No Fantástico, Chimbinha diz que “guru” de Joelma a influenciou na decisão pelo divórcio

13

O guitarrista Chimbinha deu sua versão sobre o escândalo conjugal que terminou no divórcio da cantora Joelma em uma entrevista ao Fantástico, da TV Globo, e afirmou que a postura agressiva adotada pela ex-mulher pode ter sido influenciada por uma “guru”.

“Eu nunca maltratei essa mulher, nem nunca vou maltratar. Mas eu falo pra ela que ela não vai calar minha guitarra”, disse o músico. Questionado sobre o amor pela ex-mulher, o músico afirmou ter dúvidas: “Eu não sei. O que ela tem feito tem me magoado muito. A banda Calypso não pode acabar. Se não for com ela, vai ser com outra pessoa”.

Admitindo que traiu a ex-mulher, ele disse que inúmeros fatores o influenciaram: “O excesso de trabalho levou a um desgaste muito grande. A gente não conversava mais sobre nós dois, sobre nossa família, sobre nosso casamento. Ela pediu divórcio em maio [de 2015], amigável, tava tudo certinho”, disse o guitarrista.

Chimbinha revelou que em outubro de 2014 Joelma descobriu o affair e ele pediu perdão, e achou o caso havia sido superado. No entanto, sete meses depois a cantora decidiu pôr um fim à longa união: “Ela falou que não queria mais viver comigo, e até hoje está essa situação”, lamentou.


Sobre as influências que levaram Joelma a agir da forma como vem sendo noticiado pela mídia especializada em celebridades, com um certo ar de teatralidade no trato com ele, o músico disse acreditar que pessoas que a aconselham são as responsáveis: “A Joelma tem algumas pessoas que ela considera como guru, então essas pessoas têm uma influência muito grande em cima da vida dela. Então, tinha horas que ela estava comigo uma maravilha, bem, e de repente, ela saía com essa guia dela, vinha diferente. Então eu acho que a Joelma foi influenciada [a adotar essa postura] por essas pessoas”, especulou.

Segundo Chimbinha, o número de telefone da líder espiritual de Joelma foi usado para fazer ameaças contra ele: “Fui na Polícia, deixei meu celular, o delegado fez uma investigação e descobriu que aquele número era da guru da Joelma, da guia espiritual dela”, revelou.

Sobre a suposta agressão à ex-mulher, Chimbinha foi enfático: “Não, jamais. Pelo contrário. As pessoas que me conhecem sabem da minha índole. Eu nunca fui um cara agressivo. Nunca. Eu sempre tratei a Joelma que nem uma princesa. Nunca maltratei essa mulher, e nunca vou maltratar. Primeiro, que ela é mãe dos meus filhos […] Ela tentou acabar com a minha imagem. A partir do momento que ela me proibiu de ver meu filho, colocando uma medida pra eu não ver meu filho, meu coração se fechou para essa mulher”.

Também evangélico, o músico diz que vai continuar sua carreira mesmo sem Joelma: “Deus vai mandar uma pessoa para continuar esse sonho comigo. Eu sei recomeçar, eu tenho força e tenho coragem. Eu não tenho vergonha de recomeçar”.

13 COMENTÁRIOS

  1. Acho que como Cristão qualquer pessoa deve pedir conselho ao seu Pastor e no caso de Adultério o culpado foram os dois que por não estarem vivendo uma vida espiritual de forma completo ou eficaz, ou seja alimentação completa do Corpo, Alma e Espirito talvez estivessem alimentando mau a alma e espirito, fato pelo Lucifer achou essa brecha para agir e com uma conselheira que não era Pastor(a) Joelma pode realmente ter caído em desgraças e ela pode até conseguir se levantar mais quando se levantar de verdade certamente procurará seu marido para reatar o casamento, isso se Chimbinha estiver solteiro, pois ele pode já está com outra o que seria um erro, pois deveria permanecer solteiro pelo menos por uns dois a três anos.

  2. O guru dela é um pastoreco , que está de olho na grana da banda ., tanto é que ela a Joelma já doou uma fazenda para o pastoreco., o digo guru..

    Sendo assim não tem chimbinha que guenta ., e a Joelma há muito tempo já tava mandiocando outro., o chifrudao do chimbinha já tinha levado chifres bem antes.,.

    Agora a Joelma quer se esconder atrás de uma seita e colocar o chimba como o vilão.,.

    Aliás uma pergunta , quanto será que a Joelma cobra para assombrar um casa de quatro cômodos.,.kkkkk

    • Amigo igreja evangélica não tem, não exite- GUIA ESPIRITUAL E MUITO MENOS GURU. A Bíblia condena separação, em caso de adultério sempre o conselho é o perdão. Procure conhecer melhor a lei da igreja antes de publicar uma asneira dessa.

  3. Acho que Joelma está fazendo um dramalhão de sua vida, ela poderia ter resolvido tudo isso, discretamente. Se foi em outubro do ano passado que ela descobriu a traição e perdoou o seu marido, com certeza, tem dedo de guru, pastor ou afins, nessa história! Agora, pergunto, quem está ganhando com tudo isso? Ela? Com certeza, não! Pois ele já arrumou uma substituta para ela!

  4. Só para contrariar.

    Cadê a evangélica noticiada como a razão dessas pendengas entre o casal.

    Engraçado, veio ele ao fantástico não disse isso, muito menos uma cantora que fez uma apresentação no domingo na record, programa de rodrigo faro.

    Cadê os acusadores?

  5. Que pais medíocre e imbecilizado que é o brasil, quantos problemas enormes para serem resolvidos, problemas que estão a décadas e a seculos para serem resolvidos e discutindo essa idiotice.

  6. Desde quando crente tem guia espiritual ou guru? Ele tem um pé no terreiro e se diz EVANGÉLICA. Ele ja assumiu, já pediu perdão, se ela fosse mesmo crente ou evangélica como diz perdoaria. Perdoar não significa viver junto novamente, mesmo porque adultério da direito a divorcio. Ela esta prestando um papel ridiculo como sempre fez.

DEIXE UMA RESPOSTA