Supremo torna Cunha réu no petrolão; Evangélico se nega a renunciar à presidência da Câmara

17

O desfecho do mandato de Eduardo Cunha (PMDB-RJ) à frente da Câmara dos Deputados não parece caminhar para algo honroso. Na tarde de ontem, quarta-feira, 02 de março, o Supremo Tribunal Federal (STF) iniciou a votação para decidir se aceita o pedido da Procuradoria Geral da República de abertura de um processo contra ele. E antes dos trabalhos serem interrompidos, o placar contra Cunha estava em 6 x 0.

Como o colegiado do STF é composto por 11 ministros, a maioria já votou a favor da abertura da ação penal, em que Cunha é acusado de receber propinas de empresas que disputaram a licitação para a construção de navios-sonda para a Petrobras.

O deputado integrante da bancada evangélica sofreu pressão dos colegas parlamentares para que renunciasse à presidência da Câmara dos Deputados, de acordo com informações da jornalista Vera Magalhães, da coluna Radar Online, no site da revista Veja.

“Líderes de partidos governistas e de oposição usaram os microfones do plenário da Câmara na sessão desta noite [quarta-feira] para pedir que Eduardo Cunha (PMDB-RJ) renuncie à presidência da Casa, uma vez que a maioria dos ministros do Supremo Tribunal Federal já votou a favor de abertura de ação penal contra ele. […] Henrique Fontana (PT-RS) disse que Cunha é ‘amoral’ e capaz de ouvir as acusações e ficar impassível. De fato: Cunha ignorou os apelos e manteve a condução das votações de medidas provisórias na Casa”, escreveu Magalhães.


Pessoas próximas relataram que, diante da iminência de se tornar réu, Cunha manteve sua postura aparentemente tranquila e desdenhou da decisão do Supremo: “Tô nem aí pro STF”, teria dito o deputado a aliados, segundo informações obtidas pelo jornalista Guilherme Amado, de O Globo.

Na terça-feira, 01 de março, Cunha já havia sofrido outra derrota, com a decisão do Conselho de Ética da Câmara dos Deputados de levar adiante o processo contra ele por quebra de decoro parlamentar. O parlamentar é acusado de ter mentido durante depoimento, quando afirmou que não possuía contas no exterior.


17 COMENTÁRIOS

    • Não se iluda, Bolsonaro não tem chance nenhuma, vai ser um fiasco como foi o pastor Everaldo. Não tem partido (PSC é um nanico), não tem grandes apoiadores, não tem densidade eleitoral e ainda é visto como figura caricata. A disputa vai ficar entre PT, PSDB e PDT, com Ciro Gomes.

    • Não se iluda, Bolsonaro não tem chance nenhuma, vai ser um fiasco como foi o pastor Everaldo. Não tem partido (PSC é um nanico), não tem grandes apoiadores, não tem densidade eleitoral e ainda é visto como figura caricata. A d/i/s/p/u/ta vai ficar entre PT, PSDB e PDT, com o Ciro.

      • Então aguarde, tá confiando nessas pesquisas manipuladas? Ele vai crescer muito, mas muito daqui em diante, quase todo mundo que falo garante que votará nele, quando o povo tiver a oportunidade de ouvi-lo ele vai arrebatar a multidão, somente ativistas de minorias e esquerdinhas rangerão os dentes de raiva…capitão na presidência do Brasil, a da ordem no Brasil.
        Educação moral e cívica, respeito aos professores, autoridade aos policiais, GUERRA contra o tráfico de drogas, proteção dos bens naturais nacionais contra os interesses estrangeiros, fortalecimento da igreja, moralização da política, fechamento das ong´s sanguessugas. Esse é o único cara que pode fazer isso tudo, se ele ganhar o Brasil terá alguma chance de conserto. Pena que ele nao tem a genialidade do Dr Eneas, mas será preparado para assumir o cargo daqui a tres anos.

  1. Resultado esperado por quem acompanhou as notícias, leu a denúncia do Procurador Geral da República, Dr. Rodrigo Janot, e não viu no Cunha a figura daquele “gênio” e santo que Malafaia pintou e uma horda de crentes imbecilizados e completamente alienados comprou e aplaudiu.

  2. 29/12/2013
    Bancada Evangélica: a mais ausente, inexpressiva e corrupta de todas

    Muitos de vocês, jovens leitores, têm pais e parentes evangélicos. Pessoas boas, que não concordam com a corrupção e com o roubo e desvio do dinheiro dos fiéis para enriquecimento ilícito de pastores mal intencionados.
    Você, leitor, tem uma missão: informar a sociedade da existência desta corja que usa o nome de Deus em benefício próprio.
    Se estes amigos e parentes forem pessoas honestas, eles ajudarão a limpar esse lixo infectado da política que se alojou no seio das Igrejas de dentro para fora!
    Dados do Transparência Brasil indicam que:
    1) Da bancada evangélica, a maioria dos deputados que a compõe respondem processos judiciais;
    2) 95% da referida bancada estão entre os mais faltosos;
    3) 87% da referida bancada estão entre os mais inexpressivos do DIAP;
    4) Na última década não houve um só projeto de expressão, ou capaz de mudar a realidade do país, encabeçado por um parlamentar evangélico.
    Veja a quantidade de deputados por igreja, que respondem processos na justiça eleitoral e ou comum:
    Assembleia de Deus: – 11 – Hidekazu Takayama; Sabino Castelo Branco; Ronaldo Nogueira; João Campos de Araújo; Costa da Conceição Costa Ferreira; Antônia Luciléia Cruz Ramos Câmara; Cleber Verde Cordeiro Mendes; Nilton Baldino (Capixaba); Silas Câmara; José Vieira Lins (Zé Vieira; Marcelo Theodoro de Aguiar.
    Igreja Presbiteriana – 05 – Leonardo Lemos Barros Quintão; Edmar de Souza Arruda – PSC/PR; Edson Edinho Coelho Araújo (Edinho Araújo); Benedita Souza da Silva Sampaio; Anthony William Garotinho Matheus De Oliveira (Anthony Garotinho).
    Igreja Universal do Reino de Deus: – 04 – José Heleno da Silva; Vitor Paulo Araújo dos Santos; Antonio Carlos Martins de Bulhões; Jhonatan Pereira de Jesus.
    Igreja Do Evangelho Quadrangular – 03 – Jefferson Alves de Campos; Mário de Oliveira; Josué Bengtson
    Igreja Internacional da Graça – 02 – Rodrigo Moreira Ladeira Grilo; Jorge Tadeu Mudalen.
    Igreja Mundial do Poder de Deus – 02 – José Olímpio Silveira Moraes; Francisco Floriano de Souza Silva
    Igreja Metodista – 02 – Walney Da Rocha Carvalho; Áureo Lidio Moreira Ribeiro.
    Igreja Nova Vida – 01 – Washington Reis de Oliveira
    Igreja Cristã Evangélica – 01 – Iris de Araújo Resende MachadoCongregação Cristã no Brasil – 01 – Bruna Dias Furlan.
    Igreja Sara Nossa Terra – 01 – Eduardo Cosentino da Cunha.
    O pior é que ainda almejam em ampliar a bancada em 30%. Será que serão iguais a estes?

  3. COM CERTEZA SE DEVE QUE PAGUE, MAS QUE TAMBÉM ELE DENUNCIE TODOS OS OUTROS, SÃO MUITOS AGORA PRINCIPALMENTE OS ARTICULADORES DESTA ROUBALHEIRA LULADRÃO E DILAMA

    • Aí clamando vc não apoiava este pastoreco evanjegue do cunha ., agora a seita assembleia de sata daquele ele e vc faz parte deve devolver a grana dos brasileiros .,e tá dito safados

      • não apolo
        com certeza não, bem ao contrário se vc. ler minhas postagens verás que feliciano nunca escapou do meu crivo como cidadão em primeiro lugar e depois como Cristão, e até ressalvo que por se esperar mais daqueles que deveriam ser exemplo, sem peço que a punição seja maior.

DEIXE UMA RESPOSTA