Silas Malafaia defende a posse de Trump e chama a mídia de “esquerdopata”

Em dois vídeos publicanos em seu canal oficial no Youtube, o pastor Silas Malafaia chama parte da mídia de "esquerdopata" e "torcedores de ideologias" e cita ofensas da cantora Madona ao Presidente Trump como prova

2

Esta semana dois vídeos foram publicados no canal oficial do Pastor Silas Malafaia, onde ele comenta a posse do novo Presidente americano, Donald Trump, dizendo que a mídia em sua maioria é “esquerdopata”, pois não estaria comprometida a retratar os fatos de modo jornalístico, imparcial, mas sim ideológico, favorecendo pautas liberais como temas vinculados ao aborto, homossexualismo, descriminalização de drogas e desarmamento.

No último sábado, Donald Trump tomou posse sob os holofotes do mundo inteiro, porém, não sendo bem visto por muitos, especialmente, devido a sua postura contrária às políticas “globalistas” de incentivo a imigração, aborto como recurso para o controle da natalidade  e “direito” da mulher, incentivo ao casamento gay, maior controle do Estado sobre aspectos íntimos da família como educação, defesa pessoal e a regulamentação do uso de drogas.

“É uma vergonha ver parte da imprensa como torcedor”

Por tudo isso e um pouco mais, a maioria dos veículos de comunicação têm enfatizado o que seriam os aspectos ruins do governo Trump, frequentemente posto como uma ameaça iminente a economia e paz mundial. Para algumas personalidades e formadores de opinião, no entanto, a posse de Trump tem servido para revelar o quanto a mídia é “esquerdopata” e composta por “torcedores de ideologias”. Estas foram as denúncias de Silas Malafaia, por exemplo, no vídeo abaixo:


Assine o Canal

“O cara nem começou a governar, mas é tanto besteirol, é tanta asneira, só porque o camarada tem outra linha, diferente dos esquerdopatas. Eu acho engraçado que os esquerdopatas podem falar mal de qualquer um, meter o pau no que eles quiserem; é ‘liberdade de expressão’. Quando os outros falam, ai é ‘homofobia’, ‘intolerância’. Rapaz, é vergonhoso”, afirmou Malafaia.

Leia também: Posse de Trump tem a benção de 06 líderes religiosos – Franklin Graham foi um deles

Em outro vídeo publicado aqui, Silas Malafaia mostra trecho de uma gravação em que a cantora Madona diz ter pensado muito em “explodir a Casa Branca” e canta um refrão obsceno como ofensa ao Presidente Trump. Para Malafaia, essa é uma prova de como a mídia “esquerdopata” brasileira esconde a verdade da população; “não saiu na primeira página de jornal e de revista nenhuma essa baixaria dessa mulher (…) é isso o que eu digo, gente, dá para acreditar na mídia brasileira?”, questionou.


2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA