Rainha das plásticas, Ângela Bismarchi se converte, é batizada e abandona posto de musa do carnaval

1

A modelo, repórter e apresentadora Ângela Bismarchi, 50 anos, se converteu ao Evangelho, anunciou que decidiu abandonar a folia de Momo e fez a escolha de ser batizada nas águas. A celebração aconteceu em um rio em Tanguá, na cidade de Rio Bonito (RJ).

Ângela foi batizada juntamente com o marido, o cirurgião plástico Wagner de Moraes, que também vinha frequentando cultos em uma igreja de Niterói, segundo informações do jornal Extra.

Criada em uma família católica, a modelo se tornou nacionalmente conhecida por suas diversas cirurgias plásticas com fins estéticos, e assim, se tornou musa do carnaval no Rio de Janeiro.

Após o batismo, Ângela descreveu a emoção de ser batizada e explicou o motivo de ter escolhido um rio no interior do estado: “As características do local são muitíssimo parecidas com o local em que Jesus foi batizado por João Batista, lá em Israel, na Galileia, perto do Mar de Tiberíades (ou mar da Galileia ou Kinereth), na saída do Rio Jordão deste mar. Por isso e por tudo que esse sacramento nos inspira, na aproximação com Deus. Foi um momento superespecial que não contém explicação, que não seja aquelas contidas no interior das lágrimas que derramei. Momento único”, afirmou.


A conversão à tradição protestante e a decisão por ser batizada de forma voluntária também foram comentadas pela modelo: “Quando bebê, fui batizada por aspersão na Igreja Católica, por iniciativa dos meus pais e, lógico, das quais lembranças não as tenho. Mas agora, por iniciativa do meu coração, nossa! É fantástico sentir o Espírito Santo habitar em você. Quando imergi no fundo do rio, parecia que eu estava entrando num sonho, e quando voltei… voltei à realidade, só que agora mais purificada”, concluiu.

Ângela e o marido decidiram pelo batismo juntos

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA