Destaque

“Não entregar o dízimo demonstra materialismo e avareza”, afirma pastor Silas Malafaia. Leia na íntegra

Comentários (197)
  1. JGMIX disse:

    ESTUDO BÍBLICO:

    “AS 10 MAIORES MENTIRAS SOBRE OS 10 POR CENTO DOS DÍZIMOS”

    Muitas igrejas insistem no ensino errôneo de que os dízimos ainda são obrigatórios mesmo para os cristãos que vivem debaixo da graça de Jesus Cristo, e se utilizam de argumentos que se tornaram verdadeiros mitos dentro da comunidade evangélica, porém como eles dizem que o dízimo é 10 por cento, vamos usar o mesmo princípio numérico e verificar biblicamente as 10 argumentações mentirosas mais difundidas a respeito do dízimo.

    1º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI ORDENADO POR DEUS NO JARDIM DO ÉDEN, POIS A ÁRVORE DO CONHECIMENTO REPRESENTA O DÍZIMO”

    Na verdade, biblicamente o dízimo foi ordenado no monte sinai (levíticos 27:30-33; Números 18:21-24) e portanto, não foram instituidos no Jardim do Éden, pois sequer é mencionado que Adão e Eva receberam o mandamento de dizimar. A associação que muitos religiosos que insistem em receber dízimos fazem de que a árvore do conhecimento do bem e do mal (Gênesis 2:9), pois não era permitido a Adão e Eva comer dela (Gênesis 2:17) portanto ela seria segundo eles um “símbolo” do dízimo, mas isso é uma associação esdrúxula, pois sequer há um texto bíblico que faça uma ligação entre essa árvore do Jardim do Éden e o dízimo da lei de moisés, sequer se diz que a árvore ocupava 10% do espaço do Jardim do Éden. Trata-se portanto de mais um argumento ridículo usado pelos líderes religiosos para levar o povo a acreditar que o dízimo não era somente obrigatório perante a lei de moisés.

    2º MENTIRA – “O DÍZIMO SEMPRE FOI OBRIGATÓRIO MESMO ANTES DA LEI DE MOISÉS”

    O dízimo antes de sua ordenança no Sinai era voluntário, sendo mencionado apenas 2 vezes antes de se tornar obrigatório, Abraão deu uma única vez um dízimo do despojo de guerra quando resgatou seu sobrinho ló e jacó fez um voto a Deus (gênesis 14:17-20, gênesis 28:20-22)

    Pelas seguintes razões, Gênesis 14:20 não pode ser usado como exemplo para os cristãos dizimarem: 1º – A Bíblia não diz que Abraão deu obrigatoriamente esse dízimo. 2º – O dízimo de Abraão não foi um dízimo santo, da Terra Santa de Deus, produzido pelo povo santo de Deus. 3º – O dízimo de Abraão foi somente do despojo de guerra (hebreus 7:4). 4º – O dízimo de Abraão a Melquisedeque aconteceu apenas uma vez e Abraão mudava sempre de lugar. 5º – O dízimo de Abraão não proveio de sua riqueza pessoal. 6º – O dízimo de Abraão não é mencionado em nenhuma parte da Bíblia, seja no velho ou no novo testamento a fim de respaldar o ato de dizimar. 7º – Visto como nem Abraão nem Jacó tinham um sacerdócio levítico para manter, eles não tinham lugar algum onde entregar os dízimos, durante os seus muitos deslocamentos.

    No caso específico de Jacó, lemos o seguinte: “Fez também Jacó um voto, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista,de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus;e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo” (Gênesis 28:20-22). O texto bíblico é claro, que Jacó fez um propósito particular (um voto) de que se Deus fosse favorável à ele, que ofereceria à Deus o dízimo. Não se vê também neste caso nenhuma ordem explicita de Deus ou algum sacerdote a mando Dele, para que Jacó dizimasse, e vemos que foi uma promessa de Jacó para Deus, não há relatos posteriores na Bíblia que ele tenha de fato dizimado, apenas se observa a sua promessa, seu compromisso de entregar o décimo de tudo que viesse a obter daquele momento em diante. Outra vez, não vemos na Bíblia nenhuma passagem em que vemos escrito que devemos dizimar como Jacó fez, portanto trata-se de mais uma mentira que os líderes criaram para tentar fazer parecer que os dízimos eram obrigatórios antes mesmo da lei de moisés.

    3º MENTIRA – “O DÍZIMO DOS ALIMENTOS DO VELHO TESTAMENTO FOI SUBSTITUÍDO POR DÍZIMO DO DINHEIRO NOS DIAS ATUAIS”

    Não há um versículo na biblia informando que dízimo obrigatório da lei de moisés possa ser ouro, prata, moeda, dinheiro, etc. Dízimo sempre foi apenas alimento do campo vegetal ou animal (levíticos 27:30 e 32) mesmo quando havia metais preciosos como moeda corrente. Abraão no seu tempo comprou uma sepultura para sua esposa por 400 ciclos de prata (gênesis 23:16)

    Embora já existisse dinheiro, a substância do dízimo divino jamais foi dinheiro. Ele era o “dízimo do alimento”. Isso é muito importante. Os verdadeiros dízimos bíblicos eram sempre somente o alimento proveniente das fazendas e rebanhos, somente dos israelitas que vivessem exclusivamente dentro da Terra Santa de Deus, as fronteiras nacionais de Israel. A fartura provinha de Deus e não da manufatura ou habilidade do homem.

    Existem 15 versículos de 11 capítulos e 8 livros, de Levítico 27 a Lucas 11, que descrevem o conteúdo do dízimo. E o conteúdo jamais, repito, jamais incluía dinheiro, prata, ouro ou qualquer outra coisa, além de alimento. Mesmo assim, a definição incorreta de “dizimar” é a maior mentira que está sendo pregada sobre esse ato, hoje em dia. (Veja Levítico 27:30,32; Números 18:27,28; Deuteronômio 12:17; 14:22, 23, 26; 2 Crônicas 31:5; Neemias 10:37; 13:5; Malaquias 3:10; Mateus 23:23 e Lucas 11:42).

    Não se observa portanto em toda a bíblia, alguém entregando dízimo em dinheiro, pois dízimo era décima parte dos alimentos ( agropecuários ou agrícolas ), e jamais foi entregue em dinheiro. E o dinheiro já era corrente nos tempos bíblicos, pois o próprio moisés que recebeu a lei para o povo lidou com dinheiro: “Então, Moisés tomou o dinheiro do resgate dos que excederam os que foram resgatados pelos levitas.Dos primogênitos dos filhos de Israel tomou o dinheiro, mil trezentos e sessenta e cinco siclos, segundo o siclo do santuário. E deu Moisés o dinheiro dos resgatados a Arão e a seus filhos, segundo o mandado do SENHOR, como o SENHOR ordenara a Moisés” (Números 3:49-51)

    Mais uma prova de que o dízimos sempre foram alimentos podem ser vista nessa passagem bíblica: “DOS DÍZIMOS NÃO COMI no meu luto e deles nada tirei estando imundo, nem deles dei para a casa de algum morto; obedeci à voz do SENHOR, meu Deus; segundo tudo o que me ordenaste, tenho feito” (Deuteronômio 26:14)

    Portanto, mais uma mentira dos líderes que ensinam sobre a obrigatoriedade dos dízimos é revelada, quando dizem que nos tempos bíblicos dízimos eram entregues em alimentos porque dinheiro ainda não existia, mas abraão e até moisés lidavam com dinheiro, e mesmo assim na obrigatoriedade da lei de moisés nunca se pagava dízimos em dinheiro, pois dízimo sempre foi a décima parte dos alimentos, do campo e animais, e nada tem a ver com a exigência de entrega de 10% do dinheiro que os cristãos recebem para esses líderes que ensinam erradamente sobre dízimos. Dízimo nunca foi pago em dinheiro, apenas em alimentos. Se o seu pastor ou líder insistir em dizer que pode ser pago em dinheiro exija que ele mostre alguém dizimando em dinheiro na bíblia, pois dinheiro já existia e era usado naquela época.

    4º MENTIRA – “O DÍZIMO FOI DADO POR DEUS AOS LEVITAS DA VELHA ALIANÇA E HOJE OS PASTORES DA NOVA ALIANÇA SUBSTITUIRAM ESSES LEVITAS PORTANTO DEVEM RECEBER DÍZIMOS”

    O dízimo foi dado aos levitas, mas para que eles fizessem todo o trabalho da tenda da congregação (Números 18:21-23). Se hoje os membros leigos fazem mais de 90 % do trabalho e os pastores recebem todo o dízimo isso não é biblico, é humano. Na igreja primitiva de atos, um levita, chamado josé de sobrenome barnabé dava ofertas ao invés de receber dízimos dos apóstolos e membros da igreja cristã: “José, a quem os apóstolos deram o sobrenome de Barnabé, que quer dizer filho de exortação, LEVITA, natural de Chipre, como tivesse um campo, vendendo-o, trouxe o preço e o depositou aos pés dos apóstolos” (atos 4:36-37) Portanto fica evidente que com a mudança do sacerdócio mudou a lei: “Pois, quando se muda o sacerdócio, necessariamente há também mudança de lei” (hebreus 7:12)

    Na economia hebraica, o dízimo era usado de maneira totalmente diferente da que hoje é pregada. Mais uma vez, os levitas que recebiam o dízimo inteiro nem sequer eram ministros ou sacerdotes – eles eram apenas servos dos sacerdotes. Números 3 descreve os levitas como sendo carpinteiros, fundidores de metal, artesãos de couro e artistas, que mantinham o pequeno santuário. E 2Crônicas 23-27, durante o tempo dos reis Davi e Salomão, os levitas também foram peritos artesãos, os quais inspecionavam as obras do Templo. Vinte e quatro mil deles trabalhavam no Templo como construtores e supervisores; seis mil eram oficiais e juízes; quatro mil eram guardas e quatro mil eram músicos. Como representantes políticos do rei, os levitas usavam o seu dízimo para servir aos oficiais, juízes, coletores de impostos, tesoureiros, guardas do Templo, músicos, padeiros, cantores e soldados profissionais (1Crônicas 12:23,26; 27:5). É obvio que esses exemplos do uso bíblico da entrada do dízimo nunca se tornam exemplos para a igreja de hoje. É importante saber que na Antiga Aliança os dízimos nunca eram usados para evangelizar os não israelitas. Neste ponto o dízimo falhou. Vejam Hebreus 7:12-19. Os dízimos jamais estimularam os levitas e sacerdotes da Antiga Aliança a estabelecer uma única missão fora do país, para encorajar um só gentio a se tornar israelita (Êxodo 23:32; 34:12,15; Deuteronômio 7:2). O dízimo da Antiga Aliança era motivado e exigido por lei, não pelo amor. De fato, durante a maior parte da história de Israel, os profetas foram os principais portadores da Palavra de Deus e não os levitas e os sacerdotes que recebiam o dízimo.O falso ensino é que os anciãos e pastores da Nova Aliança estão simplesmente continuando de onde os sacerdotes da Antiga Aliança deixaram e por isso devem receber o dízimo. A função e o propósito dos sacerdotes da Antiga Aliança foram substituídos, não pelos anciãos e pastores, mas pelo sacerdócio de todos os crentes. Como outras ordenanças da Lei, o dízimo foi apenas uma sombra temporária, até a vinda de Cristo (Efésios 2:14-16; Colossenses 2:13-17; Hebreus 10:1). Na Nova Aliança cada crente é um sacerdote de Deus (1 Pedro 2:9-10; Apocalipse 1:6; 5:10). E como sacerdote cada crente oferece sacrifícios a Deus (Hebreus 4:16; 10:19-22; 13:15-16). Então, cada ordenança que havia sido previamente aplicada ao antigo sacerdócio foi anulada no Calvário. Visto não pertencer à Tribo de Levi, até mesmo Jesus Cristo foi desqualificado. Desse modo, o propósito original de dizimar já não existe (Hebreus 7:12-19; Gálatas 3:19, 24, 25; 2Coríntios 3:10).

    Portanto, não há nenhum mandamento no novo mandamento do cristão entregar os dízimos aos pastores, pois o dízimo somente podia ser recebido pelos levitas: “Ora, os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm mandamento de recolher, de acordo com a lei, os dízimos do povo, ou seja, dos seus irmãos, embora tenham estes descendido de Abraão” (hebreus 7:5), e os levitas só existiam na velha aliança da lei de moisés, pastores não são substitutos deles pois são ministros de Deus (I Coríntios 4:1) e nem sequer é ordenado que se deva entregar dízimos em favor da obra de Deus, pois ela é sustentada pelas ofertas voluntárias (2Coríntios 9:7).

    5º MENTIRA – “O DÍZIMO RECEBIDO É SOMENTE PARA USO DOS PASTORES”

    Biblicamente, o dízimo pertencia aos levitas (números 18:21-23), mas também para se fazer um festival ao Senhor (deuteronômio.14:22-27) e a cada terceiro ano, para os levitas, órfãos, viúvas e estrangeiros, os quais comiam o dízimo ajuntado dentro das suas portas (deuteronômio14:28-29). Se ofertas e dízimos eram sagrados ao Senhor e não podiam ser comidos por pessoas comuns neste caso Deus abre um exceção, visto que para ele misericórdia é melhor que sacrificio (Oséias 6:6; Mateus 12:7), a vida dos carentes é preciosa ao senhor (veja um exemplo disso em Lucas 6:1-10)

    Portanto mais uma vez, é biblicamente demonstrado que os dízimos recebidos pelos levitas não eram de uso exclusivo deles… os necessitados ( órfãos, viúvas e os de fora de israel ), também se beneficiavam dos dízimos dos alimentos recebidos pelos levitas. Essa conversa de que só os pastores e líderes religiosos podem hoje usufruir dos dízimos não encontra respaldo bíblico. Trata-se de mais uma doutrina de homem.

    6º MENTIRA – “CRISTÃO QUE NÃO DÁ O DÍZIMO SERÁ VITIMA DO “DEVORADOR”
    Se você é evangélico provavelmente já deve ter ouvido alguém falar a respeito do devorador. Muitas igrejas pregam a respeito desse ser. Mas o que os líderes religiosos gananciosos não fazem é mostrar aos membros que a admoestação de Malaquias é dirigida somente à nação de Israel, e não aos cristãos de hoje que não dizimam:

    “Sentença pronunciada pelo Senhor CONTRA ISRAEL contra Israel, por intermédio de Malaquias” (Malaquias 1:1)

    e, se destina especificamente, aos SACERDOTES CORRUPTOS:

    “Agora, ó sacerdotes, para vós outros é este mandamento.Se o não ouvirdes e se não propuserdes no vosso coração dar honra ao meu nome, diz o SENHOR dos Exércitos, enviarei sobre vós a maldição e amaldiçoarei as vossas bênçãos; já as tenho amaldiçoado, porque vós não propondes isso no coração” ( Malaquias 2:1-2)

    Eles estavam ofertando ANIMAIS coxos, cegos mudos, e defeituosos:

    “Ofereceis sobre o meu altar pão imundo e ainda perguntais: Em que te havemos profanado? Nisto, que pensais: A mesa do SENHOR é desprezível. Quando trazeis animal cego para o sacrificardes, não é isso mal? E, quando trazeis o coxo ou o enfermo, não é isso mal? Ora, apresenta-o ao teu governador; acaso, terá ele agrado em ti e te será favorável? – diz o SENHOR dos Exércitos.” (Malaquias1:7-8)

    Quanto a Malaquias 3, notamos que Deus manda trazer somente “DÍZIMOS” para as câmaras do depósito do templo, para que haja “comida” ( alimento, ou mantimento ) em minha casa. Isto é , mantimento = produtos alimentares (ver dicionário da língua portuguesa)

    O texto mais famoso citado para falar a respeito do devorador é Malaquias 3:11, que diz: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.” Esse texto é a continuação de Malaquias 3:10, o tão famoso texto que fala a respeito de dízimos no Antigo Testamento. os líderes gananciosos dizem que o “devorador” mencionado nesse texto é um demônio que destrói as finanças daqueles que não dão os 10%, ou seja, que não são dizimistas. As pessoas que pregam nessa linha trazem ameaças de destruição financeira aos seus ouvintes se os mesmos não forem dizimistas fiéis.

    O DEVORADOR É MESMO UM DEMÔNIO? A resposta é não! Os que afirmam que esse devorador citado no texto é um demônio, no mínimo, faltaram em algumas aulas de interpretação da Bíblia. A primeira coisa a sabermos é que no Antigo Testamento, a aliança que vigorava era uma aliança baseada na obediência. Se o povo fosse obediente às leis de Deus seriam abençoados. Essas bênçãos eram visivelmente mandadas em forma de paz e boas colheitas e prosperidade. Se fossem desobedientes, seriam amaldiçoados. Falta de paz e colheitas ruins estavam em vista aqui. (Deuteronômio 28). Em uma das ameaças de maldições em suas colheitas, que Deus manda ao povo através do profeta Joel, vemos que: “O que deixou o gafanhoto cortador, comeu-o o gafanhoto migrador; o que deixou o migrador, comeu-o o gafanhoto devorador; o que deixou o devorador, comeu-o o gafanhoto destruidor.” (Joel 1:4). Uma maldição que tinha em vista a destruição da lavoura.

    O texto de Malaquias 3:11 diz a mesma coisa: “Por vossa causa, repreenderei o devorador, para que não vos consuma o fruto da terra; a vossa vide no campo não será estéril, diz o SENHOR dos Exércitos.”. Esse devorador certamente se tratava de um tipo de gafanhoto altamente destrutivo ou outro “bicho” que acabava com as plantações (que eram a base da economia do povo de Israel). A ação devastadora desse “ser” acabava com a prosperidade do povo em pouco tempo atacando suas lavouras. Quando o povo era obediente a Deus e cumpria a Sua lei, que no caso desse texto é a lei de dizimar, Deus abençoava suas colheitas e negócios. Esse é o sentido desse texto. Assim, não faz sentido usar esse texto para afirmar que o devorador era um demônio ou coisa parecida. Nem faz sentido ameaçar as pessoas hoje em dia com esse “devorador”

    “repreenderei o devorador” Versículo 11 (Não é dinheiro que faz isto, é o próprio Deus)

    Devorador, segundo a bíblia, nunca foi demônio, e sim, gafanhotos, que Deus enviava como pragas a terra para castigar o povo, e estes gafanhotos, Deus os chamavam de “O meu grande exercito” (Joel 2:22-27) …”repreenderei o devorador ” significa… espantarei a praga do meio da vossa plantação (gafanhotos), veja também Levítico 11:22 e Naum 3:16.

    Os líderes gananciosos que ensinam que esses “devoradores” são demônios que irão causar doenças na família, o carro vai viver quebrando etc, aproveitam o desconhecimento dos cristãos do verdadeiro devorador ao qual Malaquias se refere, o gafanhoto que devorava as colheitas da nação de israel. Não há confirmação nenhuma no novo testamento de que quem não dizima será vitima desse “devorador”… quando um ladrão quer tomar o dinheiro de uma pessoa, ele a ameaça, pois se pedir provavelmente a vítima não entregará o seu dinheiro, e por conta disso o ladrão usa o recurso da ameaça, para forçá-la, da mesma forma agem esses pastores que insistem em receber dízimos pois usam um texto fora de seu real contexto para ameaçar dizendo que o mesmo “devorador” que viria sobre a nação de israel se não dizimasse virá para aqueles que não entregam seus dízimos a eles.Trata-se portanto de mais um ensino distorcido da bíblia para forçar os cristãos que não estudam a bíblia a dizimarem.

    Hoje em dia, a classe mais pobre é a que mais contribui para beneficência. E, mesmo assim, ela permanece na pobreza. Os dízimos não são uma garantia para alguém enriquecer depressa, em vez da educação, da determinação e do árduo trabalho. Se Malaquias 3:10 funcionasse realmente com os cristãos da Nova Aliança, nesse caso milhões de cristãos dizimistas já teriam escapado da pobreza e se tornado o grupo mais rico do mundo, em vez de continuar sendo pobre. Portanto, não existe evidência alguma de que a vasta maioria dos pobres “pagadores do dízimo” tenha sido abençoada pelo mero fato de o entregar. As bênçãos da Antiga Aliança já não estão em efeito (Hebreus 7:18-19; 8:6-8,13).

    Portanto, não há nenhuma possibilidade de um cristão ser vítima do “devorador” (demônio) por causa de não ser dizimista, pois nenhuma maldição da antiga aliança pode atingir aos cristãos da nova aliança em Jesus ( gálatas 3:13 )

    7º MENTIRA – O DÍZIMO SERVE PARA MANTER A IGREJA FÍSICA HOJE, POIS ELA SUBSTITUIU O TEMPLO JUDAÍCO ONDE SE ENTREGAVAM OS DÍZIMOS.

    Nada poderia estar mais longe da verdade. Trata-se de outro falso ensino os religiosos que exigem dízimos de que os edifícios chamados “igrejas”, “tabernáculos” ou “templos”, substituíram o Templo do Velho Testamento como locais de habitação divina.

    A Palavra de Deus jamais descreve os grupos da Nova Aliança como ”tabernáculos”, “templos” ou “edifícios”. Os cristãos não “vão à igreja”. Eles se “reúnem para adorar”. Também, visto que os sacerdotes do Velho Testamento pagavam o dízimo, então, logicamente, o dízimo não pode continuar. Nesse caso, é errado chamar um edifício de “armazém do Senhor” para receber os dízimos (1 Coríntios 3:16-17; 6:19-20; Efésios 1:22-23; 2:21; 4:12-16; Apocalipse 3:12). Com respeito à palavra “armazém” comparem a 1 Coríntios 16:2 com a 2 Coríntios 12:14 e Atos 20:17, 32-35. Durante vários séculos após o Calvário, os cristãos nem mesmo possuíam um edifício próprio (que chamassem de armazém), visto como o Cristianismo era uma religião ilegal e sofria perseguições.

    Após o sacrifício de Jesus, o véu do santuário se rasgou: “E o véu do santuário rasgou-se em duas partes, de alto a baixo” (Marcos 15:38) e hoje, cada cristão é um santuário onde habita o Espírito Santo: “Não sabeis que sois santuário de Deus e que o Espírito de Deus habita em vós?” (I Coríntios 3:16) Não há sequer um Templo ou santuário físico para que os cristãos levem os dízimos pois: “O Deus que fez o mundo e tudo o que nele existe, sendo ele Senhor do céu e da terra, não habita em santuários feitos por mãos humanas” (Atos 17:24). Jesus sequer fundou uma igreja física, pois a verdadeira igreja é espiritual.

    1. Que autoridade nos dá a Palavra de Deus para estabelecermos igrejas denominacionais ou não denominacionais em meio ao testemunho cristão, quando as Escrituras condenam a criação de divisões entre os crentes? (1 Coríntios 1:10; 3:3; 11:18-19)

    2. Com que autoridade vinda de Deus os cristãos denominam suas assim chamadas “igrejas” como Presbiteriana, Batista, Pentecostal, Aliança, Cristã Reformada, Anglicana etc., quando não há na Bíblia instruções para nos reunirmos em qualquer outro nome além do nome do Senhor Jesus Cristo? (Mateus 18:20; 1 Coríntios 5:4)

    3. Será que existe qualquer base na Palavra de Deus para chamar esses edifícios de “igrejas”? A definição bíblica de “igreja” é de uma reunião de crentes que, pelo evangelho, foram chamados para fora, tanto dentre os judeus como dentre os gentios, e são unidos em um único corpo a Cristo, sua Cabeça no céu, pela habitação do Espírito Santo. (Atos 11:22; 15:14; 20:28; Romanos 16:5; 1 Coríntios 1:2; Efésios 5:25)

    4. Onde há no Novo Testamento uma referência mandando os Cristãos construírem templos e chamarem esses locais de “Cada de Deus”, sendo que Deus não habita em templos feito por mãos humanas? (Atos 7:48 e 17:24).

    Dizer que os dízimos são necessários para manter a igreja e sustentar os pastores e líderes não tem fundamentação bíblica neotestamentária, O apóstolo Paulo estava entre os que insistiam em trabalhar com as próprias mãos pelo seu sustento (Atos 18:3; 1Tessalonicenses 2:9-10; 2Tessalonicenses 3:8-14). Embora ele não tenha condenado os que recebiam sustento pela obra em tempo integral, também não ensinou que tal sustento fosse ordenado por Deus, para difusão do Evangelho. (1 Coríntios 9:12). De fato, duas vezes em Atos 20:29, 35 e também em 2 Coríntios 12:14, ele até mesmo encoraja os anciãos da igreja a trabalharem para manter os necessitados da igreja (Eu só queria ver um dos pastores atuais trabalhando para ajudar os pobres da igreja!).

    Para Paulo, a expressão “viver do evangelho” significava “viver segundo os princípios da fé, do amor e da graça” (1 Coríntios 9:14). Conquanto verificasse ter “direito” a alguma ajuda, ele concluía que a “liberdade” de pregar o seu evangelho era mais importante, a fim de cumprir a sua vocação de Deus (1 Coríntios 9:15; 11:7-13; 12:13,14; 1 Tessalonicenses 2:5-6). Enquanto trabalhava como artesão de tendas (atos 18:3), Paulo aceitou uma certa ajuda, porém se gloriava de que o seu pagamento ou salário era o fato de poder pregar livremente, sem se tornar um fardo para os outros (1 Coríntios 9:16-19).

    Em nenhum lugar desde Atos 7:58 (onde Paulo é mencionado pela primeira vez) até suas epístolas, não vemos o apóstolo Paulo orientando alguém a dizimar nem recebendo dízimos dos cristãos, portanto uma prova clara que a igreja primitiva não tinha o dízimo como uma doutrina cristã e inquestionável como se vê hoje nessas igrejas que dizem seguir fielmente as Escrituras.

    Paulo deixou claro que os que pregavam o evangelho tinham todo o direito de serem supridos com as ajudas e doações voluntárias dos cristãos (I Coríntios 9:11 e 14, Filipenses 4:18 ), mas nunca disse que seria dos dízimos! Sequer há mandamento seja do Senhor Jesus ou de seus apóstolos dos cristãos entregarem seus dízimos nos “templos” que hoje conhecemos como igreja, pois Jesus nunca fundou uma igreja física, nem ordenou que se fizessem construções para ali os seus seguidores se reunirem! Se o dízimo fosse tão necessário e importante como esses líderes gananciosos querem fazer parecer, teria o apóstolo Paulo esquecido de mencionar algo tão importante? obviamente que não, pois ele é categórico ao dizer: ” jamais deixando de vos anunciar coisa alguma proveitosa e de vo-la ensinar publicamente e também de casa em casa” e ” porque jamais deixei de vos anunciar todo o desígnio de Deus” (atos 20:20 e 27)… ou seja, tudo que era necessário ele, Paulo, ensinou e o Apóstolo Paulo nunca incentivou ou ensinou os cristãos a dizimarem!

    Portanto comprovadamente os dízimos não são obrigatórios serem entregues, muito menos nas igrejas físicas de hoje.

    8º MENTIRA – “DAR OFERTAS, MESMO ACIMA DE 10% DA SUA RENDA, NÃO TEM O MESMO VALOR ESPIRITUAL, POIS QUEM NÃO DÁ O DÍZIMO ROUBA A DEUS E NÃO SERÁ SALVO POIS ESTÁ DEBAIXO DE MALDIÇÃO”

    Tanto a bênção como a maldição de Malaquias 3:9-11, perduraram somente até o término da antiga Aliança, ou seja, até o Calvário. A audiência de Malaquias havia voluntariamente reafirmado a Antiga Aliança (Neemias 10:28-29. “Maldito aquele que não confirmar as palavras desta lei, não as cumprindo. E todo o povo dirá: Amém” (Deuteronômio 27:26, citado em Gálatas 3:10). E Jesus Cristo deu um fim a essa maldição, conforme Gálatas 3:13: “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se maldição por nós; porque está escrito: Maldito todo aquele que for pendurado no madeiro”. Portanto nenhuma maldição proveniente da não observância da lei de moisés (e o dízimo pertencia a ela) atinge aos cristãos. Mas os lideres gananciosos que recebem dízimos escondem isso dos membros.

    Mas não é porque o Cristão não seja mais obrigado a dizimar que ele esteja isento de ajudar na propagação do evangelho e em favor dos necessitados pois: “Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria” (2coríntios 9:7).

    “Também, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus concedida às igrejas da Macedônia; porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade.Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários” (2coríntios 8:1-3) Essa era a prática da igreja de Deus que Cristo estabeleceu.

    Os princípios de dar no Novo Testamento, na 2Coríntios capítulos 8 e 9 são superiores ao dizimar, que não é obrigatório aos cristãos.

    Os seguintes princípios de dar voluntariamente na Nova Aliança estão fundamentados na 2 Coríntios 8 e 9 (1). Dar é uma “graça”. A 2 Coríntios 8 usa oito vezes a palavra “graça”, referindo-se à ajuda aos santos pobres (2). Dar primeiro a Deus (8:5). (3) Dar-se a si mesmo para conhecer a vontade de Deus (8:5) (4) Dar em resposta ao dom de Cristo (8:9 e 9:15). (5) Dar com desejo sincero (8:8, 10, 12 e 9:7) (6) Não dar por causa de mandamento algum (8:8,10; 9:7). (7) Dar além de sua capacidade (8:3, 11, 12) (8) Dar para produzir igualdade. Isso quer dizer que os que têm mais devem dar mais, a fim de suprir a incapacidade dos que não podem dar mais (8:12,14) (9) Dar com alegria (8:2). (10) Dar porque está crescendo espiritualmente (8:3,4,7). (11) Dar porque deseja crescer espiritualmente (9:8, 10, 11). (12) Dar porque está ouvindo o Evangelho ser pregado (9:13).

    9º MENTIRA – “JESUS MANDOU OS CRISTÃOS DAREM O DÍZIMO NO NOVO TESTAMENTO”

    O falso ensino é que Jesus ensinou a dizimar, em Mateus 23:23, dizendo que isso está claro no Novo Testamento.

    Em primeiro lugar, A Nova Aliança (o novo testamento) não teve princípio no nascimento de Jesus, mas na Sua morte (Gálatas 3:19, 24, 25; 4:4). O dízimo não é ensinado na igreja, depois do Calvário. Quando Jesus falou sobre o assunto em Mateus 23:23, Ele estava simplesmente ordenando a obediência às leis da Antiga Aliança, a qual ele endossou e obedeceu até chegar ao Calvário.

    Não existe um único texto do Novo Testamento que ensine a dizimar após o período do Calvário. (Atos 2:42-47 e 4:32-35 não são exemplos para se dizimar, a fim de sustentar os líderes da igreja). Conforme Atos 2:46, os cristãos judeus continuavam a adorar no Templo. E conforme Atos 2:44 e 4:33,34, os líderes da igreja compartilhavam igualmente o que recebiam com todos os membros da igreja (o que hoje os líderes gananciosos que recebem dízimos não fazem).

    Aliás, Jesus sequer é mencionado dizimando ou recebendo dízimos… e porque os líderes gananciosos pedem dízimos em nome de Jesus sendo que o próprio Jesus disse: “em meu nome, expelirão demônios; falarão novas línguas;pegarão em serpentes; e, se alguma coisa mortífera beberem, não lhes fará mal; se impuserem as mãos sobre enfermos, eles ficarão curados” (Marcos 16:17-18)… Ele nunca disse ” em meu nome receberão dízimos…”

    Portanto comprovadamente mais uma mentira desses homens que se dizem ordenados por Deus a exigirem dízimos dos cristãos incautos foi desmascarada! Jesus nunca ordenou que os seus discípulos e futuros apóstolos recolhessem dízimos… e porque esses líderes acham que podem fazer diferente? Bem o Senhor Jesus profetizou sobre esses tipos: “Acautelai-vos dos falsos profetas, que se vos apresentam disfarçados em ovelhas, mas por dentro são lobos roubadores” (Mateus 7:15)

    10º MENTIRA – “JESUS RECEBE DÍZIMOS DOS CRISTÃOS CONFORME HEBREUS 7:8″

    O início do capítulo 7 de hebreus é apenas citação do Antigo Testamento, onde fala do sacerdócio de Melquisedeque. Em Hebreus 7:5 diz: ” E os que dentre os filhos de Levi receberam o sacerdócio tem ordem, segundo a lei, de tomar os dízimos do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão”

    A lei foi dada por intermédio de Moisés, ao povo, direcionada aos filhos de Levi, especificamente aos que receberam sacerdócio para trabalhar nas tendas das congregações ( montagem e desmontagem de tendas no deserto), os quais tinham ordem, segundo a lei de receber os dízimos dos seus irmãos. Agora note o relato do versículo 11 e 12:

    Hebreus 7:11: De sorte que, se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (porque sob ele o povo recebeu a lei), que necessidade se havia logo de que outro sacerdote se levantasse, segundo a ordem de Melquisedeque (referindo-se ao Salvador) e não fosse chamado segundo a ordem de Arão? (menção a Moisés, o qual introduziu a lei ao povo).

    Hebreus 7:12: Porque mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também mudança na lei.

    Meditando no texto acima, especificamente nestes versículos, onde a palavra assegura que os sacerdotes Levíticos recebiam os dízimos segundo a lei (Hebreus 7:5), Porque através deles (sacerdotes Levíticos) o povo recebeu a lei (Hebreus 7:11) e mudando-se o sacerdócio, necessariamente se faz também, mudança na lei (Hebreus 7:12), porque se a perfeição fosse pelo sacerdócio Levítico (pelo qual o povo recebeu a lei), qual a necessidade de que enviasse outro Sacerdote? Mudou o Sacerdócio, necessariamente se faz mudança na Lei.

    A lei dos dízimos foI direcionada especificamente aos filhos de Levi, aos que receberam o sacerdócio e não havendo mais “Levitas”, nem “templo”, nem sacerdote a oferecer sacrifícios, pois O Salvador já o fez, logo,se aplicada aos crentes hoje, ela torna-se intempestiva e ilegítima, porque os “pastores” de hoje não são levitas nem foram proibidos de trabalhar, nem menos tiveram promessas de herança de dízimos para sustento por não ter tido herança nas distribução de terras prometidas ao povo israelita por herança.

    Outra particularidade, no capítulo 18 do livro de Números, o Senhor Deus adverte aos sacerdotes levitas dizendo: Na sua terra, possessão nenhuma terás, e no meio deles nenhuma parte possuirás; eu sou a tua parte e a tua herança no meio dos filhos de Israel.

    Gostaria de recomendar aos pregadores contemporâneos (os que querem se assemelhar aos sacerdotes levitas que recebiam dízimos), seria bom que guardassem os mandamentos do Senhor para aquela tribo, os quais não possuíam bens materiais, pois o Senhor era a herança dos sacerdotes levitas.

    Recapitulando: Hebreus 7 apenas faz a menção pós-Calvário de dizimar, numa explanação de porque o sacerdócio levítico deve ser substituído pelo sacerdócio de Cristo, porque o sacerdócio levítico era fraco e ineficiente. Estude Hebreus 7 e sigam a progressão do versículo 5 ao versículo 12 e ao versículo 19.

    Porém, líderes gananciosos insistem em apenas mostrar hebreus 7:8 aos membros, onde segundo eles, Jesus receberia dízimos dos cristãos: “Aliás, aqui são homens mortais os que recebem dízimos, porém ali, aquele de quem se testifica que vive” (hebreus 7:8)

    Apenas mostrando esse versículo isoladamente aos membros desavisados, querem dar a entender que esse versículo manda os cristãos ainda dizimarem, sem ler todo o real contexto do capítulo 7 de hebreus.

    Portanto hebreus 7:8 não fala de Jesus recebendo ainda dízimos dos cristãos, pois o contexto do capítulo 7 de hebreus fala na verdade da superioridade do sacerdócio de melquisedeque em relação ao levítico que era sustentado pelos dízimos. Cristãos não tem o mandamento bíblico de dizimarem.

    Considerações finais:

    Em Hebreus 7,8,9 e 10, neste 4 capítulos deixa bem claro a questão do sacerdócio perfeito, que, quando mudado o sacerdote Levítico, veio o Cristo, e mudando o sacerdócio se muda a lei ( Hebreus 7:12 ) portanto, notamos, que no novo testamento, não há ninguém dando dizimos em dinheiro, sendo que já existia, porque, Jesus foi traído por moedas, e a viúva ofertou moedas, mas dízimos, foi mencionado em alimentos, hortaliças ( Mateus 23.23 ) jamais em dinheiro, e o próprio Senhor Jesus, relatou que o dízimo era da lei para o povo de Israel , …”o mais importante DA LEI “. (Mateus 23:23)

    Paulo não mencionou dízimos, nem outro apóstolo qualquer deixou exemplo de tal prática. Em Corintios 9, Paulo pede donativos para suprir necessitados e não para manter despesas de instituições religiosas. Em Atos 4:32 em diante, notamos a generosidade dos irmãos,vendendo tudo e depositando aos pés dos apóstolos, para que se fosse feita DISTRIBUIÇÃO AOS NECESSITADOS, de forma a não haver necessitados entre eles ( esta é a justiça que excede a dos fariseus religiosos que apenas punham seus dízimos das hortaliças e achavam que estava, cumprindo sua parte) em Mateus 23:23 e Lucas 18:12. Tal prática dos fariseus, mostra religiosidade e eles não praticavam a fé, de fato, que , quem diz que dizimar é um ato de fé, é engano, porque os fariseus dizimavam , mas não praticavam a fé. O jovem rico, não foi indicado por JESUS a dizimar, e sim, vender e REPARTIR com os pobres. Jó nunca dizimou, e mesmo assim era próspero.

    Abraão só deu o dízimo uma só vez, e não foi em dinheiro, foi despojos, sobras de conquistas de guerra, dizimo de sangue, após matar os reis e tomar seus bens.

    Jacó prometeu dar o dízimo, ( um voto particular dele ) em Gênesis 28:20-22 , mas a bíblia não fala que ele cumpriu…

    Abraão não foi a “suposta” casa do tesouro ( igreja ) mas Melquisedeque lhe saiu ao encontro para receber sua parte, devido ser rei de Salém e receber por que passava em tal parte, imposto semelhante ao que Jesus nos ensinou a pagar a César (Mateus 22:21). Isto é, JESUS mandou sermos fiéis ao estado e não sonegar impostos.

    Os cobradores de impostos ao se converter, restituíram 4 vezes mais aos que haviam defraudado, e foi nisto que Jesus afirmou: “hoje houve salvação nesta casa” (Lucas 19:9)Repare que o Salvador não o mandou dar dízimos.Todas as vezes que você quiser dar algo á Deus, e restituir a Deus com gratidão, faça isto dando ao seu próximo, pois assim,estará cumprindo a palavra na íntegra, conforme Mateus 25 deixa bem claro esta questão.

    No sétimo ano, Israel, não trazia dízimos, devido ser o ano sabático,a terra descansava (Levítico 25:4) Mas e será que a igreja atual faz isto? Fica sem receber dizimos no sétimo ano?

    O DÍZIMO era vendido POR DINHEIRO,devido a distância de levar onde o Senhor escolhera, para santificar seu nome, e o próprio dizimista COMIA DOS SEUS DÍZIMOS, administrava o dízimo, hoje em dia quem come dos dízimos são os pastores, que administram os dízimos, dando ordem quê e no que será empregado os dízimos do povo. Estes ditos “sacerdotes” ( pastores) não são levíticos, nem exercem função sacerdotal superior a qualquer irmão que seja, e muito menos têm eles o direito de administrar o dízimo pessoal de cada um.

    Quanto a sacerdotes, sabemos todos nós somos, depois de Cristo nos fazer um sacerdócio real, nação santa , povo eleito de DEUS, passamos a ter livre acesso ao Pai através de CRISTO que , na sua morte, o que nos separava foi rasgado do alto abaixo, a saber o véu que separava o lugar santo,( local onde entravam os sacerdotes) do lugar santíssimo (onde só entrava o sumo sacerdote 1 vez por ano para pferecer acrificio pelo pecado do povo).

    Paulo recebeu muitas vezes ajuda da igreja, mas era para se manter, e não era salário mensal como se estivesse numa empresa. Paulo trabalhava (atos 18:3) , e em nada pesava os irmãos e a igreja.

    Se Paulo disse: “sede meus imitadores como eu sou de Cristo”, será que nesta parte, os pastores que exigem dízimos imitam à Paulo? Vemos Jesus ou Paulo recolhendo ou ensinando sobre dízimos?Em 2Coríntios 9:9, Paulo cita o salmo 112:9, onde fala da generosidade com os mais pobres: “Conforme está escrito: Espalhou, deu aos pobres; A sua justiça permanece para sempre”. (2 Coríntios 9:9)

    Nada falou de dízimos em dinheiro, e sim, contribuições voluntárias , para “suprir” os que não tem, algo que, é totalmente visto por Deus. Paulo faz uma coleta para “DISTRIBUIR”, hoje em dia se faz uma distribuição (de envelopes) para ajuntar, não para os pobres, mas, para os cofres de uma instituição, que se preocupa mais com a posição social, status, templos, fama, nome, competição, horários de TV, rádios, sites, eventos, shows, viagens, lazer para líderes, carrões, mansões, aviões, e ainda se diz que é expansão da obra de Deus…

    Cada dia os patrimônios religiosos estão ainda maiores, e o evangelho mais distante do que a igreja primitiva pregava e vivia, tudo por causa de dinheiro. A biblia fala para não reter e sim dar. Será que a igreja faz isto? Ou antes retém,para construir seu império e se fortalecer mais e mais, visando dominar a maior parte possível do globo terrestre, e arrebanhar o maior número de pessoas possível, como se tudo fosse uma partida de competição: “Quem tiver mais membros é o vencedor”

    Paulo afirma: “Porque nós não estamos, como tantos outros, mercadejando a palavra de Deus; antes, em Cristo é que falamos na presença de Deus, com sinceridade e da parte do próprio Deus” (2Coríntios 2:17)

    Deus abençoe a todos que leram este estudo e que o Espírito Santo tenha conduzido a leitura e o entendimento para compreender que dízimos não são mais obrigatórios.

    “Antes, crescei na graça e no conhecimento de nosso Senhor e Salvador Jesus Cristo. A ele seja a glória, tanto agora como no dia eterno” (2Pedro 3:18)

    1. Mary disse:

      JGMIX,

      Ele tem que fazer a defesa do dízimo porque no momento atual, os líderes como ele e o pastor Marco Feliciano estão expostos na mídia, viraram vitrine e estão sendo analisados e cobrados, não só pela população em geral, como pelos próprios cristãos! E, de onde surgiu os proventos para eles alçarem a posição que agora ocupam se não foi dos dízimos e das ofertas?
      Porque não pense que essa meia dúzia que aqui comparece defendendo líderes e seus dízimos expressam o pensamentos de todos os cristãos evangélicos!

      1. JGMIX disse:

        Mary

        assista esse video abaixo onde silas malafaia chega ao ponto de adulterar hebreus 7:8, onde ao invés da palavra ” ali “, ele poe a palavra ” agora “, ou seja mudando o sentido do versículo para parecer que está em favor do dízimo que ele defende. É como eu digo… é impossível defender a obrigatoriedade dos dizimos para os cristãos sem distorcer a biblia…

        http://youtu.be/nmKWJPgT2ss

        1. JGMIX disse:

          mary

          os lideres gananciosos que exigem entrega de dizimos usam malaquias 3:10-11 para ameaçar e prometer que os que dizimam ficarão ricos, não passarão necessidades…

          Mas a maioria dos dizimistas são pessoas pobres… e aí? o texto biblico está errado ou a INTERPRETAÇÃO DESSE TEXTO ESTÁ ERRADA???

          no tempo que eu era neófito e era ainda ” dizimista fiel “, enquanto eu estava na igreja, um ladrão entrou na minha casa, roubou minha tv, meu videocassete, e outras coisas menores no meu quarto…

          até hj nenhum pastor soube me explicar pq mesmo eu sendo naquela época ” dizimista fiel ” , eu fui vitima do ” devorador “…

          1. Edson Souza disse:

            A desculpa desses lideres e que estamos em pecado.Com alguma falta com Deus em nossa vida.

          2. vai arrebentar disse:

            isso aconteceu porque vc nunca foi dizimista fiel o jgmix.

            vc apenas deu 10% do seu dinheiro, mas foi apenas dinheiro, e nunca foi realmente dizimo.

            pois abraão que era fiel a DEUS, quando teve sua mulher levada por Abimeleque, porém DEUS apareceu a ele em sonhos e disse:
            .
            vai ser punido de morte por causa da mulher que tomaste, pois ela tem marido.

            DEUS guarda quem é fiel de coração. abraão não devolveu dizimos pelo interesse de ter devoradores amarrados.
            mas ele devolveu dizimos como forma de reconhecimento do senhorio de DEUS, sem interesse nenhum , e nem DEUS havia mandado ele fazer isso, porém ele o fez por isso DEUS o guardou.

            AGORA vc é apenas um interesseiro que deu dinheiro na igreja em troca de benção e quis fazer barganha com DEUS, e se deu mal.
            O DIABO NÃO SO ROUBOU OS SEUS BENS COMO TAMBÉM ESTA DE POSSE DE SUA ALMA.

            se converte antes que seja tarde.
            pois os ladrões não entraram no reino de DEUS,
            e a bíblia deixa claro que quem não devolve dizimo e ladão.

          3. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            seu amigo edy, no tempo em que vc estava escondido após mais uma surra de biblia neste site, postou um artigo copiado em favor dos dízimos… biblicamente refutei cada ponto do artigo dele, e como vejo que vc pensa como ele, vou reproduzir a minha resposta a ele, que servirá a vc também:

            EDY DIZ: 1. O dízimo foi instituído antes da lei, portanto é um ensino Trans-dispensacional: Em Gen 14:20, ou seja, na dispensação da Promessa (ou dos Patriarcas), Melquisedeque (tipo do SenhorJesus Cristo no Velho Testamento) recebeu o dízimo de Abraão. Vejamos que este fato aconteceu aproximadamente 600 anos antes da lei ser dada, portanto o argumento dos avarentos de que o dízimo pertence à lei é totalmente descabido. Em Heb. 7:5-9 vemos a confirmação desse fato e não há uma só referência que o mesmo tenha sido abolido. Em Gen. 28:22 temos Jacó também dando o dízimo.

            JGMIX RESPONDE: o dízimo não foi instituido antes da lei, o caso de dízimo de abraão e jacó nada tem a ver com o dízimo da lei de moisés, pois esses dízimos ( o de abraão e de jacó )não foram sequer dados a sacerdotes levitas como ordenava a lei (Números 18:26), Abraão deu o dízimo apenas dos despojos da guerra que ele venceu (Gênesis 14:20; Hebreus 7:4 ) e não de todos os seus bens como os que insistem em dizer que dízimos são anteriores a lei. Abraão não dizimou de suas posses, deu apenas voluntariamente a décima parte do despojo da guerra, mas isso os que querem receber dízimos escondem dos fiéis. Melquisedeque, sacerdote de Deus não ordenou que abraão desse o dízimo do que ele conseguiu na batalha contra os reis, Abraão teve a iniciativa de fazer por livre e espontânea vontade. Nada a ver com a obrigatoriedade de dizimar. Em hebreus 7:5-9, vemos a repetição desse fato, e não há uma só referencia de que os cristãos deveriam proceder igual. O caso de jacó lembra o de Abraão pois ele fez um voto: ” Fez também Jacó UM VOTO, dizendo: Se Deus for comigo, e me guardar nesta jornada que empreendo, e me der pão para comer e roupa que me vista, de maneira que eu volte em paz para a casa de meu pai, então, o SENHOR será o meu Deus; e a pedra, que erigi por coluna, será a Casa de Deus; e, de tudo quanto me concederes, certamente eu te darei o dízimo” (Gênesis 28:20-22). Mais uma vez, os que insistem em ensinar que dízimos são obrigatórios antes da lei, usam um texto em que jacó faz um voto ( que não é obrigatório ), prometendo que se Deus fosse favorável a ele (jacó), de tudo que ele recebesse, daria a décima parte a Deus. Trata-se de um voto, algo particular de jacó com Deus, e não pode servir de base para tentar impor a obrigatoriedade de dízimos antes da lei de moisés. O caso de jacó se assemelha muito àquela pessoa que tem uma causa na justiça e faz um voto a Deus que se a causa for ganha, uma porcentagem dela, será entregue a Deus… nada a ver com obrigatoriedade de dízimo antes da lei!

            EDY DIZ: 2. O dízimo foi cobrado por Deus: Lev. 27:30, Num. 18:24-28; Mal. 3:8-10, pois tudo é dEle não apenas 10%: Em Ap. 4:11, Sal. 24:1 e em 1Co. 10:26, 28 aprendemos que tudo pertence a Deus. Isso inclui o corpo, talentos e todos os bens do salvo. Na verdade é uma maravilha e bondade dO Senhor pedir apenas 10% da nossa renda para a aplicação direta no sustento da igreja local e ainda assim os avarentos se levantam contra a bondade de Deus

            JGMIX RESPONDE: sim, o dízimo foi cobrado não só em levíticos 27:30, numeros 18:24-28, malaquias 3:8-10 e muitas outras durante o velho testamento. Pois era obrigatório a todos os da nação de israel a entrega dos dízimos: ” No tocante às dízimas do gado e do rebanho, de tudo o que passar debaixo do bordão do pastor, o dízimo será santo ao SENHOR” (Levítico 27:32). Outra vez vc acerta ao dizer que tudo pertence a Deus, mas fazer essa associação para dizer que ao menos 10 % do que vc ganha deve ser obrigatoriamente entregue em igrejas, não é biblico. Pois não há esse mandamento para os cristãos da nova aliança…Isso é “contorcionismo teológico” conforme vc mesmo afirma no inicio de “sua” alegação de obrigatoriedade de dízimos aos cristãos.

            EDY DIZ: 3. O dízimo nunca foi abolido no Novo Testamento, pois o ministério de preservar e pregar a Palavra de Deus continua: Luc. 10:7 No Velho Testamento havia a necessidade de manter o serviço de Deus quer ao oferecer sacrifícios, quer no Tabernáculo e depois no Templo e incluindo a preservação e pregação da Palavra de Deus. No Novo Testamento, este serviço foi tranferido para as igrejas locais que são chamadas “colunas da verdade” que tem suas despesas mensais como por exemplo, a manutenção de missionários e o salário do pastor.

            JGMIX RESPONDE: vc cita lucas 10:7, então vamos reproduzir aqui: ” Permanecei na mesma casa, comendo e bebendo do que eles tiverem; porque digno é o trabalhador do seu salário. Não andeis a mudar de casa em casa”… edy, aonde vc consegue ver nesse versículo mandamento de dízimos aos cristãos??? Edy, vc pode nos mostrar na bíblia aonde está escrito que as igrejas físicas como as conhecemos hoje substituiram os tabernáculos e o templo? Aonde está escrito que essas construções de mãos humanas de hoje, estão no lugar do templo, tabernáculos etc e nelas devem obrigatoriamente entregar dízimos e sacrifícios como se fazia no tempo da lei… Edy… vc desconhece que Jesus não veio fundar uma igreja física??? Puxa, edy… quem escreveu esse artigo que vc copiou deve explicações pautadas na bíblia!

            EDY DIZ: 4. O dízimo foi confirmado pelo Senhor Jesus Cristo no Seu ministério: Mt. 23:23; Lc. 11:42; 1Co. 9:13-14: Dois terços de todas as parábolas contadas pelo Senhor Jesus teve o dinheiro com o assunto. Isso não é uma coincidência, porque muitas pessoas têm o dinheiro como um “deus”.

            JGMIX RESPONDE: sim, O dízimo foi confirmado pelo Senhor Jesus Cristo no Seu ministério: Mt. 23:23; Lc. 11:42, pois Jesus cumpriu toda a lei de moisés (Mateus 5:17-18) e o dízimo era obrigatório na lei de moisés, Jesus disse claramente aos fariseus ( que assim como Jesus deviam seguir a lei de moisés ), que deveriam dizimar. Vc cita 1 corintios 9:13-14, vamos ver a que se refere: “Não sabeis vós que os que prestam serviços sagrados do próprio templo se alimentam? E quem serve ao altar do altar tira o seu sustento? Assim ordenou também o Senhor aos que pregam o evangelho que vivam do evangelho” edy, o texto diz claramente sobre a legitimidade dos que fazem a obra de Deus, serem sustentados… mas aonde diz nesse texto, edy, que seria com o dízimo? O apóstolo sequer menciona o dízimo! mais um “contorcionismo teológico” da sua parte… Não é só muitas pessoas que tem o dinheiro como um deus… muitos líderes tem o dinheiro como um deus, por isso insistem em exigir dízimos da lei de moisés ainda hoje!

            EDY DIZ: 5. Em 1Co. 16:2., o princípio das ofertas é o mesmo do dízimo: Note que nas ofertas o princípio “conforme a sua prosperidade”) foi usado. Em 2Co. 8:1-4; Gál. 6:6; 1Ti. 5:18 temos o salário do pastor que era pago com os dízimos.

            JGMIX RESPONDE: Vamos ver se 1corintios 16:2 se refere mesmo ao dízimo: “No primeiro dia da semana, cada um de vós ponha de parte, em casa, conforme a sua prosperidade, e vá juntando, para que se não façam coletas quando eu for” Edy… dízimos eram obrigatóriamente entregues na casa de Deus (Neemias 10:37)… como vc quer fazer parecer que o apóstolo fala de dízimo sendo que ele manda juntar conforme suas posses em casa? dízimo é uma coisa edy… ofertas são outras… querer misturar o conceito neo-testamentário de ofertas voluntárias com dízimos do velho testamento é mais um ” contorcionismo teológico ” de sua parte em contradição do que vc acusa os que ensinam a verdade sobre o dízimo.
            vc cita 2Co. 8:1-4, então vamos ver o que fala o texto: “Também, irmãos, vos fazemos conhecer a graça de Deus concedida às igrejas da Macedônia; porque, no meio de muita prova de tribulação, manifestaram abundância de alegria, e a profunda pobreza deles superabundou em grande riqueza da sua generosidade. Porque eles, testemunho eu, na medida de suas posses e mesmo acima delas, se mostraram voluntários, pedindo-nos, com muitos rogos, a graça de participarem da assistência aos santos”
            edy, mais uma vez, o texto sequer sugestiona o dízimo, vemos o caso explicito de ofertas voluntárias, veja que Paulo afirma que eles ajudaram os santos mesmo acima de suas posses (ora… dízimo não é apenas 10 %, edy ??? )… obvio que eles ofertaram e não dizimaram como vc quer fazer parecer… mais um “contorcionismo teológico” de edy! nada a ver com dízimo!

            vc cita Gál. 6:6, vamos ver a que se refere: “Mas aquele que está sendo instruído na palavra faça participante de todas as coisas boas aquele que o instrui.”… hum… edy… aonde vc vê mandamento de dizimar aos cristãos nesse versículo edy? aí já não é “contorcionismo teológico”… já é desespero teológico mesmo!
            vc também cita 1Ti. 5:18… que diz: “Ora, se alguém não tem cuidado dos seus e especialmente dos da própria casa, tem negado a fé e é pior do que o descrente”… puxa edy… sinceramente não entendo porque vc enxerga nesse versículo uma prova que o pastor deve ensinar aos membros sobre o dízimo… vc pegou as referencias bíblicas corretas? de quem vc copiou esse texto? vc pagou por ele? pode pedir então seu dinheiro de volta, pois é o pior que vi até hoje em defesa da obrigatoriedade de dízimos… cada versículo que nada tem a ver!

            EDY DIZ: 6. O dízimo é um princípio e não apenas um mandamento. Aquele que nega o dízimo está colocando Deus de fora da equação como fez o homem rico da parábola em Luc. 12:15. Ali vemos que aquele homem prosperou, mas ele não tinha tempo para Deus, por isso foi chamado de louco.

            JGMIX RESPONDE: vejamos… vc relaciona Lucas 12:15 “Então, lhes recomendou: Tende cuidado e guardai-vos de toda e qualquer avareza; porque a vida de um homem não consiste na abundância dos bens que ele possui”… aonde vc vê o dízimo sendo mencionado aqui? sequer se pode fazer uma associação à favor da obrigatoriedade do dízimo… mais um “contorcionismo teológico” de edy!

            EDY DIZ: 7. O dízimo é um símbolo de dedicação e compromisso da vida do salvo. Uma mera oferta não se qualifica para o caráter de compromisso, continuidade, pontualidade e periodicidade que o trabalho de Deus requer para o sustento continuado, periódico e initerrupto. Somente o dízimo pode suprir esta necessidade.

            JGMIX RESPONDE: pode portanto mostrar após a morte de Jesus os apóstolos ensinando isso aos judeus e gentios que se convertiam? que a obra de Deus é mantida ainda com a obrigatoriedade de dízimos? se os dízimos são tão necessários para a obra de Deus porque não há ensinos explícitos no novo testamento a favor deles? Nem Jesus durante seu ministério recebeu dízimos, e sim doações em favor de seu Ministério (Lucas 8:3), da mesma forma os apóstolos (Filipenses 4:18)… e vc quer criar um suposto princípio em que a obra é mantida somente com os dízimos sendo ainda obrigatórios???

            EDY DIZ: 8. O dízimo é o meio pelo qual o trabalho de Deus deve ser sustentado. Ele deve serentregue à igreja local. Muitos não querem dar o dízimo para que a sua atitude errada de não se submeter à igreja local seja revelada. Muitos dão o dízimo ao seu “bel prazer” entregando-o a “Sociedades Bíblicas” ou a “Seminários”, a “Ministérios” etc… Isso é um erro grave pois não é esse o plano de Deus para proclamar o Evangelho. A nenhuma dessas instituições O Senhor Jesus deu a grande comissão em Mat. 28, mas somente à Sua igreja e a mais ninguém

            JGMIX RESPONDE: digo novamente… prove biblicamente que o dízimo é o meio pelo qual a obra de Deus é mantida… mostre Jesus ensinando isso, ou qualquer apóstolo… difícil não é? A obra de Deus é mantida com ofertas voluntárias, conforme II Coríntios 9:7 “Cada um contribua segundo tiver proposto no coração, não com tristeza ou por necessidade; porque Deus ama a quem dá com alegria”… nada a ver com dízimos obrigatórios da lei de moisés…

            EDY DIZ: Conclusão: 1.. O dízimo está valendo para o crente do Novo Testamento;

            JGMIX RESPONDE: conclusão: O dízimo não é obrigatório para o cristão do Novo testamento e por consequencia os cristãos de hoje.

            EDY DIZ: 2. Só porque a palavra não é frequente no Novo Testamento não é argumento válido, pois o princípio do dízimo está claro. Outras palavras nem sequer ocorrem no Novo Testamento, mas são doutrinas inquestionáveis como Trindade; Depravação Total, etc.

            JGMIX RESPONDE: só porque os pastores tem direito a serem sustentados no novo testamento dizer que obrigatoriamente é com dizimo não é argumento válido, pois os textos bíblicos neo-testamentários são claros que as ofertas voluntárias também se destinam ao sustento dos vocacionados ao ministério.

            EDY DIZ: 3. Só porque algumas pessoas não sofrem ainda com o devorador (Mal. 3:9, 11), que Deus mandou como um castigo para os ladrões que negavam o dízimo do Senhor, isso não significa que elas não estão roubando a Deus.

            JGMIX RESPONDE: o devorador ao qual cita malaquias 3:11 é o gafanhoto que consumia as plantações ( veja Levítico 11:22 ; Naum 3:16 ). A advertencia de malaquias se referia somente ao povo de israel ( malaquias 1:1, malaquias 4:4 ) e nada tem a ver com o suposto demonio que tocaria nas finanças dos que não dizimam. Nós somos gentios, nunca estivemos debaixo da lei de moisés e nenhuma das maldiçoes do não cumprimento da lei pode atingir a nós cristãos, pois Gálatas 3:13 diz claramente: “Cristo nos resgatou da maldição da lei, fazendo-se ele próprio maldição em nosso lugar”.

            EDY DIZ: 4. Quem nega o dízimo e dá o dízimo ou mais do que o dízimo está sendo hipócrita

            JGMIX RESPONDE: curioso vc chamar quem não dá o dízimo de hipócrita pois Jesus chamou os fariseus dizimistas de hipócritas: “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas, porque dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho e tendes negligenciado os preceitos mais importantes da Lei… (mateus 23:23)
            mais uma contradição teológica edy???

            EDY DIZ: 5. Quem nega o dízimo, geralmente dá menos do que o dízimo. Está sendo avarento;

            JGMIX RESPONDE: bom, o dízimo está na bíblia, mas dizer que é obrigatório ainda hoje no mínimo é desconhecimento bíblico… no minimo para ser educado. É bíblico no novo testamento ajudar aos pobres, mas os que ensinam a obrigatoriedade de dízimos não ensinam isso…

            ” recomendando-nos somente que nos lembrássemos dos pobres, o que também me esforcei por fazer” (Gálatas 2:10)

            EDY DIZ: 6. Quem não tem competência para viver com 90%, não tem para viver com 100%.

            JGMIX RESPONDE: gostaria de ver essa sua teoria em favor do dízimo escrita na bíblia… mas esses ditados prontos tem mais valor para os que vivem de receber dízimos do que ensinar a verdade bíblica sobre eles…

            conclusão:

            Não existe base no Novo Testamento para obrigar a qualquer cristão a dizimar nos moldes do Antigo Testamento e muito menos para ameaçar com base em exortações da velha aliança quem não o faz, como vemos acontecer em diversas igrejas. As contribuições do cristão à sua igreja ou aos necessitados, devem ser livres, sem fixação de porcentagens ou cotas; o que importa é que a contribuição seja dada com amor, com liberdade, e com alegria. Não dê ouvidos ao líder que o ameaçar para tentar lhe obrigar a dar o dízimo. Faça sua contribuição conforme a graça, e não conforme a lei.
            Portanto está biblicamente comprovado que nós cristãos não somos obrigados a dizimar conforme a lei ( mateus 23:23 ) e sim ofertarmos alegremente e sem constrangimento segundo a Graça (II Coríntios 9:7). Exigir dízimos dos cristãos hoje em dia está comprovadamente fora da Sã Doutrina.

            Se a sua igreja o está ensinando no caminho reto, justo e bom, você terá alegria em contribuir com ela, cumprirá o dever de contribuir por gratidão ao cuidado que lhe está sendo dado, sem precisar ser coagido a isso por ninguém. Pois o próprio Espirito Santo o moverá a ofertar por amor a obra e aos necessitados, portanto pense nisso na próxima vez que ouvir um “líder” esbravejar os versículos de Malaquias. Jesus veio para nos libertar dessas pessoas, e não para que elas nos escravizassem, e fizessem da igreja um meio de vida. Você tem todo o direito de se certificar quanto ao destino que a igreja está dando ao dinheiro. Exija que ela faça uso responsável dele, porque você o deu com amor, e não para financiar caprichos de líderes ególatras que vivem como milionários, enquanto existem pessoas necessitadas dentro da própria igreja, e mais ainda fora dela. Quantas pessoas que são estimuladas por esses lideres a serem dizimistas conforme a lei de moisés, mas não desfrutam das promessas de bençãos sem medidas que eles tanto apregoam? porque tantos dizimistas levam uma vida pobre em detrimento das promessas de malaquias?

            E se sua igreja não se preocupa com os necessitados, você tem todo o direito de contribuir diretamente com as pessoas necessitadas. Não precisa da igreja como intermediária
            Deus abençoe e ilumine a todos que lerem este estudo, que sejam libertados do engano religioso, da doutrinas de homens, em nome do Senhor Jesus!

            “e conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará” ( João 8:32 )

          1. vai arrebentar disse:

            mas e dai , me mostra um crente que não é dizimista, bem sucedido,

            pra começar mary jgmix e edson são derrotados de carteirinha.

            o tal do edsom contou que doou um piso para uma tal igreja e depois ficou aqui contando vantagem .

            como disse JESUS vc ja recebeu seu elogio.

            da as coisas depois vem pagar uma de santo contando vantagens.

            são derrotados e fracos vcs .
            pessoas das quais o diabo tem deitado e rolado na vida de vcs.

            tres fracassados falando mal de algo que é santo.

            o diabo aguarda vcs la no inferno.

          2. JGMIX disse:

            ATENÇÃO! ALERTA IMPORTANTE:

            um audio de um “bispo” da iurd orientando os pastores da iurd a como tirar o máximo de dinheiro das pessoas vazou. A iurd através de seus advogados tirou esse audio do youtube, mas o audio foi recolocado lá por um usado por Deus. Ouça atentamente as táticas desse “bispo” da iurd , ensinando um “esquema” (no minuto 1:36 do video abaixo) ensinando a plantar envelopes ( no minuto 2:00 do video abaixo), a ” pegar ” todas as pessoas e usar de apelo emocional! ele mesmo fala que tem que pegar as pessoas ( no minuto 1:55 ) e usar apelo emocional ( no minuto 2:20 )! ouça atentamente o audio e veja se a iurd se preocupa com as pessoas ou com o dinheiro das pessoas:

            http://youtu.be/qAPju1-POlY

          3. JGMIX disse:

            ATENÇÃO! ALERTA IMPORTANTE:

            um audio de um “bispo” da iurd orientando os pastores da iurd a como tirar o máximo de dinheiro das pessoas vazou. A iurd através de seus advogados tirou esse audio do youtube, mas o audio foi recolocado lá por um usado por Deus. Ouça atentamente as táticas desse “bispo” da iurd , ensinando um “esquema” (no minuto 1:36 do video abaixo) ensinando a plantar envelopes ( no minuto 2:00 do video abaixo), a ” pegar ” todas as pessoas e usar de apelo emocional! ele mesmo fala que tem que pegar as pessoas ( no minuto 1:55 ) e usar apelo emocional ( no minuto 2:20 )! ouça atentamente o audio e veja se a iurd se preocupa com as pessoas ou com o dinheiro das pessoas:

            http://youtu.be/qAPju1-POlY

          4. Mary disse:

            Vai arrebentar,

            A minha opinião te incomdou? É, hein?
            O que vc sabe de minha vida para vir aqui e falar uma besteira destas?
            Cuide de sua vida e de sua família, que vc já está fazendo muito!
            Deus cuida de mim.

          5. JGMIX disse:

            VAI ARREBENTAR

            se quem entrega dízimo fica rico, então porque nenhum membro que entrega dízimo está entre os mais ricos do brasil?

            dízimo é 10 por cento… será que os 10 mais ricos do brasil são crentes dizimistas? vejamos a lista:

            10° Carlos Alberto Sicupira – US$ 7.9 bilhões.
            Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

            9° José Roberto Marinho – US$ 8.6 bilhões.
            Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

            8° Roberto Irineu Marinho – US$ 8.7 bilhões.
            Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

            7° João Roberto Marinho – US$ 8.7 bilhões.
            Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

            6° Marcel Herrmann Telles – US$ 9.1 bilhões.
            Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

            5° Eike Batista – US$ 10.6 bilhões.
            Petróleo, Mineração, energia.

            4° Dirce Navarro de Camargo – US $11.5 bilhões.
            Camargo Corrêa ( construtora )

            3° Antônio Ermírio de Moraes- US$ 12.7 bilhões.
            Votorantim

            2° José Safra – US$ 15.9 bilhões.
            Banco Safra

            1° Jorge Paulo Lemann – US$ 17.8 bilhoes.
            Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

            fonte: top10mais

            Dessa gente aí… algum é crente dizimista?

            em compensação, os lideres que recebem dízimos estão até na lista da forbes!

            1º edir macedo US$ 950 milhões

            2º valdemiro santiago US$ 220 milhões

            3º silas malafaia US$ 150 milhões

            4º rr soares US$ 125 milhões

            5º estevan-sonia hernandes US$ 65 milhões

            Só quem ensina e recebe dizimos tem testemunho para dar…

          6. vai arrebentar disse:

            sua opinião?
            que opinião?

            vc nem tem opinião formada, vc e do tipo maria vai com as outras.

            lembre-se a boca fala do que esta cheio o coração.
            e vc ja disse varias vezes aqui como e derrotada a sua vida.
            e eu duvido que vc e o tal de jgmix ou edson ou qualquer outra pessoa que se diz cristã e não e dizimista seja bem sucedida.

            pois se os que roubam de homens são presos imagine os que roubam de DEUS.

            e por isso que vcs são frustrados e vivem presos nas dividas, problemas sentimentais, familiares são amarrados depressivos doentes, raça de crentes perturbados e possessos , são ladrões assumidos.

            por isso DEUS os entregou as aflições deste mundo, por isso vcs clamam e não são ouvidos.

            e caminham a passos largos para o inferno.

            se o homem em sã consciência não levaria um ladrão para morar com ele vc acha que DEUS levaria?

            se vcs roubam dele aqui , imaginem se chegarem la no céu.

            e lembre-se que o ladrão da cruz para ser salvo teve que se converter e reconhecer JESUS.
            e eu duvido que se ele descesse da cruz iria continuar roubando.

            por isso mesmo JESUS tendo morrido por vcs , vcs se fazem filhos do inferno. vcs vão morar com o pai dos ladrões. o diabo que veio roubar matar e destruir.
            foi com ele que vcs aprenderam a roubar de DEUS.

          7. jgmix disse:

            o ladrão da cruz deu o dízimo para Jesus antes de morrer?

          8. vai arrebentar disse:

            o jé mane ele morreu na cruz,
            não teve tempo nem de se batizar.
            e outra não havia necessidade de JESUS ensinar a respeito do dizimo pois ele encontrou uma nação dizimista.

            somente vcs mesmo que acreditam que mesmo roubando de DEUS vai estar com ele. kkkkkkk

            Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu.
            acorda jgmix DEUS EXPULSOU O LADRÃO DO CEU,

            vc acha mesmo que ele vai levar outros para lá?

            se vcs roubam aqui na terra que são coisas corruptíveis imagine se vc chegar ao céu. a devolução de dizimos é apenas um simbolo de fidelidade e confiabilidade e amor.

            JESUS disse que os que são fieis no pouco serão colocado sobre o muito.

            então imagine os que são infiéis no pouco, com certeza serão infieis no muito.

            se DEUS não abençoa vcs nem aqui na terra vc acha que ele vai te abençoar te levando para junto dele?

            vá la na delegacia e pegue um ladrão la de dentro e leve o para morar contigo, ja que vc acha que mesmo vc roubando de DEUS ele vai te levar para morar com ele.

          9. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            vc diz: ” Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu ”

            então, os lideres e pastores da iurd não vão para o céu, pois está escrito:

            ” Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniqüidade ” ( mateus 7:22-23 )

            lideres e pastores da iurd… essa palavra de Mateus é uma profecia pra vcs… retornem ao primeiro amor… deixem o amor ao dinheiro!!!

          10. vai arrebentar disse:

            o jé mane ele morreu na cruz,
            não teve tempo nem de se batizar.
            e outra não havia necessidade de JESUS ensinar a respeito do dizimo pois ele encontrou uma nação dizimista…

            somente vcs mesmo que acreditam que mesmo roubando de DEUS vai estar com ele. kkkkkkk

            Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu.
            acorda jgmix DEUS EXPULSOU O LADRÃO DO CEU,

            vc acha mesmo que ele vai levar outros para lá?

            se vcs roubam aqui na terra que são coisas corruptíveis imagine se vc chegar ao céu. a devolução de dizimos é apenas um simbolo de fidelidade e confiabilidade e amor.

            JESUS disse que os que são fieis no pouco serão colocado sobre o muito.

            então imagine os que são infiéis no pouco, com certeza serão infieis no muito.

            se DEUS não abençoa vcs nem aqui na terra vc acha que ele vai te abençoar te levando para junto dele?

            vá la na delegacia e pegue um ladrão la de dentro e leve o para morar contigo, ja que vc acha que mesmo vc roubando de DEUS ele vai te levar para morar com ele…

          11. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            vc diz: ” Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu ”

            então, os lideres e pastores da iurd não vão para o céu, pois está escrito:

            ” Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniqüidade ” ( mateus 7:22-23 )

            lideres e pastores da iurd… essa palavra de Mateus é uma profecia pra vcs… retornem ao primeiro amor… deixem o amor ao dinheiro!!!

    2. ftbrelaz disse:

      JGMIX, vou resumir o seu estudo bíblico: o seu bolso ainda não é convertido, e consequentemente vc também não.

      1. JGMIX disse:

        ftbrelaz

        ora… temos que nos converter de coração ou de bolso?

        1. clamando disse:

          nem o bolso e nem o jgmix desviado da iurd, só o que faz da vida é internet as custas da mamãe e quando se fala em trabalho ele diz que vive da fé hehehhe

          1. JGMIX disse:

            CLAMANDO

            vc defende a entrega de dízimos ainda pelos cristãos, mesmo que para isso precise distorcer passagens biblicas, dizendo inclusive que jacó dizimou ao anjo…

            CLAMANDO DIZ: A MUITO CRENTE QUE NÃO APRECIAM MUITO O FATO DE PASTORES AS VEZES FALAR EM DINHEIRO, ESQUENCEN-SE ELES QUE ESTE ERA UM ASSUNTO FREQUENTEMENTE MENCIONADO POR JESUS.

            JGMIX RESPONDE: Jesus falou sobre riquezas e seus riscos, não como os pastores da iurd, e outras igrejas atuais que chegam até a dizer que quem não dizima não será salvo, sendo que não há uma citação biblica que confirme isso. dizem que dizimo é por fé… amor… que amor é esse que se não pagar vai ser condenado??? Jesus nunca mandu os cristãos entregarem dizimos, dizimos nunca foram dinheiro, e dizimos foram abolidos assim como todos os preceitos da lei de moisés. Se fosse para continuar, os apostolos confirmariam!

            CLAMANDO DIZ: E POR FIM LENDO PAULO AOS CORINTIOS CAP. EM ESPECIAL DO 11 AO 15 VEMOS CLARAMENTE A ORDEM E NECESSIDADE DO DIZIMO.

            JGMIX RESPONDE: em primeiro lugar, sua citação biblica é vaga. nem sequer cita se é 1 de corintios ou 2 de corintios , o que já demonstra a intenção de apenas fazer parecer uma citação biblica séria, mas mesmo que seja a 1corintios, ou 2corintios, nenhum desses textos falam sobre dízimos. como vc sabe que não falam, por isso e aproveitando que vc sabe que a maioria dos cristãos não tem conhecimento biblico vc cita “por cima” só para tentar fazer parecer que dizimo tem base biblica para os cristãos…

            vamos ler a definição de dízimo, no site wikipédia.

            Dízimo Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

            Dízimo significa a décima parte de algo, paga voluntariamente ou através de taxa ou imposto, normalmente para ajudar organizações religiosas judaicas e algumas denominações cristãs. Apesar de atualmente estar associada à religião, muitos reis na Antiguidade exigiam o dízimo de seus povos.

            Etimologicamente dízimo (latim decimus), significa a décima parte de algo. Historicamente eram pagos na forma de bens, e encontra suas origens no Sacerdócio Levítico judaico (Lv 27, 30-34). Por ser Cristo sacerdote segundo a Ordem de Melquisedec, ab-rogou o sacerdócio levítico com todas as suas as leis, dízimos e costumes, conforme narra São Paulo na Carta endereçada aos Hebreus (Hebr 7, 1 – 28). Citando consecutivamente a questão do dízimo nos versículos precedentes, São Paulo arremata: “Com efeito, mudado que seja o sacerdócio, é necessário que se mude também a lei” (Hebr 7, 12). E ainda: “O mandamento precedente é, na verdade, ab-rogado pela sua fraqueza e inutilidade” (Hebr 7, 18).

            Hoje, os dízimos cobrados por algumas denominações e seitas religiosas, são normalmente voluntários e pagos em dinheiro, cheque ou ações, enquanto historicamente eram pagos na forma de bens, como com produtos agrícolas. Alguns países europeus permitem com força de lei que instituições religiosas instituam o dízimo como obrigatório.

            Origem do dízimo religioso:

            O dízimo nas religiões abraâmicas foi instituído na Lei de Moisés, estipulado para manter os sacerdotes e a tribo de Levi, que mantinha o Tabernáculo e depois o Templo, já que eles não poderiam possuir herdades e territórios como as outras tribos. Também dízimo que era dado em forma de mantimento era usado para assistir os órfãos, viúvas e os pobres. Depois da destruição do Templo no ano 70 DC a classe sacerdotal e os sacrifícios foram desmantelados, assim os rabinos passaram a recomendar que os judeus contribuissem em obras caritativas.

            Para o sociólogo Émile Durkheim em “Lições de Sociologia”, o dízimo teria origem no pensamento mítico, primeiramente como sacrifícios e ofertas aos deuses e divindades para obter “permissão” divina para o bom cultivo de bens mundanos, seja na pesca, coleta, agricultura, etc. Transmutou-se em dízimo em certas religiões, e por fim, transmutou-se em impostos, que seria a versão secular do dízimo.

            Dízimo sob a ótica protestante

            A primeira menção de dízimo na Bíblia está registrada no livro Gênesis, capítulo 14, referindo-se a uma atitude voluntariosa de Abraão, ora Abrão, quando depois de uma guerra, ele deu o dízimo do despojo e não de todos os seus bens a um sacerdote de quem pouco se sabe, chamado Melquisedeque. Um segundo relato, ainda pré Mosaico, é registrado sob a forma de promessa voluntária. Após uma noite em que teve um sonho que julgou revelador, Jacó, neto de Abraão, também comprometeu-se voluntariamente a dar dízimos – “oferecerei o dízimo de tudo que me deres” – caso Deus o guardasse e protegesse.

            Posteriormente, a lei Mosaica previa um imposto de dez por cento (dízimas) dos animais e colheitas recolhidos uma vez ao ano, registrado em Levítico 27. Há também um aspecto mais abrangente desse imposto, relatado em Deuteronômios 14, onde percebem-se alguns aspectos que não foram explicitados em Levítico, como: razão de culto, interação familiar e auxílio a classe sacerdotal. Também está registrado no contexto, que a cada três anos, esses dízimos deveriam ser instrumentos de auxílio social, notadamente para os levitas, estrangeiros, órfãos e viúvas.

            Os próprios sacerdotes, devido a um afroxamento no rigor de cumprir a Lei e desvios na conduta dos homens que cuidavam do serviço sacerdotal, foram avisados e amaldiçoados por Deus, no ministério do profeta Malaquias. E foram advertidos que se não mudassem de comportamento em relação às ofertas e ao dízimo, Deus tornaria as suas bênçãos em maldição e mandaria o anjo do Senhor para preparar os Seus caminhos a fim de que viesse Jesus Cristo com uma nova doutrina.

            Desde a Reforma as igrejas protestantes tradicionais creêm que sob a Graça o dízimo não é válido visto que o Sacrifício de Cristo cumpriu a Torá, houve o fim do templo, e a crença no sacerdócio universal anulava a existência de uma casta sacerdotal. As igrejas protestantes tradicionais (reformadas, luteranas, anabatistas) utilizam-se várias formas para a manutenção, como subscrições, ofertas voluntária e em alguns casos fundos estatais. Mas mesmo assim a prática do dízimo é empregada hoje por várias denominações pentecostais ou neo-pentecostais, principalmente na América Latina.

            fonte: wikipedia

            clamando, se até o site wikipedia, afirma que o dízimo foi abolido… porque vc acha que pode ensinar o contrário?

            somente levitas podiam receber o dízimo obrigatório da lei de moises… vc por acaso é da tribo de levi?

            dizimo sempre foi a décima parte de alimentos… porque vc acha que pode receber em dinheiro?

            abraão deu dízimo voluntariamente e apenas dos despojos da guerra contra os reis… aonde vc vê na biblia que devemos dizimar como abraão dizimou?

            Jesus é nosso maior exemplo… e cadê Ele dizimando?

            Jesus nunca mandou recolher dizimos em nome Dele… e pq vc acha que pode fazer diferente?

            Se dizimo fosse necessário para manter esses “templos” que chamam de igreja, Jesus ou os apóstolos não teriam deixado isso bem claro? e pq vc acha que devemos dizimar em favor desses templos feitos por mãos humanas???

            clamando, se para ensinar a SUA “verdade” vc precisa mentir dizendo que jacó deu dízimo ao anjo e precisa pedir ajuda aos iurdianos, se vê seu desespero em manter o povo na religiosidade…

            ver o povo de Deus sendo ensinado a verdade sobre dízimos, é ver a galinha dos ovos de ouro parar de botar, e líderes gananciosos, orgulhosos como vc não querem que isso aconteça.

            Vamos continuar falando a verdade sobre os dízimos, que não são obrigatórios e cristão que não entrega dízimo não vai ser vitima do devorador, que a própria biblia ensina que era uma especie de gafanhoto e nada tem a ver com demoni que ataca finanças…

            Se o dízimo do clamando não é por obrigação e sim por amor, segundo clamando alega… pq quem não entrega vai pro inferno segundo ele???

            mais uma das contradições clamandianas…

            clamando fugindo em 3…2…1…

        2. clamando disse:

          jgmix
          hhihihihihihihihhi na tua concepção é so mais um ladrão,

          1. JGMIX disse:

            CLAMANDO

            vc defende a entrega de dízimos ainda pelos cristãos, mesmo que para isso precise distorcer passagens biblicas, dizendo inclusive que jacó dizimou ao anjo…

            CLAMANDO DIZ: A MUITO CRENTE QUE NÃO APRECIAM MUITO O FATO DE PASTORES AS VEZES FALAR EM DINHEIRO, ESQUENCEN-SE ELES QUE ESTE ERA UM ASSUNTO FREQUENTEMENTE MENCIONADO POR JESUS.

            JGMIX RESPONDE: Jesus falou sobre riquezas e seus riscos, não como os pastores da iurd, e outras igrejas atuais que chegam até a dizer que quem não dizima não será salvo, sendo que não há uma citação biblica que confirme isso. dizem que dizimo é por fé… amor… que amor é esse que se não pagar vai ser condenado??? Jesus nunca mandu os cristãos entregarem dizimos, dizimos nunca foram dinheiro, e dizimos foram abolidos assim como todos os preceitos da lei de moisés. Se fosse para continuar, os apostolos confirmariam!

            CLAMANDO DIZ: E POR FIM LENDO PAULO AOS CORINTIOS CAP. EM ESPECIAL DO 11 AO 15 VEMOS CLARAMENTE A ORDEM E NECESSIDADE DO DIZIMO.

            JGMIX RESPONDE: em primeiro lugar, sua citação biblica é vaga. nem sequer cita se é 1 de corintios ou 2 de corintios , o que já demonstra a intenção de apenas fazer parecer uma citação biblica séria, mas mesmo que seja a 1corintios, ou 2corintios, nenhum desses textos falam sobre dízimos. como vc sabe que não falam, por isso e aproveitando que vc sabe que a maioria dos cristãos não tem conhecimento biblico vc cita “por cima” só para tentar fazer parecer que dizimo tem base biblica para os cristãos…

            vamos ler a definição de dízimo, no site wikipédia.

            Dízimo Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

            Dízimo significa a décima parte de algo, paga voluntariamente ou através de taxa ou imposto, normalmente para ajudar organizações religiosas judaicas e algumas denominações cristãs. Apesar de atualmente estar associada à religião, muitos reis na Antiguidade exigiam o dízimo de seus povos.

            Etimologicamente dízimo (latim decimus), significa a décima parte de algo. Historicamente eram pagos na forma de bens, e encontra suas origens no Sacerdócio Levítico judaico (Lv 27, 30-34). Por ser Cristo sacerdote segundo a Ordem de Melquisedec, ab-rogou o sacerdócio levítico com todas as suas as leis, dízimos e costumes, conforme narra São Paulo na Carta endereçada aos Hebreus (Hebr 7, 1 – 28). Citando consecutivamente a questão do dízimo nos versículos precedentes, São Paulo arremata: “Com efeito, mudado que seja o sacerdócio, é necessário que se mude também a lei” (Hebr 7, 12). E ainda: “O mandamento precedente é, na verdade, ab-rogado pela sua fraqueza e inutilidade” (Hebr 7, 18).

            Hoje, os dízimos cobrados por algumas denominações e seitas religiosas, são normalmente voluntários e pagos em dinheiro, cheque ou ações, enquanto historicamente eram pagos na forma de bens, como com produtos agrícolas. Alguns países europeus permitem com força de lei que instituições religiosas instituam o dízimo como obrigatório.

            Origem do dízimo religioso:

            O dízimo nas religiões abraâmicas foi instituído na Lei de Moisés, estipulado para manter os sacerdotes e a tribo de Levi, que mantinha o Tabernáculo e depois o Templo, já que eles não poderiam possuir herdades e territórios como as outras tribos. Também dízimo que era dado em forma de mantimento era usado para assistir os órfãos, viúvas e os pobres. Depois da destruição do Templo no ano 70 DC a classe sacerdotal e os sacrifícios foram desmantelados, assim os rabinos passaram a recomendar que os judeus contribuissem em obras caritativas.

            Para o sociólogo Émile Durkheim em “Lições de Sociologia”, o dízimo teria origem no pensamento mítico, primeiramente como sacrifícios e ofertas aos deuses e divindades para obter “permissão” divina para o bom cultivo de bens mundanos, seja na pesca, coleta, agricultura, etc. Transmutou-se em dízimo em certas religiões, e por fim, transmutou-se em impostos, que seria a versão secular do dízimo.

            Dízimo sob a ótica protestante

            A primeira menção de dízimo na Bíblia está registrada no livro Gênesis, capítulo 14, referindo-se a uma atitude voluntariosa de Abraão, ora Abrão, quando depois de uma guerra, ele deu o dízimo do despojo e não de todos os seus bens a um sacerdote de quem pouco se sabe, chamado Melquisedeque. Um segundo relato, ainda pré Mosaico, é registrado sob a forma de promessa voluntária. Após uma noite em que teve um sonho que julgou revelador, Jacó, neto de Abraão, também comprometeu-se voluntariamente a dar dízimos – “oferecerei o dízimo de tudo que me deres” – caso Deus o guardasse e protegesse.

            Posteriormente, a lei Mosaica previa um imposto de dez por cento (dízimas) dos animais e colheitas recolhidos uma vez ao ano, registrado em Levítico 27. Há também um aspecto mais abrangente desse imposto, relatado em Deuteronômios 14, onde percebem-se alguns aspectos que não foram explicitados em Levítico, como: razão de culto, interação familiar e auxílio a classe sacerdotal. Também está registrado no contexto, que a cada três anos, esses dízimos deveriam ser instrumentos de auxílio social, notadamente para os levitas, estrangeiros, órfãos e viúvas.

            Os próprios sacerdotes, devido a um afroxamento no rigor de cumprir a Lei e desvios na conduta dos homens que cuidavam do serviço sacerdotal, foram avisados e amaldiçoados por Deus, no ministério do profeta Malaquias. E foram advertidos que se não mudassem de comportamento em relação às ofertas e ao dízimo, Deus tornaria as suas bênçãos em maldição e mandaria o anjo do Senhor para preparar os Seus caminhos a fim de que viesse Jesus Cristo com uma nova doutrina.

            Desde a Reforma as igrejas protestantes tradicionais creêm que sob a Graça o dízimo não é válido visto que o Sacrifício de Cristo cumpriu a Torá, houve o fim do templo, e a crença no sacerdócio universal anulava a existência de uma casta sacerdotal. As igrejas protestantes tradicionais (reformadas, luteranas, anabatistas) utilizam-se várias formas para a manutenção, como subscrições, ofertas voluntária e em alguns casos fundos estatais. Mas mesmo assim a prática do dízimo é empregada hoje por várias denominações pentecostais ou neo-pentecostais, principalmente na América Latina.

            fonte: wikipedia

            clamando, se até o site wikipedia, afirma que o dízimo foi abolido… porque vc acha que pode ensinar o contrário?

            somente levitas podiam receber o dízimo obrigatório da lei de moises… vc por acaso é da tribo de levi?

            dizimo sempre foi a décima parte de alimentos… porque vc acha que pode receber em dinheiro?

            abraão deu dízimo voluntariamente e apenas dos despojos da guerra contra os reis… aonde vc vê na biblia que devemos dizimar como abraão dizimou?

            Jesus é nosso maior exemplo… e cadê Ele dizimando?

            Jesus nunca mandou recolher dizimos em nome Dele… e pq vc acha que pode fazer diferente?

            Se dizimo fosse necessário para manter esses “templos” que chamam de igreja, Jesus ou os apóstolos não teriam deixado isso bem claro? e pq vc acha que devemos dizimar em favor desses templos feitos por mãos humanas???

            clamando, se para ensinar a SUA “verdade” vc precisa mentir dizendo que jacó deu dízimo ao anjo e precisa pedir ajuda aos iurdianos, se vê seu desespero em manter o povo na religiosidade…

            ver o povo de Deus sendo ensinado a verdade sobre dízimos, é ver a galinha dos ovos de ouro parar de botar, e líderes gananciosos, orgulhosos como vc não querem que isso aconteça.

            Vamos continuar falando a verdade sobre os dízimos, que não são obrigatórios e cristão que não entrega dízimo não vai ser vitima do devorador, que a própria biblia ensina que era uma especie de gafanhoto e nada tem a ver com demoni que ataca finanças…

            Se o dízimo do clamando não é por obrigação e sim por amor, segundo clamando alega… pq quem não entrega vai pro inferno segundo ele???

            mais uma das contradições clamandianas…

            clamando fugindo em 3…2…1…

    3. ftbrelaz disse:

      JGMIX, todo esse estudo eu irei resumir em poucas palavras: O seu bolso ainda não é convertido ao Reino de Deus.

      1. JGMIX disse:

        ftbrelaz

        ora… Deus quer nosso coração ou o nosso bolso?

      2. sd. universal disse:

        Verdade JGMIX, ele não é convertido à Universal do Reino de Deus.

        1. clamando disse:

          JGMIX
          NÃO FUJA DO ASSUNTO PERTINENT5E COMO SEMPRE O SAPO PULA ANTES DA PANELA ESQUENTAR, ME DIGA PORQUE OS UNICOS SIMPATIZANTES QUE AMELEIAS, SÃO DESVIADOS, MAL AMADAS, GAYS E ATEUS, ESTA FORMANDO MAIS UMA IGREJA INCLUSIVA……….GAYS ATEUS MAL AMADAS E LADRÕES DE DIZIMOS? RESWPONDA , SIM POIS RESPOSTAS DADAS COMO ACUSAÇÃO CHEIRA, A DEFESA É O MELHOR ATAQUE. HEHEHEH MAS TU ÉS FRANQUINHO, PENSAS QUE ESTAS ABAFANDO, SENDO MENINO, E VEJAM SÓ, GAYS MAL AMADAS ATEUS E LADRÕES, VOU MUDAR TEU NOME PARA JOSÉ GENUINO, FORMAÇÃO DE QUADRILHA E ROUBO, CERTAMENTE JÁ ESTAS CONDENADO

          1. JGMIX disse:

            CLAMANDO

            como sempre, por não conseguir responder as minhas perguntas sobre dízimos, recorres a ataques pessoais… ora… vc não é pastor presidente? não conhece a biblia melhor que eu que sequer sou pastor? pois então use a biblia para tentar provar para todos que os dízimos são obrigatórios para os cristãos… insinuar que quero fundar uma igreja paralela, só prova seu desespero…

            lembra que já perguntaram até se vc é um pastor de verdade? não faz muito tempo… vc mesmo está dando mal testemunho contra si…

            É sempre assim… faço uma pergunta, vc pula para outro tópico e foge da pergunta biblica proposta… vive pulando das minhas perguntas… e porque?

            porque um homem que diz ser de Deus mas precisa usar uma fábula sobre sapo para tentar provar o que diz ( ao inves de apenas usar a biblia ), com certeza vive de pulos…

            assim vc só tipifica um sapo mesmo… vive falando dele, e pulando como ele, depois de minhas perguntas biblicas… mas Jesus disse: “Vós sois o sal da terra” ( mateus 5:13 ), ou seja…

            JGMIX é o sal que o sapo clamando tanto teme!

            quando o sal JGMIX é percebido pelo sapo CLAMANDO, ele pula, pula, pula, pula…

            SAPO CLAMANDO PULANDO E FUGINDO EM: 3…2…1…

      3. ftrelaz – presta atenção crédulo ignorante, vê se lê e aprende algo de útil.

    4. clamando disse:

      este é o deus da atualida jgmix ateus gays e mau amadas heheh até parece mais uma igreja de inclusão só que não da lana mas da jo moix

      1. JGMIX disse:

        CLAMANDO

        vc defende a entrega de dízimos ainda pelos cristãos, mesmo que para isso precise distorcer passagens biblicas, dizendo inclusive que jacó dizimou ao anjo…

        CLAMANDO DIZ: A MUITO CRENTE QUE NÃO APRECIAM MUITO O FATO DE PASTORES AS VEZES FALAR EM DINHEIRO, ESQUENCEN-SE ELES QUE ESTE ERA UM ASSUNTO FREQUENTEMENTE MENCIONADO POR JESUS.

        JGMIX RESPONDE: Jesus falou sobre riquezas e seus riscos, não como os pastores da iurd, e outras igrejas atuais que chegam até a dizer que quem não dizima não será salvo, sendo que não há uma citação biblica que confirme isso. dizem que dizimo é por fé… amor… que amor é esse que se não pagar vai ser condenado??? Jesus nunca mandu os cristãos entregarem dizimos, dizimos nunca foram dinheiro, e dizimos foram abolidos assim como todos os preceitos da lei de moisés. Se fosse para continuar, os apostolos confirmariam!

        CLAMANDO DIZ: E POR FIM LENDO PAULO AOS CORINTIOS CAP. EM ESPECIAL DO 11 AO 15 VEMOS CLARAMENTE A ORDEM E NECESSIDADE DO DIZIMO.

        JGMIX RESPONDE: em primeiro lugar, sua citação biblica é vaga. nem sequer cita se é 1 de corintios ou 2 de corintios , o que já demonstra a intenção de apenas fazer parecer uma citação biblica séria, mas mesmo que seja a 1corintios, ou 2corintios, nenhum desses textos falam sobre dízimos. como vc sabe que não falam, por isso e aproveitando que vc sabe que a maioria dos cristãos não tem conhecimento biblico vc cita “por cima” só para tentar fazer parecer que dizimo tem base biblica para os cristãos…

        vamos ler a definição de dízimo, no site wikipédia.

        Dízimo Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

        Dízimo significa a décima parte de algo, paga voluntariamente ou através de taxa ou imposto, normalmente para ajudar organizações religiosas judaicas e algumas denominações cristãs. Apesar de atualmente estar associada à religião, muitos reis na Antiguidade exigiam o dízimo de seus povos.

        Etimologicamente dízimo (latim decimus), significa a décima parte de algo. Historicamente eram pagos na forma de bens, e encontra suas origens no Sacerdócio Levítico judaico (Lv 27, 30-34). Por ser Cristo sacerdote segundo a Ordem de Melquisedec, ab-rogou o sacerdócio levítico com todas as suas as leis, dízimos e costumes, conforme narra São Paulo na Carta endereçada aos Hebreus (Hebr 7, 1 – 28). Citando consecutivamente a questão do dízimo nos versículos precedentes, São Paulo arremata: “Com efeito, mudado que seja o sacerdócio, é necessário que se mude também a lei” (Hebr 7, 12). E ainda: “O mandamento precedente é, na verdade, ab-rogado pela sua fraqueza e inutilidade” (Hebr 7, 18).

        Hoje, os dízimos cobrados por algumas denominações e seitas religiosas, são normalmente voluntários e pagos em dinheiro, cheque ou ações, enquanto historicamente eram pagos na forma de bens, como com produtos agrícolas. Alguns países europeus permitem com força de lei que instituições religiosas instituam o dízimo como obrigatório.

        Origem do dízimo religioso:

        O dízimo nas religiões abraâmicas foi instituído na Lei de Moisés, estipulado para manter os sacerdotes e a tribo de Levi, que mantinha o Tabernáculo e depois o Templo, já que eles não poderiam possuir herdades e territórios como as outras tribos. Também dízimo que era dado em forma de mantimento era usado para assistir os órfãos, viúvas e os pobres. Depois da destruição do Templo no ano 70 DC a classe sacerdotal e os sacrifícios foram desmantelados, assim os rabinos passaram a recomendar que os judeus contribuissem em obras caritativas.

        Para o sociólogo Émile Durkheim em “Lições de Sociologia”, o dízimo teria origem no pensamento mítico, primeiramente como sacrifícios e ofertas aos deuses e divindades para obter “permissão” divina para o bom cultivo de bens mundanos, seja na pesca, coleta, agricultura, etc. Transmutou-se em dízimo em certas religiões, e por fim, transmutou-se em impostos, que seria a versão secular do dízimo.

        Dízimo sob a ótica protestante

        A primeira menção de dízimo na Bíblia está registrada no livro Gênesis, capítulo 14, referindo-se a uma atitude voluntariosa de Abraão, ora Abrão, quando depois de uma guerra, ele deu o dízimo do despojo e não de todos os seus bens a um sacerdote de quem pouco se sabe, chamado Melquisedeque. Um segundo relato, ainda pré Mosaico, é registrado sob a forma de promessa voluntária. Após uma noite em que teve um sonho que julgou revelador, Jacó, neto de Abraão, também comprometeu-se voluntariamente a dar dízimos – “oferecerei o dízimo de tudo que me deres” – caso Deus o guardasse e protegesse.

        Posteriormente, a lei Mosaica previa um imposto de dez por cento (dízimas) dos animais e colheitas recolhidos uma vez ao ano, registrado em Levítico 27. Há também um aspecto mais abrangente desse imposto, relatado em Deuteronômios 14, onde percebem-se alguns aspectos que não foram explicitados em Levítico, como: razão de culto, interação familiar e auxílio a classe sacerdotal. Também está registrado no contexto, que a cada três anos, esses dízimos deveriam ser instrumentos de auxílio social, notadamente para os levitas, estrangeiros, órfãos e viúvas.

        Os próprios sacerdotes, devido a um afroxamento no rigor de cumprir a Lei e desvios na conduta dos homens que cuidavam do serviço sacerdotal, foram avisados e amaldiçoados por Deus, no ministério do profeta Malaquias. E foram advertidos que se não mudassem de comportamento em relação às ofertas e ao dízimo, Deus tornaria as suas bênçãos em maldição e mandaria o anjo do Senhor para preparar os Seus caminhos a fim de que viesse Jesus Cristo com uma nova doutrina.

        Desde a Reforma as igrejas protestantes tradicionais creêm que sob a Graça o dízimo não é válido visto que o Sacrifício de Cristo cumpriu a Torá, houve o fim do templo, e a crença no sacerdócio universal anulava a existência de uma casta sacerdotal. As igrejas protestantes tradicionais (reformadas, luteranas, anabatistas) utilizam-se várias formas para a manutenção, como subscrições, ofertas voluntária e em alguns casos fundos estatais. Mas mesmo assim a prática do dízimo é empregada hoje por várias denominações pentecostais ou neo-pentecostais, principalmente na América Latina.

        fonte: wikipedia

        clamando, se até o site wikipedia, afirma que o dízimo foi abolido… porque vc acha que pode ensinar o contrário?

        somente levitas podiam receber o dízimo obrigatório da lei de moises… vc por acaso é da tribo de levi?

        dizimo sempre foi a décima parte de alimentos… porque vc acha que pode receber em dinheiro?

        abraão deu dízimo voluntariamente e apenas dos despojos da guerra contra os reis… aonde vc vê na biblia que devemos dizimar como abraão dizimou?

        Jesus é nosso maior exemplo… e cadê Ele dizimando?

        Jesus nunca mandou recolher dizimos em nome Dele… e pq vc acha que pode fazer diferente?

        Se dizimo fosse necessário para manter esses “templos” que chamam de igreja, Jesus ou os apóstolos não teriam deixado isso bem claro? e pq vc acha que devemos dizimar em favor desses templos feitos por mãos humanas???

        clamando, se para ensinar a SUA “verdade” vc precisa mentir dizendo que jacó deu dízimo ao anjo e precisa pedir ajuda aos iurdianos, se vê seu desespero em manter o povo na religiosidade…

        ver o povo de Deus sendo ensinado a verdade sobre dízimos, é ver a galinha dos ovos de ouro parar de botar, e líderes gananciosos, orgulhosos como vc não querem que isso aconteça.

        Vamos continuar falando a verdade sobre os dízimos, que não são obrigatórios e cristão que não entrega dízimo não vai ser vitima do devorador, que a própria biblia ensina que era uma especie de gafanhoto e nada tem a ver com demoni que ataca finanças…

        Se o dízimo do clamando não é por obrigação e sim por amor, segundo clamando alega… pq quem não entrega vai pro inferno segundo ele???

        mais uma das contradições clamandianas…

        clamando fugindo em 3…2…1…

        1. clamando disse:

          jgmix ninguém tem culpa que voce é doente, copia tudo o que acha na net, tens tempo não faz nada da vida estas robando a deus e tua mãe que te sustenta, tente tgrabalhar

          1. jgmix disse:

            o clamando poderia estar roubando. O clamando poderia estar matando, mas não! O clamando prefere receber dízimos das ovelhas pobres!

          2. vai arrebentar disse:

            o jé mane ele morreu na cruz,
            não teve tempo nem de se batizar.
            e outra não havia necessidade de JESUS ensinar a respeito do dizimo pois ele encontrou uma nação dizimista.

            somente vcs mesmo que acreditam que mesmo roubando de DEUS vai estar com ele. kkkkkkk

            Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu.
            acorda jgmix DEUS EXPULSOU O LADRÃO DO CEU,

            vc acha mesmo que ele vai levar outros para lá?

            se vcs roubam aqui na terra que são coisas corruptíveis imagine se vc chegar ao céu. a devolução de dizimos é apenas um simbolo de fidelidade e confiabilidade e amor.

            JESUS disse que os que são fieis no pouco serão colocado sobre o muito.

            então imagine os que são infiéis no pouco, com certeza serão infieis no muito.

            se DEUS não abençoa vcs nem aqui na terra vc acha que ele vai te abençoar te levando para junto dele?

            vá la na delegacia e pegue um ladrão la de dentro e leve o para morar contigo, ja que vc acha que mesmo vc roubando de DEUS ele vai te levar para morar com ele…

          3. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            vc diz: ” Use a cabeça vc acha que DEUS vai levar ladrões para o céu ”

            então, os lideres e pastores da iurd não vão para o céu, pois está escrito:

            ” Muitos, naquele dia, hão de dizer-me: Senhor, Senhor! Porventura, não temos nós profetizado em teu nome, e em teu nome não expelimos demônios, e em teu nome não fizemos muitos milagres? Então, lhes direi explicitamente: nunca vos conheci. Apartai-vos de mim, os que praticais a iniqüidade ” ( mateus 7:22-23 )

            lideres e pastores da iurd… essa palavra de Mateus é uma profecia pra vcs… retornem ao primeiro amor… deixem o amor ao dinheiro!!!

          4. clamando disse:

            oi edson souza, tenho certeza que quando voce for pastor e vcoce tiver de dar conta das almas que DEUS colocar sob tua responsabilidade, sei que voce fará o certo.

        2. Edson Souza disse:

          Jgmix, o clamando é pastor por isso ele defende.
          Ta´explicado.

          1. clamando disse:

            oi edson souza, tenho certeza que quando voce for pastor e vcoce tiver de dar conta das almas que DEUS colocar sob tua responsabilidade, sei que voce fará o certo.

          2. JGMIX disse:

            edson

            realmente o clamando diz ser presidente da denominação dele e por isso defende dízimos.

            pessoas como eu que falam a verdade sobre dízimos é perigoso para ele.

            ele usa o argumento de que sem dizimos não é possivel fazer a obra de Deus… eu tenho certeza que se dizimos fossem necessários para a obra de Deus , Jesus e os apostolos deixariam isso bem claro…

            Jesus não fundou uma igreja fisica, de alvenaria, arte de mãos humanas…

            A igreja de Jesus são pessoas que creem em seu nome…

            muitos pastores sabem que dizimos não são obrigatórios, mas por acharem que os membros não ofertarão o suficiente, enfiam a doutrina do dízimo no meio.

            pastor que não tem fé para crer que o Espirito Santo vai tocar nos corações dos membros, para eles ofertarem com liberalidade e amor em prol da obra de Deus, deveria repensar em quem tem crido.

            Se eu sou pastor ( hipotéticamente falando ), e prego na autoridade do Espirito Santo, não preciso “forçar a barra” para fazer os membros ofertarem com amor. quem convence é o Espirito Santo.

            Mas por temer que os membros não vão ofertar por livre vontade, empurram a doutrina abolida de dízimos ( uma aberração teológica ) para forçar os membros a darem o décimo de sua renda por medo do demonio devorador.

            Pastor que não tem fé de pregar apenas sobre a oferta liberal, com amor, sem apelar para os dizimos da lei de moisés, com certeza não tem fé.

            É mais biblico ( e cristão ) dar 20 % de oferta liberal, sem pedir nada em troca, apenas pelo amor a obra, manutenção da igreja física, sustento missionário , etc do que dar 10 % de dízimos.

            meu testemunho pessoal: do tempo em que eu estava no engano ( graças a iurd ) e era dizimista fiel, enquanto eu estava na igreja, entraram na minha casa e roubaram minha tv, meu videocassete e outras coisas menores. Vivia passando dificuldades financeiras, andava a pé, no sol e na chuva…

            saí da iurd, conheci a verdade sobre dizimos e ofertas ( dizimos foram abolidos e ofertas devem ser dadas por amor, sem barganha com Deus ), deixei de dizimar, e passei a ofertar sem esperar nada em troca, só por liberalidade.

            hj, não passo dificuldades financeiras ( obviamente não sou rico, continuo pobre ), mas não falta, não ando mais a pé, e ganhei muitas coisas que eu sonhava ter… apenas ofertando sem pedir nada em troca…

            no tempo em que eu era dizimista… só tristeza…

            A verdade sobre dizimos que eu conheci, e me libertou, quero para os outros, pedi a Deus sabedoria para poder compreender o assunto dízimo de um jeito que era impossível de aprender na iurd.

            O Espirito Santo tem me ensinado muito, e me dado sabedoria para poder contradizer cada um dos que tentar provar que os dizimos são obrigatórios…

            agora, se vc ainda insiste em dar 10 % de sua renda, que tal fazer um teste? ao inves de dizimar por medo de um “devorador”, que tal dar 10 % de sua renda por amor e sem exigir de Deus nada em troca na igreja ou comunidade em que vc congrega?

            Faça o teste! dê 10 % de ofertas voluntárias, sem medo de devorador e sem pedir nada em troca e não chame mais isso de dízimo…

            depois venha me contar o resultado!

          3. clamando disse:

            JGMIX
            NÃO FUJA DO ASSUNTO PERTINENT5E COMO SEMPRE O SAPO PULA ANTES DA PANELA ESQUENTAR, ME DIGA PORQUE OS UNICOS SIMPATIZANTES QUE AMELEIAS, SÃO DESVIADOS, MAL AMADAS, GAYS E ATEUS, ESTA FORMANDO MAIS UMA IGREJA INCLUSIVA……….GAYS ATEUS MAL AMADAS E LADRÕES DE DIZIMOS? RESWPONDA , SIM POIS RESPOSTAS DADAS COMO ACUSAÇÃO CHEIRA, A DEFESA É O MELHOR ATAQUE. HEHEHEH MAS TU ÉS FRANQUINHO, PENSAS QUE ESTAS ABAFANDO, SENDO MENINO, E VEJAM SÓ, GAYS MAL AMADAS ATEUS E LADRÕES, VOU MUDAR TEU NOME PARA JOSÉ GENUINO, FORMAÇÃO DE QUADRILHA E ROUBO, CERTAMENTE JÁ ESTAS CONDENADO

          4. JGMIX disse:

            CLAMANDO

            como sempre, por não conseguir responder as minhas perguntas sobre dízimos, recorres a ataques pessoais… ora… vc não é pastor presidente? não conhece a biblia melhor que eu que sequer sou pastor? pois então use a biblia para tentar provar para todos que os dízimos são obrigatórios para os cristãos… insinuar que quero fundar uma igreja paralela, só prova seu desespero…

            lembra que já perguntaram até se vc é um pastor de verdade? não faz muito tempo… vc mesmo está dando mal testemunho contra si…

            É sempre assim… faço uma pergunta, vc pula para outro tópico e foge da pergunta biblica proposta… vive pulando das minhas perguntas… e porque?

            porque um homem que diz ser de Deus mas precisa usar uma fábula sobre sapo para tentar provar o que diz ( ao inves de apenas usar a biblia ), com certeza vive de pulos…

            assim vc só tipifica um sapo mesmo… vive falando dele, e pulando como ele, depois de minhas perguntas biblicas… mas Jesus disse: “Vós sois o sal da terra” ( mateus 5:13 ), ou seja…

            JGMIX é o sal que o sapo clamando tanto teme!

            quando o sal JGMIX é percebido pelo sapo CLAMANDO, ele pula, pula, pula, pula…

            SAPO CLAMANDO PULANDO E FUGINDO EM: 3…2…1…

        3. clamando disse:

          JGMIX
          NÃO FUJA DO ASSUNTO PERTINENT5E COMO SEMPRE O SAPO PULA ANTES DA PANELA ESQUENTAR, ME DIGA PORQUE OS UNICOS SIMPATIZANTES QUE AMELEIAS, SÃO DESVIADOS, MAL AMADAS, GAYS E ATEUS, ESTA FORMANDO MAIS UMA IGREJA INCLUSIVA……….GAYS ATEUS MAL AMADAS E LADRÕES DE DIZIMOS? RESWPONDA , SIM POIS RESPOSTAS DADAS COMO ACUSAÇÃO CHEIRA, A DEFESA É O MELHOR ATAQUE. HEHEHEH MAS TU ÉS FRANQUINHO, PENSAS QUE ESTAS ABAFANDO, SENDO MENINO, E VEJAM SÓ, GAYS MAL AMADAS ATEUS E LADRÕES, VOU MUDAR TEU NOME PARA JOSÉ GENUINO, FORMAÇÃO DE QUADRILHA E ROUBO, CERTAMENTE JÁ ESTAS CONDENADO

          1. JGMIX disse:

            CLAMANDO

            como sempre, por não conseguir responder as minhas perguntas sobre dízimos, recorres a ataques pessoais… ora… vc não é pastor presidente? não conhece a biblia melhor que eu que sequer sou pastor? pois então use a biblia para tentar provar para todos que os dízimos são obrigatórios para os cristãos… insinuar que quero fundar uma igreja paralela, só prova seu desespero…

            lembra que já perguntaram até se vc é um pastor de verdade? não faz muito tempo… vc mesmo está dando mal testemunho contra si…

            É sempre assim… faço uma pergunta, vc pula para outro tópico e foge da pergunta biblica proposta… vive pulando das minhas perguntas… e porque?

            porque um homem que diz ser de Deus mas precisa usar uma fábula sobre sapo para tentar provar o que diz ( ao inves de apenas usar a biblia ), com certeza vive de pulos…

            assim vc só tipifica um sapo mesmo… vive falando dele, e pulando como ele, depois de minhas perguntas biblicas… mas Jesus disse: “Vós sois o sal da terra” ( mateus 5:13 ), ou seja…

            JGMIX é o sal que o sapo clamando tanto teme!

            quando o sal JGMIX é percebido pelo sapo CLAMANDO, ele pula, pula, pula, pula…

            SAPO CLAMANDO PULANDO E FUGINDO EM: 3…2…1…

          2. levi varela disse:

            Será o Benedito?

            O Estado Judeu era teocrático. Nessa condição, o dízimo pago lá no início da bíblia ficou institucionalizado, daí pagar folha de servidores e as ações sociais, inclusive os lideres religiosos.

            Com o Império Romano, além dos 10%, o judeu ficou com a carga de 20% de tudo, ou seja, total de 30%, daí Cristo afirmar: a César o que é…..

            Esse povo não lê, aí é só ignorância.

            Só para confirmar a censura. Vejamos.

  2. cassio disse:

    até que fim uma boa matéria no G+!!!!„„„

  3. Edson Souza disse:

    Deve tá com medo não ter dinheiro pra sustentar seu jatinho de 20 milhões de reais.
    Depender de mim dar dinheiro pra esses pastores eles estão perdidos.

    Ofertas alçadas SIM dizimos NÃO.

    E descobrir em uma materia postada aqui que só 1 mulher de pastor, uma tal de Carla Ribas, das assembleias de Deus(Belem) tirá mensalmente R$40 mil reis.

    Se estiver ganhando esse dinheiro todos durantes 10 anos, chega a uns 4 milhões de reais.
    Onde que simples membros vai chegar perto de toda essa grana?

    E com missão se gastam quanto, em?

    Só Jesus pra ter misericordia do seu povo que esses lideres não tem um pingo de dó.

    E tem mais, onde tá na bilbia que ainda se pede dizimos no novo testamemente.
    Sem alguém vier defender usando mateus23:23 então, devemos ser circuncidados, pq Jesus foi circuncidado ao oitavo dia.Lucas 2:21

    Manipulação nunca mais.

    1. Edson Souza disse:

      Corrigindo.

      Testamento.

  4. Edson Souza disse:

    Sustentar um jatinho de 20 milhões mensais custa muuuuuito caro.
    De onde vai vim toda essa grana?

    Do meu bolso que não vai ser.hehehe

    Ps.Começou a frescura de não poder ver os comentários aqui no site.

    1. JGMIX disse:

      ATENÇÃO! ALERTA IMPORTANTE:

      um audio de um “bispo” da iurd orientando os pastores da iurd a como tirar o máximo de dinheiro das pessoas vazou. A iurd através de seus advogados tirou esse audio do youtube, mas o audio foi recolocado lá por um usado por Deus. Ouça atentamente as táticas desse “bispo” da iurd , ensinando um “esquema” (no minuto 1:36 do video abaixo) ensinando a plantar envelopes ( no minuto 2:00 do video abaixo), a ” pegar ” todas as pessoas e usar de apelo emocional! ele mesmo fala que tem que pegar as pessoas ( no minuto 1:55 ) e usar apelo emocional ( no minuto 2:20 )! ouça atentamente o audio e veja se a iurd se preocupa com as pessoas ou com o dinheiro das pessoas:

      http://youtu.be/qAPju1-POlY

      1. Edson Souza disse:

        Esse bispo ai taparecendo muito de uns tempospra cá,ta trabalhando bem, deve ser o substituto do Romualdo, pq ta sumido faz um bom tempo.

      2. Edson Souza disse:

        Esse bispo ai ta parecendo muito de uns tempospra cá,ta trabalhando bem, deve ser o substituto do Romualdo, pq ta sumido faz um bom tempo.

  5. Carlos DJesus disse:

    Esse Malafaia é um malacheia mesmo! Duvido que ele queira guardar o sábado? Pois o guardar o sábado ñ traz renda…! Creio que hoje tudo tem que ser como oferta voluntária e ñ sobre nenhuma obrigação, pois todas as leis foram abolidas inclusive a do DIZIMO. Hoje a lei que predomina é a do amor então temos que ofertar por amor e ñ por obrigação ou por barganha como esse Malacheia e a maioria pregam. Queria só saber se esse malacheia dá os 10% de tudo que ele arrecada com a venda dos seus materiais, ou se ele simplesmente abre mão do seu salário de pastor pra simplesmente ficar isento do dizimo. Tenho lá minhas duvidas! Em vez dele estar ensinando ao povo a barganhar Deus ele devia pregar o amor e a liberalidade de ofertar pelo trasbordamento de abundância do coração sem pensar em receber nada em troca.

  6. JGMIX disse:

    ATENÇÃO! ALERTA IMPORTANTE:

    um audio de um “bispo” da iurd orientando os pastores da iurd a como tirar o máximo de dinheiro das pessoas vazou. A iurd através de seus advogados tirou esse audio do youtube, mas o audio foi recolocado lá por um usado por Deus. Ouça atentamente as táticas desse “bispo” da iurd , ensinando um “esquema” (no minuto 1:36 do video abaixo) ensinando a plantar envelopes ( no minuto 2:00 do video abaixo), a ” pegar ” todas as pessoas e usar de apelo emocional! ele mesmo fala que tem que pegar as pessoas ( no minuto 1:55 ) e usar apelo emocional ( no minuto 2:20 )! ouça atentamente o audio e veja se a iurd se preocupa com as pessoas ou com o dinheiro das pessoas:

    http://youtu.be/qAPju1-POlY

  7. O dízimo é bíblico.
    Antes de ser crente dava 100% pro diabo.
    Se tivesse que dar, hoje, 90% pra Deus já estaria no lucro.

  8. Jorge Vinicius disse:

    CIFRA$ MARACUTAIA SÓ SE INTERESSA POR DUAS COISAS: POLÍTICA E SOBRETUDO: DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO DINHEIRO.

  9. Esses acusadores de pastores deveriam analisar que entregam sua renda toda para satanás em prol da destruição dos seus próprios corpos (Drogas lícitas e ilícitas, noites perdidas, shows, sexo descontrolado, etc). O dízimo e ofertas é um ordenamento divino com promessas; além disso, se alguns dentre nós estão fazendo mau uso dos dízimos e ofertas, é com eles e Deus; a minha função não é julgar e muito menos condenar, a minha função é OBDC as escrituras sagradas de Deus, não doutrinas estabelecidas por homens… A grande questão é que muitos críticos aqui, falam do que não sabem, age de maneira ignorante e EVITAM e REJEITAM os ordenamentos de Deus e ainda querem fazer parte do escopo divino para àqueles que O amam e temem… *Acorda, meu povo… Deus não se deixa escarnecer, aquilo que semearmos, isso ceifaremos!!!! Shalom!!!

  10. Lizah Santos disse:

    Qta bobagem……o dizimo NUNCA foi abolido, leia a Biblia, e veja q Jesus falou sobre os dizimos c/ os fariseus……..odiar Silas não vai te fazer bem nenhum, ódio é um sentimento horrivel!!!

  11. Dízimo é uma grande bênção e um grande privilégio. Pobres dos que são escravizados pela avareza.

  12. O dizimo é bíblico, mas quem foi autorizado a receber eram os Levitas, a tribo de Levi não tinha possessão em Israel, e foi escolhida para ministrar no Templo em Jerusalém, e o dizimo foi instituído por Deus para os Levitas, era alimentos e não dinheiro como se vê nos dias de hoje. E esses pseudos pastores, bispos e apóstolos que se acham no direito de cobrar dízimos de seus conservos se baseando na lei mosaica, não sou judeu. O Apóstolo dos gentios Paulo, nunca ensinou a Igreja a seguir leis ou costumes judaicos, festa, sábados, dízimos ou qualquer outro costume do judaísmo.

  13. Lizah Santos disse:

    Clarita, vá lavar essa boca suja querida, qto odio nesse coraçãozinho!!

  14. Elias disse:

    Se estes pastores usassem adequadamente os dízimos, jamais comprariam canais de TV, Jatinhos e outras cositas mais. Acham lindo enriquecer com os dízimos e ofertas de suas igrejas! Cadê a ajuda aos necessitados e doentes?

  15. Alex disse:

    As igrejas concordam é um fato $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$ mais $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$. Enquanto muitos passam por privações esse silas ta $$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$$

  16. Ricardo Cado disse:

    esse cidadão entrou com os dois pés na teologia da prosperidade, se tornou um especialista em arrancar dinheiro dos incautos, chegou a declarar para os fiéis não pagarem o aluguel e ofertar na Igreja, vende Bíblias a mil reais, milionário a custa de muito alienado…

  17. joao disse:

    quantas senhoras assalariadas devolvem o dizimo a anos nas igrejas e chegam no domingo estao comendo arroz puro enquanto esses pastores estao comendo picanha , caviar temos que voltar a ser CRISTAOS como em atos ,tantas pessoas que se dizem ser cristaos tem mais de 20 casas de aluguel enquanto o irmao que pega na mao dela pra orar, louvar ao SENHOR paga 500 reais de aluguel nos tempos antigos os CRISTAOS repartiam tudo e entre eles nao havia nessessitados ,tantos os que pregavam como os que ouviam vendiam propriedades para ajudar os outros VOLTEMOS AO EVANGELHO PURO DE CRISTO vamos pregar salvaçao ao inves de so falar em dinheiro pois com o salario de 680reais o povo nao consegue nem comer tomate ,tantos irmaos com pouco enquanto seus pastores tem mais que 5 porcento da populaçao brasileira juntos

  18. Lucas Souza disse:

    Pra que deus prescisa de dinheiro?

  19. JGMIX disse:

    VAI ARREBENTAR

    se quem entrega dízimo fica rico, então porque nenhum membro que entrega dízimo está entre os mais ricos do brasil?

    dízimo é 10 por cento… será que os 10 mais ricos do brasil são crentes dizimistas? vejamos a lista:

    10° Carlos Alberto Sicupira – US$ 7.9 bilhões.
    Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

    9° José Roberto Marinho – US$ 8.6 bilhões.
    Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

    8° Roberto Irineu Marinho – US$ 8.7 bilhões.
    Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

    7° João Roberto Marinho – US$ 8.7 bilhões.
    Organizações Globo ( que usada por Deus mostrou as podridões da turma de macedo )

    6° Marcel Herrmann Telles – US$ 9.1 bilhões.
    Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

    5° Eike Batista – US$ 10.6 bilhões.
    Petróleo, Mineração, energia.

    4° Dirce Navarro de Camargo – US $11.5 bilhões.
    Camargo Corrêa ( construtora )

    3° Antônio Ermírio de Moraes- US$ 12.7 bilhões.
    Votorantim

    2° José Safra – US$ 15.9 bilhões.
    Banco Safra

    1° Jorge Paulo Lemann – US$ 17.8 bilhoes.
    Anheuser-Busch Inbev ( cervejaria )

    fonte: top10mais

    Dessa gente aí… algum é crente dizimista?

    em compensação, os lideres que recebem dízimos estão até na lista da forbes!

    1º edir macedo US$ 950 milhões

    2º valdemiro santiago US$ 220 milhões

    3º silas malafaia US$ 150 milhões

    4º rr soares US$ 125 milhões

    5º estevan-sonia hernandes US$ 65 milhões

    Só quem ensina e recebe dizimos tem testemunho para dar…

    1. JGMIX disse:

      Ex pastor da iurd revela o que os lideres da mesma não querem que vc e os membros enganados lá saibam:

      http://youtu.be/ShoHYLphGg8

    2. clamando disse:

      jgmix
      hhihihihihihihihhi na tua concepção é so mais um ladrão,

      1. JGMIX disse:

        CLAMANDO

        vc defende a entrega de dízimos ainda pelos cristãos, mesmo que para isso precise distorcer passagens biblicas, dizendo inclusive que jacó dizimou ao anjo…

        CLAMANDO DIZ: A MUITO CRENTE QUE NÃO APRECIAM MUITO O FATO DE PASTORES AS VEZES FALAR EM DINHEIRO, ESQUENCEN-SE ELES QUE ESTE ERA UM ASSUNTO FREQUENTEMENTE MENCIONADO POR JESUS.

        JGMIX RESPONDE: Jesus falou sobre riquezas e seus riscos, não como os pastores da iurd, e outras igrejas atuais que chegam até a dizer que quem não dizima não será salvo, sendo que não há uma citação biblica que confirme isso. dizem que dizimo é por fé… amor… que amor é esse que se não pagar vai ser condenado??? Jesus nunca mandu os cristãos entregarem dizimos, dizimos nunca foram dinheiro, e dizimos foram abolidos assim como todos os preceitos da lei de moisés. Se fosse para continuar, os apostolos confirmariam!

        CLAMANDO DIZ: E POR FIM LENDO PAULO AOS CORINTIOS CAP. EM ESPECIAL DO 11 AO 15 VEMOS CLARAMENTE A ORDEM E NECESSIDADE DO DIZIMO.

        JGMIX RESPONDE: em primeiro lugar, sua citação biblica é vaga. nem sequer cita se é 1 de corintios ou 2 de corintios , o que já demonstra a intenção de apenas fazer parecer uma citação biblica séria, mas mesmo que seja a 1corintios, ou 2corintios, nenhum desses textos falam sobre dízimos. como vc sabe que não falam, por isso e aproveitando que vc sabe que a maioria dos cristãos não tem conhecimento biblico vc cita “por cima” só para tentar fazer parecer que dizimo tem base biblica para os cristãos…

        vamos ler a definição de dízimo, no site wikipédia.

        Dízimo Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

        Dízimo significa a décima parte de algo, paga voluntariamente ou através de taxa ou imposto, normalmente para ajudar organizações religiosas judaicas e algumas denominações cristãs. Apesar de atualmente estar associada à religião, muitos reis na Antiguidade exigiam o dízimo de seus povos.

        Etimologicamente dízimo (latim decimus), significa a décima parte de algo. Historicamente eram pagos na forma de bens, e encontra suas origens no Sacerdócio Levítico judaico (Lv 27, 30-34). Por ser Cristo sacerdote segundo a Ordem de Melquisedec, ab-rogou o sacerdócio levítico com todas as suas as leis, dízimos e costumes, conforme narra São Paulo na Carta endereçada aos Hebreus (Hebr 7, 1 – 28). Citando consecutivamente a questão do dízimo nos versículos precedentes, São Paulo arremata: “Com efeito, mudado que seja o sacerdócio, é necessário que se mude também a lei” (Hebr 7, 12). E ainda: “O mandamento precedente é, na verdade, ab-rogado pela sua fraqueza e inutilidade” (Hebr 7, 18).

        Hoje, os dízimos cobrados por algumas denominações e seitas religiosas, são normalmente voluntários e pagos em dinheiro, cheque ou ações, enquanto historicamente eram pagos na forma de bens, como com produtos agrícolas. Alguns países europeus permitem com força de lei que instituições religiosas instituam o dízimo como obrigatório.

        Origem do dízimo religioso:

        O dízimo nas religiões abraâmicas foi instituído na Lei de Moisés, estipulado para manter os sacerdotes e a tribo de Levi, que mantinha o Tabernáculo e depois o Templo, já que eles não poderiam possuir herdades e territórios como as outras tribos. Também dízimo que era dado em forma de mantimento era usado para assistir os órfãos, viúvas e os pobres. Depois da destruição do Templo no ano 70 DC a classe sacerdotal e os sacrifícios foram desmantelados, assim os rabinos passaram a recomendar que os judeus contribuissem em obras caritativas.

        Para o sociólogo Émile Durkheim em “Lições de Sociologia”, o dízimo teria origem no pensamento mítico, primeiramente como sacrifícios e ofertas aos deuses e divindades para obter “permissão” divina para o bom cultivo de bens mundanos, seja na pesca, coleta, agricultura, etc. Transmutou-se em dízimo em certas religiões, e por fim, transmutou-se em impostos, que seria a versão secular do dízimo.

        Dízimo sob a ótica protestante

        A primeira menção de dízimo na Bíblia está registrada no livro Gênesis, capítulo 14, referindo-se a uma atitude voluntariosa de Abraão, ora Abrão, quando depois de uma guerra, ele deu o dízimo do despojo e não de todos os seus bens a um sacerdote de quem pouco se sabe, chamado Melquisedeque. Um segundo relato, ainda pré Mosaico, é registrado sob a forma de promessa voluntária. Após uma noite em que teve um sonho que julgou revelador, Jacó, neto de Abraão, também comprometeu-se voluntariamente a dar dízimos – “oferecerei o dízimo de tudo que me deres” – caso Deus o guardasse e protegesse.

        Posteriormente, a lei Mosaica previa um imposto de dez por cento (dízimas) dos animais e colheitas recolhidos uma vez ao ano, registrado em Levítico 27. Há também um aspecto mais abrangente desse imposto, relatado em Deuteronômios 14, onde percebem-se alguns aspectos que não foram explicitados em Levítico, como: razão de culto, interação familiar e auxílio a classe sacerdotal. Também está registrado no contexto, que a cada três anos, esses dízimos deveriam ser instrumentos de auxílio social, notadamente para os levitas, estrangeiros, órfãos e viúvas.

        Os próprios sacerdotes, devido a um afroxamento no rigor de cumprir a Lei e desvios na conduta dos homens que cuidavam do serviço sacerdotal, foram avisados e amaldiçoados por Deus, no ministério do profeta Malaquias. E foram advertidos que se não mudassem de comportamento em relação às ofertas e ao dízimo, Deus tornaria as suas bênçãos em maldição e mandaria o anjo do Senhor para preparar os Seus caminhos a fim de que viesse Jesus Cristo com uma nova doutrina.

        Desde a Reforma as igrejas protestantes tradicionais creêm que sob a Graça o dízimo não é válido visto que o Sacrifício de Cristo cumpriu a Torá, houve o fim do templo, e a crença no sacerdócio universal anulava a existência de uma casta sacerdotal. As igrejas protestantes tradicionais (reformadas, luteranas, anabatistas) utilizam-se várias formas para a manutenção, como subscrições, ofertas voluntária e em alguns casos fundos estatais. Mas mesmo assim a prática do dízimo é empregada hoje por várias denominações pentecostais ou neo-pentecostais, principalmente na América Latina.

        fonte: wikipedia

        clamando, se até o site wikipedia, afirma que o dízimo foi abolido… porque vc acha que pode ensinar o contrário?

        somente levitas podiam receber o dízimo obrigatório da lei de moises… vc por acaso é da tribo de levi?

        dizimo sempre foi a décima parte de alimentos… porque vc acha que pode receber em dinheiro?

        abraão deu dízimo voluntariamente e apenas dos despojos da guerra contra os reis… aonde vc vê na biblia que devemos dizimar como abraão dizimou?

        Jesus é nosso maior exemplo… e cadê Ele dizimando?

        Jesus nunca mandou recolher dizimos em nome Dele… e pq vc acha que pode fazer diferente?

        Se dizimo fosse necessário para manter esses “templos” que chamam de igreja, Jesus ou os apóstolos não teriam deixado isso bem claro? e pq vc acha que devemos dizimar em favor desses templos feitos por mãos humanas???

        clamando, se para ensinar a SUA “verdade” vc precisa mentir dizendo que jacó deu dízimo ao anjo e precisa pedir ajuda aos iurdianos, se vê seu desespero em manter o povo na religiosidade…

        ver o povo de Deus sendo ensinado a verdade sobre dízimos, é ver a galinha dos ovos de ouro parar de botar, e líderes gananciosos, orgulhosos como vc não querem que isso aconteça.

        Vamos continuar falando a verdade sobre os dízimos, que não são obrigatórios e cristão que não entrega dízimo não vai ser vitima do devorador, que a própria biblia ensina que era uma especie de gafanhoto e nada tem a ver com demoni que ataca finanças…

        Se o dízimo do clamando não é por obrigação e sim por amor, segundo clamando alega… pq quem não entrega vai pro inferno segundo ele???

        mais uma das contradições clamandianas…

        clamando fugindo em 3…2…1…

        1. LEONARDO disse:

          JGMIX, não tente mais ensinar estas pessoas, pq a fogueira santa já comeu os neurônios deles, ou os neurônios deles morreram de solidão, kkkkkk, isto é muito bem explicado, eles acham que DEUS é um banco, que vc deposita o dinheiro e isto te resultara em um juros de 1000%, kkkk eu vou pra igreja todo domingo eu vejo os pastores da igreja cobrando o dizimo, chega eu fico constrangido pela situação, parecem que estão te cobrando, absurdo este negócio de DIZIMO que as igrejas evangélicas inventaram, se fosse assim eu estaria muito rico, dei dizimo a igreja muito tempo, se fosse real mesmo eu estaria rico, porque DEUS não é homem para que minta, o espirito santo já me mostrou a verdade,

          1. A fogueira santa já queimou mesmo os neurônios de todos eles. Mas afinal eles tinham neurônios mesmo?… k k k k k

    3. vai arrebentar disse:

      jgmix vc e so mais um ladrão como disse o clamando.

      so mais um ladrão que logo logo vai morar com seu pai o diabo.

      se vc não se converter.

      1. JGMIX disse:

        VAI ARREBENTAR

        Jesus nunca é mencionado na bíblia pagando dízimos… Ele é ladrão também?

        1. Edson Souza disse:

          Esse Vai arrebentar deve ser Judeu e ainda por cima Levita kkkkk
          Como disse o Leonardo, deixa esse povo pra lá,Jgmix.

          Só acaba trazendo contenda entre nós aqui nos comentários.

          E uma observação bem séria.
          Raciocine comigo.

          Que dizer que aquele não dar dizimo é ladrão de Deus?

          Então, Ladrão não vai para o céu, correto?
          Se “somos ladrões” de Deus pq não damos os dizimos, então o sacrificio de Cristo foi em vão?
          O dizimo vale mais do que o sacrificio na cruz do calvário?
          O véu ainda não se rasgou?

          Isso uma das heresias mais grandes que eu já vi pra manipular o povo, colocando medo nos fieis quem não dar dizimos ta roubando a Deus, e se estar roubando a Deus vai pro inferno.

          1. JGMIX disse:

            AVISO A TODOS OS QUE ME DIZEM QUE É INUTIL FALAR A VERDADE AOS DEFENSORES DA IURD E DOS DÍZIMOS:

            há um bom tempo tenho recebido diversas opiniões e algumas concordam com a minha linha de pensamento, porém discordam de eu tentar dialogar com esses que deturpam a sã doutrina.

            já disse algumas vezes e vou repetir…

            uma mentira não contestada, torna-se um ” verdade ” estabelecida.

            Se nós que sabemos a verdade sobre a iurd, os dizimos que foram abolidos e outras crendices do meio cristão ficarmos calados, esses falsos profetas proliferarão…

            muitos cristãos sinceros ao lerem aos comentários contra-argumentando esses tipos que se dizem cristãos, mas na vdd seguem a homens isentos da verdadeira mensagem do evangelho, podem se libertar.

            tenho recebido mensagens de apoio e pessoas agradecendo a Deus por Ele estar me usando para falar a verdade que esses caras não querem que o povo saiba. relatam que muitas coisas que não viam antes, passaram a meditar melhor depois de ler meus comentários e comparar na biblia.

            já aconteceu até de eu receber email de pessoa pedindo autorização para reproduzir um comentário meu em outro site, para mostrar a verdade lá também.

            há 4 meses, venho desafiando eles, apenas usando a biblia, e como não podem contra a verdade bíblica, passam a me caluniar, levantar falso testemunho e me ameaçar de processos judiciais… revelando ainda mais sua natureza pseudo-cristã.

            A teologia da prosperidade, templo de salomão de edir macedo, dízimos, fogueira santa, unção de meias, e outras invencionices são facilmente desmascaradas quando confrontamos com as Sagradas Escrituras.

            quando respondemos a altura ao edy, clamando, vai arrebentar, amb e cássio sobre a verdade de dízimos e outras práticas questionáveis, na verdade, sabemos que dificilmente eles irão se curvar à Verdade, pois já se curvaram ao dinheiro, mas muitos que aqui leem os comentários verão que eles não conseguem sustentar biblicamente o que alegam.

            Muitos apenas leem os comentários mas nunca comentam… se deixarmos esses falsos profetas sem resposta biblica, os que aqui leem podem achar que eles estão com a verdade…

            assim a bíblia ensina:

            ” É preciso fazê-los calar, porque andam pervertendo casas inteiras, ensinando o que não devem, por torpe ganância ” ( tito 1;11 )

            mais direto, impossível!

          2. vai arrebentar disse:

            então rasgue da sua biblia as passagem que diz que quem não devolve dizimos esta roubando de DEUS.

            e o próprio JESUS quando lhe deram uma moeda na mão , e ele falando do dinheiro ele disse: dai a DEUS o que é de DEUS e a césar o que é de cesar.

            e o que era de DEUS naquela moeda?
            e obvio que o dizimo.

            se nem na aliança que DEUS fez com abraão em sangue de animais ele permitiu ser roubado.

            e agora na aliança feita no sangue do proprio filho ele vai permitir ladrões.

            essa sua doutrina o edsom se chama universalismo.
            que diz que JESUS morreu por toda humanidade e por isso todos serão salvos independente de religião ou obediência a sua palavra.

            por isso a vida sua e desses que falam mal de dízimos são tão amarradas.

            tem a coragem de dizer que são filhos do dono do mundo.
            mas vivem uma desgraça de vida. endividados doentes, amarrados frustrados etc.

            me mostre um cristão que não é dizimista é e bem sucedido.

            a começar pelo caido fabio que fala contra os dizimos e trocou a mulher por sua secretaria.
            esses são nossos acusadores.

            edson nem vc nem jgmix, nem mary, nunca tiveram encontro real com DEUS, por isso vcs são apenas crentes possessos, com demonios domesticados dentro de vcs.

          3. JGMIX disse:

            Vai arrebentar

            Essa passagem de ” ao césar e a Deus ” não fala sobre dar imposto ao “césar” e dízimos a Deus… vamos examinar as escrituras, coisa que os que recebem dizimos tem pavor que os membros façam:

            A passagem que eles distorcem é essa:

            “Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus” (Lucas 20:25, Marcos 12:17 e Mateus 22:21)

            E dizem que Jesus se referia ao dízimo, mas vamos estudar essa passagem e verificar se procede tal ensino:

            Quem estava cobrando o imposto do povo era o César, cuja moeda tinha sua imagem (Marcos12:16). Quando o Senhor Jesus mandou dar a César o que era de César, o Senhor Jesus mandou pagar o imposto a César, porque era o César que estava cobrando o imposto do povo.

            “Dai a Deus o que é de Deus” (Marcos 12:17). Aqui o Senhor Jesus não esta cobrando o dizimo e nenhum outro tipo de imposto em dinheiro. Onde há , no novo Testamento, alguma passagem em que o Senhor Jesus e o Apóstolo Paulo (nosso apóstolo, a luz nossa- Atos 13:47. Atos 9:15), onde Eles mandam pagar o dízimo ou se Eles mandam pagarem algum tipo de imposto para Deus, mas sim, darmos aos pobres e necessitados. Então, o Que é de Deus e o que temos que dar a Deus? Temos que dar: o LOUVOR, A HONRA E A GLORIA à Deus (1Pedro 1:7-8), são essas coisas que são de Deus e que Deus quer dos seus filhos, o reconhecimento que Ele é tudo acima de todos!

            Vamos relembrar: Dai o imposto a César, porque era o César que estava cobrando o imposto do povo e Dai: O LOUVOR, A HONRA E A GLORIA A DEUS (o reconhecimento que Ele é Deus). É impossível esta citação de Jesus se referir ao dízimo porque além do mais o dízimo era sempre alimentos (animais e produtos agrícolas) e portanto nunca era pago em dinheiro. Portanto quando alguém usa essa passagem: “Dai a César o que é de Cesar e a Deus o que é de Deus”, para cobrar o dizimo dos fiéis, tal pessoa (pastores, lideres religiosos) está sem entendimento ou está falsificando a palavra do Senhor Jesus, conforme Paulo falou em: 2Corintios 2:17, 2Corintios 11:13, 1Timoteo 6:5, 1Timóteo 1:7, portanto apartai dos tais e dê aos pobres com as tuas próprias mãos, você estará dando ao Senhor Jesus e estará a sua direita para ir ao céu (Mateus 25:33-46).

            Agora, aos que ainda insistem em dizer que Jesus mandou dar o imposto ao “césar” e o dízimo que segundo eles seria o imposto de Deus, para Deus ( obviamente devendo ser entregue na mão dos pastores ), vamos ver uma passagem ignorada pelos defensores dessa passagem:

            ” Mateus 17:24 – Tendo eles chegado a Cafarnaum, dirigiram-se a Pedro os que cobravam o imposto das duas dracmas e perguntaram: Não paga o vosso Mestre as duas dracmas?

            Mateus 17:25 – Sim, respondeu ele. Ao entrar Pedro em casa, Jesus se lhe antecipou, dizendo: Simão, que te parece? De quem cobram os reis da terra impostos ou tributo: dos seus filhos ou dos estranhos?

            Mateus 17:26 – Respondendo Pedro: Dos estranhos, Jesus lhe disse: Logo, estão isentos os filhos.

            Mateus 17:27 – Mas, para que não os escandalizemos, vai ao mar, lança o anzol, e o primeiro peixe que fisgar, tira-o; e, abrindo-lhe a boca, acharás um estáter. Toma-o e entrega-lhes por mim e por ti ”

            Vemos nessa passagem. claramente Jesus ordenando a Pedro que pescasse, e o peixe que pegasse da boca dele tirasse um estáter ( moeda de prata que valia 4 dias de trabalho ) e pagasse o imposto de césar… mas não vemos Jesus mandando pagar o dízimo… ou seja, Jesus mandou pedro dar o imposto de césar, mas não mandou pedro dar o dízimo da mesma forma…

            portanto, a própria biblia desmente essa lenda de que Jesus mandou dar o imposto de césar e pagar o dízimo ( imposto de Deus ) para Deus…

            É só ler a bíblia que esses lobos devoradores ( mateus 7:15 ) que exigem dízimos são desmascarados!

        2. vai arrebentar disse:

          A biblia diz que JESUS cumpriu toda a lei.

          o que vc acha?

          o próprio JESUS disse que ele não veio revogar a lei, mas cumpri-la.

          o que vc acha?

          vc acha que o filho iria roubar o próprio pai?

          vcs não são filhos por isso vcs roubam, vcs são filhos de jaco, são crentes enganadores.

          vc é incrédulo. simplesmente um crente perturbado.

          1. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            Jesus cumpriu a lei, mas a própria lei de moisés que obrigava a entrega de dízimos especificava que eram frutos do campo e animais…

            Jesus antes de seu ministério foi carpinteiro… Ele lidava com o campo ou animais? deveria Ele entregar dízimos???

            Vc consegue mostrar na Bíblia alguém entregando dízimos em dinheiro?

            vc consegue mostrar na Bíblia algum seguidor de Jesus após a sua morte dizimando?

            vc consegue mostrar na bíblia algum apostolo recebendo dízimos?

            claro que não consegue… mas sei que vc consegue fugir!

            iurdiano fugindo em 3…2…1…

          2. vai arrebentar disse:

            a biblia diz que quando o lugar de devolver os dizimos fosse longe, então a pessoa deveria vender os animais e os alimentos e levaro o dizimo em dinheiro.

            vc e muito fraquinho o jgmix, se fossemos pensar como vc então o salmo 91 não tem valor algum nos tempos de hoje.

            pois ele fala: praga nenhuma chegará a sua tenda.
            mas quem mora em tendas nos dias de hoje?

            ele diz: nem da seta que voa de dia.

            ue mas hoje não vemos setas ou flechas voando de dia.

            kkkkkk vc mora em tenda kkkkkk vc ja viu alguém na rua andando com arco e flecha nos dias de hoje? kkkkkkkk

            assim também no passado , os animais e os frutos tinham muito mais valor do que o dinheiro em moedas.
            ninguém guardava dinheiro em bancos, mesmo porque não existia nem papel .
            a moeda corrente mais valorizada era, o trigo o azeite, os animais e os frutos esses eram as coisas mais valorizadas por isso DEUS na quela epoca tinha especificado a devolução de dizimos em alimentos e animais, e so devolveriam em dinheiro se o lugar fosse longe para que os animais não morresse no caminho, e os frutos se perdesse.

            no próprio brasil até pouco tempo ninguém ficava guardando dinheiro no banco, por isso existiam os barões do café, e o rei do gado.

            não se esqueça que o mundo industrializado tem menos de 100 anos.

            e digo mais o papel moeda esta com os dias contados, e ja se foi o tempo em que cheque tinha valor.
            hoje os carões de credito ja tomaram conta do mercado.
            daqui a alguns dias ninguém vai levar dinheiro na igreja, eles levaram apenas comprovantes de depósitos.

            vc alem de ser fraco e atrasado.

          3. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            como sempre citando versículos soltos, sem ao menos dizer aonde se encontram…

            mas para sua tristeza, vou reproduzir o texto na integra:

            Deuteronômio 14:23 E, perante o SENHOR, teu Deus, no lugar que escolher para ali fazer habitar o seu nome, comerás os dízimos do teu cereal, do teu vinho, do teu azeite e os primogênitos das tuas vacas e das tuas ovelhas; para que aprendas a temer o SENHOR, teu Deus, todos os dias.

            Deuteronômio 14:24 Quando o caminho te for comprido demais, que os não possas levar, por estar longe de ti o lugar que o SENHOR, teu Deus, escolher para ali pôr o seu nome, quando o SENHOR, teu Deus, te tiver abençoado,

            Deuteronômio 14:25 então, vende-os, e leva o dinheiro na tua mão, e vai ao lugar que o SENHOR, teu Deus, escolher.

            Deuteronômio 14:26 Esse dinheiro, dá-lo-ás por tudo o que deseja a tua alma, por vacas, ou ovelhas, ou vinho, ou bebida forte, ou qualquer coisa que te pedir a tua alma; come-o ali perante o SENHOR, teu Deus, e te alegrarás, tu e a tua casa;

            E aí, vai arrebentar? se o dízimo tinha de ser vendido por dinheiro, quando o local era longe, logo, dizimo não era dinheiro! obvio ! e repare que a pessoa pegava o dinheiro da venda do dizimo e aonde era determinado por Deus, lá a própria pessoa podia gastar esse dinheiro da venda dos dízimos e comprar o que quisesse, ou seja, a própria pessoa se beneficiava…

            e na iurd, onde ensina que o dizimo é em dinheiro… os pastores ensinam que os fieis dizimistas podem usufruir dos dizimos na igreja? ser alimentados por eles???

            claro que não, né? por isso vc citou o versículo isolado, pois se ler os versiculos seguintes, vemos que essa historia de que o dizimo é só da igreja não se aplica!

            Puxa vai arrebentar… quanto mais vc tenta provar que dizimos são obrigatórios mais vc nos ajuda a mostrar que estão sendo cobrado dízimos fora do propósito até do tempo em que eram obrigatórios na lei de moisés!

            obrigado por nos ajudar!

    4. ira disse:

      esses homens são ricos porque trabalham dão trabalho e são mil vezez melhores que os evangelicospois eta povo invejoso querem enricar sem trabalhar e depois ainda chamam os outros de satanáz já me enchi deles

    5. LEONARDO disse:

      JGMIx, parabéns pela resposta inteligente, esta é a grande verdade, até pessoas que não frequentam igreja alguma eu vejo conquistar muitas coisas, a pessoa que conquista é aquela que luta e corre atras dos objetivos, e não aqueles que ficam dentro de um templo tentando subornar DEUS, entregando dinheiro dizendo ser dizimo, o verdadeiro cristão tem que obedecer os mandamentos, aquele que o senhor JESUS disse ao Jovem rico, eu vou para igreja dia de domingo, mais esta história de DIZIMO que os pastores inventaram não me desse, por isso que eu parei de dar o dizimo na igreja que eu frequento faz muito tempo, se DEUS quizer me tornar rico me dará pelo que eu sou e não pelo que tenho, pois DEUS não é objeto de troca, e sim DEUS o criador .

  20. José Fernandes de Oliveira:
    Primeiro,Paulo não era APÓSTOLO,AAAAAAAAFFFFFFFFFFFF
    Se você recebe seu sálario em alimentos,então,dê 10 por cento de alimentos,simples assim.
    Dinheiro,dê a César o que é de César,à DEUS o que é de DEUS.
    Me mostre onde,na Bíblia JESUS,aboliu os Dízimos.

  21. Isaias Miranda:
    Essa Cris é ,até,inteligente quando,ela chegar em Marcos 12 : 41-44,ela vai mudar de idéia.

  22. “Se o dinheiro não for teu servidor, ele será o teu mestre” (Francis Bacon)

  23. Willian Lomeu disse:

    O dízimo e pra quem crer , ninguém e obrigado a dizimar a casa do senho,
    o verdadeiro cristão sabe que a casa do senhor sobrevive através dos nossos dízimos e ofertas.
    não temos ajuda do governo como as igrejas católicas.
    " O senhor não e homem para que minta, nem filho do homem para que venha se arrepender.
    Se a bíblia fala que o senhor abençoa ! só pra quem crer! Deus abençoe a todos….

  24. dar dizimos para determinada instituições, correção o dizimo é ilegal para os gentios é contra a lei de Cristo e sua Crusificação é negar o sacrificio de Cristo, os blog estão cheios de versiculos esclarecendo sobre isto, é ser muito cara de pau continuar no dizimo, o dizimo dado ao rei era pedagio no inicio para atravessar terras e ……DEUT. 26,12 ISTO SE FAZIA CO O DIZIMO NO V.T , DEUS NÃO ACEITA ..ODZM…NO N.T. NÃO PASSA DO TETO É A REALIDADE , ELE FICA PARA O HOMEM MAL INTENCIONADO, NA SUAS EMPRESAS E COMERCIOS, O EVANGELHO PREDATORIO MAL INTENCIONADO SEM SELO CRISTÃO [ PREVILEGIO NÃO É BENÇÃO, É A LEI DO GERSON DOUTRINA DE DEMONIO É CEGO GUIANDO CEGO [ DAR AO EVANGELHO CAIDO DA GRAÇA, NEM OFERTA]É INCRIVEL COMO MANIPULAM A BIBLIA É VERGONHOSO [ SE FICAREM POBRES ENLOQUECERIAM POIS QUANDO ESTÃO PERDENDO ALGUNS, APELAM ELES NEGAM O SAGRIFICIO DE CRISTO em suas pregações NEGAM A RESSURREIÇÃO TIRAM E PÕE PALAVRA CONTAM HISTÓRIAS NAS pregações.sem ESPIRITO SANTO NA GANANCIA DE TODOS ELES ENRIQUEÇEM ELES TEM CARRÕES CASÕES AVIÕES É AI QUE FICA O DIZIMO E O SEU TUDO

  25. Marcos Torres disse:

    Abraão começou a dar o dízimo antes de haver lei. E deu o primeiro dízimo ao sacerdote Melquizedeque. Lendo a bíblia se vê como se comportava o povo de Deus, os hebreus(judeus). Na construção da tenda da congregação ou tenda do encontro, a ser usado posteriormente para holocausots de animais como propiciação dos pecados. O povo trazia ofertas e dizimos voluntariamente. À ponto de haver tanta oferta que os que trabalhavam na construção da tenda pediram a Moisés para que o povo parasse de trazer ofertas. Na construção do templo de pelo rei Davi. Davi apresentou suas riquezas como oferta. Vendo tal atitude todas as autoridaes do povo voluntariamente também apresentaram ofertas para que se levantasse, construisse o templo. O povo vendo tal atitude se alegrou. A mesma coisa temos por exemplo hoje na abertura ou construção de uma igreja para cristãos estarem reunidos. As pessoas estarem com um coração disposto para trabalhar e levantar igrejas com ofertas e dizimos do povo que frequenta. E à respeito do dízimo Jesus foi claro quando questionou a hipocrisia dos farizeus.

    "Hipócritas!! Dais o dízimo do endro, da arruda e do cominho e negligenciais o mais importante da lei. A justiça , a misericórdia e a fé! Devieis fazer essas coisas sem omitir as outras." Ou seja: Dar dízimos sem negligenciar o mais importante.
    E para fechar e ver como ofertas e dizimos são importantes. Jesus, sim JESUS!!! Falou à respeito de uma mulher viúva quando esta ofertava em uma ocasião:

    A oferta da viúva pobre

    "Assentado diante do gazofilácio(caixa de ofertas), observava Jesus como o povo lançava ali o dinheiro. Ora, muitos ricos depositavam grandes quantias. Vindo, porém, uma viúva pobre, depositou duas pequenas moedas correspondentes a um quadrante. E, chamando os seus discípulos, disse-lhes: Em verdade vos digo que esta viúva pobre depositou no gazofilácio mais do que o fizeram todos os ofertantes. Porque todos eles ofertaram do que lhes sobrava; ela, porém, da sua pobreza deu tudo quanto possuía, todo o seu sustento.”

    Marcos 12: 41 a 44.
    http://www.bibliaon.com/as_ofertas_para_a_construcao_do_templo/

  26. Adonis Matos disse:

    devolver os 10%. Primeiro, nós devolvemos para Deus 100% daquilo que ele nos dá. os 90% que supostamente fica para nós, utilizamos para manter a nossa subsistência que será utilizada para adorar a Deus e fazer a sua vontade, Portanto tudo aquilo que recebemos de Deus, se for um filho de Deus fiel(não gasta seu salário com prostituição, bebidas e etc), retornará para Ele em 100% e não apenas os 10%.

  27. Adonis Matos disse:

    Segundo, eu não dou dízimo para que Deus me faça prosperar, nossa prosperidade é ter Deus na nossa vida, só isso. Quem pensa assim, me desculpe, mas está errado. Deus nos fará progredir mediante nosso comportamento em buscar nossos objetivos, através de seu amor. É o seu amor e o nosso esforço que irá produzir muitos frutos.

  28. Adonis Matos disse:

    Sustento dos sacerdotes, Antigamente era assim, hoje, discordo usar o dízimo para pagar salário de pastor. Pois muitos tem empregos e não se dedicam exclusivamente aos trabalhos da igreja. Mesmo que existisse, o salário seria o justo, nem abaixo do mínimo, nem salário de jogador de futebol, por exemplo. Não receberia, por contribuições, ou ofertas. Sou contra quem ganha dinheiro, com pregações ou cds. Dizem que a inspiração é divina, mas os lucros não. Eu prefiro, investir, ao invés de lucrar em cima da obra de Deus.

  29. Ricardo Cado disse:

    Romney Romney ai sim…leu alguma coisa fora da Bíblia..rsrs

  30. Adonis Matos disse:

    a pergunta é, será que o dízimo está sendo usando para a causa do evangelho? Investir em evangelismo, sim concordo, mas quanto é utilizado? pelo que vejo bem pouco. cuidar do templo e de seus serviços, sim, concordo. O problema é que a depender de cada igreja. Sempre sobra recursos de dízimos, depois de investir nos casos citados acima. O restante o que fazem? tenho certeza que não é revertido para os membros das igrejas, na maioria dos casos. Existe pessoas apegadas ao dinheiro?, sim. Mas os pastores e igrejas estão apegadas ao dízimo do velho testamento que não abrem mão. Pois com contribuições não obrigatórias, seria possível manter a maioria dos pequenos templos existentes por aí.

  31. Existe uma grande diferença entre dar o dízimo para a igreja e dar o dízimo para quem só pensa em dinheiro. Deus deu poder a Malafaia (e outros) de gerenciar o dinheiro que lhe é ofertado? Ou foi auto-promoção?

    Cuidado com os falsos profetas…

  32. BOM,não critico a sua fé na biblia,ja fui do meio e,criticar um ato não significa que vc é contra o evangelho.temos que ter senso critico,sempre discordei do dízimo pelo seguinte,o cara já trabalha o mês todo,4 meses do salário já são garfados pelo governo.Ou seja.o cara mal pode usufruir de algo que ele trabalhou muito pra conseguir,tem q pagar alimentação,escola pra filho,se o filho ficar doente,o pastor vai curar,por favor né,já vi muita gente morrer assim,por falsas promessas de pastores.Um adendo,não me venham com essa de "obra de DEUS",pois a igreja lucra 20 BILHÕES de reais por ano.

  33. Romney Elson Lima, que versão da bíblia você costuma ler? veja alguns versiculos onde se prova que Paulo era apostolo:
    Romanos 1:1
    Capítulo Completo
    – Paulo, servo de Jesus Cristo, chamado para ser apóstolo, separado para o evangelho de Deus,
    1 Coríntios 1:1 – Paulo, chamado pela vontade de Deus para ser apóstolo de Jesus Cristo, e o irmão Sóstenes,
    2 Coríntios 1:1 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus pela vontade de Deus, e o irmão Timóteo, à igreja de Deus que está em Corinto e a todos os santos em toda a Acaia,
    Galatas 1:1 – Paulo, apóstolo, não da parte de homens, nem por intermédio de homem algum, mas por Jesus Cristo e por Deus Pai, que o ressuscitou dentre os mortos,
    Efésios 1:1 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus por vontade de Deus, aos santos que vivem em Éfeso e fiéis em Cristo Jesus,
    Colossenses 1:1 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus, por vontade de Deus, e o irmão Timóteo,
    1 Timóteo 1:1 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus, pelo mandato de Deus, nosso Salvador, e de Cristo Jesus, nossa esperança,
    2 Timóteo 1:1 – Paulo, apóstolo de Cristo Jesus, pela vontade de Deus, de conformidade com a promessa da vida que está em Cristo Jesus,
    Tito 1:1 – Paulo, servo de Deus e apóstolo de Jesus Cristo, para promover a fé que é dos eleitos de Deus e o pleno conhecimento da verdade segundo a piedade.

    Realmente a Cezar o dinheiro, o meu Deus não é o deus do capitalismo, Mamon.

    Sobre o dizimo torno a repetir é bíblico, agora responda você que pela foto da bandeira de israel deve ser judeu estás recebendo por direito ou és mais um mercenário.
    Numeros 18:21 – Aos filhos de Levi dei todos os dízimos em Israel por herança, pelo serviço que prestam, serviço da tenda da congregação.
    Numeros 18:24 – Porque os dízimos dos filhos de Israel, que apresentam ao SENHOR em oferta, dei-os por herança aos levitas; porquanto eu lhes disse: No meio dos filhos de Israel, nenhuma herança tereis.
    Numeros 18:26 – Também falarás aos levitas e lhes dirás: Quando receberdes os dízimos da parte dos filhos de Israel, que vos dei por vossa herança, deles apresentareis uma oferta ao SENHOR: o dízimo dos dízimos.
    Numeros 18:28 – Assim, também apresentareis ao SENHOR uma oferta de todos os vossos dízimos que receberdes dos filhos de Israel e deles dareis a oferta do SENHOR a Arão, o sacerdote.
    Numeros 18:30 – Portanto, lhes dirás: Quando oferecerdes o melhor que há nos dízimos, o restante destes, como se fosse produto da eira e produto do lagar, se contará aos levitas.
    Deuteronômio 12:6 – A esse lugar fareis chegar os vossos holocaustos, e os vossos sacrifícios, e os vossos dízimos, e a oferta das vossas mãos, e as ofertas votivas, e as ofertas voluntárias, e os primogênitos das vossas vacas e das vossas ovelhas.
    Deuteronômio 12:11 – Então, haverá um lugar que escolherá o SENHOR, vosso Deus, para ali fazer habitar o seu nome; a esse lugar fareis chegar tudo o que vos ordeno: os vossos holocaustos, e os vossos sacrifícios, e os vossos dízimos, e a oferta das vossas mãos, e toda escolha dos vossos votos feitos ao SENHOR,
    Deuteronômio 14:22 – Certamente, darás os dízimos de todo o fruto das tuas sementes, que ano após ano se recolher do campo.
    Deuteronômio 14:23 – E, perante o SENHOR, teu Deus, no lugar que escolher para ali fazer habitar o seu nome, comerás os dízimos do teu cereal, do teu vinho, do teu azeite e os primogênitos das tuas vacas e das tuas ovelhas; para que aprendas a temer o SENHOR, teu Deus, todos os dias.

  34. Claro que não né.A Igreja já é isenta de impostos.Alias o lucro anual dela é de 20 Bilhões.Igreja é empresa,pode ver seus canais de televisão,rádios gospel e tudo mais.Apenas acho que a igreja tem o poder hoje,de se sustentar sozinha.Creio que acreditar em tudo cegamente é o maior perigo de qualquer religião.Questionar para onde vai esse dinheiro(obviamente não vai pra DEUS) seria o minimo que poderiam fazer.Ser Evangélico não garante que a pessoa seja totalmente idonea.

  35. John Castro disse:

    AInda bem que o MEU DINHEIRO fica na MINHA CONTA. Só trouxa mesmo pra não estudar a própria bíblia e saber que DÍZIMO NÃO EXISTE!!!

    PREGADOR APRESENTA ESTUDO MOSTRANDO O PORQUE DO DÍZIMO NÃO SER NECESSÁRIO.
    http://www.youtube.com/watch?v=9AMAK6azl6E

  36. Eita! Não foi a toa que a Forbes apontou o boneco como o dono de uma fortuna estimada em 305 milhões de reais. Ainda abro uma igreja pra mim e nela serei isenta de impostos, poderei vender indulgências e propagar o charlatanismo entre os homens de pouca fé e, quem sabe um dia, dar declarações racista, misóginas e homofóbicas e ainda presidir uma Comissão de Direitos Humanos.

  37. Pitagoras disse:

    É avareza não, é independência, perspicácia e sabedoria.

  38. A obrigação do dizimo foi abolida sim.
    Quando Jesus falou para os fariseus, ele estava cumprindo a lei, prescrita no Velho Testamento…
    Quando ele morre na cruz, estava estabelecido uma Nova Aliança, onde você vive sem o julgo da lei.
    Em Gálatas diz que se quisermos viver debaixo da lei, ou seja o Velho Testamento, somos malditos e que o sacrifício de Cristo foi em vão.
    Isso sim é perigoso, voltar para o Velho Testamento sem entendimento.
    Se quer dar o Dizimo, que é lei, vai ter que cumprir todos os outros mandamentos.
    Matar cabrito, guardar o sábado, matar seu filho a pedrada se ele te desonrar.
    E ai, vai encarar?
    Ou vai estar em Cristo, cumprindo a lei do espirito?
    Durante mais de 15 anos, eu, também, pensei como vocês.
    Leiam, meditem, não creiam em tudo que é dito em um púlpito.
    Faça como os Berianos, que tudo conferiam na palavra.
    Num confie em mim, também, vá na palavra.
    Fica com Deus.

  39. Keilla Gomes disse:

    quem dizima, a Deus o faz não aos homens, se os pastores fazem mal uso disso, vão prestar contas a Deus, não se preocupe o Rei está voltando e Ele julgará.

  40. Pedro Vieira disse:

    O mais incrível é que eu nunca vejo os religiosos defensores do sistema mostrar as passagens de Deuteronômio cap. 14 sobre o dízimo, pois lá diz claramente qual era a função social do dízimo o que não tem nada a ver com o modelo conhecido hoje de se pegar dinheiro e dar a uma igreja sem nenhum cuidado com os ( orfãos, viúvas e estrangeiros, só lembrando que apenas os levitas podiam receber os dízimos" produtos da agricultura" e o que se ver hoje é que nenhum desses pastores são levitas), sendo assim td isso é apenas o que o apostolo pedro escreveu" no fim dos tempos muitos farão comercio de vós"
    como q se o dinheiro dado a uma igreja salvará alguém! vós serão salvos pela graça e não por obras da lei.

    o dízmo no meio evangélico se tornou igual a antiga indulgencia católica, precisa dar para me salvar, isso é um absurdo contra o evangelho de Cristo.

    o que Deus espera de nós é um espírito contrito e a adoração em espírito e em verdade.

    a paz a todos!

  41. Guga Santos disse:

    Lindah Santos O dízimo como lei foi sim abolido… O dízimo passou a ser enunciado como questão voluntária…é engraçado como o pastor silas adora citar o texto que Jesus fala dos fariseus em Mt 23:23…mas ele não lê o texto de lucas 11:42 … onde Jesus deixa bem claro que o dízimo como lei já não mais importa fazer e sim voluntariamente…veja:

    "Mas ai de vós, fariseus, que dizimais a hortelã, e a arruda, e toda a hortaliça, e desprezais o juízo e o amor de Deus. IMPORTAVA fazer estas coisas, e não deixar as outras." Lucas 11:42

    Veja que Jesus usa o verbo no preterito imperfeito…IMPORTAVA – ou seja já não importa mais como antes…. fica dica Silas!

  42. O dízimo é o primeiro degrau das denominações ditas cristãs para manterem seu status quo, e há muitos já criaram outras formas de arrecaderem mais receitas, tais como "correntes", desafios, fogueira santa e sacrifício patrocinadores, vendas de livros, revistas e cds de músicas, congressos, cruzadas e o escambal a quatro, se tão sómente fossem desprovidos destes recursos que sustentam suas vidas e famílias, ofertas expontâneas seriam insuficientes para calçarem o único sentido do Evangelho que é simples e claro, que num simples falar se não aceito é só tirar o pó da sandalia e falar para o próximo, salvar almas??? Quem salva sua alma é você por ouvir e colocar em prática a Palavra de Deus, o resto é materialismo e avareza como o missivista interpretou a seu bel prazer, isto proque ele é mestre em citas Galátas 6:6 se dizendo com direito a 50% de seu suor. Assita e confirme. http://www.youtube.com/watch?feature=player_embedded&v=sRLFP0S8Al0 – Dízimo nas chamadas "denominações cristãs" virou sinônimo de "Cesta Básica".

  43. alluft disse:

    PACIFICANDO O ASSUNTO; SEGUE TEXTO PARA LIBERTAR OS CATIVOS: E CONHECEREIS AVERDADE E ELA OS LIBERTARA DO JUGO DO HOMEM:
    O Dízimo
    dízimo no Novo Testamento
    Todas as pessoas agora vivem sob a autoridade de Cristo, como foi revelada no Novo Testamento (Mateus 28:18-20; João 12:48; Atos 17:30- 31). Sua vontade entrou em vigor depois de sua morte (Hebreus 9:16-28).

    Jesus reconheceu a autoridade da lei de Moisés. Ele era um judeu, nascido sob a lei (Gálatas 4:4) e com a missão de cumprir essa lei (Mateus 5:17-18). Jesus criticou os judeus hipócritas, que negligenciavam outros mandamentos divinos, enquanto zelosamente aplicavam a lei do dízimo (Mateus 23:23; Lucas 11:42; 18:9-14). Jesus não ensinou que a lei do dízimo seria uma parte de sua nova aliança, que entraria em vigor após sua morte.

    O livro de Hebreus fala do dízimo, para mostrar a superioridade do sacerdócio de Jesus, quando comparado com o sacerdócio levítico da Velha Lei (Hebreus 7:1-10). Esta passagem não está ordenando o dízimo para hoje em dia.

    Não vivemos sob a lei de Moisés, hoje em dia. Jesus aboliu essa lei por sua morte (Efésios 2:14-15). Estamos mortos para essa lei para que possamos estar vivos para Cristo (Romanos 7:4-7). A lei gravada nas pedras, no Monte Sinai, extinguiu-se e a nova aliança permanece (2 Coríntios 3:6-11). A lei funcionou como um tutor para trazer o povo a Cristo, mas não estamos mais sob esse tutor (Gálatas 3:22-25). Aqueles que desejam estar sob a lei estão abandonando a liberdade em Cristo e retornando à escravidão (Gálatas 4:21-31). As pessoas que voltam a essa lei estão decaindo da graça e se separando de Cristo (Gálatas 5:1-6).
    Não temos o direito de retornar a essa lei, para obrigar que guardem o sábado, a circuncisão, os sacrifícios de animais, as regras especiais sobre roupas, a pena de morte para os filhos rebeldes, o dízimo e qualquer outro mandamento da lei de Moisés.

    Com base no referido acima, porque as Igrejas pedem o Dízimo??? Será que as outras igrejas evangélicas simplesmente ignoram essas partes da bíblia,, ou as interpretam de um um jeito favorável aos interesses delas??
    E o pior eh que praticamente todas as igrejas cristãs adotam esta prática, o que fica difícil de acabar com esta prática…..
    Percebemos que as igrejas que isto fazem não estão preocupadas com a verdadeira palavra de Deus!!
    E o que eh pior, há interesses puramente financeiros nessa prática…
    Isso que acaba com o evangelho!!
    Dízimos & Ofertas & Contribuição & Coletas.

    Somos servos do Senhor Jesus, não escravos de homens. I Coríntios 7:23; Gálatas 5:1 e foi para a liberdade que Ele nos chamou.
    Na Lei, o Dízimo era a causa principal da bênção do povo judeu e a bênção era consequência deste Dízimo Malaquias 3:10. A maneira certa do povo judeu contribuir na Lei era dando o Dízimo para ser abençoado.
    Na Graça, o Sacrifício de Cristo é a causa principal da bênção do povo cristão. Paulo, em Efésios 1:3 nos afirma que Deus nos abençoou Em Cristo, não em Dízimo, por este motivo, a maneira correta do povo cristão contribuir em Graça é no uso de II Coríntios 9:7, porque abençoados já somos.
    A sua pergunta e resposta pode ser como a de um amigo meu, veja:

    Quem disse que o dízimo era restrito ao tempo da lei?
    A Bíblia diz que 430 anos antes da Lei ser entregue no monte Sinai a Moisés(o medianeiro),o dízimo foi entregue por Abraão a Melquisedeque(Leia Gen.14:18-20).Mais de 1.500 anos depois,Jesus ratifica o dever de dizimar(Mat.23:23).Ou seja,o dízimo é uma contribuição pré e pós lei e,como se diz que não se deve dizimar?A Bíblia diz que é roubo não dizimar(Mal.3:8-10).
    Acho que muitas Igrejas não aceitam o dízimo porque acham que muitos crentes se sentirão presos a um compromisso.Onde congrego ninguém é “excluído” ou considerado “infiel” por não entregar o dízimo.Eu mesmo,quando desempregado, fiquei MESES sem entregar o dízimo(nunca me olharam torto),e olha que não tenho muita amizade na igreja não!É claro que existem abusos em muitas denominações,mas existem as que tratam com sinceridade e seriedade esta questão.Embora a Congregação Cristã no Brasil não pratique o dízimo,creio que o fato de muitos ali entregarem suas ofertas com amor e sinceridade,Deus considera a tal oferta como dízimo(caso o valor corresponda a igual ou mais de 10% de seu ganho financeiro).Pois Deus olha para o coração.Mas eu creio que o que Deus quer dizer em sua Palavra é que um crente que se diz fiel,jamais se limitará a entregar MENOS de dez por cento do que ganha para a obra do Senhor.
    >Informação que não procede,
    porque só se fala em dízimo antes da lei DUAS vezes (uma vez abraão dizimou e a outra foi Jacó… (mais à frente explico melhor os motivos do dízimo) e segundo a bíblia, dizimara UMA UNICA VEZ a vida inteira… logo, vamos dizimar somente uma vez também???

    “Roubaria o homem a Deus? Contudo vocês roubam a mim. Mas vocês perguntam, ‘Como te roubamos a ti?’ Em dízimos e oferendas. Vocês estão debaixo de uma maldição, toda a nação, porque estão me roubando. Tragam todo o dízimo ao alforge, para que haja comida em minha casa. Prove-me nisto, disse o Senhor Todo Poderoso, e vejam se eu não abrirei as comportas do céu e derramarei tanta bênção que vocês não terão suficiente espaço para guardá-la.”(Mal. 3)
    Esta passagem de Malaquias, capítulo 3, parece ser o versículo favorito de muitos pastores. Especialmente quando o cofre da igreja está vazio. Se você freqüentou por algum tempo a igreja moderna, deve ter escutado esta passagem trovejando de cima do púlpito em várias ocasiões. Fizeram-me engolir isso por um sem número de vezes.

    Considere algo da retórica que acompanha esse tema:

    “Deus ordena que vocês dêem seus dízimos fielmente. Se vocês não dizimam, estão roubando ao Deus Todo Poderoso, e estão colocando-se debaixo de uma maldição”.
    “Vamos repetir juntos o ‘Credo do Dizimista?’ O dízimo é do Senhor. Aprendemos isso porque é verdade. Acreditamos nisso porque temos fé. Vamos dar nossos dízimos com alegria”.
    “Seus dízimos são oferendas necessárias para que a obra de Deus siga adiante!” (A “obra de Deus”, naturalmente, significa assalariar o cargo de pastor e pagar as contas mensalmente para manter o edifício sem dívidas).
    Qual é o resultado desse tipo de pressão? O povo de Deus é obrigado a dar o dízimo de seus salários mensalmente. Quando faz isso, sente que Deus fica feliz. E pode esperar que Ele os abençoe financeiramente. Quando falha sente que foi desobediente e que uma maldição financeira pesa sobre ele.

    Mas voltemos alguns passos atrás e formulemos duas perguntas penetrantes: “A Bíblia nos ensina a dizimar? Somos espiritualmente obrigados a patrocinar o pastor e sua equipe?”. A resposta a estas duas perguntas é alarmante. (Se você é um pastor, isso lhe interessa. Talvez fosse melhor você pegar agora seu remédio para o coração!).

    O Dízimo é Bíblico?

    Há dízimo na Bíblia? Sim, o dízimo é bíblico. Mas não é cristão. O dízimo pertence à velha Israel. Foi essencialmente um imposto de renda. No primeiro século, no NT, não há registro de cristãos dizimando.
    A maioria dos cristãos não tem a menor idéia do que ensina a Bíblia no que se refere ao dízimo. Senão vejamos. A palavra “dízimo” simplesmente quer dizer a décima parte. O Senhor instituiu três classes de dízimos para os Israelitas como parte de seu sistema de impostos. A saber:

    >*Um dízimo do produto da terra para sustentar os levitas, que não tinham herança em Canaã.
    >*Um dízimo do produto da terra para patrocinar festas religiosas em Jerusalém. Se o produto pesasse muito para ser levado a Jerusalém, poderia ser convertido em dinheiro.
    >*Um dízimo do produto da terra arrecadado a cada três anos para os levitas locais, órfãos, estrangeiros e viúvas.

    Este foi o dízimo bíblico. Note que Deus ordenou a Israel que desse 23,3% de suas rendas a cada ano, em oposição aos 10%. Estes dízimos consistiam do produto da terra, a saber: A semente e o fruto da terra, e o rebanho ou manada. Era o produto da terra, não dinheiro.
    Pode-se traçar um claro paralelo entre o sistema do dízimo de Israel e o sistema moderno de tributação no Brasil. Israel era obrigado a sustentar seus funcionários públicos (sacerdotes), feriados (festivais), e pobres (estrangeiros, viúvas e órfãos) com seus dízimos anuais. A maioria dos modernos sistemas de tributação serve ao mesmo propósito.

    Com a morte de Jesus, todos os códigos cerimoniais, governamentais e religiosos que pertenciam aos judeus foram cravados em Sua cruz e enterrados para sempre… Para nunca voltarem a condenar-nos. Por esta razão nunca vemos nenhum cristão no NT dando o dízimo. Da mesma forma que não os vemos sacrificando cabritos e touros para cobrir seus pecados!
    Paulo escreveu, “Vocês estavam mortos em pecados e seus desejos pecaminosos ainda não tinham sido afastados. Então Ele deu-lhes participação na própria vida de Cristo, porque lhes perdoou todos os pecados, e apagou as acusações confirmadas que havia contra vocês, a lista dos seus mandamentos a que vocês não tinham obedecido. Tomando esta lista de pecados, Ele a destruiu, pregando-a na cruz de Cristo. Portanto, que ninguém censure vocês por aquilo que comem ou bebem, ou por não comemorarem as festas e feriados judaicos, ou as cerimônias de lua nova, ou os sábados. Estes eram preceitos apenas temporários, que terminaram quando Cristo veio. Eram apenas sombras da realidade — do próprio Cristo”.

    Dizimar pertence exclusivamente a Israel sob a Lei. No aspecto financeiro vemos os santos do primeiro século dando alegremente de acordo com sua capacidade — não para obedecerem a um mandamento. A oferta na primitiva igreja era voluntária. E os que se beneficiavam disto eram os pobres, órfãos, viúvas, doentes, prisioneiros e estrangeiros.

    Agora mesmo posso ouvir alguém fazer a seguinte objeção: “E quanto a Abraão? Ele viveu antes da Lei. Nós o vemos dizimar ao sumo sacerdote Melchizedek. Isto não destrói seu argumento de que o dízimo é parte da Lei de Moisés?”
    Não, não destrói. Primeiramente, o dízimo de Abraão era completamente voluntário. Não obrigatório. Deus não o ordenou como havia feito com o dízimo de Israel.

    Em segundo lugar, Abraão dizimou dos saques que ele havia adquirido depois de alguma batalha. Ele não dizimou de suas rendas nem de sua propriedade. O ato de dizimar de Abraão seria algo parecido com receber uma bonificação no trabalho, uma gratificação de Natal, para depois dizimar.
    Em terceiro lugar, e o ponto mais importante, esta foi a única vez que Abraão dizimou em todos os seus 175 anos aqui na terra. Não há evidência de que ele voltou a repetir tal coisa novamente. Conseqüentemente, se você deseja usar Abraão como “texto de prova” para dizer que os cristãos necessitam dizimar, então você é obrigado a dizimar apenas uma vez!

    Isto nos remete ao batido texto citado anteriormente em Malaquias 3. O que disse Deus ali? Primeiramente, esta passagem foi dirigida ao antigo Israel quando este estava sob a Lei Mosaica. O povo de Deus estava retendo seus dízimos e ofertas. Considere o que aconteceria se os estadunidenses recusassem pagar seus impostos sobre suas rendas. A lei americana qualifica isso como um roubo. Os culpados seriam castigados por roubar ao governo.
    De igual forma, quando Israel reteve seus dízimos (impostos), Israel estava roubando a Deus — Ele instituiu o sistema do dízimo. Então o Senhor mandou que seu povo trouxesse seus dízimos ao alforge. O alforge era situado nas câmaras do Templo. Esta câmara era separada para receber os dízimos em espécie, não em dinheiro, para o sustento dos Levitas, pobres, estrangeiros e viúvas.

    Note o contexto de Malaquias 3:8-10. No versículo 5 o Senhor diz que Ele julgará os que oprimem as viúvas, os desamparados e os estrangeiros. Ele diz, “Eu Me movimentarei com rapidez para castigar os que praticam bruxaria, os adúlteros, os mentirosos, os que roubam o salário de seus empregados, os que exploram as viúvas e os órfãos, enfim todos os que não Me respeitam”.
    As viúvas, os órfãos e os estrangeiros eram os dignos recebedores do dízimo. Por reter os dízimos, Israel foi culpado de oprimir a estes três grupos. É aqui que está o coração de Deus em Malaquias 3:8-10: A opressão aos pobres.
    Quantas vezes você ouviu pastores enfatizar este ponto, martelando teus ouvidos com a passagem de Malaquias 3? Das centenas de sermões que eu ouvi sobre dízimo, nenhuma vez escutei nem mesmo um sussurro acerca do que tratava esta passagem. Ou seja, os dízimos eram para sustentar as viúvas, os órfãos, os estrangeiros, e os Levitas, que não tinham qualquer propriedade. É isto o que a Palavra do Senhor tem como objetivo em Malaquias 3.

    A Origem do Dízimo e do Salário do Clero.

    Cipriano (200-258 d.C.) foi o primeiro escritor cristão a mencionar a prática de sustentar financeiramente o clero. Ele arrazoava que da mesma forma como os levitas foram sustentados pelo dízimo, assim também o clero cristão deveria ser sustentado pelo dízimo. Mas isso representa um pensamento equivocado. Hoje, o sistema levítico está eliminado. Somos todos sacerdotes agora. Então se um sacerdote demanda dízimo, todos os cristãos devem dizimar-se mutuamente!

    O pedido de Cipriano foi bem incomum naquele tempo. Tanto que não foi apoiado nem divulgado pelo povo cristão naquele momento, mas muito tempo depois. Além de Cipriano, nenhum escritor cristão antes de Constantino jamais utilizou referências do VT para recomendar o dízimo. Foi apenas no século IV, 300 anos depois de Cristo, que alguns líderes cristãos começaram a defender o dízimo como prática cristã para sustentar o clero. Mas isto não chegou a ser comum entre os cristãos até o século VIII! Segundo um erudito, “pelos primeiros setecentos anos isso (os dízimos) quase nem foi mencionado”.

    Relatar a história do dízimo cristão é um exercício fascinante. O dízimo migrou do Estado para a Igreja. Na Europa Ocidental, exigir o dízimo da produção de alguém era cobrar o aluguel da terra que lhe era dada em arrendamento. Na medida em que a cobrança do aluguel de 10% era entregue à Igreja, esta aumentava sua quantidade de terras ao longo da Europa.
    Isto resultou em um novo significado relacionado a esta cobrança de 10%. Chegou a ser identificado com o dízimo levítico! Por conseguinte, o dízimo cristão como instituição foi baseado em uma fusão da prática do VT com a instituição pagã.

    Pelo século XVIII, o dízimo chegou a ser um requisito legal em muitas áreas da Europa Ocidental. Pelo fim do século X, a diferença do dízimo enquanto imposto de renda e mandamento moral apoiado no Antigo testamento havia desaparecido. O dízimo tornou-se obrigatório ao longo da Europa cristã.
    Em outras palavras, antes do século VIII, o dízimo era um ato de oferta voluntária. Mas pelo fim do século X, ele passou a ser uma exigência legal para sustentar a Igreja Estatal — exigida pelo clero e colocada em vigor pelas autoridades seculares!

    Felizmente, a maioria das igrejas modernas abandonou a prática do dízimo como uma exigência legal. Mas a prática de dizimar está tão viva hoje como foi durante o tempo em que era um requisito legal. Certamente você não vai ser castigado fisicamente por não dizimar.
    Mas se você não for dizimista — isto se aplica à maioria das igrejas modernas — você será excluído das posições importantes do ministério. E sempre será culpado e atacado de cima do púlpito!
    Quanto aos salários do clero, os ministros não receberam salários durante os primeiros três séculos. Mas quando Constantino entrou em cena ele instituiu a prática de pagar um salário fixo ao clero dos fundos eclesiásticos e das tesourarias municipais e imperiais.

    Assim, pois, nasceu o salário do clero, uma prática daninha que não tem precedente no NT.

    Raiz de Toda Maldade

    Se um crente deseja dizimar voluntariamente ou com base em uma convicção, não há problema. O dízimo chega a ser um problema quando é apresentado como um mandato de Deus, obrigatório para todo crente.O dízimo obrigatório representa opressão aos pobres. Não são poucos aqueles que são empurrados para uma pobreza mais profunda porque alguém lhes disse que se não dizimarem estarão roubando a Deus.

    Quando se ensina o dízimo como um mandato de Deus, os cristãos que têm muita dificuldade econômica para viver, são culpados se não o cumprem e mergulham em uma pobreza maior ao cumpri-lo. Desta maneira, o dízimo esvazia o evangelho enquanto “boas novas aos pobres”. Em vez de boas notícias, o dízimo chega como um fardo. Em vez de liberdade, chega a ser opressão. Esquecemos que o dízimo original que Deus estabeleceu para Israel era para beneficiar aos pobres, não para prejudicá-los!
    Por outro lado, o dízimo moderno é uma boa notícia para o rico. Para uma pessoa com altos rendimentos, 10% é uma soma ínfima.
    Dizimar, portanto, apazigua a consciência do rico na medida em que não exerce nenhum impacto significante sobre seu estilo de vida.
    Não são poucos os cristãos ricos que são levados a erroneamente pensar que estão “obedecendo a Deus” pelo fato deles colocarem um mísero 10% de suas rendas no prato da oferta.

    Mas Deus tem uma perspectiva bem diferente relacionada ao ato da dádiva. Recorde a parábola das moedas da viúva: “Quando Jesus estava no templo, observava os ricos colocarem suas ofertas na caixa de ofertas. Foi quando uma viúva pobre pôs somente duas moedinhas de cobre. ‘Realmente’, comentou Ele, ‘esta viúva pobre deu mais do que todos os outros juntos. Pois eles deram um pouco do que não precisam, porém ela, pobre como é, deu tudo o que tem’”.

    Lamentavelmente, o dízimo muitas vezes é visto como uma prova definitiva de discipulado. Se você é um bom cristão você dizimará, pelo menos é assim que se pensa. Mas esta é uma falsa premissa. O dízimo não é nenhum sinal de devoção cristã. Se assim fosse, todos os cristãos do século I teriam sido condenados por falta de piedade!
    A raiz persistente detrás do constante empurrão para que as pessoas dizimem na igreja moderna é o salário do clero. Muitos pastores sentem que é necessário pregar o dízimo e lembrar a congregação de sua obrigação de apoiá-lo em seus programas. E eles usam a promessa de uma bênção financeira ou o temor de uma maldição financeira para assegurar que os dízimos continuem sendo arrecadados.

    Desta maneira, o dízimo moderno é o equivalente a uma loteria cristã. Pague o dízimo e Deus lhe devolverá mais dinheiro depois. Recuse dar o dízimo e Deus lhe castigará. Tais pensamentos assaltam o cerne das boas novas do evangelho.

    Poder-se-ia dizer a mesma coisa quanto ao salário do clero. O qual tampouco tem qualquer mérito. De fato, o salário do clero corre totalmente em sentido oposto ao novo Pacto. Os anciãos (pastores) do primeiro século nunca receberam salários. Eles eram homens com profissões seculares. Eles contribuíam com o rebanho em vez de pegar dinheiro da congregação.

    Assalariar pastores gera profissional remunerado. Isso os eleva sobre o restante do povo de Deus. Isso cria uma casta clerical que converte o corpo do Cristo vivente em um negócio. Na medida em que o pastor e seus assistentes são “pagos” para ministrar — eles tornam-se profissionais remunerados. O resto da congregação passa ou cai em um estado de dependência passiva.

    Se todo cristão atendesse ao toque do chamado para ser um sacerdote funcional na casa do Senhor (e eles foram chamados para desempenhar esse chamado) a questão que surgiria imediatamente é: “Por quê estamos pagando nosso pastor!?”

    Mas na presença de um sacerdócio passivo, tais perguntas nunca surgem. Mas quando ocorre o contrário, quando a igreja funciona como deve funcionar, o clero profissional torna-se desnecessário.
    De repente o pensamento que diz, “isto é trabalho do pastor” parece herético. Em termos simples, o clero profissional engendra a ilusão pacífica de que a Palavra de Deus é material classificado, perigoso, de difusão secreta e que apenas especialistas oficiais podem manejá-lo.

    Mas isso não é tudo. O ato de pagar um salário ao pastor obriga-o a ser complacente com os homens. Torna-o escravo dos homens. O “vale refeição” do pastor está garantido na medida em que ele se faz simpático à congregação. Assim, pois, ele nunca está à vontade para expressar-se livremente sem temer perder alguns fortes dizimistas.

    Esta é a praga do sistema do pastor assalariado.

    Um perigo adicional do sistema do pastor remunerado é que produz homens incompetentes — algo que herdamos dos pagãos gregos. Por esta razão, o homem precisa de uma tremenda coragem para sair do pastorado.

    Desgraçadamente, a maioria do povo de Deus é profundamente ingênua com relação ao poder opressivo do sistema clerical. É um sistema descarado que não se cansa de triturar e magoar seus jovens.

    Definitivamente, Deus nunca quis que existisse um clero profissional. Não há um mandato bíblico nem qualquer justificativa para tal coisa. De fato, é impossível construir uma defesa bíblica para o pastorado.

    Na maioria dos casos, pede-se ao porteiro de igreja coletar dinheiro durante o culto. Tipicamente é ele quem passa a “bandeja da coleta” entre as pessoas. Esta prática de passar a bandeja é outra invenção pós-apostólica. Isto começou no ano 1662, embora a bandeja de esmola para os pobres estivesse presente anteriormente.

    O porteiro de igreja surgiu da reorganização da liturgia da Igreja da Inglaterra sob o reinado de Elisabeth I (1533-1603). Os porteiros de igreja tinham a responsabilidade de acompanhar e acomodar as pessoas nos bancos ou cadeiras, coletar ofertas e manter a estatística dos que comungavam. O predecessor do porteiro de igreja foi o “porteiro”.

    O porteiro era de uma ordem menor (abaixo do clero) e remonta ao século III. Os porteiros tinham a responsabilidade de dar segurança, abrir as portas da igreja, manter a ordem dentro do edifício, e da direção geral dos diáconos. Os porteiros foram substituídos pelos “guardas da igreja” na Inglaterra antes e durante o período da Reforma. Dos guardas surgiu o porteiro de igreja.

    Conclusão
    Embora o dízimo seja bíblico, não é cristão. Jesus Cristo não o afirmou. Os cristãos do século I não o observaram. E por cerca de 300 anos o povo de Deus não o praticou. Dizimar não foi uma prática aceita em grande escala entre os cristãos até o século VIII!

    1. vai arrebentar disse:

      os cristão nunca foram tão vitoriosos como nos dias de hoje, digo os que aprenderam a praticar a fidelidade dos dízimos, e ofertas como nos dias de hoje.

      da uma olhada na historia do cristianismo.
      em qual epoca ouve tantos milagres como vemos nos dias de hoje? principalmente na iurd, que falamos de dizimos ofertas votos e sacrificios.

      os cristão sempre foram subjugados pelos incrédulos, e sempre sofreram nas mãos deles.
      tanto que hoje em dia as pessoas acham que so estão agradando a DEUS se estiverem na miséria passando fome ou necessidade e aceitar essa cituação como forma de provação divina.

      nunca em todos os tempos se levantou uma igreja com tantas conquistas e dominios como a iurd.

      isso porque somos ensinados a sermos fieis ao DEUS de abraão isaque e jaco.
      atraves do sangue de JESUS DEUS hoje aceita as nossas primicias, ofertas votos e sacrifícios.

      mostra para mim um cristão que rouba a DEUS e é bem sucedido.

      1. JGMIX disse:

        vai arrebentar

        vc diz: “em qual epoca ouve tantos milagres como vemos nos dias de hoje? principalmente na iurd, que falamos de dizimos ofertas votos e sacrificios.”

        vamos ver um testemunho de vida transformada após frequentar a iurd, que não vemos na record:

        http://youtu.be/izDNmYokuZ0

      2. JGMIX disse:

        vai arrebentar

        vc diz: “em qual epoca ouve tantos milagres como vemos nos dias de hoje? principalmente na iurd, que falamos de dizimos ofertas votos e sacrificios”

        pois vamos acompanhar mais um testemunho de vida transformada após frequentar a iurd:

        http://youtu.be/izDNmYokuZ0

      3. Os idiotas não herdarão o reino. Já pensou nisto, ser das trevas, filho da mentira…

    2. Brilhante explanação, clara como água da mais pura sabedoria bíblica. Mas não pense que resultará em entendimento para maioria burra. Eles já tiveram a mente calcinada pela ignorância. Continuarão como bois indo para o matadouro pagando dízimos, mesmo não sendo para os dias de hoje, e crendo nos picaretas que o cobram descaradamente. Este idiotas mal informados merecem pagar. Deveria pagar o dízimo do aluguel, do Silas, deveriam pagar o Trízimo do Waldemiro. Eles se merecem!

    3. Vanderson disse:

      Alluft, parabéns! Texto impecável e esclarecedor!
      Lembro apenas mais dois textos bíblicos (e estes estão no NOVO TESTAMENTO!) que a maioria dos pregadores “míopes” não enxergam: Está em Atos 15 que trata sobre o “1º Concílio de Jerusalém”. A dúvida era se os gentios que se convertiam deveriam ou não deixar-se circuncidar e se teriam ou não que guardar a Lei de Moisés:
      Atos 15:1 – Alguns indivíduos que desceram da Judéia ensinavam aos irmãos: Se não vos circuncidardes segundo o costume de Moisés, não podeis ser salvos.
      Depois de analisada a questão, os apóstolos concordaram com o seguinte:
      Atos 15:19-20: Pelo que, julgo eu, não devemos perturbar aqueles que, dentre os gentios, se convertem a Deus,
      mas escrever-lhes que se abstenham das contaminações dos ídolos, bem como das relações sexuais ilícitas, da carne de animais sufocados e do sangue.
      Essa mesma decisão é REPETIDA em Atos 15:28-29 – Pois pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor maior encargo além destas coisas essenciais:
      que vos abstenhais das coisas sacrificadas a ídolos, bem como do sangue, da carne de animais sufocados e das relações sexuais ilícitas; destas coisas fareis bem se vos guardardes. Saúde.
      Portanto, nenhuma palavra ou virgula mandando dar dízimo, guardar o sábado ou circuncisão…

  44. Claro que falou, está escrito, mas, contudo, todavia, entretanto, não obstante o Mestre é judeu e quando falou era vivo, ele viveu na terra de forma fulgurante por quarenta dias e ascendeu aos céus, ele cumpriu a Lei, e um novo povo de Deus foi convidado, não apenas os judeus dizimistas mas os gentios( que significa estrangeiros) que não eram dizimistas, pergunto, foi instituito o dizimo para os gentios, ou ainda sómente os sacerdotes Levitas estavam autorizados a receberem os dízimos agropastoris (os dízimos forma transmutados de animais e frutos por um monge católico do século VI) e q

  45. e que tinham por exclusividade de alimentar os sacerdotes, as viúvas, os orfãos e os estrangeiros(pois no passado o povo judeu foi estrangeiro na terra egípicia). A "coleta" que Paulo fazia era para ajudar os cristãos perseguidos em Israel e custear as viagens missionárias sem contudo ser peso para ninguém. É muito comum usarem o sofisma de Malaquias 3. 8;10 como sendo uma obrigação ao povo estrangeiro, que não os judeus, mas não indicam Malaquias 3. 5 pois citam os sacerdotes (não os dizimistas) como sendo defraudadores do direito da viúva, e do orfão e do estrangeiro, quem são os "sacerdortes hoje" que proclamam a sí de pastores??? Os que cobram os dízimos judaícos! Em tempo, a "coleta" que é biblica, necessária e cristã e que é recebida de acordo com o coração de cada um que o faz, pastor nenhum difunde, porque querem lhe impor obrigações e periodicidade.

  46. Comida é também do diabo, ou você exagerou nas contas???

  47. Que semeia envelopes colhe dinheiro!. Isto não é escarnio é realidade pura e verdadeira.

  48. não ha um versiculo sequer no novo testamento que Deus nos "obriga" a dar o dizimo, etão fica feio dizer que quem nao da o dizimo é avarento, tem muitas pessoas que dão o dizimo para Deus dar 10 ou 100 vezes mais e não faz por amor…

  49. Marcos Torres – Naquelas passagens podemos ver uma administração e coleta de recursos que era para ser dividido entre os egressos cristãos uma vêz que os mesmos tendo optado pelo "Caminho" se tornavam alvo de perseguição daqueles que não aceitaram Jesus como o Messias e cada um dava de acordo com o propósito de seu coração, Jesus não construiu nenhum templo, bem sabemos que ele havia usado a sinagoga de seus patrícios para ensinar, e tampouco nunca cobrou nada de ninguem para ministrar, não havia estrutura institucional para ser alimentada, então o que salva as pessoas é a "palavra" que é aceita e colocada em prática. Imagine voce preso e incomunicável, em um lugar escuro e sem bíblia, do que viverá você espiritualmente, " da palavra" guardada na sua mente e coração, basta lembrar da essência que é "a palavra".

  50. Deus não faz negócios Adonis.

  51. Flávia só os "bagrinhos" abrem apenas igrejas, os "tubarões" sabem que a base de tudo é a multimídia, radio, TV internet e um partido político que voce voce leiloar seu voto de cajado, e com certeza você tem que ter uma visão geoplanetária, porque por aqui é tudo grandiloquente, um se diz " INTERNACIONAL', outro "MUNDIAL" e o top of climb se diz "UNIVERSAL", se estiver firme neste propósito recomendo quem sabe "CELESTIAL", "GALAXIAL" , cargo de bispo já é obsoleto, apostolo já virou carne de pescoço, patriarca já não é novidade, recomendo cargos como querubim Flavia, Serafim Flavia, menos "Nefilins" porque mulher muito grande não da certo para medianos, você vai arrebentarrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrrr.

  52. Questionar a luz da palavra sempre, quando a questões da formação jurídica da denominação uma de suas colunas basilar é o "Estatuto", fiel nem sabe de estatuto e pastô velhaco não o divulga, porque ali está toda a regra de funcionamento, como assembléias de prestações de contas e conselho deliberativo, o que devem sempre receber ele vive alardeando lá de seu alto do púlpito, mas as obrigações, a lisura e a transparência "neca de catibiribas", tudo o que não é as claras é chamado de seita, e estas já sabemos, "seita dízimo, seita oferta, seita sacrifício, seita corrente, seita chacara, seita sítio, seita casa, seita apartamento, seita carro.

  53. diva disse:

    nao adianta ficar falando p esse bando de alienado oq é certo ou errado a biblia ta ai p ensinar eles lêem e nao entendem ,fazer oque??? se for da vontade de Deus qm sabe um dia ….o bom é q o senhor e paciente e misericordioso; o fertar é mais sabio;se vc nao acredita faça os 2 mais nao esqueça de cumprir com o restante de toda a lei.

  54. Brilhante explanação, clara como água da mais pura sabedoria bíblica. Deus é sempre claro e mediano em suas palavras, para que todo o homem, com um mínimo de inteligência possa ente dê-la. Basta ler, se aplicar a aprender e entender o que está escrito. Não importa o quanto de errado se aprendeu no passado, a mente e o seu entendimento deve sempre se renovar, como diz a palavra. Mas não pense que resultará em entendimento para maioria burra. Eles já tiveram a mente calcinada pela ignorância pelo erro da pregação malévola, dos exploradores descarados. Continuarão como bois, indo para o matadouro, no caso o pagamento dos dízimos, que mesmo não sendo para os dias de hoje, é pregado nos palanques pelos picaretas que o cobram descaradamente. Este idiotas – deles não me apiedo – mal informados merecem, por sua estupides pagar. Deveriam pagar muito mais, deveriam pagar o dízimo do aluguel, do Silas, deveriam pagar o Trízimo do Waldemiro. Malditos estes picaretas estelionatários que cobram dízimos. Que não se tenham como inocentes, que, não sejam tidos como inocentes os que pagam, não o são. Eles se merecem!

  55. Vai pergutar a ele se os 10% ele da. Se é que você ta tão preocupado rapaz. Faz a tua parte ok

  56. Ele quer mesmo falar de materialismo? Um homem que acha pouco ter o patrimônio avaliado em APENAS 6 milhões de reais? (6 milhões é o que ele diz) .. Que ficou louco da vida quando a Forbes disse que ele tinha mais. Não por terem simplesmente mentido, mas sim porque ele não tinha tudo o que disseram ter (supostamente).
    Por que que ele ao invés de ter desejos materialistas de empresário, não fecha a empresa dele e vai viver de um salário mínimo de pastor? Porque a maioria dos pastores no Brasil não recebem mais do que isso. Conheço pastores que recebiam 350 reais todo mês pra alimentar a esposa e os filhos. Enquanto seus líderes viajavam o Brasil e o mundo.. E detalhe: até onde eu sei, Jesus não acumulou riquezas na terra. Jesus praticamente nem tinha casa, piorou um patrimônio avaliado em milhões.

  57. Adonis Matos disse:

    em que momento eu digo isto?

  58. Maior privilégio tem aquele que recebe do aquele que oferta. Posso apostar que quem oferta não tem jatinhos (talvez sequer utilizam ou já se utilizaram do avião como meio de transporte) , canais de televisão, veículos importados, rolex, filhos em escolas particulares renomadas, etc…

  59. Segundo a lógica que Jesus não mudou o dízimo, não condenou e nem ab-rogou, então, eu "dizimei" errado por 25 anos, uma vez que dei de toda a minha renda e o dízimo que Jesus aconselhou os fariseus continuarem praticando era aquilo que sempre foi na lei: MANTIMENTO. Eles dizimavam HORTELÃ, ENDRO, COMINHO, ARRUDA e todas as HORTALIÇAS, mas não em dinheiro, pois este não era aceito como dízimo (Deuteronômio 14:22-29). Se Jesus não mudou essa regra, então quem mudou e converteu-o em dinheiro?

    E os que pensam que estão dizimando hoje, também estão fazendo errado, desobedecendo o que Jesus ensinou. Se é para obedecer, então vamos obedecer.

  60. Edson Souza disse:

    “o tal do edsom contou que doou um piso para uma tal igreja e depois ficou aqui contando vantagem .

    como disse JESUS vc ja recebeu seu elogio.

    da as coisas depois vem pagar uma de santo contando vantagens.”

    O que tem haver isso com o assunto aqui?
    Vc que suja minha imagem diante dos meus irmãos aqui, vai arrebentar?
    Que atitude feia essa sua.
    Que dizer que ser alguém conta um testemunho, que usou a fé, que fez isso ou aquilo na Universal, ele esta se gloriando?

    Vc Jejuou 21 dias e veio pior do que antes.

    Olha vai Arrebentar seu eu tive essa intenção vou receber o castigo merecido por querer me gloriar, agora se eu nunca tiver essa intenção em meu coração, se prepare que Deus vai retribuir por vc ser uma pessoa má e astucioso como vc é, em querer desmerecer e sujar o meu testemunho aqui diante dos meus irmãos.

    Se prepare vai arrebentar, de Deus não se zomba e eu fiz de coração para ele esse fato que tem mais de 20 anos atrás.

    1. vai arrebentar disse:

      estou morrendo de medo de DEUS,
      tomar a causa de um que rouba dele e fala mal das coisas santas critica a fidelidade, dos outros, e ainda incita os outros a roubarem do próprio DEUS.

      KKKKK DEUS NUNCA VAI DEFENDER A CAUSA DE UM QUE ROUBA DELE.
      muito pelo contrario ele ainda disse, para não orar pelos infieis pois ele não ouviria tal oração. e ainda disse: VI OS INFIÉIS E SENTI DESGOSTO.

      e isso que vcs causam em DEUS, desgosto.

      a sua oração contra mim o coisinha e tido como pecado diante de DEUS.
      e como uma macumba na encruzilhada, não tem valor algum.

      lembre- se que para os que são fiéis a DEUS esta escrito – abençoarei os que te abençoarem, e amaldiçoarei os que te amaldiçoares.

      e para vc esta escrito : COM MALDIÇÃO SOIS AMALDIÇOADOS PORQUE A MIM ME ROUBAIS,(…).

      E ainda JESUS disse que aquele que o trai por dinheiro como vcs fazem, seria melhor não terem nascido.

      DEUS NÃO OUVE ORAÇÃO DE LADRÕES, a não ser que o mesmo se arrependa.

      COMO ja disse ao seu irmão jgmix, DEUS EXPULSOU O LADRÃO QUE HAVIA DO CEU, E NÃO VAI LEVAR OUTROS PARA LÁ.

      então eu estou denegrindo sua imagem diante de seus irmãos ?

      que irmandade essa sua hem !!!
      eu chamo sua irmandade de quadrilha, pois todos os que vc chamam de irmãos assim como vc tem roubado DO MEU DEUS.
      vos sois filhos do diabo e quereis satisfazer a sua vontade, roubar e roubar e roubar de DEUS.

      1. Edson Souza disse:

        “a sua oração contra mim o coisinha e tido como pecado diante de DEUS.
        e como uma macumba na encruzilhada, não tem valor algum”

        E quem te disse que vou orar contrar vc?
        Não preciso disso meu caro, só entrego na mão de Deus e ele fará o julgamento devido.

        Roubando a Deus, onde?
        Vc quer sustentar o jatinho do Macedo que vale aproximadamente 200 milhões de reais, isso é problema seu,mas não venha querer enganar os outros dizendo que dizimo ainda é obrigado nos dias de hoje como diz em malaquias 3:10.
        Ofertas voluntárias SIM,dizimos NÃO.
        Somos Cristão seguidor de Cristo e não Judeus seguidor das leis de moises.

        “que irmandade essa sua hem !!!
        eu chamo sua irmandade de quadrilha, pois todos os que vc chamam de irmãos assim como vc tem roubado DO MEU DEUS.
        vos sois filhos do diabo e quereis satisfazer a sua vontade, roubar e roubar e roubar de DEUS.”

        Quadrinha??
        Eu sei muito bem o quem e a quadrinha nessa história.
        Que eu saiba não vejo ninguém entre meus irmãos ensinando assim ô?

        “E tenho um negocio aqui que é batata, e é o seguinte maladro.
        Pega três biblias e com 10mil passa pra cá, com 5mil, passa pra cá, com 1…”(bispo Romualdo)

        Quem é o malandro aqui em vai arrebentar?
        Profanando a palavra de Deus em?
        Colocar dinheiro em cima da biblia, uma verdadeira profanação.

        Vc não passa de um religioso, coitado de vc.

        1. JGMIX disse:

          ATENÇÃO! ALERTA IMPORTANTE:

          um audio de um “bispo” da iurd orientando os pastores da iurd a como tirar o máximo de dinheiro das pessoas vazou. A iurd através de seus advogados tirou esse audio do youtube, mas o audio foi recolocado lá por um usado por Deus. Ouça atentamente as táticas desse “bispo” da iurd , ensinando um “esquema” (no minuto 1:36 do video abaixo) ensinando a plantar envelopes ( no minuto 2:00 do video abaixo), a ” pegar ” todas as pessoas e usar de apelo emocional! ele mesmo fala que tem que pegar as pessoas ( no minuto 1:55 ) e usar apelo emocional ( no minuto 2:20 )! ouça atentamente o audio e veja se a iurd se preocupa com as pessoas ou com o dinheiro das pessoas:

          http://youtu.be/qAPju1-POlY

        2. vai arrebentar disse:

          vc entrega nas mãos de DEUS !!!

          mas DEUS não pega nada de sua mão, elas são sujas estão cheias de sangue.
          estão cobertas de iniquidades.

          a quanto tempo vc diz que cre em DEUS?
          a mais de 20 anos?

          da uma olhadinha na sua vidinha.

          vc cre em DEUS mais de 20 anos , mas é uma vergonha , e ate hoje rouba dele.
          tem coragem de cantar para ele, dentro da igreja, e la de fora rouba-lo descaradamente.

          como disse o andre vc e bipolar tem um demonio domesticado dentro de vc.
          um tempo vc e uma coisa e outro tempo vc é outra.

          DEUS SENTE DESGOSTO DE VC POR ROUBA-LO E AINDA QUANDO DEU UMA OFERTINHA A QUASE 20 ANOS ATÉ HOJE JOGA ISSO DIANTE DE DEUS. como se a sua ofertinha fosse maior do que a de JESUS.

          da e depois fica murmurando arrependido.
          crentes nojentos e hipocritas, vivem reclamando do que fizeram.

  61. Ao Jcmix (vídeo) –
    A palavra de Deus de 2 Pe.2-2,3 cumpre cabalmente na vida dos enganadores, desse falsos mestres "Mas houve também entre o povo falsos profetas, como entre vós haverá também falsos mestres, os quais introduzirão encobertamente heresias destruidoras, negando até o Senhor que os resgatou, trazendo sobre si mesmos repentina destruição. E muitos seguirao as suas dissoluções, e por causa deles será blasfemado o caminho da verdade."Ainda bem que abriste os olhos, e caiste fora da Babilonia. Sairá fora dela povo meu.

  62. Edson Alves de Macedo: Eu ia responder, mas percebi que você já tinha dado a resposta correta. Essa é a verdade que muitos ainda não descobriram para serem verdadeiramente livres (João 8:32). Abraços.

  63. Keilla Gomes Eu pensei assim por 25 anos, dando a décima parte de meu salário. Foi só atrasar um mês o pagamento desse imposto e me acusaram de ladrão sem dó nem piedade. O seu dízimo só irá pra Deus se você distribuir o que você tem com o necessitado, assim como Jesus pediu ao jovem rico que o fizesse, pois quem faz a um pequenino a Ele o faz (Mateus 25:40). Não espere que os homens que recebem o seu dízimo façam o que Deus pediu para você fazer que eles nunca irão fazer. Eles vão prestar contas sim da mal administração do dinheiro alheio e os que dão também por omissão e por contribuírem com a corrupção.

  64. JGMIX disse:

    VAI ARREBENTAR

    vc é um mentiroso… falou que o diego ribeiro tava num hospital por ter falado contra a iurd, falou que ele tava mal… olha ele aí, seu mentiroso! falando e ainda prometendo que vai dsitribuir dvd’s sobre a verdade oculta da iurd na frente da iurd! o sonho seu era de que ele e eu estivessemos mortos, mas vc vai ter de ouvir ele falando:

    http://youtu.be/ShoHYLphGg8

  65. Vanderson disse:

    Alluft, parabéns! Texto impecável e esclarecedor!
    Lembro apenas mais dois textos bíblicos (e estes estão no NOVO TESTAMENTO!) que a maioria dos pregadores “míopes” não enxergam: Está em Atos 15 que trata sobre o “1º Concílio de Jerusalém”. A dúvida era se os gentios que se convertiam deveriam ou não deixar-se circuncidar e se teriam ou não que guardar a Lei de Moisés:
    Atos 15:1 – Alguns indivíduos que desceram da Judéia ensinavam aos irmãos: Se não vos circuncidardes segundo o costume de Moisés, não podeis ser salvos.
    Depois de analisada a questão, os apóstolos concordaram com o seguinte:
    Atos 15:19-20: Pelo que, julgo eu, não devemos perturbar aqueles que, dentre os gentios, se convertem a Deus,
    mas escrever-lhes que se abstenham das contaminações dos ídolos, bem como das relações sexuais ilícitas, da carne de animais sufocados e do sangue.
    Essa mesma decisão é REPETIDA em Atos 15:28-29 – Pois pareceu bem ao Espírito Santo e a nós não vos impor maior encargo além destas coisas essenciais:
    que vos abstenhais das coisas sacrificadas a ídolos, bem como do sangue, da carne de animais sufocados e das relações sexuais ilícitas; destas coisas fareis bem se vos guardardes. Saúde.
    Portanto, nenhuma palavra ou virgula mandando dar dízimo, guardar o sábado ou circuncisão…

    1. Edson Souza disse:

      Vanderson, quero ver esses manipuladores ser contra esses textos biblicos.

      Ta bem claro ai que nós não somos obrigados a seguir a lei de moises.(somos livres)
      Mais sim somente a nova aliança.

  66. Jairo Thomazelli rsrsrsrsrsrrssrsrsrsrsrsrsrsrsrsrrssrrsrsrsr você me fez ri muito agora rsrsrsrrssrsrrssrrsrsrrs

  67. JGMIX disse:

    Vai arrebentar

    Essa passagem de ” ao césar e a Deus ” não fala sobre dar imposto ao “césar” e dízimos a Deus… vamos examinar as escrituras, coisa que os que recebem dizimos tem pavor que os membros façam:

    A passagem que eles distorcem é essa:

    “Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus” (Lucas 20:25, Marcos 12:17 e Mateus 22:21)

    E dizem que Jesus se referia ao dízimo, mas vamos estudar essa passagem e verificar se procede tal ensino:

    Quem estava cobrando o imposto do povo era o César, cuja moeda tinha sua imagem (Marcos12:16). Quando o Senhor Jesus mandou dar a César o que era de César, o Senhor Jesus mandou pagar o imposto a César, porque era o César que estava cobrando o imposto do povo.

    “Dai a Deus o que é de Deus” (Marcos 12:17). Aqui o Senhor Jesus não esta cobrando o dizimo e nenhum outro tipo de imposto em dinheiro. Onde há , no novo Testamento, alguma passagem em que o Senhor Jesus e o Apóstolo Paulo (nosso apóstolo, a luz nossa- Atos 13:47. Atos 9:15), onde Eles mandam pagar o dízimo ou se Eles mandam pagarem algum tipo de imposto para Deus, mas sim, darmos aos pobres e necessitados. Então, o Que é de Deus e o que temos que dar a Deus? Temos que dar: o LOUVOR, A HONRA E A GLORIA à Deus (1Pedro 1:7-8), são essas coisas que são de Deus e que Deus quer dos seus filhos, o reconhecimento que Ele é tudo acima de todos!

    Vamos relembrar: Dai o imposto a César, porque era o César que estava cobrando o imposto do povo e Dai: O LOUVOR, A HONRA E A GLORIA A DEUS (o reconhecimento que Ele é Deus). É impossível esta citação de Jesus se referir ao dízimo porque além do mais o dízimo era sempre alimentos (animais e produtos agrícolas) e portanto nunca era pago em dinheiro. Portanto quando alguém usa essa passagem: “Dai a César o que é de Cesar e a Deus o que é de Deus”, para cobrar o dizimo dos fiéis, tal pessoa (pastores, lideres religiosos) está sem entendimento ou está falsificando a palavra do Senhor Jesus, conforme Paulo falou em: 2Corintios 2:17, 2Corintios 11:13, 1Timoteo 6:5, 1Timóteo 1:7, portanto apartai dos tais e dê aos pobres com as tuas próprias mãos, você estará dando ao Senhor Jesus e estará a sua direita para ir ao céu (Mateus 25:33-46).

    Agora, aos que ainda insistem em dizer que Jesus mandou dar o imposto ao “césar” e o dízimo que segundo eles seria o imposto de Deus, para Deus ( obviamente devendo ser entregue na mão dos pastores ), vamos ver uma passagem ignorada pelos defensores dessa passagem:

    ” Mateus 17:24 – Tendo eles chegado a Cafarnaum, dirigiram-se a Pedro os que cobravam o imposto das duas dracmas e perguntaram: Não paga o vosso Mestre as duas dracmas?

    Mateus 17:25 – Sim, respondeu ele. Ao entrar Pedro em casa, Jesus se lhe antecipou, dizendo: Simão, que te parece? De quem cobram os reis da terra impostos ou tributo: dos seus filhos ou dos estranhos?

    Mateus 17:26 – Respondendo Pedro: Dos estranhos, Jesus lhe disse: Logo, estão isentos os filhos.

    Mateus 17:27 – Mas, para que não os escandalizemos, vai ao mar, lança o anzol, e o primeiro peixe que fisgar, tira-o; e, abrindo-lhe a boca, acharás um estáter. Toma-o e entrega-lhes por mim e por ti ”

    Vemos nessa passagem. claramente Jesus ordenando a Pedro que pescasse, e o peixe que pegasse da boca dele tirasse um estáter ( moeda de prata que valia 4 dias de trabalho ) e pagasse o imposto de césar… mas não vemos Jesus mandando pagar o dízimo… ou seja, Jesus mandou pedro dar o imposto de césar, mas não mandou pedro dar o dízimo da mesma forma…

    portanto, a própria biblia desmente essa lenda de que Jesus mandou dar o imposto de césar e pagar o dízimo ( imposto de Deus ) para Deus…

    É só ler a bíblia que esses lobos devoradores ( mateus 7:15 ) que exigem dízimos são desmascarados!

    1. vai arrebentar disse:

      kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      crentes fajutos kkkkkk

      quer dizer que ao cesar tem que dar do dinheiro resultado do esforço e sacrificio do povo.
      e a DEUS tem que dar louvor de canturias kkkkkkkkkkkkkk.

      jgmix vc e um endemoniado mesmo em.

      porque será que JESUS não disse isso a viuva que deu todo o seu sustento?
      porque será que JESUS não disse a ela: FILHA BASTA VC CANTAR UM LOUVOR E ESTA BOM, NÃO PRECISA DAR SEU DINHEIRO.

      PORQUE será que JESUS não disse a zaquel que não precisava dele desfazer de seus bens, ? porque ele não pediu a zaquel que simplesmente cantasse um louvor.?
      kkkkkkk crentes papagaios so sabem repetir a biblia e cantarolar.
      por isso são fracassados e derrotados.

      JESUS com uma moeda na mão manda o povo pagar imposto a cesar, e cantar pra DEUS .
      kkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      essa e boa , so ladrões como vcs mesmo para ser tão mesquinhos e avarentos.
      os cantores evangelicos gostam dessa doutrina, por isso fazem musicas cada vez mais emotivas.

      jgmix vc tem um demonio domesticado dentro de vc.
      O MESMO DEMONIO QUE ESTAVA EM JUDAS ESTA NA SUA VIDA.
      POIS JUDAS SEMPRE CRITICOU AS OFERTAS DADAS A JESUS, ASSIM COMO VC E SEUS IRMAUS.

      1. JGMIX disse:

        vai arrebentar

        o caso da viuva pobre, ela deu 2 moedas que eram todo o dinheiro que ela tinha. foi 100 % do que ela tinha, e ela fez de espontanea vontade, Jesus nem ninguém tinha ordenado que ela fizesse isso antes, obviamente não é caso de entrega de dízimo.

        o caso de zaqueu ( e não zaquel, como vc que só repete diz, pois nem ler a biblia para saber como se escreve o nome das pessoas vc se preocupa ) ele se arrependeu de roubar ( assim como fazem na iurd ) dos impostos que recebia, e propos devolver multiplicado se porventura tivesse logrado alguém ( aliás, a liderança da iurd fez como zaqueu e devolveu o dinheiro dos fiéis que deram dinheiro para comprar a record acreditando que a emissora seria usada apenas para o evangelho??? ), então o caso de zaqueu nada tem a ver com dízimos.

        vai arrebentar, eu conheço vc, e sei que quando vc dá suas risadas histéricas é sinal de que vc está novamente perdendo o controle… assim como os demonios gostam de dar risada histérica quando manifestam e sabem que perderam aquela vida, assim vc age.

        vc defende dízimos… mas aonde Jesus ou os apóstolos ensinaram que os cristãos devem dizimar e entregar na mão dos pastores?

        provei na biblia que ” a césar o que é de césar e a Deus o que é de Deus” não se refere a dízimos, pois vale a pena lembrar que os imperadores romanos, os césares da época de Jesus exigiam além do imposto que cobravam das nações dominadas ( caso de israel ), eles os césares exigiam adoração… eles se julgavam deuses entre os homens… então o dinheiro era de césar, então devia ser entregue ao césar, mas a adoração que os césares romanos exigiam, deveria ser somente a Deus…

        achei curioso vc não dar uma palavra sobre esse video que a iurd tentou tirar a todo custo… um ” bispo” da iurd ensina técnicas aos pastores para pegarem as pessoas com o dízimos, depois fazer uma campanha que não podia ter personagem biblico para não se chocar com a fogueira santa… vc nada falou… de tão óbvio, né? pois o diego ribeiro que vc dizia estar entre a vida e a morte num hospital com certeza irá divulgar mais este video proibido na frente da iurd. Alegremo-nos… o povo está sendo liberto do jugo iurdiano!

        http://youtu.be/qAPju1-POlY

        1. JGMIX disse:

          iurdiano fugindo em 3…2…1…

        2. vai arrebentar disse:

          quem foi que disse para vc o jgmix que zaqueu era ladrão?

          isso e coisa da cabeça de vcs e de seus pastores fracos.

          zaqueu disse que restituiria 4 vezes mais as pessoas que porventura ele tivesse roubado , em uma forma de desafio, para mostrar a jesus que o que ele tinha não era proveniente de coisas não licitas.

          então quando ele disse que daria metade do que tinha, logo disse: se tenho roubado alguém como muitos dizem então apareça agora, que vou lhe restituir 4 vezes mais.

          vc acha que JESUS iria aceitar alguma coisa dele se fosse proveniente de roubos?

          realmente vcs e esse edson e muiiito fraquinho de biblia.

          zaqueu era ladrão kkkkkkk so na cabeça desses crentes mesmo.

          1. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            zaqueu era publicano ( coletor de impostos a serviço dos romanos ) e os publicanos eram notadamente conhecidos por tomarem impostos além do que era devido.

            lembra do que joão batista disse?

            ” Foram também publicanos para serem batizados e perguntaram-lhe: Mestre, que havemos de fazer? Respondeu-lhes: Não cobreis mais do que o estipulado” ( Lucas 3:12 )

            Se o publicano zaqueu não estivesse porventura roubando as pessoas de quem tomava imposto além do que era determinado para cobrar, pq o Senhor Jesus após ele prometer devolver multiplicado o que ele porventura tivesse tomado a mais disse que havia salvação naquela casa???

            de novo, vc erra na interpretação, mas ao menos vc aprendeu a escrever zaqueu dessa vez corretamente!

          2. vai arrebentar disse:

            não o jgmix ele era cobrador de impostos mas não era ladrão.

            e como os políticos brasileiros são conhecidos como corruptos.
            porém pode ter certeza que existem políticos que não são corruptos.

            e JESUS disse que ele era filho de abraão não pelo fato de restituir 4 vezes mais, as pessoas.

            mas pelo fato de partir no meio o que ele tinha, pois foi esta a aliança que DEUS fez com abraão e sua descendencia, quando ele mandou abraão pegar 3 animais e partir ao meio, e então pela 1ª depois da queda do homens DEUS se materializou na terra em forma de uma chama de fogo e passou pelas metades.

            e foi justamente isso que zaqueu fez, assim como abraão partiu os animais, zaqueu partiu seus bens.

            POR ISSO JESUS DISSE QUE ELE ERA FILHO DE ABRAÃO POIS PRATICOU A MESMA OBRA QUE ABRAÃO.

            vc e perturbado jgmix, esta sempre dando uma desculpa para roubar a DEUS.

            VC E MUITO FRACO, tanto de biblia como na sua vida , e ainda e derrotado na vida sentimental. que fracasso e a sua vida em.

            e ainda quer discutir biblia comigo kkkkkkk.
            um papagaio de pirata querendo discutir biblia. kkkkkk.

            DEPOIS DE VC FALAR QUE PAULO ERA ENDEMONIADO, AGORA ESTA ACUSANDO ZAQUEU DE LADRÃO E AINDA INSINUANDO QUE JESUS ACEITOU COISAS ROUBADAS.

            só crentes perturbados mesmo como vc. para dizer isso.

            Matheus também era coletor de impostos, e em nenhum momento a biblia diz que ele era ladrão.

            mas vc é porque vc rouba o proprio DEUS.

          3. JGMIX disse:

            vai arrebentar.

            nada a ver sua teoria. Os publicanos eram odiados pelos judeus, pois eram coletores de impostos a mando de roma e o pior é que eles ainda cobravam além do estipulado.

            Nada a ver essa teoria sua, de que ” zaqueu fez, assim como abraão partiu os animais, zaqueu partiu seus bens. POR ISSO JESUS DISSE QUE ELE ERA FILHO DE ABRAÃO POIS PRATICOU A MESMA OBRA QUE ABRAÃO…”

            errado! foi por causa da fé de zaqueu em devolver o que tinha tomado a mais dos que cobrou, que Jesus disse zaqueu era filho de abraão…

            Paulo mesmo confirma:

            “Sabei, pois, que os da fé é que são filhos de Abraão” ( galatas 3:7 )

            Como zaqueu se arrependeu, teve fé inclusive de se dispor a devolver o que porventura tivesse tomado a mais…

            E sobre Paulo, eu nunca falei que ele era endemoniado, isso é vc quem diz e sim que ele tinha uma enfermidade física, mas isso não quer dizer que ele tinha demonios… isso é vcs na iurd que ensinam que quem tem enfermidade tem demonio.

            vai arrebentar, se vc entendesse de biblia, não seria da iurd. essa é a maior prova de que vc é um analfabeto biblico funcional…

            leu, mas não entendeu o que estava escrito, pois lhe falta o Espirito Santo!

          4. vai arrebentar disse:

            então mostra ai o jgmix.

            a onde esta relatado na bíblia que Zaqueu devolveu algo para alguém?

            ha quantas pessoas ele devolveu?

            kkkkkkkkkkkkk

            para defender seu deus mamom vc ate inventa historias kkkkkkkk

            quer dizer que zaqueu devolveu 4 vezes mais para todas as pessoas que ele roubou?

            então não sobrou nada para ele dar aos pobres kkkkkkkk

            o cara fica rico roubando devolve 4 vezes mais as suas vitimas e ainda sobra para ele kkkkkkkkkk

            que matematica a sua hem …..
            como vc é fraco.

            fico impressionado como vc ama o dinheiro.

          5. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            “Entrementes, Zaqueu se levantou e disse ao Senhor: Senhor, resolvo dar aos pobres a metade dos meus bens; e, se nalguma coisa tenho defraudado alguém, restituo quatro vezes mais.” ( lucas 19:8 )

            a bíblia é clara… não sou eu que disse que ele daria 4 vezes mais a quem tivesse tomado a mais e nem que ele daria aos pobres metade dos bens dele…

            A bíblia é quem diz isso…

            A biblia mente???

      2. Edson Souza disse:

        Cuidado, a intenção desse vai arrebentar é trazer contenda aqui no site.

        1. JGMIX disse:

          Edson

          o vai arrebentar, assim como edy e o amb, são sustentados pelo sistema religioso financeiro predatório da iurd.

          Se o povo conhecer a verdade sobre dízimos, bençãos não são compradas e fogueira santa é uma fraude, o dinheiro seca, e eles vão ter de mudar de emprego.

          cada pessoa que sai da iurd significa dinheiro a menos, e só durante 2003-2009 cerca de 1 entre 4 pessoas se mandaram da iurd. Claro que isso deixa os lideres iurdianos e seus pastores corrompidos desesperados…

          Vai arrebentar, edy e amb apenas estão defendendo o sálario deles… nada a ver com defesa do evangelho, pois se defendessem o evangelho, não seriam a favor do aborto, não diriam que ou dá ou desce é biblico nem distorceriam a biblia.

          A questão é essa… defendem o dinheiro do salário deles, que eles recebem da iurd…

          cada traidor do evangelho tem seu preço… judas foi 30 moedas…

          amb, edy e vai arrebentar é um salário!

          1. levi varela disse:

            JGMX,

            Acima você falou que os cobradores de impostos de Roma tinham por hábito roubar. Não, havia fama como ainda hoje há.

            Mas os judeus, aprenda de uma vez pois já explicitei isso aqui e para você, viviam sob um estado teocrático em que a igreja fazia as vezes de estado com o dízimo bancando a máquina, inclusive as ações sociais com os dez por cento arrecadado.

            Quando o império invasor chegou, além do dízimo que servia para as ações do estado e de manutenção da igreja, o judeu se viu compungido a dar em cinco peixe um à Roma dominante, ou seja, passaram de dez a trinta por cento de compromisso, cabendo lembrar que a gente no Brasil paga 38% e reclama que só.

            Cristo disse com o ato da moeda: paguem a Roma e paguem a Israel.

            Será possível que vocês não conseguem enxergar as coisas?

          2. JGMIX disse:

            levi

            os recebedores de dízimos usam essa passagem do imposto de césar para tentar fundamentar dízimos, mas vamos ver o texto:

            Lucas 20:24 Mostrai-me um denário. De quem é a efígie e a inscrição? Prontamente disseram: De César. Então, lhes recomendou Jesus:

            Lucas 20:25 Dai, pois, a César o que é de César e a Deus o que é de Deus.

            claramente, Jesus mandou dar a césar o dinheiro que tinha até o rosto dele… a efígie ( imagem cunhada na moeda ) era de césar, então aquilo ( dinheiro ) pertencia a cesár… Jesus mesmo disse isso… a moeda que tinha a imagem de césar, deveria ser dada a césar, mas o louvor, a adoração, somente a Deus! os “césares” além de impostos, exigiam adoração! vc não estudou história não… portanto o dinheiro podia ser entregue a césar, mas a adoração somente a Deus… ao césar o que é de césar e a Deus o que é de Deus.

            aconselho a vc, após essa explicação fazer como os que questionaram a Jesus acerca de que se deveriam entregar imposto a cesar:

            “Não puderam apanhá-lo em palavra alguma diante do povo; e, admirados da sua resposta, calaram-se” (Lucas 20:26)

            entendeu o recado, levi?

          3. levi varela disse:

            Jgmx,

            Me calei, tamanha a ignorância ou má fé.

            Cristo tinha tesoureiro, recebia dinheiro, nunca condenou o dízimo em parte algum, criticou quem envia para o campo missionário e não dá condições, apontou um religioso dando o dízimo e não o criticou do contrário disse que dava o que sobrava, mandou dá a Deus dinheiro e pegando no vil metal, falou que alguns lideres iriam usar o nome Dele para arrecadar dinheiro pra si próprio, mandou Judas dar ao povo o dinheiro que arrecadara pra as despesas da evangelização, aí você vem falar em louvor a Deus quando a questão girava em torno do metal?

            Meu caro, até jumento batizado perceberia a pretensão manifesta em teu álibi, a inanição dos que evangelizam.

            Onde explicitamente Cristo excomungou o dinheiro? O compromisso dos cristãos com suas estruturas prediais, eclesiásticas e de manutenção?

            Cristo não era doido, não!

          4. jgmix disse:

            levi. Cristo mandou os cristãos dizimarem? Disse que a Sua obra seria feita a partir da entrega de dízimos? Os apostolos mandavam os cristãos entregarem dizimos em algum tipo de igreja fisica? Por favor levi… Responda não se faça de louco antes de fugir!

          5. levi varela disse:

            GJMX

            Lá em cima respondi, aprenda, pois:

            levi varela disse: 23 de abril de 2013 ás 1:35 am
            Edson,

            Os judeus tiveram seu estado desmobilizado pelo Império Romano cerca de trinta anos depois de Cristo, tendo a maioria se lançado no mundo e daí passaram a viver a carga tributária dos países de destino. Assim, ficou desnecessário pagar tributos á igreja, muito menos agora em face do estado moderno que se instalou, como seja, igual aos demais.

            Diferente do judaísmo, o cristianismo, por ordem do seu criador, é ativista e em busca sempre de novos adeptos, o que motiva apelar por mais dinheiro para esse intento, tendo, bem provável, estabelecido os dez por cento, mais em face de referência para os murrinhas que insistem em dar moeda, mas há os que doam mais e bem mais que o dízimo.

          6. JGMIX disse:

            levi e suas teorias levianas

            falando assim ninguém desconfia que esse pseudo-cristão estava num outro artigo incentivando pessoas a não colaborarem com a irmã raquel lá no deserto da jordânia…

            fazendo campanha contra uma irmã que estava por amor aos refugiados da guerra da siria, confortando materialmente e espiritualmente as vitimas da guerra síria, envenenando as pessoas para que não enviassem ajuda a ela…

            E depois posa de cristão, fazendo campanha pró-dízimos…

            levi não tem uma causa definida… só quer confusão… ser do contra… é a favor de dizimos, mas contra ajudar a uma missionária…

            esse levi não me engana!

          7. levi varela disse:

            JGMX

            Não sou contra as pessoas que ajudam, afinal a elas pertence o que doam.

            Sou contra e foi isso que falei, os missionários dessa ação de pedir vir dar lição de moral aos doadores, em especial no caso em destaque, afinal se dirige essa jovem aos grupos evangélicos acusando-os de superficialidade de suas mulheres, de esnobações, portanto despautérios que prejudicam não ela(missionária), sim a quem ela quer ajudar, criancisse pueril.

            Você, todas as vezes que tocar no assunto vai sair desmoralizado, pois o tema encontra-se à disposição para quem quiser vê que eu sou o que você fala ou se há mentiras vindas de quem acusa, o acusador inverídico.

          8. JGMIX disse:

            levi

            não adianta se fazer de louco ou desentendido. vc estava fazendo campanha contra a irmã sim, pondo em duvidas a isenção d trabalho missionário dela.

            Vc foi calado por mim lá naquele artigo , foi calado sempre em outros… quem é desmoralizado é vc, porque comprovadamente quem sempre foge quando confrontado é vc.

            quem acompanha meus comentários sabe que digo a verdade.

            levi foge em 3…2…1…

  68. Mano Barros disse:

    kkkkkkkkkkkkkkkkkkk esse slias malafaia é uma piada!! meu DEUS! Tah ferrado quanod for prestar contas lah em cima!!!

  69. Mano Barros disse:

    não leio um livro que foi escrito por homens até que me prove o contrário

  70. Romney Elson Lima viu como responder sem conhecer prejudica a moral de cristão, Deus prefere que conheçamos mais suas palavras de ensino do que enriquecer falsos profetas pra desviar a verdadeira missão do Cristo!

  71. desde quando pagar mercado e contas é dar dinheiro ao Diabo, tá besta, cabra!

  72. Edson Souza disse:

    Onde tá na bilbia que ainda se pede dizimos no novo testamemente.
    Sem alguém vier defender usando mateus23:23 então, devemos ser circuncidados, pq Jesus foi circuncidado ao oitavo dia.Lucas 2:21

    Manipulação nunca mais!!

  73. Edson Souza disse:

    Onde tá na bilbia que ainda se pede dizimos no novo Testamento
    Sem alguém vier defender usando mateus23:23 então, devemos ser circuncidados, pq Jesus foi circuncidado ao oitavo dia.Lucas 2:21

    Manipulação nunca mais!!

    1. vai arrebentar disse:

      vc esqueceu de dizer o edsom que o apostolo paulo circuncidou timoteo , muito depois da morte de JESUS.

      e ai qual o problema.

      vc vai condenar o apostolo paulo também?

      kkkk crentes fracos vcs sempre dando uma desculpa para continuar roubando de DEUS.

      1. JGMIX disse:

        VAI ARREBENTAR

        como sempre usando fatos isolados para provar suas teorias macedonicas…

        vc diz que paulo circuncidou a timóteo depois da lei… sim é vdd, mas vc omite pq paulo fez isso de propósito, mas a biblia é clara:

        Atos 16:1 Chegou também a Derbe e a Listra. Havia ali um discípulo chamado Timóteo, filho de uma judia crente, mas de pai grego;

        Atos 16:2 dele davam bom testemunho os irmãos em Listra e Icônio.

        Atos 16:3 Quis Paulo que ele fosse em sua companhia e, por isso, circuncidou-o por causa dos judeus daqueles lugares; pois todos sabiam que seu pai era grego.

        ou seja, timóteo foi circuncidado por causa dos judeus que ainda guardavam a lei de moisés, para evitar conflitos, mas nada a ver com obrigatoriedade a mando de Deus…

        engraçado como vcs da iurd amam versículos isolados… não é a toa a iurd ser uma “igreja” isolada… acha que é melhor que as outras… hipócritas!

        4 meses levando surra de biblia e vai arrebentar não aprende mesmo… chegou ao cumulo certa vez de dizer que Jesus nunca dar comida a ninguém, por isso a iurd também não dava cesta básica a ninguém…

        lembra dessa sua pérola vai arrebentar?

        na biblia iurdiana do vai arrebentar Jesus não fez a multiplicação de pães… nunca alimentou mais de 5 mil… por isso a iurd nunca ajuda aos necessitados…

        uma igreja hipócrita só pode gerar pastores hipócritas mesmo!

        1. vai arrebentar disse:

          então procure a onde eu disse que JESUS nunca deu comida a alguém.
          kkkkkkkkkk como vc e fraco kkkkkk.

          o que eu disse eu repito aqui para vc.

          JESUS NUNCA DEU DINHEIRO PARA NINGUÉM.
          DEUS NÃO DA DINHEIRO PARA AS PESSOAS.
          ELE DA DIREÇÃO PARA QUE ELAS POSSAM CONQUISTA-LO.

          e ate mesmo se eu tivesse dito com respeito a comida, a unica vez que me lembro que JESUS deu comida a uma pessoa foi aos discípulos, depois de sua ressurreição depois da pesca maravilhosa, e mesmo assim não foi pelo fato dos discípulos estarem precisando, mas para mostrar que ele não precisava do que era deles.

          JESUS não dava comida a niguém, ele simplesmente multiplicava o que colocavam diante dele.

          1. JGMIX disse:

            VAI ARREBENTAR

            só os discipulos comeram???

            que biblia vc tá lendo??? a mesma que diz que aborto é permitido por Deus e ou dá ou desce é doutrina cristã?

            Mateus 14:19 E, tendo mandado que a multidão se assentasse sobre a relva, tomando os cinco pães e os dois peixes, erguendo os olhos ao céu, os abençoou. Depois, tendo partido os pães, deu-os aos discípulos, e estes, às multidões.

            Mateus 14:20 Todos comeram e se fartaram; e dos pedaços que sobejaram recolheram ainda doze cestos cheios.

            Mateus 14:21 E os que comeram foram cerca de cinco mil homens, além de mulheres e crianças.

            MAIS UMA VEZ DESMASCARADO… E MAIS UMA VEZ PELA BIBLIA!

          2. vai arrebentar disse:

            depois da ressurreição foram so os dicipulos que comeram.
            leia a biblia o jjjjjjjjmiiiis.

            deixa de ficar copiando textos perturbados da internet.

          3. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            eu me refiro ao antes da ressureição, mais de 5000 comeram.

            isso é biblia, nada a ver com texto copiado!

            ou vc acha que eu leio esses textos fajutos do blog do edir macedo???

          4. vai arrebentar disse:

            nem antes da ressurreição JESUS deu comida a alguém.

            ele multiplicou o que colocaram diante dele.

            alguém teve que dar algo para ele multiplicar.

            não sei o que os discipulos fizeram, ou qual argumento eles usaram para levar o menino a dar os pães, mas uma coisa e certa ele deu, e o milagre aconteceu.

          5. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            uma pessoa ofertou, e depois mais de 5 mil se beneficiaram…

            na iurd mais de 5 mil ofertam, e só um se beneficia…

            que ” evangelho ” a iurd vive não???

        2. Edson Souza disse:

          Certissimo JGmi!!

          Ia mostrar os motivos que levaram o apostolo Paulo a cincurcidar Timoteo.

          Timoteo era meio Judeu, e para quem era Judeu ainda tinha essa de seguir os rituais da lei de Moises as escrituras quero dizer,(as epistolas) ainda não tinha cido escritas por Paulo naquele momento para dizer para que não tinha a necessidade mais de seguir as leis de moises.

          Com seu português impecavel ficou ainda melhor a explicação.hehehe

          Pra calar a boca desse manipulador do vai arrebentar.Ele não conhece biblica, é como papagaio.

          Leia as escrituras direito, vai arrebentar, sem MANIPULAÇÃO”!!!!

        3. Edson Souza disse:

          “4 meses levando surra de biblia e vai arrebentar não aprende mesmo… chegou ao cumulo certa vez de dizer que Jesus nunca dar comida a ninguém, por isso a iurd também não dava cesta básica a ninguém…”

          Não acredito que ele disse isso, JGmix?

          1. JGMIX disse:

            edson souza

            pode acreditar que ele falou essa pérola… na época o pessoal aqui caiu em cima dele… é só apertar que eles ( da iurd ) se enrolam…

            a questão foi a seguinte… na época eu indagava ele pq a iurd não ajudava ninguém no ambito social, pq se um necessitado for na iurd, não recebe cesta básica, nem agasalhos, remedios nada e o vai arrebentar disse que se a iurd começar a ajudar, a igreja vira uma central de desocupados, só vivendo do que a igreja dá e além disso Jesus nunca alimentou ninguém…

            depois dessa os outros aqui pegaram no pé dele kkkkkkkkk isso foi em janeiro ou fevereiro… vou procurar no arquivo pra reproduzir a fala dele, e te aviso…

            mas pode crer que ele falou isso, quem postava aqui na época e leu pode confirmar essa pérola do vai arrebentar…

          2. levi varela disse:

            Epa,

            Cristo não tinha a intenção de alimentar ninguém mesmo não.

            Ele não veio para resolver problema social de ninguém à primeira vista.

            Aliás, Cristo sequer veio para curar. Só o fez para mostrar que tinha poderes, algo mais.

            A passagem da bíblia quanto aos peixes é bem clara: é que Cristo se estendeu na mensagem, passou da hora a ponto do retorno das cinco mil pessoas sem se alimentar direito causar danos à saúde.

            Ou seja, um Cristo responsável, mas não celeiro de alimentos.

            Outra coisa, se veio alimentar o estômago das pessoas, então Ele foi egoísta, pois somente uma vez fez isso?

            Que bando de leitores da bíblia são esses que aqui navegam? Desse navegar abebadado daqui a pouco vão é naufragar.

            Outra coisa, não existe uma associação dessa igreja chamada alguma coisa com abc? Outra coisa, não foi essa igreja que começou e ao que parece continua com uma fazenda modelo na Bahia? Outra coisa, não essa igreja que a própria Record mostrou acerca de seis meses um trabalho de doação na África?

            Todas as igrejas não possuem por metas o preencher de estômago, sim das almas. Vieram com essa mesma história para Cristo, inclusive seus próprios discípulos, e Ele os repreendeu.

            Quanto a doar dinheiro para os seguidores de Cristo, nós vemos Ele fazendo isso somente quando toma de surpresa Judas tirando o dinheiro que era Dele e de seus discípulos, acho, tenho como certo, que em face da doação, ficaram os discípulos sem ter o que comer a ponto de adentrar e surrupiar de propriedade alheia frutos para comerem.

            Todas as igrejas, umas mais outras menos, ajudam seus pobres, o que não pode é ficar institucionalizado, sob pena da evangelização não progredir por inversão de valores.

          3. JGMIX disse:

            quem lê os comentários desse levi, não sabem quem se esconde por detrás…

            o mesmo que ficou fazendo campanha para que as pessoas não ajudassem com donativos a irmã raquel elana lá na fronteira jordânia-siria…

            esse levi varela e suas filosofias demoniacas não me enganam!

          4. levi varela disse:

            JGMIX,

            Então conteste o que escrevi acima. Tá bom, já sei sua opinião sobre mim de que sou de satanás, mas retruque então o que o SATANÁS, levi, disse acima quanto a igreja que você se faz de míope.

            1, 2, 3, fugindo ou refutando, se não refutar, é que você é mesmo da Universal, pois é quem mais faz propaganda dela aqui.

            Avaliar o quanto tempo demora para liberar o que eu envio, pois ficam lendo do para permitir ou não o registo da mensagem. Verificar a demora. Atenção, agora, 13,15h.

          5. JGMIX disse:

            levi

            não estou vendo sua pergunta aqui no sistema…

            então por favor copie e cole o que vc disse originalmente para eu saber, pq aqui não consigo ver…

            estou aguardando, não faça como das outras vezes e fuja!

          6. levi varela disse:

            JGMX, aí estão as perguntas.

            Epa,

            Cristo não tinha a intenção de alimentar ninguém mesmo não.

            Ele não veio para resolver problema social de ninguém à primeira vista.

            Aliás, Cristo sequer veio para curar. Só o fez para mostrar que tinha poderes, algo mais.

            A passagem da bíblia quanto aos peixes é bem clara: é que Cristo se estendeu na mensagem, passou da hora a ponto do retorno das cinco mil pessoas sem se alimentar direito causar danos à saúde.

            Ou seja, um Cristo responsável, mas não celeiro de alimentos.

            Outra coisa, se veio alimentar o estômago das pessoas, então Ele foi egoísta, pois somente uma vez fez isso?

            Que bando de leitores da bíblia são esses que aqui navegam? Desse navegar abebadado daqui a pouco vão é naufragar.

            Outra coisa, não existe uma associação dessa igreja chamada alguma coisa com abc? Outra coisa, não foi essa igreja que começou e ao que parece continua com uma fazenda modelo na Bahia? Outra coisa, não essa igreja que a própria Record mostrou acerca de seis meses um trabalho de doação na África?

            Todas as igrejas não possuem por metas o preencher de estômago, sim das almas. Vieram com essa mesma história para Cristo, inclusive seus próprios discípulos, e Ele os repreendeu.

            Quanto a doar dinheiro para os seguidores de Cristo, nós vemos Ele fazendo isso somente quando toma de surpresa Judas tirando o dinheiro que era Dele e de seus discípulos, acho, tenho como certo, que em face da doação, ficaram os discípulos sem ter o que comer a ponto de adentrar e surrupiar de propriedade alheia frutos para comerem.

            Todas as igrejas, umas mais outras menos, ajudam seus pobres, o que não pode é ficar institucionalizado, sob pena da evangelização não progredir por inversão de valores.

          7. JGMIX disse:

            levi e suas teorias levianas

            falando assim ninguém desconfia que esse pseudo-cristão estava num outro artigo incentivando pessoas a não colaborarem com a irmã raquel lá no deserto da jordânia…

            fazendo campanha contra uma irmã que estava por amor aos refugiados da guerra da siria, confortando materialmente e espiritualmente as vitimas da guerra síria, envenenando as pessoas para que não enviassem ajuda a ela…

            E depois posa de cristão, fazendo campanha pró-dízimos…

            levi não tem uma causa definida… só quer confusão… ser do contra… é a favor de dizimos, mas contra ajudar a uma missionária…

            esse levi não me engana!

  74. Deus não precisa não! Mas o patriarca(Terranova), Apóstolos(Valdomiro e outros), Bispos(Edir Macedo e outros), Missionário(RR Soares e outros), Pastores(Malafaia e outros) da mesma matilha, precisa para comprar jatinhos, fazendas, livrarias, etc, etc, etc…

  75. Will Ruocco disse:

    Independente se foi abolida ou não Deus tem me dado todos os dias do seu melhor e numa boa 10% não é nada comparado aquilo que Deus ja fez na minha vida, por isso afirmo se foi abolido ou não a mim não interessa o que interessa é que nada tem me faltado!

  76. Ricardo Cado :
    O dia em que você,ler a metade do que já li,o senhor será um homem diferente,do que é hoje.

  77. Claudenir disse:

    Com grande sacrifício você compra um automóvel novo e, ao ligar a chave na ignição, ele não pega.
    Qual a sua reação?
    Pacificamente você entra em jejum e oração para resolver tal problema ou, revoltado, você recorre aos seus direitos?

    Você dá um duro danado durante o mês, mas quando vai em busca do salário, o patrão não tem com que pagar.
    O que você faz?
    Vai reclamar com Deus ou na justiça trabalhista?

    É claro que você escolhe a segunda opção.
    Por quê?
    Porque você tem consciência de seus direitos e não aceita ser ludibriado, enganado ou privado deles, não é mesmo?

    Você cumpre sua parte na aliança com Deus.
    Cumpre seus deveres de servo, obedece aos mandamentos de Deus, é fiel nos dízimos e ofertas, mantém a consciência pura, etc. Mas, na hora de suprir a família com o pão nosso de cada dia, não há dinheiro.
    Parece que as janelas do Céu ainda estão fechadas para você.

    Qual a sua reação?
    Vai ficar esperando cair do céu ou cobrar de Quem prometeu abri-las?
    E é justamente neste momento que sua fé ferve e o arremete a atitudes.

