uma série de tweets de Malafaia sobre o candidato a prefeito do Rio de Janeiro:

Assine o Canal

3 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA