Brasil

“Barulho de Igrejas” lidera lista de queixas no Ministério Público de SP

Comentários (40)
  1. wellegton paiva araujo disse:

    [red]Ingrasados eles faz festas ninguem reclama das imoralidades
    mas quando a igreja de Cristo se reuni eles falão q e barulho.
    Jesus ta voutando o q vc tem pra apresentae naquele dia
    porque todos estão ai de festa em festa o grande dia ta perto
    feliz daquele q tem suas vestes lavada no sangue do cordeiro e vc tem?????????????????????????????

    1. Michelle disse:

      Meu caro, pare de estudar a bíblia e dedique-se ao estudo da gramática!!

    2. Magali disse:

      Michelle está coberta de razão!!! Com tantos dicionários “on line”, assassinar a língua portuguesa dessa forma é um sacrilégio!!!

  2. Karla Cristina disse:

    É,existem pessoas que se incomodam com canticos,orações,louvores e adorações a Deus,mas as festas juninas,carnavais,som de boates,hip-hop,funk e outros,não os incomodam tanto rsrsrsrsrs

  3. Tiago disse:

    Não é por mal não, mas tem umas igrejas que gritam d+, a gente (nós os crentes) já acostumou e além disso nós temos o espírito do pentecostes.
    Meu filho se não fosse isso nem nós aguentariámos.

  4. Ivan disse:

    Nenhum pastor ou padre estão acima da LEI, TODOS tem o DEVER de RESPEITÁ-LAS. Se existem igrejas que respeitam os limites de ruído, é sinal de que é possível conviver em harmonia com a sociedade sem incômodos, basta providenciar o devido isolamento acústico ou diminuir o volume. Diferentemente do que apregoam alguns, se uma boite estiver excedendo os limites de ruídos é denunciada da mesma forma que as igrejas, ou seja, independentemente da origem, o causador do ruído é denunciado e tratado igualmente, sem distinção. É a velha mania de perseguição que alguns evangélicos insistem em afirmar.

  5. Parabéns Tiago por suas palavras assino embaixo a um certo abuso sim

  6. Paulo disse:

    Essa “perseguição” está em harmonia com as Escrituras conforme Efésios 4:31 “LONGE DE VÓS TODA…GRITARIA”

  7. discipulo do rei disse:

    hô ivan se isso não é perseguição me diz o que é então até hoje eu naõ vi site nem abaixo assinado contra barulho de casas noturnas festas etc,quando é essas coisas parece que ninguém reclama mas quando é igreja querem chamar até o presidente,aqui aonde eu moro vejo isso costantemente bailes festas que atravessa a alta madrugada com um som que da para ouvir quilometros de distancia e nada acontece , sei que muitas igrejas exageram e queria ver o controle disso mas também de varios outros lugares..

  8. mello disse:

    Sou Evangelica, mais não aguento mais a falta de respeito e consideração por parte dos jovens de uma igreja do lado da minha casa, eles começam o ensaio ás 21hs e enceram ás 23hs, a altura do som nem se fala, e a qualidade então, nunca vi ninguem tocar e cantar tão ruim, acho q nem Deus se agrada rsrsrs. sofro muito com isso e vou entrar com uma ação contra eles, sim em nome de JESUS.amem

    1. Adriana disse:

      Olha a sua ainda vai até as 11 horas, aqui do lado tem uma igreja que como hj, sabado já é 4 hras e meia da manhã e esse culto com barulho, não para a nenhum instante, tenho uma bb que não consegue durmir por causa do barulho, de bateria guitarra, o povo cantando, gritando, e sinceramente to quase chamando a policia

  9. Phillipe disse:

    Bom, nem preciso falar de novo que moro próximo a uma igreja e ela é extremamente irresponsável e negligente com a paz sonora na vizinhança.