    Num ímpeto de ira e indignação contra a miséria, você pega a Bíblia e parte para tudo ou nada, vida ou morte e, corajosamente, reivindica o cumprimento daquilo que está prometido diante do Senhor.

    Mas uma coisa sua fé não aceita: continuar na mesmice de vida. Afinal de contas, estômago não tem paciência.

    Essa reação é a mais pura expressão da fé.

    Creio que Deus tem permitido Seu povo sofrer injustiças justamente para exercitar a fé nos seus direitos e não deixá-la engessada por hábitos religiosos.

    Se a posse do Reino dos Céus se faz por intermédio de uma fé sacrificial e agressiva, imagino que todas as demais também.

    “E, desde os dias de João Batista até agora, se faz violência ao Reino dos Céus, e pela força se apoderam dele.” Mateus 11.12 BRC

    1. Edson Souza disse:

      Quer dizer que só somos filhos de Deus se dermos os dizimos?

      Pensei que receberiamos o favor de Deus atraves somente do seu filho, Jesus Cristo.

      Suas palavras são bonitas meu caro, mas cheio de engano.

  78. Mary disse:

    LEIAM COM ATENÇÃO ESSE ARTIGO QUE FALA SOBRE TÉCNICAS DE LAVAGEM CEREBRAL E VEJA SE VC NÃO TEM SIDO SUBMETIDO A ELAS OSTENSIVAMENTE.

    Repetição e reprogramação

    Você conhece o ditado que diz que “uma mentira contada mil vezes se transforma em uma verdade”? Pois o cérebro humano funciona mais ou menos dessa maneira e, quando não estamos preparados, acabamos acreditando em mensagens que são repetidas inúmeras vezes, mesmo que elas não sejam as mais sinceras.

    Dessa maneira, palestrantes dos mais diversos tipos conseguem fazer com que seu público seja convencido de diversas “verdades”. Essa técnica, aliada às práticas de reprogramação, pode causar muitas mudanças de comportamento e mentalidade nas pessoas que foram atingidas pela “lavagem cerebral”.

    Geralmente, os oradores começam seus discursos baixando a confiança dos ouvintes, fazendo com que eles se sintam muito mal. Depois, começam a mostrar que o melhor jeito de superar os problemas relacionados aos seus erros – que acabaram de ser apontados – é seguir os passos do palestrante.
    Em uma plateia com 200 pessoas, pelo menos metade se deixa levar pelas frases impactantes proferidas. Com grande frequência, as pessoas que fazem este tipo de reprogramação utilizam discursos vagos, que podem ser encaixados na vida de qualquer um. Assim, todos se sentem imersos no assunto e enxergam a salvação no orador.

    Isso vale para diversas situações, sendo que as mais comuns são as ofertas de produtos. “Bons” vendedores conseguem convencer seus clientes de que eles possuem itens obsoletos e dispensáveis, sendo que somente o que eles oferecerem pode suprir todas as necessidades naquele momento.

  79. Edson Souza disse:

    vai arrebentar disse:

    17 de abril de 2013 ás 12:50 pm

    vc entrega nas mãos de DEUS !!!

    “mas DEUS não pega nada de sua mão, elas são sujas estão cheias de sangue.
    estão cobertas de iniquidades.”

    Minhas mão sujas de sangue?
    Cobertas de iniquidades?

    Affff, Agora vc é o próprio Deus pra saber o que vai ou não julgar esse mal julgamento seu, sobre o que eu fiz para Ele mais 20 anos atras.

    Vai arrebentar, vc tá doente cara, procure tratamento.Onde que eu tirei a vida de alguém seu pertubado, para eu está com as mãos sujas de sangue?
    Vc não sabe nem o que significa iniquidade.

    1. JGMIX disse:

      edson

      quando eu li isso, eu fiquei estarrecido… ” mãos sujas cheias de sangue ” ou seja, insinuou que vc é ou foi assassino…

      isso é tipico do vai arrebentar… quando eu comecei a postar aqui, ele também insinuou mentiras, vivia dizendo que eu era devedor na praça, e fui expulso pelo pastor da iurd…

      Ele cria mentiras sobre cada um… como não consegue usar a biblia para provar o que diz, então procura descaracterizar as pessoas que denunciam a iurd.

      No desespero dele contra mim, após me ameaçar até de processos na justiça e ver que não adiantava, chamou as pressas o AMB, que também nada conseguiu e fugiu deste site.

      Quem fala a Verdade da biblia está com Jesus, e mesmo que venhamos a levar uma vida com dificuldades, melhor é estar com Deus, na Verdade, do que como eles, que se dizem financeiramente prosperos, mas vai saber…

      vai arrebentar… chama lá o AMB… diga que estou desafiando ele para vir aqui… cansei de falar com vc e o edy… eu quero o chefe!

      manda AMB vir aqui, quero botar ele pra correr usando a biblia de novo!

      pois essa é a natureza dos iurdianos… quando encurralados com a bíblia, mentem e depois fogem em 3…2…1…

      pena que o clamando fez amizade com eles e ficou com a mesma mania…

      clamando também foge em 3…2…1…

    2. vai arrebentar disse:

      vou dizer para vc o que significa iniquidades.

      equidade e justiça perfeita , DEUS GOVERNA COM EQUIDADE SUA JUSTIÇA E PERFEITA.

      iniquidade é justamente o contrario , iniquidades e o acumulo de injustiça.

      E SE VC SE DIZ SALVO POR JESUS . TODA VEZ QUE VC DEIXA DE DEVOLVER O DIZIMO VC ESTA automaticamente cometendo uma injustiça, pois JESUS salvou vc, e vc esta sendo injusto com o seus semelhante que não conhece a palavra de DEUS.

      e o dizimo e justamente o que sustenta, a obra de DEUS, e faz o evangelho chegar nos lugares mais longes da terra.

      o dizimo que vc não devolve e fica na sua mão, e diante de DEUS o sangue dos inocentes que estão clamando sem salvação.

      quem não e dizimista esta com as mãos cheias de sangue. por isso suas iniquidades fazem separação entre vc e DEUS, para que ele não te responda.

      SE CONVERTA SUAS MÃOS ESTÃO CHEIAS DE SANGUE.

      1. JGMIX disse:

        VAI ARREBENTAR

        seu texto associando o não dizimar com estar com as mãos sujas de sangue foi estranho…

        ainda mais pela falta de citações biblicas para verificação… poderias nos colocar as passagens que confirmam isso?

        sei que quando pedimos para vcs da iurd abrirem a biblia vcs se enrolam, mas é necessário, senão é apenas a sua palavra e todo mundo aqui sabe que a sua palavra não vale nada.

        prova o que vc diz na biblia, por favor!

        1. Edson Souza disse:

          Dizimos para salvação de almas?

          Isso é uma piada né, vai arrebentar?
          Onde que se precisa de dinheiro pra se pregar o evangelho?

          A gente ver o belo testemunho dos seus lideres a vida de luxo e ostentação que eles vivem.

          Não vem com essa não fio.

          Salvação de almas.
          Que mentira, nem o jornazinho de sua igreja é pago com dizimo.

          Toma vergonha vai arrebentar, insentivando a tirar o coro das ovelhas.

          Vc deve ta rico né?

          Diz ai?
          Tem casa com piscina,mansão com 10 quartos,viagens ao redo do mundo, tem seu jatinho particular, vai em hoteis 5 estrelas, gastando 10 mil reais só em um jantar?

          1. vai arrebentar disse:

            então quer dizer que não precisa de dinheiro para pregar o evangelho .
            kkkkkkkkk so crentes possessos mesmo para dizer uma barbarie dessas.

            então tem alguma coisa errada.

            E algumas mulheres que haviam sido curadas de espíritos malignos e de enfermidades: Maria, chamada Madalena, da qual saíram sete demônios;
            E Joana, mulher de Cuza, procurador de Herodes, e Suzana, e muitas outras que o serviam com seus bens.
            Lucas 8:2-3

            pois o próprio JESUS para viver aqui e pregar o evangelho se utilizou do dinheiro. mas e ai porque judas tomava conta da sacola?
            se não era nescessario dinheiro para custear a obra?

            para que então DEUS despertou os reis magos para levar até JESUS ouro?

            QUE ISSO VCS PARA ROUBAREM DE DEUS TRANSGRIDE ATE A BIBLIA. TUDO ISSO PELO AMOR QUE VC TEM AO DINHEIRO.

            se vc tivesse dinheiro ainda poderiamos compreender.
            mas nem isso vc tem.

          2. JGMIX disse:

            vai arrebentar

            vc que é da iurd dizer que nós cristãos temos amor ao dinheiro é uma senhora acusação!

            justo a iurd que planta envelopes para pegar as pessoas como o guaracy mesmo disse naquele video que vc se recusou a comentar…

            falar o que né? saiba que aquele audio já está sendo distribuido! em breve numa saida de iurd mais próxima de vc!

            quem sabe vc mesmo não seja convidado para ouvir o audio proibido?

            ” vamos pegar as pessoas”

            ” vamos fazer um apelo emocional ”

            ” não pode ter personagem nessa para não chocar com a fogueira santa ”

            ” vamos trazer as pessoas na frente pra chorar ”

            ouça o audio:

            http://youtu.be/qAPju1-POlY

          3. levi varela disse:

            Edson,

            Veja abaixo o vídeo que o JGMX juntou dando contas de um bispo da Universal orientando como conseguir um centavo que seja de mãos vaca, aliás igual ao que Cristo fez com os discípulos quando da visita ao templo.

            Sim, Ele mostrou os que não abrem a mão de jeito algum, os que precisam chorar, os que ajudam somente na hora da morta dando um centavo para a compra do caixão.

            Gente que não dá esmolas, que não ajuda parentes, conhecidos, igreja, que somente fala em dinheiro como se quem doa, doa tirando dinheiro deles(dos murrinhas).

            O bispo está certo, tem gente que tem que transformar choro em prantos para se convencer em enfiara mão no bolso para ajudar. Há um ditado que diz que rico não ajuda, pobre é quem o faz, se bem que não são todos os que possem.

            As igrejas vivem do dinheiro dos pobres, até por que o Brasil é feito de noventa e cinco por cento de pobre.

            A igreja que você critica tem obra de caridade, sim. Uma tal de abc alguma coisa, bem assim emprega o dinheiro em templos(nada de doação como a igreja católica que recebe terrenos do Estado), aliás se ele vendesse o patrimônio do bens móveis no mundo, daria para comprar duzentas vezes essa emissora Record.

            Esta emissora foi vendida por Sílvio Santos e Gugu para se vê livre, senão faliria e aí teria que desembolsar dinheiro, como seja, o valor irrisório.

      2. leonardo disse:

        Vai arrebentar , não tente mais enganar a si mesmo, você é um obreiro ou um Pastor de algum templo da Universal, tentando persuadi pessoas para este lugar, que por sinal não tem bom histórico nem boas condutas, mais que porem tem o poder da tv , porque já conquistou espaço na mídia e porque o povo não quer buscar conhecimento pleno da palavra, seja como eu realista vou a uma igreja, lá prega dizimo mais eu sei que isto não é para o cristão, agora se você for mesmo um Pastor que esta em busca de sua comissão você tem o direito e liberdade de pregar este evangelho que pelo meu visto é um evangelho falso, pois a sua vida você prestara conta e eu a minha, A PAZ DE CRISTO.

  80. Carlos DJesus disse:

    Verdade Pedro Vieira! Acontece

  81. Carlos DJesus disse:

    Pedro Vieira o que acontece é que esse povo ñ ler a biblia, só acredita no que esses pastores falam, pois eles os adoram e idolatram. E cometem um grande erro ñ conhecendo as escrituras e nem o poder de Deus.

  82. kkkkkkkkkkkkkkkkkkkk é cada uma!

  83. Carlos DJesus disse:

    Marcos Torres ñ estamos comentando sobre ofertas e sim da obrigatoriedade do Dizimo. E a própria oferta tem que sem barganha como a maioria prega; traga sua oferta de sacrifício que Deus vai te abençoar 100 vezes mais. Mentiroso e safado quem prega dessa forma sobre ofertas

  84. Mary disse:

    Vai arrrebentar,

    Para que serviu o JEJUM de DANIEL que vc fez?
    Para voltar aqui transbordando de ódio e veneno sobre nós?
    É com esse seu testemunho que vc quer que mudemos de idéia a respeito do que vc acredita e segue? E quanto aos demais que lêem essas pérolas que vc vomita aqui, nada te importa?
    Então, se vc não está preocupado com a performance de sua denominação, porque insiste em nos combater? Mas, para que haja um bom combate é preciso argumentos e não falácias – É PRECISO A BÍBLIA NA MÃO!
    Não seguimos ideologias e nem aparências de riquezas, pq se assim fosse nós seríamos discípulos do Aique Batista, ou do Bill Gates.
    Nós procuramos seguir o DEUS do AMOR, manifestado a nós em SEU FILHO, JESUS!
    E as ESCRITURAS (bíblia), é que DELE testificam!
    Que DEUS te ilumine.

    1. Edson Souza disse:

      Bem lebrado irmã Mary,

      Veio pior do que antes depois do Jejum.
      Até me chamou de assassino(com as mãos Sujas de sangue)

      kkkk cada uma que a gente tem que ler.

    2. vai arrebentar disse:

      VC ama a DEUS? roubando dele? incitando os outros a continuarem a roubar dele.

      KKKKK SEU AMOR E FAJUTO. vc pode ter certeza que esse tipo de amor DEUS dispença.
      isso e so de boca.

      o proprio apostolo joão disse: se alguém possui recursos desse mundo( dinheiro) e ver seu irmão padecer necessidade, e fechar lhe o coração, como pode o amor de DEUS permanecer nele? FILHINHOS NÃO AMEMOS DE PALAVRA NEM DE LÍNGUA MAS DE FATO E DE VERDADE.

      e o que mais tem nesse mundo são pessoas necessitadas de ouvir a palavra de DEUS.
      e vcs crentes fajutos, dizem que amam a DEUS, e roubam dele.

      SUAS MÃOS ESTÃO CHEIAS DE SANGUE INOCENTE. POR ISSO DEUS NÃO TE OUVE.

      foi o que ele disse a jeremias: NÃO INTERCEDA POR ESSE POVO, POIS EU NÃO TE OUVIREI.

      não adianta orar por infieis pois DEUS não ouve.

      LUGAR DE LADRÃO E NO INFERNO, DEUS EXPULSOU O LADRÃO QUE HAVIA NO CEU,
      E NÃO VAI LEVAR OUTROS PARA LÁ.
      se vc rouba de DEUS então se prepare para passar a eternidade junto com aquele que é pai dos ladrões que veio para matar roubar e destruir.

      o inferno esta cheio de crentes ladrões como vcs.

      1. JGMIX disse:

        vai arrebentar

        vc confunde e distorce os textos biblicos… vc mesmo escreveu que o apostolo falava de dinheiro aos pobres e quer insinuar que é em favor de dízimos?

        a iurd socorre aos pobres? se um necessitado for na iurd recebe cesta básica? agasalho? medicamentos?

        responde aí…

        em compensação, o gugu ganha 3 milhões da record, a tv comprada pelos membros enganados!

        que evangelho vcs vivem hein?

        1. Edson Souza disse:

          Ggu ganha 3 milhões por mês?

          Nossa, o dono da record, Macedo paga tudo isso só para um apresentador?

          Meu, quanto dinheiro disperdiçado?
          Tenha misericordia de nós pobres, meu Deus!

          1. JGMIX disse:

            edir macedo não paga 3 milhões pro gugu…

            quem paga são os membros!

  85. Edson Souza disse:

    Olha pra onde vai os dizimos e ofertas.
    Vai pra sustentar salários milionarios até pra mulher de pastor.

    Por isso esses lideres exigir dizimos e ofertas do fieis a todo custo.
    E olhe que esse valor de R$40 mil reais é só para 1 MULHER,fora outros gastos que foi relatado.
    E eles ainda querem pregar que é para manutenção da casa de Deus.

    “Deixa eu ver… digamos que tenha que dar o dízimo.
    40mil – 4mil = 36.000 ao mês
    36.000 * 12 = 432.000 ao ano
    Vamos dizer que nessa função ela já esteja a 10 anos
    432.000 * 10 = 4 milhões 320mil reais.

    Daria para comprar 21 casas de praia aqui no rio de janeiro.”(Cristiane Santos)

    E o pobre membro aonde fica nesta história?

    PS.Esse caso é da igreja Assembleia de Deus.Vou logo avisando antés que venha algum pertubado da Universal, venha querer discutir comigo, achando que to falando da Universal.

  86. Assim como a Bíblia é um livro de fé, o dízimo é um ato de fé. Nós podemos perfeitamente crer na mensagem do evangelho de Jesus Cristo para nossa salvação e não dizimar. Nem o dízimo, nem a oferta vai influênciar na salvação de quem quer que seja.

  87. Teologia Católica Bíblica disse:

    Dízimo não é uma questão primária. A questão primária a qual Jesus se referiu é: ” A justiça, a misericórdia e a fé ” e não o dízimo, que é secundário. Façam o que Cristo ensinou: Vendam tudo e deem aos pobres e, dessa forma, serão perfeitos ( Mt 19:21 ).

  88. A Bíblia é um livro de fé e o dízimo é um ato de fé. O homem é salvo mediante a fé em Jesus Cristo. A salvação não depende do dízimo ou oferta.

  89. Edson Souza disse:

    E é esse o evangelho que eles dizem pregam.
    Só pensam em dinheiro, só no bolso do povo.

    Meu Deus, que evangelho é esse?

  90. Edson Souza disse:

    Ouvi o seu video aqui Jgmix.
    O que fico admirado é as contradições que eu percebo desses suportos lideres.
    Bispo Macedo prega que não deve misturar a fé da emoção,
    agora no video com o bispo Guaracy diz aos seus subordinados pastores que tem que usar de apelo emocional pra pedir dinheiro.
    Onde vamos parar em?

    E agora vai arrebentar, tem alguma desculpas esfarrapada pra isso?
    Para as declarações gravada e não venha dizer que é montagem pq não tem não fio.

    Pelo jeito que vc se esquiva de video postado pelo Jgmix é um sinal claro que não tem como se defender a esse absurdo que um bispo ensina aos seus pastores como arrancar dinheiro dos fieis.

    Vergonho isso em Vai arrebentar, vc tb faz isso?
    Usa do emocional para arrancar o coro das ovelhas?

    1. JGMIX disse:

      edson

      esse audio é um dos mais comprometedores que a gente já viu, ou melhor, ouviu…

      não foi a toa que a iurd através de seus advogados conseguiu infelizmente retirá-lo do youtube, mas um abençoado por Deus tinha uma cópia e recolocou o audio de novo!

      veja que o “bispo” guaracy, fala de pegar as pessoas com o envelope do dízimo… ora… pegar uma pessoa não significa enganá-la? se fosse de Deus ele diria assim: ” vamos abençoar as pessoas com o envelope dos dízimos”… mas não! querem é pegar as pessoas mesmo!

      por isso edson, eu falo, pq eu já recebi informações de ex pastor da iurd. A maioria dos pastores da iurd sabem que dízimos não são para os cristãos, apenas os pastores que começam agora na iurd, os novos, é que dizimam…

      Com o tempo são informados pelos colegas pastores que dízimos foram abolidos, portanto não é obrigatório mas são avisados para nunca revelar ao povo enganado, pois a meta mensal depende claro desse mito que é o dízimo!

      por isso, pessoas como eu que podem provar biblicamente que dizimos foram abolidos e não são mais necessários são tão perigosos… já pensou os membros da iurd sabendo que não serão vitimas do devorador e que as benção prometidas do dizimo valiam apenas para os israelitas no tempo da lei de moises?

      quebra a iurd!!! por isso eles desesperadamente tentam nos taxar de endemoniados, de expulsos, de homossexuais, de tudo…

      mas a verdade sobre dizimos e a verdade sobre os bastidores da iurd serão revelados! Deus cansou dessa pouca vergonha usando Seu Santo Nome!

  91. leonardo disse:

    Primeiramente, gostaria de dizer que amo todos vocês, e os iurdianos, mais eu gostaria de colocar aqui minha suposta opinião aos iurdianos que se você quer deixar os seus lideres mais bilionários, isto é um problema totalmente seu, o dinheiro é seu, mais entende o que a bíblia cita que o amor cobre todas as transgressões, o que vale mais para um cristão filho de DEUS é dar a mão ao necessitados, ao próximo procurar se dar bem com o seu próximo independente, dai nós seremos verdadeiros cristãos, fazendo por amor sem esperar algo, pois isto agradará ao senhor.

    1. JGMIX disse:

      excelente comentário!

    2. vai arrebentar disse:

      até a onde sei o que cobre transgressão e pecado, é o sangue de JESUS.

      porém o entendimento errado das escrituras fazem vcs serem enganados.

      agora não precisão mais do sacrifício e do sangue de JESUS.
      AGORA E SÓ AMAR que os pecados e transgressões todinhas são cobertos.
      ja aboliram o sacrificio e o sangue derramado.

      então por que JESUS derramou seu sangue?
      era so ele dizer amem a todos e seus pecados são cobertos.

      1. JGMIX disse:

        ” porém o entendimento errado das escrituras fazem vcs serem enganados ”

        uma citação dessa vindo de um iurdiano, que todo mundo sabe que não são ensinados a lerem e estudarem a biblia, soa até como uma piada!

        kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

      2. Mary disse:

        Como é que “o amor cobre multidão de pecados”?

        No meio de várias instruções práticas, Pedro disse: “Acima de tudo, porém, tende amor intenso uns para com os outros, porque o amor cobre multidão de pecados” (1 Pedro 4:8).

        Como é que o amor cobre os pecados? Outros textos esclarecem o sentido.

        Na ausência do amor, pessoas de mentes carnais podem alimentar pensamentos errados e criar conflitos desnecessários. O amor, porém, não age de uma maneira que provoca os outros a pecarem. “O ódio excita contendas, mas o amor cobre todas as transgressões” (Provérbios 10:12). Paulo condenou como obras da carne os pecados de “discórdias, dissensões e facções” (Gálatas 5:20).

        O sentido em que o amor cobre os pecados vai além da prevenção do pecado. A palavra “cobrir”, em outros versículos, claramente envolve o perdão. Davi disse: “Bem-aventurado aquele cuja iniqüidade é perdoada, cujo pecado é coberto. Bem-aventurado o homem a quem o Senhor não atribui iniqüidade, e em cujo espírito não há dolo” (Salmo 32:1-2).

        Quando alguém nos ofende e, depois, se mostra arrependido, devemos perdoar (veja o ensinamento de Jesus sobre o perdão em Mateus 18:21-35).

        Mesmo quando nós não somos pessoalmente prejudicados pelo pecado do outro, ainda devemos amar de uma maneira que ajuda aquela pessoa alcançar o perdão dos seus pecados. Tiago explicou bem o nosso papel em ajudar o irmão que cai no pecado: “Meus irmãos, se algum entre vós se desviar da verdade, e alguém o converter, sabei que aquele que converte o pecador do seu caminho errado salvará da morte a alma dele e cobrirá multidão de pecados” (Tiago 5:19-20).

        Jesus amou os pecadores tanto que ele ofereceu a solução para o pecado. Ele morreu na cruz e convidou todos a receberem o benefício daquele sacrifício por meio da fé obediente (Marcos 16:16; cf. Atos 2:38). Nós não podemos e não precisamos morrer como sacrifícios pelos pecados dos outros, mas ainda temos um papel na salvação dos pecadores – a pregação do evangelho que leva à salvação (Romanos 1:15-16; 2 Timóteo 2:2).

        Tiago falou de converter o irmão que volta ao pecado. Pedro falou para Simão que ele precisava se arrepender e rogar ao Senhor, pedindo perdão (Atos 8:20-23). Paulo disse que devemos corrigir o irmão que tropeça, agindo com humildade para salvá-lo (Gálatas 6:1). Judas falou da compaixão que age com urgência, para arrebatar do fogo os contaminados (Judas 22-23).

        O amor ajuda o pecador a receber o perdão de Deus, e assim cobre multidão de pecados.

  92. leonardo disse:

    Nossa 3 milhões para o gugu , Jesus Cristo é para isto que vai o dinheiro dos sacrifícios do iurdianos? fiquei bobo agora não sabia que um apresentador ganhava tanto, e aquele premio de 2 milhões da fazenda, fora os prêmios carros, será que os fiéis não enxergam isto.

  93. LEONARDO disse:

    Olha o coral do Edir macedo e cia.

    EMBARQUE NESSE CARROSSEL ONDE SÓ QUE PAGA O DIZIMO PODE IR PRO CÉU, KKKKKKK

    essa é pra vc vai arrebentar, kkkkkk

  94. JGMIX disse:

    ATENÇÂO

    IURDIANOS DESAPARECIDOS

    amb, edy e vai arrebentar estão desaparecidos , foram vistos pela última vez levando uma surra de biblia neste site, quem os encontrar favor conduzi-los a uma igreja séria.

    oferece-se recompensa: Jesus abençoará .

    1. Edson Souza disse:

      Se viu Jgmix, como o vai arrebentar foge do assunto.

      Perguntei se ele ficou rico durante esse tempo todo na Universal e ai ele desconversa, joga praga e saiu de fininho, quetinho sem dizer nada.

      Perguntei tb sobre a polemica do Bispo Guaraci sobre usar a emoção pra arrancar dinheiro dos fieis,contraria ao ensinamento do Bispo Macedo de não misturar a emoção com a fé.
      Eai , o vai arrebentar, respondeu alguma coisa?
      Só sabe nos amaldiçoar e dizer que somos diabo, assassinos, cheio de iniquidade, e gora? hehehe

      Ele vai ver o que é bom, ficar julgando os outros de assassino e dizendo que sou cheio de iniquidade.
      Quem conhece meu coração é só meu Senhor, Jesus.
      Que me purifica de todo o pecado. :)

      1. jgmix disse:

        edson. Fiquei 10 meses na iurd e conheço os iurdianos e suas frases de efeito… Mas sei que se enrolam qdo abrimos a biblia. A teologia da iurd é firme como um castelo de cartas de baralho!

  95. Edson Souza disse:

    clamando disse:

    17 de abril de 2013 ás 8:24 pm

    oi edson souza, tenho certeza que quando voce for pastor e vcoce tiver de dar conta das almas que DEUS colocar sob tua responsabilidade, sei que voce fará o certo.

    Vai ser dificil alguma denominação me aceitar como pastor, pq a primeira coisa que iria dizer, que o dizimo não é mais aceito na era cristã e sim ofertas voluntárias.

  96. ahahahahahah
    A Clarita Souza só acha que ela, falando a "verdade" não é ódio, mas se um crente falar a verdade, daí é ódio, é pregação do ódio. ahahahahahahaha
    Chega a ser cômico a incoerência desse pessoal.

  97. Vocês sabem no que eu usava o dinheiro? Não sabem? Então calem a boca… na boa… ahahahahah
    Pois usar dinheiro com drogas, por exemplo, é dar o dinheiro pro diabo.

  98. o dízimo é bíblico, e o que está na palavra de Deus, só obedece quem crê em Deus, portanto, é desnecessária qualquer discussão sobre a palavra de Deus, quem crê obedece e quem não crê vive segundo seus próprios principios. só não podemos esquecer que todos sem excessão, se dobrarão diante do Senhor e confessarão que o Senhor é Deus, assim como prestaremos contas de todos os nossos atos, sejam bons ou ruins. cada um colherá o que plantou.

  99. Pedro não julgue as igrejas, viva segundo sua fé, pois no dia do grande juizo vc prestara contas só de si mesmo, portanto, não julgueis para não ser julgado, pois com a medida que vc medir, vc será medido.

  100. Clarita Souza se vc não quiser dar o dizimo, é um direito seu, mas cuidado como fala dos ungidos de Deus, pois a Biblia diz que é melhor amarrar uma corda no pescoço e se jogar na agua, do que tocar nos pequeninos do Senhor. de Deus não se zomba, o que o homem plantar ele vai colher.

  101. Falar a verdade não é julgar; JESUS foi o último sumo sacerdote e não COBROU dízimo de ninguém, nem tão pouco dízimo era entregue em dinheiro, e sim alimento.

  102. levi varela disse:

    Será o Benedito?

    O Estado Judeu era teocrático. Nessa condição, o dízimo pago lá no início da bíblia ficou institucionalizado, daí pagar folha de servidores e as ações sociais, inclusive os lideres religiosos.

    Com o Império Romano, além dos 10%, o judeu ficou com a carga de 20% de tudo, ou seja, total de 30%, daí Cristo afirmar: a César o que é…..

    Esse povo não lê, aí é só ignorância.

    1. Edson Souza disse:

      Nem os judeus dão mais dizimos por causa da destruição do templo no ano 7dc.
      Eles somente ajudam com ofertas para o sustento das sinagogas.
      Vai pesquisa Levi Varela.

      1. levi varela disse:

        Edson,

        Os judeus tiveram seu estado desmobilizado pelo Império Romano cerca de trinta anos depois de Cristo, tendo a maioria se lançado no mundo e daí passaram a viver a carga tributária dos países de destino. Assim, ficou desnecessário pagar tributos á igreja, muito menos agora em face do estado moderno que se instalou, como seja, igual aos demais.

        Diferente do judaísmo, o cristianismo, por ordem do seu criador, é ativista e em busca sempre de novos adeptos, o que motiva apelar por mais dinheiro para esse intento, tendo, bem provável, estabelecido os dez por cento, mais em face de referência para os murrinhas que insistem em dar moeda, mas há os que doam mais e bem mais que o dízimo.

  103. OLA, TODOS OS PASTORES FORMADOS DE TEOLOGIA QUE SE TORNAM LIDERES ADMINISTRATIVOS DE MENTES HUMANAS E FINANCEIRA DIZ QUE OS SEUS SUBORDINADOS NÃO SÓ DEVE COMO É O BRIGADO A PAGAR O DIZIMO CASO ALGUÉM RECUSE DIS QUE ESTÁ ROUBANDO A DEUS MAIS NINGUÉM NUNCA VIU DEUS MAIS O PASTOR VOCÊ VER TODOS OS DIAS PEÇA A ELE UMA SEXTA BÁSICA PARA VER SE ELE TI SOCORRE NO MOMENTO DA SUA DOR, SE OS SEUS COLEGA DE TEMPLO NÃO TI AJUDAR POR ESTES CARAS QUE SE DIZ PASTORES QUE RECEBEU UM TITULO PELA MÃO DO HOMEM POR ESTES VOCÊ ESTÁ LASCADO.

  104. FOI CRIADO UMA IDEIA DIABÓLICA CHAMADO RELIGIÃO ONDE DIZ QUE TODOS O SEUS FREQUENTANTES TERÁ A SALVAÇÃO ENTRETANTO ÁS DENOMINAÇÕES TORNARAM TIPO UMA REDE DE SUPERMERCADO CADA UMA DE FENDE O SEU NOME E CNPJ, NO SUPERMERCADO VOCÊ É PAGO PARA PRESTAR UM SERVIÇO RECEBE POR SUAS HORAS TRABALHADA , JÁ NA RELIGIÃO É MUITO DIFERENTE VOCÊ PAGA PARA MANTER O SISTEMA E UM EMPREGADO ONDE OS PAGANTES NÃO TEM DIREITO DE SE DEFENDER, SUA OPINIÃO NÃO TEM VALIA QUANDO VOCÊ NÃO ESTÁ SERVINDO MAIS A ELES ENTÃO É RETIRADO DO GRUPO COMO POLEMICO ,LOUCO ,OU LADRAM QUANDO ENCONTRAM A PESSOA NA SOCIEDADE FICAM DE MAU DO MESMO POR NÃO FREQUENTAR A SUA MARCA CHAMADO DE IGREJA X OU Y.

  105. TODOS OS DIAS MILHÕES DE PESSOAS TERÃO SUA MENTE PSICOLOGICAMENTE ESTREPADAS POR ESTES CARAS DA TEOLOGIA ESTUDAM NA FACULDADE COMO A APROVEITAR-SE DAS TRAGEDIA ALHEIAS QUE ACONTECE NOS POVOS DA SOCIEDADE DE HOJE QUE ESTES ESPERTOS RECEBERAM DE DEUS O DOM DA PALAVRA E QUE SÓ ELES FORAM COM SAGRADO POR DEUS PARA FALAR DA BÍBLIA AOS QUE NÃO TEM CONHECIMENTOS, TUDO MENTIRA DEUS DISSE O MESMO ASSIM— ONDE DOIS OU 3 ESTIVEREM REUNIDOS FALANDO EM MEU NOME EU ESTAREI COM VOLSCO—- IDEM E PREGAI O EVANGELHO A TODA CRIATURA . TODAS ÁS RELIGIÕES SÃO CONCORRENTE UMA DA OUTRA VIVEM DE QUASE DE MAU UMA DAS OUTRAS E QUEREM IR PARA O CÉU

  106. QUASE TODOS CRENTES SÃO MEIO SISMADOS UNS COM OS OUTROS E COMO QUEREM TER A SALVAÇÃO, TODOS OS QUE FREQUENTAM ESTE SISTEMA SÃO ESTREPADO PSICOLOGICAMENTE E PROIBIDO DE PENSAR QUANDO UM DOS MEMBROS VÃO QUESTIONAR ALGO DENTRO DA BÍBLIA ELES DIZ QUE OUTRO ESTÁ COM O DIABO SE O DIABO TEM ALGUM PODER É POR QUE ESTES CRENTES FICAM DIZENDO QUE TUDO QUE ACONTECE É CULPA DO CAPETA EXE: ALGUM DIA O DIABO JÁ FOI COMPRAR UM MAÇO DE CIGARRO E ACENDEU PARA UMA PESSOA,ALGUM DIA O DIABO COMPROU UMA ENGRADADO DE CERVEJA PARA VOCÊ BEBER, ALGUM DIA O DIABO PEGOU VOCÊ LEVOU PARA UM BORDEL. NÃO ESTOU DIZENDO QUE O CAPETA É COISA QUE PRESTE MAIS OS SERES HUMANOS COMETEM OS SEUS ERROS NÃO TEM A QUEM ACUSAR ENTÃO É CULPA DO DIABO, MUITAS VEZES NA IGREJA ATÉ OS CULTOS NÃO TEM GRAÇA POR QUE OS CARAS SÓ PREGAM FALANDO O TEMPO TODO NO DIABO JÁ ENQUANTO JESUS CRISTO POUCO SE FALAM.

  107. O QUE MAIS EXISTEM DENTRO DA RELIGIÃO É HIPOCRISIA ,MUITA MENTIRAS ,FOFOCAS, FALSIDADES E AMOR AO MATERIALISMO AMAR O DINHEIRO SOBRE TODAS ÁS COISA CONHEÇO MUTOS QUE NÃO PERDEM UM CULTO VIVEM NA IGREJA SÓ FALTA MORAR LA, A BÍBLIA JÁ ESTA COM O FEDOR DE SUL VACO POR QUE OS CARAS NÃO TIRA DEBAIXO DO BRAÇO, SABE FALAR BONITO DE DEUS PARA OUTRAS PESSOAS É UM SANTO NA IGREJA,FALA EM OUTRAS LINGUÁS ESTRANHAS MAIS NA SUA CASA É O CARA DE PAL IGNORANTE TRATA OS OUTROS MAU NÃO MUDA O CORAÇÃO É PIOR DO QUE UMA MERETRIZ.

  108. HOJE EM DIA SE VOCÊ NÃO TEM GOSTO PARA TRABALHAR E QUER VIDA MANCÃ É SÓ ABRIR UMA IGREJA E COMEÇAR ALIENAR A MENTES DAS PESSOAS TRAZER PARA SUA IGREJA EM NOME DE DEUS E COMEÇAR COBRAR DIZIMO, NA TEOLOGIA DA PROSPERIDADE SÓ FUNDADOR DA IGREJA É QUE FICA RICO OS SINDICALISTAS PAGANTES É QUEM FICA MAIS POBRES, TEM IGREJAS QUE A RECADA 4 MIL REAIS DE DIZIMO MESMO COM OS TEMPOS DIFÍCIL E QUANDO PRECISA ALGO DENTRO DO TEMPLO AINDA FAZEM CAMPANHAS PARA A RECADAR DINHEIRO,JÁ ENQUANTO MONTANTE DO DIZIMO O PASTOR JÁ LEVOU PARA UMA SEDE NA CAPITAL DO ESTADO ONDE O MESMO MORA , TODOS ESTES CARAS SÃO FOLGADOS E TEM VIDA BOA SEM NEM CUSTO FINANCEIRO TUDO PAGO POR CONTAS DOS FUNCIONÁRIOS QUE ESTÃO PAGANDO PARA LER A BÍBLIA E FALAR DE DEUS PARA ELES.

  109. Welingthon disse:

    Esse Silas MAlafaia é um Avarento !

    Apostolo Paulo pregou o evangelho guiado pelo espirito santo, e só pregava ofertas voluntarias… Por isso sinto orgulho em fazer parte da Congregação Cristã no Brasil !

    1. alexandre disse:

      orgulho? Irmão orgulho denominacional é pecado! Tem gente que prega igreja e não fala de Cristo.

  110. Pedro Vieira disse:

    Oi caro irmão Ivalcio, não é preciso ninguem julgar as igrejas, pois as práticas delas já estão aí pra todos verem, que Deus possa a cada dia aumentar a nossa fé, não é minha intenção julgar ninguem pois já tem um que nos julgará ( JESUS ) apenas busco na palavra de Deus pautar as minhas ações e nem sempre o sistema religioso gosta de ver seus fiéis distribuindo os dons que Deus nos dá com os pobres, por isso que abordei a passagem de deuteronomio cap. 14 que é muito importante para quem quer obedecer o mandamento do dízimo.
    Que a paz esteja entre nós irmão!

  111. Pedro Vieira disse:

    concordo Edson, enquanto muitos acreditam em td nos pulpitos infelizmente se criam grupos com rixas entre ums e outros, o que na verdade Deus espera de nós é a prática do amor sem uma obrigação que é o dízimo, onde os que não dão são tachados de amaldiçoados( 1 versículo fora do contexto) td isso sim é um grande perigo ao ponto de destruir o evangelho da graça.
    Que Deus nos guie no caminho da justiça, da fé e da misericórdia!

  112. Pedro Vieira disse:

    Romney Elson Lima se Jesus não aboliu o dízimo então com todo o respeito me diga se vc pode fazer essa oração que o dizimista fiel fazia em Israel, caso o irmão possa fazer sem nem um peso de consciência, que Deus o continue te guiando na sua prática!
    A palavra de Deus é uma fonte inesgotável e que possamos pesquisar assim como os bereanos, forte abraço em Cristo!

    " Quando acabares de separar todos os dízimos da tua colheita no ano terceiro, que é o ano dos dízimos, então os darás ao levita, ao estrangeiro, ao órfão e à viúva, para que comam dentro das tuas portas, e se fartem;

    E dirás perante o SENHOR teu Deus: Tirei da minha casa as coisas consagradas e as dei também ao levita, e ao estrangeiro, e ao órfão e à viúva, conforme a todos os teus mandamentos que me tens ordenado; não transgredi os teus mandamentos, nem deles me esqueci;

    Delas não comi no meu luto, nem delas nada tirei quando imundo, nem delas dei para os mortos; obedeci à voz do SENHOR meu Deus; conforme a tudo o que me ordenaste, tenho feito. (Deuteronômio 26:12-14)

  113. Pedro Vieira disse:

    Se os religiosos pudessem eles mudariam a passagem de jesus com o jovem rico, ao invés de vá venda td e dê aos pobres( palavras de Jesus) eles( religiosos) iriam dizer vá venda td e dê a igreja!" é claro que com jeitinho pra não espantar"
    Jesus trata qualquer que seja o mandamento como de segunda categoria de importancia, pois primeiro Deus espera de nós o amor, a justiça, a fé e a misericórdia, contra isso não a lei!
    a paz com todos!

  114. Pedro Vieira disse:

    amém! que bom meu irmão, apenas lembre que o dízimo em israel não servia apenas para os levitas( templo) e tinha outras finalidades que as religiões não mostram( manter o equilibrio social ajudando os orfãos , viúvas e estrangeiros) caso seja feito isso estaremos fazendo o bem ( deuteronomio cap. 14 e capitulo 26)
    a pazz de Cristo!

  115. Marcos Torres disse:

    Jairo Thomazelli Apostolo Paulo afirma para não deixarmos de nos congregar como é costume de alguns. Se não concorda nada do que falei aí é sua opinião. As pessoas não deixarão de montar igrejase servir á Deus por isso.

  116. Marcos Torres disse:

    Carlos DJesus Falei sobre dízimo e também sobre ofertas. Pois muitos também são contra ofertas. Como falei. Abrrão deu dizimo sem haver lei. E Jesus mencionou o dízimo no novo testamento.

  117. levi varela disse:

    levi varela disse: 23 de abril de 2013 ás 1:35 am
    Edson,

    Os judeus tiveram seu estado desmobilizado pelo Império Romano cerca de trinta anos depois de Cristo, tendo a maioria se lançado no mundo e daí passaram a viver a carga tributária dos países de destino. Assim, ficou desnecessário pagar tributos á igreja, muito menos agora em face do estado moderno que se instalou, como seja, igual aos demais.

    Diferente do judaísmo, o cristianismo, por ordem do seu criador, é ativista e em busca sempre de novos adeptos, o que motiva apelar por mais dinheiro para esse intento, tendo, bem provável, estabelecido os dez por cento, mais em face de referência para os murrinhas que insistem em dar moeda, mas há os que doam mais e bem mais que o dízimo.

  118. Vitor Mello disse:

    Amada dê uma lida nesse comentário aqui:

    Mas aí é que está o ponto chave: Conferir na palavra tudo o que é dito. Esses pregadores usam da própria bíblia para afirmar que o dízimo não foi abolido( na verdade não é abolido mas mudado). Qualquer pessoa que não tem muito entendimento e assisti eles pregando vão poder conferir na palavra, que eles mostrarem, que é obrigado dar o dízimo, assim como eles adoram mostrar em Malaquias 3:10.

    O problema é na interpretação de todo o conjunto. Se fizer como eles fazem, pegando versículos isolados da bíblia fica fácil provar para um leigo que o dízimo é obrigatório. Não entendo como eles não ficam com peso na consciência de ensinar isso para o povo porque, não é possível que eles ensinam assim por falta de conhecimento ainda mais se tratando de Silas né. Vi ele usando Hebreus7:8 e mateus 23:23. Pelo amor de Deus né, será que eles não leram o contexto? É só ir um pouco mais a frente em Hebreus7:12 onde Paulo afirma que mudou o Sacerdócio, ele não deve ter chegado nessa parte. E inclusive em Gálatas 5:14 diz claramente que toda a lei se resume nesta: Ame o seu próximo como a ti mesmo. A lei que está falando aqui não é a lei moral de um cristão e sim a lei escrita mesmo, ou seja, lei judaica.

    Se o dízimo é segundo a ordem de Melquisedeque, devemos fazer como Abraão dar se quiser.

    O medo é na verdade o risco que eles correm de perder o dízimo se ensinarem a verdade, Deus tenha misericórdia da alma desles se for isso mesmo.

    Amada meu objetivo não é parar de dar o dízimo é ensinar a verdade. Mesmo não dando o dízimo somo obrigados por ser cristão a ajudar não só a nossa igreja a se manter como a ajudar sobretudo os pobres já que fazendo a estes estaremos fazendo a Jesus.

    Analise com muito cuidado a esse respeito, não saia acreditando em tudo o que te dizem, nem mesmo o que eu disse mas, se esvazie de todo o preconceito que carregamos e busque pela verdade.

    A Paz

    Que Deus nos dê de seu entendimento.

  119. Vitor Mello disse:

    Quem quiser veja esse vídeo do Silas no youtube a respeito de dízimo:

    http://www.youtube.com/watch?v=pmFDaY8J_xY

    fiz alguns comentários, quem quiser saber meu entendimento leia.

    Peço a Deus que toque no coração desses pastores e q isso mude.

  120. Amigo Mano Barros,quem disse que essa coisa chamada Malacheia vai lá pra cima?

  121. dava pro diabo porque é burro não usa o cerebro q DEUS TE DEU

  122. Celia Maria disse:

    Esse Vanderlei Richen,i jah nao tem mais recuperacao,, detonaram com o cérebro dele. Quando chega nesse estagio, acabou, o individuo jah nao pensa por si.

  123. Celia Maria disse:

    Todo alienado nao faz outra coisa alem de OBDC.

  124. Celia Maria disse:

    Angela junqueira,, seja OBEDIENTE, venda tudo que tem, distribua o dinheiro aos pobres e siga jesus. Nao seja vaidosa, nao use esmalte, chapinha no cabelo maquiagem etc,, a bíblia condena a vaidade. Voce nao estah OBEDECENDO 100% …

  125. Wellington disse:

    Segundo Hebreus 7.5 e 12 o dízimo fazia parte do sacerdócio levítico e tal sacerdócio foi mudado para o sacerdócio de Cristo. Houve mudança de lei, logo, o dízimo ficou para trás.

    Pastor Silas Malafaia e tantos outros pastores e bispos, líderes e fundadores de vossas igrejas, vocês dizimam onde e para quem?

    Graça e paz.

  126. irineu disse:

    Jesus como Judeu, Ele não podia ri contra alei de Moisés:
    A) Eu não vim para abolir a lei, mas sim para cumprir.
    B)

  127. J.Rubens disse:

    O DÍZIMO, indiscutivelmente, era parte integrante do conjunto de CERIMONIAIS contidos e instituídos na Lei Mosaica do Antigo Testamento. Com a Nova Aliança, NÃO SE PODE MAIS FALAR EM LEI MOSAICA, EM RITOS CERIMONAIS MOSAICOS, O QUE, OBVIAMENTE, INCLUI A FIGURA DO DÍZIMO. A propósito, Abraão JAMAIS deu o dízimo, pois que em verdade ele DEU A MELQUISEDEQUE o que a Bíblia chamou de dízimo mas que consistia exclusivamente dos DESPOJOS DE GUERRA, isto é, Abraão não deu nada de si mesmo. Além disso, não se pode esquecer que a própria CIRCUNCISÃO também era ANTERIOR À LEI (Abraão e todos os de sua casa foram circuncidados), e nem por isso, EVIDENTEMENTE, a circuncisão está “vigente” em nossos dias. Por último, não é verdade que o Senhor Jesus tenha “defendido” o DÍZIMO no Novo Testamento, na medida em que, quando Ele se dirige ao Fariseus da época, Ele notoriamente e enfaticamente os repreendia porque, submissos à Lei, pretendendo ser “cumpridores” da Lei, afrontavam a Lei com suas hipocrisias ridículas. Por isso que o Senhor Jesus disse que eram “Fariseus hipócritas, pois que dais o dízimo da hortelã, do endro e do cominho e esqueceis o mais importante DA LEI, o juízo, a misericórdia e a fé. Deveis fazer essas coisas sem omitir aquelas.” FICA ESCANDALOSAMENTE CLARO, portanto, que o DÍZIMO pertencia à Lei Mosaica (DISSE-O O PRÓPRIO SENHOR JESUS) e com a Nova Aliança não mais se pode falar em Lei Mosaica SEM INCORRER EM BLASFÊMIA.

  128. Reus Azevedo disse:

    Em resposta: Por mais que se alegue razões em dizer que o dízimo é um dever do cristão, isso não tem respaldo na Bíblia.
    1º Por ser algo destinado somente para a tribo de Levi.
    2º O dízimo nunca foi em dinheiro (moeda corrente), o dinheiro naquele tempo já existia.
    3º O dízimo sempre foi sementes colhidas, frutos das árvores, rebanho do gado e das ovelhas.
    4º O dízimo nunca foi destinado para a pregação da Palavra e sim, para mantimento somente da tribo de Levi, para as festas religiosas e para o órfão viuva e estrangeiro que residia dentro de Israel.
    5º Havia três tipos de dízimos e não um só como ensinam hoje, e tem que ser em dinheiro. Dízimo levítico, dízimo das festas religiosas de acordo com o lugar que o Senhor estabelecia, e dízimo para o órfão, viuva e estrangeiro..
    6º O sacerdócio levitico acabou. Jesus não sendo da tribo de Levi, mas, da tribo de Judá, assumiu o sacerdócio etérno. O que aconteceu com o sacerdócio levítico? Acabou, se acabou; acabou a lei do dízimo.

    Queridos, eu sou cristão, lavado remido no sangue de Jesus. Eu sei muito bem do que estou falando com base na Bíblia. Se isso não é assim, me dê bases bíblicas, que ensinam a obrigação da Igreja ter que pagar o dízimo. Não encontramos nenhum ensino.
    Então, queridos, deixem de enganar o povo de Deus. Esse fardo pesado do dízimo em muito breve o povo vai ser esclarecido, virá a Luz toda verdade.

  129. CLAUDIO CAMPOS disse:

    Duvido que tenham mais dinheiro do que eu e sabe quem me deu meu grande patrimônio??? Deus, pois sou ofertante e dizimista. Galera, dizimem e ofertem, Deus te dará 7 vezes mais. Não deem ouvidos aos hipócritas e maus interpretadores da palavra. Eu sou a prática de que dízimos e ofertam devolvidas a Deus funciona. Obs: nao sou somente 10%, sustento missionários, famílias, igrejas e ainda sim minha fortuna só aumenta. Bendito seja o Senhor dono de tudo!!!

  130. "O cristão que entrega o dízimo demonstra ter visão espiritual, fé nas promessas de Deus, compromisso com a igreja, com sua liderança e com a causa do evangelho, e será ricamente abençoado pelo Senhor". Pr. Silas Malafaia.

    Só para esclarecimento e entendimento do que esta escrito na palavra do amado… Em Gn 12 Deus abençoa a Abrão; Ele não era dizimista. A ordem era: Sê tu uma benção. Tal colocação feita pelo querido, põe em dúvida a visão, a fé e o compromisso dele para com o Deus a quem servia. E quando ele, Abrão, deu o dizimo, não o fez de seus rendimentos pessoais, das primícias do seu gado, campo ou de suas riquezas. Fez dos despojos que havia conquistado. E mais um detalhe, Ele dizimou apos ter recebido a benção de Melquisedeque (Gn 14:18:20), assim, a benção veio antes e não depois do dízimo.

    Quem detém o conhecimento, detém o poder! É isso que tem tornado o povo escravo de "lideres" espirituais. O povo peca por não conhecer as escrituras, nem o poder de Deus.

    Mauricio Cavalcante #maudobem :) <3

  131. Mauricio Cavalcante disse:

    “O cristão que entrega o dízimo demonstra ter visão espiritual, fé nas promessas de Deus, compromisso com a igreja, com sua liderança e com a causa do evangelho, e será ricamente abençoado pelo Senhor”. Pr. Silas Malafaia.

    Só para esclarecimento e entendimento do que esta escrito na palavra do amado… Em Gn 12 Deus abençoa a Abrão; Ele não era dizimista. A ordem era: Sê tu uma benção. Tal colocação feita pelo querido, põe em dúvida a visão, a fé e o compromisso dele para com o Deus a quem servia. E quando ele, Abrão, deu o dizimo, não o fez de seus rendimentos pessoais, das primícias do seu gado, campo ou de suas riquezas. Fez dos despojos que havia conquistado. E mais um detalhe, Ele dizimou apos ter recebido a benção de Melquisedeque (Gn 14:18:20), assim, a benção veio antes e não depois do dízimo.

    Quem detém o conhecimento, detém o poder! Eis a questão de muitos cristão estarem sendo enganados. Esta escrito: O povo peca por não conhecer as escrituras, nem o poder de Deus (Mc 12:24)

    #maudobem :) <3

  132. Hubner disse:

    O dízimo, segundo a Palavra de Deus

    Em nenhum lugar nas Escrituras Sagradas você vai encontrar pessoas devolvendo dízimos em dinheiro. Na Bíblia, o dízimo está associado a cereais e rebanhos, ou seja, frutos da terra em geral. Antes do período da lei, Abrão (mais tarde chamado Abraão) deu os dízimos dos bens que havia conquistado dos inimigos (Gênesis 14:16-20) durante uma batalha. Melquesedeque saiu ao encontro de Abraão porque era rei de Salém, e recebeu o tributo. Isso aconteceu uma única vez e não há mais registros de que Abraão tenha dizimado depois.

    Quando as Escrituras Sagradas começaram a ser redigidas (por volta do ano 1500 antes de Cristo), o dinheiro (em hebraico כסף) já existia, conforme Gênesis 17:12, Deuteronômio 14:25, Êxodo 12-44, Números 3:49, 1 Reis 21:2, etc. Apesar disso, o povo deveria seguir as determinações de Deus e dizimar apenas dos rebanhos e cereais, conforme escrito em Deuteronômio 14:22, Levítico 27:30, Êxodo 34:2; 26, 1 Samuel 8:17, etc.

    “Também todas as dízimas do campo, da semente do campo, do fruto das árvores, são do SENHOR; santas são ao SENHOR.” (Levítico 27:30)

    Desse modo, as pessoas que exerciam outras profissões, tais como artesãos (Êxodo 31:3-5), copeiros e padeiros (Gênesis 40:1-2), carpinteiros e pedreiros (II Samuel 5:11), músicos (I Reis 10:12), alfaiates (Êxodo 28:3), mestres-de-obras (I Reis 5:16), ourives, pescadores, mercadores, coletores de impostos, guardas, cozinheiros, não poderiam dar dízimos, mas apenas ofertar.

    Na Bíblia, Deus não recebeu dízimo em dinheiro, apesar de existir o dinheiro, e ninguém pode provar o contrário. Observe:

    “Separem o dízimo de tudo o que a terra produzir anualmente. Comam o dízimo do cereal, do vinho novo e do azeite, e a primeira cria de todos os seus rebanhos na presença do Senhor, o seu Deus, no local que ele escolher como habitação do seu Nome, para que aprendam a temer sempre o Senhor, o seu Deus. Mas, se o local for longe demais e vocês tiverem sido abençoados pelo Senhor, pelo seu Deus, e não puderem carregar o dízimo, pois o local escolhido pelo Senhor para ali pôr o seu Nome é longe demais, troquem o dízimo por prata, e levem a prata ao local que o Senhor, o seu Deus, tiver escolhido. Com prata comprem o que quiserem: bois, ovelhas, vinho ou outra bebida fermentada, ou qualquer outra coisa que desejarem. Então juntamente com suas famílias comam e alegrem-se ali, na presença do Senhor, do seu Deus.” (Deuteronômio 14:22-26)

    Como vimos, Deus não aceitaria a prata no lugar do dízimo, ou seja, o dinheiro no lugar dos frutos da terra, mas permitiria, por causa de uma longa distância, a troca do dízimo por prata, por ser fácil de transportar, mas com a condição de o dizimista (homem do campo), já no local indicado por Deus, comprar o que quiser para ali “comer do seu dízimo” e se alegrar na presença do Senhor Deus, o nosso mantenedor.

    Quem não era fazendeiro poderia colaborar com ofertas de alimentos, incenso, utensílios (Neemias 13:5) e também dinheiro:

    “E disse Joás aos sacerdotes: Todo o dinheiro das coisas santas que se trouxer à casa do Senhor, a saber, o dinheiro daquele que passa o arrolamento, o dinheiro de cada uma das pessoas, segundo a sua avaliação, e todo o dinheiro que trouxer cada um voluntariamente para a casa do Senhor,” (2 Reis 12:4)

    Algumas ofertas deveriam ser feitas obrigatoriamente em dinheiro, como a do arrolamento citado na referência acima, em obediência ao escrito em Êxodo 30:13-16.

    Consideradas essas coisas, podemos concluir que a igreja, no período atual, vem utilizando a palavra “dízimos” equivocadamente e fora do seu contexto original.

    Atualmente, muitas denominações ensinam que os crentes devem dar 10% do salário, caso desejem ter uma vida financeira abundante e intocada pelo devorador. Quem não dá o dízimo, dizem alguns, está sujeito à ação do devorador, é ladrão e está roubando a Deus. Para sustentar esse ensinamento equivocado, utilizam indevidamente o capítulo 3 de Malaquias, que não está dirigido à igreja, mas apenas à nação de Israel, sob o regime da lei (Malaquias 4:4).

    A Palavra de Deus nos ensina, no entanto, que toda maldição (inclusive a do devorador) foi desfeita com o sacrifício de Cristo (Gálatas 3:13), pelo menos para os que creem nisso. Porém se o crente ainda deseja se justificar pelas obras da lei, o tal permanece sobre o efeito de qualquer maldição (Gálatas 3:10), inclusive a do devorador.

    É importante esclarecer que o devorador não é um demônio, como alguns pensam, mas sim uma espécie de gafanhoto. Observe essa passagem:

    “O que o gafanhoto cortador deixou o gafanhoto peregrino comeu; o que o gafanhoto peregrino deixou o gafanhoto devastador comeu; o que o gafanhoto devastador deixou o gafanhoto devorador comeu.” (Joel 1:4) Nova Versão Internacional.

    As Escrituras Sagradas nos alertam para a possibilidade de passarmos até por alguns apertos. O próprio apóstolo Paulo padeceu necessidades, enfrentando até mesmo a fome, porque não tinha dinheiro:

    “porque já aprendi a contentar-me com o que tenho. Sei estar abatido, e sei também ter abundância; em toda a maneira, e em todas as coisas estou instruído, tanto a ter fartura, como a ter fome; tanto a ter abundância, como a padecer necessidade.” (Filipenses 4:11-12)

    O profeta Malaquias não se dirigiu à igreja, do contrário Deus estaria entrando em uma irreparável contradição ao prometer bênçãos e prosperidade, mas ao mesmo tempo permitindo que os crentes, inclusive dizimistas, enfrentassem necessidades tão grandes, como as que Paulo enfrentou.

    Outra questão importante é acerca da legitimidade para receber dízimos (frutos do campo). Quem pode atualmente tomar dízimos, segundo a Palavra de Deus?

    “E os que dentre os filhos de Levi recebem o sacerdócio têm ordem, segundo a lei, de tomar o dízimo do povo, isto é, de seus irmãos, ainda que tenham saído dos lombos de Abraão.” (Hebreus 7:5)

    Portanto atualmente ninguém no mundo tem autorização, segundo a lei, para tomar dízimos do povo. Nem mesmo entre os judeus legalistas em Israel, pois não há mais templo e levitas servindo como sacerdotes.

    Considerando que o dízimo só poderia ser dado por agricultores e criadores de rebanhos, e que o Senhor Jesus Cristo cumpriu toda a lei com perfeição e sem cometer qualquer tipo de pecado, podemos concluir que Jesus não dizimou no templo e nem cobrou dízimos de qualquer pessoa por dois motivos muito simples: o primeiro é porque Ele exerceu o ofício de carpinteiro (Marcos 6:3), e não de produtor rural; o segundo é porque não pertenceu à tribo de Levi, mas a de Judá.

    “Visto ser manifesto que nosso Senhor procedeu de Judá, e concernente a essa tribo nunca Moisés falou de sacerdócio.” (Hebreus 7:14)

    Desse modo, é incorreto afirmar que Jesus Cristo, em Mateus 23:23, esteja cobrando dízimos da igreja. Nessa passagem, o Senhor repreendeu duramente os escribas e os fariseus por se preocuparem com as coisas mínimas da lei, mas desprezarem as que importavam mais: o juízo, a misericórdia e a fé.

    “Ai de vós, escribas e fariseus, hipócritas! pois que dizimais a hortelã, o endro e o cominho, e desprezais o mais importante da lei, o juízo, a misericórdia e a fé; deveis, porém, fazer estas coisas, e não omitir aquelas.” (Mateus 23:23)

    Repare que o dízimo dado pelos fariseus e pelos escribas era constituído apenas de produtos do campo. Eles eram tão meticulosos que se preocupavam com coisas mínimas, mas esqueciam das mais importantes. Perceba que o Senhor Jesus não incluiu o dinheiro na relação, apesar de haver grande circulação de moedas romanas naquele tempo (Mateus 22:19-21).

    O fato de Jesus Cristo ter falado para os fariseus não omitirem o pagamento dos dízimos não dá respaldo algum para o pagamento de dízimos pelos crentes, e ainda mais em dinheiro. É preciso compreender que o Senhor Jesus está se dirigindo a pessoas que viviam sob o regime da lei.

    Dizer que a igreja deve devolver dízimos só porque a palavra dízimos apareceu no evangelho não é um argumento válido. Nem tudo que está no evangelho se aplica para a igreja ou para a sua vida. Por exemplo, o evangelho informa que o Senhor Jesus foi circuncidado ao oitavo dia (Lucas 2:21), mas isso não significa que você tenha que fazer o mesmo só porque esse texto está no Novo Testamento. Observe ainda a passagem abaixo, retirada também do evangelho:

    “E, eis que veio um leproso, e o adorou, dizendo: Senhor, se quiseres, podes tornar-me limpo. E Jesus, estendendo a mão, tocou-o, dizendo: Quero; sê limpo. E logo ficou purificado da lepra. Disse-lhe então Jesus: Olha, não o digas a alguém, mas vai, mostra-te ao sacerdote, e apresenta a oferta que Moisés determinou, para lhes servir de testemunho.” (Mateus 8:2-4)

    Atualmente, se alguém é curado milagrosamente por Deus, o que recebeu a cura não precisa guardar segredo e nem muito menos pagar a oferta determinada por Moisés. Hoje ela deve contar isso para o maior número de pessoas, a fim de dar testemunho do poder do SENHOR para honra e glória de Deus.

    Para compreender as Escrituras Sagradas, é necessário obter inspiração do Espírito Santo, considerando o contexto, o momento histórico, os destinatários, costumes locais (como rasgar as vestes, lançar poeira para o alto), etc.

    Na Bíblia não existe qualquer mandamento para a igreja no sentido de arrecadar dízimos e muito menos que esses dízimos sejam dados ou devolvidos em dinheiro.

    Todavia, encontramos algumas instruções no sentido de a pessoa contribuir para socorrer os mais carentes (1 Coríntios 16:1-3). Hoje, as contribuições podem ser utilizadas para alimentar e vestir os mais necessitados, distribuir exemplares da Bíblia e mensagens de evangelismo, possibilitar a pregação da Palavra de Deus nos pontos mais distantes (existem custos), permitir o funcionamento dos locais de reunião (limpeza, água, luz, aluguel), custear a vida sem extravagâncias de obreiros (Mateus 10:10; 1 Timóteo 5:18) que vivam exclusivamente em prol da obra de Deus. Se o obreiro de Deus possuir emprego, há recomendação bíblica para que não seja pesado aos demais. Tudo deve ser feito com muita transparência e temor a Deus.

    O valor a ser destinado para a obra é pessoal (2 Coríntios 9:7), conforme a renda (1 Coríntios 16:2), liberal (2 Coríntios 9:5) e, por mais incrível que pareça, dentro das possibilidades financeiras (2 Coríntios 8:12), a fim de que não se sobrecarregue financeiramente (2 Coríntios 8:13). Leia as referências bíblicas indicadas e constate por si mesmo.

    Ao observarmos o capítulo 4 de Atos, do versículo 32 ao 35, não encontraremos qualquer indício de que a igreja primitiva devolvesse dízimos. Segundo as Escrituras Sagradas, os membros possuíam todas as coisas em comum. Quando chegava um novo convertido, este vendia suas herdades, apresentava o valor diante dos apóstolos e dos demais e imediatamente o valor era dividido entre todos, inclusive entre os membros, de acordo com a necessidade de cada um, o que justifica o fato de não haver necessitado na igreja. Esse modelo de igreja acabou muito rápido.

    Colabore com a sua congregação, ajude sua família, socorra os mais necessitados, faça tudo dentro das suas possibilidades.

    O “dízimo em dinheiro” foi inventado no século V, pela igreja Católica, embora essa prática tenha adquirido força somente a partir do século VII. É importante lembrar que a igreja evangélica surgiu da católica, o que justifica o fato de esse procedimento ter sido preservado, juntamente com alguns outros incorretos.

    Atualmente, o dízimo em dinheiro é mais comum nas Américas e em parte da Europa. No Brasil, é difícil encontrar uma congregação que não mencione o dízimo, mas isso não é motivo para não congregar.

    “Reparte com sete, e ainda até com oito, porque não sabes que mal haverá sobre a terra.” (Eclesiastes 11:2)

    Espero que o Espírito de Deus possa falar melhor ao seu coração.

  133. Ivalcio Lacerda
    Gostei irmão, o único juiz é Jesus Cristo.

  134. E que Deus abençoe a sua vida meu irmao, no nome de Jesus Cristo.

  135. CESAR ALONSO disse:

    A PAZ DO SENHOR.
    COMO PODEM HOMENS QUE SE DIZEM CHEIOS DO ESPÍRITO SANTO. E TEREM TÃO GRANDE HONRA, PREGAR A PALAVRA DE DEUS OU SEJA TRABALHAM PARA O REI. O DONO DE TODA AS COISAS, O DONO DO OURO E DA PRATA, SE AGARRAREM NO DÍZIMO, PENSANDO COM ISSO TEREM SUAS NECESSIDADES TODAS SUPRIDAS, SÓ POR NÃO TEREM A FÉ NECESSÁRIA DE QUE O DEUS TODO PODEROSO SUPRA ESTAS NECESSIDADES . MESMO SABENDO QUE O DÍZIMO É DA LEI, E NÃO VIVEMOS MAIS NA LEI NO NOVO TESTAMENTO. E QUE O DÍZIMO NÃO ERA EM DINHEIRO E SIM EM ALIMENTOS. EIS ABAIXO UM PEQUENO ESTUDO SOBRE O QUE É O DÍZIMO NO NOVO TESTAMENTO.

    O dízimo no Novo Testamento

    Todas as pessoas agora vivem sob a autoridade de Cristo, como foi revelada no Novo Testamento (Mateus 28:18-20; João 12:48; Atos 17:30- 31). Sua vontade entrou em vigor depois de sua morte (Hebreus 9:16-28). Estes fatos nos ajudarão a entender as passagens do Novo Testamento, a respeito do dízimo.

    Durante sua vida, Jesus reconheceu a autoridade da lei de Moisés. Ele era um judeu, nascido sob a lei (Gálatas 4:4) e com a missão de cumprir essa lei (Mateus 5:17-18). Jesus criticou os judeus hipócritas, que negligenciav am outros mandamentos divinos, enquanto zelosamente aplicavam a lei do dízimo (Mateus 23:23; Lucas 11:42; 18:9-14). Jesus não ensinou que a lei do dízimo seria uma parte de sua nova aliança, que entraria em vigor após sua morte.

    O livro de Hebreus fala do dízimo, para mostrar a superioridad e do sacerdócio de Jesus, quando comparado com o sacerdócio levítico da Velha Lei (Hebreus 7:1-10). Esta passagem não está ordenando o dízimo para hoje em dia. De fato, o mesmo capítulo afirma claramente que Jesus mudou ou revogou a lei de Moisés (Hebreus 7:11-19). O dízimo não é ordenado na lei de Cristo, que é o Novo Testamento.

    O que o Novo Testamento diz a respeito das dádivas?

    Jesus, através de Paulo, ensina que as igrejas devem fazer coletas nas quais os cristãos darão de acordo com sua prosperidade (1 Coríntios 16:1- 2). Temos que dar com amor, generosidade e alegria, conforme tencionamos em nossos corações (2 Coríntios 8:1-12; 9:1-9). Portanto, podemos dar mais do que 10% ou menos do que 10%. Temos que usar nossos recursos financeiros, e todos os outros recursos, no serviço de Deus. Não somos mandados por Deus para darmos uma porcentagem especial.

    E a respeito das bênçãos?

    Malaquias pregou a uma nação carnal que estava sofrendo as conseqüência s carnais do pecado. Ele prometeu bênçãos materiais de Deus para aqueles que se arrependesse m de sua desobediênci a. Não encontramos esta importância material no Novo Testamento. Deus garante aos fiéis que eles não precisam se preocupar com as necessidades da vida (Mateus 6:25-33).

    Mas o Novo Testamento não promete luxo, conforto e riquezas. Jesus sofreu nesta vida, e assim seus seguidores sofrerão (Marcos 10:29-30; Lucas 9:57-62). A preocupação com a prosperidade material nos distrai da meta celestial e nos arrasta à idolatria da cobiça (Colossenses 3:1-5). Tais motivos não têm nenhum lugar entre os cidadãos do reino de Deus.

    Distorcendo Malaquias 3:10

    Aqueles que citam Malaquias 3:10 para exigir o dízimo, e prometem prosperidade material, estão destorcendo a palavra de Deus. Eles estão enchendo os tesouros das igrejas ao desviarem a atenção de seus seguidores das coisas espirituais para darem atenção às posses materiais. Pe. advertiu sobre tais mestres: “Também, movidos pela avareza, farão comércio de vós, com palavras fictícias; para eles o juízo lavrado há longo tempo não tarda, e a sua destruição não dorme” (2 Pe. 2:3).

    Mirando a meta celestial

    Deus oferece uma coisa muito melhor aos seus seguidores: um prêmio eterno no céu. Paulo nos desafia a mirar essa meta: “Portanto, se fostes ressuscitado s juntamente com Cristo, buscai as cousas lá do alto, onde Cristo vive, assentado à direita de Deus. Pensai nas cousas lá do alto, mas não nas que são da terra” (Colossenses 3:1-2).
    Email.alonsocarrera@hotmail.com

  136. os pastores também dizima ou não?

  137. os pastores também dizima ou não?

  138. os pastores também dizima ou não?

  139. os pastores também dizima ou não?

  140. Lê Gomes disse:

    Jesus viveu no velho testamento e depois que ele morreu na cruz o véu do templo se rasgou e ai sim começa o novo Testamento não vivemos pelas leis e sim pela fé e pela graça concedida por Jesus Cristo

  141. em vez de criticar pastores meus amados porq vcs naõ buscam mais esclarecimentos biblicos porq negar algo que e de
    DEUS naõ e vosso

  142. Michelle disse:

    Gostaria de saber se eu deixar de dar meu dizimo em dinheiro e colocar em bem feitorias para a igreja, como por ex cabos…som…pedestais …reforma..estaria pecando…pois como já entendi o dizimo é uma oferta de amor dado por gratidão assim como fez Aabraão e depois Jacó..para poder suprir, nos tempos de hj a proclamação do Evangelho em Cristo em um templo fisico, material. Porem não vejo muito esse dizimo ser usado na minha congregação e gostaria de eu mesma comprar as coisas que estão faltando , ja que meu pastor nao o faz. Cristo veio para nos dar as suas benção e eu nao creio que o Seu Nome Poderoso nao seja suficiente para vencer qualqualquer maldição ou espirito devorador, migrador cortador ou qualquer q seja.O nome Dele é o que me basta

    1. luiz fernando disse:

      A Paz do Senhor Michelle. Creio eu que sua dúvida é justa e nossa fé em algo deve ser racional as coisas em nossas igrejas devem ser transparentes. Onde frequento há uma prestação de contas de tempos em tempos onde ficamos sabendo de tudo que arrecada e onde se gasta cada coisa. Nao temos sede prédio própio entao pagamos aluguél, água, energia, internet, e outros gastos. Penso que vc deveria conversar com seu lider ou com alguém responsavél pelas finanças como um tesoureiro, por exemplo. Não em tom de desconfiança, mas de uma maneira que ele entenda que se mais gente ficar sambendo do que acontece, das bençãos e das dificuldades, ficaria tudo mais transparente. Espero ter ajudado. Abraço e fique com DEUS.

    2. Jefferson disse:

      A bíblia diz: trazei o dízimo a casa do tesouro…não diz: pegue o dízimo, compre materiais e traga à casa do tesouro ….. :)

  143. jorge disse:

    Esse silas mala não quer trabalhara mais ,ai fica ai pedindo dinheiro só que em forma de dizimo,arrancando o pelo das ovelhas ,e ainda diz que é de Deus,vagabundo ,vai trabalhar pega no pesado,ainda se envolve na politica o cara sai do meu pé jacaré

  144. jerome disse:

    OLÁ A SUA ATENÇÃO TESTEMUNHO OFERTA DE EMPRÉSTIMO EM SANTAREM
    Vocês que estão à procura de empréstimo de dinheiro, eu não sei como você compartilhar minha alegria como sendo eu mesmo procurando por empréstimo, me deparei com um homem chamado RIBEIRO, um homem de negócios. Ele concedeu um empréstimo de 25.000 euros, e falei com vários colegas que receberam empréstimos a este cavalheiro sem preocupações. Especialmente a mim, recebi o meu pedido de crédito sem protocolo e estou completamente satisfeito. A razão que me leva a publicar este anúncio e que este senhor continua a fazer maravilhas para as pessoas que estão realmente em necessidade. Por isso decidi compartilhar esta oportunidade com você que não têm a favor dos bancos ou quem tinha tido de lidar com os credores desonestos quem nefont que abusar da personalidade dos outros; Você tem um projeto ou uma necessidade de financiamento, você pode escrever-lhe e explicar sua situação; Vai ajudá-lo se ele está convencido de sua honestidade, seu e-mail é: RibeiroSantos55@outlook.com

  145. julienne disse:

    Eu estou comprando a maior parte daqueles que dizem credores estão
    de escros Eu sou uma pesquisa de empréstimo tem sido dois anos que eu fiz
    defraudado por pessoas. Tenho visitado um local entre o anúncio do empréstimo
    particularmente grave em todo o mundo e eu tenho experimentado
    A grande senhora, chamada Rosalina ajudar alguém, tornando-os empréstimos e
    que me concedeu um empréstimo de € 20.000 e no dia seguinte eu tenho o meu dinheiro e
    Eu tenho que pagar mais de 20 anos com um baixo interesse de sua parte
    3% no meu período de empréstimo e não dentro de 48 horas, recebi dinheiro
    sem protocolo. Precisa de crédito pessoal, o banco se recusa a você
    concessão de empréstimo, a falar com ele e você apertar satisfeito, mas tome cuidado para que você não gosta de pagar
    pronto! ri muito.
    Aqui é o seu e-mail: rosagomes200@gmail.com

  146. Guto disse:

    Em mateus 23:23, Jesus foi bem claro:
    estas coisas, porém, devíeis fazer, sem omitir aquelas.
    =======
    Qdo deixei de dar o dizimo, passei 04 anos sofrendo, bati o carro, fui assaltado, quebraram meu braço e passei quase
    5 anos morando de aluguel, em menos de 03 meses que passei a devolver o dizimo, minha casa esta quase pronta e até
    premios eu ja ganhei!, e muitas outras coisas virão.o problema não é 0s 10% que vão para o Senhor, mas os 90% que usamos
    Dele, faz muito mais do que os 100%
    Procurem no youtube por: Os maiores dizimistas do mundo – parte 3 e também: Dizimista fiel dono da Golden Cross 720p

    1. CESAR ALONSO CARRERA disse:

      Meu irmãozinho GUTO. Li seu comentário e GRAÇAS A DEUS QUE TEM O LIVRE ARBÍTRIO pois se não, que ler este comentário iria pensar que DEUS é ruim, mau, e que esta numa carência e uma falta absurda de DINHEIRO em. Você não acha meu irmão que não tem jeito de ROUBAR de quem é dono de tudo e ELE mesmo DEUS nos da antes de de termos.
      FIQUE NA PAZ. E se quiseres OBEDECER A DEUS VERDADEIRAMENTE OFERTE COM AMOR. AJUDE OS POBRES E OS NECESSITADOS. DÍZIMO ERA PARA OS LEVITAS.

    2. Dias disse:

      Foi apenas uma fase ruim não tem nada a ver com Dízimo que aliás, não era, não é e nunca será dinheiro!!!!

  147. Adilson disse:

    Se o Grande Mestre disse: estas coisas, porém, deveis fazer,no Novo Testamento, Quem somos nós para omiti-las
    Até o Dr Ray é dizimista Fiel e o Homem que fora considerado o mais rico do Mundo John Rockfeller, tbém era dizimista fiel,
    Porém, para ser Dizimista, tem que realmente crer eu Deus, e não ser um Ateo Cristão, A Promessa de Deus nunca falha.
    O problema é que as pessoas focam os 10% e os pastores que são falhos, não focam a promessa de Deus.
    Só tendo uma experiencia pessoal para crer realmente, e isto, somente as pessoas de muita Fé o fazem!
    Bom lembrar tbém que o Dizimo veio antes da Lei e Jesus disse na nova aliança:estas coisas, porém, deveis fazer! e ponto final.

  148. CESAR ALONSO CARRERA disse:

    ESCRAVOS DA LEI, SÃO OS QUE TEM COMO PRATICA O DIZIMO. Aqueles que querem servir a Cristo precisam resistir às tendências de voltar ao Antigo Testamento como a base do nosso serviço hoje. “Mas, tendo vindo a fé, já não permanecemos subordinados ao aio. Pois todos vós sois filhos de Deus mediante a fé em Cristo Jesus” (Gálatas 3:25-26). “De Cristo vos desligastes, vós que procurais justificar-vos na lei; da graça decaístes” (Gálatas 5:4). Vamos andar no Espírito, conforme a revelação da Nova Aliança!

  149. snrtcamii disse:

    INFORMAÇÕES 100% comprovada!

    Boa Dia
    Apareceu no noticiário na RTP Internacional mal uma semana atrás, senhor deputado Ribeiro SANTOS, investidor e credor certificadas com agregação da União Europeia e países terceiros fornece empréstimos às necessidades de indivíduos e empresas para aumentar a produtividade. Você tem um projeto de negócio? Você quer investir em imóveis? Vocês são líderes de negócios futuros, empreiteiro de auto (s), titular da (s) de negócio do projeto (s) ou os indivíduos que necessitam de dinheiro de empréstimo ou financiamento de um problema?Não hesite em contatá-la, porque ela pode oferecer-lhe um empréstimo de acordo com suas necessidades a uma taxa razoável de 2% para um empréstimo, incluindo entre 5.000€ a 1.000.000€ durante um período a acordar. Então, se você está em necessidade.

    Por favor, simplesmente ele escrever uma consulta de empréstimo nesse endereço :

    E-mail: Ribeirosantos55@outlook.com
    E-mail: Ribeirosantos55@outlook.com

    ao dar uma boa razão para você e o seu pedido será satisfeita em 48 horas no máximo. Meu marido recebeu um empréstimo deste senhor para um projecto agrícola.Razão por que estou fazendo este testemunho de gratidão por este senhor generoso.

  150. Leandro disse:

    Quem disse que novo testamento não há texto que fala de dízimo, esse tal não lê bíblia, Mateus 23; 23, e dízimo é pela fé, ou seja, se eu não tenho fé pra ser dizimista, não devo criticar quem tem a de ser dizimista , cada um com a sua fé e Deus com todos! !!

  151. sobel claudel disse:

    Olá
    Você está a procurar empréstimo reviver suas atividades para um projeto, ou para a compra de um apartamento, mas infelizmente o banco pede-lhe termos que é s preocupam-me incapbles eu sou um indivíduo I concedeu empréstimos que variam de 2000 a 500 000 foi capazes de atender a todos seus em outro lugar da taxa de juros de 2,20% ano. ou você precisa de dinheiro para outras razões; Não hesietz não me contactar para obter mais informações. Seguinte: ofertas dinheiro empréstimo gratuito do site de carga d anúncio de empréstimo de dinheiro, especialmente em anunciando oferece seriedade especiais específicas educação empréstimo especial de empréstimo francês seriamente fazer empréstimos de dinheiro anúncios empréstimo gratuito FSBO local d anúncio de empréstimo de dinheiro entre sites de indivíduos anúncios de empréstimo d dinheiro classificados grátis d oferece empréstimos entre os indivíduos * entre dinheiro de empréstimo de investigação particular 4D FSBO sites 6D oferece depret entre oferta individual empréstimo particular novo site de paris anúncios de d empréstimo de dinheiro sem listar o dinheiro do empréstimo particular emprestou a sério entre empréstimo individual entre particular pedágio ofertas de empréstimo entre particular França site empréstimo francês de anúncio gratuito d de dinheiro pronto para ets individuais neste grave oferece de empréstimo de dinheiro entre indivíduos seriamente e honntes. Obrigado não contatar-me email:sobelclaudel@yahoo.f

  152. Olá
    Você está a procurar empréstimo reviver suas atividades para um projeto, ou para a compra de um apartamento, mas infelizmente o banco pede-lhe termos que é s preocupam-me incapbles eu sou um indivíduo I concedeu empréstimos que variam de 2000 a 500 000 foi capazes de atender a todos seus em outro lugar da taxa de juros de 2,20% ano. ou você precisa de dinheiro para outras razões; Não hesietz não me contactar para obter mais informações. Seguinte: ofertas dinheiro empréstimo gratuito do site de carga d anúncio de empréstimo de dinheiro, especialmente em anunciando oferece seriedade especiais específicas educação empréstimo especial de empréstimo francês seriamente fazer empréstimos de dinheiro anúncios empréstimo gratuito FSBO local d anúncio de empréstimo de dinheiro entre sites de indivíduos anúncios de empréstimo d dinheiro classificados grátis d oferece empréstimos entre os indivíduos * entre dinheiro de empréstimo de investigação particular 4D FSBO sites 6D oferece depret entre oferta individual empréstimo particular novo site de paris anúncios de d empréstimo de dinheiro sem listar o dinheiro do empréstimo particular emprestou a sério entre empréstimo individual entre particular pedágio ofertas de empréstimo entre particular França site empréstimo francês de anúncio gratuito d de dinheiro pronto para ets individuais neste grave oferece de empréstimo de dinheiro entre indivíduos seriamente e honntes. Obrigado não contatar-me email:valenciamnouchkine@yahoo.f

  153. Eleutério disse:

    Muito pelo contrário, dar dízimo é que demonstra materialismo e avareza, pois a pessoa deixa de ajudar quem realmente precisa por conta da maldição que sobrevirá às suas finanças. Malafaia não sabe nada de bíblia, prega o que lhe convém.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO