Brasil

Igreja Batista da Lagoinha Cria ministério para jovens com “culturas alternativas”. Entenda

Comentários (21)
  1. Culturas alternativas não são bem vistas dentro do meio religioso pelo fato de não terem suas regras de conduta e pensamento baseadas em preceitos espirituais.Jovens que curtem heavy metal e outros estilos de rock não são necessariamente materialistas ou adoradore do capeta, mas no geral eles não levam nem um pouco a sério a trindade divina que deseja ardorosamente conquistar todos os corações e mentes da humanidade.A intenção real da igreja de cristo é converter todos esses jovens, eliminando assim toda contestação e rebeldia que caracteriza esses movimentos de cultura alternativa.Esses nobres pastores estão envolvidos numa conspiração mundial que visa levar ao extinção bandas como o Metallica, o Iron Maiden, Motöhead e outras mais atuais como o Red Hot Chilli Pepers, Radiohead, Offspring e todas as outras que ousam não louvar o nome do senhor Jesus.Come sempre o que está por trás desse movimento da Igreja Batista da Lagoinha é o milenar desejo de silenciar as vozes opositoras ou indiferentes em relação a grande oferta de ''salvação eterna''.O gosto musical, a maneira de pensar e o estilo de vida dessa galera underground incomoda e desperta a sanha evangelizadora de líderes cristãos mais militantes.Eu entendo:é preciso fazer com que esses jovens conheçam o verdadeiro deus e salvem suas almas do fogo eterno.Eu também quero saber onde eles encontraram punks, já que essa espécie urbana vem rareando mais que unicórnios alados.Eu sou um velho punk que me disfarço bem como um pai de familia honrado e trabalhador.Mesmo assim eu fui vítima de assédio religioso por parte de um colega evangélico pelo simples fato de estar usando uma camisa preta dos Ramones, as divindades máximas do punk rock.

    1. José Mendes disse:

      Adelino Costa.Jesus o Cristo quando estáva perante pilates, disse-lhe;Eu sou a verdade! O simblo que usas mostra a partida a tua argumentação.

  2. Ariel Silva Pereira disse:

    Eu sou metaleiro mas não me visto à caráter por medo de sofrer preconceito… mas não vou ligar, começarei deixando o cabelo crescer igual ao Do Jean Carllos do Oficina G3!

    O que importa é meu relacionamento com Deus, não ligo para a aprovação alheia.

  3. misericordia. e Jesus não muda mais não é ? o evangelho tem q se unir ao mundo agora?

    1. eu ia ti responder mas deixa quieto não vale a pena, matinho Lutero disse que discutir ocm esterco vencedor ou perdedor sempre saimos sujos então deixa pra lá, o importante é que o evangelho ta sendo levado para toda tribo e as profecias do nosso Senhor tme se cumprido independente da sua posição religiosa de certo e errado e questões culturais e morais que igrejas cheias de religiosidade adotam como se fossem mandamentos de Deus, abraços Paz

    2. Jorge Dias disse:

      eu de certa forma concordo com o Adrian mas axo q ele foi muito duro nas palavras mas entendo oq quis dizer, assim Heverton, Jesus muda as vidas SIM, mas oq esta sendo discutido não é o fato de ser rockeiro, pagodeiro nem nada, mas o estilo de vida errado que seguem, curtir um estilo de musica diferente não é pecado! como eu disse pra Lais, foi DEUS que criou a música e devemos adora-lo com todos os estilos e todos os instrumentos, oq deve ser mudado é o preconceito com as pessoas que estão perdidas nesse mundo pois todos as tratam como escória, eles são vida! DEUS ve o coração e não as tatuagens e piercings, a mudança deve partir de ambos os lados, dakeles que estao em caminhos tortuosos desconhecedores da palavra e tbm dos hipócritas religiosos que dizem amar o próximo mas tratam com desrespeito por não serem iguais a eles, conheço muitos tatuados que pregam e salvam mais vidas que muitos engravatados. Deus usa quem deixa ser usado não importa sua raça, situação financeira nem nada, importa a sinceridade de sua entrega a Deus. Fiquem na paz!

  4. Joabe Rios disse:

    A ideia é boa, mas o caminho é árduo.

  5. Bruno disse:

    Mais uma maluquice da Lagoinha! Essa Igreja em células cancerígenas que quando jura pelo templo diz que não é pecado, mas quem jurar pela oferta do templo esse é anátema para eles, ou seja, para arregimentar dízimos e não para pastorear almas, amam ao mundo e a tudo que nele há!
    Inimigos de Deus!

  6. Jorge Dias disse:

    olha o fato é o seguinte, a idéia é excelente, o povo do underground é tratado com muito preconceito por muitas igrejas devido a religiosidade ainda existentes nelas, eu tenho uma banda cristã de Post-Hardcore e Metalcore, sei como as coisas funcionam, já toquei em igrejas que nem conheciam o estilo e vi Deus quebrar os paradigmas q existiam, já toquei em casa de show onde só rolou cerveja e bandas seculares com caras todo tatuados e vi pessoa após disso conversar conosco por terem sentido o Algo diferente (Deus) em nós e qriam conhecer. Uma pessoa tatuada não diferente de uma pessoa que não tem tatuagens o que DEUS vê é o coração, ser rebelde e beber não é caracteristicas de roqueiros, punks entre outros, isso são características de quem não conhece a verdade que é Cristo! Como músico e sobre essa questão que o Adelino falou é bem simples, eu penso da seguinte maneira, não é errado ouvir Red Hot, Metallica entre outros, desde que você analise bem qual a proposta da banda eu já não escuto mais pq senti em mim que ouvi-los não me edificava em nada nem espiritualmente nem musicalmente, mas cada um é cada um. Então assim, espero que esse projeto continuando gerando frutos assim como o CMF da Igreja Renascer, Crash Church, DBC entre outras!!! e que as pessoas deixem de preconceito pois não somos NINGUEM p julgar o nosso próximo a única coisa que devemos fazer para com eles é AMA-LOS como a nós mesmos pois é o mandamento de Deus!

  7. show disse:

    É o começo do fim desse ministerio de hipocristas e fariseus.Resumindo uma vergonha.

  8. Laís Naisu disse:

    ideia ensencial!"

  9. Laís Naisu disse:

    mas naum sabemos se isso da certo! num sei se isso e corretoo!"

    1. Jorge Dias disse:

      então Lais existem projetos hoje em dia que mostram que dá certo mas tudo depende dos dirigentes do projeto, exemplos que estão dando certo é a DBC, Crash Church (Igreja voltada justamente ao rock) e o CMF (Christian Metal Force) que é o ministério underground da igreja renascer e sei que há outros que eu ainda estou p conhecer. Deus criou a música para o seu louvor o diabo só copiou e tenta convencer os outros que é obra dele… a biblia mesmo fala que devemos louvar a Deus com canticos mas não fala se eh forro, sertanejo e por ai vai XD Deus é liberdade e devemos adorá-lo com o que melhor temos em nós, no meu caso é com os louvores que tenho na minha banda de Post-HC/Metalcore XD.

    2. Laís Naisu disse:

      e será que isso agrada realmente a a Deus?

  10. Há mas ou menos 6 anos fiz parte de um movimento parecido, era muito bom gostava muito da forma em que o evangelho era pregado, sem fronteiras, sem preconceitos e com toda a sua liberdade e sem deixar a sua verdadeira essência que é o amor ao proximo.

  11. Junior Vania disse:

    show de bola
    vlw pela iniciativa
    isso é atitude
    não é qualquer um que vai pregar pra essas tribos
    eu só dei ouvidos a palavra de Deus quando um eskatista amigo meu se converteu
    daí foi a trigo quase toda e eu fui tbm que não sou besta

  12. Monique disse:

    Carambaa, que maneiro ! Muito legal essa iniciativa da Lagoinha ! Eu acredito que a Palavra do Senhor, a essência da mensagem nunca mudará mas Deus nos dá criatividade e meios de atingir outras pessoas que possuem cultura e estilo de vida diferente do nosso. O problema é que as pessoas acham que existe um padrão de crente e só aquele tipo que está certo, as pessoas tem vivido na aparência, mergulhadas na religiosidade e muitos estão com a vida toda encalacrada. Deus quer um coração puro e sincero, pessoas quebrantadas, que O busquem de todo o coração, independente do cabelo ser espetado, ou de se vestir de preto, ou que ouçam rock, metalcore … Fiquem na paz

  13. Evangelho é mudança de vida ! a igreja não tem que se adequar as culturas alternativas….. e sim o contrário.
    Se tiver resultados positivos, valeu a pena o investimento da Lagoinha

    1. Não concordo! a partir do momento que você aceita a cristo você se torna nova criatura! " Evangelho é renuncia" temos que renunciar a carne!

    2. Lídia Monteiro Antonio disse:

      DAQUI A POUCO ALGUEM COPIA RSRSRS

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

As principais notícias gospel do Brasil e do mundo no portal pioneiro; Saiba tudo aqui sobre música gospel, evangélicos na política, ações missionárias e evangelísticas, projetos sociais, programas de TV, divulgação de eventos e muito mais.

No ar desde 2006, o canal de notícias gospel do portal Gospel+ é pioneiro no Brasil, sempre prezando pela qualidade da informação, com responsabilidade e respeito pelo leitor.

ANÚNCIO
ANÚNCIO
ANÚNCIO