    Espero que não me digam que sou uma pessoa incomodada com o Cristianismo e por isso estou sendo usado por demônios para impedir o avanço do Reino, como disseram da ultima vez. Dessa vez quem reclama é uma pessoa que vai a igreja aos domingos, ler a Bíblia todos os dias e acredita que Deus o ouve quando ora.

    Graça e paz!
    “Seja um crente decente, não grite no ouvido da gente”.

  10. Paulo disse:

    Irmã Mello, faço-lhe um pedido, em nome da boa convivência, apesar de ver que “os meninos” não estão dando a mínima para isso, antes de ir a justiça, fale com o líder dessa Igreja. Infelismente, ainda há quem pense que Deus é surdo!

  11. Tiago disse:

    O problema ainda é maior aqui em Inhapim, igrejas evangélicas estão sendo processadas por esse motivo, o que ocasiona a perda de credibilidade perante a sociedade. E o problema maior ainda são as propagandas e os carros de som das igrejas que circulam o dia todo pela cidade.

    Graças a Deus, que na minha cidade a minha igreja é respeitada pela sociedade, pois não se envolve em certos movimentos.

  12. Karla Cristina disse:

    Repetindo o que já escrevi outrora rssrsrsrs :’É,existem pessoas que se incomodam com canticos,orações,louvores e adorações a Deus,mas as festas juninas,carnavais,som de boates,hip-hop,funk e outros,não os incomodam tanto rsrsrsrsrs

    1. Cezar disse:

      Amiguinha, carnaval e festa junina acontecem 1 vez ao ano. Demais casas noturnas precisam de isolamento acústico para funcionar, portanto não pertubam. Agora a igreja que tem aqui do lado de casa e quase todo dia, de manhã e a noite. Ninguém é obrigado a escutar as orações e gritarias histéricas, muito menos ouvir gente da pior qualidade ficar “cantando”. Não consigo trabalhar, o meu filho pequeno não consegue dormir e etc… A lei existe, e a igreja, pastor e etc não está acima da mesma. FALTA DE RESPEITO!!!

  13. Ivan disse:

    Discipulo do Rei, não vi, até hoje, casas noturnas que incomodem vizinhos, pois normalmente esses são os lugares mais fiscalizados pelo poder público, assim, possuem isolamento acústico que impede que o som se propague elém de seus muros. Quanto às festas, normalmente ocorrem esporadicamente, o que dificulta a fiscalização, pois, caso sejam denunciadas, não há como provar que de fato houve barulho em excesso, isso ocorre porque quando a fiscalização chega ao local não há barulho para ser constatado. Já as igrejas funcionam, em sua grande maioria, na clandestinidade, sem Licença Ambiental etc. e em horários fixos, isso facilita a fiscaçização que vai ao local no horário denunciado e, através de aparelhos eletronicos, medem o ruído oriundo da igreja constatando o barulho excessivo.

  14. Alan disse:

    Entendo que quem mora próximo a templos EXTREMAMENTE barulhentos sofrem com isso, mas..

    Oq me intriga, é que nunca vi comunidade expressando protesto contra boates de show, festa, que fazem barulho tbm, PIOR.. geralmente, elas funcionam a noite!!

    E não venham me dizer que tem isolamento acústico, pq da rua da pra ouvir sim.. e isso, quando não sai tiroteio por aí nessas casas de show.. (Disso ngm reclama né)

  15. Karla Cristina disse:

    Alan é isso aí,como é que a pessoa diz que casa de show,boate,festa de RUA(caipira,carnaval,parada gay),não fazem barulho rsrsrsrs

  16. Luciane disse:

    Parada Gay é um dos maiores absurdos que o diabo inventou! é tanta imoralidade, barulho e dentre outros,mas ninguém reclama de nada, pelo contrario saem de suas casas para ver! É o fim dos tempos mesmos! Barulho demais esta errado sim, so que é como algumas pessoas estao comentando, eles reclamam do barulho q as igrejas fazem, mas a de feztas do mundo, as pessoas nem se incomodam!

  17. Ivan disse:

    Para aqueles que pensam que somente as igrejas recebem reclamações:

    Barulho de boate perturba moradores de Ipanema

    O edifício ao lado da boate 69, na Farme de Amoedo, em Ipanema, sofre diariamente com o barulho ensurdecedor da música eletrônica que começa às 23h e só termina às 7h do dia seguinte. Além disso, o funcionamento do estabelecimento provoca desordem urbana nas imediações: buzinas, brigas, gritarias e etc. E isto acontece em Ipanema, na Zona Sul.

    SOU VIZINHO DE UMA BOATE SEM ACUSTICA O QUE DEVO FAZER…

    Moramos ao lado de uma boate, meio metro um do outro, nossa casa e simples sem forro, janelas e porta sem vedação que facilita a passagem do barulho de fora, a boate não tem nenhuma estrutura, não é forrada tem portas e janelas abertas, e como a nossa casa fica ao lodo o som é como se estivessemos dentro da mesma, fora as pessoas que estão na rua gritando, brigando e fumando maconha, nossa cidade não tem nenhuma estrutura para isso e os governantes não fazem nada, pelo contrário, autorizam o funcionamento desse tipo de estabelecimento, violando a lei do silêncio, claro que nenhum deles mora ao lado de uma boate, essa boate fica em um local toltamente residêncial, entramos contra eles na justça, mas a mulher do promotor que atende a população no lugar dele decidiu que deveriamos mudar de casa, os proprietários nos ofereceram uma casa no “fim do mundo” longe de tudo, pois moramos no centro da cidade, inferior a nossa, a mulher do promotor apoio a idéia deles. A pouca tempo eles começara a falir e passaram a boate para outra pessao, não temos conhecimento nem de que são, e eles trouxeram um som mais potente, olha que já era auto, nos tinhamos uma vantagem nos antigos donos por também morarem na mesma vizinhança e serem conhecidos a muito tempo, por isso de vez em quando maneravam no som, os novos proprietários testando o som nos falou que o que estavamos ouvindo era só a metade, não podemos trocar de casa e nem vamos, moro com meus avós e meus pais todos já de idade, meu irmão de cinco anos, minha mulher e minha filhinha recém nascida, graças a Deus os vizinhos estão começado a se sentirem a incomodados e estão nos dando apóio, QUERO SABER QUAIS AS MEDIDAS QUE DEVEMOS TOMAR DIANTE DISSO TUDO COLOCADO ANTES DE IRMOS NOVAMENTE NA JUSTIÇA, QAUIS AS LEIS A NOSSO FAVOR.

    Laudo da Polícia comprova: boate Morada do Vinho produz barulho acima do permitido

    Depois de meses tentando uma solução junto ao Setor de Fiscalização da prefeitura, de ter reclamado na Ouvidoria e pedido auxílio a alguns vereadores, como morador do mesmo prédio onde funciona a boate “Morada do Vinho”, resolvi fazer uma denúncia ao Ministério Público, que pediu a abertura de Termo Circunstanciado para apuração dos fatos. Assim, peritos do Instituto de Criminalística compareceram ao local e constataram que a referida boate produz barulho acima do permitido em lei.

    Os peritos realizaram medições dentro do prédio e em frente à boate, e concluíram que, “baseado no que foi visto e medido no local dos fatos permite ao perito relator inferir que o estabelecimento Morada do Vinho está permitindo propagação de ruído, para o ambiente externo, acima do permitido pela legislação municipal, caracterizando perturbação do sossego público (sic)”.

    Vale lembrar que a legislação municipal é mais relaxada que a legislação estadual e federal. Contrariando as normas da ABNT e da CETESB e o que diz o Art. 30 da Constituição Federal, a Lei do Silêncio diz que o horário noturno se inicia à meia-noite (quando deveria ser às 22:00 hs) e que o limite de ruído neste horário é de 60 dB (quando deveria ser de 50 dB).

    Para renovar o alvará de funcionamento e contestar o laudo da perícia, a boate Morada do Vinho contratou um engenheiro para fazer novas medições, o mesmo que assessorou a prefeitura na criação da inconstitucional Lei do Silêncio.

    Após algumas reformas e novas medições, o novo laudo revelou que as melhorias foram mínimas e que o problema não foi resolvido. O laudo possui diversos erros e inconsistências, a começar pelo fato de que não é conclusivo. O engenheiro se limitou a comentar os resultados, que não diferem muito dos obtidos pela perícia. Dos 16 itens medidos pelo engenheiro, todos estão acima dos limites estabelecidos pelas normas ABNT NBR 10.151 e CETESB L11.032. E quanto às reformas, limitaram-se a fechar algumas saídas de ar e a instalar portas de vidro para abafar o barulho que sai para a rua, pois afinal de contas, para a Lei do Silêncio o que importa é a medição no exterior dos estabelecimentos, e não dentro de residências. Nenhuma proteção foi instalada nas colunas ou no teto da boate, que é revestido com cortiça. O que incomoda os moradores não é o barulho que vem da rua, mas sim o ruído e as vibrações que sobem pelas lajes e paredes, e que ressoam por todo o prédio. Neste ponto o perito da Polícia Científica destacou bem: “Cabe consignar, no entanto, que há outros tipos de propagação de ruído além da propagação pelo ar, como através de estruturas rígidas de um prédio de alvenaria, por exemplo, e em função da vítima morar no mesmo prédio que o estabelecimento reclamado, fonte de ruído, pode estar contribuindo, de forma relevante, a propagação do som, e da vibração, pelas estruturas rígidas do prédio, até o apartamento do mesmo (sic)”.

    O Setor de Fiscalização tem feito tanta vista grossa, que desde outubro de 2008 não há mais fiscalização no Centro Novo. A Adega Barbieri continua a funcionar sem isolamento acústico e o Bar do Paixão não recolhe as cadeiras após a meia-noite. Fiscais da prefeitura revelaram que as multas aplicadas não estão sendo lançadas, ficando as mesmas em poder do chefe da fiscalização, Luiz Carlos Tondatto. Os moradores tentam há mais de 40 dias uma audiência com o prefeito ou o vice, e até agora nada.

    Quanto aos alvarás ilegais que o Tondatto continua a expedir, de duas uma: ou ele é de uma incompetência técnica incrível, ou ele é muito amigo dos donos de bares e boates. Mas muito amigo mesmo, desses que tomam cafezinho juntos.

    Wallace Rodrigues de Santana, morador do Centro Novo,
    é Tecnólogo em Mecânica de Precisão pela FATEC-SP
    e Mestrando em Engenharia de Informação pela UFABC.

    * Publicado na edição de 12 de março de 2009 no Jornal Mais Notícias.

  18. Ivan disse:

    Confesso que a primeira vez que postei um comentário neste site imaginei que estava perdendo o meu tempo, pois tive a certeza de que não passaria pela moderação, mas, até hoje, para minha surpresa, isso nunca ocorreu, assim, quero dar os PARABÉNS ao Sr. Cavallera que permite a publicação de todos os comentários, sem censura, sejam eles contra ou à favor de qualquer assunto, bem como pela publicação de assuntos polêmicos que muitas vezes vão de encontro aos interesses cristãos, embora não expressem a opinião dos editores do site, não deixam de ser publicados.

  19. carla disse:

    Vocês crentes são patéticos. O mesmo crime, o de poluição sonora, é cometido por vocês, pelas boates e pelo baile funk. Todos, sem exceção, estão descumprindo a lei dos homens e as Deus quando incomodam seu próximo. Respeito ao outro, é regra fundamental de convívio em qualquer sociedade, inclusive no mundo animal. Quem vcs pensam que são que estão acima ou fora disto? Já movi 2 ações contra igreja barulhentas e todas rapidamente resolvidas pelo MP. Pretendo mover quantas ações forem necessárias para acabar com esta palhaçada. Ao contrário do que vcs falam aí, o meu vizinho do forró, me recebeu para conversar e controlou seu som logo no meu primeiro pedido. Sabem o que o meu vizinho pastor evangélico fez? Disse que eu vendesse minha casa se estava incomodada… Coitado, acho que em breve quem vai vender alguma coisa é ele, depois de tantas multas que recebeu da justica pelo abuso do som, kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

    1. Jason disse:

      Vc diz que nós CRETES somos patéticos, porem nos orgulhamos pois o própio JESUS tem sido patetico para a maioria do mundo, e nos orgulhamos mais ainda porque somos perseguidos por pessoas como vc que não ama o Evangelho nem tão pouco tem parte com o Senhor, pois os de DEUS , ouve as coisas de DEUS falam das coisas de Deus e vc não fala mas o que mais faz é reclamar. Então querida se convertar ao Senhor JESUS e venha ser patetica, pois é melhor doque ir para o INFERNO e passar toda eternida escultando GRITOS E GEMIDOS, TORMENTOS.
      Então melhor é escultar a PALAVRA DE DEUS E SEUS LOUVORES.

  20. Karla Cristina disse:

    Ela está descontrolada,rsrsrsrsrsrss

  21. Ivan disse:

    Não KC, ela não está descontrolada, ela apenas disse o que você se recusa a entender.

  22. Karla Cristina disse:

    Mas ela escreveu de maneira descontrolada,rsrsrsrsrsrsr

  23. antoniel disse:

    eu moro em feira de santana bahia perçebo que os propios evangelicos estao criticando os mesmo esta lei foi feita no objetivo de percegui os evangelicos vejo que centros de macumba fas barulho a noite inteira e nada acontece bares de maneira incontrolavel naeda aconteçe carros de son altas da noite ningem reclama se rclamar nao tem um horgo responsavel mas se reclamar de uma igreja evangelica na mesma hora apareçe meio ambiente policia ate mesmo as forças armadas ainda tem crentes que ataca os mesmo voçe presiza se converter e coneçer DEUS verdadeiramente indiginacao

  24. Fernanda disse:

    Não aguento mais a morada do vinho nem o bar do Paixão, eles não respeitam ninguém
    naum tem nenhum limite de horário
    Eu simplesmente não durmo por causa daquelas espeluncas!

  25. luís carlos disse:

    Pessoal precisamos entender uma coisa,as coisas de Deus são lindas e maravilhosas, só que o homem as deixam feias e desagradáveis.Não podemos querer evangelizar o bairro inteiro gritando da igreja. As orações são boas,os cãnticos as pregações só os gritos que não.Eu moro no mesmo prédio de uma igreja, em cima,imagine uma só pessoa orando gritando no microfone.Como seria legal todos orasssem juntos no mesmo som. Tem igrejas que não tem pregador tem animador de culto. Não é porque outros fazem barulho e não são punidos que a igreja pode fazer, Deus é educado … Alguns crentes parece querer incitar o fervor nas orações com gritos. Querem imitar aquela época do pentecoste com barulho. Acredito que o amor e o respeito é princípio. As vezes temo até de falar alguma coisa pois podem falar que está usado pelo demônio, se levantando contra a obra de Deus, alguns até oram pra gente cair por terra…

  26. Marlyse disse:

    Moro no centro da cidade à 20 anos e nunca tive problemas, até mudar uma Igreja da Graça de Deus,o verdadeiro “Show” da fé. Esse estabelecimento acabou com a minha Paz, estou cansada, só quem mora do lado de ESTABELECIMENTO BARULHENTO sabe do que estou citando, esses pastores acabaram com o meu lar, estão destruindo a minha família, pois não podemos mais conversar em casa, ficamos com janelas e portas fechadas com o intuito de amenizar (infelizmente em vão)…que tipo de pessoas são essas que não respeitam os “irmãos” (como eles colocam)?!! Em frente a minha casa também tem uma casa de prostituição, é tão discretos que só fui saber tempos mais tarde, em suma, a casa de prostituição não é barulhenta como o estabelecimento do Show da fé… O que me deixa mais triste é que só temos aqui para reclamar… A única coisa que faço é não consumir ou comprar coisas em geral de pessoas frequentadoras dessas instituições barulhentas. Temos que encontrar uma maneira para que haja respeito, eu só quero meu lar (a Paz) de volta.

  27. Leonardo disse:

    Se ao invés de ficarem gritando, estes fiéis fizessem caridade tenho certeza que o mundo estaria bem melhor… Igrejas e templos tem a obrigação de serem os primeiros a cumprir a lei da polução sonora… a igreja que não cumpre não tem moral…

  28. Duda disse:

    Ivan,vc ja parou p/ pensar q/ carnaval,boates,etc…nao estao ai todo dia,toda hora.nao sao todas, mas as igrajas nao tem hora p/ fazerem barulho.é na matina,a tarde,uma tal de vigilia…sem falar q sao poucas as boates q ficam coladas com casas.Vem morar na minha casa p/ ver se vc consegue ao menos depois d um dia cançativo de trabalho,assistir a um jornal dignamente sem precisar colocar a tv no ultimo volume.em menos de 6 meses tive q mandar minha tv p/ o concerto,causa:caixa de som estourada.pq?por ter aumentado dmais o son.isso é um absurdo.reflete melhor sobre o assunto.kd a tal da convivencia pacifica.”o meu direito começa, apartir do momento q o seu termina.”

  29. Allan disse:

    É esse o problema, vcs crentes não respeitam ninguém, nem a religião dos outros, eu moro em frente a uma igreja quadrangular e é um inferno, gritaria, barulho e tudo mais, não consigo assistir televisão e nem falar ao telefone!!!! como vcs querem louvar a Deus se vcs nem respeitam as pessoas aqui? e outra, eu não sou obrigado a ouvir canticos de outra religião… respeitem para serem respeitados… fanaticos religiosos…

  30. jose hernandes delafiori disse:

    moro em frente a um templo da igreja mundial do poder de deus é um inferno. eles não possuem controle acustico. os pastores gritam o dia todo. impossiel abrir potas ou janelas.

  31. jose hernandes delafiori disse:

    não sabemos mais o que fazer para queesses malucos dos templos religiosos respeitem os direitos dos vizinhos de viverem com um pouco de silencio

  32. maria de fatima andrade disse:

    Desabafo!!!!!!!
    Fiz muitas tentativas com o pastor Carlos da Igreja Congregacional de Trindade no Bairro de Trindade municipio de Sao Gonçalo,Rio de Janeiro, no sentido de diminuir o som a gritaria dentro do templo nas horas do culto ou fora das horas do culto, nada consegui,sofro de labirintite e tive um principio de infarto, minha saude esta debilitada, imaginem voces conviver ao lado de uma igreja barulhenta,hoje domingo dia 28/02/2010,fui a igreja novamente reclamar do barulho um senhor que estava la me agarrou pelos braços e impediu minha entrada na igreja, com maior estupidez,eu disse a ele Deus nao e surdo,leia a bliblia direito e respeite meu silencio,mas ele riu de mim,tenho 61 anos e me sinto ultrajada no direito de ter minha paz, nao consigo ver televisao , nem acessar meu computador,estudar ou ler,muito menos converssar ao telefone, o barulho incomoda demais.Ja perdi a paciencia e peço a alguem que me ajude a tomar uma atiude seguindo os metoos da justiça.Espero realmente que Deus tenha piedade de mim!!!!!
    Obrigada a todos e desculpem pelo meu desabafo

  33. Felipe Gomes disse:

    Bem meu caso é um centro de macumba, meu Deus de sexta para sabado todo mundo cansado e essas pessoas ficam batendo tambor ate às 4 horas da manhã e isso ocorre sabado e domingo à tarde. Sendo que o local aonde eu moro e um bairro residencial muitas casas de frente a outras o barulho aqui na minha casa e horrivel. alguém pode me ajudar por favor !!!!

    1. Jarbas disse:

      Entre em contato com psiu reclamações ok. abraço.

  34. Michelle disse:

    IRMÃOS, SE ESTÃO TÃO DESESPERADOS PELA CONVÍVIO COM DEUS, POR QUE NÃO COMETEM SUICÍDIO COLETIVO?

  35. Riardo disse:

    BEM COMO DISSE O CARO Felipe Gomes ALI EM CIMA “MACUMBA”, PRIMEIRAMENTE VAI SE INFORMAR O QUE É “MACUMBA” PARA DEPOIS CRITICAR, NO CASO DO SOM ALTO, TAMBÉM CONCORDO COM OS QUE RECLAMARAM, POIS NO LADO DE MINHA CASA TAMBÉM TEM UMA IGREJA ONDE ELE NÃO GRITAM, ELES BERRAM COMO SE “DEUS” FOSSE SURDO, MEU PARE DE DE PENSAR QUE JESUS ESTA PRA VOLTAR, VÃO ESTUDAR UM POUCO PRA VER SE APRENDEM ALGO DE ÚTIL NESSA VIDA, E O BARULHO DELE NÃO TEM JUSTIFICATIVA, E SEMPRE DIZEM QUE É MELHOR UMA IGREJA DO QUE UM BOTECO NO LADO DE CASA, NO MEU CASO NÃO SEI QUAL SERIA O PIOR, PQ SERIA PIOR (PELO MENOS AS CASAS DE FESTA TEM ISOLAMENTO DE SOM NAS PAREDES)..

  36. Nivas Larsan disse:

    Gostaria de ter visto Cristo no monte das oliveiras… será que ele levantou os braços, pulou e gritou em altos brados: PAI AFASTA DE MIM ESSE CÁÁÁÁLICE???

  37. Nivas disse:

    Boa Michelle. Essas igrejas e cultos sobrevivem as custas dos ignorantes. Como já dizia Zé Ramalho…. “Admirável gado novo” !!

  38. Jarbas disse:

    Uma das caracteristicas do ser humano e ter “vontade propria” correto ?
    ok, agora vamos ao que interessa.

    Acredito que todos aqui acordam bem cedo para trabalhar .. não sou contra a funcionalidade de qualquer igreja que seja desde que tenha ordem e decência quanto aos barulhos exageradamente altos sem necessidade isto é “sacrifício de tolo”

    Acordem fiéis, barulho exagerado ainda mais fora de hora como é sempre o ocorrido é “sacrifício de tolo” e ainda está fora daquilo que conhecemos como lei, ou seja, como disse nosso senhor e salvador Jesus Cristo meu povo sofre por falta de entendimento acordem, DEUS quer a sinceridade de vossos corações. Louvem a DEUS, orem, ouçam a palavra mas não escandalizem a obra de DEUS e ai por quem o escândalo vier não é assim que está escrito ?

    Espero que entendam, não sou contra qualquer tipo de igreja ( prefiro 1000 igrejas do que um bar ) mas não foi este o ensinamento que DEUS deixou para vós.

  39. Amo Jesus e sei o que Ele foi para mim e sempre será HUMILDE E MANSO DE CORAÇÃO. NÃO GRITATOR

  40. Fabiano disse:

    Traçar um paralelo entre festas e eventos pontuais com cultos religiosos que acontecem praticamente todos os dias, em local fixo é de, no mínimo, um processo de negação e uma ignorância sem tamanho, isso se não tratar-se de uma desonestidade intelectual.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO